ESAF divulga retificação do Edital ESAF nº 47/2013 do PECFAZ

Terça-feira, 25 de junho de 2013 às 16h17
ESAF divulga retificação do Edital ESAF nº 47/2013 do PECFAZ

No Edital ESAF nº 47, de 06/06/2013, publicado no DOU de 07/06/2013, Seção 3, páginas 122 a 132 fica retificado o cronograma do Concurso Público. A aplicação das provas objetivas (I e II) será na data provável de 25 de agosto de 2013.

Fonte: www.esaf.fazenda.gov.br

--------------------------------------------------------------------------------------------------------------

ESAF abre concurso público com 347 vagas destinados a estrutura do PECFAZ

A Escola de Administração Fazendária, divulga a abertura das inscrições e estabelece normas para a realização do concurso público, destinado a selecionar candidatos para o provimento de cargos de Analista Técnico-Administrativo (192), Arquiteto (31), Contador (47), Engenheiro (58) e Pedagogo (19), integrantes da estrutura do Plano Especial de Cargos do Ministério da Fazenda - PECFAZ.

O servidor será regido pelo Regime Jurídico Único dos Servidores Públicos Civis da União, de que trata a Lei nº 8.112, de 11/12/1990, com jornada de trabalho de 40 horas semanais.

A remuneração inicial dos cargos de Analista Técnico-Administrativo, Contador e Pedagogo será de R$ 3.977,42, sem incluir os benefícios (ticket alimentação e vale-transporte). Já para os cargos de Arquiteto e Engenheiro (cargos integrantes do Plano de Carreira de Cargos do Poder Executivo (Lei nº 12.277 de 30/06/2010), a remuneração será de R$ 5.081,18, valores correspondentes à tabela da estrutura remuneratória especial de cargos específicos.

Da Inscrição:

O pedido de inscrição será efetuado, exclusivamente via internet, no endereço eletrônico www.esaf.fazenda.gov.br, no período compreendido entre 10h do dia 17 de junho de 2013 e 23h59min do dia 30 de junho de 2013, considerado o horário de Brasília-DF, mediante o pagamento da taxa a ela pertinente, no valor de R$ 90,00, por meio de boleto eletrônico, pagável em toda a rede bancária.

O boleto para recolhimento da taxa de inscrição (GRU - COBRANÇA) e deverá ser impresso imediatamente após a conclusão do preenchimento do pedido de inscrição.

O concurso será assim constituído:

a) Prova 1 - Objetiva de Conhecimentos Básicos de caráter seletivo, eliminatório e classificatório;

b) Prova 2 - Objetiva de Conhecimentos Específicos de caráter seletivo, eliminatório e classificatório;

c) Prova 3 - Discursiva - de caráter seletivo, eliminatório e classificatório.

As provas objetivas, para todos os cargos, serão aplicadas nas cidades de Aracaju-SE, Belém-PA, Belo Horizonte-MG, Boa Vista-RR, Brasília-DF, Campo Grande-MS, Cuiabá-MT, Curitiba-PR, Florianópolis-SC, Fortaleza-CE, Goiânia-GO, João Pessoa-PB, Macapá-AP, Maceió-AL, Manaus-AM, Natal-RN, Palmas-TO, Porto Alegre-RS, Porto Velho-RO, Recife-PE, Rio Branco-AC, Rio de Janeiro-RJ, Salvador-BA, São Luís-MA, São Paulo-SP, Teresina-PI e Vitória-ES, em dois turnos, na data provável de 01 de setembro de 2013.

A data e os horários de aplicação das provas serão oportunamente confirmados, por meio de Edital a ser publicado no Diário Oficial da União e disponibilizado no endereço eletrônico.

O candidato deverá comparecer ao local das provas com antecedência mínima de 30 minutos do horário fixado para o fechamento dos portões de acesso aos locais de aplicação das provas, considerado o horário de Brasília-DF, munido de seu documento de identificação e de caneta esferográfica (tinta azul ou preta) fabricada em material transparente. Não será permitido o uso de lápis, lapiseira e/ou borracha durante a realização das provas.

O resultado final do concurso será homologado pelo Diretor-Geral da ESAF, respeitado o disposto no art. 42 do Decreto nº 3.298/1999, mediante publicação no Diário Oficial da União, obedecida a rigorosa ordem de classificação para cada Cargo, Unidade da Federação ou DF, não se admitindo recurso desse resultado.

O prazo de validade do concurso será de 1 ano, prorrogável por igual período, contado a partir da homologação do resultado final do concurso, na forma do disposto no art. 11 do Decreto nº 6.944, publicado no DOU de 2009.

Fonte: Diário Oficial da União

Compartilhe: