Prefeitura de Fortaleza - CE

PREFEITURA MUNICIPAL DE FORTALEZA - PMF

SEC. DE ADMINISTRAÇÃO DO MUNICÍPIO - SAM

INSTITUTO MUNICIPAL DE PESQUISAS, ADMINISTRAÇÃO E RECURSOS HUMANOS - IMPARH

SEC. MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO E ASSIST. SOCIAL - SEDAS

SELEÇÃO PÚBLICA PARA PROFESSOR SUBSTITUTO

EDITAL N.º 017/07

ABERTURA DE INSCRIÇÕES E INSTRUÇÕES AOS CANDIDATOS

O Secretário de Administração do Município, no uso de suas atribuições legais e estatutárias e em conformidade com o artigo 3°, inciso V da Lei Complementar n° 011, de 29 de dezembro de 1998, por meio do Instituto Municipal de Pesquisas, Administração e Recursos Humanos - IMPARH, divulga a abertura de inscrições para realização de seleção pública para professor substituto, destinada à contratação temporária, conforme discriminado no Anexo II, do presente edital, do quadro de pessoal da Secretaria Municipal de Educação e Assistência Social - SEDAS.

1. DO OBJETO

1.1. A seleção pública de que trata o presente edital tem por finalidade o provimento de 310 (trezentas e dez) vagas para os cargos de Professor Substituto (com Licenciatura plena concluída até a data da inscrição), a ser realizada em 01 (uma) etapa, mediante avaliações, através de provas objetivas, de acordo com as características dos cargos.

1.2. Os programas sobre os quais versarão as provas são os constantes no Anexo I.

1.3. As vagas, salários, carga horária e requisitos de que trata o presente edital são os constantes no Anexo II.

2. DO PRAZO DA CONTRATAÇÃO

2.1. A contratação de que trata esta seleção terá prazo de 06 (seis) meses, prorrogáveis uma única vez por até igual período, conforme art. 5° da Lei Complementar Municipal 011/98.

3. DAS INSCRIÇÕES

3.1. As inscrições estarão abertas nos dias 13, 14, 15, 18 e 19/06, das 8h às 17h, no Instituto Municipal de Pesquisas, Administração e Recursos Humanos - IMPARH, situado na Avenida João Pessoa n.°5609, bairro Damas, em Fortaleza, Ceará - CEP 60.425-682.

3.2. As condições para inscrição dos candidatos são as seguintes:

3.2.1. ser brasileiro nato, naturalizado ou português em gozo dos direitos políticos, nacionalidade a ser comprovada por Certidão de Nascimento ou, nos dois últimos casos, estar amparado pelos Decretos N°. 70.391, de 11/04/72, e N°. 70.432 de 18/04/72;

3.2.2. estar em dia com as obrigações eleitorais, para ambos os sexos, e com o Serviço Militar, para os candidatos do sexo masculino;

3.2.3. ser maior de 18 (dezoito) anos, no ato da admissão;

3.3. No ato da inscrição, serão exigidos os seguintes documentos:

3.3.1. cópia reprográfica de Documento de Identificação;

3.3.2. comprovante do pagamento da taxa de inscrição;

3.3.3. o candidato com experiência no magistério, deverá apresentar documento comprobatório de sua experiência, tais como declaração fornecida pela instituição de ensino, atualizada e em papel timbrado, ou cópia do contrato da Carteira de Trabalho e Previdência Social - CTPS, para critério de desempate, na forma do subitem 6.5.

3.4. O candidato deverá preencher com clareza a ficha de inscrição, sem emendas ou rasuras, seguindo as orientações constantes na mesma, fornecida no local das inscrições, e assinar declaração segundo a qual, sob as penas da lei, se comprometerá a possuir as condições necessárias à inscrição especificadas nos itens 3.2;

3.5. As informações prestadas na ficha de inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, cabendo ao IMPARH o direito de excluí-lo da seleção, caso comprove inverdade dos dados fornecidos.

3.6. Não será aceita inscrição condicional nem por correspondência, admitindo-se inscrição através de procuração por instrumento público ou particular, com reconhecimento de firma, mediante a entrega do respectivo mandato e da cópia reprográfica autenticada da cédula de identidade do candidato.

3.7. Será cobrada a taxa de inscrição no valor de R$ 30,00 (trinta reais).

3.8. A taxa de inscrição deverá ser paga em qualquer agência do Banco do Brasil S. A., para crédito do IMPARH, Agência n° 0008-6, Conta Corrente n° 23.840-6.

3.9. A taxa, uma vez paga, não será restituída em hipótese alguma, salvo motivo devidamente justificado, ocasionado pela administração do IMPARH. No caso de pagamento com cheque, este somente será aceito se for do próprio candidato, sendo considerada nula a inscrição se houver devolução do cheque.

3.10. A inscrição do candidato implicará no conhecimento e na tácita aceitação das normas e condições estabelecidas neste edital, não podendo o candidato alegar desconhecimento.

3.11. O cartão de inscrição, o qual, juntamente com o documento de identidade, dará acesso às dependências do local de realização das provas, será entregue no momento da realização da inscrição.

3.12. No cartão de inscrição constará nome do candidato, número da inscrição e o código do cargo a que concorre.

3.13. O candidato portador de deficiência poderá concorrer, sob sua inteira responsabilidade, às vagas reservadas ao mesmo, dentro de cada disciplina, que correspondem a 5% (cinco por cento) do número total de vagas, declarando-se como tal na ficha de inscrição e anexando laudo médico registrando o tipo de incapacidade que apresenta, vedada qualquer alteração posterior.

3.14. O candidato, portador de deficiência, participará da seleção em igualdade de condições com os demais, no que se refere ao conteúdo, avaliação, horário e local de aplicação das provas.

3.15. O candidato que se julgar amparado pelo art. 37, VIII, da Constituição Federal, poderá concorrer à(s) vaga(s) reservada(s) a portadores de deficiência, indicadas no subitem 3.13, fazendo sua opção na ficha de inscrição.

3.16. Durante o período da inscrição, o candidato portador de deficiência deverá:

a) requerer tratamento diferenciado para o dia da seleção, indicando as condições diferenciadas de que necessita para a realização das provas;

b) requerer tempo adicional para a realização das provas, apresentando justificativa acompanhada de parecer emitido por especialista da área de sua deficiência.

3.17. A não solicitação prévia de tratamento diferenciado implica a sua não concessão no dia de realização das provas;

3.18. O candidato portador de deficiência que não declarar essa condição e não a comprovar através de laudo médico com o número do CID a ser apresentado no ato da inscrição, não poderá concorrer às vagas destinadas ao mesmo, sendo sua inscrição processada na relação de candidatos não portadores de deficiência.

4. DO PROCESSO SELETIVO

4.1. A seleção efetivar-se-á, para todos os cargos, em uma única etapa, de caráter eliminatório e classificatório, composta de 50 (cinqüenta) questões, sendo 20 (vinte) questões objetivas de conhecimentos gerais e 30 (trinta) questões objetivas de conhecimentos específicos, de acordo com o cargo para o qual o candidato concorre.

5. DAS PROVAS

5.1. As provas serão escritas e objetivas para todos os candidatos e serão aplicadas no dia 01/07/2007, com duração de 04 (quatro) horas, das 13h às 17h, devendo o candidato comparecer ao local com antecedência de 30 (trinta) minutos, munido de caneta esferográfica (azul), do documento oficial de identificação e cartão de inscrição do candidato originais, sem os quais não poderá prestar exame.

5.2. Os documentos de inscrição e de identidade pessoal deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitir, com clareza, a identificação do candidato.

5.3. Fechados os portões, não será permitido o ingresso de candidatos em hipótese alguma, nos locais de realização das provas, sendo, portanto, eliminado o candidato que se apresentar após o horário estabelecido para realização das provas.

5.4. Não haverá, sob qualquer pretexto, segunda chamada para as provas, nem realização das mesmas fora do horário marcado.

5.5. Será nula a questão da prova que contiver mais de uma resposta, emenda ou rasura, ainda que legível, e também aquela que não for transferida para o cartão-resposta, único documento válido para sua correção ou, ainda, a transferida sem o preenchimento total do espaço destinado à resposta correta. Ao terminar a prova, o candidato deverá entregar obrigatoriamente o cartão-resposta e a prova. Em nenhuma hipótese, haverá substituição do cartão-resposta por erro do candidato.

5.6. Durante a realização da prova, não será permitida qualquer espécie de consulta ou comunicação entre os candidatos, nem utilização de livros, manuais, apostilas, impressos ou anotações, calculadoras, agendas eletrônicas ou similares, telefone celular, "bip", "walkman", gravadores ou qualquer tipo de receptor ou transceptor de mensagem.

5.7. As notas das provas serão calculadas da seguinte forma:

NF = NQC x 0,20

Onde:

NF = nota final.

NQC = número de questões certas.

6. DA CLASSIFICAÇÃO

6.1. Serão classificados os candidatos que obtiverem nota igual ou superior a 05 (cinco) em cada prova objetiva, a saber, conhecimentos gerais e conhecimentos específicos.

6.2. classificação final obedecerá à ordem decrescente do número de pontos obtidos na nota final (NF) pelos candidatos.

6.3. A classificação contemplará, separadamente, os candidatos aprovados concorrentes às vagas reservadas aos portadores de necessidades especiais, respeitado o limite de vagas de cada cargo.

6.4. Serão considerados desclassificados, para todos os efeitos, os demais candidatos que não satisfizerem os requisitos fixados no subitem 6.1.

6.5. Ocorrendo empate no total de pontos, o desempate beneficiará sucessivamente o candidato:

a) com maior número de pontos na prova de conhecimentos específicos;

b) com experiência no magistério;

c) mais velho.

6.6. A divulgação do gabarito oficial será no dia 02 de julho de 2007, no sítio oficial do IMPARH, www.imparh.ce.gov.br, e afixado na sede do instituto.

6.7. O resultado final da seleção será divulgado no sítio oficial do Instituto, www.imparh.ce.gov.br, e afixado na sede do IMPARH, além de ser publicado no Diário Oficial do Município - DOM.

7. DOS RECURSOS

7.1. Aos candidatos será assegurado o direito à interposição de recursos por meio de formulário padronizado disponível aos interessados no protocolo do IMPARH, nas fases de homologação das inscrições e publicação de resultados;

7.2. Os recursos dirigidos contra o resultado do gabarito oficial e/ou do resultado final encaminhados ao Presidente do IMPARH deverão ser interpostos no prazo máximo de 24 horas, a partir de sua divulgação, na forma do subitem 7.3.

7.3. No recurso, deverão constar a justificativa do pedido, sua fundamentação; dever-se-ão anexar fotocópias da bibliografia sobre as razões apresentadas, no caso de alegação de erro na elaboração das provas.

7.4. Os pontos correspondentes às questões porventura anuladas serão atribuídos a todos os candidatos, independentemente da formulação de recurso.

8. DA HOMOLOGAÇÃO DA SELEÇÃO

8.1. A homologação do processo seletivo far-se-á por ato da Prefeita, mediante relatório sobre as fases do mesmo, elaborado pelo IMPARH, constando:

I - o histórico dos preparativos da seleção;

II - a cópia de edital e do aviso (resumo);

III - a cópia dos atos designativos da banca examinadora e da comissão coordenadora, além da relação dos chefes de sala, fiscais e outros participantes da seleção;

IV - a relação das notas obtidas pelos candidatos;

V - a relação dos aprovados (classificados e classificáveis) em ordem decrescente da nota final;

VI - as ocorrências havidas durante a realização da seleção;

VII - parecer final da comissão coordenadora.

8.2. A Prefeita poderá, a seu critério, antes da homologação do processo seletivo, suspender, alterar ou cancelar a seleção, não assistindo aos candidatos direito à reclamação.

8.3. O resultado final, devidamente homologado, será publicado no Diário Oficial do Município - DOM, obedecendo à ordem de classificação, não se admitindo recurso desse resultado.

8.4. A publicação no Diário Oficial do Município - DOM substitui atestados, certificados ou certidões relativos à classificação, média ou nota do candidato.

9. DA CONTRATAÇÃO

9.1. Os classificados na seleção, quando convocados para a efetivação do contrato com a PMF, obrigatoriamente deverão comprovar, mediante documentos, as condições gerais abaixo dispostas, sob pena de perda do direito à vaga:

9.1.1. certidão negativa de antecedentes criminais e de interdição civil, achando-se em pleno exercício de seus direitos civis e políticos;

9.1.2. atestado de boa saúde física e mental, comprovada mediante inspeção médica a ser realizada pela Junta Médica Municipal;

9.1.3. certidão de que estão em dia com as obrigações perante a Justiça Eleitoral, para ambos os sexos, e com o serviço militar, para os candidatos do sexo masculino;

9.1.4. atender aos requisitos dispostos no Anexo II do presente edital, compatíveis com as exigências do cargo.

9.1.5. Não ser servidores público da administração direta ou indireta, da união, dos estados, do Distrito Federal e dos municípios, inclusive de Fortaleza, bem como de empregados ou servidores de qualquer das suas subsidiárias e controladas.

9.1.6. Os candidatos ao cargo de professor substituto de creche, educação infantil e de ensino fundamental (de 1ª à 5ª série) deverão apresentar comprovante de licenciatura plena em pedagogia.

9.1.7. Os candidatos ao cargo de professor substituto de Ensino Fundamental (6ª a 9ª séries) deverão apresentar comprovante de licenciatura plena na área de estudo que concorreu;

9.1.8. O candidato deficiente aprovado será submetido à perícia perante a Junta Médica Municipal, que decidirá sobre:

a) capacidade de exercício laboral do candidato;

b) compatibilidade da deficiência do candidato com o exercício das atribuições do cargo.

9.2. Caso a Junta Médica Municipal não reconheça a capacidade laboral e a compatibilidade de deficiência para o exercício do cargo, de acordo com suas atribuições, o candidato não será contratado;

9.3. As vagas reservadas aos portadores de deficiência que não forem preenchidas, reverterão aos demais candidatos aprovados, observada a ordem classificatória;

9.4. Os candidatos aprovados, obedecida à ordem de classificação, deverão comparecer no local, data e horário determinado para lotação, os quais escolherão dentre, as unidades de ensino, aquela de sua preferência, que disponham de vagas correspondentes aos respectivos cargos e seja de interesse do serviço público;

9.5. A contratação do candidato aprovado na seleção, obedecida à ordem de classificação, reger-se-á pela legislação trabalhista e previdenciária, prevista na legislação federal;

9.6. A recusa do candidato à contratação ou a sua ausência ao local, data e horários determinados para lotação, implicará em seu deslocamento para o último lugar na lista de classificação do respectivo cargo, respeitada a ordem cronológica de recusa.

10. DA DELEGAÇÃO DE COMPETÊNCIA

10.1. Fica delegada a competência ao Instituto Municipal de Pesquisas, Administração e Recursos Humanos - IMPARH, para elaborar edital da seleção, aviso e coordenar a seleção.

11. DISPOSIÇÕES FINAIS

11.1. Os prazos deste edital poderão ser prorrogados, a juízo do IMPARH, através de publicação nos meios de comunicação em que foram divulgados o resumo deste edital.

11.2. O prazo de eficácia da seleção, para efeito de contratação, será de 6 (seis) meses a contar da publicação do ato homologatório, prorrogável uma vez, por até igual período.

11.3. A classificação na seleção não proporciona direito à contratação, mas esta, quando ocorrer, respeitará a ordem de classificação dos candidatos.

11.4. É vedado, a qualquer título, o arredondamento de notas, inclusive da nota ou média final.

11.5. A diferença entre o número de vagas e o de classificação constituir-se-á de habilitação, para suprir eventuais desistências, exclusões de candidatos ou abertura de novas vagas no prazo de validade da seleção.

11.6. O resultado final será divulgado na sede do IMPARH, no site www.imparh.ce.gov.br e através do Diário Oficial do Município;

11.7. Será excluído da seleção, por ato da Presidência do Instituto Municipal de Pesquisas, Administração e Recursos Humanos - IMPARH, o candidato que:

a) agir com incorreção ou descortesia contra qualquer membro da equipe encarregada da realização da prova;

b) durante a realização da prova, for surpreendido em comunicação com outro candidato;

c) for flagrado utilizando-se de qualquer meio na tentativa de burlar a fiscalização da prova ou for responsável por falsa identidade pessoal;

d) registrar em qualquer documento da seleção declaração falsa ou inexata.

11.8. Os casos omissos, no que concerne à competência delegada no Item 10.1, serão resolvidos pelo Presidente do Instituto Municipal de Pesquisas, Administração e Recursos Humanos - IMPARH, enquanto os demais serão apreciados pela Secretaria de Administração do Município de Fortaleza.

Fortaleza, 01 de junho de 2007.

ALFREDO JOSÉ DE OLIVEIRA PESSOA
Secretário de Administração do Município - SAM

ANEXO I DO EDITAL N.º 017/07

CONTEÚDOS DAS PROVAS

CONHECIMENTOS GERAIS

O Programa de Conhecimentos Gerais, que será para todos os candidatos, deverá abranger conteúdos das seguintes disciplinas:

- Língua Portuguesa (10 questões)

- Didática (10 questões)

- Total: (20 questões)

1 - Língua Portuguesa

Leitura

· Compreensão de Textos (Literal, Interpretativa e Crítica), Identificação das relações de coerência: idéia principal / detalhe de apoio, relação de causa e efeito, seqüência temporal e espacial, relação de comparação e contraste; identificação do significado de palavras recorrendo ao contexto; identificação do sentido entre as palavras: sinonímia, antonímia e campo semântico, denotação e conotação; reconhecimento da natureza dos tipos de texto: narrativo, descritivo e dissertativo; reconhecimento das informações implícitas, reconhecimento do propósito do autor, reconhecimento do propósito comunicativo, confrontando as idéias do leitor com as que o texto apresenta.

Escrita

· Geração e organização de idéias.

· Aspectos Estruturais - mecanismos de estruturação de frases, organização de parágrafos, tipos de textos (narrativo, descritivo e dissertativo), formatos de textos (notícia, carta, anúncio, instrução, bilhete).

· Aspectos Estilísticos - as funções comunicativas de um texto e o grau de formalidade de um texto.

· Aspectos Normativos - concordância, regência, colocação, acentuação, pontuação e ortografia.

Gramática

· Fonologia - encontros vocálicos.

· Morfologia - identificação das classes das palavras; identificação das flexões nominais e verbais, flexão de nomes e verbos; emprego dos pronomes de tratamento; reconhecimento do valor conectivo do pronome, da preposição e da conjunção.

Sintaxe

· Frase, oração e período, reconhecimento dos termos da oração e identificação da oração no período.

2 - Didática

· Educação, Escola, Professores e Comunidade; Papel da Didática na Formação de Educadores; O Processo de Ensino;

· Os Componentes do Processo Didático: Ensino e Aprendizagem; Tendências Pedagógicas no Brasil e a Didática; Didática e Metodologia;

· Disciplina uma questão de autoridade ou de participação?; O Relacionamento na Sala de Aula; O Processo de Ensinar e Aprender; O Compromisso Social e Ético dos Professores; O Currículo e seu Planejamento; O Projeto Pedagógico da Escola; O Plano de Ensino e Plano de Aula; Relações Professor-Aluno: A atuação do Professor como incentivador, aspectos sócio-emocionais.

· O Planejamento Escolar: Importância; Requisitos Gerais; Os Conteúdos de Ensino;

· A Relação Objetivo - Conteúdo - Método; Avaliação da Aprendizagem; Funções da Avaliação; Princípios Básicos da Avaliação; Superação da Reprovação Escolar.

Bibliografia

COLL, César - Os Conteúdos na Reforma: Ensino e aprendizagem de conceitos, procedimento e atitudes - Porto Alegre: Cortez, Artes Médicas, 1998.

COLL, César - Psicologia e Currículo - uma aproximação psicopedagógica à elaboração do currículo escolar - São Paulo: Ática, 1998.

HOFFMANN, Jussara - Avaliação Mediadora - Porto Alegre: Educação & Realidade, 1993.

LIBÂNEO, José Carlos - Didática - São Paulo: Cortez, 1997.

VASCONCELOS, Celso dos Santos - Planejamento: Plano de Ensino - Aprendizagem e Projeto Educativo - São Paulo: Libertad, 1998.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

Conhecimentos Específicos (30 questões de cada área de estudo): 1 - Professor Substituto - Educação Infantil (creche e pré-escola)

- Educação na pluralidade e diversidade de experiências culturais; Gestão democrática da/na escola; Legislação pertinente (a Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional, o Estatuto da Criança e do Adolescente, Resolução nº1/99 do Conselho Nacional de Educação/99 e Resolução n° 361/00 do Conselho de Educação do Ceará); Didática do Ensino e da Aprendizagem na Educação Infantil; Planejamento Participativo; Processos de desenvolvimento e aprendizagem nos seis primeiros anos de vida de acordo com Piaget, Vigotsky e Wallon; O papel da brincadeira nos processos de desenvolvimento e aprendizagem da criança; Tempo e Espaço na Instituição de Educação Infantil; Cuidar e educar - função indissociável na educação infantil; O papel da linguagem no desenvolvimento e aprendizagem infantil; A construção do conceito de números pela criança; A linguagem e escrita na Educação Infantil; Concepção de infância. Função que a Educação Infantil tem assumido; Saberes necessários à ação docente; Inclusão Social.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS

· BRASIL. Conselho Nacional de Educação. Resolução n° 1/99.

· CEARÁ. Conselho de Educação do Ceará. Resolução n° 361/2000.

· BRASIL. Ministério da Educação e do Desporto. Secretaria da Educação Fundamental. Referenciais Curriculares Nacionais para a Educação Infantil. Volumes 1,2 e 3. Brasília: MEC/SEF, 1997.

· BRASIL. Parecer CNE/CEB n° 22/98 - Relatora: Regina de Alcântara Assis.

· BRASIL. Estatuto da Criança e do Adolescente. Lei n° 8.069/90, de 13 de julho de 1990. São Paulo: CBIA-SP, 1991.

· BRASIL.Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Lei n° 9.394/96, de 20 de dezembro de 1996.

· FREIRE. Paulo.Política e Educação: ensaios / Paulo Freire. 7. ed. - São Paulo, Cortez,2003.(Coleção Questões da Nossa Época; v.23)

· PUIG. Josep M ... [et.al] Democracia e Participação Escolar/ Propostas de Atividades.SP. Moderna,2002.

· ABRAMOWICZ, A. & WAJSKOP, G. Creches: Atividades para Crianças de Zero a Seis Anos. São Paulo: Moderna, 1995.

· BRASIL. MEC/SEF/COEDI. Política de educação infantil . Brasília: 2005.

· CAMPOS, Maria M. M., ROSENBERG, F. E FERRREIRA, I.M. Educar e Cuidar: questões sobre o perfil do profissional de educação infantil. Brasil/MEC/SEF/COEDI. Por uma política de formação do profissional de educação infantil. Brasília, 1994.

· CRAIDY, Carmen e KAECHER, Gládis E. Educação Infantil: pra que te quero? Porto Alegre: Artmed, 2001.

· EDWARDS, Carolyn. Parceiro, promotor do crescimento e guia - os papéis dos professores de Reggio Emília. In: EDWARDS, Carolyn, Gandini, Lella e FORMAN, George. As cem linguagens da criança: a abordagem de Reggio Emília na educação da primeira infância. Porto Alegre: Artmed, 1999.

· FERREIRA, R. C. (org.) Os Fazeres na Educação Infantil. São Paulo: Cortez, 1998.

· FERREIRO, Emília. Com todas as letras. S.P. Cortez. 1997.

· GANDINI, Lella & EDWARDS, Carolyn. Banbini: a abordagem italiana à Educação Infantil. Porto Alegre: Artes Médicas, 2002.

· HOFFMANN, Jussara M. L. Avaliação na Pré-Escola: um olhar sensível e reflexivo sobre a criança. Porto Alegre: Mediação, 1996.

· KRAMER, Sônia. De que professor precisamos para a Educação Infantil? Revista Pátio Educação Infantil n° 2. Porto Alegre: Artmed, agosto /novembro 2003.

· KRAMER, Sônia. Com a pré-escola nas mãos

· KAMII, Constance. A criança e o número.SP.Papirus 1985.

· KISHIMOTO, Tisuko M. Jogo, Brinquedo, Brincadeira e a Educação. São Paulo: Cortez, 1997.

· LEITE, Maria Isabel F. Pereira/ KRAMER,Sônia/ ALVES, Maria Fernanda. Infância e Educação Infantil. Papirus, 1996.

· PIAGET, Jean. Seis Estudos de Psicologia. Rio de Janeiro: Forense-Universitária,1986.

· PIAGET, Jean. Linguagem e o Pensamento da Criança. São Paulo: Martins Fontes, 1987.

· Subsídios para credenciamento e funcionamento de instituições de educação infantil. Brasília, 1998.

· TEBEROSKY, Ana, COLLOMER, Teresa. Aprender a ler e escrever: uma proposta construtivista. Porto Alegre: Artmed, 2003.

· UNESCO. Declaração de Salamanca. Linha de Ação. Brasília: MEC/Corde, 1994.

· VYGOTSKY, L. A Função Social da Mente. São Paulo:Martins Fontes, 1988.

· ZABALZA, Miguel A. Qualidade em educação infantil. Porto alegre: Artes Médicas, 1998.

2 - Professor Substituto - Ensino Fundamental de 1ª e 5ª (polivalente)

I - ATUALIDADES

- DIVERSIDADES ÉTNICO RACIAL

· Cultura Afro-Brasileira; Religiões de Matriz Africana; Politicas Afirmativas.

- ESTATUTO DA CRIANÇA E DO ADOLESCENTE ( ECA)

· O papel dos Conselhos Tutelares.

- EDUCAÇÃO AMBIENTAL

· Biodiversidade; Mudanças Climáticas; Consumo Sustentável; O Semi-árido Nordestino; Protocolo de Kioto; Conferência ECO-92; Conferência infanto juvenil pelo meio ambiente.

II - DIDÁTICA

· Papel da Didática na Formação de Educadores

- Os Componentes do Processo didático

· Ensino e aprendizagem; Tendências pedagógicas no Brasil; Didática e metodologia.

- O Processo de Ensinar e Aprender

· Relações professor-aluno; Atuação do professor como incentivador, aspectos sócio-emocionais; O compromisso social e ético dos professores.

- O currículo e seu planejamento

· O projeto pedagógico da escola ; O plano de ensino e plano de aula.

- O planejamento escolar

· Requisitos gerais; Conteúdo de ensino; Relação objetivos-conteúdo-método.

- Avaliação da aprendizagem

· Funções da avaliação; princípios básicos da avaliação; Superação da reprovação escolar.

III - PORTUGUÊS

- Elementos de construção do texto e seu sentido

· gêneros textuais; interpretação; nível literal e inferencial; variações lingüísticas;

- Semântica

· sentido e emprego dos vocábulos; campos semânticos; emprego de tempos e modos dos verbos em português;

- Morfologia

· reconhecimento, emprego e sentido das classes gramaticais; processos de formação de palavras; mecanismos de flexão dos nomes e verbos;

- Sintaxe

· frase, oração e período; termos da oração; processos de coordenação e subordinação; concordância nominal e verbal; transitividade e regência de nomes e verbos; padrões gerais de colocação pronominal no português; mecanismos de coesão textual;

- Ortografia

- Pontuação.

IV - MATEMÁTICA

- Números e Operações

· Sistema de numeração decimal; Operações fundamentais: da adição, subtração,multiplicação e divisão; Propriedades da adição e multiplicação; Máximo divisor comum e mínimo múltiplo comum; Operações e Medidas; Sistema métrico decimal; Medidas de comprimento, massa e capacidade.

- Espaço e Forma

· Polígonos; Cálculo do perímetro das figuras planas; Cálculo de área de figuras planas.

- Tratamento da Informação

· Leitura e interpretação de gráficos e tabelas; Princípios fundamentais de contagem; Noções básicas de probabilidade.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS:

· CEREJA, W. R.; MAGALHÃES, T.C. Gramática reflexiva; texto, semântica e interação. São Paulo: Atual, 1999.

· GERALDI, João W. O texto na sala de aula. São Paulo: Ática, 1997.

· POSSENTI, Sírio. Por que ( não) ensinar gramática na escola. São Paulo: Mercado das letras, 1996.

· KOCK, Ingedore V. & TRAVAGLIA, L.C. Texto e Coerência. 2ª ed. São Paulo: Cortez, 1993.

· _____.Coerência textual. São Paulo, Contexto, 2001.

· SAVIOLI, F. P. & FIORIN, J.L. Para entender o texto: leitura e redação. São Paulo: Ática, 1997.

· BRASIL/MEC. Ministério da Educação. Parâmetros Curriculares Nacioinais-PCN Matemática Brasilia, 1997

· DANTE, Luiz Roberto. Tudo é MatemáticaSão Paulo: Editora Ática, 2006 Vol.1 a 4

· NETO, Ernesto Rosa.Didática da Matemática São Paulo: Editora ática 2003

· MACHADO, Jose Nilson. Matemática e Lingua Materna; São Paulo, Cortez, Autores Associados 1990

· GANDIN,D,Cruz, C.H.C.C; Planejamento na Sala de Aula. Petropolis.Voz, 2006

· ZABALA, Antoni. A prática Educativa- Como Ensina. Porto Alegre. Artmed; 1998

· HOFFMAN N, Jussara-Avaliação Mediadora. Porto Alegre. Educação & Realidade. 1993

· LIBÂNEO, José Carlos. Didática, São Paulo. Cortez. 1997

· COOL, César. Psicologia e Currículo; uma aproximação psicopedagógica a elaboração do currículo escolar. São Paulo. Ática 1998.

· BRASIL/MEC. Lei. 10639 . Brasilia, 2003

· Estatuto da Criança e do Adolescente.

3 - Professor Substituto - Língua Portuguesa e Literatura

I. Leitura

- Compreensão de Textos (Literal, Interpretativa e Crítica) - Identificação das relações de coerência; idéia principal/detalhe de apoio, relação de causa e efeito, seqüência temporal e espacial, relação de comparação e contraste; identificação do significado de palavras recorrendo ao contexto; identificação do sentido entre as palavras: sinonímia, polissemia, hiperonímia e campo semântico: denotação e conotação; reconhecimento da natureza dos tipos textuais: narrativo, descritivo e dissertativo; reconhecimento das informações implícitas; reconhecimento do propósito do autor, interação com o texto confrontando as idéias do leitor com as que o texto apresenta.

II. Escrita - Produção Textual

- Aspectos Conteudísticos - geração e organização de idéias

- Aspectos Estruturais - mecanismos de estruturação frasal, organização paragráfica, tipos textuais: narrativo, descritivo e dissertativo; formatos de textos (notícia, carta, anúncio, instrução, bilhete, editorial, etc.).

- Aspectos Estilísticos - adequação às funções comunicativas do texto, adequação ao grau de formalidade do texto.

- Aspectos Normativos - concordância, regência, colocação, acentuação, pontuação e ortografia.

III. Gramática

- Fonologia - Identificação de fonemas e letras; reconhecimento de valores fonéticos de alguns fonemas e identificação da correta representação gráfica dos fonemas e dos vocábulos.

- Morfologia - Identificação das classes das palavras; identificação das flexões nominais e verbais; flexão de nomes e verbos; emprego dos pronomes de tratamento; reconhecimento do valor conectivo do pronome, preposição e da conjunção; reconhecimento dos elementos mórficos das palavras: distinção entre composição e derivação; reconhecimento dos cognatos das palavras.

- Sintaxe - frase, oração e período, reconhecimento dos termos da oração e identificação da oração no período.

IV. Literatura

- Romantismo: momento histórico, características, autores e obras representativas;

- Realismo, Simbolismo, Parnasianismo: momento histórico, características, autores e obras representativas;

- Modernismo: momento histórico, vanguarda européia, Semana de Arte Moderna, reconhecimento dos três momentos do modernismo brasileiro, autores e obras representativas.

- Contemporaneidade: tendências estéticas, momento histórico, características, autores e obras representativas. Sintaxe.

4 - Professor Substituto - Língua Estrangeira - Inglês

Interpretação de texto: conhecimento da Língua, ortografia, estrutura e formação das palavras; classificação geral das palavras (substantivo, artigo, adjetivos, pronomes, verbos); o uso do Will, Can e May; formas negativas e interrogativas; a palavra There, "Tag Questions", contrações, numerais; preposições; advérbios; os dias da semana e os meses do ano.

5 - Professor Substituto - História

- Eixo temático: História das relações sociais, da cultura e do trabalho.

· As relações sociais, a natureza e a terra: relação entre a sociedade, a cultura e a natureza, em diferentes momentos da História Brasileira; relação entre a sociedade, a cultura e a natureza na História dos povos americanos na antiguidade e entre os seus descendentes hoje; relação entre sociedade, a cultura e a natureza na História de povos do mundo em diferentes tempos; diferenças, semelhanças, transformações e permanências nas relações entre a sociedade, a cultura e a natureza, constituídas no passado.

· As relações de trabalho: relações de trabalho em diferentes momentos da História Brasileira; relações de trabalho em diferentes momentos da História dos povos americanos; relações de trabalho em diferentes momentos na História de povos do mundo; diferenças, semelhanças, transformações e permanências nas relações de trabalho, no presente e no passado.

- Eixo temático: História das representações e das relações de poder

· Nações, povos, lutas, guerras e revoluções: processo de constituição do território, da nação e do Estado brasileiro, confronto, lutas, guerras e revoluções; processos de constituição dos Estados Nacionais na América confrontos, lutas, guerras e revoluções; processo de constituição dos Estados Nacionais, confrontos, lutas, guerras e revoluções na Europa, na África e no Oriente; diferenças, semelhanças, transformações e permanência entre formas de organização dos Estados Nacionais, confrontos, lutas, guerras e revoluções, procurando sintetizados os estudos realizados.

6 - Professor Substituto - Geografia

Evolução da Ciência Geográfica; As bases históricas do pensamento geográfico; O espaço como objeto de estudo da Geografia; A Geografia e os temas transversais; Mapeando o Espaço Geográfico; A linguagem cartográfica; A tecnologia moderna e a cartografia; A História da cartografia e sua evolução; As representações e projeções cartográficas; A Relação Sociedade X Natureza; A dinâmica da natureza; Planejamento ambiental; A sociedade urbano-industrial e seus problemas ambientais; A importância da construção da cidadania; A Organização do Espaço Geográfico Brasileiro; A infra-estrutura e a rede urbana; A cidade: tempo e espaço; Êxodo rural e a urbanização do campo; A questão da terra no Brasil; A Nova Ordem Mundial; O mundo antes e depois da globalização; Os blocos econômicos e a globalização da economia mundial; Terceiro Mundo - Globalização da pobreza; O avanço das técnicas: a base da globalização; O fluxo de informações e de pessoas; Impactos Ambientais e as Lutas pela Preservação; Os impactos ambientais: do local ao global; O efeito estufa e o buraco na camada de ozônio; A escassez de água doce e de alimentos; As lutas pela preservação do meio ambiente; O Brasil e as questões ambientais; Os Múltiplos Cenários do Mundo; Redesenhando as fronteiras mundiais; A Geografia e as paisagens naturais do Brasil; Mercosul e a América Latina; Os grandes conflitos mundiais contemporâneos: Leste europeu e o mundo árabe.

7 - Professor Substituto - Matemática

Serão avaliados os conteúdos de matemática a partir dos seguintes blocos temáticos:

- O estudo dos números e das operações (Aritmética e da Álgebra), o estudo do espaço e das formas (Geometria), o estudo das grandezas e das medidas (que permite interligações entre os campos da Aritmética, da Álgebra e da Geometria) e o tratamento da informação.

Dentro de cada bloco temático os conteúdos estão assim discriminados:

- Números e operações: Sistema de numeração decimal: princípios símbolos, leitura, escrita e representação dos números racionais na forma decimal; Adição, subtração, multiplicação, divisão, potenciação e radiciação: conceito, propriedades, operações e situações problema envolvendo quantidades de diferentes conjuntos numéricos (inteiros, racionais e irracionais); Situações-problema: análise, interpretação, formulação e resolução de situações envolvendo conceitos de acréscimo, falta, diferença proporcionalidade orientação (origem), localização e deslocamento entre dois pontos, utilizando números naturais, inteiros, racionais e irracionais aproximados por racionais; Cálculos (mentais ou escritos, exatos ou aproximados) envolvendo operações com números naturais, inteiros, racionais e irracionais; Representações algébricas: valor numérico de expressões algébricas, propriedades, fatoração e simplificação, equação e inequação de 1° grau, equação de 2° grau, representação no plano cartesiano, situações-problema; Construção de diagramas, tabelas e esquemas sem a aplicação de fórmulas.

- Espaço e forma: Representações espaciais: leitura e interpretação de plantas, croquis, mapas; posição de pontos; deslocamento de um ponto num plano cartesiano por segmento de reta orientado, reconhecimento e representação de figuras tridimensionais em diferentes vistas (lateral, frontal e superior); Figuras tridimensionais e bidimensionais: classificação, características, nomenclatura; eixos de simetria; paralelismo de lados, medidas e ângulos; composição e decomposição; planificação de poliedros; redução e ampliação de figuras planas observando suas características; Quantificação e estabelecimento de relações entre o número de vértices, faces e arestas; Ângulos: congruentes, complementares e suplementares em feixes de retas paralelas cortadas por retas transversais; soma de ângulos internos de um polígono convexo; verificação da validade da soma dos ângulos internos de um polígono convexo para os polígonos não convexos; bissetriz; ângulos notáveis; situações problema; Conceito de congruência de figuras planas a partir de transformações (reflexões em retas, translações, rotações e composições destas) identificando as medidas invariantes (dos lados, dos ângulos, da superfície); Teorema de Tales e Teorema de Pitágoras: verificações experimentais e aplicações.

- Grandezas e medidas: Grandezas de comprimento, massa, capacidade, superfície, volume, ângulo, tempo, temperatura, velocidade: reconhecimento, identificação das unidades de medida, terminologia e instrumentos adequados à medição de cada grandeza; conversões entre unidades de medida mais usuais (comprimento, massa, capacidade e tempo); situações problema. - Medidas por meio de estimativas e aproximações; calculo da área, superfície, volume, perímetro e diâmetro - Construção de Gráficos cartesianos para representar interdependência entre dados. - Compreensão dos termos algarismo duvidoso, algarismo significativo e erro de medição na utilização de instrumentos de medida.

8 - Professor Substituto - Ciências

- Terra e Universo: Concepção de Universo, sistema solar, conhecimentos de povos antigos para explicar os fenômenos celestes, atração gravitacional da Terra, caracterização da constituição da Terra e das condições existentes para a presença de vida, comparação entre as teorias heliocêntricas e geocêntricas, organização estrutural da Terra e as relações espaciais e temporais em sua dinâmica e composição; o papel das novas tecnologias e os principais eventos da história da Astronomia.

- Vida e Ambiente: Transformações nos ambientes provocados pela ação humana, medidas de proteção e recuperação ambiental; diversidade dos seres vivos, cadeia alimentares e características adaptativas dos seres vivos; diferentes ambientes e ecossistemas brasileiros; diferentes explicações sobre a vida na Terra; História geológica do planeta Terra, evolução dos seres vivos e dos processos adaptativos; reprodução dos seres vivos; Fenômenos da fotossíntese, da respiração celular e da combustão; os ciclos do carbono e oxigênio e o fluxo de energia do Planeta; Fenômenos de transformação de estados físicos da água na natureza; Medidas de saneamento e controle de poluição; preservação dos recursos naturais.

- Ser Humano e Saúde: Elementos nutrientes plásticos, energéticos e reguladores e suas funções no organismo humano, conseqüências de carências nutricionais, processos envolvidos na nutrição do organismo; fatores internos e externos do corpo que concorre para a manutenção do equilíbrio do organismo humano; processos comuns a todas as células do organismo humano e de outros seres vivos: crescimento, respiração, síntese de substâncias e eliminações de excretas; sistemas nervoso e hormonal; condições saudáveis à manutenção da vida; processos de fecundação; prevenção de doenças sexualmente transmissíveis.

- Tecnologia e Sociedade: Avanços tecnológicos; Ambiente conforto e qualidade de vida; educação e direitos do consumidor; processos de produção, consumo criterioso, conseqüências de consumo desordenado; processos de recuperação e degradação de ambientes por ocupação urbana desordenada; industrialização, desmatamento, inundação, mineração X benefícios sociais e qualidade de vida; necessidades sociais e a evolução das tecnologias; condições de saúde e qualidade de vida.

9 - Professor Substituto - Arte

- Os conteúdos de arte - artes visuais, musicais, teatro e dança: a arte como expressão e comunicação dos indivíduos; elementos básicos das formas artísticas, modos de articulação formal, técnicas, materiais e procedimentos na criação em arte; produtores em arte (vidas, épocas e produtos em conexões; diversidade das formas de arte e concepções estéticas da cultura regional, nacional e internacional (produções, reproduções e suas histórias); a arte na sociedade, considerando os produtores em arte, as produções em arte e suas formas de documentação, preservação e divulgação em diferentes culturas e momentos históricos; expressão e comunicação na prática dos alunos em Artes Visuais; as artes visuais como objeto de apreciação significativa; as artes visuais como produto cultural e histórico; a dança na expressão e na comunicação humana; a dança como manifestação coletiva; a dança como produto cultural e apreciação estética; comunicação e expressão em música (interpretação, improvisação e composição); apreciação significativa de música escuta, envolvimento e compreensão de linguagem musical; A música como produto cultural e histórico: música e sons do mundo; o teatro como comunicação e expressão; o teatro como produção coletiva; o teatro como cultura e apreciação estética, valores, normas e atitudes.

10 - Professor Substituto - Educação Física

Didática, planejamento, plano de ensino, fundamentos de psicomotricidade, etapas do desenvolvimento infantil, educação física escolar, princípios que norteiam a educação física no ensino fundamental, história da educação física, tendências pedagógicas, cultura corporal, princípios metodológicos dos conteúdos: esporte, dança, ginástica, lutas e jogos.

11 - Professor Substituto - Ensino Religioso

- Ensino Religioso e participação social: cultura e transcendência; tradições religiosas e construção da paz;

- Conhecimento Religioso: o conhecimento religioso e a escola; a raiz do fenômeno religioso;

- Culturas e tradições religiosas: filosofia e tradição religiosa; história da tradição religiosa; sociologia da tradição religiosa; psicologia da tradição religiosa.

- Escrituras Sagradas: revelação, história das narrativas sagradas, contexto cultural, exegese.

- Teologias: divindades; verdades da fé; vida além morte.

- Ritos: rituais, símbolos, espiritualidades

- Ethos: alteridade, valores, limites.

OBS: este conteúdo visa fornecer informações e responder aos aspectos principais do fenômeno religioso, presentes em todas as culturas e em todas as épocas.

OBSERVAÇÃO:

. Todos os conteúdos de Língua Portuguesa, Matemática, História, Geografia, Língua Inglesa, Educação Física, Ciências, Ensino Religioso, Artes, basear-se-ão nos Parâmetros Curriculares Nacionais.

ANEXO II DO EDITAL Nº 017/07

· Ensino Fundamental (6ª a 9ª série) - Carga horária de 120 horas

ÁREA / DISCIPLINA

VAGAS

REMUNERAÇÃO *
(em R$)

Português

20

684,23

Inglês

10

684,23

Matemática

12

684,23

História

9

684,23

Geografia

10

684,23

Ciências

8

684,23

Ensino Religioso

10

684,23

Artes

10

684,23

Educação Física

15

684,23

Total

104

-

* Observações:

1. Professor portador de titulação específica na respectiva área de estudo.

2. Valor de referência para salário: salário base do professor D 05B já adicionados os valores correspondentes às gratificações de nível universitário (20% do salário base) e de regência de classe (40% do salário base).

· Educação Infantil e Ensino Fundamental (1ª a 5ª série) - Carga horária de 240 horas

ÁREA / DISCIPLINA

VAGAS

REMUNERAÇÃO *
(em R$)

Creche

60

1.368,45

Educ. Infantil (pré-escola) e Ensino Fundamental de 1ª a 5ª série (Polivalente)

146

1.368,45

Total

206

-

* Observações:

1. Professor Licenciado em Pedagogia.

2. Valor de referência para salário: salário base do professor D 05B já adicionados os valores correspondentes às gratificações de nível universitário (20% do salário base) e de regência de classe (40% do salário base).