Concurso Público do Conselho Regional de Medicina do estado do Ceará oferece 20 vagas

Oportunidades ofertadas são para profissionais de níveis médio e superior; veja como concorrer
Quinta-feira, 24 de junho de 2021 às 13h20
Concurso Público do Conselho Regional de Medicina do estado do Ceará oferece 20 vagas

O Conselho Regional de Medicina do Estado do Ceará (Cremec) informa a realização de seu novo Concurso Público, que será de responsabilidade do Instituto de Desenvolvimento Institucional Brasileiro (Idib), destinado ao provimento de 20 vagas efetivas, para profissionais de níveis médio e superior, a fim de atuarem na cidade de Fortaleza ou em outras localidades conforme a necessidade.

Conforme o edital, há vagas disponíveis aos cargos de Assistente administrativo (13), Advogado (1), Analista de Recursos Humanos (1), Analista de Sistema (1) e Auditor Interno (1), Contador (1) e Médico Fiscal (2). O profissional, quando contratado, deverá desempenhar atividades em carga horária semanal de 20 a 40 horas, com salário inicial que alterna de R$ 4.140,00 a R$ 7.068,00.

Requisitos de participação

Para concorrer a uma das oportunidades ofertadas, os candidatos devem ter nível médio ou superior, conforme o cargo pretendido, bem como idade mínima de 18 anos, estar em dia com as obrigações eleitorais e, se do sexo masculino, com as obrigações militares, além de apresentar declaração de bens e valores que constituam patrimônio e estar apto física e mentalmente para o exercício das atribuições do cargo, dentre outros requisitos detalhados no edital.

Procedimento de participação

Os pedidos de participações, que tiveram início às 14h do dia 24 de junho de 2021, podem ser realizados até às 23h59 do dia 29 de julho de 2021, por meio do site da organizadora Idib. O pedido de participação possui taxa de R$ 80,00 a R$ 120,00 e o valor deverá ser quitado até o primeiro dia útil após o fim das inscrições.

Ficarão isentos do pagamento da taxa de inscrição, os candidatos que atendam aos requisitos das legislações abaixo:

  • Estiverem inscritos no cadastro único, de que trata o Decreto Federal n.º 6.135, de 26 de junho de 2007;
  • Comprovarem ser membro de família de baixa renda, nos termos do Decreto n.º 6.135, de 26 de junho de 2007, por meio de declaração;
  • Ser doadores de medula óssea em entidades reconhecidas pelo Ministério da Saúde;
  • Apresentarem atestado ou laudo emitido por médico de entidade reconhecida pelo Ministério da Saúde, inscrito no Conselho Regional de Medicina, que comprove que o candidato efetuou a doação de medula óssea, bem como a data da doação.

Em concordância com os critérios estabelecidos, a solicitação da isenção pode ser realizada até o dia 26 de junho de 2021.

Classificação dos inscritos

Como método de avaliação, todos os candidatos inscritos passaram por uma prova objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, abrangendo os conteúdos programáticos de língua portuguesa, informática e conhecimentos específicos. Além disso, haverá também prova de títulos de caráter classificatório e participarão desta etapa os candidatos que concorrerem aos cargos de nível superior, classificados na primeira etapa.

Já ao cargo de advogado, haverá ainda uma prova discursiva, também de caráter eliminatório e classificatório.

As provas objetivas tem duração de três horas, com exceção da função de advogado que será de cinco horas. Segundo o documento oficial, as avaliações serão realizadas na cidade de Fortaleza, podendo ainda acontecer nas cidades circunvizinhas, dependendo da necessidade.

Vale mencionar que os locais e os horários de realização das provas objetivas serão divulgados, em até sete dias anteriores à data das provas, previstas para ocorrer entre os dias 18 e 19 de setembro de 2021.

Validade

O certame destina-se ao preenchimento de vagas para os cargos vagos no quadro de servidores do Cremec, para o exercício funcional, de acordo com o quantitativo ofertado, e ainda das que surgirem no decorrer do prazo de validade deste certame, que será de dois anos prorrogável uma única vez por igual período, a contar da data de sua homologação.

Jornalista: Pamela Bugatti
Compartilhe: