UFAM retifica Concurso Público com mais de 40 oportunidades

Vagas disponíveis em uma das áreas de atuação deste certame foram excluídas.
Segunda-feira, 13 de maio de 2019 às 09h43
UFAM retifica Concurso Público com mais de 40 oportunidades

Concurso Público que objetiva o provimento de 48 vagas no cargo de Professor do Magistério Superior é retificado pela Universidade Federal do Amazonas (UFAM).

As duas oportunidades disponíveis na área de Psicologia da Saúde, Psicologia Clínica e do Desenvolvimento foram excluídas do quadro de vagas.

Os candidatos afetados pela exclusão podem solicitar a devolução da taxa de participação do certame encaminhando os documentos pessoais digitalizados (CPF e RG), dados bancários (cópia do cartão bancário da conta corrente do candidato) e comprovante de pagamento da taxa ao e-mail crs@ufam.edu.br.

Mais informações sobre esta alteração podem ser obtidas nos editais disponíveis em nosso site.

As oportunidades ofertadas neste certame se encontram nas seguintes áreas de conhecimento: Música/ Práticas Interpretativas - Canto Lírico (1); Conteúdo e Metodologia do Ensino da Matemática (1); Fundamentos da Educação (1); Política Educacional (1); Planejamento Territorial e Desenvolvimento Regional (1); Direito do Trabalho e Direito Empresarial (1); Formação Profissional em Educação Física (1); Letras - Língua e Literatura Japonesa (2); Linguística e Língua Portuguesa/ Ensino e Aprendizagem de Línguas (1); Saúde da Criança (1); Cirurgia Vascular (1); Gastroenterologia (1); Estágio em Saúde da Mulher (1); Engenharia Elétrica - Telecomunicações (1); Probabilidade e Estatística (1); História da Amazônia (1); Antropologia Social e/ou Cultural (1); Serviço Social (1); Matemática (1); Física (1); Educação (1); Hematologia e Uroanálise (1); Estética e Filosofia da Arte, Introdução à Teoria Semiótica, Pesquisa em Artes I e Pesquisa em Artes II (1); Microbiologia Zootécnica, Tecnologia de Produtos de Origem Animal - TPOA e Higiene Animal (1); Fotografia/ Fotojornalismo (1); Planejamento Visual e Jornalismo Especializado (1); Extensão Rural e Economia Rural (1); Teorias e Fundamentos da Educação: Políticas Públicas; Legislação do Ensino; Currículo, Didática e Avaliação (1); Educação e Metodologias de Ensino (1); Administração, Gestão Organizacional, Empreendedorismo, Associativismo e Cooperativismo (1); Matemática (1); Enfermagem (1); Fisioterapia Geral (1); Anatomia Patológica - Geral e Específica (1); Geologia Estrutural (1); Álgebra (1); Química (1); Ciências Biológicas (1); Estatística (1); Saúde da Família/ Propedêutica (3); Cirurgia - Técnica Operatória de Cirurgia Experimental - TOCE e Clínica Cirúrgica e Internato (2); Saúde da Família e Comunidade (1); Saúde da Criança, Saúde da Família e Internato (1); e Saúde da Mulher, Obstetrícia e Internato (1).

Estes docentes devem ser lotados nos departamentos de Administração e Planejamento, Antropologia, Artes Visuais, Clínica Cirúrgica, Clínica Médica, Comunicação Social - Jornalismo, Coordenação Acadêmica, DCFDA, Direito Privado, Eletrônica e Computação, Estatística, História, Métodos e Técnicas, Saúde Materno-Infantil, Serviço Social, Teoria e Fundamentos, Zootecnia, Patologia e Medicina Legal, Geociências e Matemática, das unidades acadêmicas: FAARTES; FACED; FCA; FD; FEFF; FLET; FM; FT01; ICE; ICET; ICSEZ; IEAA; IFCHS; INC; e ISB.

Com carga horária de Dedicação Exclusiva ou entre 20h e 40h semanais, os selecionados de nível superior devem fazer jus à remuneração, composta de vencimento básico e retribuição por titulação, no valor entre R$ 3.126,31 e R$ 9.600,92, podendo ser acrescida de auxílio alimentação de R$ 458,00, auxílio creche e pré-escolar de R$ 321,00 para dependentes com idade inferior a seis anos e vale transporte conforme legislação vigente.

Os interessados nestas vagas podem efetuar inscrição até às 17h do dia 5 de junho de 2019, por meio do endereço eletrônico progesp.ufam.edu.br. A taxa de participação varia entre R$ 90,00 e R$ 180,00.

Válido por dois anos, este certame compreenderá de Provas Escrita, Didática e de Títulos. A Prova será aplicada provavelmente no dia 17 de junho de 2019.

Jornalista: Beatriz Monteiro
Compartilhe: