UFT reabre inscrições do PS 12/2014 com mais de 200 vagas em cargos técnicos-administrativos

Segunda-feira, 7 de abril de 2014 às 08h57
UFT reabre inscrições do PS 12/2014 com mais de 200 vagas em cargos técnicos-administrativos

A Universidade Federal do Tocantins (UFT) divulgou a quarta retificação o Concurso Público regido pelo edital nº 12/2014, que provê à nomeação de mais de 200 profissionais em cargos técnicos-administrativos da Educação, considerando a reserva de vagas para pessoas com necessidades especiais (PNE).

O documento retira a exigência de experiência profissional de alguns cargos, e reabre o período de inscrição do certame, entre os dias 10 e 22 de abril de 2014, pelo site www.cev.ufmt.br, da UFMT, responsável pela organização do certame, para os cargos de Assistente em Administração, Desenhista-Projetista, Técnico em Anatomia e Necropsia, Técnico em Audiovisual e de Assistente de Laboratório.

Dessa forma, algumas datas de etapas relacionadas a da inscrição também foram alteradas, como da solicitação da isenção da taxa de inscrição, e da divulgação dos pedidos de participação deferidos.

As últimas duas retificações publicadas, modificaram os requisitos exigidos nas funções de Assistente em Administração, Desenhista-Projetista, Técnico em Anatomia e Necropsia e Técnico em Audiovisual, e alterou a redação de dois subitens relativos à exigência de registro no Conselho/ Delegacia ou Órgão, constante nos requisitos básicos de alguns cargos.

Na primeira retificação deste certame foi acrescida uma oportunidade ao cargo de Técnico de Tecnologia da Informação, em Arraias. Além disso, foi corrigido dois itens relativos ao local de realização das provas, e outros dois tópicos que tratam das datas de divulgação do gabarito preliminar e do desempenho da prova objetiva. Por fim, foi incluído ao documento de abertura, um subitem relacionado a opção de local para a realização do teste.

Os cargos a serem providos variam conforme a classificação C, D e E, que exigem formação de nível fundamental, médio/ técnico e superior, respectivamente.

As vagas estão distribuídas logo abaixo, conforme o nível de classificação:

  • Nível de Classificação C (Fundamental): Assistente de Laboratório (3);
  • Nível de Classificação D (Médio/ Técnico): Assistente em Administração (72); Desenhista-Projetista (1); Técnico de Laboratório nas áreas de Fotografia (1), Geoprocessamento e Geocartografia (1), Histopatologia (1), Química (1), e de Vidraria (1); Técnico de Tecnologia da Informação (4); Técnico em Anatomia e Necrópsia (1); Técnico em Audiovisual (1); Técnico em Edificações (2); Técnico em Radiologia (1); Técnico em Segurança do Trabalho (1); Técnico em Telecomunicações (1); Tradutor e Intérprete de Linguagem de Sinais (9);
  • Nível de Classificação E (Superior): Administrador (18); Analista de Tecnologia da Informação (3); Analista de Tecnologia da Informação nas áreas de Análise e Desenvolvimento de Sistemas (3), e de Redes e Comunicação de Dados (1); Arquiteto e Urbanista (1); Arquivista (3); Assistente Social (2); Auditor (3); Auditor/Recursos Humanos (1); Bibliotecário-Documentalista (3); Cenógrafo (1); Contador (4); Economista (3); Enfermeiro (2); Engenheiro das áreas Civil (8), Elétrica (3), e de Agronomia (2); Farmacêutico (1); Físico (1); Jornalista (3); Médico Veterinário (5); Nutricionista (2); Pedagogo (3); Produtor Cultural (2); Programador Visual (1); Psicólogo (2); Relações Públicas (1); Secretário Executivo (15); Técnico Desportivo (1); Técnico em Assuntos Educacionais (8); Tecnólogo em Gestão Pública (6); Tecnólogo em Produção Audiovisual (2); Tecnólogo em Recursos Humanos (1); Tecnólogo em Áudio Digital (2); e Zootecnista (3);

Os aprovados irão atuar nas cidades de Araguaína, Arraias, Gurupi, Miracema, Palmas, Porto Nacional e Tocantinópolis, conforme a vaga pretendida.

A remuneração varia entre R$ 1.935,23 e R$ 3.603,88, correspondente ao regime de 40 horas semanais, com exceção dos casos previstos em lei.

O período de inscrição teve início em 17 de fevereiro de 2014, com o recolhimento das taxas nos valores que variam de R$ 70,00 a R$ 120,00, de acordo com a vaga pretendida.

Os profissionais inscritos serão submetidos à Prova Objetiva, prevista para ser aplicada apenas nas cidades de Araguaína, Gurupi e Palmas, no Tocantins, sendo que o prazo de validade do resultado final será de um ano, podendo ser prorrogado por igual período.

Mais informações podem ser obtidas nos editais disponíveis em nosso site, no link abaixo da notícia.

Fonte: www.pesquisa.in.gov.br.

Compartilhe: