Comando da 3ª Região Militar - RS tem novo Processo Seletivo para Cabo Especialista

Objetivo é a formação de cadastro reserva de profissionais com ensino fundamental completo e curso profissionalizante em diferentes áreas
Sexta-feira, 4 de setembro de 2020 às 18h20
Comando da 3ª Região Militar - RS tem novo Processo Seletivo para Cabo Especialista

O Exército Brasileiro, por meio do Comando da 3ª Região Militar, no estado do Rio Grande do Sul, divulgou um novo Processo Seletivo para Cabo Especialista Temporário (CET). O objetivo é a formação de cadastro reserva de profissionais com ensino fundamental completo e curso profissionalizante a fim de exercerem atividades como militares em 2021.

As oportunidades são voltadas à diferentes guarnições e habilitações, sendo eles:

  • Santiago: Auxiliar de Mecânica Elétrica Auto, Motorista Habilitado na Categoria "D" ou "E", Operador de Guindaste;
  • Santo Ângelo: Auxiliar de Mecânica Elétrica Auto, Bombeiro Hidráulico;
  • São Borja: Motorista Habilitado na Categoria "D" ou "E", com curso de transporte coletivo;
  • São Gabriel: Ajudante de Eletricista Predial, Auxiliar de Enfermagem, Bombeiro Hidráulico, Fotógrafo/Cinegrafista, Motorista Habilitado na Categoria "D" ou "E", Pedreiro;
  • São Leopoldo: Ajudante de Eletricista Predial, Auxiliar de Manutenção de Microcomputador e Periféricos, Auxiliar de Mecânica Auto (Gasolina e / ou Diesel), Auxiliar de Mecânica Elétrica Auto, Auxiliar de Refrigeração, Bombeiro Hidráulico, Carpinteiro, Cozinheiro, Fotógrafo/Cinegrafista, Motorista Habilitado na Categoria "D" ou "E", Pedreiro, Pintor Predial;
  • São Luiz Gonzaga: Motorista habilitado na categoria "E", Motorista Habilitado na Categoria "D" ou "E" com Curso transporte de cargas perigosas, Motorista Habilitado na Categoria "D" ou "E" com Curso de Transporte Coletivo;
  • Uruguaiana: Auxiliar de Enfermagem, Auxiliar de Mecânica Auto (Gasolina e / ou Diesel), Motorista Habilitado na Categoria "D" ou "E";

O militar incorporado será remunerado de acordo com a Medida Provisória 2.215-10, de 31 de agosto de 2001 (Reestruturação da Remuneração dos Militares das Forças Armadas). Porém, vale ressaltar que o número de vagas para as áreas e habilitações técnicas citadas não será divulgado, tendo em vista que esta definição somente ocorrerá ao final de todas as etapas do Processo Seletivo.

Já a prestação de serviço militar será de natureza temporária e de caráter voluntário, dentro das áreas de interesse do Exército Brasileiro, bem como para a realização de outras atividades voltadas ao serviço ativo, como serviços de escala, instrução, composição de comissões, representações, atividades de campanha, operações militares e outras.

Requisitos

Para participar da seleção, o candidato deverá atender aos seguintes requisitos para a incorporação: ser voluntário; ser brasileiro nato ou naturalizado; ter no mínimo 19 e no máximo 40 anos de idade na data da incorporação; ter, no mínimo, 1,60 de altura se do sexo masculino e 1,55 de feminino, dentre outros requisitos que constam no edital.

Inscrição

As inscrições devem ser feitas no período de 17 de agosto a 30 de setembro de 2020, nas sedes de comissões de seleção especial, sendo elas:

  • Cruz Alta: 29º Grupo de Artilharia de Campanha Auto Propulsado - rua Padre Francisco Pachêco, s/nº - De Fatima;
  • Santiago: 9º Batalhão Logístico - avenida Aparício Mariense, nº 345, Vila Nova;
  • Uruguaiana: 22º Grupamento de Artilharia de Campanha Autopropulsado -rua XV de Novembro, s/nº - bairro Rio Branco;
  • Bagé: 25º Grupo de Artilharia de Campanha - avenida Padre Abílio Sponchiado, nº 680, Estrela D'alva;
  • Santa Maria: 4º Batalhão Logístico - rua Capitão Vasco da Cunha, s/nº - Boi Morto;
  • São Leopoldo: 19º Batalhão de Infantaria Motorizado - avenida Theodomiro Porto da Fonseca, 908 - Centro;
  • Pelotas: 9º Batalhão de Infantaria Motorizado - av. Duque de Caxias, 344 - Fragata.

Seleção

O Processo Seletivo será composto das seguintes fases: inscrição, avaliação curricular, inspeção de saúde e entrevista, exame de aptidão física e seleção complementar. As seleções serão realizadas nas mesmas cidades em que as inscrições foram realizadas.

Os convocados incorporados na situação de Cabo Especialista Temporário deverão frequentar o Estágio Básico de Cabo Temporário (EBCT).

Para obter mais informações sobre a seleção, acesse os documentos disponíveis na íntegra em nosso site.

Jornalista: Gabriela Correia
Compartilhe: