Prefeitura de Tupanciretã - RS abre Concurso Público com salário de até R$ 5,2 mil

As 62 oportunidades contemplam diversas áreas de atuação.
Sexta-feira, 15 de dezembro de 2017 às 11h01
Prefeitura de Tupanciretã - RS abre Concurso Público com salário de até R$ 5,2 mil

A Prefeitura de Tupanciretã - RS realiza Concurso Público a fim de contratar profissionais com disponibilidade para atuar em jornadas de 20, 30 ou 40 horas por semana.

Os cargos são para todos os níveis de formação: Agente Administrativo (4); Arquiteto (1); Assistente Social (4); Atendente de Farmácia (1); Auditor Fiscal Tributário (2); Contador (1); Eletricista Instalador Predial (1); Enfermeiro (1); Engenheiro Civil (1); Fiscal Ambiental (1); Fiscal Auditor de Receitas (1); Fiscal Sanitário (1); Mecânico Especialista de Máquinas Pesadas (3); Médico Clínico Geral (2); Médico Gineco-Obstetra (1); Médico Psiquiatra (1); Monitor de Casa de Passagem (2); Monitor de Creche/Educação Infantil (25); Motorista de Caminhões (4); Nutricionista (1); Operador de Máquinas Pesadas (3); Procurador Jurídico (1); Psicólogo (1); Técnico em Enfermagem (3) e Terapeuta Ocupacional (1).

Estes 62 profissionais, quando contratados, poderão fazer jus ao vencimento mensal que varia entre R$ 954,17 a R$ 5.262,64, conforme determina o edital completo já disponibilizado em nosso site.

As inscrições deverão ser feitas entre o dia 20 de dezembro de 2017 até às 12h do dia 11 de janeiro de 2018, via internet, pelo site www.objetivas.com.br, mediante pagamento da taxa de participação de R$ 35,54 a R$ 118,48.

Caso o candidato não tenha acesso à internet, será disponibilizado computador para realização da inscrição no Rol de entrada do Prédio administrativo da Prefeitura Municipal, situado à Rua Expedicionário João Moreira Alberto, nº 181, no Centro.

Para selecionar os inscritos será aplicada prova objetiva, prevista para o dia 18 de fevereiro de 2018 e prova de títulos somente para alguns cargos. O Concurso Público terá validade por dois anos a partir da data de homologação dos resultados, prorrogáveis por mais dois anos.

Jornalista: Karina Felício
Compartilhe: