Prefeitura de Goiânia - GO

PREFEITURA DE GOIÂNIA

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANO

CONCURSO PÚBLICO

EDITAL N° 001, DE 17 DE ABRIL DE 2007

REGULAMENTA O CONCURSO PÚBLICO PARA PROVIMENTO DE VAGAS DO QUADRO DE PESSOAL DA COMPANHIA DE PROCESSAMENTO DE DADOS DO MUNICÍPIO DE GOIÂNIA - COMDATA, E DA COMPANHIA DE OBRAS E HABITAÇÃO DO MUNICÍPIO DE GOIÂNIA - COMOB.

O SECRETÁRIO DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS DA PREFEITURA DE GOIÂNIA, no uso das atribuições que lhe são conferidas pelos artigos 1° e 13, da Lei n.° 7.747, de 13 de novembro de 1.997, e amparado pelo Decreto n.° 3.915, de 28 de dezembro de 2001 e ainda pelo que preconiza o artigo 37, incisos I e II, da Constituição Federal, torna público a abertura das inscrições ao Concurso Público, destinado a selecionar candidatos para o provimento de 415 (quatrocentas e quinze) vagas, sendo 50 (cinqüenta) vagas existentes no Quadro de Pessoal da Companhia de Processamento de Dados do Município de Goiânia - COM DATA e 365 (trezentas e sessenta e cinco) vagas existentes no Quadro de Pessoal da Companhia de Obras e Habitação do Município de Goiânia - COMOB, regido pela legislação pertinente e pelas demais disposições regulamentares contidas no presente Edital e seus Anexos.

1 - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1.1 O Concurso Público será realizado pela Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos, doravante denominada SMARH, obedecidas as normas e condições deste Edital, ficando sob a responsabilidade da Universidade Federal de Goiás - UFG, por meio do Centro de Seleção, a elaboração, impressão, gabarito, aplicação, segurança, fiscalização e correção das provas, resposta aos recursos, bem como, a emissão de resultados.

1.2 Os cargos disponíveis, a distribuição das vagas (regulares ou portadores de deficiência), os requisitos, a descrição sumária dos cargos, a carga horária, os vencimentos e demais disposições específicas encontram-se descritos nos Anexos: I - COMDATA e II - COMOB.

1.2.1 Os conteúdos programáticos encontram-se descritos no Anexo VI e estarão disponíveis nos endereços eletrônicos www.cia.concurso.goiania.go.gov.br e www.cs.ufg.br.

1.3 Os valores das Taxas de Inscrição, para cada cargo de acordo com a escolaridade exigida, são os abaixo determinados:

a) Ensino Superior - R$ 80,00 (oitenta reais);

b) Ensino Médio - R$ 60,00 (sessenta reais);

c) Ensino Fundamental - R$ 40,00 (quarenta reais);

d) Alfabetizado - R$ 20,00 (vinte reais).

1.4 Todos os horários referenciados neste Edital têm por base o horário oficial de Brasília.

2- DA DIVULGAÇÃO

2.1 Os avisos relativos ao Concurso serão divulgados, a critério da SMARH, via internet, no endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br, pelo telefone 08006460156 ou através de um jornal de grande circulação local. Também estarão disponíveis na Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos - SMARH, Rua 16, esquina c/ Rua 12, n.° 97, Edifício Capemi, Setor Central; na Companhia de Processamento de Dados do Município de Goiânia - COMDATA, Av. A, n° 490, Setor Oeste e na Companhia de Obras e Habitação do Município de Goiânia - COMOB, Av. Atílio Correia Lima, n° 764, Cidade Jardim -Goiânia - GO.

2.1.1 Além do endereço eletrônico citado no item anterior, o Edital e seus Anexos, inclusive os Conteúdos Programáticos, estarão disponíveis no site www.cs.ufg.br.

3- DAS VAGAS DESTINADAS AOS PORTADORES DE DEFICIÊNCIA

3.1 Fica assegurado 5% (cinco por cento) das vagas para os candidatos portadores de deficiência, cujas atribuições sejam compatíveis com a deficiência de que são portadores.

3.1.1 O candidato portador de deficiência, aprovado em todas as etapas do Concurso, não poderá utilizar-se desta para justificar mudança de função, readaptação ou aposentadoria, após sua contratação.

3.1.2 O candidato portador de deficiência poderá inscrever-se em qualquer um dos cargos oferecidos no presente Edital, assinalando no seu Formulário de Inscrição a deficiência de que é portador. Nos cargos onde não existe a reserva de vagas, o aproveitamento desses candidatos far-se-á de acordo com futuras convocações, considerando-se o percentual mencionado no item 3.1, mediante disponibilidade orçamentária e necessidade de preenchimento de vagas do Quadro de Pessoal da Companhia para a qual o candidato se inscreveu, obedecendo-se rigorosamente a classificação final dos candidatos.

3.1.3 Na inexistência de candidatos portadores de deficiência ou no caso de reprovação destes, estas vagas serão preenchidas pelos demais aprovados, com estrita observância da ordem classificatória.

3.2 O candidato portador de deficiência que necessitar de condições especiais para fazer a Prova Objetiva, excluindo-se o atendimento domiciliar, deverá preencher o Requerimento de Condições Especiais para Realização da Prova Objetiva - Anexo III.

3.2.1 Essas condições serão concedidas de acordo com a deficiência, mediante análise prévia do grau de necessidade.

3.2.2 A omissão desta solicitação, implicará na participação em igualdade de condições com os demais candidatos.

3.3 Efetivada a inscrição, o candidato portador de deficiência deverá entregar pessoalmente (exceto aos sábados, domingos e feriados) ou encaminhar, as suas expensas, via SEDEX o Requerimento de Condições Especiais para a Realização da Prova Objetiva - Anexo III acompanhado do Laudo Médico constante do Anexo IV, até as 17 horas do dia 8 de maio de 2007, para a Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos - SMARH, rua 16 esquina com rua 12, n° 97, Edifício Capemi, 1° andar, Setor Central, Goiânia - GO, CEP.:74015-020. Estes não serão devolvidos e nem serão fornecidas cópias.

3.3.1 O Laudo Médico deverá ser emitido em formulário próprio, constante do Anexo IV, obedecendo às seguintes exigências:

a) constar o nome e o número do Documento de Identificação do candidato especificado no item 5.3 e o nome e número de registro no Conselho Regional de Medicina - CRM do médico responsável pela emissão do laudo;

b) descrever a espécie e o grau da deficiência, bem como, a provável causa da mesma, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doença (CID 10);

c) apresentar os graus de autonomia;

d) constar, quando for o caso, a necessidade de uso de hortenses, próteses ou adaptações;

e) no caso de deficiente auditivo, o Laudo deverá vir acompanhado de audiometria recente realizada até 06 (seis) meses anteriores ao último dia das inscrições;

f) no caso de deficiente visual, o Laudo deverá vir acompanhado de exame de acuidade visual em AO (ambos os olhos), patologia e campo visual, realizado até 06 (seis) meses anteriores ao último dia das inscrições.

3.3.1.1 Caso o candidato não atenda as exigências estabelecidas no subitem anterior, não poderá concorrer a estas vagas.

3.4 O Laudo Médico especificado no item 3.3 será periciado após as inscrições, pela Junta Médica do Município de Goiânia, que classificará o candidato na condição de portador de deficiência ou não, considerando as categorias descritas nos artigos 3° e 4°, do Decreto n.° 3.298, de 20/12/1999, com as alterações do Decreto n.° 5.296, de 02/12/2004, que regulamentam a Lei n.° 7.853, de 24/10/1989, que dispõe sobre a Política Nacional para Integração da Pessoa Portadora de Deficiência.

3.4.1 O candidato cuja deficiência não for configurada concorrerá automaticamente às demais vagas existentes.

3.5 O candidato portador de deficiência, resguardadas as condições especiais previstas no Decreto n.° 3.298 de 20/12/1999, participará do Concurso em igualdade de condições com os demais, no que se refere a conteúdo, avaliação, critérios de aprovação, nota mínima exigida, local, horário e data de realização das provas.

4- DOS PROCEDIMENTOS PARA INSCRIÇÃO

4.1 Antes de efetuar a inscrição, o candidato deverá ler o Edital e certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos.

4.1.1 Ao efetuar a inscrição, o candidato deverá registrar no formulário, o cargo para o qual pretende concorrer conforme os Anexos: I - COMDATA e II - COMOB assumindo as conseqüências de eventuais erros advindos dessa opção.

4.1.2 Uma vez efetivada a inscrição, não será permitida qualquer alteração.

4.1.3 As inscrições que não atenderem ao estabelecido neste Edital serão canceladas.

4.1.4 E vedada a transferência do valor pago a título de taxa para terceiros, assim como a transferência da inscrição para outrem.

4.1.5 As informações prestadas no Formulário de Requerimento de Inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, dispondo a SMARH do direito de excluir do Concurso, mesmo que tenha sido aprovado em todas as provas, independente de qualquer aviso ou diligência, aquele que fornecer dados comprovadamente inverídicos.

4.2 A inscrição para o Concurso Público deverá ser realizada no período de 23 de abril a 06 de maio de 2007, via internet, através do endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br.

4.2.1 Somente os candidatos a cargos de Ensino Fundamental - 43 série e Alfabetizado, que não dispõem de condições necessárias para acessar a internet, poderão fazer sua inscrição no período de 23 de abril a 04 de maio de 2007,exceto aos sábados, domingos e feriados, das 8 às 17 horas, nas Agências de Atendimento da Secretaria Municipal de Finanças, nos seguintes endereços:

AGÊNCIA

ENDEREÇO

Campinas

Rua José Hermano n° 66

Centro

Palácio das Campinas - Praça Cívica

Cidade Jardim

Av. Atílio Correia Lima n°. 1210

Setor Pedro Ludovico

Av. Laudelino Gomes, Quadra 210, Lotes 23/24

Vila Nova

Av. Independência c/ 6ª Avenida

4.3 Para efetuar sua inscrição, o candidato deverá proceder da seguinte forma:

a) acessar a Internet, através do endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br, a partir de 8 horas do dia 23 de abril até às 22 horas do dia 06 de maio de 2007 e preencher todos os campos do Formulário de Requerimento de Inscrição conforme as orientações e procedimentos contidos naquela página;

b) imprimir o boleto de pagamento que será disponibilizado após o envio do Requerimento de Inscrição, via Internet;

c) efetuar o pagamento da taxa de inscrição, conforme especificado no item 1.3 deste Edital, unicamente por meio do boleto bancário, pagável em qualquer agência bancária.

4.4 A solicitação de inscrição cujo pagamento não for efetuado até o dia 07 de maio de 2007 será cancelada.

4.5 Após as 22 horas do dia 06 de maio de 2007, não será possível acessar o Formulário de Requerimento de Inscrição.

4.6 A inscrição só será aceita após confirmação do pagamento do valor da taxa pela rede bancária.

4.7 Será de inteira responsabilidade do candidato a impressão e guarda do seu comprovante de inscrição (boleto pago).

4.8 A SMARH não se responsabiliza por solicitação de inscrição não recebida por motivo de: ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento de linhas de comunicação, bem como, outros fatores que impossibilitem a transferência de dados.

5- DAS DISPOSIÇÕES GERAIS DAS INSCRIÇÕES

5.1 Quando da realização da inscrição o candidato assume, sob as penas da Lei, conhecer as instruções específicas do Concurso e possuir os demais documentos com probatórios para satisfação das condições exigidas à época da sua apresentação, se classificado e convocado.

5.1.1 Antes de efetuar sua inscrição, o candidato deverá observar se preenche os requisitos exigidos para exercer o cargo, constantes dos Anexos: I - COMDATA e II - COMOB deste Edital.

5.2 Não será aceita inscrição condicional, extemporânea, via postal, via fax ou via correio eletrônico. Verificado, a qualquer tempo, o recebimento de inscrição que não atenda a todos os requisitos fixados neste Edital, a mesma será cancelada.

5.3 Serão considerados Documentos de Identificação neste Concurso, para inscrição e acesso aos locais de prova, os documentos originais oficiais válidos em todo o território nacional, expedidos pelos seguintes órgãos: Secretarias de Segurança Pública e Justiça, Institutos de Identificação, Forças Armadas, Policia Militar ou por Ordens ou Conselhos Profissionais regulamentados na forma da Lei e que permitam a comparação da impressão digital.

5.3.1 Não serão aceitos, como Documentos de Identificação, por serem documentos destinados a outros fins ou por não permitirem a comparação da impressão digital, a Carteira Nacional de Habilitação com foto expedida conforme Código Nacional de Trânsito, Lei n° 9602, de 21/01/1998; a Carteira Nacional de Habilitação (modelo antigo), a Carteira de Trabalho e Previdência Social, a Certidão de Nascimento, a Certidão de Casamento, o Título Eleitoral, a Carteira de Estudante, o Passaporte, o Certificado de Alistamento ou de Reservista.

5.4 Para efetuar a inscrição é imprescindível informar o número do Cadastro de Pessoa Física - CPF.

5.5 Não haverá isenção total ou parcial do valor da taxa de inscrição.

5.6 Será automaticamente cancelada a inscrição cujo pagamento for efetuado por cheque sem o devido provimento de fundos e não serão aceitos cheques emitidos por terceiros.

5.7 O valor referente ao pagamento da taxa de inscrição somente será devolvido em caso de cancelamento do Concurso Público por conveniência da Administração.

5.8 O candidato somente será considerado inscrito no Concurso Público, após ter cumprido todas as instruções descritas nos itens e subitens dos Capítulos 4 e 5 deste Edital.

5.9 A inscrição no presente Concurso Público implica o pleno conhecimento e a tácita aceitação das condições estabelecidas neste Edital e demais instrumentos reguladores, dos quais o candidato não poderá alegar desconhecimento.

6- DA CONFIRMAÇÃO DA INSCRIÇÃO

6.1 Após a efetivação da inscrição, os dados cadastrais serão disponibilizados a todos os candidatos inscritos para consulta, conferência e acompanhamento, no endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br.

6.2 Caso o nome do candidato não conste no cadastro de inscritos ou haja qualquer inexatidão nas informações contidas nos dados cadastrais, o mesmo deverá comparecer até as 17 horas do dia 10 de maio de 2007, à Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos - SMARH, rua 16, esquina com rua 12 n° 97, Edifício Capemi - 1° andar, Setor Central, levando consigo o comprovante de pagamento e o original do seu Documento de Identificação. Do contrário estará assumindo total responsabilidade pelas conseqüências decorrentes da omissão desta informação.

6.3 E obrigação do candidato imprimir seu Cartão de Confirmação de Inscrição (CCI) e tomar conhecimento da data, horário e local de realização da Prova Objetiva, que será disponibilizado no endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br, 05(cinco) dias anteriores a sua realização.

6.4 A existência de informações quanto à data, horário e local da realização da Prova Objetiva no Cartão de Confirmação de Inscrição, não desobriga o candidato do dever de observar as divulgações relativas ao certame, nos termos do Capítulo 2 deste Edital.

7- DAS DISPOSIÇÕES GERAIS PARA REALIZAÇÃO DAS PROVAS

7.1 Os avisos relativos aos dias, locais e horários de realização das Provas serão divulgados nos termos do Capítulo 2 deste Edital.

7.1.1 A distribuição dos candidatos nos locais de realização das Provas será feita a critério da SMARH e conforme disponibilidade e capacidade dos locais.

7.1.2 A critério da SMARH, as Provas do Concurso poderão ser realizadas em dias úteis, sábado, domingo ou feriado no Município de Goiânia.

7.1.3 As provas para os cargos de Ensino Superior, Ensino Médio, Ensino Fundamental e Alfabetizado, poderão ser realizadas em dias distintos.

7.2 O candidato deverá comparecer ao local determinado para realização da Prova Objetiva com 60 (sessenta) minutos de antecedência do horário estipulado, munido do CCI e do original de um dos Documentos de Identificação citados no item 5.3. Não serão aceitas cópias, ainda que autenticadas.

7.2.1 O documento deverá estar dentro do prazo de validade, quando for o caso, e em perfeitas condições, de forma a permitir, com clareza, a identificação do candidato e sua assinatura.

7.2.2 Não serão aceitos protocolos ou quaisquer outros documentos (como crachás, identidade funcional, etc.) diferentes dos estabelecidos no item 5.3.

7.2.3 Caso o candidato não apresente o Documento de Identificação original por motivo de furto, roubo ou perda, deverá apresentar documento que ateste o registro de ocorrência em órgão policial, emitido com prazo máximo de 30 dias anteriores a data da realização das provas, ocasião em que será submetido à identificação especial compreendendo coleta de dados, de assinatura e de impressão digital em formulário próprio.

7.2.4 Para garantia da lisura do Concurso Público será colhida como forma de identificação, a impressão digital dos candidatos no dia da realização das Provas.

7.3 Não haverá sob pretexto algum segunda chamada para a realização das Provas nem aplicação de Provas fora do horário ou local pré-determinado pela SMARH.

7.4 Os casos de alterações psicológicas e/ou fisiológicas permanentes ou temporárias (gravidez, estados menstruais, indisposições, câimbras, contusões, crises reumáticas, luxações, fraturas, crises de labirintite, e outros), que impossibilitem a realização de cada Prova, diminuam ou limitem a capacidade física dos candidatos, não serão levados em consideração, não sendo concedido qualquer tratamento privilegiado, respeitando-se o princípio da isonomia.

7.5 A candidata que tiver necessidade de amamentar durante a realização das provas deverá informar à SMARH da sua condição e levar um acompanhante, que ficará em sala reservada para essa finalidade e que será responsável pela guarda da criança. A candidata que não levar acompanhante não realizará a prova.

7.6 A solicitação de condições especiais será atendida segundo os critérios de viabilidade e de razoabilidade.

7.7 Não haverá, por qualquer motivo, prorrogação do tempo previsto para a aplicação das Provas, em razão do afastamento do candidato do local de sua realização.

7.8 Por motivo de segurança serão adotados os seguintes procedimentos, conforme a natureza das provas:

a) Não será permitido o ingresso nos locais de prova de candidato que estiver portando qualquer tipo de arma, salvo os casos previstos em lei, aparelho digital e/ou eletrônico tais como: bip, walkman, agenda eletrônica, notebook, palmtop, receptor, gravador, máquina fotográfica, calculadora, pager etc;

b) iniciada a Prova, nenhum candidato poderá retirar-se do ambiente de realização da mesma, antes da liberação autorizada pelo Coordenador Local, em até 02 (duas) horas decorridas do seu início;

c) ao candidato somente será permitido levar seu caderno de questões da prova após 3(três) horas decorridas do seu início e desde que permaneça em sala até esse momento;

d) será terminantemente vedado ao candidato copiar seus assinalamentos feitos na folha de respostas;

e) os três últimos candidatos ao terminarem a prova deverão permanecer juntos no recinto, sendo liberados somente após a entrega do material utilizado pelos mesmos, terem seus nomes registrados na Ata e nela aposicionadas suas respectivas assinaturas;

f) ao terminar a prova, o candidato entregará, obrigatoriamente, ao fiscal de sala, a folha de respostas e o caderno de questões, este último, conforme determina a alínea "c".

7.9 Qualquer observação, por parte do candidato, será lavrada em Ata ficando seu nome e número de inscrição registrados pelos fiscais.

7.10 No dia de realização das Provas, não serão fornecidas, por qualquer membro da equipe de aplicação dessas, informações referentes ao seu conteúdo e/ou aos critérios de avaliação e classificação.

8- DOS RECURSOS

8.1 Será assegurado ao candidato o direito a recurso contra as publicações dos Editais, Avisos, formulação ou o conteúdo das questões das Provas, aplicação das Provas, divulgação do gabarito oficial, bem como contra a divulgação do resultado das Provas.

8.1.1 Somente será admitido um único recurso por candidato, conforme as especificações do item anterior.

8.2 O prazo para interposição de recursos, em qualquer caso, será de 48 (quarenta e oito) horas a partir do primeiro dia útil após a publicação/divulgação do ato.

8.3 O recurso deve ser individual, constando o número do Edital, nome do candidato, o número de inscrição, cargo e sua respectiva assinatura.

8.4 Para apresentação de recurso o candidato deverá:

a) fundamentar e instruir o recurso, devidamente, com material bibliográfico apto ao embasamento, quando for o caso, e com a indicação precisa daquilo em que se julgar prejudicado;

b) digitar ou datilografar o recurso utilizando folhas numeradas separadas para cada questão ou itens diferentes, dirigindo-o à Banca Examinadora do Concurso;

c) não se identificar no corpo do recurso;

d) protocolar o recurso em dias úteis e em horário comercial, na Secretaria Municipal de Administração e Recursos Humanos - SMARH, rua 16, esq. c/ rua 12, n.° 97, Ed. Capemi, 2° andar, Setor Central, Goiânia - GO.

8.5 Será indeferido, liminarmente, o pedido de recurso inconsistente e/ou fora das especificações estabelecidas neste Edital.

8.6 Não serão aceitos recursos via fax, via postal, via internet ou por procuração.

8.7 Após o julgamento, pela Banca Examinadora, dos recursos interpostos, os pontos correspondentes às questões objetivas porventura anuladas serão atribuídos a todos os candidatos, indistintamente, que não os obtiveram na correção inicial.

8.8 Na resposta dos recursos contra o resultado da Prova Objetiva, será concedida vista da folha de respostas através de fotocópia ou mídia digital.

8.9 Não haverá qualquer tipo de recurso ou pedido de reconsideração da decisão proferida pela Banca Examinadora, Comissão de Concurso ou pelo Secretário Municipal de Administração e Recursos Humanos.

8.10 Na análise dos recursos interpostos, o Secretário Municipal de Administração e Recursos Humanos determinará a realização de diligências que entender necessárias e, dando provimento, poderá, se for o caso, alterar a classificação final.

8.11 As alterações nos resultados das Provas que compõem as etapas do Concurso Público serão dadas a conhecer, coletivamente, através de divulgação nos termos do Capítulo 2 deste Edital.

9- DAS PENALIDADES

9.1 Será excluído do Concurso o candidato que não cumprir o disposto neste Edital e que:

a) alegar desconhecimento quanto a data, horário e local de realização das provas do Concurso Público, divulgados nos termos do Capítulo 2 deste Edital;

b) faltar ou chegar atrasado a qualquer Prova;

c) ausentar-se do recinto de qualquer Prova, sem permissão;

d) mantiver conduta incompatível com a condição de candidato ou ser descortês com qualquer um dos examinadores, coordenadores, auxiliares, fiscais das Provas ou autoridades incumbidas de realização do Concurso;

e) utilizar-se, no decorrer da realização das Provas, de qualquer fonte de consulta, ou for surpreendido em comunicação verbal, escrita, eletrônica ou gestual com terceiros;

f) utilizar telefone celular no interior dos locais de prova;

g) não devolver a folha de respostas;

h) deixar de assinar a folha de respostas e a lista de presença;

i) não permitir a coleta da impressão digital como forma de identificação;

j) fizer declaração falsa ou inexata em qualquer documento;

k) deixar de apresentar qualquer um dos documentos que comprovem o atendimento dos requisitos fixados neste Edital;

l) não atender às determinações do presente Edital e de seus atos complementares;

m) não comparecer para a contratação no cargo, nas datas e horários fixados no Ato Convocatório próprio.

9.2 Se, após a Prova Objetiva, for constatado, por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico, que o candidato utilizou-se de processos ilícitos, sua prova será anulada, sendo automaticamente eliminado do Concurso.

10- DO REGIME JURÍDICO

10.1 Os ingressantes nos cargos objeto deste Concurso serão submetidos ao regime jurídico celetista nos termos da Constituição Federal e da Consolidação das Leis do Trabalho - CLT.

11- DA HOMOLOGAÇÃO

11.1 O Concurso Público terá seu resultado final homologado, pelo Secretário Municipal de Administração e Recursos Humanos e será publicado no Diário Oficial do Município, com a lista dos nomes dos candidatos aprovados e classificados em ordem decrescente da nota obtida em conformidade com os Capítulos referentes ao Resultado Final dos Anexos: I - COMDATA e II - COMOB.

12- DA CONVOCAÇÃO

12.1 O candidato será convocado exclusivamente por Ato Convocatório próprio publicado em jornal de grande circulação da cidade de Goiânia.

12.2 O aproveitamento dos aprovados far-se-á gradativamente, de acordo com a disponibilidade orçamentária e de vagas, atendendo à exclusiva necessidade da Companhia para a qual o candidato concorreu, obedecendo-se rigorosamente a classificação final dos candidatos.

13- DA CONTRATAÇÃO

13.1 A aprovação e classificação neste Concurso Público não asseguram ao candidato o direito de ingresso automático no Quadro de Pessoal da Companhia para a qual concorreu, mas somente a expectativa de nela ser admitido, segundo convocação, obedecendo a rigorosa ordem classificatória, condicionada à observância das disposições legais pertinentes e, sobretudo, ao interesse e conveniência da Companhia.

13.2 Somente será contratado o candidato aprovado em todas as provas do Concurso Público, convocado e que:

a) apresentar todos os documentos descritos em Ato Convocatório próprio;

b) possuir, até a data da contratação, os requisitos exigidos para cada cargo, conforme descrito nos anexos específicos de cada Companhia;

c) tiver, no mínimo, a idade de 18 (dezoito) anos na data da contratação;

d) for brasileiro nato, naturalizado ou cidadão português, que tenha adquirido a igualdade de direitos e obrigações civis e gozo dos direitos políticos, conforme o Decreto Federal n° 70.436, de 18/04/72 e a Constituição Federal § 1° do artigo 12, comprovado por documento oficial, fornecido pelo Ministério da Justiça. Nesta hipótese, não serão aceitos quaisquer protocolos de requerimento;

e) estiver em dia com as obrigações eleitorais (para ambos os sexos) e com as obrigações militares, (apenas para os candidatos do sexo masculino);

f) for considerado APTO em inspeção de saúde física e mental, através dos exames pré­admissionais, conforme as exigências da Lei.

g) declarar, por escrito, se é titular de cargo ou função pública conforme exigência do artigo 37, incisos XVI e XVII, da Constituição Federal;

h) não ter sido demitido da Companhia para a qual concorreu, por justa causa, nos últimos 05 (cinco) anos.

i) preencher todos os demais requisitos legais para ocupação do cargo a que concorreu.

13.3 Para segurança do candidato e garantia da lisura do Concurso, poderá ser colhida impressão digital no ato da contratação.

13.4 O candidato aprovado que for convocado será contratado pelo prazo de experiência de 60 (sessenta) dias, prorrogáveis por mais 30 (trinta) dias, a critério da Companhia para a qual concorreu.

13.4.1 Durante o período de experiência, o portador de deficiência submeter-se-á a avaliação, quanto à compatibilidade entre as atribuições do cargo e a deficiência, por Equipe Multiprofissional, constituída pela Companhia, nos termos do § 2° do artigo 43, do Decreto 3.298, de 20 de dezembro de 1999.

13.5 A falta de comprovação, de quaisquer dos requisitos constantes deste Edital, acarretará no cancelamento da inscrição e a perda dos direitos dela decorrentes, ficando o candidato excluído do Concurso Público.

14- DA LOTAÇÃO

14.1 O candidato aprovado, convocado e contratado será lotado de acordo com a necessidade da Companhia para a qual concorreu.

15- DA VALIDADE

15.1 O Concurso Público terá a validade de 02 (dois) anos a partir da data de publicação de sua homologação no Diário Oficial do Município, prorrogável por mais 02 (dois) anos, a critério das Companhias COM DATA e COMOB, nos termos do artigo 37, inciso III, da Constituição Federal.

16- DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

16.1 A Prefeitura de Goiânia, a COMDATA e a COMOB não se responsabilizarão por quaisquer cursos, textos ou apostilas referentes a este Concurso Público, elaborados e/ou confeccionados por terceiros.

16.2 As disposições e instruções contidas na página da internet, nas capas dos cadernos das provas, nos editais complementares e avisos oficiais divulgados pela SMARH constituirão normas que passarão a integrar o presente Edital

16.3 E de inteira responsabilidade do candidato, acompanhar as divulgações e publicações de todos os atos e Editais referentes a este Concurso, inclusive o Ato Convocatório para contratação no cargo.

16.4 Correrão por conta exclusiva do candidato quaisquer despesas com documentação, material, exames, viagem, alimentação, estadia e outras decorrentes de sua participação no Concurso.

16.5 Não será fornecido ao candidato qualquer documento comprobatório de classificação no Concurso, valendo para esse fim, a homologação dos resultados finais, que será publicada no Diário Oficial do Município.

16.6 Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão do Concurso e pelo Secretário Municipal de Administração e Recursos Humanos.

16.7 Este Edital entrará em vigor na data de sua publicação, revogadas as disposições em contrário.

ADM. AGENOR MARIANO DA SILVA NETO
Secretário Municipal de Administração e Recursos Humanos

ANEXO I

DISPOSIÇÕES ESPECÍFICAS DO CONCURSO PÚBLICO DA COMPANHIA DE PROCESSAMENTO DE DADOS DO MUNICÍPIO DE GOIÂNIA COMDATA

1 - DEMONSTRATIVO DE CARGOS, VAGAS, VENCIMENTOS E CARGA HORÁRIA:

Escolaridade: Ensino Superior

CARGO

NÍVEL

FUNÇÃO

VAGAS

VENCIMENTO INICIAL (Março/2007)

CARGA HORÁRIA

Regulares

Deficientes

Total

Analista de Sistemas

Sênior

Desenvolvimento / Manutenção de Sistemas

04

-

04

3.239,25

40 Horas

Júnior

12

01

13

1.360,34

Pleno

Geoprocessamento

01

-

01

2.032,38

Analista de Suporte

Sênior

Engenharia de Redes

01

-

01

3.239,25

Administração de Redes

01

-

01

3.239,25

Administração de Banco de Dados

01

-

01

3.239,25

Assistente Administrativo II

Júnior

Geral

02

-

02

1.214,58

Contador

Sênior

Contabilidade

01

-

01

3.239,25

Escolaridade: Ensino Médio

CARGO

NÍVEL

FUNÇÃO

VAGAS

VENCIMENTO INICIAL (Março/2007)

CARGA HORÁRIA

Regulares

Deficientes

Total

Programador

Pleno

Programação

09

01

10

1.524,12

40 horas

Técnico em Comunicação

Pleno

Instalação/Manutenção de Equipamentos de Informática e Redes de Comunicação de Dados

07

01

08

890,03

Sênior

08

-

08

1.214,58

2- REQUISITO E DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES DOS CARGOS

2.1 Escolaridade: ENSINO SUPERIOR

2.1.1 ANALISTA DE SISTEMAS SÊNIOR - Desenvolvimento / Manutenção de Sistemas

Requisito: Curso superior completo em qualquer área do conhecimento.

Descrição: Com elevado grau de independência, faz: análise de negócios orientação e utilização de sistemas e tecnologias coordenação e desenvolvimento de sistemas, auxiliando na elaboração e detalhamento lógico de sistemas levantamento de fluxos de informação análise de funções e estabelecimento de seus diagramas orientação e implantação de sistemas, preparando testes e simulações treinamento de usuários na utilização de sistemas supervisão de pessoal de projetos definição de procedimentos e controles para a segurança da informação documentação das diversas etapas do projeto codificação de programas e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.1.2 ANALISTA DE SISTEMAS JÚNIOR - Desenvolvimento / Manutenção de Sistemas

Requisito: Curso superior completo em qualquer área de Tecnologia de Informação.

Descrição: Com restrito grau de independência, faz: orientação e utilização de sistemas e tecnologias desenvolvimento de sistemas, auxiliando na elaboração e detalhamento lógico de sistemas levantamento de fluxos de informação análise de funções e estabelecimento de seus diagramas orientação e implantação de sistemas, preparando testes e simulações treinamento de usuários na utilização de sistemas definição de procedimentos e controles para a segurança da informação documentação das diversas etapas do projeto codificação de programas e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.1.3 ANALISTA DE SISTEMAS PLENO - Geoprocessamento

Requisito: Curso superior completo em qualquer área do conhecimento

Descrição: Com regular independência, faz: especificamente na área de Sistemas de Informação Geográfica (GIS): análise de negócios levantamento de fluxos de informação análise de funções e estabelecimento de seus diagramas especificação, desenvolvimento e produção de produtos e serviços que envolvam análises e dados espaciais, auxiliando na elaboração e detalhamento lógico de sistemas orientação de implantação de sistemas, preparando testes e simulações treinamento de usuários na utilização de sistemas parte na implementação dos sistemas manutenção de sistemas e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.1.4 ANALISTA DE SUPORTE SÊNIOR - Engenharia de Redes

Requisito: Curso superior completo em qualquer área do conhecimento e registro no CREA.

Descrição: Com elevado grau de independência, faz: projeto e implantação de Redes de Computadores, conforme Normas da ABNT registro de Responsabilidade Técnica pelos projetos junto ao CREA gerenciamento de rede de computadores e dados administração de Sistemas operacionais de redes (Windows NT Server, Windows 2000 e Linux) definição de ferramentas de gerenciamento de redes definição de elementos de Redes (hubs, switches, bridges, roteadores, modem) definição de equipamentos para transmissão de informação analógica e digital, modulação, multiplexação comutação de circuitos, comutação de pacotes, comunicação via satélite análise e definição de serviços sobre protocolos TCP/IP, X.25, Frame-Relay análise e definição de serviços de autenticação, proxy, web, correio eletrônico, ftp, telnet, diretório análise e definição de serviços para Segurança da informação: firewall, proteção contra intrusões (vírus, trojans e worms), protocolos seguros (SSH e HTTPS), detecção de intrusões, certificações digitais monitoramento de rede, serviços de gerenciamento e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.1.5 ANALISTA DE SUPORTE SÊNIOR - Administração de Redes

Requisito: Curso superior completo em qualquer área do conhecimento.

Descrição: Com elevado grau de independência, faz: planejamento de configuração de softwares e hardware técnicas para medição de desempenho e contabilização da utilização dos recursos dos sistemas instalados e estratégias contra sinistros e fatos afins gerenciamento de rede de computadores administração de sistemas operacionais de redes(Windows NT Server, Windows 2000 e Linux) emissão de pareceres técnicos definição e especificação de hardware (microcomputadores, desktop, servidores) definição de ferramentas de gerenciamento de redes definição de elementos de redes(hubs, switches, bridges, roteadores) definição de equipamentos para transmissão análise e definição de serviços sobre protocolos TCP/IP, X.25, Frame-Relay análise e definição de serviços de autenticação, proxy, web, correio eletrônico, ftp, telnet e diretório análise e definição de serviços para segurança da informação: firewall, proteção contra intrusões (vírus, trojans e worms), protocolos seguros (SSH e HTTPS), detecção de intrusões e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.1.6 ANALISTA DE SUPORTE SÊNIOR - Administração de Banco de Dados

Requisito: Curso superior completo em qualquer área do conhecimento.

Descrição: Com elevada independência, faz: organização de arquivos e métodos de acesso instalação e atualização de versão do banco de dados gerenciamento do banco de dados codificação em linguagens de definição e manipulação de dados controle de proteção, integridade e concorrência administração de banco de dados relacionais distribuídos projeto de bancos de dados backup, recuperação, administração/configuração, tunning, detecção de problemas, fundamentos e performance em banco de dados DB2 da IBM definição de procedimentos e controles para a segurança das informações Codificação em JCL, proc´s, utilitários do sistema operacional z/Ose interação com sistema operacional z/Ose e z/VM modelagem de dados e presta orientação para implantação de sistemas e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.1.7 ASSISTENTE ADMINISTRATIVO II - JÚNIOR - Geral

Requisito: Curso superior completo em qualquer área do conhecimento.

Descrição: Com restrito grau de independência, faz: atividades administrativas em geral, atuando como apoio às áreas de: recursos humanos, compras, material, contabilidade, finanças, secretariado, comercial e técnica da empresa e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.1.8 CONTADOR SÊNIOR - Contabilidade

Requisito: Curso superior em Ciências Contábeis e registro no órgão competente.

Descrição: Com elevado grau de independência, faz : análise de conciliação, reconciliação e controle de contas patrimoniais classificação contábil dos documentos, de acordo com a necessidade de regularização dos saldos, efetuando cálculos de encargos financeiros e atualizações monetárias de saldos contábeis balancetes controle e elaboração de relatórios técnicos gerenciamento de informações contábeis balanço patrimonial consolidação das demonstrações financeiras demonstração de lucros ou prejuízos acumulados demonstração das mutações do patrimônio líquido, demonstração das origens e aplicações de recursos, Auditorias Contábeis balanço anual e respectivas demonstrações, sendo responsável pela assinatura e prestação de contas pesquisas para implemento de melhorias na área de formação e assessoramento a alta administração em assuntos da área de contabilidade e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.2. Escolaridade: ENSINO MÉDIO

2.2.1 PROGRAMADOR - Programação

Requisito: Ensino Médio Completo.

Descrição: Com regular independência, faz: codificação e depuração de programas de computador codificação de rotinas lógicas indicadas pelos analistas de sistemas, executando trabalho de montagem, depuração e testes de programas documentação de programas e rotinas manuais de utilização e instalação de sistemas serviços de manutenção em programas já desenvolvidos e presta auxílio ao analista de sistemas nas definições de sistemas e nos treinamentos de usuários e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.2.2 TÉCNICO EM COMUNICAÇÃO PLENO - Instalação / Manutenção de Equipamentos de Informática e Redes de Comunicação de Dados

Requisito: Ensino Médio Completo.

Descrição: Com regular independência, faz: estudo e procedimento para implantação de redes de telecomunicações operação de protocolos de comunicação instalação, manutenção e configuração de software e hardware nos equipamentos de informática da Administração Municipal instalação e manutenção de redes nos prédios da Administração Municipal e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

2.2.3 TÉCNICO EM COMUNICAÇÃO SÊNIOR - Instalação / Manutenção de Equipamentos de Informática e Redes de Comunicação de Dados

Requisito: Ensino Médio Completo.

Descrição: Com elevada independência, faz: estudo e procedimento para implantação de redes de telecomunicações operação de protocolos de comunicação instalação, manutenção e configuração de software e hardware nos equipamentos de informática da Administração Municipal instalação e manutenção de redes nos prédios da Administração Municipal instalação física e configuração de: hub, swicth, bridge e roteador em qualquer ponto das WAN´s e LAN´s da Prefeitura de Goiânia projetos na área de redes e outras atividades compatíveis com as atribuições do cargo.

3 - DAS PROVAS

O Concurso Público compreenderá a realização de 02 (duas) etapas:

3.1 1ª ETAPA - PROVA OBJETIVA

3.1.1 Prova de caráter eliminatório e classificatório a ser realizada por todos os candidatos, com duração improrrogável de 4 (quatro) horas.

3.1.1.1 No horário reservado à prova, está incluído o tempo destinado à coleta da impressão digital do candidato e à transcrição das respostas para a folha de respostas.

3.1.2 A prova será composta de questões de múltipla escolha, distribuídas conforme consta no quadro do subitem 3.1.7 - PROVA OBJETIVA, versando sobre os conteúdos programáticos disponíveis nos endereços eletrônicos www.cia.concurso.goiania.go.gov.br e www.cs.ufg.br.

3.1.3 Cada questão da prova objetiva constará de 04(quatro) alternativas com uma única opção correta.

3.1.4 Na prova, o candidato deverá utilizar caneta esferográfica de tinta cor preta para transcrever as alternativas escolhidas para a folha de respostas, que será o único documento válido para a correção eletrônica.

3.1.4.1 Não haverá substituição da folha de respostas por erro do candidato e o preenchimento será de inteira responsabilidade do mesmo, que deverá proceder em conformidade com as instruções específicas contidas na folha.

3.1.5 Será atribuída nota zero à questão da prova que contiver mais de uma ou nenhuma resposta assinalada, emenda ou rasura.

3.1.6 O gabarito oficial será divulgado no endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br e na SMARH.

3.1.7 A prova valerá de 0(zero) a 50(cinqüenta) pontos e será considerado aprovado o candidato que obtiver o mínimo de pontos exigidos conforme o especificado no quadro a seguir:

PROVA OBJETIVA

Escolaridade: Ensino Superior

CARGO/NÍVEL/FUNÇÃO

DISCIPLINAS

Nº DE QUESTÕES

VALOR POR QUESTÃO

NOTA MÍNIMA PARA APROVAÇÃO

ANALISTA DE SISTEMAS:

- Sênior - Desenvolvimento/ Manutenção de Sistemas

- Júnior - Desenvolvimento / Manutenção de Sistemas

- Pleno - Geoprocessamento

ANALISTA DE SUPORTE:

- Sênior - Engenharia de Redes

- Sênior - Administração de Redes

- Sênior - Administração de Banco de Dados

- Júnior - Geral

CONTADOR

- Sênior - Contabilidade

Língua Portuguesa

10

1,0

30,0

Conhecimentos Específicos na área de Atuação

40

Língua Portuguesa

10

1,0

30,0

Conhecimentos Específicos na área de Atuação

30

Noções de Informática

10

Escolaridade: Ensino Médio

CARGO/NÍVEL/FUNÇÃO

DISCIPLINAS

N° DE QUESTÕES

VALOR POR QUESTÃO

NOTA MÍNIMA PARA APROVAÇÃO

PROGRAMADOR:

- Pleno - Programação

TÉCNICO EM COMUNICAÇÃO:

- Pleno - Instalação / Manutenção de Equipamentos de Informática e Redes de Comunicação de Dados

- Sênior - Instalação / Manutenção de Equipamentos de Informática e Redes de Comunicação de Dados

Língua Portuguesa

10

1,0

30,0

Conhecimentos Específicos na área de Atuação

40

3.1.7.1 Será eliminado do concurso, o candidato que obtiver nota 0(zero) em qualquer uma das disciplinas.

3.1.8 Serão submetidos à 2ª Etapa - Prova de Títulos:

a) os candidatos aprovados para o cargo de Assistente Administrativo II - Júnior que estiverem classificados em ordem decrescente da pontuação obtida na Prova Objetiva até o limite de 20 (vinte) vezes o número de vagas

b) todos os candidatos aprovados para os demais cargos.

3.1.8.1 Todos os candidatos ao cargo de Assistente Administrativo II - Júnior que obtiverem nota igual a da classificação limite serão convocados para a 2ª Etapa - Prova de Títulos e os demais estarão eliminados do Concurso.

3.1.9 O resultado da Prova Objetiva será divulgado nos termos do Capítulo 2, deste Edital.

3.1.10 Fica sob a responsabilidade do candidato a impressão do comunicado com as orientações sobre a realização da 2ª Etapa - Prova de Títulos, que será disponibilizado no endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br, arcando o mesmo com as conseqüências decorrentes da não observação do disposto neste subitem.

3.2 2 ª Etapa - Prova de Títulos

3.2.1 Serão submetidos a esta prova os candidatos inscritos em todos os cargos aprovados na 1ª Etapa - Prova Objetiva e classificados conforme os subitens 3.1.8 e 3.1.8.1.

3.2.2 Esta etapa será de caráter classificatório e valerá no máximo 50 (cinqüenta) pontos, conforme especificação dos quadros constantes no subitem 3.2.9.

3.2.3 Os candidatos convocados deverão entregar seus títulos, conforme cronograma disponibilizado à época da divulgação do resultado da Prova Objetiva, das 8 às 17 horas, na SMARH, rua 16 esq.c/ rua 12 nº 97 - Ed. Capemi, 1º andar, Setor Central, Goiânia - GO.

3.2.3.1 O candidato que não entregar os Títulos (independentemente do motivo), na forma, prazo, horário e local estipulados em avisos específicos, conforme item anterior, terá nota zero nesta Etapa.

3.2.4 Na impossibilidade de comparecimento do candidato, serão aceitos Títulos entregues por terceiros, mediante a apresentação de documento oficial de identidade do procurador e de procuração simples do interessado, acompanhada de cópia legível de Documento de Identidade e CPF do candidato.

3.2.4.1 Será de inteira responsabilidade do candidato a entrega dos Títulos, por parte de seu procurador nas datas e horários previstos, bem como pelas informações por ele prestadas, arcando o mesmo com as conseqüências dos erros do seu representante.

3.2.5 No ato da entrega dos Títulos, o candidato ou seu procurador deverá entregar preenchido e assinado o Termo de Entrega de Títulos, constante neste Anexo, no qual relacionará os documentos apresentados.

3.2.6 Os documentos que não atendam às especificações ou que ultrapassem o limite máximo estabelecido para cada Título ou atividade exercida não serão pontuados.

3.2.7 Somente serão aceitos documentos que comprovem os Títulos, mediante entrega de fotocópias devidamente autenticadas em cartório, que não serão devolvidas. Em nenhuma hipótese, serão aceitos documentos originais, via fax, via correio eletrônico, via postal ou por quaisquer outras vias não especificadas neste Edital.

3.2.8 Para comprovação dos Títulos constantes no subitem 3.2.9, o candidato deverá apresentar fotocópias conforme especificado no subitem 3.2.7, dos seguintes documentos:

a) Diploma de conclusão do curso de doutorado ou mestrado, devidamente registrado, expedido por instituição de ensino autorizada e reconhecida pelo MEC, ou declaração de conclusão do respectivo curso, expedido por instituição reconhecida pelo MEC, acompanhado do histórico escolar do candidato, no qual conste o número de créditos obtidos as disciplinas em que foi aprovado e as respectivas menções o resultado dos exames e do julgamento da dissertação ou da tese

b) Diploma de curso de doutorado ou de mestrado concluído no exterior, acompanhado da respectiva tradução juramentada e revalidado por instituição de ensino superior no Brasil

c) Certificado de curso de especialização realizado de acordo com as normas do Conselho Nacional de Educação - CNE, constando a carga horária. Caso o certificado não comprove que o curso de especialização foi realizado de acordo com as normas do CNE, deverá ser anexada declaração da instituição atestando atendimento a essa exigência

d) Certificado de conclusão de cursos de aperfeiçoamento em papel timbrado da instituição

e) Páginas da Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) que identifiquem o número da mesma, o titular, contrato de trabalho, com período de admissão e demissão (se for o caso) e respectivos empregadores, acrescida da declaração expedida pelo(os) empregador(es), em papel timbrado, que deverá fazer referência expressa ao nome do cargo, descrição das atividades e período exercido

f) Declaração / Certidão de Tempo de Serviço emitida pela unidade de pessoal ou de recursos humanos de órgão público, em papel timbrado, com referência a data da posse e da exoneração (se for o caso), ao cargo, função exercida e a descrição das atividades desenvolvidas

g) Contrato de prestação de serviços ou recibo de pagamento a autônomo (RPA) acrescido de declaração, em papel timbrado do contratante que informe o período de início e fim (se for o caso) e a especificação do serviço realizado.

3.2.9 Cada Título será computado uma única vez e será atribuída a seguinte pontuação:

Escolaridade: Ensino Superior

CARGO: ANALISTA DE SISTEMAS SÊNIOR FUNÇÃO: DESENVOLVIMENTO/MANUTENÇÃO DE SISTEMAS

VALOR DE CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Pós-graduação em nível de Doutorado ou Mestrado na área de Tecnologia da Informação

3,0

3,0

Pós-graduação em nível de especialização na área de Tecnologia da Informação com duração mínima de 360 horas

3,0

3,0

Curso de aperfeiçoamento na área de metodologia de Desenvolvimento de Sistemas com duração mínima de 150 horas

2,0 por curso

4,0

Curso de gerenciamento de projetos com duração mínima de 40 horas

2,0 por curso

4,0

Exercício de atividade de coordenação de equipe ou chefia na área de desenvolvimento de sistemas

2,0 por ano

10,0

Experiência no desenvolvimento e/ou manutenção de sistemas voltada para uma ou mais das seguintes áreas:

- recursos humanos e folha de pagamento

- execução e elaboração orçamentária (PPA, LOA, LDO)

- arrecadação de tributos

- sistemas de administração de saúde

- sistemas de administração escolar

- contabilidade

- compras em conformidade com a Lei nº 8666, de 21 de junho de 1993

- controle de fluxo de processos

- administração de materiais.

2,0 por ano

14,0

Exercício de atividade profissional não cumulativa com outras Quaisquer no mesmo período, na administração pública ou privada em Análise de Sistemas utilizando ambiente Natural / Adabas e/ou ASP/HTML / JavaScript e / ou Java / JSP.

2 ,0 por ano

12 ,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

CARGO: ANALISTA DE SISTEMAS JÚNIOR FUNÇÃO: DESENVOLVIMENTO/MANUTENÇÃO DE SISTEMAS

VALOR DE CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Pós-graduação em nível de Doutorado ou Mestrado na área de Tecnologia da Informação.

3,0

3,0

Pós-graduação em nível de especialização na área de Tecnologia da Informação com duração mínima de 360 horas.

3,0

3,0

Curso de aperfeiçoamento na área de Metodologia de Desenvolvimento de Sistemas com duração mínima de 150 horas.

2,0 por curso

6,0

Curso de gerenciamento de projetos com duração mínima de 40 Horas

4,0 por curso

8,0

Curso de programação em ambiente mainframe utilizando Natural/Adabas com duração mínima de 40 horas.

3,0 por curso

6,0

Curso de programação em ASP/HTML/JavaScript e/ou Java/JSP com duração mínima de 40 horas.

3,0 por curso

6,0

Exercício de atividade profissional não cumulativa com outras Quaisquer no mesmo período, na administração pública ou privada em Análise de Sistemas utilizando ambiente Natural/Adabas e/ou ASP/HTML/JavaScript e/ou Java/JSP.

3,0 por ano

12,0

Exercício de atividade profissional não cumulativa com outras Quaisquer no mesmo período, na administração pública ou privada em Programação de Computadores utilizando ambiente Natural/Adabas e/ou ASP/HTML/JavaScript e /ou Java/JSP.

2,0 por ano

6,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

CARGO: ANALISTA DE SISTEMAS PLENO FUNÇÃO: GEOPROCESSAMENTO

VALOR DE CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Pós-graduação em nível de Doutorado ou Mestrado na área de Geoprocessamento

3,0

3,0

Pós-graduação em nível de especialização na área de Geoprocessamento com duração mínima de 360 horas

3,0 por curso

6,0

Curso de aperfeiçoamento na área de Geoprocessamento ou Sistema de Informação Geográfica com duração mínima de 40 horas

1,0 por curso

4,0

Experiência no desenvolvimento de sistemas de Informação Geográfica aplicado a áreas urbanas

4,0 por ano

20,0

Experiência em modelagem de dados espaciais e processos que envolvam análises espaciais

3,0 por ano

9,0

Experiência na elaboração de produtos que envolva dados e análises espaciais

2,0 por ano

8,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

CARGO: ANALISTA DE SUPORTE SÊNIOR FUNÇÃO: ENGENHARIA DE REDES

VALOR DE CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Pós-graduação em nível de Doutorado ou Mestrado na área de Engenharia de Redes

3,0

3,0

Pós-graduação em nível de especialização na área de Redes de Computadores com duração mínima de 360 horas

3,0

3,0

Cursos oficiais na área de sistema operacional de redes Microsoft (Windows NT/2000/2003)

2,0 por curso

4,0

Exercício de atividade de coordenação ou chefia de equipe na área de Projeto de Redes de Computadores

2,0 por ano

12,0

Exercício de atividade profissional em Gerenciamento de Redes não cumulativa com outras no mesmo período, na administração pública ou privada

2,0 por ano

16,0

Experiência em levantamento e projetos de redes

2,0 por ano

12,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

CARGO: ANALISTA DE SUPORTE SÊNIOR FUNÇÃO: ADMINISTRAÇÃO DE REDES

VALOR DE CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Pós-graduação em nível de Doutorado ou Mestrado na área de Redes de Computadores

3,0

3,0

Pós-graduação em nível de especialização na área de Redes de Computadores com duração mínima de 360 horas

3,0

3,0

Cursos oficiais de configuração e uso dos roteadores Cisco

2,0 por curso

10,0

Exercício de atividade de coordenação ou chefia de equipe na área de Suporte Técnico de Redes de Computadores

2,0 por ano

16,0

Exercício de atividade profissional em Administração de Redes não cumulativa com outras no mesmo período, na administração pública ou privada

2,0 por ano

12,0

Experiência em configuração de roteadores Cisco com frame-relay e equipamentos de Firewall

1,0 por ano

6,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

CARGO: ANALISTA DE SUPORTE SÊNIOR FUNÇÃO: ADMINISTRAÇÃO DE BANCO DE DADOS

VALOR DE CADA
TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS
TÍTULOS

Pós-graduação em nível de Doutorado ou Mestrado na área de Tecnologia da Informação

3,0

3,0

Pós-graduação em nível de especialização em Banco de Dados com duração mínima de 360 horas

3,0 por curso

6,0

Curso de aperfeiçoamento oficial na área de Banco de Dados DB2

2,0 por curso

20,0

Curso em programação em ambiente mainframe utilizando JCL com duração mínima de 20 horas

2,0 por curso

2,0

Curso em sistemas operacionais OS/390, z/OS, VM e z/VM com Duração mínima de 20 horas

1,0 por curso

7,0

Experiência não cumulativa na manutenção de Banco de Dados DB2

2,0 por ano

12,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

CARGO: ASSISTENTE ADMINISTRATIVO II - JÚNIOR - FUNÇÃO: GERAL

VALOR DE CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Pós-graduação em nível de especialização em qualquer área, com Duração mínima de 360 horas

6,0

6,0

Curso de aperfeiçoamento voltado para uma ou mais das seguintes áreas: Recursos Humanos Compras Material Contabilidade Finanças, Secretariado, Gestão da Qualidade, Gerência de Projetos, com duração mínima de 40 horas cada

1,0 por curso

12,0

Experiência em atividades administrativas voltadas para uma ou mais das Seguintes áreas:

- Recursos Humanos

- Compras . Material

- Contabilidade

- Finanças

- Secretariado

- Qualidade . Projetos

2,0 por ano

22,0

Exercício de atividade profissional não cumulativa com outras quaisquer no mesmo período, na administração pública ou privada na área administrativa

2,0 por ano

10,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

CARGO: CONTADOR SÊNIOR FUNÇÃO: CONTABILIDADE

VALOR DE CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Pós-graduação em nível de Doutorado ou Mestrado na área contábil.

10,0

10,0

Pós-graduação em nível de especialização na área Contábil com Duração mínima de 360 horas

10,0

10,0

Curso de aperfeiçoamento na área Contábil, com duração mínima De 40 horas

1,0 por curso

6,0

Exercício de atividade de coordenação de equipe ou chefia na área contábil

1,0 por ano

4,0

Experiência como Contador em empresas de Economia Mista

2,0 por ano

12,0

Exercício de atividade profissional não cumulativa com outras quaisquer no mesmo período, na administração pública ou privada em Contabilidade

2,0 por ano

8,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

Escolaridade: Ensino Médio

CARGO: PROGRAMADOR PLENO ÁREA DE ATUAÇÃO: PROGRAMAÇÃO

VALOR DE CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Curso de aperfeiçoamento na área de programação com duração Mínima de 80 horas

3,0 por curso

12,0

Curso de programação em ambiente mainframe utilizando Natural/Adabas com duração mínima de 40 horas

3,0 por curso

6,0

Curso de programação em ASP/HTML/JavaScript e/ou JSP/Java com duração Mínima de 40 horas

3,0 por curso

6,0

Experiência em programação ASP/HTML/JavaScript

2,0 por ano

6,0

Experiência em programação em ambiente mainframe utilizando a Linguagem Natural

2,0 por ano

6,0

Experiência em programação em Java/JSP/HTML

3,0 por ano

6,0

Exercício de atividade profissional como programador não Cumulativa com outras no mesmo período, na administração pública ou privada

2,0 por ano

8,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

CARGO: TÉCNICO EM COMUNICAÇÃO PLENO FUNÇÃO: INSTALAÇÃO/MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA E REDES DE COMUNICAÇÃO DE DADOS

VALOR POR CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Curso técnico de nível médio em Telecomunicações, Eletrotécnica ou Eletrônica

7,0

7,0

Curso de capacitação na área de Redes de Comunicação ou Cabeamento Estruturado, com duração mínima de 30 horas

1,0 por curso

2,0

Curso de capacitação na área de Montagem e Assistência Técnica Em Microinformática, com duração mínima de 30 horas

1,0 por curso

2,0

Experiência em manutenção de equipamentos de informática, tais como: - No-break, estabilizadores, CPU, monitores de vídeos, scanner, impressoras: jato de tinta, laser e matricial

6,0 por ano

18,0

Experiência em instalação e configuração de Softwares, tais como: Windows 9X, 2000, XP, Linux, Pacote Office, Open Office, Antivírus e Internet

4,0 por ano

12,0

Experiência em serviços de instalação de redes elétricas e lógicas

3,0 por ano

9,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

CARGO: TÉCNICO EM COMUNICAÇÃO SÊNIOR FUNÇÃO: INSTALAÇÃO/MANUTENÇÃO DE EQUIPAMENTOS DE INFORMÁTICA E REDES DE COMUNICAÇÃO DE DADOS

VALOR POR CADA TÍTULO

VALOR MÁXIMO DOS TÍTULOS

Curso técnico de nível médio em Telecomunicações, Eletrotécnica Ou Eletrônica

10,0

10,0

Curso de capacitação na área de Redes de Comunicação ou Cabeamento Estruturado, com duração mínima de 40 horas

1,0 por curso

4,0

Curso de capacitação na área de Montagem e Assistência Técnica em Microinformática, com duração mínima de 30 horas

1,0 por curso

3,0

Experiência em manutenção de equipamentos de informática, tais como: - No­break, estabilizadores, CPU, monitores de vídeos, scanner, impressoras: jato de tinta, laser e matricial

1,0 por ano

6,0

Experiência em instalação e configuração de Softwares, tais como: Windows 9X 2000, 2000 Server, XP, Linux, Pacote Office, Open Office, Anti-virus e Internet

2,0 por ano

10,0

Experiência em instalação e configuração de redes estruturadas

1,0 por ano

6,0

Experiência em instalação e configuração de Switches, Roteadores e Access Point

1,0 por ano

6,0

Experiência em elaboração de projetos elétricos e lógicos, utilizando AutoCad ou similares

1,0 por ano

5,0

Total = 50 pontos

ATENÇÃO: Todas as declarações referentes a experiência profissional poderão ser validadas com a empresa emitente das mesmas.

3.2.10 Outras orientações que se façam necessárias, sobre a realização da Prova de Títulos, serão informadas juntamente com a divulgação do resultado da Prova Objetiva.

3.2.11 Concluída a Prova de Títulos será divulgada a relação das notas obtidas pelos candidatos nos meios de comunicação citados no Capítulo 2 deste Edital.

4 - DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE

4.1 A Classificação Final será realizada por cargo, em ordem decrescente da nota obtida do somatório da pontuação da Prova Objetiva e da Prova de Títulos. Na hipótese de igualdade de pontos, para fins de classificação, terá preferência, sucessivamente, o candidato:

a) com maior nota na Prova de Conhecimentos Específicos

b) com maior nota na Prova de Títulos

c) com maior nota na Prova de Língua Portuguesa

d) persistindo o empate, o candidato com idade maior.

4.2 Caso haja pelo menos um candidato com idade igual ou superior a sessenta anos completos até o último dia de inscrição, o desempate, no cargo, se dará utilizando-se como primeiro critério, a idade.

4.3 A Classificação Final será divulgada nos termos do Capítulo 2 deste Edital, em conformidade com os critérios estabelecidos neste Capítulo.

5 - DO RESULTADO FINAL

5.1 O Resultado Final do Concurso será divulgado nos termos do Capítulo 2 deste Edital, com a lista dos nomes dos candidatos aprovados e classificados em ordem decrescente da nota obtida no somatório da pontuação da Prova Objetiva e da Prova de Títulos.

5.2 Considerando o caráter classificatório da Prova de Títulos estarão aprovados no Concurso:

a) os inscritos nos cargos de Assistente Administrativo II - Júnior, que obtiverem nota final igual ou superior a 30(trinta) pontos, classificados até o limite estipulado nos subitens 3.1.8 e 3.1.8.1 deste Anexo

b) os inscritos nos demais cargos que obtiverem nota final, igual ou superior a 30(trinta).

PREFEITURA DE GOIÂNIA

SECRETARIA MUNICIPAL DE ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS

CONCURSO PÚBLICO - EDITAL Nº. 001/ 007

COM DATA

TERMO DE ENTREGA DE TÍTULOS

(COLOCAR EM ENVELOPE E ENTREGÁ-LO NA SMARH/COMISSÃO DO CONCURSO)

1. Este formulário deve ser preenchido em 02 (duas) vias. Uma via ficará com o candidato, com os respectivos originais. A outra via preenchida deve ser colocada no envelope, junto com as respectivas cópias dos documentos para a prova de títulos, autenticadas em Cartório, o qual deve ser entregue na SMARH/COMISSÃO DO CONCURSO.

2. A escolha dos títulos para cada item, de acordo com a sua freqüência, é de inteira responsabilidade do candidato. À Banca Avaliadora cabe apenas avaliar os títulos relacionados e encaminhados pelo candidato.

Eu, _______________________________________________________________________________________________________________,

Carteira de Identidade _____________________________________________ e CPF _______________________________________________,

inscrito no Concurso Público da Companhia de Processamento de Dados do Município de Goiânia - COMDATA, ao cargo de ___________________,

sob o nº __________________________________________ , entrego à Comissão de Concurso, os documentos abaixo relacionados:

TOTAL DE DOCUMENTOS ENCAMINHADOS:_____

______________________________, _____ de abril de 2007.

__________________________________________________________
  Assinatura do(a) Candidato(a)

CONCURSO PÚBLICO DAS COMPANHIAS

ANEXO II

DISPOSIÇÕES ESPECÍFICAS DO CONCURSO PÚBLICO DA COMPANHIA DE OBRAS E HABITAÇÃO DO MUNICÍPIO DE GOIÂNIA

C O M O B

1 - DEMONSTRATIVO DE CARGOS, VAGAS, VENCIMENTOS E CARGA HORÁRIA

 Escolaridade: Ensino Superior

CARGOS

VAGAS

VENCIMENTO INICIAL (Março/007)

CARGA HORÁRIA SEMANAL

Regulares

Deficientes

Total

Advogado

03

-

03

R$ 1.350,00

40

Arquiteto

07

01

08

Engenheiro Civil

07

01

08

Engenheiro Eletricista

03

-

03

Assistente Social

07

01

08

Tecnólogo em Construção de Edifícios

05

-

05

Tecnólogo em Redes de Comunicação

02

-

02

Tecnólogo em Agrimensura

02

-

02

Escolaridade: Ensino Médio

CARGOS

VAGAS

VENCIMENTO INICIAL (Março! 007)

CARGA HORÁRIA SEMANAL

Regulares

Deficientes

Total

Assistente Administrativo

14

01

15

R$ 815,00

40

Desenhista Cadista

07

01

08

Técnico Agrimensor

05

-

05

Técnico em Edificações

07

01

08

Técnico em Segurança do
Trabalho

02

-

02

Escolaridade: Ensino Fundamental - 8° Série

CARGOS

VAGAS

VENCIMENTO INICIAL (Março! 007)

CARGA HORÁRIA SEMANAL

Regulares

Deficientes

Total

Auxiliar Administrativo

08

-

08

R$ 460,00

40

Motorista

08

-

08

R$ 760,00

Motoqueiro

03

-

03

R$ 520,00

Escolaridade: Ensino Fundamental - 4° Série

CARGOS

VAGAS

VENCIMENTO INICIAL (Março! 007)

CARGA HORÁRIA SEMANAL

Regulares

Deficientes

Total

Armador

05

-

05

R$ 492,80

40

Calheiro

08

-

08

Carpinteiro

09

01

10

Eletricista

09

01

10

Encanador

09

01

10

Marceneiro

08

-

08

Pedreiro

76

04

80

Pintor

33

02

35

Pintor Letrista

03

-

03

Serralheiro

08

-

08

Vidraceiro

04

-

04

Escolaridade: Alfabetizado

CARGOS

VAGAS

VENCIMENTO INICIAL (Março/ 007)

CARGA HORÁRIA SEMANAL

Regulares

Deficientes

Total

Auxiliar de Serviços Gerais

08

-

08

R$ 350,00

40

Servente

76

04

80

2 - REQUISITO E DESCRIÇÃO SUMÁRIA DAS ATIVIDADES DOS CARGOS

2.1 Escolaridade: ENSINO SUPERIOR

2.1.1 ADVOGADO

Requisito - Curso Superior completo em Direito e registro no órgão competente.

Descrição - Representar a Companhia em Juízo ou fora dela, quando designado, cuidando dos interesses no que concerne aos aspectos jurídicos; elaborar e acompanhar Pareceres, Minutas de Contratos, Acordos, Convênios, Decretos, Atos Normativos, Requerimento de regularização de loteamentos, pronunciamentos, documentos jurídicos de natureza administrativa, fiscal, cível, comercial, trabalhista, penal ou outros, aplicando a legislação em vigor; participar de Comissão de Sindicância e prestar assessoramento jurídico, a nível de consultoria nas áreas de posse; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.1.2 ARQUITETO

Requisito - Curso Superior completo em Arquitetura e Urbanismo e registro no órgão competente.

Descrição - Planejar, realizar e supervisionar diagnósticos, pesquisas, estudos técnicos, mapeamentos e levantamentos feitos nas unidades operacionais, para subsidiar a elaboração de projetos de arquitetura e urbanismo; acompanhar e fiscalizar a execução de obras e construções; emitir pareceres sobre assuntos de sua especialidade; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.1.3 ENGENHEIRO CIVIL

Requisito - Curso Superior completo em Engenharia Civil e registro no órgão competente.

Descrição - Planejar, coordenar, assessorar, executar e fiscalizar obras e serviços técnicos referentes a área de construção civil; elaborar orçamentos e zelar pela padronização, mensuração e controle de qualidade; proceder vistorias, avaliações, perícias, arbitramentos, emitindo laudos e pareceres técnicos; coordenar equipes de instalação, montagem, operação, reparos e manutenção; prestar assistência, assessoria e consultoria em assuntos de sua especialidade; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.1.4 ENGENHEIRO ELETRICISTA

Requisito - Curso Superior completo em Engenharia Elétrica e registro no órgão competente.

Descrição - Planejar, coordenar, assessorar, executar e fiscalizar serviços técnicos de engenharia elétrica em obras; elaborar orçamentos e zelar pela padronização, mensuração e controle de qualidade; elaborar, gerenciar e executar projetos referentes à transmissão, distribuição e utilização de energia elétrica, equipamentos, materiais e máquinas e de sistemas de medição e controle elétricos; proceder vistorias, avaliações, perícias, arbitramentos, emitindo laudos e pareceres técnicos; coordenar equipes de instalação, montagem, operação, reparos e manutenção; prestar assistência, assessoria e consultoria em assuntos de sua especialidade; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.1.5 ASSISTENTE SOCIAL

Requisito - Curso Superior completo em Serviço Social e registro no órgão competente.

Descrição - Planejar, sistematizar, coordenar e realizar o trabalho social desenvolvido na Política Municipal de Habitação; definir e normatizar juntamente com o Conselho Municipal de Habitação a Política de Habitação Popular, seus programas e projetos sob a ótica da Política Habitacional a ser executada pela COMOB; contribuir com a criação e/ou implementação do Conselho Municipal de Habitação; propor seminários para a troca de experiências; possibilitar maior participação da sociedade na atual Administração Municipal, executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.1.6 TECNÓLOGO EM CONSTRUÇÃO DE EDIFÍCIOS

Requisito - Curso Superior completo de Tecnologia em Construção de Edifícios e registro no órgão competente.

Descrição - Atuar no gerenciamento de obras de construção predial; elaborar orçamento, layout e relação de insumos para canteiros de obras; executar desenho técnico; executar obras de instalação, montagem, operação, reparo, manutenção e de serviços de medição e coordenar equipes na execução destas obras; desenvolver pesquisas científicas para inovação do desenvolvimento tecnológico; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.1.7 TECNÓLOGO EM REDES DE COMUNICAÇÃO

Requisito - Curso Superior completo de Tecnologia em Redes de Comunicação e registro no órgão competente.

Descrição - Elaborar e executar projetos de pesquisa e de aplicação em telecomunicações e telemática; treinar e dar suporte técnico a profissionais que atuam na montagem, instalação e manutenção de equipamentos; operar e monitorar equipamentos e realizar testes, medições e ensaios em sistemas e sub-sistemas de telecomunicações; detectar defeitos e reparar unidades elétricas, eletrônicas e mecânicas dos equipamentos de energia e de telecomunicações; interpretar diagramas esquemáticos, layouts de circuitos e desenhos técnicos; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.1.8 TECNÓLOGO EM AGRIMENSURA

Requisito - Curso Superior completo de Tecnologia em Agrimensura e registro no órgão competente.

Descrição - Executar atividades de locação de obras que demandam a utilização de geotecnologia e através de métodos e técnicas geodésicas e topográficas; atuar na execução de projetos que envolvam geoposicionamento e de projetos de loteamento, redes de infra-estrutura e outros; participar da elaboração de projetos em conjunto com profissionais na área de Engenharia; atuar no georeferenciamento de imóveis rurais e urbanos; exercer trabalhos de campo e escritório exigidos pela Lei Federal n.º 10.267, que trata do Georeferenciamento de móveis Rurais; realizar perícia, vistorias e arbitramentos relativos a sua área de atuação; executar atividades relacionadas ao desenho gráfico e utilizar produtos decorrentes de cartografia, fotogrametria e sensoriamento remoto para subsidiar suas atividades; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.2 Escolaridade: ENSINO MÉDIO

2.2 .1 ASSISTENTE ADMINISTRATIVO

Requisito - Ensino Médio Completo.

Descrição - Executar atividades de atendimento ao público, digitação, organização e arquivo de documentos diversos; realizar e controlar cadastro de fornecedores, coleta de preços, suprimento de material; conferir notas fiscais; elaborar relatórios e documentos oficiais; acompanhar e efetuar cálculos de reavaliação de ativo e de depreciação; acompanhar a aplicação da legislação trabalhista, fiscal e previdenciária; apurar irregularidades de atos e fatos administrativos quando designado; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.2 .2 DESENHISTA CADISTA

Requisito - Ensino Médio Completo.

Descrição - Desenvolver desenhos de projetos em autocad, aplicados à engenharia, arquitetura, máquinas e ferramentas; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.2 .3 TÉCNICO AGRIMENSOR

Requisito - Ensino Médio Completo com Curso Profissionalizante de Técnico em Agrimensura e registro no órgão competente

Descrição - Planejar, dirigir e executar trabalhos técnicos, proceder levantamentos de espaço, auxiliar na regularização fundiária, definir área de expansão, fazer levantamento topográfico e cálculos de agrimensura para elaboração de croquis e mapas referentes ao trabalho da COMOB; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.2 .4 TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES

Requisito - Ensino Médio Completo com Curso Profissionalizante de Técnico em Edificações e registro no órgão competente.

Descrição - Executar tarefas de caráter técnico, relativas à execução de projetos de edificações e outras obras de engenharia civil, orientando-se por plantas, esquemas e especificações técnicas, colaborando na construção, reparo e conservação de obras; operar e zelar pela manutenção de equipamentos e instalações; coordenar profissionais na execução das frentes de trabalho; executar outras tarefas compatíveis com a natureza do cargo.

2.2 .5 TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO

Requisito - Ensino Médio Completo e Curso Profissionalizante de Técnico em Segurança do Trabalho e registro no Ministério do Trabalho.

Descrição - Elaborar e implementar políticas de saúde e segurança no trabalho; realizar auditoria, perícia e fiscalização; desenvolver ações educacionais na área de saúde e segurança no trabalho; identificar e analisar as variáveis de controle de doenças, acidentes de trabalho, qualidade de vida e meio ambiente, recomendando medidas de prevenção e controle; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.3 Escolaridade: ENSINO FUNDAMENTAL - 8ª SÉRIE

2.3.1 AUXILIAR ADMINISTRATIVO

Requisito - Ensino Fundamental - 8ª série completa.

Descrição - Desempenhar tarefas burocráticas de complexidade média, operando microcomputadores, calculadoras, fax e equipamentos afins; auxiliar em tarefas administrativas; preparar relatórios e planilhas e organizar documentos diversos; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.3.2 MOTORISTA

Requisito - Ensino Fundamental - 8ª série completa e Carteira Nacional de Habilitação, categoria "D".

Descrição - Dirigir veículo obedecendo às leis de trânsito, zelando por sua conservação e manutenção, bem como pela guarda de ferramentas e acessórios pertinentes ao mesmo; preencher formulários de controle de quilometragem rodada e consumo de combustível e lubrificante, pneus e câmaras de ar; comunicar a ocorrência dos fatos e avarias, relacionadas com o veículo; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.3.3 MOTOQUEIRO

Requisito - Ensino Fundamental - 8ª série completa e Carteira Nacional de Habilitação, categoria "A".

Descrição - Dirigir veículo obedecendo às leis de trânsito, zelando por sua conservação e manutenção, bem como pela guarda de ferramentas e acessórios pertinentes ao mesmo; preencher formulários de controle de quilometragem rodada e consumo de combustível e lubrificante, pneus e câmaras de ar; comunicar a ocorrência dos fatos e avarias, relacionadas com o veículo; zelar pelo correto transporte e entrega dos documentos oficiais da Companhia, sob sua responsabilidade; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4 Escolaridade: ENSINO FUNDAMENTAL - 4ª SÉRIE

2.4.1 ARMADOR

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Executar armação das estruturas de concreto armado e de ferro, cortando e dobrando as ferragens utilizadas na armação de concreto; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.2 CALHEIRO

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Executar o corte e dobra de chapas para montagem da calha; colocar e recuperar calha; executar e recuperar duto metálico; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.3 CARPINTEIRO

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Executar serviços de carpintaria, tais como: assentamento de portas, janelas e esquadrias de madeira; madeiramento para o telhado e fabricação de caixotes e colocação de divisórias de madeiras e laminados; construir formas para concretagens de vigas, lajes e pilares; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.4 ELETRICISTA

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Executar serviços de instalação e reparo de circuitos elétricos; instalar centros de distribuição de eletricidade e de lâmpadas; fazer instalações de estação e subestação de força de luz e de aparelhos de elevação e sucção de água; ligar cabos elétricos, computadores, reatores e suportes; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.5 ENCANADOR

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Executar instalação de esgoto, água fria e quente, aparelhos hidráulicos e montagens de bombas hidráulicas; instalar pias, tanques, lavatórios, peças sanitárias e reservatórios de água, bem como torneiras e registros diversos; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.6 MARCENEIRO

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Executar serviços relativos a marcenaria como: fabricar e consertar móveis em geral, providenciar a colocação de molduras em quadros e mapas; executar serviços de construção e colocação de madeira em obras; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.7 PEDREIRO

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Executar serviços de construção em alvenarias de tijolos e pedras, assentar azulejos, cerâmicas, tacos, assoalhos, ladrilhos e revestimentos decorativos em parede; chapiscar paredes e muros e fazer pisos cimentados; fazer requadramento das esquadrias de madeira e metal; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.8 PINTOR

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Executar atividades relacionados com acabamento de obras de construção civil, tais como: emassar paredes e portas, calafetar paredes, aplicar vernizes sintéticos, tinta a óleo em base d'água e preparar tintas; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.9 PINTOR LETRISTA

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Executar atividades relacionadas com escritas em placas e paredes; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.10 SERRALHEIRO

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Construir e recuperar esquadrias metálicas, tais como: portas, portões, grades, janelas, mastros para bandeiras e play-grounds; realizar orçamentos de materiais de serralheria para efeito de aquisição; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.4.11 VIDRACEIRO

Requisito - Ensino Fundamental - 4ª série completa.

Descrição - Selecionar, cortar e instalar vidros nos encaixes de portas, janelas e divisórias, fazendo acabamento, proporcionando ao conjunto a aparência desejada; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.5 Escolaridade: ALFABETIZADO

2.5.1 AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS

Requisito - Alfabetizado.

Descrição - Desempenhar atividades relacionadas a serviços de copa, limpeza e transporte de materiais; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

2.5.2 SERVENTE

Requisito - Alfabetizado.

Descrição - Auxiliar no desempenho das atividades de edificação e topografia; preparar argamassa, andaimes, instrumentais de pedreiro, pintor e topógrafo; transportar materiais e efetuar limpeza de canteiro de obras e ferramentas; executar outras atribuições inerentes ao cargo.

3 - DAS PROVAS

O Concurso Público compreenderá a realização de duas etapas, de acordo com a natureza das atribuições dos cargos.

3.1 1ª ETAPA - PROVA OBJETIVA

3.1.1 Prova de caráter eliminatório e classificatório a ser realizada por todos os candidatos, com duração improrrogável de 4 (quatro) horas.

3.1.1.1 No horário reservado à prova, está incluído o tempo destinado à coleta da impressão digital do candidato e à transcrição das respostas para a folha de respostas.

3.1.2 A prova será composta de questões de múltipla escolha, distribuídas conforme consta no subitem 3.1.7 - PROVA OBJETIVA, versando sobre os conteúdos programáticos disponíveis nos endereços eletrônicos www.cia.concurso.goiania.go.gov.br e www.cs.ufg.br.

3.1.3 Cada questão da prova objetiva constará de 04 (quatro) alternativas com uma única opção correta.

3.1.4 Na prova, o candidato deverá utilizar caneta esferográfica de tinta cor preta para transcrever, as alternativas escolhidas para a folha de respostas, que será o único documento válido para a correção eletrônica.

3.1.4.1 Não haverá substituição da folha de respostas por erro do candidato e o preenchimento será de inteira responsabilidade do mesmo, que deverá proceder em conformidade com as instruções específicas contidas na folha.

3.1.5 Será atribuída nota zero à questão da prova que contiver mais de uma ou nenhuma resposta assinalada, emenda ou rasura.

3.1.6 O gabarito oficial será divulgado através dos meios de comunicação informados no Capítulo 2 deste Edital.

3.1.7 A prova valerá de 0 (zero) a 100 (cem) pontos e será considerado aprovado o candidato que obtiver, o mínimo de pontos exigidos conforme o especificado nos quadros a seguir:

PROVA OBJETIVA

Escolaridade: Ensino Superior

Cargos

Disciplinas

Número de Questões

Valor de Cada Questão

Nota Mínima para Aprovação

- Advogado

- Arquiteto

- Engenheiro Civil

- Engenheiro Eletricista

- Assistente Social

- Tecnólogo em Construção de Edifícios

- Tecnólogo em Redes de Comunicação

- Tecnólogo em Agrimensura

Língua Portuguesa

15

2,0

60,0

Conhecimentos Específicos na Área de Atuação

35

Escolaridade: Ensino Médio

Cargos

Disciplinas

Número de Questões

Valor de Cada Questão

Nota Mínima para Aprovação

- Assistente Administrativo

- Desenhista Cadista

- Técnico Agrimensor

- Técnico em Edificações

- Técnico em Segurança do
Trabalho

Língua Portuguesa

15

2,0

50,0

Matemática

10

Conhecimentos Específicos na Área de Atuação

25

Escolaridade: Ensino Fundamental - 8ª Série

Cargos

Disciplinas

Número de Questões

Valor de Cada Questão

Nota Mínima para Aprovação

- Motorista

- Motoqueiro

Língua Portuguesa

10

2,5

50,0

Conhecimentos Específicos na Área de Atuação

30

- Auxiliar Administrativo

Língua Portuguesa

10

2,5

50,0

Matemática

10

Conhecimentos Específicos na Área de Atuação

20

Escolaridade: Ensino Fundamental - 4ª Série

Cargos

Disciplinas

Número de Questões

Valor de Cada Questão

Nota Mínima para Aprovação

- Armador

- Calheiro

- Carpinteiro

- Eletricista

- Encanador

- Marceneiro

- Pedreiro

- Pintor

- Pintor Letrista

- Serralheiro

- Vidraceiro

Língua Portuguesa

20

2,5

50,0

Matemática

20

Escolaridade: ALFABETIZADO

Cargos

Disciplinas

Número de Questões

Valor de Cada Questão

Nota Mínima para Aprovação

- Auxiliar de Serviços
Gerais

- Servente

Língua Portuguesa

15

4,0

50,0

Matemática

10

3.1.7.1 Será eliminado do concurso o candidato que obtiver nota 0 (zero) em qualquer uma das disciplinas.

3.1.8 O resultado da 1ª Etapa - Prova Objetiva para os candidatos inscritos nos cargos de Ensino Superior, Ensino Médio e Ensino Fundamental - 8ª série, será o resultado final do Concurso, conforme especificado no Capítulo 5, deste Anexo.

3.1.9 Os candidatos aprovados para os cargos de:

a) Auxiliar de Serviços Gerais e Servente que estiverem classificados em ordem decrescente da pontuação obtida na Prova Objetiva até o limite de 08 (oito) vezes o número de vagas serão submetidos a 2ª Etapa - Prova de Capacidade Física;

b) Armador, Calheiro, Carpinteiro, Eletricista, Encanador, Marceneiro, Pedreiro, Pintor, Pintor Letrista, Serralheiro e Vidraceiro que estiverem classificados em ordem decrescente da pontuação obtida na Prova Objetiva até o limite de 8 (oito) vezes o número de vagas serão submetidos a 2ª Etapa - Prova Prática. 3.1.9.1 Todos os candidatos que obtiverem nota igual a da classificação limite serão convocados para a 2ª ETAPA, e os demais estarão eliminados do Concurso.

3.1.10 O resultado da Prova Objetiva será divulgado nos termos do Capítulo 2 deste Edital.

3.1.11 Fica sob a responsabilidade do candidato a impressão do Comunicado com as orientações sobre a realização da 2ª ETAPA - Prova Prática e Prova de Capacidade Física que será disponibilizado no endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br, arcando o mesmo com as conseqüências decorrentes da não observação do disposto neste subitem.

3.2 2 ª ETAPA - PROVA PRÁTICA E PROVA DE CAPACIDADE FÍSICA

3.2.1 PROVA PRÁTICA

3.2.1.1 Serão submetidos a esta Prova, os candidatos inscritos nos cargos de: Armador, Calheiro, Carpinteiro, Eletricista, Encanador, Marceneiro, Pedreiro, Pintor, Pintor Letrista, Serralheiro e Vidraceiro, aprovados na 1ª Etapa - Prova Objetiva e classificados conforme os subitens 3.1.9 e 3.1.9.1.

3.2.1.2 A Prova Prática de caráter eliminatório visa verificar a capacidade do candidato em desempenhar as atividades típicas da categoria funcional.

3.2.1.3 A Prova Prática, dada a característica de que se reveste, não terá nota classificatória, mas apenas a menção APTO ou INAPTO. O candidato avaliado como INAPTO será considerado reprovado no Concurso.

3.2.1.4 Para a realização desta Etapa, o candidato deverá comparecer no dia, local e horário previamente designados, com antecedência mínima de 60 (sessenta) minutos, portando o original de um dos Documentos de identificação citados no item 5.3 deste Edital e o Comunicado de Convocação para a Prova Prática, impresso através do endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br.

3.2.1.5 O candidato será avaliado por uma Banca Examinadora que estabelecerá os Critérios de Avaliação.

3.2.1.6 O início e o término da prova se farão com um aviso do avaliador, quando o cronômetro será acionado/interrompido.

3.2.1.7 Não será permitido ao candidato:

a) depois de iniciada a prova, abandonar o local antes da liberação do examinador;

b) dar ou receber qualquer tipo de ajuda técnica ou física.

3.2.1.8 Ao sinal de término da prova, o candidato deverá interrompê-la e aguardar sua liberação por parte do examinador. A não obediência a esta orientação acarretará na eliminação do candidato do certame;

3.2.1.9 Recomenda-se que o candidato, para realização desta Etapa, tenha feito sua última refeição com antecedência mínima de 01 (uma) hora.

3.2.1 .10 O candidato para ser considerado APTO nesta Etapa, deverá demonstrar habilidade mínima exigida para o exercício das atividades do cargo, caso contrário, estará automaticamente reprovado no concurso.

3.2.1 .11 O candidato que vier acidentar-se, durante a Prova Prática, ficando impossibilitado de prosseguir na mesma, estará automaticamente eliminado do concurso, não cabendo nenhum recurso contra esta decisão.

3.2.1.12 O candidato que apresentar algum comprometimento das condições físicas (por motivos tais como acidente, gravidez de risco e outros) ficará impossibilitado de realizar a Prova.

3.2.1.13 Não caberá à Universidade Federal de Goiás, à COMOB e à Prefeitura de Goiânia nenhuma responsabilidade com o que possa acontecer ao candidato durante a realização das provas.

3.2.1.14 O candidato que deixar de comparecer ou não atender à chamada, para a execução da prova, estará automaticamente eliminado do concurso.

3.2.1.15 O resultado da prova será registrado pelo examinador na Ficha de Avaliação do candidato.

3.2.1 .16 A relação dos candidatos considerados APTOS será divulgada nos termos do Capítulo 2 deste Edital.

3.2.2 PROVA DE CAPACIDADE FÍSICA

3.2.2.1 Serão submetidos a esta Prova, os candidatos inscritos nos cargos de: Auxiliar de Serviços Gerais e Servente, aprovados na 1ª Etapa - Prova Objetiva e classificados, conforme os subitens 3.1.9 e 3.1.9.1.

3.2.2.2 A Prova de Capacidade Física, de caráter eliminatório, visa aferir a capacidade do candidato para suportar física e organicamente as exigências das atribuições do cargo.

3.2.2.3 A Prova de Capacidade Física, dada a característica de que se reveste, não terá nota classificatória, mas, apenas a menção APTO ou INAPTO. O candidato avaliado como INAPTO será considerado reprovado no Concurso.

3.2.2.4 O candidato deverá entregar no dia da realização da prova, Atestado Médico em formulário próprio, constante deste Anexo, emitido com data de até 30 (trinta) dias anteriores a data da prova. Caso compareça sem o Atestado Médico ficará impedido de realizá-la.

3.2.2.5 Para realização desta Prova, o candidato deverá comparecer no dia, local e horário previamente designados, com antecedência mínima de 60 (sessenta) minutos, portando o original de um dos Documentos de identificação citados no item 5.3 deste Edital, o Comunicado de Convocação para a Prova de Capacidade Física, impresso através do endereço eletrônico www.cia.concurso.goiania.go.gov.br e o Atestado Médico, com trajes adequados, a saber: calção de ginástica (ou malha para o sexo feminino), tênis e camiseta.

3.2.2.6 O candidato será avaliado por uma Banca Examinadora a fim de aferir seu desempenho em cada teste especificado no quadro a seguir:

Prova de Capacidade Física

Testes

Tempo máximo

Performance Mínima

Masculino

Feminino

Tentativas

Flexão de Braços

1 min

10 repetições

10 repetições

02 (duas)

Abdominal

1 min

20 repetições

10 repetições

02 (duas)

Corrida

12 min

2.000m

1.600m

01 (uma)

3.2.2.7 A realização dos testes obedecerá a seguinte ordem: Flexão de Braços, Abdominal e Corrida.

3.2.2.7.1 Flexão de Braços: A metodologia para preparação e execução do exercício consistirá em:

Sexo Masculino:

a) posição inicial: o candidato deverá apoiando-se no solo, se posicionar em decúbito frontal, pernas unidas e estendidas, braços e mãos na altura dos ombros;

b) execução: ao comando "\ já \", o candidato flexionará os braços com o tronco estendido até que o peito atinja o solo, sem, no entanto tocá-lo, mantendo o alinhamento da cabeça, coluna e pernas e, em seguida, voltará à posição inicial, completando uma repetição.

Sexo Feminino:

a) posição inicial: a candidata deverá se posicionar em quatro apoios (mãos e joelhos no solo), centro de gravidade projetado à frente com peso do tronco incidindo sobre os braços estendidos;

b) execução: ao comando "\ já \", a candidata flexionará os braços até atingir o solo com o peito, sem, no entanto tocá-lo, mantendo os joelhos apoiados ao solo, braços e mãos na altura dos ombros e, em seguida, voltará à posição inicial, completando uma repetição.

3.2.2.7.1.1 Deverá ser realizado o número mínimo de repetições, do correto movimento descrito, dentro do tempo determinado.

3.2.2.7.1.2 Os movimentos incompletos não serão contabilizados.

3.2.2.7.2 Abdominal (Remador) - masculino/feminino: A metodologia para preparação e execução do exercício consistirá em:

a) posição inicial: o(a) candidato(a) na posição deitada em decúbito dorsal, com as pernas unidas e estendidas e braços estendidos atrás da cabeça, tocando o solo;

b) execução: ao comando "\ já \", o(a) candidato(a) flexionará simultaneamente o tronco e membros inferiores na altura do quadril, lançando os braços à frente de modo que a sola dos pés se apóie totalmente no solo e a linha dos cotovelos coincida com a linha dos joelhos e, em seguida, voltará à posição inicial (decúbito dorsal), completando uma repetição.

3.2.2.7.2.1 Deverá ser realizado o número mínimo de repetições, do correto movimento descrito, dentro do tempo determinado.

3.2.2.7.2.2 Os movimentos incompletos não serão contabilizados.

3.2.2.7.3 Corrida: masculino/feminino: A metodologia para preparação e execução do exercício consistirá em:

a) o(a) candidato(a) percorrer a distância mínima exigida no tempo máximo de 12 (doze) minutos;

b) o(a) candidato(a) durante os doze minutos, poderá deslocar-se em qualquer ritmo, correndo ou caminhando, podendo, inclusive, parar e depois prosseguir.

3.2.2.7.3.1 O início e o término da prova se farão com um silvo longo de apito, quando o cronômetro será acionado/interrompido.

3.2.2.7.3.2 Não será permitido ao(a) candidato(a):

a) depois de iniciado o teste, abandonar o circuito antes da liberação do examinador;

b) dar ou receber qualquer tipo de ajuda física.

3.2.2.7.3.3 Ao sinal de término da prova, o(a) candidato(a) deverá interromper a trajetória da corrida, evitando ultrapassar a linha de chegada ou abandonar a pista e aguardar sua liberação por parte do examinador. A não obediência a esta orientação acarretará na eliminação do(a) candidato(a) do certame.

3.2.2.8 Recomenda-se que o candidato, para realização desta prova, tenha feito sua última refeição com uma antecedência mínima de 02 (duas) horas.

3.2.2.9 O candidato para ser considerado aprovado nos exercícios físicos, deverá obter, nos tempos e nas tentativas, o índice mínimo exigido para cada prova constante no subitem 3.2.2.6.

3.2.2.10 O candidato que não obtiver o índice mínimo em qualquer um dos testes estará automaticamente eliminado do processo seletivo, não sendo permitida a realização dos testes subseqüentes.

3.2.2.11 O aquecimento para a realização da prova ficará a cargo do candidato.

3.2.2.12 O candidato que vier acidentar-se, em qualquer um dos testes da Prova de Capacidade Física, ficando impossibilitado de prosseguir na mesma, estará automaticamente eliminado do concurso, não cabendo nenhum recurso contra esta decisão.

3.2.2.13 Tendo em vista a diferença temporal entre a emissão do Atestado Médico e a realização desta Prova, não caberá à Universidade Federal de Goiás, à COMOB e à Prefeitura de Goiânia nenhuma responsabilidade com o que possa acontecer ao candidato durante a realização da mesma.

3.2.2.13.1 O candidato que apresentar algum comprometimento das condições físicas (por motivos tais como acidente, gravidez de risco e outros) ficará impossibilitado de realizar a Prova.

3.2.2.14 O candidato que deixar de comparecer ou não atender à chamada, para a execução da prova, estará automaticamente eliminado do concurso.

3.2.2.15 O resultado de cada teste será registrado pelo examinador na Ficha de Avaliação do candidato.

3.2.2.16 O candidato INAPTO tomará ciência de sua eliminação do concurso, logo após a finalização dos testes.

3.2.2.17 A relação dos candidatos considerados APTOS será divulgada nos termos do Capítulo 2 deste Edital.

4 - DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE

4.1 A Classificação Final será realizada por cargo, em ordem decrescente do total de pontos obtidos na Prova Objetiva. Na hipótese de igualdade de pontos, para fins de classificação, terá preferência, sucessivamente, o candidato:

4.1.1 Inscritos nos cargos de Advogado, Arquiteto, Engenheiro Civil, Engenheiro Eletricista, Assistente Social, Tecnólogo em Construção de Edifícios, Tecnólogo em Redes de Comunicação, Tecnólogo em Agrimensura, Motorista e Motoqueiro:

a) com maior nota na Disciplina de Conhecimentos Específicos na Área de Atuação;

b) com maior nota em Língua Portuguesa;

c) persistindo o empate, o candidato com idade maior.

4.1.2 Inscritos nos cargos de Assistente Administrativo, Desenhista Cadista, Técnico Agrimensor, Técnico em Edificações, Técnico em Segurança do Trabalho e Auxiliar Administrativo:

a) com maior nota na Disciplina de Conhecimentos Específicos na Área de Atuação;

b) com maior nota em Língua Portuguesa;

c) com maior nota em Matemática;

d) persistindo o empate, o candidato com idade maior.

4.1.3 Inscritos nos cargos de Armador, Calheiro, Carpinteiro, Eletricista, Encanador, Marceneiro, Pedreiro, Pintor, Pintor Letrista, Serralheiro, Vidraceiro, Auxiliar de Serviços Gerais e Servente:

a) com maior nota em Língua Portuguesa;

b) com maior nota em Matemática;

c) persistindo o empate, o candidato com idade maior.

4.2 Caso haja pelo menos um candidato com idade igual ou superior a sessenta anos completos até o último dia de inscrição, o desempate, no cargo, se dará utilizando como primeiro critério, a idade.

4.3 A Classificação Final será divulgada nos termos do Capítulo 2 deste Edital, em conformidade com os critérios estabelecidos neste Capítulo.

5 - DO RESULTADO FINAL

5.1 O Resultado Final do Concurso será divulgado nos termos do Capítulo 2, deste Edital, com a lista dos nomes dos candidatos aprovados e classificados em ordem decrescente da nota obtida na 1ª Etapa - Prova Objetiva, sendo que:

a) para os inscritos nos cargos de Advogado, Arquiteto, Engenheiro Civil, Engenheiro Eletricista, Assistente Social, Tecnólogo em Construção de Edifícios, Tecnólogo em Redes de Comunicação e Tecnólogo em Agrimensura, a reserva técnica constará de todos os aprovados e classificados conforme o cargo;

b) para os inscritos nos cargos de Assistente Administrativo, Desenhista Cadista, Técnico Agrimensor, Técnico em Edificações,Técnico em Segurança do Trabalho, Auxiliar Administrativo, Motorista e Motoqueiro será formada uma reserva técnica dos candidatos classificados, excedentes ao número de vagas previsto no Capítulo 1, deste Anexo, até o limite de 10 (dez) vezes o número de vagas correspondentes a cada cargo;

c) para os inscritos nos cargos de Armador, Calheiro, Carpinteiro, Eletricista, Encanador, Marceneiro, Pedreiro, Pintor, Pintor Letrista, Serralheiro, Vidraceiro, Auxiliar de Serviços Gerais e Servente será formada uma reserva técnica dos candidatos classificados em conformidade com os critérios estabelecidos nos subitens 3.1.9 e 3.1.9.1, conforme o cargo a que concorrem, excluindo-se os eliminados na 2ª Etapa - Prova Prática ou Prova de Capacidade Física.

5.2 Todos os candidatos que se encontrarem com nota igual a da classificação limite, estabelecida na alínea b do item 5.1, estarão aprovados.

5.3 Os candidatos que não se enquadrarem no limite estipulado nos itens anteriores, estarão automaticamente eliminados do concurso.

ATESTADO MÉDICO

PROVA DE CAPACIDADE FÍSICA PARA CANDIDATO (A) INSCRITO (A) NO CARGO DE AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS OU SERVENTE

Atesto, sob penas da Lei, que o(a) candidato(a) _______________________________________________________________________________

_________________________ , inscrição n° _____________________ Documento de identificação n° ___________________________________,

Orgão Expedidor _____________________ encontra-se em pleno gozo de saúde física para ser submetido a todos os testes exigidos na Prova de Capacidade Física do Concurso Público da COMPANHIA DE OBRAS E HABITAÇÃO DO MUNICÍPIO DE GOIÂNIA - COMOB, Edital n° 001/2007, para o cargo de ___________________________________________________________________________.

Goiânia,______ de ___________________ de 2007.

_____________________________________________________
   Assinatura
  carimbo e CRM do médico