UFT retifica novamente número de vagas do edital 52/2013 para Professor

Sexta-feira, 16 de agosto de 2013 às 14h07
UFT retifica novamente número de vagas do edital 52/2013 para Professor

A Universidade Federal do Tocantins (UFT) informa que o número correto de vagas do certame 52/2013 é de 39, pois foi acrescida mais uma vaga ao curso de Agronomia, no campus Gurupi. Para disputar a nova vaga, o profissional deve possuir, no mínimo, graduação em Agronomia. O período de inscrições será de 26 a 29 de agosto de 2013.

Na retificação publicada anteriormente, a instituição divulgou retificação na qual informou que o número correto de vagas para Professor Substituto, classes de Auxiliar, Auxiliar com especialização, Assistente e Adjunto do edital 52/213, passou para 38, pois foram incorporados os cargos 36, 37 e 38 ao Anexo I. Essas oportunidades inseridas serão para a classe de Assistente, com jornadas de 40h junto aos campi de Araguaína, Miracema e Arraias, nos curso de Matemática, Serviço Social e Pedagogia, respectivamente e suas inscrições serão recebidas de 12 a 15 de agosto de 2013.

No Anexo I, bem como nos itens 2 e 3 do Anexo II da vaga de código nº. 2, a formação mínima exigida passa a ser curso de graduação em Administração e Pedagogia. Já para a vaga de nº. 26, o Anexo I e item 3 do Anexo II, passam a vigorar como curso de graduação em Farmácia - Generalista.

O certame é voltado, portanto, ao provimento de 39 vagas diretas junto aos campi de Araguaína, Arraias, Gurupi, Miracema, Palmas e Porto Nacional e cadastros de reserva distribuídos entre os cursos de Geografia, Gestão de Negócios (Cooperativismo), Gestão de Negócios (Logística), Zootecnia, Matemática, Pedagogia, Agronomia, Engenharia Florestal, Engenharia Ambiental, Engenharia Civil, Engenharia de Alimentos, Engenharia Elétrica, Administração, Arquitetura e Urbanismo, Artes - Teatro, Ciências Contábeis, Direito, Filosofia, Medicina, Ciências Biológicas, História e Letras, em diversas áreas.

Para jornadas semanais de 20h, os salários poderão variar de R$ 1.914,58 a R$ 2.700,51, conforme titulação apresentada pelo profissional, e variar de R$ 2.714,89 a R$ 4.649,65, no caso de dedicação de 40h semanais.

As inscrições para os cargos que já estavam abertos no certame seguiram até às 23h59 do dia 8 de agosto de 2013 pelo site www.copese.uft.edu.br. Nesse período só puderam disputar profissionais com doutorado. Já para os que possuem mestrado, o período foi de 12 a 15 de agosto de 2013. Se o profissional, no entanto, for especialista deverá se inscrever de 19 a 22 de agosto de 2013 e, por fim, se possuir apenas graduação, de 26 a 29 de agosto de 2013.

Os interessados nas vagas de graduação, especialização e mestrado só podem se inscrever nos períodos indicados e, caso não haja inscrição no primeiro período (doutores), essas vagas também poderão ser disputadas por mestres, especialistas e graduados, nesta mesma ordem e no período correspondente.

A taxa de participação é de R$ 80,00 e só podem solicitar devolução candidatos que estejam inscritos no Cadastro Único para Programas Sociais do Governo Federal (CadÚnico), de que trata o Decreto nº. 6.135, de 26 de junho de 2007; e que sejam membros de família de baixa renda - renda familiar mensal per capita de até meio salário-mínimo ou renda familiar mensal de até três salários-mínimos.

O resultado das inscrições confirmadas será divulgado pelo site do concurso, no dia 4 de setembro de 2013 e todos os participantes serão submetidos à prova de títulos, de caráter classificatório, para a qual será exigida entrega do Curriculum Vitae devidamente comprovado, até 3 de setembro de 2013, nas Coordenações dos cursos dos campi da instituição (ver endereços no item 7.1 do edital).

Haverá, ainda, análise curricular e entrevista, ambas de caráter eliminatório e classificatório, em 10 de setembro de 2013; e, por fim, prova didática (aula teórica), de caráter eliminatório e classificatório, em 12 de setembro de 2013.

Fonte: www.in.gov.br.

Compartilhe: