Prefeitura de Bandeirantes do Tocantins - TO retifica novamente Concurso Público

Itens referente ao cronograma foram alterados.
Quarta-feira, 17 de fevereiro de 2016 às 08h16
Prefeitura de Bandeirantes do Tocantins - TO retifica novamente Concurso Público

A Prefeitura de Bandeirantes do Tocantins - TO, publicou recentemente o edital de retificação do Concurso Público destinado a contratar 49 novos profissionais.

Dentre as alterações está a modificação na data prevista para realizar a Prova Objetiva. Agora esta etapa deve acontecer no dia 06 de março de 2016, em dois períodos. Em nosso site você pode obter todos os detalhes acessando os editais completos.

Este Concurso contempla os cargos abaixo discriminados de acordo com a escolaridade exigida:

  • Nível Fundamental: Auxiliar de Serviços Gerais/ Zona Urbana (4); e Auxiliar de Serviços Gerais/ Zona Rural (1).
  • Nível Médio: Agente de Cadastro Imobiliário (1); Assistente Administrativo (5); Fiscal de Obras e Postura (1); Fiscal de Tributos Municipal (1); Merendeira/ Zona Rural (2); Motorista (4); Monitor Escolar/ Zona Urbana (5); Monitor Escolar - Zona Rural (1); Operador de Máquinas Pesadas (2); Agente Comunitário de Saúde em diversas áreas (3); Agente de Combate às Endemias (1); Agente de Vigilância Sanitária e Ambiental (2); e Técnico de Enfermagem (5).
  • Nível Superior: Analista de Controle Interno (1); Auditor Fiscal de Tributos Municipais (1); Nutricionista (1); Assistente Social (2); Psicólogo (2); Enfermeiro/ Zona Urbana (2); Enfermeiro/ Zona Rural (1) e Farmacêutico (1).

Dentro do total de vagas, há oportunidades para pessoas com deficiência. A remuneração dos profissionais varia de R$ 865,50 a R$ 2.163,75, pelo desempenho de atividades em jornadas semanais de até 40 horas

As inscrições foram realizadas até às 20h do dia 21 de janeiro de 2016, no site da empresa organizadora, www.idescassessoria.org.br.

Como forma de avaliação, serão realizadas Provas Teóricas Objetivas, cujo resultado final tem validade de dois anos, com possibilidade de prorrogação.

Jornalista: Karina Felício
Compartilhe: