Conjunto Hospitalar Mandaqui realiza dois novos Concursos Públicos

Certames são destinados ao preenchimento de duas vagas ofertadas ao cargo de médicos em diversas especialidades; confira
Terça-feira, 10 de novembro de 2020 às 09h35
Conjunto Hospitalar Mandaqui realiza dois novos Concursos Públicos

O Conjunto Hospitalar do Mandaqui, em São Paulo, por meio da Coordenadoria de Serviços de Saúde da Secretaria de Estado da Saúde, anuncia a realização de dois novos Concursos Públicos que tem por objetivo a contratação de médicos em diferentes especialidades.

Há oportunidades distribuídas entre os seguintes cargos, seguido da especialidade, conforme os respectivos editais:

  • Edital nº 063/2020: Médico I - Neurocirurgia (1);
  • Edital nº 064/2020: Médico I - Pediatria com área de atuação em medicina intensiva pediátrica (1).

Requisitos e remuneração

Para concorrer a uma das vagas ofertadas, é necessário que o candidato possua escolaridade em nível superior em medicina, além de registro no Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo (Cremesp) e certificado de conclusão de residência médica em programa credenciado pela Comissão Nacional de Residência Médica (CNRM), na especialidade para a qual concorre.

Ao ser contratado, o profissional deve exercer funções em jornadas de 20 horas semanais, referente a remuneração mensal no valor de R$ 2.742,75, acrescido de prêmio de produtividade médica no valor de até R$ 3.467,25.

Procedimentos para participação

Os interessados podem se inscrever no período de 23 de novembro de 2020 até 22 de dezembro deste mesmo ano, na unidade detentora do certame, situada na Rua Voluntários da Pátria, nº 4.301, Prédio da Gerência de Recursos Humanos - Mandaqui, São Paulo, estado de São Paulo. O atendimento é das 9h às 16h.

Vale ressaltar que o pagamento da taxa de inscrição no valor de R$ 91,11 deve ser efetuado para participação do candidato. No entanto, os candidatos que se enquadram nos critérios estabelecidos no edital poderão solicitar a redução da taxa em 50%, até dez dias antes do término do período de inscrições.

Como forma de seleção, os candidatos serão classificados mediante aplicação de prova objetiva, na data prevista de 31 de janeiro de 2021, com duração máxima de três horas, no período matutino ou vespertino, em local a ser publicado futuramente. Também será realizada avaliação de títulos, de caráter classificatório, mediante os critérios de pontuação especificados no edital.

Vigência

Os certames terão validade de dois anos, contados a partir da data da publicação da homologação, prorrogável uma vez por igual período.

Para mais informações, consulte o edital na íntegra disponível em nosso site.

Jornalista: Bruna Evelyn Pereira
Compartilhe: