CP-CAP: Marinha do Brasil retifica Concurso Público com 56 vagas

Documento inclui atualização em conteúdo programático de certame para profissionais dos níveis técnicos; confira
Terça-feira, 1 de setembro de 2020 às 08h11
CP-CAP: Marinha do Brasil retifica Concurso Público com 56 vagas

A Marinha do Brasil divulgou recentemente um documento de retificação referente ao Concurso Público para Admissão ao Curso de Formação para Ingresso no Corpo Auxiliar de Praças da Marinha (CP-CAP) em 2020, em que será realizado no Centro de Instrução Almirante Alexandrino (Ciaa) no Rio de Janeiro.

Segundo o documento (retificação I), houve uma atualização no conteúdo programático, podendo ser consultado na íntegra em nosso site.

Oportunidades

Ao todo são ofertadas 56 oportunidades, de níveis técnico, para a carreira militar, especificamente ao cargo de cabo do CAP. Confira as especialidades e, respectivamente, o quantitativo em cada:

  • Contabilidade: 8 vagas;
  • Eletrônica: 3 vagas;
  • Enfermagem: 5 vagas;
  • Estatística: 5 vagas;
  • Geodésia e Cartografia: 3 vagas;
  • Gráfica: 4 vagas;
  • Marcenaria: 4 vagas;
  • Mecânica: 4 vagas;
  • Metalurgia: 4 vagas;
  • Meteorologia: 4 vagas;
  • Motores: 4 vagas;
  • Processamento de Dados: 4 vagas;
  • Química: 4 vagas.

É necessário salientar que dentre o quantitativo total de oportunidades, 56 vagas, há aquelas reservadas para pessoas especificadas nos itens do edital de abertura.

Etapas de participação

Para concorrer, os interessados devem ter 18 anos completos e menos de 25 anos no primeiro dia do mês de janeiro de 2021, bem como altura mínima de 1,54m e a máxima é de 2m, além de estarem em dia com as obrigações militares e civis, .

As inscrições devem ser realizadas a partir das 9h do dia 9 de setembro, até às 23h59 (horário de Brasília/DF) do dia 28 deste mesmo mês, por meio do endereço eletrônico da Marinha do Brasil, mediante ao pagamento da taxa de R$ 46,00, com possibilidade de solicitar a isenção entre os dias 9 e 18 de setembro de 2020.

Já como método de seleção, os concorrentes serão submetidos às seguintes etapas:

  • Provas escritas objetivas de conhecimentos profissionais, composto por questões (PO);
  • Redação; e
  • Verificação de dados biográficos (VDB);
  • Inspeção de saúde (IS);
  • Teste de aptidão física de ingresso (TAF-I);
  • Verificação de documentos (VD);
  • Avaliação psicológica (AP); e
  • Procedimento de heteroidentificação complementar à autodeclaração (PH).

Em relação ao exame escrito-objetivo e a redação, a previsão é de que ocorra na segunda quinzena de dezembro de 2020, onde será aplicada nas cidades de Amapá - AP; Angra dos Reis - RJ; Aracaju - SE; Barra Bonita - SP; Belém - PA; Belo Horizonte - MG; Brasília - DF; Cuiabá - MT; Florianópolis - SC; Fortaleza - CE; Foz de Iguaçu - PR; Ilhéus - BA; Ladário - MS; Macaé - RJ; Maceió - AL; Manaus - AM; Natal - RN; Nova Friburgo - RJ; Olinda - PE; Palmas - TO; Paraíba - PB; Paranaguá - PR; Piauí - PI; Porto Alegre - RS; Porto Velho - RO; Rio de Janeiro - RJ; Rio Grande - RS; Salvador - BA; Santarém - PA; Santos - SP; São Francisco do Sul - SC; São José da Barra - MG; São Luís - MA; São Paulo - SP; São Pedro da Aldeia - RJ; Uruguaiana - RS; e Vila Velha - ES.

Por fim, depois da realização de todas as etapas de avaliação, a previsão de início do curso está marcado ao dia 8 de setembro de 2021, conforme determina o edital de abertura disponível em nosso site, de forma gratuita, com mais informações sobre o presente certame.

E, para lhe auxiliar nos estudos, adquira as Apostilas Digitais deste certame em nosso site.

Jornalista: Mayson Martins Ribeiro
Compartilhe: