Funsaud - MS torna público novo Processo Seletivo contra à Covid-19

Oportunidades ofertadas são para profissionais que tenham os níveis fundamental, médio, técnico e superior; confira
Quarta-feira, 24 de junho de 2020 às 11h37
Funsaud - MS torna público novo Processo Seletivo contra à Covid-19

Em decorrência da pandemia do novo coronavírus (Covid-19), a Fundação de Serviços de Saúde de Dourados (Funsaud), do estado do Mato Grosso do Sul, iniciou a abertura das inscrições do novo Processo Seletivo.

Assim, são ofertadas oportunidades para formar cadastro reserva aos cargos de: Enfermeiro; Fisioterapeuta; Fonoaudiólogo; Médico do Trabalho; Engenheiro do Trabalho; Cozinheiro; Técnico em Edificação Predial; Técnico em Enfermagem; Técnico em Farmácia; Técnico Hemoterapia; Técnico em Laboratório; Técnico em Segurança do Trabalho; Técnico em Informática; Vigia; Auxiliar de Serviços Gerais I - Higienização; Auxiliar de Serviços Gerais - Manutenção; e Copeiro.

Logo, aos profissionais, de níveis fundamental, médio, técnico e superior que forem efetivados, as remuneração atribuídas variam de R$ 1.045,00 a R$ 8.600,00 em jornadas de 20 a 44 horas semanais.

Inscrições

É necessário contextualizar que diante da situação em decorrência da pandemia da Covid-19, algumas pessoas não podem participar. Esta medida se deve em prevenção aos pertencentes do grupo de risco que inclui idosos, gestantes, portadores de doenças pulmonares e demais especificadas nos itens do edital.

Desta forma, as candidaturas serão gratuitas e devem ser realizadas no período de 19 a 22 de junho de 2020, por meio do site da Funsaud, seguindo as orientações do documento.

Etapas

Para avaliar, os concorrentes serão submetidos à somatória de pontos de experiências e títulos em análise de currículos, de caráter classificatório e eliminatório.

Por fim, este Processo Seletivo é válido por três meses, a contar da data de homologação, com possibilidade de ser prorrogado até um ano, conforme prescrito no edital de abertura disponibilizado para consulta em nosso site.

Jornalista: Mayson Martins Ribeiro
Compartilhe: