UFRN - Universidade Federal do Rio Grande do Norte - RN

UFRN - UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE

ESTADO DO RIO GRANDE DO NORTE

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

EDITAL Nº 14, DE 29 DE AGOSTO DE 2014

Notícia:   UFRN abre vagas para professores do Pronatec

PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFISSIONAIS QUE ATUARÃO NO PROGRAMA NACIONAL DE ACESSO AO ENSINO TÉCNICO E EMPREGO - PRONATEC/MEC DA ESCOLA AGRÍCOLA DE JUNDIAÍ/UFRN

O DIRETOR DA ESCOLA AGRÍCOLA DE JUNDIAÍ, DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO RIO GRANDE DO NORTE torna públicas, nos termos deste Edital, as normas e os procedimentos necessários para a realização da Seleção de Candidatos que comporão a equipe dos Cursos oferecidos no âmbito do PRONATEC, para o Estado do Rio Grande do Norte, nos termos legais da RESOLUÇÃO CD/FNDE Nº 04, de 16 de março de 2012; e, considerando:

01 - A necessidade de expandir e democratizar o acesso dos brasileiros à Educação Profissional e Tecnológica, visando ao pleno desenvolvimento da pessoa, seu preparo para o exercício da cidadania e sua qualificação para o trabalho;

02 - A necessidade de contribuir para a melhoria da qualidade do ensino médio público por intermédio de sua articulação com uma Educação Profissional e Tecnológica voltada para a formação profissional e para o exercício da cidadania; e

03 - A necessidade de integrar as principais redes ofertantes de forma a compartilhar experiências e unir esforços, visando garantir a democratização e interiorização da oferta de educação profissional e tecnológica no País:

RESOLVE:

Tornar pública a abertura de inscrições de Processo Seletivo Simplificado para o credenciamento temporário de profissionais para atuação como bolsistas nos cursos do PRONATEC/EAJ, nos termos da Resolução supracitada.

1. DAS VAGAS

1.1. São oferecidas as vagas constantes conforme o anexo 03, deste Edital.

2. DAS ATRIBUIÇÕES DOS BOLSISTAS

2.1 São atribuições dos bolsistas na função de PROFESSOR nos cursos aprovados pela Escola Agrícola de Jundiaí no âmbito do PRONATEC:

a) Participar dos treinamentos a serem realizados;

b) Planejar as aulas e atividades didáticas e ministrá-las aos beneficiados pelas bolsas formação;

c) Alimentar o sistema de gestão do PRONATEC com os dados de frequência e desempenho acadêmico dos estudantes;

d) Confeccionar e adequar os planos de curso, conteúdos, materiais didáticos, mídias e bibliografia às necessidades dos estudantes participantes da oferta;

e) Propiciar espaço de acolhimento e debate com os estudantes;

f) Avaliar o desempenho dos estudantes;

g) Participar dos encontros solicitados pela Supervisão ou promovidos pelos Coordenadores Geral ou Adjunto do PRONATEC/EAJ;

h) Participar da divulgação do curso na localidade onde este será ofertado;

i) Ter disponibilidade e participar das reuniões, treinamentos e avaliações presenciais com a equipe pedagógica, quando requisitados, em local ou polo definido pela própria equipe pedagógica, pela Supervisão ou pela Coordenação do PRONATEC/EAJ, sob pena de exclusão do quadro de instrutores.

3. DAS INSCRIÇÕES

3.1. A inscrição do candidato é gratuita e será realizada no período compreendido entre 29 de agosto e 11 de setembro de 2014, das 08h às 12h e das 14 às 16 horas, exclusivamente, na Secretaria do PRONATEC, localizada na direção da Escola Agrícola de Jundiaí, RN-160, Km 03, Distrito de Jundiaí, Macaíba-RN, telefone 3342-4803;

3.2. O candidato, antes de realizar sua inscrição, deverá se certificar de que preenche todos os requisitos exigidos para a função de bolsista descrita neste edital, bem como dos seus respectivos anexos;

3.3. O candidato deverá apresentar, no ato da inscrição, um envelope lacrado com uma cópia preenchida do Anexo 01 afixado na parte externa do envelope;

3.4. Na parte interior do envelope, o candidato deverá apresentar, OBRIGATORIAMENTE documentos ENCADERNADOS na seguinte ordem (A não encadernação da inscrição elimina o candidato do processo seletivo):

a) Anexo 2 devidamente preenchido;

b) Cópia de documentos: RG e CPF;

c) Cópia de diploma de escolaridade: Ensino médio completo, Tecnólogo, Graduação, Pós-Graduação, Mestrado ou Doutorado);

d) No caso de Curso Técnico, Tecnólogo, Graduação e Pós-Graduação é OBRIGATÓRIO apresentar o histórico das disciplinas cursadas com as suas respectivas horas-aulas;

e) Currículo profissional reduzido, datado e assinado (máximo de três páginas);

f) Comprovações de docência ou experiência profissional (Será eliminado o candidato que não apresentar as comprovações);

3.5. PLANO DE AULA: O candidato deverá apresentar uma proposta de realização da disciplina, para início em 29 de setembro de 2014, apresentando um cronograma de aulas indicando cada conteúdo a ser ministrado até o término do curso, de acordo com a carga horária da disciplina.

3.6. O candidato pode realizar inscrição para no máximo 1 (uma) vaga para professor. O candidato que entregar mais de um processo de inscrição para professor terá suas inscrições anuladas.

OBS.: O candidato que concorre a vaga de PROFESSOR que não entregar o plano de aula será eliminado. O candidato que não apresentar as devidas comprovações e não encadernação da documentação de inscrição também será eliminado do processo seletivo.

3.7. O candidato deverá apresentar a devida comprovação de todos os títulos que serão analisados pela comissão examinadora. Não serão aceitas documentações entregues em mídia eletrônica.

3.8. Será eliminado do processo seletivo, sem prejuízo das sanções penais cabíveis, o candidato que, em qualquer tempo:

● Cometer falsidade ideológica com prova documental;

● Utilizar-se de procedimentos ilícitos, devidamente comprovados por meio eletrônico, estatístico, visual ou grafológico;

● Burlar ou tentar burlar quaisquer das normas definidas neste Edital;

● Dispensar tratamento inadequado, incorreto ou descortês a qualquer pessoa envolvida no Processo Seletivo; ou

● Perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos relativos ao processo Seletivo.

4. CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO

4.1. Ter apresentado todos os documentos solicitados;

4.2. Ter disponibilidade de ministrar aulas na localidade e no turno onde for ofertado determinada disciplina, de acordo com a conveniência e necessidade do PRONATEC, em conformidade com os anexos deste edital.

4.3. Atender ao disposto no Art. 14 da RESOLUÇÃO CD/FNDE Nº 04, de 16 de março de 2012, que estabelece que "A concessão de bolsas aos profissionais envolvidos na oferta de cursos da Bolsa Formação do PRONATEC dar-se-á conforme o estabelecido pelo art. 9º da Lei nº. 12.513/2011", observando as seguintes condições:

a) A carga horária semanal para a vaga de PROFESSOR em dedicação ao programa é limitada a 16 horas semanais.

b) Na função de professor da Bolsa-Formação, o servidor ativo da carreira do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico (EBTT) só poderá atuar e receber bolsa no limite da mesma Carga Horária regular em que desempenha em sala de aula na instituição.

4.4. Ter como requisito mínimo o ENSINO MÉDIO COMPLETO para concorrer ao curso.

5. DA SELEÇÃO

5.1. O processo seletivo será conduzido por uma Comissão de Seleção designada pelo Diretor Geral da Escola Agrícola de Jundiaí e constará de uma única fase de caráter classificatório, através da análise documental entregue. Essa classificação seguirá a pontuação discriminada no item 6.1 deste edital.

5.2. Para os aprovados, poderá ser realizada entrevista, a cargo da comissão responsável pelo Processo Seletivo Simplificado, conforme convocação que será realizada por e­mail e telefone.

6. DA CLASSIFICAÇÃO

6.1. A classificação do processo seletivo obedecerá à ordem decrescente do total de pontos obtidos, utilizando os critérios dispostos abaixo:

Item

Descrição

Pontuação

01

Servidor ativo ou inativo da UFRN (com comprovação)

2 (dois) pontos para cada semestre (máximo 10 semestres)

02

Atuação como docente ou desempenho de função administrativa no PRONATEC na EAJ/UFRN (com comprovação)

2 (dois) pontos para cada semestre de docência ou função administrativa (máximo de 10 semestres)

03

Tempo de docência na área da vaga concorrida com comprovação (exceto atuação na UFRN e PRONATEC)

1 (um) ponto para cada semestre de docência (máximo de 20 pontos)

04

Experiência Profissional na área da vaga Concorrida comprovação - exceto docência. (com comprovação)

1 (um) ponto para cada mês de atuação (máximo de 20 pontos)

05

Titulação (Técnico de nível médio, Tecnólogo e Graduado, Especialista, Mestre ou Doutor na área da vaga concorrida) (com comprovação)

4, 8, 10, 15 ou 20 pontos, respectivamente, (não acumuláveis)

6.2. Em caso de empate, serão considerados os critérios abaixo, na seguinte ordem:

a) Maior tempo de experiência profissional na área do curso proposta, devidamente comprovado.

b) Maior idade, conforme o artigo 27, parágrafo único da Lei 10.741/03.

7. DOS RESULTADOS

7.1. O resultado parcial será divulgado no dia 22 de setembro de 2014, no endereço eletrônico do PRONATEC/EAJ - Escola Agrícola de Jundiaí: www.eaj.ufrn.br/pronatec/.

7.2. O resultado final será divulgado no dia 26 de setembro de 2014, no endereço eletrônico do PRONATEC/EAJ - Escola Agrícola de Jundiaí: www.eaj.ufrn.br/pronatec/

7.3. O resultado gerará uma ordem classificatória dos candidatos por função tornando aptos a exercerem a função inscrita pelo PRONATEC/EAJ todos os classificados, não gerando, todavia, obrigatoriedade de contratação dos mesmos pela EAJ no âmbito do PRONATEC sem a devida necessidade.

7.4. Em caso do não preenchimento de vagas, o candidato que obtiver maior pontuação que não for aproveitado em algum curso terá prioridade no preenchimento da vaga.

8. DOS RECURSOS

8.1. O candidato que desejar interpor recurso contra o resultado parcial poderá fazê-lo no horário das 08h às 12h e das 14h às 16h apenas nos dois primeiros dias úteis após a sua divulgação, dando entrada na sua solicitação na Secretaria do PRONATEC da Escola Agrícola de Jundiaí.

8.2. O candidato deverá conferir a publicação do resultado final, com as eventuais mudanças na ordem classificatória pós-recurso, no endereço eletrônico do PRONATEC/EAJ - Escola Agrícola de Jundiaí: www.eaj.ufrn.br/pronatec/

8.3. Em hipótese alguma será aceita revisão de recurso ou recurso de recurso.

9. DA REMUNERAÇÃO

9.1. O pagamento das bolsas aos profissionais que atuam na Bolsa-Formação deve obedecer aos seguintes valores por hora de trabalho:

a) Professor: R$ 50,00 (cinquenta reais por hora - 60 minutos - item 9.2);

b) O pagamento da bolsa será feito diretamente ao bolsista, estando condicionado ao efetivo exercício das funções, por meio de deposito bancário em conta corrente.

9.2. O pagamento da bolsa será feito diretamente ao professor, estando condicionado ao efetivo exercício das funções, por meio de deposito bancário em conta corrente conforme resolução do FNDE nº 04/2012, Art.8º os profissionais atuantes nos cursos PRONATEC da UFRN / EAJ farão jus a uma remuneração equivalente a R$ 50,00 (cinquenta reais) por hora (60 minutos) de aula, em conformidade com a carga horária da disciplina, sendo esta remuneração bruta tributável para fins de imposto de renda de pessoa física.

9.3. No caso dos professores selecionados, que não façam parte do quadro ativo de servidores da rede pública de educação profissional, científica e tecnológica, incidirá sobre a remuneração deduções tributárias e sociais (INSS, IRRF e ISS), de acordo com as legislações vigentes. Para esses professores, enquadrados como contratação de pessoa física, serão autorizados pagamentos com intervalos de pelo menos três meses entre dois pagamentos sucessivos.

9.4. No caso dos professores selecionados, que não façam parte do quadro ativo de servidores da rede pública de educação profissional, científica e tecnológica, incidirá sobre a remuneração deduções tributárias e sociais (INSS, IRRF e ISS), de acordo com as legislações vigentes. Para esses professores, enquadrados como contratação de pessoa física, serão autorizados pagamentos com intervalos de pelo menos três meses entre dois pagamentos sucessivos.

9.5. O valor recebido por meio do PRONATEC Bolsa-Formação não caracteriza contraprestação de serviços nem vantagem para o doador, ficando isento do imposto de renda, quando recebido por servidores da rede pública de educação profissional, científica e tecnológica, nos termos do art. 26, parágrafo único, da Lei nº 9.250, de 26 de dezembro de 1995.

9.6. As despesas decorrentes de deslocamento do docente profissional (diárias e/ou passagens e/ou ajuda de custo) para ministrar as aulas teóricas e/ou práticas, ou participar de atividades previstas nas suas atribuições, indicadas nesse Edital e na legislação do PRONATEC, serão de sua exclusiva responsabilidade.

9.7. 7. Todas as atividades necessárias para o desempenho da função (atividades de planejamento e recuperação, participação em reuniões e conselhos de classe) não serão remuneradas, conforme prevê a Resolução CD/FNDE nº 04 de 16 de março de 2012.

10. DA CONTRATAÇÃO

10.1. O candidato que vier a ser contratado cumprirá horários de atividades de acordo com a necessidade do PRONATEC - UFRN/EAJ.

10.2. Não haverá transporte ou pagamento de diárias para os professores, devendo estes se deslocarem por conta própria.

10.3. A contratação dos candidatos selecionados obedecerá à lista de classificação apresentada, e serão convocados de acordo com a demanda de realização de cursos, podendo ser realizada a qualquer tempo, durante o período dos cursos, com antecedência de dois dias úteis, sendo que sua recusa ou ausência de manifestação ensejará a imediata chamada do próximo classificado e realocação do anterior para o final da lista.

10.4. O candidato selecionado deverá assinar o TERMO DE COMPROMISSO, antes do início das suas atividades.

10.5. O presente Processo Seletivo Simplificado terá validade de doze (12) meses, a contar da data de publicação do resultado final deste Edital, podendo ser prorrogado a critério da Instituição.

11. DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

11.1. A aprovação no processo seletivo assegurará apenas a expectativa de direito à concessão da bolsa, ficando a concretização deste ato condicionada à observância das disposições legais pertinentes, do interesse e conveniência da administração da Direção Geral da Escola Agrícola de Jundiaí - EAJ, bem como da respectiva disponibilização financeira, da rigorosa ordem de classificação e do prazo de validade do processo seletivo.

11.2. No caso do candidato ser servidor ativo do quadro permanente da rede federal ou outra rede pública, a bolsa só poderá ser concedida mediante apresentação de autorização do setor de recursos humanos da instituição ao qual é vinculado. Esta autorização deverá ficar armazenada com o candidato e será solicitada se necessário.

11.3. O afastamento do bolsista das atividades para as quais foi selecionado implica o imediato cancelamento da sua bolsa.

11.4. A concessão de bolsas aos profissionais envolvidos na implementação dos cursos PRONATEC deve basear-se nas exigências de formação e de experiência profissionais necessárias para o desenvolvimento das atribuições rezadas neste edital, bem como nas atribuições que cada profissional desempenhará durante o período de duração dos cursos em virtude de suas responsabilidades.

11.5. A Comissão responsável pelo Processo Seletivo Simplificado desclassificará sumariamente o candidato que fornecer informações falsas, utilizar meio fraudulento, meio ilícito, proibido ou atentar contra a disciplina no local de realização das inscrições ou análises dos currículos.

11.6. É de inteira responsabilidade do candidato, acompanhar todas as etapas referentes ao Processo Seletivo Simplificado, através do endereço eletrônico do PRONATEC/EAJ - Escola Agrícola de Jundiaí: www.eaj.ufrn.br/pronatec/.

11.7. Incidirão sobre a remuneração as deduções tributárias e sociais previstas em lei.

11.8. Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão do Processo Seletivo Simplificado.

Macaíba, 29 de agosto de 2014.

Júlio César de Andrade Neto
Diretor da EAJ

ANEXO 03

Numero da Vaga

Município ou Região

Nome da Vaga

Curso

Pré-Requisito

1.

ACARI

Professor

OPERADOR DE BENEFICIAMENTO DE PESCADO

De acordo com o Edital

2.

ACARI

Professor

HORTICULTOR ORGÂNICO

De acordo com o Edital

3.

ACARI

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

4.

AÇU

Professor

FRENTISTA

De acordo com o Edital

5.

AFONSO BEZERRA

Professor

BOVINOCULTOR DE LEITE

De acordo com o Edital

6.

AFONSO BEZERRA

Professor

AUXILIAR DE AGROPECUÁRIA

De acordo com o Edital

7.

ALEXANDRIA

Professor

AGENTE DE PROTEÇÃO SOCIAL BÁSICA

De acordo com o Edital

8.

ALMINO AFONSO

Professor

AUXILIAR ADMINISTRATIVO

De acordo com o Edital

9.

ALMINO AFONSO

Professor

MONTADOR E REPARADOR DE COMPUTADORES

De acordo com o Edital

10.

ALMINO AFONSO

Professor

PRODUTOR DE DERIVADOS DO LEITE

De acordo com o Edital

11.

ALMINO AFONSO

Professor

OPERADOR DE COMPUTADOR

De acordo com o Edital

12.

ALMINO AFONSO

Professor

ELETRICISTA INSTALADOR PREDIAL DE BAIXA TENSÃO

De acordo com o Edital

13.

ARÊS

Professor

ELETRICISTA INDUSTRIAL

De acordo com o Edital

14.

ARÊS

Professor

SOLDADOR NO PROCESSO ELETRODO REVESTIDO AÇO CARBONO E AÇO BAIXA LIGA

De acordo com o Edital

15.

ARÊS

Professor

MECÂNICO DE MAQUINAS AGRÍCOLAS

De acordo com o Edital

16.

BOACICA/TOURO S

Professor

AGENTE DE INCLUSÃO DIGITAL EM CENTROS PÚBLICOS DE ACESSO Á INTERNET

De acordo com o Edital

17.

BOACICA/TOURO S

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

18.

BOQUEIRÃO/TOUROS

Professor

AGENTE DE INCLUSÃO DIGITAL EM CENTROS PÚBLICOS DE ACESSO Á INTERNET

De acordo com o Edital

19.

CAIÇARA DO RIO DO VENTO

Professor

AGENTE CULTURAL

De acordo com o Edital

20.

CAIÇARA DO RIO DO VENTO

Professor

INSTALADOR E REPARADOR DE REDES DE COMPUTADORES

De acordo com o Edital

21.

CAICÓ

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

22.

CAMPO REDONDO

Professor

CERIMONIALISTA E MESTRE DE CERIMÔNIAS

De acordo com o Edital

23.

CEARÁ MIRIM

Professor

OPERADOR DE MAQUINAS E IMPLEMENTOS AGRÍCOLAS

De acordo com o Edital

24.

CERRO CORÁ

Professor

AGENTE DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

De acordo com o Edital

25.

CERRO CORÁ

Professor

AGENTE DE PROJETOS SOCIAIS

De acordo com o Edital

26.

CERRO CORÁ

Professor

AGENTE CULTURAL

De acordo com o Edital

27.

CERRO CORÁ

Professor

AUXILIAR DE AGROPECUÁRIA

De acordo com o Edital

28.

CERRO CORÁ

Professor

AVICULTOR

De acordo com o Edital

29.

CERRO CORÁ

Professor

HORTICULTOR ORGÂNICO

De acordo com o Edital

30.

CERRO CORÁ

Professor

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

De acordo com o Edital

31.

CRUZETA

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

32.

CURRAIS NOVOS

Professor

HORTICULTOR ORGÂNICO

De acordo com o Edital

33.

ESPÍRITO SANTO

Professor

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

De acordo com o Edital

34.

FLORÂNIA

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

35.

FLORÂNIA

Professor

PRODUTOR DE FRUTAS E HORTALIÇAS PROCESSADAS COM USO DE ACIDIFICAÇÃO

De acordo com o Edital

36.

GALINHOS

Professor

AGENTE DE DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA

De acordo com o Edital

37.

GOVERNADOR DIX-SEPT ROSADO

Professor

OPERADOR DE PROCESSAMENTO DE FRUTAS E HORTALIÇAS

De acordo com o Edital

38.

IELMO MARINHO

Professor

AGENTE DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

De acordo com o Edital

39.

IELMO MARINHO

Professor

AGENTE DE PROJETOS SOCIAIS

De acordo com o Edital

40.

IELMO MARINHO

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

41.

ITAJA

Professor

PINTOR DE OBRAS

De acordo com o Edital

42.

JANDUÍS

Professor

AGENTE DE DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA

De acordo com o Edital

43.

JOSÉ DA PENHA

Professor

PRODUTOR DE DOCE DE LEITE

De acordo com o Edital

44.

JUNDIÁ

Professor

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

De acordo com o Edital

45.

LAGOA DE PEDRAS

Professor

OPERADOR DE MICRO

De acordo com o Edital

46.

LAGOA DE PEDRAS

Professor

ELETRICISTA INSTALADOR PREDIAL DE BAIXA TENSÃO

De acordo com o Edital

47.

LAGOA DE PEDRAS

Professor

RECREADOR-MONITOR

De acordo com o Edital

48.

LAGOA DE VELHOS

Professor

ELETRICISTA INSTALADOR PREDIAL DE BAIXA TENSÃO

De acordo com o Edital

49.

LAGOA DE VELHOS

Professor

OPERADOR DE COMPUTADOR

De acordo com o Edital

50.

LAGOA NOVA

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

51.

LAJES

Professor

AGENTE DE INCLUSÃO DIGITAL EM CENTROS PÚBLICOS DE ACESSO Á INTERNET

De acordo com o Edital

52.

LAJES

Professor

MONTADOR E REPARADOR DE COMPUTADORES

De acordo com o Edital

53.

LAJES

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

54.

LAJES

Professor

OPERADOR DE RETROESCAVADEIRA

De acordo com o Edital

55.

LAJES PINTADAS

Professor

AGENTE DE PROJETOS SOCIAIS

De acordo com o Edital

56.

MACAIBA

Professor

CONFECCIONADOR DE BIJUTERIAS

De acordo com o Edital

57.

MACAU

Professor

AGENTE DE PROJETOS SOCIAIS

De acordo com o Edital

58.

MACAU

Professor

AGENTE DE DESENVOLVIMENTO COOPERATIVISTA

De acordo com o Edital

59.

MAJOR SALES

Professor

PRODUTOR DE DOCE DE LEITE

De acordo com o Edital

60.

MARTINS

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

61.

MARTINS

Professor

RECEPCIONISTA

De acordo com o Edital

62.

MONTE ALEGRE

Professor

PEDREIRO DE ALVENARIA

De acordo com o Edital

63.

MONTE ALEGRE

Professor

PINTOR DE OBRAS

De acordo com o Edital

64.

MONTE ALEGRE/TOUROS

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

65.

MONTE DAS GAMELEIRAS

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

66.

MONTE DAS GAMELEIRAS

Professor

RECREADOR-MONITOR

De acordo com o Edital

67.

MOSSORÓ

Professor

PROMOTOR DE VENDAS

De acordo com o Edital

68.

MOSSORÓ

Professor

OPERADOR DE PROCESSAMENTO DE FRUTAS E HORTALIÇAS

De acordo com o Edital

69.

MOSSORÓ

Professor

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

De acordo com o Edital

70.

NATAL

Professor

PINTOR DE OBRAS

De acordo com o Edital

71.

NOVA CRUZ

Professor

ELETRICISTA INSTALADOR PREDIAL DE BAIXA TENSÃO

De acordo com o Edital

72.

NOVA CRUZ

Professor

RECREADOR-MONITOR

De acordo com o Edital

73.

NOVA CRUZ

Professor

FRENTISTA

De acordo com o Edital

74.

NOVA CRUZ

Professor

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

De acordo com o Edital

75.

OURO BRANCO

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

76.

PARANÁ

Professor

PRODUTOR DE DOCE DE LEITE

De acordo com o Edital

77.

PARNAMIRIM

Professor

PORTEIRO E VIGIA

De acordo com o Edital

78.

PARNAMIRIM

Professor

INSTALADOR E REPARADOR DE REDES DE COMPUTADORES

De acordo com o Edital

79.

PASSA E FICA

Professor

PEDREIRO DE ALVENARIA

De acordo com o Edital

80.

PATU

Professor

OPERADOR DE COMPUTADOR

De acordo com o Edital

81.

PATU

Professor

AUXILIAR ADMINISTRATIVO

De acordo com o Edital

82.

PATU

Professor

RECEPCIONISTA

De acordo com o Edital

83.

PAU DOS FERROS

Professor

ELETRICISTA INSTALADOR PREDIAL DE BAIXA TENSÃO

De acordo com o Edital

84.

PEDRA GRANDE

Professor

MONTADOR E REPARADOR DE COMPUTADORES

De acordo com o Edital

85.

PEDRO AVELINO

Professor

AGENTE DE INCLUSÃO DIGITAL EM CENTROS PÚBLICOS DE ACESSO À INTERNET

De acordo com o Edital

86.

PEDRO VELHO

Professor

DEPILADOR

De acordo com o Edital

87.

PEDRO VELHO

Professor

FOTÓGRAFO

De acordo com o Edital

88.

RIACHUELO

Professor

AGENTE DE PROJETOS SOCIAIS

De acordo com o Edital

89.

RIACHUELO

Professor

AGENTE DE PROTEÇÃO SOCIAL BÁSICA

De acordo com o Edital

90.

RIACHUELO

Professor

TRABALHADOR DOMÉSTICO

De acordo com o Edital

91.

RIO DO FOGO

Professor

MARINHEIRO FLUVIAL DE MÁQUINAS

De acordo com o Edital

92.

RIO DO FOGO

Professor

MESTRE DE OBRAS

De acordo com o Edital

93.

RIO DO FOGO

Professor

PINTOR DE OBRAS

De acordo com o Edital

94.

SANTA CRUZ

Professor

AGENTE DE PROJETOS SOCIAIS

De acordo com o Edital

95.

SANTA CRUZ

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

96.

SANTA CRUZ

Professor

RECREADOR-MONITOR

De acordo com o Edital

97.

SANTA CRUZ

Professor

RECEPCIONISTA

De acordo com o Edital

98.

SANTA CRUZ

Professor

AGRICULTOR FAMILIAR

De acordo com o Edital

99.

SANTA CRUZ

Professor

AUXILIAR ADMINISTRATIVO

De acordo com o Edital

100

SANTA CRUZ

Professor

PINTOR DE OBRAS

De acordo com o Edital

101.

SANTANA DO MATOS

Professor

AGENTE DE INCLUSÃO DIGITAL EM CENTROS PÚBLICOS DE ACESSO À INTERNET

De acordo com o Edital

102

. SANTANA DO MATOS

Professor

MONTADOR E REPARADOR DE COMPUTADORES

De acordo com o Edital

103

. SANTANA DO MATOS

Professor

OPERADOR DE COMPUTADOR

De acordo com o Edital

104

SANTO ANTÔNIO

Professor

ELETRICISTA INSTALADOR PREDIAL DE BAIXA TENSÃO

De acordo com o Edital

105

SANTO ANTÔNIO

Professor

AGENTE DE PROJETOS SOCIAIS

De acordo com o Edital

106

SANTO ANTÔNIO

Professor

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

De acordo com o Edital

107

SÃO GONÇALO DO AMARANTE

Professor

PINTOR DE OBRAS

De acordo com o Edital

108

. SÃO JOSÉ DO SERIDÓ

Professor

COSTUREIRO INDUSTRIAL DO VESTUÁRIO

De acordo com o Edital

109

. SÃO JOSÉ DO SERIDÓ

Professor

AVICULTOR

De acordo com o Edital

110

. SÃO JOSE/ TOUROS

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

111.

SÃO TOME

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

112

SÃO TOME

Professor

AGENTE DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

De acordo com o Edital

113

SÃO TOME

Professor

AUXILIAR DE AGROPECUÁRIA

De acordo com o Edital

114.

SÃO TOME

Professor

AGENTE DE PROJETOS SOCIAIS

De acordo com o Edital

115.

SÃO VICENTE

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

116.

SENADOR GEORGINO AVELINO

Professor

AGENTE DE AEROPORTO

De acordo com o Edital

117.

SERRA DE SÃO BENTO

Professor

OPERADOR DE COMPUTADOR

De acordo com o Edital

118

. SERRA DE SÃO BENTO

Professor

PEDREIRO DE ALVENARIA

De acordo com o Edital

119

. SERRA DE SÃO BENTO

Professor

PINTOR DE OBRAS

De acordo com o Edital

120

. SERRA DE SÃO BENTO

Professor

FOTÓGRAFO

De acordo com o Edital

121

SERRA DO MEL

Professor

PRODUTOR DE FRUTAS E HORTALIÇAS PROCESSADAS COM USO DE ACIDIFICAÇÃO

De acordo com o Edital

122

. SÍTIO NOVO

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

123

TANGARÁ

Professor

AGENTE DE ALIMENTAÇÃO ESCOLAR

De acordo com o Edital

124

TANGARÁ

Professor

AGENTE DE PROJETOS SOCIAIS

De acordo com o Edital

125

. TENENTE LAURENTINO CRUZ

Professor

PREPARADOR DE DOCES E CONSERVAS

De acordo com o Edital

126

TIBAU DO SUL

Professor

CAMAREIRA EM MEIOS DE HOSPEDAGEM

De acordo com o Edital

127

TIBAU DO SUL

Professor

ESPANHOL BÁSICO

De acordo com o Edital

128

UMARIZAL

Professor

CONFEITEIRO

De acordo com o Edital

129

UMARIZAL

Professor

MANICURE E PEDICURE

De acordo com o Edital

130

UPANEMA

Professor

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

De acordo com o Edital

131

ALEXANDRIA

Professor

AQUICULTOR

De acordo com o Edital

132

PAU DOS FERROS

Professor

ELETRICISTA

De acordo com o Edital