TCE - PE retifica pela segunda vez o Concurso Público para Auditor e Analista

A remuneração pode chegar até R$ 18,4 mil.
Terça-feira, 15 de agosto de 2017 às 09h11
TCE - PE retifica pela segunda vez o Concurso Público para Auditor e Analista

O Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco (TCE - PE) publica o edital de retificação do Concurso Público para provimento de 36 vagas em cargos efetivos de nível superior.

Foram alterados itens da Prova de Conhecimentos Gerais, para as funções de Auditor de Controle Externo e Analista de Controle Externo na área de Auditoria de Contas Públicas. Para conferir essas e outras informações, acesse os editais disponíveis em nosso site.

As oportunidades deste Concurso estão distribuídas entre as funções e áreas de Auditor de Controle Externo - Auditoria de: Contas Públicas (13 vagas); Obras Públicas (1 vaga); Analista de Controle Externo - Auditoria de Contas Públicas (8 vagas); Analista de Controle Externo - Área de Administração (13 vagas); e Analista de Gestão - Área de Julgamentos (1 vaga).

Dentre o total existem vagas destinadas aos candidatos que se enquadram nos itens especificados no edital.

Em todos os casos os profissionais devem cumprir jornada de trabalho 30h, porém a remuneração varia de R$ 11.606,55 a R$ 18.477,13

Os interessados efetuaram as inscrições até o dia 31 de julho de 2017 no site da Cespe/UnB (www.cespe.unb.br).

Na data provável de 17 de setembro de 2017 serão aplicadas as Provas Objetivas de Conhecimentos Básicos, Específicos e a Prova Discursiva, com duração de 4h30 no turno da manhã.

Para os cargos de Analista de Controle Externo - área de Auditoria de Contas Públicas e Analista de Gestão - área Administração, a aplicação das avaliações está prevista para ocorrer em 24 de setembro de 2017, em dois turnos. Você pode começar a se preparar para os estudos adquirindo as Apostilas Digitais em nosso site.

Os candidatos aprovados escolherão a lotação de sua preferência na relação de vagas existentes na sede ou nas inspetorias regionais de controle externo do Tribunal de Contas do Estado de Pernambuco, segundo a ordem de classificação obtida no concurso.

Vale ressaltar que este Concurso é válido por dois anos, a partir da data de publicação da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por igual período, uma vez.

Jornalista: André Fortunato
Compartilhe: