Exército Brasileiro anuncia Processo Seletivo para a 9ª Região Militar

Interessados devem se atentar, pois as inscrições serão recebidas de acordo com as especificações do profissional
Quarta-feira, 24 de junho de 2020 às 11h07
Exército Brasileiro anuncia Processo Seletivo para a 9ª Região Militar

O Comando da 9ª Região Militar do Exército Brasileiro, que abrange os estados do Mato Grosso e Mato Grosso do Sul e a cidade de Aragarças, no estado de Goiás, anuncia a abertura do Processo Seletivo para a contratação de oficiais médicos temporários, mediante as condições estabelecidas no aviso de convocação.

Para participar, é necessário que os candidatos sejam brasileiros natos ou naturalizados, tenham ensino superior em medicina, registro do Conselho Regional de Medicina (CRM), estejam em dia com as obrigações perante o Serviço Militar e a Justiça Eleitoral, tenham boa saúde física e mental, além de não pertencerem à ativa ou à reserva remunerada de qualquer Força Armada ou Auxiliar, entre outros requisitos que podem ser consultados no documento oficial.

Estágios

É importante ressaltar que a prestação do Serviço Militar será na forma de Estágio de Adaptação e Serviço (EAS) e Estágio de Instrução e Serviço (EIS).

O EAS será dividido em duas fases: a primeira é destinada à instrução técnico-militar, com duração de quarenta e cinco dias, sendo realizada, obrigatoriamente, em unidade de tropa. E a segunda fase, destinada à aplicação de conhecimentos técnico-profissionais, sendo realizada nas OM para as quais os estagiários tenham sido designados.

Já o EIS corresponde à prestação de serviço, sob orientação, como oficial temporário e pode ser realizado nas OM para as quais foram convocados a incorporar, com possibilidade de haver a reincorporação diretamente no EIS, desde que satisfeitos os requisitos exigidos para o EAS.

Seleção Especial

O Processo Seletivo de que trata o presente aviso será realizado levando em consideração os aspectos físico, psicológico e moral dos candidatos.

Os candidatos serão submetidos à Seleção Especial:

  • em caráter obrigatório, o convocado por lei (estudante do último semestre e o médico formado no 1º semestre de 2020 em IE tributários e o formado em faculdade de medicina no exterior, possuidor de Revalida, aprovado em IE tributários), que não tenha prestado o serviço militar inicial obrigatório no momento da convocação de sua classe, por adiamento ou dispensa de incorporação, portador de Certificado de Alistamento Militar (CAM) ou CDI;
  • o médico que deseja servir (candidato voluntário), inclusive as mulheres, conforme condições estabelecidas por este Aviso e a legislação em vigor, bem como as demais prescrições contidas em normativas de cada Força Armada;
  • o médico que obteve adiamento de incorporação para realizar residência médica ou pós-graduação, imediatamente após o término do prazo concedido;
  • o médico em débito com o Serviço Militar;
  • o médico que obteve decisão judicial desfavorável quanto a sua pretensão de não ser convocado para incorporar, obrigatoriamente, nas Forças Armadas.

Já o candidato voluntário (desobrigado ao Serviço Militar) deverá atender, pelo menos, a uma das seguintes condições:

  • Ser estudante de medicina do último semestre de IEMFDV;
  • Ser médico formado em faculdade oficial e reconhecida pelo MEC;
  • Ser médico aprovado no REVALIDA;
  • Ser médico, possuidor de Certificado de Reservista (CR), ou Certidão de Situação Militar, ou Carta Patente, ou CDSA, ou CDI revalidado, conforme a Lei Nr 12.336, de 26 de outubro de 2010, e CDI, tendo realizado curso de graduação em Instituição de Ensino não tributário.

Inscrição

Os médicos recém-formados e revalidados deverão seguir o calendário de eventos, presente na página 4 do edital, que consta as etapas e locais de realizações.

Já os médicos formados em anos anteriores em débito com o serviço militar (caráter obrigatório) devem seguir as especificações presentes no calendário de eventos da página 5 do edital.

Por fim, no período de 2 de julho de 2020 a 1º de julho de 2021, os médicos quites com o serviço militar e médicas, ambos de caráter voluntário, poderão se inscrever nesta seleção, presencialmente na Comissão de Seleção Permanente das Forças Armadas (CSPFA), sito à rua Gen Nepomuceno Costa, nº 168, Vila Alba, Campo Grande - MS.

Etapas

O presente edital contará com seis etapas: inscrição; entrevista e análise documental; inspeção de saúde; distribuição para as três forças armadas; designação e seleção complementar. Vale ressaltar que as duas últimas etapas estarão a cargo de cada Força, cuja programação será relativa às atividades administrativas e revisão médica para incorporação.

Cada etapa tem suas especificações e é de responsabilidade do candidato se atentar a cada uma delas, bem como as finalidades de cada uma.

Convocados

Os profissionais convocados serão submetidos às atividades-fim técnicas, especializadas e relacionadas à respectiva área de interesse das Forças Armadas, nas Organizações Militares (OM) da Marinha do Brasil (MB), do Exército Brasileiro (EB) e da Força Aérea Brasileira (FAB). As atividades-meio serão aquelas relacionadas às rotinas de trabalho desenvolvidas por cada Força.

Demais informações podem ser obtidas por meio do edital oficial disponível para consulta em nosso site.

Jornalista: Jady Eduarda Alves
Compartilhe: