Marinha do Brasil retifica Concurso Público para o CP-T em 2018

Documento informa a inclusão de cidades para as Provas e Eventos Complementares.
Segunda-feira, 7 de maio de 2018 às 08h36
Marinha do Brasil retifica Concurso Público para o CP-T em 2018

A Marinha do Brasil retificou novamente o Concurso Público para o Ingresso no Quadro Técnico do Corpo Auxiliar de Marinha (CP-T) em 2018. Este certame terá prazo de validade até o dia 1º de março de 2019.

O documento informa a inclusão de cidades para a realização das Provas e Eventos Complementares, sendo elas: Amapá - AP, Piauí - PI e Santarém - PA. As Provas e Eventos Complementares ocorrerão ainda nos municípios de Rio de Janeiro - RJ, Vila Velha - ES, Salvador - BA, Natal - RN, Olinda - PE, Fortaleza - CE, Belém - PA, São Luís - MA, Rio Grande - RS, Porto Alegre - RS, Florianópolis - SC, Ladário - MS, Brasília - DF, São Paulo - SP e Manaus - AM.

Ao todo, há 27 vagas disponíveis para Bacharéis/ Licenciados em Ciências Biológicas nas especialidades de Biologia Marinha (1), Biotecnologia Marinha (1) e Genética (1); Comunicação Social (4); Direito (4); Informática (6); Oceanografia (2); Pedagogia (2); Psicologia (2); Segurança do Tráfego Aquaviário (2) e Serviço Social (2).

Poderão participar candidatos brasileiros natos, de ambos os sexos, e com menos de 36 anos de idade no 1º dia do mês de janeiro de 2019, conforme determina o edital oficial e demais documentos disponíveis para a consulta de informações em nosso site, na íntegra.

Os candidatos interessados poderão garantir participação até o dia 10 de maio de 2018, via internet, por meio do site www.marinha.mil.br, ou de forma presencial, nas Organizações Militares da Marinha que constam no edital. A taxa cobrada tem valor de R$ 120,00.

A avaliação dos concorrentes inscritos constará de Seleção Inicial (SI) que será composta de Prova Escrita Objetiva de Conhecimentos Profissionais (PO), Redação e Eventos Complementares constituídos de Verificação de Dados Biográficos (VDB), Inspeção de Saúde (IS), Teste de Aptidão Física (TAF) e Prova Discursiva de Conhecimentos Profissionais (PD), Avaliação Psicológica (AP), Verificação de Documentos (VD) e Prova de Títulos (PT); e Curso de Formação de Oficiais (CFO) composto de Período de Adaptação (PA) e Curso de Formação propriamente dito. Para lhe auxiliar nos estudos, adquira as Apostilas Digitais específicas em nosso site, elaboradas conforme o conteúdo programático exigido.

Desta forma, os candidatos aprovados e classificados na Seleção Inicial realizarão o Curso de Formação de Oficiais (CFO) no Centro de Instrução Almirante Wandenkolk (CIAW), no Rio de Janeiro - RJ, que terá duração total de 29 semanais, aproximadamente.

Vale lembrar que este Curso será constituído por um Período de Adaptação de três semanas. Na ocasião, os profissionais receberão remuneração atinente à sua Graduação, além de alimentação, uniforme e assistência médico odontológica, psicológica, social e religiosa.

Durante o Curso de Formação de Oficiais, o aluno realizará ainda um Estágio de Aplicação (EA), com duração de até quatro semanas. O ingresso no Quadro Técnico ocorrerá no posto de Primeiro-Tenente, após aprovação na Seleção Inicial e também no Curso.

Jornalista: Gabriel Rabello Lanza
Compartilhe: