Processo Seletivo da Alfândega da Receita Federal em Belo Horizonte - MG tem edital retificado divulgado

Documento informa sobre o período de inscrições da seleção, que busca admitir mais de 100 Peritos em diferentes áreas.
Quinta-feira, 17 de janeiro de 2019 às 16h24
Processo Seletivo da Alfândega da Receita Federal em Belo Horizonte - MG tem edital retificado divulgado

Foi divulgado o período de inscrições para o novo Processo Seletivo da Alfândega da Receita Federal do Brasil em Belo Horizonte, no Estado de Minas Gerais, a qual busca o credenciamento de novos Peritos de nível Superior.

O edital retificado, que pode ser consultado em nosso site, informe que os interessados têm até o dia 12 de fevereiro de 2019 para realizarem as candidaturas, cujo formulário está disponível no endereço eletrônico idg.receita.fazenda.gov.br.

Em seguida é necessário protocolar o mesmo juntamente com os documentos em qualquer uma das unidades de atendimento estipuladas no edital, nos horários também determinados no mesmo.

São ao todo 107 vagas para esta oportunidade, e as mesmas são distribuídas entre as áreas de atuação de Gemas, Diamantes e Jóias (7); Peças de Aeronaves (6); Máquinas, Peças e Componentes Mecânicos (9); Equipamentos Elétricos e Suas Partes (3); Componentes Eletrônicos (9); Partes Eletrônicas e Eletro-Mecânicas de Veículos Terrestres (6); Equipamento de Informática e Suas Partes (9); Equipamento de Agrimensura e Topografia (3); Equipamento Médico (6); Produtos Químicos (6); Produtos Farmacêuticos (6); Materiais Biológicos e Químicos para Diagnóstico de Saúde (3); Produtos Alimentícios (6); Micro-Organismos (3); Tecidos (9); Madeira e Produtos Florestais (3); Metais em Geral, Inclusive Preciosos (3); Minerais, Especialmente de Alumínio (3) e Obras de Arte Plástica (3).

De acordo com as informações, contidas no edital que pode ser consultado em nosso site, a classificação dos candidatos deve acontecer por meio de análise documental.

Este Processo Seletivo é válido pelo período de dois anos, com a possibilidade de prorrogação por tempo semelhante caso seja necessário.

Jornalista: Helena Pellim
Compartilhe: