Câmara de Trombudo Central - SC suspende provas de Concurso Público

Medida foi tomada em virtude da prorrogação das medidas sanitárias decorrentes da pandemia da Covid-19
Segunda-feira, 27 de julho de 2020 às 16h41
Câmara de Trombudo Central - SC suspende provas de Concurso Público

A Câmara de Trombudo Central, no estado de Santa Catarina, anuncia a suspensão das etapas de provas do Concurso Público que visa a formação de cadastro reserva de agente legislativo e a contratação de um agente de serviços gerais.

Segundo o documento (suspensão das provas) considerando as medidas de prevenção tomadas devido a pandemia da Covid-19, a realização das provas objetiva e prática, que estavam previstas para o dia 2 de agosto de 2020, fica suspensa por tempo indeterminado. Uma nova data será informada posteriormente.

O Concurso

Para participar, é necessário que os candidatos tenham ensino fundamental incompleto, médio, nacionalidade brasileira ou estrangeira na forma da lei, esteja em dia com as obrigações militares e eleitorais, tenha idade mínima de 18 anos e aptidão física e mental adequada ao exercício do cargo.

Sob jornada de trabalho de 40 horas semanais, os profissionais contratados receberão salário base mensal no valor de R$ 1.415,90 e R$ 1.884,62.

Inscrição

Mediante ao pagamento de taxa no valor de R$ 40,00 e R$ 60,00, os interessados puderam se inscrever no período de 19 de junho de 2020 até às 17h do dia 20 de julho deste mesmo ano, exclusivamente via internet, no site da NBS Provas. O pedido de isenção da taxa pôde ser protocolado até o dia 13 de julho de 2020.

Seleção

Os profissionais inscritos serão submetidos à prova escrita objetiva, de caráter eliminatório e classificatório, composta por questões de língua portuguesa, matemática, informática básica, conhecimentos gerais, específicos e atualidades.

Validade

A validade do presente Concurso Público será de dois anos, contados da homologação do resultado final, com possibilidade de prorrogação.

Informações complementares podem ser obtidas por meio do documento oficial disponível para consulta em nosso site.

Jornalista: Jady Eduarda Alves
Compartilhe: