Geografia

Questão cód. 1007301
1)Quem nasce no Rio de Janeiro (estado) é chamado:
a)Carioca
b)Fueguino
c)Fluminense
d)Flamengo
e)Capixaba
 
Questão cód. 1017403
2)O petróleo lidera e continuará liderando o ranking das fontes energéticas nas próximas décadas, seguido do carvão e do gás natural. Outras fontes de energia já são também apontadas como alternativas para o século XXI. Assinale a alternativa que ressalta a contribuição do Brasil nesse panorama global.
a)O Brasil desponta com tecnologias para a produção de energia nuclear como uma alternativa mais econômica do que as demais.
b)O Brasil tem, nos últimos anos, exportado conhecimentos e tecnologias no setor de energia eólica, liderando o ranking nesse setor.
c)No Brasil, são as pequenas indústrias as responsáveis pela produção e pelos acordos internacionais relativos ao biocombustível.
d)Estudos sobre a energia solar utilizada na região Sul brasileira têm chamado a atenção de países como Inglaterra e Itália, os quais têm investido maciçamente no setor.
e)O Brasil apresenta grandes vantagens (físicas e territoriais) para a produção de biocombustível, as quais potencializam a produção de energia renovável.
 
Questão cód. 1018629
3)Os primeiros anos da modernidade são marcados pela produção de uma enorme quantidade de dados e de informações dificilmente tratáveis de maneira sistemática pela ciência da época. A ausência de segmentação no seio da ciência impossibilitava a análise de certos temas particulares nascidos desses dados. Assim, a partir do início do século XIX, os domínios disciplinares específicos organizaram-se defmindo seu objeto próprio em torno dessas questões.
Paulo César da Costa Gomes. Geografia e modernidade. Rio de Janeiro: Bertrand Brasil, 2007, p. l49 (com adaptações).

A partir do texto acima, assinale a opção correta acerca da história do pensamento geográfico e da institucionalização da geografia como ciência.
a)A institucionalização da geografia como disciplina acadêmica originou-se na França, com os estudos regionais empreendidos pelos herdeiros do Iluminismo do século XVIII, como Vidal de La Blache.
b)A geografia firmou-se como domínio disciplinar específico na Antiguidade, com obras de geógrafos como Estrabão e Ptolomeu, que delimitaram o objeto de estudo próprio da nova disciplina que surgia: o espaço terrestre.
c)Grande parte dos historiadores da geografia atribui a Alexander von Humboldt a responsabilidade pelo estabelecimento das novas regras do pensamento geográfico moderno, visto que ele rompeu com o enciclopedismo francês e abandonou as narrativas de viagens e as cosmografias.
d)A geografia moderna tornou-se científica com a ascensão do possibilismo, cujos ideais, já em meados do século XIX, superaram as ideias deterministas e naturalistas em voga no início do século.
e)A geografia científica, que surgiu a partir do século XIX, com as obras de Alexander von Humboldt e Carl Ritter, foi influenciada pelo saber geográfico anteriormente produzido e pelo sistema filosófico de Emmanuel Kant, que considerava a geografia uma ciência ao mesmo tempo geral/sistemática e empírica/regional.
 
Questão cód. 1035915
4)Leia o texto abaixo:

O rio São Francisco tem 2,7 mil quilômetros de extensão e corta cinco estados brasileiros: Minas Gerais, Bahia, Pernambuco, Alagoas e Sergipe. Desde sua nascente em São Roque de Minas (MG) até sua foz, na divisa entre Sergipe e Alagoas, são mais de 500 municípios banhados pela bacia, onde vivem 14 milhões de habitantes, população maior que a de países como Cuba, Suécia, Chile, Grécia e Paraguai.
O Velho Chico foi descoberto por Américo Vespúcio. Em suas margens pernambucanas formou o primeiro povoamento que usaria suas águas como fonte de vida. O rio São Francisco caminha para o mar, irriga a terra e realiza um verdadeiro milagre de São Francisco: dá vida ao sertão.
Alguns olhos-d'água escondidos pela vegetação baixa e ressecada do Chapadão da Zagaia, Serra da Canastra, Minas Gerais, geram um dos maiores rios do Brasil, cerca de 640 mil quilômetros quadrados, que ocupa 8% do território brasileiro, o rio da unidade nacional, o Velho Chico. Mais que um rio, o Velho Chico é um fato cultural, como o Velho Nilo, seu irmão africano - a medida é outra, mas o sentido é o mesmo.

O rio São Francisco é conhecido como o "Nilo Brasileiro", devido a algumas similaridades com o rio africano. Tais semelhanças são:
a)Ambos deságuam no oceano Atlântico e nascem em áreas desérticas.
b)Ambos são utilizados para resfriamento de reatores nucleares e deságuam no oceano Atlântico.
c)Ambos deságuam no oceano Pacífico e atravessam áreas polares.
d)Ambos passam por regiões de clima seco e têm suas cabeceiras em áreas úmidas.
 
Questão cód. 1045130
5)As Coordenadas geográficas representam um dos elementos básicos da representação cartográfica. Sobre as coordenadas geográficas, é INCORRETO afirmar que
a)o sistema de coordenadas da Terra baseia-se na rede de coordenadas cartesianas.
b)para compreender as coordenadas, deve-se estar familiarizado com as noções de temperaturas, latitudes, longitudes e globo terrestre.
c)a latitude e a longitude são importantes não apenas para determinar a localização de um ponto sobre a Terra.
d)os paralelos indicam a latitude de um lugar.
e)o GPS é um sofisticado sistema de navegação ou posicionamento global, que informa, com exatidão, a latitude, a longitude e a altitude do lugar.
 
Questão cód. 1053787
6)Houve presença de dinossauros sobre a superfície da Terra:
a)Na Era Mesozóica, períodos Jurássico, Cambriano e Carbonífero.
b)Na Era Paleozóica, período Cambriano, Ordoviciano e Siluriano;
c)Na Era Cenozóica, Períodos Triásico, Jurássico e Cretáceo.
d)Na Era Paleozóica, Períodos Jurássico, Carbonífero e Cretáceo;
e)Na Era Mesozóica, Períodos Triásico, Jurássico e Cretáceo.
 
Questão cód. 1106831
7)Em 1912 o Geólogo Alemão Alfred Wegener, baseando-se em algumas evidências fósseis e semelhanças entre as estruturas de relevo formulou a teoria:
a)Das placas tectônicas.
b)Da deriva continental.
c)Da Pangeia.
d)Da Laurática.
 
Questão cód. 1160883
8)Marque a alternativa CORRETA.

A famosa experiência do físico italiano Evangelista Torricelli (1608-1647) comprovou que o ar exerce uma pressão sobre os corpos (pressão atmosférica), cuja força é igual ao peso de uma coluna de mercúrio de 1 centímetro de diâmetro e 76 centímetros de altura, ao nível do mar. Portanto:
a)O ar torna-se mais rarefeito (dilata-se) à medida que a temperatura se abaixa e, portanto, com maior pressão.
b)Quando a temperatura aumenta, o ar torna-se mais denso (comprime-se) e, consequentemente, com menor pressão.
c)Quanto menor a latitude, mais frio e menor pressão atmosférica e vice-versa.
d)Quando a altitude aumenta, a altura da coluna de mercúrio diminui. Isso demonstra que a pressão atmosférica diminui com o aumento da altitude.
 
Questão cód. 1163164
9)Uma pesquisadora francesa produziu o seguinte texto para caracterizar nosso país: “O Brasil, quinto país do mundo em extensão territorial, é o mais vasto do hemisfério sul. Ele faz parte essencialmente do mundo tropical, à exceção de seus estados mais meridionais, ao sul de São Paulo. O Brasil dispõe de vastos territórios subpovoados, como o da Amazônia, conhece também um crescimento urbano extremamente rápido, índices de pobreza que não diminuem e uma das sociedades mais desiguais do mundo. Qualificado de ‘terra de contrastes’ o Brasil é um país moderno do Terceiro Mundo, com todas as contradições que isso tem por consequência” (Adaptado de: DROULERS, Martine, Dictionnaire geopolititique des états. Organizado por Yves Lacoste. Paris, Flamarion, 1995). O Brasil é qualificado como uma “terra de contrastes” por:
a)fazer parte do mundo tropical, mas ter um crescimento urbano semelhante ao dos países temperados.
b)não conseguir evitar seu rápido crescimento urbano, por ser um país com grande extensão de fronteiras terrestres e de costa.
c)possuir grandes diferenças sociais e regionais e ser considerado um país moderno do Terceiro Mundo.
d)possuir vastos territórios subpovoados, apesar de não ter recursos econômicos e tecnológicos para explorá-los.
e)ter elevados índices de pobreza, por ser um país com grande extensão territorial e predomínio de atividades rurais.
 
Questão cód. 1510738
10)A mudança do objeto de estudo da Geografia tem relação com o movimento de renovação da disciplina, ocorrido a partir da década de 1970, quando esta enfrentou uma reformulação de suas bases teóricas e metodológicas. Em 1976, Yves Lacoste publica o livro "Geografia: isso, serve, em primeiro lugar, para fazer a guerra". A publicação é considerada um marco histórico desse período. No livro, o geógrafo francês Yves Lacoste denunciava
a)a existência de uma "Geografia dos professores" marcada pela integração da geopolítica com uma pedagogia crítica que desenvolvia competências para aumentar seus laços com o Estado e a sociedade.
b)a formação de um movimento progressista no âmbito do mundo acadêmico que articulava uma "Geografia dos Estados‐maiores" com os interesses das classes populares e a sociedade civil organizada.
c)uma "Geografia dos Estados‐maiores" articulada com uma nova geopolítica do mundo subdesenvolvido baseada no nacionalismo em detrimento dos interesses do capital industrial e financeiro internacional.
d)uma "Geografia dos professores" ensinada nas salas de aula e materializada nos livros didáticos, que mascarava o papel da geopolítica e seus vínculos com a estrutura de poder dominante.