Universidade Federal do Espírito Santo - ES

EDITAL Nº 14, DE 3 DE OUTUBRO DE 2005

O Magnífico Reitor da Universidade Federal do Espírito Santo, considerando o disposto no art. 37, inciso II da Constituição Federal, arts. 11 e 12 da Lei n° 8.112, de 11/12/90 e tendo em vista a Portaria 121/05, do Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, publicada no DOU de 08/06/2005, e a Portaria 2.557/05, do Ministério da Educação, publicada no DOU de 19/07/2005, bem como a Portaria 450/2002-Ministério do Planejamento, Orçamento e Gestão, publicada no DOU de 7/11/2002, e o que consta do processo n° 8414/0568, torna público que estarão abertas as inscrições do Concurso Público para provimento dos cargos do Quadro de Pessoal Técnico Administrativo desta Universidade, em regime de 20 (vinte), 24 (vinte e quatro), 30(trinta) e 40 (quarenta) horas semanais, conforme quadro abaixo:

1.DOS CARGOS/ESPECIALIDADES, NÚMERO DE VAGAS, REGIME DE TRABALHO, E REQUISITOS EXIGIDOS PARA PROVIMENTO

Dos cargos de Nível de Classificação E:

Cargo: ARQUIVISTA - regime 40 (quarenta) horas semanais -02(duas) vagas

Requisitos: Curso Superior em Arquivologia - Registro no conselho competente

Cargo: ASSISTENTE SOCIAL - regime 40 (quarenta) horas semanais - 02(duas) vagas

Requisitos: Curso Superior em Serviço Social - Registro no conselho competente

Cargo: BIÓLOGO - regime 40 (quarenta) horas semanais - 01 (uma) vaga

Requisitos: Curso Superior em Ciências Biológicas - Registro no conselho competente

Cargo: ENFERMEIRO - regime 40 (quarenta) horas semanais -10(dez) vagas

Requisitos: Curso Superior em Enfermagem - Registro no conselho competente

Cargo: FARMACÊUTICO/ BIOQUÍMICO - regime 40 (quarenta) horas semanais - 02(duas) vagas

Requisitos: Curso Superior em Farmácia e Bioquímica - Registro no conselho competente

Cargo: MÉDICO/ANESTESISTA regime 20 (vinte) horas semanais - 04(quatro) vagas

Requisitos: Curso Superior em Medicina - Registro no conselho competente

Cargo: NUTRICIONISTA - regime 40 (quarenta) horas semanais - 02(duas) vagas

Requisitos: Curso Superior em Nutrição - Registro no conselho competente

Cargo: ODONTÓLOGO - regime 40 (quarenta) horas semanais -1(uma) vaga

Requisitos: Curso Superior em Odontologia - Registro no conselho competente

Dos cargos de Nível de Classificação D:

Cargo: INSTRUMENTADOR CIRÚRGICO - regime 40 (quarenta) horas semanais - 02(duas) vagas

Requisitos: Ensino Médio completo, experiência de 06 (seis) meses - Registro no conselho competente

Cargo: TÉCNICO EM ANATOMIA E NECRÓPSIA - regime 40 (quarenta) horas semanais - 01(uma) vaga

Requisitos: Ensino Médio profissionalizante ou Médio completo mais experiência de 12 (doze) meses - Registro no conselho competente

Cargo: TÉCNICO EM ENFERMAGEM regime 40 (quarenta) horas semanais - 02(duas) vagas

Requisitos: Ensino Médio profissionalizante em Técnico de Enfermagem ou Médio completo mais curso Técnico de Enfermagem - Registro no conselho competente

Cargo: TÉCNICO EM RADIOLOGIA - regime de 24 (vinte e quatro) horas semanais - 02(duas) vagas

Requisitos: Ensino Médio profissionalizante em Técnico em Radiologia ou Médio completo mais curso Técnico em Radiologia Registro no conselho competente

Do cargo de Nível de Classificação C:

Cargo: AUXILIAR DE ENFERMAGEM - regime de 40 (quarenta) horas semanais - 07(sete) vagas

Requisitos: Ensino Médio completo mais profissionalizante em Auxiliar de Enfermagem - Registro no conselho competente

A distribuição das vagas ocorrerá de acordo com a legislação pertinente, reservando-se à Direção da Universidade Federal do Espírito Santo distribuí-las conforme as necessidades da Instituição.

Remuneração dos cargos:

R$ 1.327,72 - Arquivista, Assistente Social, Biólogo, Enfermeiro, Farmacêutico/Bioquímico, Médico/Anestesista, Nutricionista, Odontólogo,

R$ 1.153,53 - Instrumentador Cirúrgico, Técnico em Anatomia e Necropsia, Técnico em Enfermagem, Técnico em Radiologia

R$ 1.003,27 - Auxiliar de Enfermagem

1.6 - A jornada de trabalho poderá ocorrer durante o turno diurno ou noturno, de acordo com as especificidades do cargo e as necessidades da Instituição.

2.DOS REQUISITOS PARA PARTICIPAÇÃO NO CONCURSO

2.1 Ter nacionalidade brasileira ou ser naturalizado, ter completado 18 (dezoito) anos e não ter ainda completado 70 (setenta) anos de idade até o último dia da inscrição; estar em dia com as obrigações militares e eleitorais;

2.2 Diante do fato de as provas de todos os cargos serem realizadas no mesmo dia e horários, recomenda-se a inscrição para apenas um dos cargos.

3. DAS INSCRIÇÕES NO CONCURSO PÚBLICO

3.1 - DA INSCRIÇÃO VIA INTERNET

3.1.1 As inscrições deverão ser feitas exclusivamente via Internet, no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso, no período entre 10 horas do dia 06 de outubro de 2005 e 20 horas do dia 28 de outubro de 2005, observado o horário oficial de Brasília/DF.

3.1.2 Para aqueles não possuidores, ou que tenham dificuldade de acesso a micro computadores, a UFES disponibilizará, na Divisão de Controle de Pessoal do HUCAM - Hospital Universitário Cassiano Antônio de Moraes sito à Av. Marechal Campos, nº 1.355, Bairro Santos Dumont - Vitória - ES, infra-estrutura de equipamento onde a inscrição poderá ser efetuada, nos dias úteis do período definido para as inscrições e no horário comercial Esse mesmo local poderá ser utilizado para a retirada dos respectivos comprovantes de inscrição no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso.

3.1.3 A UFES não se responsabiliza por solicitação de inscrição via Internet não recebida por motivos de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores de ordem técnica que impossibilitem a transferência de dados.

3.1.4 O candidato deverá efetuar o pagamento da taxa de inscrição até o dia 28 de outubro de 2005 por meio de boleto bancário, pagável em qualquer agência do Banco do Brasil.

3.1.5 O boleto bancário estará disponível no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso e deverá ser impresso para o pagamento da taxa de inscrição após a conclusão do preenchimento da ficha de solicitação de inscrição on-line.

3.1.6 As solicitações de inscrição via Internet cujos pagamentos forem efetuados após a data estabelecida no subitem 3.1.4 não serão acatadas.

3.1.7 No caso de o pagamento da taxa de inscrição ser efetuado com cheque bancário que, porventura, venha a ser devolvido, por qualquer motivo, a UFES reserva-se o direito de cancelar a inscrição do candidato.

3.1.8 As inscrições efetuadas via Internet somente serão acatadas após pagamento da taxa de inscrição.

3.1.9 O comprovante de inscrição do candidato estará disponível no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso, após o acatamento da inscrição, sendo de responsabilidade exclusiva do candidato a obtenção desse documento.

3.1.10 O candidato não deverá enviar cópia de documento de identidade, sendo de sua exclusiva responsabilidade a informação dos dados cadastrais no ato de inscrição, sob as penas da lei.

3.1.11 Informações complementares acerca da inscrição via Internet estarão disponíveis no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso.

3.2 DA TAXA DE INSCRIÇÃO:

R$ 33,00 - Arquivista, Assistente Social, Biólogo, Enfermeiro, Farmacêutico/Bioqímico, Médico Anestesista, Nutricionista, Odontólogo,

R$ 29,00 - Instrumentador Cirúrgico, Técnico em Anatomia e Necropsia, Técnico em Enfermagem, Técnico em Radiologia

R$ 24,00 - Auxiliar de Enfermagem

3.3 DAS DISPOSIÇÕES GERAIS SOBRE A INSCRIÇÃO NO CONCURSO PÚBLICO

3.3.1 É vedada a inscrição condicional, a extemporânea, a via postal, a via fax ou a via correio eletrônico.

3.3.2 Antes de efetuar a inscrição, o candidato deverá conhecer o edital e certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos.

3.3.3 Para efetuar a inscrição, é imprescindível que o candidato esteja com o número de Cadastro de Pessoa Física (CPF) regularizado.

3.3.3.1 O candidato que não possuir CPF deverá solicitá-lo nos postos credenciados, localizados em qualquer agência do Banco do Brasil S.A., da Caixa Econômica Federal e dos Correios, ou na Receita Federal, em tempo hábil, isto é, de forma que consiga obter o respectivo número antes do término do período de inscrição.

3.3.3.2 Terá a sua inscrição cancelada e será automaticamente eliminado do concurso o candidato que usar o CPF de terceiro para realizar a sua inscrição.

3.3.4 As informações prestadas na solicitação de inscrição via Internet serão de inteira responsabilidade do candidato, dispondo a UFES do direito de excluir do concurso público aquele que não preencher o formulário de forma completa e correta.

3.3.4.1 O candidato deverá obrigatoriamente preencher de forma completa os campos referentes ao nome e ao endereço, (inclusive o CEP), CPF, identidade e o cargo pretendido.

3.3.5 Não haverá isenção total ou parcial do valor da taxa de inscrição.

3.3.6 O valor referente ao pagamento da taxa de inscrição não será devolvido em hipótese alguma, salvo em caso de cancelamento do certame por conveniência da Administração.

3.3.7 O comprovante de inscrição deverá ser mantido em poder do candidato e apresentado nos locais de realização da prova.

3.3.8 O candidato que necessitar de qualquer tipo de condição especial para a realização da prova deverá solicitá-la, em campo próprio, no ato de inscrição via Internet, indicando claramente quais os recursos especiais necessários (materiais, equipamentos, andar térreo, etc.). As solicitações efetuadas após esse período serão indeferidas, salvo nos casos de força maior ou de interesse da Administração Pública.

3.3.9 A candidata que tiver necessidade de amamentar durante a realização da prova deverá levar acompanhante, que ficará em sala reservada para essa finalidade e que será responsável pela guarda da criança. A candidata que não levar acompanhante não realizará a prova.

3.3.9.1 A solicitação de condições especiais será atendida segundo os critérios de viabilidade e de razoabilidade.

3.3.10 O candidato deverá preencher o formulário de inscrição, declarando que atende todos os requisitos constantes dos atos ciplinares do concurso, bem como os exigidos para a investidura no cargo escolhido.

3.3.11 Não serão aceitas as solicitações de inscrição que não atenderem rigorosamente ao estabelecido neste Edital.

3.3.12 O candidato que não conseguir acessar o cartão de confirmação da inscrição via Internet, deverá obtê-lo junto à Comissão Especial Coordenadora do Concurso Público, nos dias úteis do período definido para as inscrições e no horário comercial no prédio da Reitoria, situado à Avenida Fernando Ferrari, nº 514 Campus Universitário Alaor de Queiroz Araujo, Goiabeiras, Vitória-ES - CEP: 29.075.910.

3.3.13 A inscrição no Concurso Público implicará no conhecimento e na tácita aceitação das condições estabelecidas neste Edital.

4 . DA PROVA

4. 1. DA ELABORAÇÃO, APLICAÇÃO E AVALIAÇÃO DA PROVA

4.1.1 O programa e bibliografia das Provas do Concurso encontrar-se-á disponível no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso, a partir da data de inicio das inscrições.

4.1.2 O Concurso Público constará de uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório.

4.1.3 A prova objetiva será aplicada na data provável de 06 de novembro de 2005, no Campus Universitário Alaor de Queiroz Araujo, na UFES.

4.1.3.1 - Os locais e horário da prova objetiva serão publicados na imprensa local, e disponibilizados no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso;

4.1.3.2 - O horário a ser seguido é o do Serviço Hora Certa Brasil Telecom - Fone 130.

4.1.4 A Prova Objetiva constará de 50 questões, abrangendo as seguintes áreas de conhecimento:

Cargos de Níveis de Classificação C e D - Cargos de Nível de Classificação E

Área de Conhecimento - Número de questões - Área de Conhecimento - Número de questões

Língua Portuguesa - 15 - Língua Portuguesa - 10

Matemática -10 - Matemática - 10

Conhecimentos de Informática -5 - Conhecimentos de Informática - 5

Conhecimentos Específicos - 20 - Conhecimentos Específicos -25

Total - 50 - Total - 50

4.1.5 Cada questão da prova objetiva valerá 2,00 (dois) pontos.

4.1.6 A Prova Objetiva será aplicada em um período de duração de 04 (quatro) horas;

4.1.7 Durante a realização da Prova não será permitida a comunicação entre os candidatos, a consulta a livros, revistas ou similares e a utilização de máquina calculadora ou aparelhos eletrônicos. Qualquer infração ao estabelecido eliminará o candidato do Concurso Público.

4.1.8 O candidato deverá comparecer ao local de realização da prova, com antecedência de 01 (uma) hora, munido do Comprovante de Inscrição e do Documento de Identidade (original), caneta esferográfica de tinta azul escura ou preta. Em nenhuma hipótese, sob nenhum pretexto, será permitido o acesso do candidato ao local da prova após o horário determinado para o início da realização da prova.

4.1.9 Serão considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pelos Comandos Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública, pelos Institutos de Identificação e pelos Corpos de Bombeiros Militares; carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (ordens, conselhos etc.); carteira nacional de habilitação (somente o modelo aprovado pelo artigo 159 da Lei n.º 9.503, de 23 de setembro de 1997).

4.1.10 Não serão aceitos como documentos de identidade: certidões de nascimento, CPF, títulos eleitorais, carteiras de motorista modelo antigo, carteiras de estudante, carteiras funcionais sem valor de identidade nem documentos ilegíveis, não-identificáveis e/ou danificados.

4.1.11 Não será aceita cópia de documento de identidade, ainda que autenticada, nem protocolo de documento.

4.1.12 Por ocasião da realização da prova, o candidato que não apresentar documento de identidade original, na forma definida no subitem 4.1.9 deste edital, não poderá fazer a prova e será automaticamente eliminado do concurso público.

4.1.13 Ao término da prova, o candidato obrigatoriamente entregará ao fiscal da sala o seu CARTÃO-RESPOSTA devidamente preenchido com caneta esferográfica de tinta azul escura ou preta e assinado.

4.2 DAS QUESTÕES DA PROVA

4.2.1 A prova constará de 50 (cinqüenta) questões objetivas, com cinco alternativas cada uma, das quais apenas uma será a correta.

4.2.2 O candidato deverá, obrigatoriamente, marcar, para cada questão, um, e somente um, dos cinco campos do cartãoresposta, sob pena de arcar com os prejuízos decorrentes de marcações indevidas.

4.2.3 O candidato deverá transcrever as respostas da prova objetiva para o cartão-resposta, que será o único documento válido para a correção da prova. O preenchimento do cartão-resposta será de inteira responsabilidade do candidato, que deverá proceder em conformidade com as instruções específicas contidas neste edital e no cartão-resposta. Em hipótese alguma haverá substituição do cartãoresposta por erro do candidato.

4.2.4 Serão de inteira responsabilidade do candidato os prejuízos advindos do preenchimento indevido do cartão-resposta. Serão consideradas marcações indevidas as que estiverem em desacordo com este edital e/ou com o cartão-resposta, tais como: marcação de dois ou mais campos referentes a uma mesma questão; ausência de marcação nos campos referentes a uma mesma questão; marcação rasurada ou emendada e/ou campo de marcação não-preenchido integralmente.

5 DOS CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E DE CLASSIFICAÇÃO NA PROVA OBJETIVA

5.1 Todos os candidatos terão sua prova objetiva corrigida por meio de processamento eletrônico.

5.2 A nota em cada questão da prova objetiva, feita com base nas marcações do cartão de respostas, será igual a: 2,00 (dois) pontos, caso a resposta do candidato esteja em concordância com o gabarito oficial definitivo da prova e 0,00 (zero) ponto, caso a resposta do candidato esteja em discordância com o gabarito oficial definitivo da prova.

5.3 O cálculo da nota final na prova objetiva (NFPO), comum à prova de todos os candidatos, será igual à soma algébrica das notas obtidas em todas as questões que a compõem.

5.4 Será eliminado do concurso público o candidato que obtiver:

5.4.1 - nota inferior a 20% do total máximo de pontos possíveis de cada uma das provas, de Língua Portuguesa, de Matemática e de Conhecimentos de Informática, ou

5.4.2 - nota inferior a 50% do total máximo dos pontos possíveis da prova de Conhecimentos Específicos.

5.4.3 O candidato eliminado na forma do subitem 5.4 deste edital não terá classificação alguma no concurso público.

5.4.4 Os candidatos não-incluídos no subitem anterior serão ordenados de acordo com os valores decrescentes das notas finais na prova objetiva (NFPO).

6. DA DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS E DA VALIDADE DO CONCURSO

6.1 O resultado da prova objetiva, será divulgado no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso e afixado nos quadros de sos do Departamento de Recursos Humanos/UFES, na data provável de 28 de novembro de 2005.

6.2. A relação de classificação final dos candidatos aprovados será elaborada por ordem decrescente do total de pontos obtidos. Havendo empate na classificação final, serão utilizados, obedecida a ordem abaixo, os seguintes critérios de desempate:

6.2.1 maior idade;

6.2.2 maior pontuação nas questões relativas a Conhecimentos Específicos;

6.2.3 maior pontuação nas questões relativas a Língua Portuguesa.

6.3. O resultado final do Concurso Público será homologado por meio de edital, publicado no Diário Oficial da União. O Edital de Homologação conterá o nome dos candidatos classificados, por ordem de classificação, em até duas vezes o número de vagas previsto neste edital.

6.4. A aprovação e a classificação geram para o candidato apenas a expectativa de direito à nomeação. A UFES reserva-se o direito de proceder às nomeações, segundo a rigorosa ordem de classificação, em número que

atenda às necessidades do serviço, de acordo com a disponibilidade orçamentária e Lei de Responsabilidade Fiscal.

6.5. Este Concurso Público tem validade pelo prazo de 01 (ano), a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período.

7.DOS RECURSOS DA PROVA

7.1. Não será concedida VISTA ou REVISÃO da Prova objetiva, entretanto, após a divulgação do gabarito oficial provisório, o candidato no prazo de dois dias úteis, poderá interpor recurso quando julgar que ocorreu erro na formulação das questões ou nas respostas do gabarito oficial provisório, mediante requerimento em formulário específico que estará disponível na Internet, devendo ser protocolado no Serviço de Protocolo Geral (SERPROG) da UFES, no prédio da Reitoria, no Campus Universitário Alaor de Queiroz Araujo, nos dias úteis e no horário comercial, devidamente fundamentado, indicando com precisão, os pontos do inconformismo

7.2. Não serão aceitos pedidos de recursos via postal, via FAX ou via correio eletrônico.

7.3 O requerimento será endereçado à Presidente da Comissão Especial Coordenadora do Concurso Público

7.4. As petições que não estiverem devidamente fundamentadas serão imediatamente indeferidas. Da decisão da Banca de Elaboração de cada prova não caberá recurso.

7.5. Resultando o recurso em anulação de questão(ões), os pontos correspondentes serão atribuídos a todos os candidatos, independentemente de haverem ingressado com recurso.

7.6. não haverá qualquer outro recurso ou pedido de reconsideração das decisões adotadas, em caráter geral, pelas Bancas Examinadoras, Comissão Especial Coordenadora do Concurso Público ou pela Reitoria da Universidade Federal do Espirito Santo.

7.7. As respostas aos recursos apresentados pelos candidatos, estarão disponíveis 07 (sete) dias após o término do prazo de recurso para conhecimento, junto à Comissão Especial Coordenadora do Concurso Público, em 7 (sete) dias úteis, no horário comercial, no prédio da Reitoria, situado à Avenida Fernando Ferrari, nº 514 Campus Universitário Alaor de Queiroz Araújo.

8. DOS REQUISITOS BÁSICOS PARA A INVESTIDURA NOS CARGOS

8.1 Ter sido aprovado neste concurso público.

8.2 Não acumular cargos, empregos e funções públicas, exceto aqueles permitidos no art. 37, inciso XVI, da Constituição Federal, com nova redação dada pela Emenda Constitucional nº 34/2001, assegurada a hipótese de opção nos termos da lei, dentro do prazo para a posse, determinado no § 1º do art. 13 da Lei 8.112/90.

8.3 Possuir a escolaridade exigida para o cargo e registro no Conselho competente, quando for o caso, bem como estar inteiramente quite com as demais exigências legais do órgão fiscalizador e demais exigências de habilitação para o exercício do cargo, conforme consta nos itens 1.1, 1.2 e 1.3 deste Edital.

8.4 Possuir aptidão física e mental, comprovadas em inspeções médicas realizadas pela UFES, bem como a apresentação de toda a documentação que comprove que cumpriu os requisitos previstos no presente edital e esteja em dia com o órgão de fiscalização da profissão, quando for o caso.

8.5 Apresentar: Carteira de Identidade, CPF, Título de Eleitor, Certidão de Quitação Eleitoral, PIS ou PASEP (se já cadastrado), Grupo Sangüíneo e fator RH, Declaração de Bens e Valores e Certidão de Nascimento ou Casamento, Certidão Negativa de Débitos e Tributos e Contribuições Federais.

8.5.1 Outros documentos poderão ser requisitados, por ocasião de investidura no cargo.

8.6 Estar quite com os cofres públicos.

8.7 Não poderá retornar ao Serviço Público Federal o servidor que for demitido ou o servidor que foi destituído do cargo em comissão, nas seguintes hipóteses:

a) crime contra a administração pública

b) improbidade administrativa

c) aplicação irregular de dinheiro público

d) lesão aos cofres públicos e dilapidação do patrimônio nacional

e) corrupção

8.8 O candidato aprovado será convocado para a posse, que deverá ocorrer no prazo improrrogável de 30 (trinta) dias, contados da data de publicação do ato de sua nomeação. O não pronunciamento do convocado no prazo estipulado obrigará a UFES a tornar sem efeito a portaria de nomeação, convocando o próximo candidato classificado.

8.9 O candidato nomeado para o cargo de provimento efetivo ficará sujeito, nos termos do artigo 41, "caput" da Constituição Federal, com nova redação dada pela Emenda Constitucional nº 19/98, a estágio probatório, durante o qual sua aptidão, capacidade e desempenho no cargo serão avaliados.

8.10 Outras exigências estabelecidas em lei poderão ser solicitadas para o desempenho das atribuições do cargo.

9.DAS DISPOSIÇÕES GERAIS:

9.1 Será excluído do Concurso, por ato da CECCP, o candidato que:

a) Fizer, em qualquer documento, declaração falsa ou inexata;

b) Se tornar culpado de incorreção ou de descortesia para com qualquer dos examinadores, executores, seus auxiliares ou autoridades presentes durante a prova;

c) Não mantiver atualizado seu endereço junto à Divisão de Desenvolvimento de Recursos Humanos do DRH da UFES, no Campus Universitário Alaor de Queiroz Araujo. Para possível alteração do endereço constante da Ficha de Inscrição, os candidatos deverão dirigir-se, através de requerimento, à Direção do DRH.

9.2 Não será fornecido ao candidato qualquer documento comprobatório de classificação no Concurso Público, valendo, para esse fim, o resultado divulgado no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso

9.3 Os casos omissos serão resolvidos pela CECCP.

10. DAS ATRIBUIÇÕES DO CARGO:

As atribuições e responsabilidades inerentes a cada cargo, necessárias para a realização do presente concurso estarão disponibilizadas a partir do início das inscrições no endereço eletrônico www.ufes.br/concurso

RUBENS SERGIO RASSELI,

65284

Política de Privacidade 2000-2014 PCI Concursos Telefone (11) 2122-4231