Câmara de Potim - SP anuncia retificação de Concurso Público

Certame é destinado ao preenchimento de quatro vagas ofertadas entre cargos de níveis médio e superior; confira
Quinta-feira, 10 de junho de 2021 às 15h57
Câmara de Potim - SP anuncia retificação de Concurso Público

No estado de São Paulo, a Câmara de Potim, por meio da Fundação para o Vestibular da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (Fundação Vunesp), anuncia a primeira retificação de um novo Concurso Público, que tem por objetivo o preenchimento de quatro vagas destinadas à contratação de profissionais.

De acordo com o documento (retificação I), ocorreram alterações nos requisitos para o cargo de Diretor Geral. Desta forma, para a nomeação do cargo referido, serão aceitos portadores de curso superior cujo currículo conste duração mínima de 160 horas em componentes curriculares afins às áreas de administração ou direito.

O Concurso

Há oportunidades disponíveis entre os seguintes cargos: Agente Legislativo (1); Escriturário (1); Diretor Geral (1); e Procurador Jurídico (1).

Para concorrer as chances ofertadas, é necessário que o candidato possua escolaridade em nível médio ou superior, relativo ao cargo pleiteado. Ao ser contratado, o profissional deve exercer funções em jornadas de 20 a 30 horas semanais, referente a remuneração mensal no valor que alterna entre R$ 1.321,59 e R$ 4.816,66, acrescido de vale-alimentação correspondente a R$ 200,00, além de vale-transporte.

Procedimentos para participação

Os interessados em participar do Concurso, podem se inscrever de forma eletrônica, a partir das 10h de 9 de junho de 2021 até o dia 8 de julho deste mesmo ano, por meio do site da Vunesp.

Vale ressaltar que, o pagamento da taxa de inscrição no valor entre R$ 60,00 a R$ 80,00, pode se efetuado até as 18h do dia 12 de julho de 2021. Entretanto, os candidatos que se enquadram nos critérios especificados no documento, podem solicitar a isenção do valor entre os dias 9 e 10 de junho de 2021.

Como forma de classificação, os candidatos serão avaliados mediante aplicação de prova objetiva, na data prevista de 29 de agosto de 2021. A prova será composta de questões que envolvem as disciplinas de língua portuguesa; matemática; noções de informática; conhecimentos específicos; e legislação.

Aos cargos de diretor geral e procurador jurídico, também será realizada a etapa de prova de títulos, no qual o envio dos títulos deverá ser realizado por meio digital, no período previsto de 20 a 24 de setembro de 2021. Além disso ao cargo de procurador jurídico, haverá ainda prova prático-profissional, que consiste em peça processual.

Vigência

De acordo com o edital de abertura, o prazo de validade deste Certame será de dois anos, contado da data da homologação, com possibilidade de ser prorrogado por igual período.

Jornalista: Bruna Evelyn Pereira
Compartilhe: