Amazul revoga Processo Seletivo para profissionais de níveis médio e superior

Seleção seria destinada ao provimento de 67 vagas para atender a serviços transitórios ou de prazo determinado
Segunda-feira, 31 de agosto de 2020 às 11h28
Amazul revoga Processo Seletivo para profissionais de níveis médio e superior

A Amazônia Azul Tecnologias de Defesa (Amazul) anunciou a revogação do Processo Seletivo destinado à contratação de profissionais para atenderem a serviços transitórios ou de prazo determinado.

O comunicado (retificação V), foi publicado nesta segunda-feira (31) e está disponível na íntegra em nosso site.

Vale ressaltar que em documento anterior (retificação IV), houve alterações nos requisitos mínimos para o cargo de Assistente Administrativo. Sendo assim, as inscrições foram reabertas exclusivamente para este cargo, e puderam ser feitas no período de 20 de abril de 2020 a 10 de maio do mesmo ano, por meio do Idecan. A isenção da taxa de inscrição pôde ser requerida nos dias 27 e 28 de abril de 2020.

Anteriormente, após a divulgação da retificação no Diário Oficial da União, houve o adiamento dos exame avaliativos que estavam previstos ao dia 19 de abril de 2020. Esta medida foi tomada como prevenção do novo coronavírus (Covid-19).

Para obter mais informações acesse os documentos disponíveis em nosso site.

Cabe destacar que esta seleção visava o provimento de 67 vagas e cadastro reserva para cargos de Nível Médio e Superior para o quadro temporário da AMAZUL, os cargos estão distribuídos nas especialidades de: Arquiteto (03); Assistente Administrativo; Contador (02); Químico (01); Físico (03); Analistas: Administrativo (01), de Desenvolvimento de Sistemas (01), de Negócios (01), de Relações Institucionais, de Sistema (03); Engenheiros: Civil (03), Químico (03), Eletricista (04), Eletrônico (01), Mecânico (11), Naval (02), para atuar na área Nuclear (02), de Automação e Controle (01), de Energia (01), de Materiais, de Produção (07), de Telecomunicações (01), para atuar em Instrumentação e Controle (01), para atuar em Proteção e Combate a Incêndio (01), para atuar na área de Gestão da Qualidade (01); Proteção Radiológica (01); Pesquisador em História; Projetistas: Civil (02), Mecânico (05), de Eletricidade (02), de Instrumentação e Controle (01); Técnicos: Eletrônica, Mecânica, Química; Tecnólogo em Projetos Mecânicos (01) e Webdesigner (01).

Caso selecionado, o candidato deveria atender a uma carga horária de 40 horas semanais e terá a remuneração inicial de R$ 3.859,98 a R$ 15.987,74 variável de acordo com o cargo e nível de escolaridade.

As inscrições foram realizadas somente por meio do Idecan, no período de 13 de janeiro às 23h59 do dia 9 de fevereiro de 2020.

A taxa de inscrição foi de R$ 70,00 para cargos de nível médio e R$ 100,00 para cargos de nível superior, que teve que ser quitada por meio da GRU.

Jornalista: Mayson Martins Ribeiro
Compartilhe: