Prefeitura de Paranaíta - MT

PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA

ESTADO DE MATO GROSSO

CNPJ 03.239.043/0001-12 GESTÃO 2005 - 2008

CONCURSO PÚBLICO

EDITAL DE CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2008, 2 DE ABRIL DE 2008

O PREFEITO MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT, no uso de suas atribuições e prerrogativas legais e de acordo com o art. 37, inciso II, da Constituição Federal de 1988, divulga e estabelece normas para a abertura das inscrições e realização de Concurso Público de Provas destinado a selecionar Candidatos para provimento de 95 (noventa e cinco) vagas, do corpo administrativo, e 21 (vinte e uma) vagas de professor, todos, do Quadro Permanente de Pessoal da PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT e para Contratação Temporária 10 (dez) servidores que ocuparão vagas resultante de convênios entre Entes Estaduais e Federais e a PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT, observadas as disposições legais, constitucionais, e, em particular as normas contidas neste Edital.

INSTRUÇÕES ESPECIAIS

CAPÍTULO I - Das Disposições Preliminares

1.1 - O presente Concurso Público será regido por este Edital e executado por entidade ou pessoa devidamente contratada pela comissão especial organizadora do concurso, a quem caberá a coordenação elaboração e realização do evento cabendo a PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT acompanhamento da execução, através da Comissão Especial Organizadora do Concurso.

1.2 - O Concurso de Provas destina-se a selecionar candidatos para provimento das vagas relacionadas nas respectivas tabelas, e mais as que vagarem ou que forem criadas durante o prazo de validade do concurso e serão providas mediante nomeação dos candidatos nele habilitados no Quadro Permanente de Pessoal e de Contratação Temporária resultante de convênios entre Entes Estaduais e Federais todos da PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT, na forma como se encontra estabelecido no Anexo I deste Edital, no que se refere ao quantitativo de cargos vagos, habilitação exigida e valor do vencimento.

Serão selecionados, ainda, igual numero de candidatos dentre aqueles aprovados, classificados imediatamente após os candidatos convocados para as vagas existentes que comporão o quadro de reserva para, se necessário, futuras nomeações.

1.3 - A PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT é pessoa jurídica de direito público, e seus Servidores têm relação de trabalho regido pelo Estatuto do Servidor, aplicando-lhes as disposições da Lei nº. 434/2007, e todos os dispositivos legais existente ou que forem criados, que regulamente a função do servidor, tendo sempre em vista o interesse público como meta preponderante.

1.4 - Os candidatos que optarem pelas vagas de contratação temporária, assinarão contrato para prestação de serviços por prazo determinado, que terá duração igual àquela prevista no convênio que propiciou o surgimento da vaga a ser preenchida.

1.5 - A aprovação no Concurso não gera direito à nomeação ou admissão, ficando a critério da Prefeitura Municipal de Paranaíta/MT, a convocação dos candidatos habilitados, mas esta, quando se fizer, respeitará a ordem de classificação final.

1.6 - Cronograma de Eventos

DESCRIÇÃO DOS EVENTOS

DATA

Período de Inscrições

14.04.2008 a 18.04.2008 (nos dias úteis)

Divulgação da lista de candidatos Inscritos

Em ate 20 dias (úteis) após as inscrições

Divulgação do gabarito oficial no site da Prefeitura Municipal de Paranaíba

Até 24h após o final das provas

Período recursal relativo às provas

Até 48h após a aplicação das provas

Respostas aos recursos

Até 10 dias (úteis) após o fim do prazo recursal

Período recursal relativo ao Resultado

Até 48 h após a divulgação do resultado

Respostas aos recursos

Até 10 dias (úteis) após o fim do prazo recursal

CAPÍTULO II - Das Inscrições

2 - O valor da taxa de inscrições será:

Nível de Escolaridade Exigido para o Cargo

Valor da Taxa

Nível Superior80,00
Nível Médio Completo, ou Profissionalizante30,00
Nível Fundamental Completo15,00
Nível Elementar Alfabetizado15,00

2.1 - A inscrição do candidato implicará o conhecimento e a aceitação tácita das instruções e das condições do concurso tais como se acham estabelecidas neste edital e nas normas legais pertinentes, bem como em eventuais aditamentos, comunicações, instruções e convocações relativas aos certames, acerca dos quais não poderá alegar desconhecimento.

2.2 - O descumprimento das instruções para inscrição estabelecidas neste edital implicará a sua não efetivação.

2.3 - Não será permitida a inscrição para mais de um cargo.

2.4 - Para inscrever-se, o candidato deverá durante o período de inscrições, das 07:00 as 13:00 horas do dia 14 (catorze) de abril de 2008 ao dia 18 (dezoito) de abril 2008. (horário local do Município de Paranaíta), e seguir os seguintes procedimentos:

2.4.1 - Ler atentamente o edital. Que poderá ser obtido integralmente no site: www.paranaita.mt.gov.br

2.4.2 - Preencher o Requerimento de Inscrição (RI) anexo II, que, além de outras informações, exigirá o número do CPF, cópia de um documento oficial de identidade do candidato (com fotografia), com a respectiva indicação da entidade expedidora, bem como a indicação do cargo/especialidade de seleção a que vai concorrer.

2.4.2.1 - O candidato que não possuir CPF deverá solicitá-lo na Receita Federal ou nos postos credenciados, em tempo hábil, de forma que consiga obtê-lo antes do término do período das inscrições.

2.4.2.2 - O candidato portador de deficiência deverá preencher os campos indicados no Requerimento de Inscrição e, caso necessite, deverá encaminhar à Coordenação do Concurso Requerimento de Tratamento Diferenciado, solicitando condições especiais para realização das provas, nos termos deste Edital.

2.4.2.3 - As informações prestadas no Requerimento de Inscrição são de inteira responsabilidade do candidato, que poderá ser excluído do concurso caso forneça dados incorretos.

2.4.2.4 - A declaração falsa dos dados constantes no Requerimento de Inscrição determinará o cancelamento da inscrição e a anulação de todos os atos dela decorrentes, em qualquer época, sem prejuízo das sanções civis e penais cabíveis.

2.4.3 - Conferir os dados informados no formulário de Requerimento de Inscrição antes de apresentá-lo para procedimentos de inscrição.

2.4.3.1 - Efetuar, no Banco Bradesco CONTA PM PARANAÍTA CONCURSO PÚBLICO Conta Corrente nº 6592-7XXXX Agencia XXXX,1600-4 o pagamento da taxa de inscrição em dinheiro, na importância correspondente à taxa de inscrição, de acordo com o cargo/especialidade de seleção a que irá concorrer, conforme o disposto neste edital, até o horário limite das transações bancárias do dia 18 de abril de 2008.

2.4.3.1.1 - Não serão aceitos pagamentos por via postal, por transferência, DOC, ordem de pagamento ou por qualquer outra via que não a especificada no item 2.4.3.1.

2.4.3.1.2 - O candidato deverá antecipar o pagamento caso o último dia de inscrição seja feriado que acarrete o fechamento das agências bancárias.

2.4.3.1.3 - Serão indeferidas as inscrições cujos pagamentos forem insuficientes ou efetuados após o horário e a data estabelecidos no item 2.4.3.1.

2.4.3.2 - A inscrição do candidato somente será validada após a confirmação do recolhimento da taxa prevista no item 2 do CAPITULO II.

2.4.3.2.1 - O recibo de deposito bancário será o comprovante de que o candidato requereu sua inscrição. Para esse fim, o boleto de deposito deverá ser autenticado até o horário limite das transações bancárias do dia 18 de abril de 2008, não sendo considerado o simples comprovante de agendamento de pagamento.

2.4.4 - Não serão aceitos, em hipótese alguma, pedidos de alteração de opção de cargo/especialidade de seleção.

2.4.5 - O documento de identidade (com fotografia) indicado no RI (ANEXO II) será o mesmo que o candidato deverá apresentar na data de realização da prova ou avaliação.

2.4.6 - A partir do início do período de inscrições (14/4/2008), o candidato poderá ter acesso ao Manual do Candidato na sede da Prefeitura Municipal de Paranaíta/MT.

2.4.7 - A candidata lactante que tiver necessidade de amamentar durante a realização das provas deverá encaminhar requerimento datado e assinado, Comissão de Concurso na sede da Prefeitura Municipal de Paranaíta/MT, em envelope tipo ofício, fechado e identificado das 07:00 as 13:00 horas, em até 15 (quinze) dias antes da data de realização das provas.

2.4.7.1 - A tempestividade do requerimento será comprovada pela data de protocolo de entrega.

2.4.7.2 - A candidata lactante poderá levar somente 1 (um) acompanhante, que ficará em sala reservada e será responsável pela guarda da criança.

2.4.7.3 - Durante o período de amamentação, a candidata lactante será acompanhada de fiscal indicado pela coordenação, não havendo compensação desse período no tempo de duração da prova.

2.5 - Horário e local das Inscrições:

2.5.1 - As inscrição deverão ser efetuadas na Sede Administrativa do Município (prédio da Prefeitura Municipal de Paranaíta/MT), no horário das 07:00 as 13:00 horas. (o número de vagas, para cada cargo, a nomenclatura, os pré-requisitos, a escolaridade, a remuneração e a carga horária são estabelecidos no ANEXO I);

2.5.2. - A inscrições do Candidato proceder-se-á através do formulário de Requerimento de Inscrição (modelo 1 - ANEXO II) correta e devidamente preenchido, obtido e apresentado a Prefeitura Municipal de Paranaíta juntamente com uma via do comprovante de recolhimento da taxa de inscrição;

2.5.2.1 - Efetivada a inscrição, não será aceito pedido de alteração de cargo;

2.5.2.4 - O Candidato assumirá a responsabilidade pelos dados fornecidos no ato da inscrição, sob as penas da Lei;

2.5.3 - O valor relativo à inscrição não será devolvido em hipótese alguma;

2.5.3.1 - O comprovante de pagamento da inscrição deverá ser mantido em poder do Candidato até o final do Certame;

2.5.3.1 - Não será aceita inscrição via postal, por fax, Internet ou outra forma que não estabelecida neste Edital.

2.5.2.8 - Caso haja algum erro ou omissão detectado (nome, número de documento de identidade, sexo, data de nascimento e endereço, etc.) ou mesmo ausência na listagem oficial de inscritos, o candidato terá o prazo de 48 horas após a divulgação da mesma para entrar com requerimento recursal de correção junto à comissão organizadora do Concurso, pessoalmente ou por procurador.

CAPITULO III - DA POSE

3.1 - Para ser empossado no cargo para o qual se inscreveu, o candidato aprovado no concurso deverá atender às seguintes exigências, na data da posse:

a) ter obtido classificação no concurso, na forma estabelecida neste edital;

b) ser brasileiro, nato ou naturalizado, ou português amparado pela reciprocidade de direitos advinda da legislação específica;

c) ter, no mínimo, 18 (dezoito) anos de idade;

d) estar em dia com as obrigações militares, se do sexo masculino;

e) estar em dia com as obrigações eleitorais;

f) achar-se em pleno gozo de seus direitos políticos e civis;

g) ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições do cargo, comprovada por inspeção médica realizada pelo serviço médico da Prefeitura Municipal de Paranaíta;

h) apresentar documentos comprobatórios da qualificação exigida para o cargo;

i) apresentar a documentação exigida pelas normas da Prefeitura Municipal de Paranaíta relativas à posse;

j) ser moralmente idôneo e ter boa conduta.

CAPITULO IV - DOS CANDIDATOS PORTADORES DE DEFICIÊNCIA

4.1 - Respeitada a compatibilidade entre a deficiência e as atribuições do cargo/especialidade/área de seleção, o candidato portador de deficiência que pretenda concorrer às vagas reservadas por força de lei deverá declarar essa condição no Requerimento de Inscrição, observado, respectivamente, o disposto neste edita.

4.2 - O candidato inscrito como portador de deficiência participará do concurso em igualdade com os demais candidatos, no que se refere ao conteúdo das provas, à avaliação, aos critérios de aprovação, aos horários e dias de aplicação das provas, bem como à nota mínima exigida.

4.3 - O candidato que necessitar de condições especiais para realização das provas deverá solicitá-las até o término do período de inscrições, preenchendo e encaminhando o Requerimento de Tratamento Diferenciado - até o final do período de inscrições (18/4/2008) - datado, assinado, devidamente fundamentado e acompanhado de laudo médico, especificando tipo e grau da deficiência e a condição especial necessária, entregando-o, acompanhado da citada documentação, em envelope tipo ofício, fechado e identificado, na sede da Prefeitura Municipal de Paranaíta/MT, das 07:00 (sete) horas às 13:00 horas impreterivelmente até o dia 18 (dezoito) de abril de 2008.

4.3.1 - O atendimento às condições especiais solicitadas ficará sujeito à análise de viabilidade e de razoabilidade do pedido pela Comissão de Realização do Concurso, de cuja decisão não caberá recurso.

4.3.2 - A comprovação da tempestividade da solicitação de condições especiais para realização das provas será feita pela data de protocolo de entrega do Requerimento de Tratamento Diferenciado.

4.3.3 - O candidato que não fizer a solicitação de condições especiais para realização das provas nos termos deste edital terá as provas aplicadas nas mesmas condições dos demais candidatos, não cabendo questionamentos.

4.4 - O candidato portador de deficiência que não realizar a inscrição conforme as instruções constantes deste edital não poderá alegar posteriormente essa condição para reivindicar a prerrogativa legal.

4.5 - O candidato inscrito como portador de deficiência, se classificado, além de figurar na lista geral de classificação, terá seu nome publicado em lista à parte, observada a respectiva ordem de classificação.

4.6 - A nomeação de candidato portador de deficiência classificado dar-se-á para o preenchimento na proporção das vagas indicadas para tal, as vagas não preenchidas serão ocupadas pelos demais candidatos, observadas rigorosa ordem de aprovação, durante o prazo de validade do concurso.

4.7 - Nomeado, o candidato inscrito na condição de portador de deficiência será convocado, devendo apresentar-se imediatamente para ser submetido à perícia médica realizada por junta oficial designada pela Prefeitura Municipal de Paranaíta/MT, que terá decisão terminativa sobre:

a) sua qualificação ou não como portador de deficiência, nos termos da legislação vigente;

b) a compatibilidade entre a deficiência e as atribuições do cargo/especialidade/área de seleção.

4.7.1 - Concluindo o laudo pela inexistência de deficiência ou por ser ela insuficiente para habilitar o candidato a concorrer às vagas reservadas, o candidato será excluído da lista de classificação de portadores de deficiência, mantendo a sua posição na lista geral de classificação.

4.7.2 - Concluindo o laudo pela incompatibilidade da deficiência com as atribuições do cargo/especialidade/área de seleção, o candidato será excluído do concurso.

4.8 - As vagas destinadas aos candidatos portadores de deficiência que não forem providas por falta de candidatos, por reprovação no concurso ou na perícia médica, serão preenchidas pelos demais candidatos, com estrita observância da ordem classificatória.

4.9 - Inscrições dos Candidatos Portadores de Necessidades Especiais - PNE:

a. Às pessoas Portadoras de Necessidades Especiais - PNE (e deficiência física) é assegurado 5% (cinco por cento) das vagas ofertadas, por cargo neste Concurso Público, desde que a deficiência seja compatível com as atribuições do cargo, em obediência ao disposto nos Decretos Federais Nºs 3.298, de 20 de dezembro de 1989 e 5.296, de 02 de dezembro de 2004;

b. Na aplicação deste percentual serão desconsideradas as partes decimais inferiores a 0,5 (cinco décimos) e arredondadas aquelas iguais ou superiores a tal valor;

c. Quando do preenchimento do Formulário de Requerimento de Inscrição, o Candidato Portadoras de Necessidades Especiais - PNE deverá indicar sua condição no campo apropriado a este fim. Obrigatoriamente, deverá indicar se deseja concorrer às vagas reservadas aos portadores de deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID) vigente, bem como a provável causa da deficiência;

d. Quando convocados, os Portadoras de Necessidades Especiais - PNE submeter-se-ão a exame médico oficial, que terá decisão terminativa sobre a qualificação do Candidato como deficiente ou não, e o grau de deficiência e de compatibilidade para o exercício do cargo;

e. Consideram-se deficiências aquelas conceituadas na medicina especializada, de acordo com os padrões mundialmente estabelecidos e que constituam inferioridade que implique grau acentuado de dificuldade para integração social;

f. Não serão considerados como deficiência visual os distúrbios de acuidade visual passíveis de correção;

g. O candidato deverá apresentar laudo medico indicando a deficiência e o numero do CID correspondente junto com a ficha de inscrição, a falta deste documento indicara que o candidato fará parte da classificação geral.

h. As vagas definidas para os portadores de deficiência que não forem preenchidas por falta de Candidatos, por reprovação no Concurso ou no exame médico, serão preenchidas pelos demais concursados, observada a ordem geral de classificação;

i. A Candidata em Necessidade Especial que tiver de amamentar durante a realização da Prova, deverá levar uma acompanhante que permanecerá em Sala reservada, ficando responsável pela guarda da criança. Não haverá compensação do tempo de amamentação no tempo de duração das provas;

j. O Candidato cuja deficiência não for reconhecida pela Perícia Médica Oficial constará apenas da Lista de Convocação Geral, com a ressalva de inaptidão ao cargo, ficando excluído do percentual de 5% (cinco por cento) constante no presente Edital

k. Caso o Candidato inscrito de PNE não se enquadre nas categorias definidas no art. 4º, incisos I a V, do Decreto Federal 3.298, de 20.12.1989, seu nome será excluído da Lista de Portadoras de Necessidades Especiais - PNE e passará a constar na Lista Geral de Classificação.

CAPITULO V - DAS EXIGENCIAS DAS PROVAS

5.1 - Os candidatos responderão as questões sobre matérias conforme determinado no anexo V do presente edital.

5.1.1 - Os candidatos a cargos que exigem conhecimento de nível superior submeter-se-ão a provas contendo as seguintes disciplinas: Língua portuguesa, Matemática, conhecimentos gerais: compostos de História, Geografia, atualidades, incluso noções de informática e conhecimentos específicos;

5.1.2 - Os candidatos a cargos que exigem conhecimento de nível médio completo e ou profissionalizante submeter-se-ão a provas contendo as seguintes disciplinas: língua portuguesa, Matemática, conhecimentos gerais: compostos de História, Geografia, atualidades, incluso noções de informática e conhecimentos específicos;

5.1.3 - Os candidatos a cargos que exigem conhecimento de nível fundamental completo submeter-se-ão a provas contendo as seguintes disciplinas: língua portuguesa, Matemática, conhecimentos gerais incluso noções de informática e conhecimentos específicos;

5.1.4 - Os candidatos a cargos que exigem conhecimento de nível elementar alfabetizado submeter-se-ão a provas contendo as seguintes disciplinas: língua portuguesa, MATEMÁTICA, conhecimentos gerais: compostos de História, Geografia, atualidades,conhecimentos gerais e conhecimentos específicos, quanto couber;

5.2 - Das Provas

5.2.1 - As Provas serão objetivas, todas eliminatórias, em conformidade com os CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS identificados neste Edital no ANEXO V.

5.2.2 - As Provas Objetivas serão realizadas no Município de PARANAÍTA/MT em 04 (QUATRO) de maio, ou em data a ser divulgada na sede da Prefeitura e pelo site www.paranaita.mt.gov.br se houver alteração por motivo de força maior.

5.2.3 - Os locais e horários das provas serão amplamente divulgados, após o término das Inscrições pelo site www.paranaita.mt.gov.br e na sede da Prefeitura Municipal.

5.2.4 - O Candidato deverá comparecer ao local designado para a prova com antecedência de 60 (sessenta) minutos do horário fixado para o início (horário local), munido de caneta esferográfica (tinta preta ou azul), do comprovante de inscrição e de documento de identidade, sem os quais não poderá prestar Provas.

5.3 - É de responsabilidade exclusiva do Candidato à identificação correta de seu local de prova, e endereço, bem como o comparecimento no horário determinado.

5.4 - Os Candidatos que necessitarem de qualquer tipo de atendimento diferenciado para a realização das Provas deverão solicitá-lo por escrito, no prazo de até 72 horas após o término das inscrições. Essa solicitação será atendida obedecendo a critérios de viabilidade e de razoabilidade.

5.5 - A solicitação de tratamento diferenciado, fora do prazo estabelecido neste edital, implica no indeferimento da concessão no dia de realização das Provas.

5.6 - Serão considerados documentos de identidade: Carteiras expedidas pelos Comandos Militares, Secretarias de Segurança Pública, Institutos de Identificação, Corpos de Bombeiros Militares; e Carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (Ordens, Conselhos, etc); Passaporte; Certificado de Reservista; Carteiras Funcionais do Ministério Público; Carteiras Funcionais expedidas por órgão público que, por lei federal, valham como identidade; Carteira de Trabalho; Carteira Nacional de Habilitação (somente modelo novo com foto).

5.7 - Caso o Candidato esteja impossibilitado de apresentar, no dia da realização das provas, documento de identidade original, por motivo de perda, furto ou roubo, deverá apresentar documento que ateste o Registro da Ocorrência com data de até 15 dias anteriores à data da Prova, bem como outro documento oficial que o identifique e poderá ser submetido à identificação especial.

5.8 - Não serão aceitos como documento de identidade: certidões de nascimento, títulos eleitorais, carteiras de motorista - modelo antigo (que não possui foto), carteiras de estudante, carteiras funcionais sem valor de identidade, documentos ilegíveis, não-identificáveis e/ou danificados, cópias e protocolos.

5.9 - O Candidato que não apresentar documento de identidade oficial original, na forma definida no subitem 5.6 DO CAPITULO V deste Edital, não poderá fazer as provas e será automaticamente eliminado do Concurso Público.

5.10 - Não será permitida durante a realização das Provas, a comunicação entre os Candidatos, nem a utilização de livros, anotações, material didático, réguas de cálculo, impressos ou qualquer outro material de consulta, bem como PORTAR: boné, armas ou aparelhos eletrônicos (Bip, Telefone Celular, Relógio do tipo Data Bank, Walkman, Agenda Eletrônica, Notebook, Palmtop, Receptor, Gravador, Calculadora e/ou similares etc.), ligados ou não, o candidato autorizado por lei a portar arma, deverá apresentar a documentação legal que autorize o porte daquela arma.

5.10.1 - O descumprimento da presente instrução implicará a eliminação do Candidato, caracterizando-se tentativa de fraude.

5.11 - O Prefeitura Municipal de Paranaíta/MT não se responsabilizará por perdas ou extravios de objetos ou de equipamentos eletrônicos ocorridos durante a realização das provas.

5.12 - As Provas terão tempo de duração de 03 (três) horas corridas, e em hipótese alguma serão realizadas provas fora do local, cidade e horário determinados.

5.13 - As provas de Nível Superior, Nível Médio (2º GRAU) Completo ou Profissionalizante, Nível Fundamental Completo (1º GRAU) e Nível Elementar (Alfabetizado), acontecerão no mesmo dia e nos horários especificados neste Edital, podendo ser alterado quanto ao expediente (manhã ou tarde) em função do número de candidatos inscritos nos referidos níveis.

5.14 - Os Conteúdos Programáticos estão descritos no ANEXO IV, parte integrante deste Edital.

5.15 - Do preenchimento da Folha Resposta (Gabarito): (Instruções explícitas aos Candidatos):

a. Não amasse e nem dobre a Folha Resposta (Gabarito);

b. Tenha a máxima atenção para não cometer rasuras;

c. Não tente apagar uma questão já marcada, nem com borracha ou corretivo - sob pena de nulidade da questão;

d. Cada questão possui apenas uma opção correta;

e. Não será disponibilizada Folha Resposta substituta por falha do Candidato.

5.16 - As Provas e os Gabaritos serão recolhidos dos Candidatos e não haverá, sob qualquer pretexto, segunda chamada para nenhuma Prova, nem sua realização fora do horário e dos locais indicados.

5.17 - No dia da realização das Provas, na hipótese de o nome do Candidato não constar nas Listagens Oficiais relativas aos locais de Provas estabelecidos na Convocação, a Coordenação do Concurso procederá à inclusão do Candidato, mediante a apresentação do comprovante de pagamento e de inscrição, com a devida quitação.

5.18 - Não será permitido, em nenhuma hipótese, o ingresso ou a permanência de pessoas estranhas ao Concurso no estabelecimento de aplicação das Provas.

5.19 - Da Divulgação

A divulgação oficial do inteiro teor deste Edital e os demais Aditivos e Extratos, relativo às informações referentes às etapas deste Concurso Público dar-se-ão com a afixação no Painel de Publicações da PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA/MT e através da Internet no site www.paranaita.mt.gov.br

5.20 - Das Comprovações De Escolaridade.

As informações sobre a comprovação da escolaridade:

a. Os comprovantes de conclusão de Cursos deverão ser expedidos por instituição oficial ou reconhecida;

b. Caso o candidato tenha concluído o curso, mas ainda não esteja de posse do Diploma, serão aceitas Certidões ou Declarações de conclusão, assinadas por representante legal da Instituição de Ensino e com firma reconhecida em cartório;

c. Os documentos em língua estrangeira somente serão considerados quando traduzidos para a Língua Portuguesa por tradutor juramentado, a qual não será devolvida em hipótese alguma.

d. Será confirmada a autenticidade da documentação apresentada e a possíveis irregularidades serão motivos para denuncia junto ao Ministério Publico.

CAPÍTULO VI - Dos Recursos

6.1 - Os Recursos (quanto ao resultado e classificação do candidato) serão interpostos até 48 (quarenta e oito) horas após a divulgação dos resultados, dirigidos única e exclusivamente ao Presidente da Comissão Especial do Concurso, Rua Alceu Rossi, s/nº, Centro, Paranaíta/MT;

6.2 - O direito de recorrer (quanto à elaboração da Prova e o gabarito da mesma), exercer-se-á até 48 (quarenta e oito) horas, contados a partir do dia da divulgação do Gabarito Oficial, pessoalmente ou por Procuração e exclusivamente junto ao Presidente da Comissão Especial do Concurso, no endereço especificado no item anterior.

6.3 - Caso o Candidato não tenha sido qualificado como portador de deficiência, este passará a constar da lista geral de ampla concorrência, não cabendo Recurso dessa decisão.

6.4 - Para recorrer o Candidato deverá utilizar os Modelos de Formulários de Recurso, disponíveis no ANEXO III do Edital;

6.5 - Não serão aceitos Recursos interpostos por via postal, fac-símile (fax), Internet, telegrama ou outro meio que não seja o especificado neste Edital.

6.6 - Os Recursos deverão ser digitados ou datilografados, e entregues em duas vias (original e cópia).

6.6.1 - Cada questão levantada ou item deverá ser apresentado em folha separada com argumentação lógica e consistente, com identificação do candidato.

6.7 - Cada conjunto de Recurso deverá ser apresentado com as seguintes especificações:

a. Folhas separadas para questões diferentes;

b. Em cada folha, indicar o número da questão, da resposta marcada pelo Candidato, bem como da resposta divulgada pelo PARANAÍTA/MT;

c. Para cada questão, argumentação lógica e consistente;

d. Capa única, constando o nome, o número de inscrição e a assinatura do Candidato;

e. Sem identificação do Candidato no corpo dos recursos;

f. Recursos datilografados ou digitados nos Formulários de Recurso.

6.8 - Em hipótese alguma será aceita revisão de Recurso, além do que, não será analisado o mérito se as condições acima não forem satisfeitas em sua plenitude, devidamente fundamentado.

6.9 - Se houver alteração de resposta do Gabarito Oficial, esta valerá para todos os Candidatos, independentemente de terem recorrido.

6.10 - Na hipótese de alguma questão de múltipla escolha vir a ser anulada, o seu valor em pontos será contabilizado em favor de todos os Candidatos.

6.11 - Não serão aceitos Recursos relativos a preenchimento incompleto, equivocado ou incorreto da Folha de Respostas.

6.12 - Nas situações que se fizerem necessárias, o Coordenador poderá, a qualquer momento, durante a aplicação do Concurso, solicitar à autoridade competente a identificação datiloscópica e/ou fazer uma vistoria rigorosa em Candidatos.

6.13 - Todos os Recursos interpostos deverão obedecer ao modelo do Anexo III.

CAPÍTULO VII - Da Classificação

7.1 - Cada questão valerá 1 (um) ponto. Para habilitação o Candidato terá que obter o mínimo de 50% (cinqüenta por cento) por cada disciplina.

7.2 - As Provas e os Gabaritos dos Candidatos serão recolhidos e não haverá, sob qualquer pretexto, segunda chamada para nenhuma Prova, nem sua realização fora do horário.

7.3 - Será atribuída "nota zero" a questão que for assinalada mais de uma vez, a que estiver em branco ou a que for detectada rasura na folha de resposta.

7.4 - Em caso de empate na Classificação Final, terá preferência, para efeito de classificação, o Candidato que for mais idoso. Caso perdure o empate, será considerado como segundo critério de desempate o que tiver maior pontuação na prova específica. E, por fim, continuando a situação, utilizar-se-á a prova de português para desempatar.

7.5 - O Cartão de Respostas será o único meio levado em consideração para efeito de correção.

CAPÍTULO VIII - Dos Classificáveis

8.1 - Respeitada a Classificação dos Candidatos Aprovados, em caso de uma das opções acima, e, ocorrendo ainda disponibilidade de vagas, serão convocados os Candidatos considerados Classificáveis, na ordem crescente apurada pelo Resultado.

CAPÍTULO IX - Da Posse dos Candidatos Habilitados

9.1 - A posse será condicionada a:

a. Ser brasileiro nato, naturalizado ou estrangeiro na forma da lei;

b. Quitação com o serviço militar, exceto para os Candidatos do sexo feminino e com a Justiça Eleitoral, para todos os Candidatos;

c. Ter escolaridade exigida para o exercício do cargo, bem como registro para o exercício da profissão;

d. Apresentação de cópia de Carteira de Identidade, C, C, Carteira Profissional, Certidão de Nascimento ou Casamento, Fotografia 3/4 colorida e recente;

e. Às pessoas portadoras de necessidades especiais, compatibilidade da deficiência atestada, com o cargo de opção do Candidato, comprovada através de análise da Comissão Especial de Seleção e Acompanhamento, que emitirá parecer sobre o enquadramento do tipo ou grau de deficiência e sua compatibilidade com o cargo;

f. Exame de sanidade física e mental, que comprovará a aptidão necessária para o exercício de cada emprego;

g. Atenção - o Candidato, por ocasião da posse, deverá comprovar todos os requisitos exigidos no sub­item 7.1 do Capítulo VII. A não apresentação dos comprovantes exigidos tornará sem efeito a aprovação obtida pelo Candidato, anulando-se todos os atos ou efeitos decorrentes da inscrição no Concurso.

CAPÍTULO X - Delegação de Competência

10 - Fica delegada competência à Comissão Especial do Concurso, designada pela PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT a:

a. Organizar e planejar as carências;

b. Elaborar ofícios e receber / responder requerimentos;

c. Receber Recursos e encaminhá-los ao PARANAÍTA/MT para parecer ou resposta técnica.

d. Contratar, empresa ou pessoa para execução de suas ações

CAPÍTULO XI - Do Provimento e Lotação

11 - A partir da data de homologação do resultado final do Concurso Público, o Candidato classificado será convocado, por Edital de Convocação. A Convocação obedecerá à ordem rigorosa de classificação e o Candidato deverá apresentar-se ao Departamento de Recursos Humanos da PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT em até 30 (trinta) dias úteis, a contar da data da convocação, observadas as seguintes condições:

a. Apresentar-se munido de toda documentação exigida neste Edital. A não comprovação de qualquer um dos requisitos eliminará o Candidato do Concurso.

b. Não será permitido ao Candidato convocado para contratação no serviço público o adiamento da contratação no cargo, mediante posicionamento no final da classificação, sendo eliminado do Concurso.

c. Os admitidos não farão jus à modificação local de trabalho ou remoção, pelo período mínimo de 03 (três) anos de efetivo exercício, salvo comprovada necessidade do serviço.

d. Poderá a Administração discricionariamente deslocar os servidores de unidade administrativa para outra, como também de localidade, dependendo da conveniência, necessidade e oportunidade da administração.

CAPÍTULO XII - Das Disposições Gerais

12.1 - O Candidato portador de Deficiência Física, nos termos da Lei, sendo destinado 5% (cinco por cento) das vagas pertencentes neste Concurso às pessoas portadoras de deficiência física, na forma como ficou estabelecida no Capítulo III, item 3.5, alíneas "a" até "m". As vagas que não forem preenchidas por inexistência de Candidatos portadores de deficiência física serão automaticamente destinadas aos demais Candidatos.

12.2 - Os Candidatos portadores de Deficiência Física, nos termos da Lei, se aprovados e classificados, terão seus nomes publicados em separado.

12.3 - O Candidato portador de deficiência participará do Concurso em igualdade de condições com os demais Candidatos, no que se refere ao conteúdo, à avaliação, ao horário, ao local de aplicação das provas e às notas mínimas exigidas para aprovação.

12.4 - O Concurso terá a validade de dois anos, (conforme art. 37, III, da CF) a contar da data da homologação, podendo ser prorrogado por igual período, a critério da Administração.

12.5 - Serão publicados apenas os resultados dos Candidatos que obtiverem aprovação no Concurso, conquanto os resultados dos Candidatos Classificáveis e Reprovados serão divulgados nos site www.paranaita.mt.gov.br

12.6 - Não será fornecido ao Candidato qualquer documento probatório de classificação no Concurso, valendo para esse fim, a homologação publicada em Edital.

12.7 - A classificação no Concurso Público e o número de vagas existentes não asseguram ao Candidato o direito de ingresso automático no Quadro de Pessoal da PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT, mas seguindo a rigorosa ordem de classificação, sendo realizado o chamamento atendendo ao interesse da Administração, em razão das carências apresentadas, em conformidade com o subitem 2.6 deste Edital.

12.8 - O Candidato aprovado será convocado por Edital publicado em jornal de grande circulação, obrigando- se a declarar por escrito se aceita ou não o cargo para o qual estiver sendo convocado. O não comparecimento do interessado será compreendido como desistência tácita do cargo, podendo a PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA/MT convocar o candidato aprovado imediatamente posterior ao mesmo.

12.9- Será excluído do Concurso por Ato da Comissão Especial do Concurso o Candidato que:

a. Fizer em qualquer documento declaração falsa ou inexata;

b. Não mantiver atualizado seu endereço junto a Comissão Especial do Concurso. Em caso de alteração de endereço indicado no formulário de inscrição, o Candidato deverá dirigir-se a Comissão Especial do Concurso para atualizá-lo.

12.10 - Será excluído do Concurso por Ato do Presidente da Comissão Especial do Concurso, o Candidato que:

a. Usar de incorreção ou descortesia com qualquer membro da equipe encarregada da realização das provas;

b. For surpreendido durante a aplicação das provas em comunicação com outro Candidato verbalmente, por escrito ou por qualquer meio, na tentativa de burlar a prova;

c. For responsável por falsa identificação pessoal.

12.11 - A inscrição do Candidato implicará no conhecimento e na tácita aceitação das condições estabelecidas no inteiro teor deste Edital e das instruções específicas, expedientes dos quais não poderá alegar desconhecimento.

12.12 - Não será permitido o ingresso de Candidatos, em hipótese alguma, no estabelecimento, após o fechamento dos portões.

12.13 - O horário de início das provas será definido, dentro de cada sala de aplicação, observado o tempo de duração estabelecido no subitem 3.13.

12.14 - Os documentos deverão estar em perfeitas condições, de forma a permitirem, com clareza, a identificação do Candidato e deverão conter, obrigatoriamente, filiação, fotografia, data de nascimento e órgão expedidor.

12.15 - Decorridos 60 (sessenta) dias após da divulgação do resultado final do Concurso, as Folhas- Resposta, serão incineradas.

12.16 - Os casos omissos serão resolvidos pela Comissão Especial Organizadora do Concurso. PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA / MT, Estado de Mato Grosso, aos 02 de Abril de 2008.

Pedro de Alcântara
Prefeito Municipal

ANEXO I

CARGOS, CARREIRA E VENCIMENTO

Código do cargo

Vencimento Inicial

Cargo

Hs / Sem.

Escolaridade

Vagas

Efetivos

Temporários

01

R$ 7.041,00

Médico Clínico Geral

40

Curso Superior

00

02

02

R$ 1.650,00

Farmacêutico/Bioquímico

40

Curso Superior

00

01

03

R$ 2.600,00

Enfermeiro

40

Curso Superior

00

02

04

R$ 1.650,00

Fisioterapeuta

40

Curso Superior

01

00

04/1

R$ 1.650,00

Fisioterapeuta

40

Curso Superior

00

01

05

R$ 1.650,00

Fonoaudiólogo

40

Curso Superior

00

01

06

R$ 2.040,00

Odontólogo

40

Curso Superior

00

03

07

R$ 1.650,00

Psicólogo

40

Curso Superior

01

00

07/1

R$ 1.650,00

Psicólogo

40

Curso Superior

0

01

08

R$ 1.650,00

Assistente Social

40

Curso Superior

01

00

08/1

R$ 1.650,00

Assistente Social

40

Curso Superior

00

01

09

R$ 3.520,00

Médico Clínico Geral

20

Curso Superior

01

00

10

R$ 825,00

Médico Veterinário

20

Curso Superior

01

00

11

R$ 1.650,00

Engenheiro Agrônomo

40

Curso Superior

01

00

12

R$ 1.650,00

Gestor Administrativo e Financeiro

40

Curso Superior

01

00

13

R$ 750,00

Técnico em Vigilância Sanitária

40

2º Grau + Curso de
formação na área

01

00

14

R$ 750,00

Técnico Laboratório e Análise Clínica

40

2º Grau + Curso de
formação na área

01

00

15

R$ 750,00

Técnico em Enfermagem

40

2º Grau + Curso de
formação na área

06

00

16

R$ 750,00

Assistente de Controle Administrativo

40

2º Grau

05

00

17

R$ 750,00

Agente de Fiscalização e Arrecadação

40

2º Grau

02

00

18

R$ 750,00

Fiscal de Obras e Edificações

40

2º Grau

02

00

19

R$ 463,95

Agente Administrativo

40

2º Grau

10

00

20

R$ 615,00

Auxiliar de Enfermagem

40

1º Grau + Curso de
formação na área

02

00

21

R$ 463,95

Agente de Saúde Ambiental (Endemias)

40

1º Grau

03

00

22

R$ 415,00

Auxiliar Administrativo

40

1º Grau

06

00

23

R$ 415,00

Auxiliar de Consultório Odontológico

40

1º Grau

03

00

24

R$ 750,00

Motorista

40

Alfabetizado

08

00

25

R$ 615,00

Operador de Máquinas I

40

Alfabetizado

02

00

26

R$ 825,00

Operador de Máquinas II

40

Alfabetizado

02

00

27

R$ 1.202,00

Operador de Máquinas III

40

Alfabetizado

01

00

28

R$ 615,00

Lubrificador/Lavador

40

Alfabetizado

01

00

29

R$ 615,00

Borracheiro

40

Alfabetizado

01

00

30

R$ 750,00

Eletricista de Veículos Automotores

40

Alfabetizado

01

00

31

R$ 615,00

Encanador

40

Alfabetizado

01

00

32

R$ 750,00

Coletor de Lixo

40

Alfabetizado

03

00

33

R$ 615,00

Jardineiro

40

Alfabetizado

01

00

34

R$ 615,00

Oficial de Manutenção

40

Alfabetizado

05

00

35

R$ 415,00

Auxiliar de Serviços Gerais

40

Alfabetizado

02

00

36

R$ 415,00

Zelador/Vigia

40

Alfabetizado

09

00

37

R$ 415,00

Cozinheira

40

Alfabetizado

10

00

38

R$ 415,00

Auxiliar de Limpeza

40

Alfabetizado

10

00

TOTAL

105

12

SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE PARANAÍTA/MT

Código do cargo

ESCOLA

CARGO

VAGA

CURSO/GRADUAÇÃO

ÁREA ESPECÍFICA

SALÁRIO

39

Cristo Redentor

Professor

1

Graduação - Lic. Plena em Letras

Português - Ens. Fund. - 5º a 8ª

1.231,59

40

Cristo Redentor

Professor

1

Graduação - Lic. Plena em Matemática

Português - Ens. Fund. - 5º a 8ª

1.231,59

41

Juscelino K. de Oliveira

Professor

1

Graduação - Lic. Plena em Educação Física

Educação Física - Ens. Fund.- 5º a 8ª

1.231,59

42

Maria Quitéria

Professor

1

Graduação - Lic. Plena em Letras

Português - Ens. Fund. - 5º a 8ª

1.231,59

43

Maria Quitéria

Professor

1

Graduação - Lic. Plena em Matemática

Matemática - Ens. Fund. - 5º a 8ª

1.231,59

44

Tancredo de A Neves

Professor

1

Graduação - Lic. Plena em Pedagogia

Ens. Fund. Séries iniciais - I a IV

1.231,59

45

Tancredo de A Neves

Professor

1

Graduação - Lic. Plena em Matemática

Matemática - Ens. Fund. - 5º a 8ª

1.231,59

46

Tancredo de A Neves

Professor

1

Graduação - Lic. Plena em Letras

Português - Ens. Fund. - 5º a 8ª

1.231,59

47

Creche

Professor

8

Graduação - Lic. Plena em Pedagogia na Educação Infantil.

Educação Infantil

1.231,59

48

Secretaria de Saúde

Professor

1

Graduação - Educação Física

Por indicação da Secretaria de Saúde

1.231,59

49

Secretaria de Esportes

Professor

1

Graduação - Educação Física

Por indicação da Secretaria de Esportes

1.231,59

50

Cristo Redentor

Cozinheira

1

Ensino Fundamental

Merendeira e Serviços em Gerais

415,00

51

Tancredo de Almeida Neves

Cozinheira

1

Ensino Fundamental

Merendeira e Serviços em Gerais

415,00

52

Pedro A Cabral

Cozinheira

1

Ensino Fundamental

Merendeira e Serviços em Gerais

415,00

TOTAL

21

-

Observação:

· Os profissionais que concorrerem a vagas nas disciplinas específicas de matemática e português não havendo clientela para atribuir aulas nessa disciplina, estes complementarão a sua carga horária atribuindo aulas em outra disciplina a fins, até que se complete a carga horária de 30 horas semanais.

· Na ocorrência de encerramento de atividades de qualquer escola, o professor será indicado em outro estabelecimento de ensino de conformidade com os interesses da administração.

ANEXO II

PREFEITURA MUNICIPAL DE PARANAÍTA

(RI) REQUERIMENTO DE INSCRIÇÃO PARA O CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2008

Nº: da inscrição (Não preencher)

Nome:

Endereço:

CPF

RG:Órgão Emissor

Código do cargo

Cargo Pretendido

Se Professor indique Colégio

Deficiente

Sim

Não

Tipo de Deficiência

Declaro ter pleno conhecimento do Edital Nº 001/2008, que rege o concurso público da Prefeitura Municipal de Paranaíta/MT, aceitando suas normas e disposições.

----------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

Nº: da inscrição (Não preencher)

Nome:

Endereço:

CPF

RG:

Órgão Emissor

Código do cargo

Cargo Pretendido

Se Professor indique Colégio

ANEXO III

Modelo de Recurso

FORMULÁRIO PARA RECURSO

Recurso quanto a: __________________________________________________________________________

Nome:
Endereço:
Cargo:
Nº de Inscrição:
Carteira de Identidade Nº:

Questionamento:
________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________

Embasamento:
________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________
________________________________________________________________________________________

ANEXO IV

Matérias por nível de exigências

FUNDAMENTAL (ALFABETIZADO

PROVA ESCRITA

Nº DE QUESTÕES

TOTAL DE PONTOS

Língua Portuguesa

10

10

Conhecimentos Gerais (historia, geografia, matemática, atualidades)

10

10

Conhecimentos Específicos

10

10

TOTAL

30

30

ENSINO FUNDAMENTAL COMPLETO (1º GRAU)

PROVA ESCRITA

Nº DE QUESTÕES

TOTAL DE PONTOS

Língua Portuguesa

10

10

Conhecimentos Gerais (historia, geografia, atualidades)

10

10

Conhecimentos Específicos

20

20

Matemática

10

10

TOTAL

50

50

 

NÍVEL MÉDIO COMPLETO (2º GRAU) E PROFISSIONALIZANTE

PROVA ESCRITA

Nº DE QUESTÕES

TOTAL DE PONTOS

Língua Portuguesa

10

10

Conhecimentos Gerais (historia, geografia, atualidades)

10

10

Conhecimentos Específicos

20

20

Matemática

10

10

TOTAL

50

50

NÍVEL SUPERIOR

PROVA ESCRITA

Nº DE QUESTÕES

TOTAL DE PONTOS

Língua Portuguesa

10

10

Conhecimentos Gerais (historia, geografia, atualidades)

10

10

Conhecimentos Específicos

20

10

Matemática

10

10

TOTAL

50

50

ANEXO V

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

NÍVEL FUNDAMENTAL (ALFABETIZADO)

CONTEÚDO COMUM PARA OS CARGO DE: MOTORISTA; OPERADOR DE MAQUINAS I; OPERADOR DE MAQUINAS II; OPERADOR DE MAQUINAS III; LUBRIFICADOR/LAVADOR; BORRACHEIRO; ELETRICISTA DE VEÍCULOS AUTOMOTORES; ENCANADOR; COLETOR DE LIXO; JARDINEIRO; OFICIAL DE MANUTENÇÃO; AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS; ZELADOR/VIGIA; COZINHEIRA E AUXILIAR DE LIMPEZA.

LÍNGUA PORTUGUESA: Entendimento de uma leitura. Noções de gramática; Letras maiúsculas e minúsculas; Vogais e consoantes; Sílabas; Nomes próprios e comuns; Gênero - masculino e feminino; Número - singular e plural; Aumentativo e diminutivo.

CONHECIMENTOS GERAIS: HISTÓRIA GERAL E DE MATO GROSSO: Período Colonial: As bandeiras como a de Pascoal Moreira Cabral; A descoberta do ouro; Criação da Capitania de Mato Grosso. O período imperial; Transferência da Capitania para Cuiabá; A guerra da tríplice aliança; A economia; Período Republicano; A divisão de Mato Grosso. GEOGRAFIA GERAL E DE MATO GROSSO: Localização; Aspectos físicos; base econômica; agricultura, pecuária, comércio, indústria, extrativismo e meio ambiente. Fluxos migratórios; Ocupação da fronteira agrícola; Transportes e comunicação. MATEMÁTICA: adição, subtração, diminuição e multiplicação, compreensão de números fracionados e inteiros, identificação e transcrição de números por extenso.

CONHECIMENTOS EXPECÍFICOS:

CÓDIGO DO CARGO (24) MOTORISTA: Código Nacional de Trânsito. Conhecimentos de mecânica de veículos automotores. Conhecimentos de elétrica de veículos automotores. Relações humanas. Primeiros socorros. Direção defensiva e ofensiva. Higiene pessoal. Noções de saúde e de segurança individual, coletiva e de instalações. Noções de cidadania.

CÓDIGO DO CARGO (25) OPERADOR DE MAQUINAS I: Legislação e Sinalização de Trânsito. Normas gerais de circulação e conduta.Deveres e proibições. Infrações, crimes e penalidades. Segurança dos veículos. Direção defensiva. Conhecimento de operação e manutenção de máquinas: tratores com pneus ou esteiras, retro-escavadeiras, motoniveladoras, escavadeiras hidráulicas, rolo compactador, perfuratrizes, pás-carregadeiras ou carregadeiras sobre esteiras. Noções gerais de mecânica, elétrica e hidráulica. Prevenção de acidentes. Noções de primeiros socorros. Noções básicas de higiene e organização no trabalho. Relações humanas no trabalho. Havendo necessidade o candidato se submeterá à teste pratico com os equipamentos supra citados.

CÓDIGO DO CARGO (26) OPERADOR DE MAQUINAS II: Legislação e Sinalização de Trânsito. Normas gerais de circulação e conduta.Deveres e proibições. Infrações, crimes e penalidades. Segurança dos veículos. Direção defensiva. Conhecimento de operação e manutenção de máquinas: tratores com pneus ou esteiras, retro-escavadeiras, motoniveladoras, escavadeiras hidráulicas, rolo compactador, perfuratrizes, pás-carregadeiras ou carregadeiras sobre esteiras. Noções gerais de mecânica, elétrica e hidráulica. Prevenção de acidentes. Noções de primeiros socorros. Noções básicas de higiene e organização no trabalho. Relações humanas no trabalho.

CÓDIGO DO CARGO (27) OPERADOR DE MAQUINAS III: Legislação e Sinalização de Trânsito. Normas gerais de circulação e conduta.Deveres e proibições. Infrações, crimes e penalidades. Segurança dos veículos. Direção defensiva. Conhecimento de operação e manutenção de máquinas: tratores com pneus ou esteiras, retro-escavadeiras, motoniveladoras, escavadeiras hidráulicas, rolo compactador, perfuratrizes, pás-carregadeiras ou carregadeiras sobre esteiras. Noções gerais de mecânica, elétrica e hidráulica. Prevenção de acidentes. Noções de primeiros socorros. Noções básicas de higiene e organização no trabalho. Relações humanas no trabalho. Havendo necessidade o candidato se submeterá à teste pratico com os equipamentos supra citados.

CÓDIGO DO CARGO (28) LUBRIFICADOR/LAVADOR: Conhecimentos e utilização adequada de ferramentas. Conhecimento das normas de segurança. Prevenção de acidentes. Conhecimento geral de óleos lubrificantes, e produtos utilizados na lubrificação de Maquinas e equipamentos, veículos e motores estacionários. Conhecimentos básicos da função. Noções de primeiros socorros. Noções básicas de higiene e organização no trabalho.

CÓDIGO DO CARGO (29) BORRACHEIRO: Noções de segurança individual, coletiva e de instalações. Conhecimento de equipamentos e matérias utilizados para execução do trabalho. Análise, conservação e Manutenção de Pneus. Reparos, rodízios, carga e sobre carga, calibragem e conceito de vulcanização. Prevenção de acidentes. Noções de primeiros socorros. Noções de higiene e organização no trabalho.

CÓDIGO DO CARGO (30) ELETRICISTA DE VEÍCULOS AUTOMOTORES: Noções de segurança individual, coletiva e de instalações. Noções de Primeiros Socorros. Identificação e uso de ferramentas para eletricidade de autos. Sistemas elétricos de autos. Componentes. Funcionamento. Manutenção e reparos.

CÓDIGO DO CARGO (31) ENCANADOR: Princípios básicos da construção civil e as rotinas de trabalho; conhecimento dos materiais de construção civil; terminologia básica utilizada nas instalações hidráulicas; princípios básicos de hidráulica, conhecimentos dos materiais utilizados nas instalações hidráulicas; ferramentas básicas utilizadas pelo bombeiro hidráulico; conexões válvulas e utensílios utilizados pelo encanador; manutenção e reparo das instalações hidráulicas. Ética profissional. Noções básicas de administração pública e direitos e deveres do servidor publico do Município de Paranaíta.

CÓDIGO DO CARGO (32) COLETOR DE LIXO: Práticas e experiência de serviços ligados à área de limpeza; Manuseio de produtos de limpeza e outros; Uso de equipamentos de segurança; Comportamento e atitude em ambiente de trabalho; Prática e experiência de serviços braçais, coleta de lixos, Prevenção de incêndios e acidentes no trabalho; Varrição de ruas, avenidas, praças etc.; Remanejamento de móveis; Noção sobre seleção de tipos de lixos; Uso e cuidados com ferramentas, máquinas e equipamentos; Atualização de tecnologia inerente à profissão..

CÓDIGO DO CARGO (33) JARDINEIRO: Adubação; herbicidas; produção de sementes e mudas; conservação do solo; variedades de frutas e mudas; fertilizantes minerais e orgânicos; podas; sistemas de irrigação; transplante de mudas; formas de plantio; noções básicas acerca da profissão e atribuições inerentes ao cargo.Ética profissional. Noções básicas de administração pública e direitos e deveres do servidor publico do Município de Paranaíta.

CÓDIGO DO CARGO (34) OFICIAL DE MANUTENÇÃO: Noções básicas de higiene e organização no trabalho. Noções de primeiros socorros, Cuidados pessoais no trabalho. Utilização e manuseio de aparelhos e produtos de limpeza. Noções de primeiros socorros. Princípios básicos da construção civil e as rotinas de trabalho; conhecimento dos materiais de construção civil; terminologia básica utilizada nas instalações hidráulicas; princípios básicos de hidráulica, conhecimentos dos materiais utilizados nas instalações hidráulicas; ferramentas básicas utilizadas pelo bombeiro hidráulico; conexões válvulas e utensílios utilizados pelo encanador; manutenção e reparo das instalações hidráulicas. Ética profissional. Noções básicas de administração pública e direitos e deveres do servidor publico do Município de Paranaíta.

CÓDIGO DO CARGO (35) AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS: Noções básicas de higiene e organização no trabalho. Noções de primeiros socorros, Cuidados pessoais no trabalho. Utilização e manuseio de aparelhos e produtos de limpeza. Noções de primeiros socorros.

CÓDIGO DO CARGO (36) ZELADOR/VIGIA: Elaboração de boletim de ocorrências; Manutenção da ordem e disciplina no local de trabalho; Prevenção de acidentes; prevenção de roubos; prevenção de incêndios; Vigilância do patrimônio público; Controle de entrada e saída de veículos em estacionamentos de repartições públicas; prática na coleta de lixos e lavagens de veículos; Prática de atendimento de telefonemas e anotações de recados; Atitudes no serviço; regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo e colegas de trabalho; Limpeza e manutenção de móveis e imóveis.

CÓDIGO DO CARGO (37) COZINHEIRA: Os alimentos: noções de higiene, proteção dos alimentos, preparação dos alimentos, estocagem dos alimentos, conservação dos alimentos, noções de nutrição, reaproveitamento dos alimentos. Noções de primeiros socorros. Cuidados pessoais no trabalho - segurança no trabalho. Cuidados na utilização e manuseio de eletrodomésticos.

CÓDIGO DO CARGO (38) AUXILIAR DE LIMPEZA: Noções básicas de preservação e conservação de documentos; Regras de comportamento no ambiente de trabalho; regras de hierarquias no serviço público; regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo e colegas de trabalho; Zelo pelo patrimônio público; Noções de prevenção de acidentes de trabalho e incêndio; Noções de hierarquia no serviço público, cuidados necessários para transportar e armazenar móveis e utensílios, noções sobre funcionamento de arquivos/almoxarifado, Serviços internos e externos Zelar pela manutenção e conservação dos materiais e equipamentos sob sua responsabilidade. Classificação dos documentos: Noções básicas de higiene e organização no trabalho. Noções de primeiros socorros, Cuidados pessoais no trabalho. Utilização e manuseio de aparelhos e produtos de limpeza. Noções de primeiros socorros.

NÍVEL FUNDAMENTAL COMPLETO (1º GRAU)

CONTEÚDO COMUM PARA OS CARGOS EM QUE E EXIGIDO CONHECIMENTOS A NÍVEL FUNDAMENTAL COMPLETO (1º GRAU)

LÍNGUA PORTUGUESA:. Leitura e Interpretação de texto. Ortografia; . Divisão silábica; Acentuação gráfica. Morfologia; Classes de palavras; Formação de palavras. Sintaxe; Concordância nominal e verbal; Colocação pronominal; Usos dos pronomes relativos. Tipologia textual. Registro formal e informal da linguagem.

CONHECIMENTOS GERAIS: HISTÓRIA GERAL E DE MATO GROSSO: Período Colonial; A capitania de São Paulo e a Bandeira de Pascoal Moreira Cabral; O abastecimento da região explorada e a descoberta de novas minas; A criação da capitania de Mato Grosso; Panorama cultural. Período imperial; A transferência da capital para Cuiabá; A Rusga; A guerra da tríplice aliança contra o Paraguai; O rio Paraguai na comunicação e transporte após o final do século XIX; Sistema produtivo: extrativismo, usinas de açúcar e pecuária; O panorama social: a questão da escravidão; A cultura mato-grossense no século XIX. 3. Período Republicano; As lutas da primeira república: o coronelismo; fronteira e abastecimento no século XX: Comissão Rondon, estrada de ferro madeira mamoré e estrada de ferro noroeste do Brasil; O processo de povoamento contemporâneo nas regiões dos rios: Cuiabá, São Lourenço e Paraguai; A divisão do estado de Mato Grosso; Arte e cultura na república em Mato Grosso. GEOGRAFIA GERAL E DE MATO GROSSO: O aproveitamento dos recursos naturais e o meio ambiente. As formas de colonização em Mato Grosso e o seguimento dos municípios. Os elementos da dinâmica populacional; Natalidade; Mortalidade; Migrações; Pirâmides Etárias e o envelhecimento da população. O espaço agrário: Estrutura fundiária; A luta pela terra; Os assentamentos rurais; Relações de trabalho na área rural. O espaço urbano; Índice de urbanização; Problemas sócio-ambientais urbanos. Mato Grosso: globalização da economia e Mercosul. Fatos atuais do estado de Mato Grosso.

MATEMÁTICA: Noções de lógica. Conjunto dos números reais: subconjuntos. Números racionais e irracionais: operações e propriedades. Monômios e polinômios: expressões algébricas. Produtos notáveis. Fatoração. Equações do primeiro grau: resolução. Problemas do primeiro grau. Equações do segundo grau: problemas. Razões e proporções: regra de três simples e composta. Porcentagem: juros simples e compostos. Sistema legal de Medidas. Perímetro e área de figuras planas. Volume de sólidos geométricos.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS:

CÓDIGO DO CARGO (20) AUXILIAR DE ENFERMAGEM: Noções de primeiros socorros; vacinas (rede de frio, validade, via de administração, dose, esquema do Ministério da |Saúde, prevenção de doenças por imunização). Administração de medicamentos: via oral, parental e outras vias. Curativos: material utilizado, tipos de ferimentos, procedimentos. Limpeza, assepsia, anti-sepsia, desinfecção e esterilização: conceitos, importância, produtos utilizados, procedimentos. Assistência à criança: desidratação, desnutrição, verminoses, doenças transmissíveis; Assistência à mulher: gravidez, parto, pós-parto, amamentação, planejamento familiar. Doenças sexualmente transmissíveis, principais doenças profissionais. Instruções e cuidado para coleta de sangue, fezes e urina. Código de ética profissional, lei do exercício profissional.

CÓDIGO DO CARGO (21) AGENTE DE SAÚDE AMBIENTAL (ENDEMIAS): Noções de primeiros socorros. Curativos: material utilizado, tipos de ferimentos, procedimentos. Limpeza, assepsia, anti- sepsia, desinfecção e esterilização: conceitos, importância, produtos utilizados, procedimentos. Assistência à criança. Higiene da família, Prevenção à saúde.

CÓDIGO DO CARGO (22) AUXILIAR ADMINISTRATIVO: Controle de estoque de almoxarifado; controle de protocolo; de portaria (recepção; atendimento ao público); Noções sobre registros de expedientes; seletividade de documentações e pautas de reuniões; Técnicas de arquivos e conservação de documentos; Elaboração de ofícios; correspondências; técnicas de agendamento; formas de tratamentos; abreviações de tratamentos de personalidades; Noções de técnicas de secretariar; uso de fax e internet; Regras de comportamento no ambiente de trabalho; regras de hierarquias no serviço público; regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo e colegas de trabalho; Zelo pelo patrimônio público; normas patrimoniais e seu gerenciamento (tombamento, controle, termos de responsabilidades, baixas, transferências e alienação); Noções de prevenção de acidentes de trabalho e incêndio; Noções de funcionamento de tramitação de leis, resoluções, decretos, portarias, atos administrativos da Câmara Municipal e Executivo.

CÓDIGO DO CARGO (23) AUXILIAR DE CONSULTÓRIO ODONTOLÓGICO: Controle de agenda de consultas; verificação de horários disponíveis e registros das consultas agendadas; Atendimento e identificação dos clientes; Prestação de informações e encaminhamento ao cirurgião dentista; Recebimento de recados; controle de fichário e/ou arquivo de documentos relativos ao histórico do cliente; Esterilização de instrumentos utilizados no consultório; Zelo pela assepsia, conservação e recolhimento de material; utilização de estufas e armários; Orientação para clientes sobre o correto modo de escovação dos dentes; Orientação ao público em campanhas de prevenção à cárie dentária; Auisição, distribuição e reposição de estoques de medicamentos e instrumentos odontológicos; recebimento, registro e encaminhamento de material para exames de laboratório; reparo de material para realização de restauração dentária; Atitudes no Serviço; Regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo; Regras de relações humanas; Organização do local de serviço e do trabalho.

CONTEÚDO COMUM PARA OS CARGOS EM QUE E EXIGIDO CONHECIMENTOS A NÍVEL MÉDIO (2º GRAU)

PORTUGUÊS: Letras, dígrafos, fonemas, sílabas, encontros vocálicos e consonantais; Divisão silábica, ORTOGRAFIA. Palavras com: e, i,o, u, ei, ou, j, g, c, ç, s, ss, x, sc, xc, z, ch; ACENTUAÇÃO GRÁFICA e PONTUAÇÃO. MORFOLOGIA: Estrutura e processo de formação das palavras; Uso da crase e do hífen; Uso de letras maiúsculas e minúsculas; Sinônimos, antônimos, parônimos e homônimos; CATEGORIAS GRAMATICAIS: Substantivos e Artigos: classificação, flexão e emprego; Adjetivos e Numerais: classificação, flexão e emprego; Pronomes: espécies, emprego, pronomes de tratamento, colocação pronominal; Verbo: classificação, flexão, conjugação, infinitivo pessoal e impessoal; morfo-sintaxe do verbo. Categorias gramaticais invariáveis: Advérbio: classificação, locução adverbial, grau, emprego; Preposição: classificação, locução prepositiva, emprego; Locução conjuntiva, classificação, emprego; Interjeição: locução interjetiva e emprego CONCORDÂNCIA E REGÊNCIA: Concordância Verbal e Nominal, Regência verbal e nominal SINTAXE: Pontuação. INTELECÇÃO E INTERPRETAÇÃO DE TEXTOS a linguagem literária, Semântica: conotação e denotação; c) interpretação de textos jornalísticos, científicos e ensaístico-didáticos; intelecção e interpretação de textos descritivos, narrativos e dissertativos sobre atualidades da cultura e do desenvolvimento nacional e internacional.

CONHECIMENTOS DE MATEMÁTICA Operações aritméticas fundamentais; Operações com números inteiros e fracionários; Conjuntos dos números naturais, reais, inteiros, racionais, Problemas envolvendo operações fundamentais; Sistema legal de medidas: comprimento, superfície, volume, tempo, velocidade; Razões e proporções: regra de três simples, percentagens. Razões e Proporções: regra de três simples e composta, percentagens; Juros simples e compostos; capitalização e descontos; Potenciação, Radiciação e Logaritmo; Seqüências numéricas: PA e PG, Geometria Plana e espacial: polígonos, perímetro, área, relações métricas nas figuras geométricas, Análise combinatória: combinação, arranjo e permutação; Equação do 1° e do 2° Grau; Noções de Estatística: probabilidade, m édia, mediana, moda.

CONHECIMENTOS GERAIS História do Município de Paranaíta e do Estado de Mato Grosso: Aspectos históricos e geográficos; Aspectos econômicos e sociais; Executivo e Legislativo Estadual e Municipal; Atualidades gerais político, econômico sociais e ambiental. Estudos Sociais: Símbolos Nacionais, Estaduais e Municipais; Vultos Nacionais: estadistas, poetas, escritores e romancistas; Deveres cívicos morais.História do Brasil: Brasil Colônia; Formação econômica, social e política; A crise do sistema colonial; O processo de independência. Brasil Império Primeiro Reinado; O período regencial; Desenvolvimento capitalista no Séc. XIX; A política do segundo reinado; A política externa; A crise do Império a instalação da República. A República Velha (1889 - 1930) República da Espada; A República do Café; A Economia na Sociedade na República Velha; O mundo depois da Primeira Guerra. A Segunda República A evolução política (1930 - 1945); O mundo após a Segunda Guerra Mundial; O populismo de 1945 e 1954; O Apogeu e crise do populismo; O militarismo e autoritarismo pós-64; Redemocratização do país. Atualidades Conflitos, Problemas e Propostas do Mundo Atual; MERCOSUL; União Européia; Comunidade dos Estados Independentes; Guerra Civil no mundo; Mercados Comuns; Movimentos Separatistas; Racismo; ONU; Questão ambiental e qualidade de vida. Geografia: O Espaço Universal e o Espaço Terrestre; O Universo; A Terra: característica, movimentos, evolução e estrutura; O relevo e seus agentes; A atmosfera e sua dinâmica: o tempo e o clima; As grandes paisagens da Terra; Orientação, localização e representação da Terra; Aspectos Demográficos; Conceitos demográficos fundamentais; Crescimento populacional; Teorias demográficas e desenvolvimento sócio-econômico; Distribuição geográfica da população; Estrutura da população; Migrações populacionais. Aspectos Econômicos; Comércio; Transportes; Recursos naturais e extrativismo mineral; Fontes de energia; Indústria e Agricultura. Organização Política e Sócio-Econômica do Mundo Contemporâneo; Panoramas político e sócio - econômico do mundo atual. Primeiro mundo, países do norte ou conjunto dos países capitalistas desenvolvidos; Países do sul e subdesenvolvidos 9.4 - Organizações econômicas e militares CEE, OTAN, NAFTA, MERCOSUL, OCEDE.

CONHECIMENTOS DE INFORMÁTICA Manuseio de periféricos - impressoras; Utilização do Microsoft Word/Excel - todos os recursos disponíveis - mala direta, criação de tabelas, elaboração de planilha de cálculo; Utilização do Power Point - criação de apresentação e de organograma; Utilização do Windows na parte de organização do microcomputador, tais como: apagar / renomear / copiar arquivos, criar/apagar pasta de trabalho; Noções de Internet e Intranet.

CÓDIGO DO CARGO (13) TÉCNICO EM VIGILÂNCIA SANITÁRIA: Noções sobre: atividades de educação em saúde participar do desenvolvimento tecnológico e da gestão, planejamento e desenvolvimento institucional; Investigação de surtos de toxinfecção alimentar; Cadastramento, licenciamento e fiscalização do serviço de saúde, tais como: consultório médico, consultório odontológico, consultório veterinário, consultório psicológico, laboratório de prótese dentária, clínica médicas, instituto de fisioterapia, casa de repouso, clínica geriátrica, unidades básicas de saúde, exceto as que empreguem serviço de radiação ionizante; Mapeamento de todos os estabelecimentos e locais possíveis de atuação de vigilância sanitária; Atendimento ao público, orientando e informando quanto a documentações, andamento de processos administrativos e outras informações técnico-administrativos e legais; Cadastramento, licenciamento e fiscalização dos estabelecimentos de serviços tais como: barbearias, salão de beleza, pedicure, manicure, massagens e congêneres, serviços sociais, estabelecimentos esportivos (ginástica, natação, academias de artes marciais,); creches, e outros serviços que possam vir a ser alvo de atuação de vigilância sanitária; Cadastramento, licenciamento e fiscalização de estabelecimentos que comercializem e/ou distribuam gêneros alimentícios, bem como micro empresas que manipulem alimentos, exceto com processo industrial; Recebimento, triagem e encaminhamento das demandas alusivas à área de Vigilância Sanitária; Fiscalização das condições sanitárias de água e esgoto; Fiscalização de piscinas de uso coletivo; Fiscalização das condições sanitárias dos criadouros de animais da zona urbana; Fiscalização das condições sanitárias dos sistemas individuais de abastecimento de água, disposição de resíduos sólidos e criação de animais nas zonas rurais Noções sobre o código de saúde, postura, ambiente do município.

CÓDIGO DO CARGO (14) TÉCNICO EM LABORATÓRIO E ANÁLISE CLINICA: Aparelhos de Laboratório- Tubos, pipetas, provetas, buretas, balões, funis, cálices, gral e pistilo, béquer, placa de Petri: tipos, descrição e funções. Termômetros, cronômetros, balanças, tacômetros, fotômetros: tipos, descrição e funções. Centrífugas, banho-maria, geladeiras, autoclave, estufas, agitadores, vortex, bico de Bunsen: tipos descrição e funções. Alças calibradas, pipetas automáticas, câmara de Neubauer: tipos, descrição e funções. Microscópios: tipos, descrição e funções. Métodos de desinfecção e esterilização. Métodos físicos.Métodos químicos. Limpeza e desinfecção de vidraria, bancadas e pisos. Técnicas assépticas. Biossegurança - Equipamentos de proteção individual. Equipamentos de proteção coletiva. Prevenção de acidentes de laboratório. Resíduos: manuseio, transporte e descarte. Reagentes, corantes e meios de cultura: preparo, utilização e aplicação dos principais reagentes. Preparo, utilização e aplicação dos principais corantes e meios de cultura. Preparo, utilização e aplicação dos meios de cultura. Principais tipos e utilização dos anticoagulantes. Boas práticas de Laboratório Clínico: Procedimentos Operacionais Padrão e Controle da Qualidade: interno e externo, padrões, calibradores e controles. Importância dos documentos e registros nos Laboratórios Clínicos: Dados brutos, mapas de trabalho, registros da qualidade, rastreabilidade. Coleta de material: Sangue arterial e venoso, pele e anexos para pesquisa de fungos, materiais diversos para exames microbiológicos. Fundamentos dos principais exames realizados no Laboratório Clínico: Hematologia - hemograma, reticulócitos e hemostasia (TAP, TTPA e fibrinogênio); Bioquímica - íon, componentes lipídicos, componentes glicídios, componentes nitrogenados não protéicos, pigmentos biliares, componentes protéicos, enzimas séricas, gasometria e eletroforese. Imunologia: tipagem sangüínea, técnica de aglutinação, precipitação, fixação de complemento, imunoflorescência, enzimaimunoensaio e imunoblot. Urinálise: características gerais, exame químico através de fita reagente e sedimentoscopia. Parasitologia. Método direto, método de concentração e preparos perianais. Microbiologia; bacterioscopia, cultura de urina, sangue, fezes e materiais diversos. Automação em bioquímica: hematologia, coagulação, hormônios, imunologia, microbiologia e sorologia - equipamentos, métodos, princípios, calibrações, controle de qualidade interno e externo e sua aplicabilidade, manutenção e conservação, Biossegurança: descarte e acomodação de resíduos laboratoriais e manuseio de materiais infectantes; Lavagem e esterilização de materiais infectantes e vidrarias; Manutenção e limpeza do laboratório; Água colheita, processo de destilação e controle; Preparação dos Materiais biológicos (fezes, urina, escarro, sangue e secreções); Preparação dos meios de cultura; Relações Humanas no Trabalho; comportamento pessoal e profissional; atividades adequadas nas relações; boas maneiras; como participar de um grupo de trabalho; trabalho em equipe.

CÓDIGO DO CARGO (15) TECNICO EM ENFERMAGEM: Introdução à Enfermagem; Ética Profissional; Conceito de saúde e doença; Assistência de Enfermagem; conceito e objetivo; Equipe de Enfermagem; Fundamentos de Enfermagem; Tipos de unidade de saúde; Unidade do paciente; Prevenção e controle de infecção hospitalar; Medidas de assepsia; higienização; desinfecção; anti-sepsia e esterilização; preparo de material para esterilização; Prevenção de acidentes mecânicos, físicos e químicos; Segurança do paciente acamado; movimentação, tipos e objetivos; transporte, precauções e conforto; Pesagem e mensuração; Verificação de temperatura, pulso, respiração e tensão arterial; Exames físicos e laboratoriais; Atendimento das necessidades de higiene corporal; Finalidades e cuidados na aplicação quente e fria no cateterismo; Instilação e irrigação vesical na lavagem vaginal e nos puretivos; Conduta e assistência imediata em casos de asfixia, hemorragia, vômito, fratura, lipotimia, convulsão, insolação, corpo estranho, picada de insetos e envenenamentos; Administração de medicamentos por via oral e parenteral; Preparo de drogas e soluções; Aspiração, oxigenoterapia, nebulização, drenagens, gavagem, transfusão sanguínea e balanço hídrico; Identificação das variáveis; e ações de Enfermagem, músculos, tendões, vasos, nervos e articulações (cartilagem articular, cápsula e ligamentos); Distúrbios ortopédicos principais: Contusões, entorses, luxações, fraturas, feridas, distensão ou estiramento muscular. Regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo e colegas de trabalho; Zelo pelo patrimônio público.

CÓDIGO DO CARGO (16) ASSISTENTE EM CONTROLE ADMINISTRATIVO: Redação oficial: aspectos gerais, características fundamentais, padrões, emprego e concordância dos pronomes de tratamento, ofícios, requerimentos, pareceres e outras correspondências. Noções de arquivologia: informação, documentação, classificação, arquivamento, registros, tramitação de documentos, cadastro, tipos de arquivos, organização e administração de arquivos, técnicas modernas. Administração de material: aquisição, cadastros, registros, controle e movimentação de estoques, armazenamento, transporte, reposição, segurança.

CÓDIGO DO CARGO (17) AGENTE DE FISCALIZAÇÃO E ARRECADAÇÃO: Legislação Tributária. Tributos. Impostos Municipais. Taxas. Contribuição de Melhoria. Obrigação Tributária. Crédito Tributário. Administração Tributária.

CÓDIGO DO CARGO (18) FISCAL DE OBRAS E EDIFICAÇÕES: Normas gerais de obras e Postura Municipal: Legislação Tributária Municipal, Noções do estatuto da Cidade:; fato gerador da arrecadação e recolhimento de taxas; responsabilidade solidária; código de Obra e de Postura Municipal; infrações à legislação; recursos das decisões administrativas; dívida ativa: inscrição e execução judicial.

CÓDIGO DO CARGO (19) AGENTE ADMINISTRATIVO: Recepção de pessoas e mensagens: identificação, pretensões, orientações, encaminhamento aos setores e pessoas devidas. Registro de visitas e telefonemas para possibilitar o controle de entrada e saída de pessoas, veículos e materiais. Protocolo: recepção, classificação, registro e distribuição. Operações de equipamentos de comunicação: telefone, fax e seus registros. Mecanografia: impressoras, máquinas de xérox, scanners, mimeógrafo e seus registros. Arquivo. Almoxarifado. Noções gerais sobre: Relacionamento interpessoal; Sigilo e ética profissional. Código de defesa do consumidor. Estatuto do idoso. Conhecimentos sobre princípios básicos de informática. Microsoft Windows. CONHECIMENTOS GERAIS: Elementos da política brasileira e mundial. Cultura e sociedade: música, literatura, artes, arquitetura, rádio, cinema, teatro, jornais, revistas e televisão. Descobertas e inovações científicas na atualidade e seus impactos na sociedade contemporânea. Meio ambiente e cidadania: problemas, políticas públicas, aspectos locais e aspectos globais. Panorama internacional contemporâneo. Panorama da economia nacional. O cotidiano brasileiro. NOÇÕES DE INFORMÁTICA: Introdução à microinformática: Conceitos básicos relacionados a hardware, software, operação de microcomputadores e seus periféricos (monitor, teclado, mouse, impressora, discos rígidos, cd­rom, pen driver, scanner). Conceitos básicos relacionados ao ambiente Windows e suas funcionalidades: ícones, atalhos de teclado, janelas, arquivos, pastas, programas, aplicativos Word, Excel e Power Point. Conceitos básicos de Internet e Intranet e utilização de navegadores: browsers, correio eletrônico, sites de busca e pesquisa, grupos de discussão procedimentos e ferramentas de segurança aplicáveis a redes e na internet . Conceitos básicos de tarefas e procedimentos de informática: armazenamento de dados e realização de cópia de segurança (backup), organização e gerenciamento de arquivos, pastas e programas, proteção de equipamentos e de sistemas de informática.

CONTEÚDO COMUM PARA OS CARGOS EM QUE E EXIGIDO CONHECIMENTOS DE NÍVEL SUPERIOR

PORTUGUÊS

Funções da linguagem; Denotação e conotação; Leitura e interpretação textual; Semântica: Sinonímia, paronímia, antonímia e homonímia; Sistema ortográfico : grafia de palavras, acentuação gráfica, divisão silábica, emprego de maiúscula e minúscula; Morfologia : classe e flexão de Palavras; Concordância: nominal e verbal; Regência dos principais verbos; Crase; Análise sintática; Pontuação; Emprego de Pronomes de Tratamento; Erros mais generalizados.

CÓDIGO DO CARGO (1) MÉDICO CLINICO GERAL - 40 hs (Contrato por prazo determinado): Conhecimento da legislação que regulamenta a profissão; Conhecimento da Ética profissional; Diabetes Mellitus; Hipertensão Arterial; Doença Pulmonar; Obstrutiva Crônica; Cardiopatias; Valvupatias; Tuberculose; Doenças Sexualmente Transmissíveis; Hansen íase; Hepatite; Malária; Leishmaniose; Raiva; Febre Tifóide; Tétano; Artrite Reumatóide; Lupus Eritematoso Sistêmico; Osteoporose; Insuficiência Renal aguda; Insuficiência Renal crônica; Patologias da Tireóide; Pneumopatias; Ações preventivas junto à comunidade; O papel do profissional inserido na equipe de saúde familiar; A importância do agente comunitário de saúde na otimização da consulta médica; Prevenção de acidentes no trabalho e prevenção de infecção hospitalar; Prevenção de doenças tropicais. Conhecimentos sobre Legislações de Saúde Pública. Realizar consultas clinicas aos usuários da sua área adstrita; Executar as ações de assistência integral em todas as fases do ciclo de vida: criança, adolescente, mulher, adulto e idoso; Realizar consultas e procedimentos na Unidade de Saúde da Família e, quando necessário, no domicílio; Realizar as atividades clínicas correspondentes ás áreas prioritárias na intervenção na atenção Básica, definidas na Norma Operacional da Assistência à Saúde - NOAS 2001; Aliar a atuação clínica à prática da saúde coletiva; Fomentar a criação de grupos de patologias especificas, como de hipertensos, de diabéticos, de saúde mental, etc; Realizar o pronto atendimento médico nas urgências e emergências; Encaminhar aos serviços de maior complexidade, quando necessário, garantindo a continuidade do tratamento na USF, por meio de um sistema de acompanhamento e referência e contra-referência; Realizar pequenas cirurgias ambulatórias; Indicar internação hospitalar; Solicitar exames complementares; Verificar e atestar óbito. Conhecer a realidade das famílias pelas quais são responsáveis com ênfase nas suas características sociais, econômicas, culturais, demográficas e epidemiológicas; Identificar os problemas de saúde e situações de risco mais comuns aos quais aquela população está exposta; Elaborar, com a participação da comunidade, um plano local para o enfrentamento dos problemas de saúde e fatores que colocam em risco a saúde; Valorizar a relação com o usuário e com a família, para a criação de vínculo de confiança, de afeto, de respeito; Realizar visitas domiciliares de acordo com o planejamento; Resolver os problemas de saúde do nível de atenção básica; Garantir acesso à continuidade do tratamento dentro de um sistema de referência e contra-refência para os casos de maior complexidade ou que necessitem de internação hospitalar; Prestar assistência integral à população adscrita, respondendo à demanda de forma contínua e racionalista; Coordenar, participar de e/ou organizar grupos de educação para a saúde; Auxiliar na implantação do cartão Nacional de Saúde. Executar tarefas afins e de interesse da municipalidade. Política integral de atenção às urgências. Regulação médica das urgências Manejo do grande queimado. Suporte básico de vida. Suporte avançado de vida. Atendimento pré-hospitalar móvel às urgências psiquiátricas. Transporte neonatal. Urgências clínicas.Técnicas de imobilização e remoção para transporte de paciente politraumatizado. Cuidados gerais com o paciente em medicina interna. Doenças cardiovasculares: hipertensão arterial, cardiopatia isquêmica, insuficiência cardíaca, miocardiopatias e valvulopatias, arritmias. Tratamento trombolítico no pré-hospitalar móvel para o infarto agudo do miocárdio,. Doenças pulmonares. Doenças gastrointestinais e hepáticas. Doenças renais. Doenças endócrinas. Doenças reumáticas. Doenças infecciosas e terapia antibiótica. Distúrbios hidroeletrolíticos e acidobásicas. Exames complementares invasivos e não invasivos na prática clínica diária. Emergências Clínicas. Sistemas de Registro. Doenças de Notificação Compulsória: prevenção diagnóstico e tratamento. Biossegurança. Protocolo de morte encefálica( Resolução do CFM 1480/1997). Ética Médica. Lei do Exercício Profissional. Atestado Médico e Declaração de Óbito.

CODIGO DO CARGO (2) FARMACÊUTICO/BIOQUÍMICO - 40 hs (Contrato por prazo determinado): Conhecimento da legislação Farmacêutica; Conhecimento da legislação sobre o exercício da profissão farmacêutica; Conhecimento da Ética Profissional; Conhecimento da legislação sobre instalação e funcionamento de estabelecimentos farmacêuticos e indústrias farmacêuticas; Conhecimento da legislação sobre especialidades farmacêuticas e produtos oficinais; Conhecimento da legislação sobre entorpecentes; Farmacotécnica: Conceito das principais formas e operações farmacêuticas; Preparação de fórmulas oficinais incluídas na Farmacopéia Brasileira; Preparação de fórmulas magistrais; Ensaios de preparações oficinais incluídas na Farmacopéia Brasileira; Farmacotécnica industrial de comprimidos e drogas; Farmacotécnica industrial de injetáveis; Identificação macroscópica das principais drogas vegetais de uso corrente; Avaliação química das principais drogas vegetais contendo princípios alcalóidicos; Laboratório Clínico: Morfologia - Tipos morfológicos fundamentais das bactérias; Principais modalidades de agrupamentos; Métodos de coloração - Gram Ziehl e Neisser; Preparação de lâminas coradas; Exame e recolhimento dos tipos morfológicos; Verificação da motilidade; Exame em gota pendente; Meios de Cultura: Principais meios de cultura: orgânicos, sintéticos, seletivos e diferenciais; Elementos que entram na composição dos meios básicos; Técnica geral de preparo dos meios de cultura; Determinação e ajuste de pH, filtração, clarificação e distribuição; Esterilização: Principais métodos de esterilização e suas aplicações particulares; emprego do calor úmido - autoclave, fervura, calor fluente, pasteurização e tindalização; Emprego do calor seco, flambagem, forno de Pasteur; Filtrações; Técnica bacteriológica geral: Semeaduras em vários meios; Reciclagem; Isolamento de colônias; Reações de fixação do complemento: Reação de Wassermann; Elementos de Wassermann; Antígenos, soro, complemento, sistema hemolítico; Técnica geral da reação; Generalidades sobre outras reações de fixação de complemento; Exames de material suspeito de Tuberculose e Hanseníase: Exame direto de escarro, suco gástrico e muco nasal; Exame após homogenização e concentração, cultura e inoculação em cobaia; Bioquímica: Exame de urina: Caracteres normais; exames químicos e microscópicos do sedimento; Determinação de cloretos Determinação de uréia; Determinação de fosfato, de ácido úrico; Exame de sangue: determinação de glicose, determinação de uréia, determinação de cloretos, índice glóbulo-plasmático, determinação de cálcio, determinação de ferro (hemoglobina), determinação de reserva alcalina. Conhecimentos sobre Legislações de Saúde Pública. Preparo de soluções. Conceitos: molaridade, normalidade. Padronização de técnicas e controle de qualidade em laboratório clínico. Microbiologia - técnicas de esterilização, coleta, transporte e processamento de amostras para exames microbiológicos. Métodos de coloração utilizados em microbiologia. Características morfotintoriais das bactérias. Diagnóstico de estafilococos, estreptococos, enterobactérias, bacilos gram negativos não fermentadores. Neisseria, Haemophilus. Hemocultura, Coprocultura, exame microbiológico do líquor, e testes de sensibilidade aos antimicrobianos. Parasitologia - Ciclo vital dos principais parasitos de importância para o homem. Métodos para diagnóstico de protozoários intestinais, helmintos intestinais e parasitos do sangue e tecidos. Hematologia - Realização e interpretação do hemograma. Alterações da série eritroide. Principais anemias. Hemoglobinopatias mais freqüentes. Aspectos hematológicos nas infecções bacteriana e viral. Leucemias. Testes diagnósticos da coagulação plasmática. Bioquímica - Valores de referência. Testes para avaliar a função renal, função hepática, função endócrina, dislipidemias e diagnóstico de infarto agudo do miocárdio. Equilíbrio hídrico, eletrolítico e ácido-básico. Gasometria. Hormônios: tireóideos e hormônios sexuais. Dosagens sanguíneas e urinárias de carboidratos, lipídeos (lipoproteínas) e proteínas (enzimas) de interesse clínico. Gestão em laboratório clínico e legislação pertinente.

CODIGO DO CARGO (3) ENFERMEIRO - 40 hs (Contrato por prazo determinado):

Conhecimento da Ética Profissional; Conhecimento da legislação sobre o exercício da profissão; Conceito; histórico; Entidade de Classe; Equipe de Enfermagem; Unidade de Enfermagem ou de internação; Cuidado higiênico com o paciente; medida de conforto e segurança do paciente; Controle: temperatura; pulso; respiração; pressão arterial; Técnicas assépticas; noções de Farmacologia; Conduta e assistência imediata em casos de asfixia, hemorragia, vômito, fratura, lipotimia, convulsão, isolação, corpo estranho, picada de insetos e envenenamentos; Administração de medicamentos por via oral e parenteral; Aspiração, oxigenoterapia, nebulização, drenagens, gavagem; Identificação das variáveis; motivos e ações de Enfermagem; Vigilância epidemiológica; Coeficientes de mortalidade e natalidade; Cobertura vacinal; esquema de vacinação (bloqueio); Saúde da mulher; prevenção do câncer; pré-natal; puerpério; Prevenção e tratamento da Tuberculose, Hanseníase, Obesidade, Dengue e Malária; Prevenção das doenças crônicas degenerativas (hipertensão, diabete, etc.); Prevenção de doenças tropicais; Legislação do SUS (Lei 8.080/90 Saúde do idoso, saúde do adolescente, doenças prevalentes na infância). Legislações Pertinentes. Realizar cuidados diretos de enfermagem nas urgências e emergências clínicas, fazendo a indicação para a continuidade da assistência prestada; Realizar consulta de enfermagem, solicitar exames complementares, prescrever/transcrever medicações, conforme protocolos estabelecidos nos Programas do Ministério da Saúde e as Disposições legais da profissão; Planejar, gerenciar, coordenar, executar e avaliar a USF; Executar as ações de assistência integral em todas as fases do ciclo de vida: criança, adolescente, mulher, adulto, e idoso; No nível de suas competência, executar assistência básica e ações de vigilância epidemiológica e sanitária; Realizar ações de saúde em diferentes ambientes, na USF e, quando necessário, no domicílio; Realizar as atividades corretamente às áreas prioritárias de intervenção na Atenção Básica, definidas na Norma Operacional da Assistência à Saúde - NOAS 2001; Aliar a atuação clínica à prática da saúde coletiva; Organizar e coordenar a criação de grupos de patologias específicas, como de hipertensos, de diabéticos, de saúde mental, etc; Supervisionar e coordenar ações para capacitação dos Agentes Comunitário de Saúde e de auxiliares de enfermagem, com vistas ao desempenho de sua funções. Conhecer a realidade das famílias pelas quais são responsáveis com ênfase nas suas características sociais, econômicas, culturais, demográficas e epidemiológicas; Identificar os problemas de saúde e situações de risco mais comuns aos quais aquela população está exposta; Elaborar, com a participação da comunidade, um plano local para o enfrentamento dos problemas de saúde e fatores que colocam em risco a saúde; Valorizar a relação com o usuário e com a família, para a criação de vínculo de confiança, de afeto, de respeito; Realizar visitas domiciliares de acordo com o planejamento; Resolver os problemas de saúde do nível de atenção básica; Garantir acesso à continuidade do tratamento dentro de um sistema de referência e contra-refência para os casos de maior complexidade ou que necessitem de internação hospitalar; Prestar assistência integral à população adscrita, respondendo à demanda de forma contínua e racionalista; Coordenar, participar de e/ou organizar grupos de educação para a saúde; Auxiliar na implantação do cartão Nacional de Saúde. Executar tarefas afins e de interesse da municipalidade. Fundamentos de Enfermagem; Ética Profissional; Enfermagem Médica-Cirúrgica; Enfermagem Materno-Infantil; Enfermagem no Programa de Assistência ao Adulto: Idoso, Programa de controle de hipertensão arterial sistêmica(Secretaria de Estado da Saúde); Enfermagem de Saúde Pública; Aspectos do trabalho de enfermagem na saúde coletiva: Programa saúde da Família, Assistência de enfermidade no domicílio, Participação popular, Trabalho com grupos educativos, Trabalho em equipes, Diretrizes básicas do Sistema Único de Saúde (SUS); Administração Aplicada à Enfermagem: Administração aplicada em Unidades da Rede Básica de Saúde; Epidemiologia: Coeficiente e indicadores de saúde mais utilizados pela saúde pública; Saneamento Básico.

CÓDIGO DO CARGO (4) FISIOTERAPEUTA - Fisioterapeuta - 40 hs

Conhecimento da legislação que regulamenta a profissão; Conhecimento da Ética Profissional; Anatomia do Sistema Neuro músculo esquelético, cardiovascular; respiratório; Física aplicada à fisioterapia: mecânica, calor, eletricidade, vibrações de ondas, luz, água; Biofísica aplicada à fisioterapia: ação de agentes físicos sobre o organismo; aplicação dos conhecimentos básicos de biofísica em cinesioterapia, termoterapia, eletroterapia, hidroterapia e fitoterapia; Fisioplogia aplicada à fisioterapia: Neuoro-fisiologia; fisiologia do exercício físico; Cinesteologia aplicada à fisioterapia: princípios gerais da biomecânica; análises dos movimentos articulados; Fisioterapia geral: Eletroterapia, fitoterapia, termoterapia, hidroterapia, medroterapia, cinesioterapia; Recursos e técnica de utilização; Órtese, prótese e aparelhagem de auxílio, primeiros socorros, conceitos, tipos, técnicas de treinamentos; Ações preventivas junto à comunidade; o papel do profissional inserido na equipe de saúde familiar; Importância do agente comunitário de saúde na otimização da consulta médica; As várias formas de massagens; rítmicos conceitos e objetivos; Distúrbios ortopédicos tais como fraturas e afecções articulares; Distúrbios circulatórios e do coração tais como baixa ou alta pressão; Avanços no tratamento da Hérnia de disco lombar. Conhecimentos sobre Legislações de Saúde Pública. Anatomia muscular; Anatomia óssea; Artropatias Degenerativas e Inflamatórias; Doenças dos Vasos Sanguíneos e Linfáticos, Úlceras e Tecido Acatricial; Doenças e Distúrbios dos ossos e articulações; Efeitos Fisiológicos da massagem; Encargos Sociais; Fisioterapia Cardiorespiratória; Fisioterapia Pré e Pós Operatórios; Fraturas; Lesões dos Tecidos Moles; Luxações; Massagem relaxante; Nervos; Neurologia (Geral); Reeducação Postural Global; Tendões; Reabilitação de pacientes crônicos; Sistema único de Saúde.

CODIGO DO CARGO (4/1) FISIOTERAPEUTA - 40 hs (Contrato por prazo determinado) Conhecimento da legislação que regulamenta a profissão; Conhecimento da Ética Profissional; Anatomia do Sistema Neuro músculo esquelético, cardiovascular; respiratório; Física aplicada à fisioterapia: mecânica, calor, eletricidade, vibrações de ondas, luz, água; Biofísica aplicada à fisioterapia: ação de agentes físicos sobre o organismo; aplicação dos conhecimentos básicos de biofísica em cinesioterapia, termoterapia, eletroterapia, hidroterapia e fitoterapia; Fisioplogia aplicada à fisioterapia: Neuoro-fisiologia; fisiologia do exercício físico; Cinesteologia aplicada à fisioterapia: princípios gerais da biomecânica; análises dos movimentos articulados; Fisioterapia geral: Eletroterapia, fitoterapia, termoterapia, hidroterapia, medroterapia, cinesioterapia; Recursos e técnica de utilização; Órtese, prótese e aparelhagem de auxílio, primeiros socorros, conceitos, tipos, técnicas de treinamentos; Ações preventivas junto à comunidade; o papel do profissional inserido na equipe de saúde familiar; Importância do agente comunitário de saúde na otimização da consulta médica; As várias formas de massagens; rítmicos conceitos e objetivos; Distúrbios ortopédicos tais como fraturas e afecções articulares; Distúrbios circulatórios e do coração tais como baixa ou alta pressão; Avanços no tratamento da Hérnia de disco lombar. Conhecimentos sobre Legislações de Saúde Pública. Anatomia muscular; Anatomia óssea; Artropatias Degenerativas e Inflamatórias; Doenças dos Vasos Sanguíneos e Linfáticos, Úlceras e Tecido Acatricial; Doenças e Distúrbios dos ossos e articulações; Efeitos Fisiológicos da massagem; Encargos Sociais; Fisioterapia Cardiorespiratória; Fisioterapia Pré e Pós Operatórios; Fraturas; Lesões dos Tecidos Moles; Luxações; Massagem relaxante; Nervos; Neurologia (Geral); Reeducação Postural Global; Tendões; Reabilitação de pacientes crônicos; Sistema único de Saúde.

CODIGO DO CARGO (5) FONOALDIÓLOGO - 40 hs

Prestar assistência de fonoaudiologia. Fazer inspeções de saúde em candidatos a cargos públicos e em servidores municipais e na População determinada pelo Sistema de Saúde do Município de Paranaita. Atender consultas de fonoaudiologia em ambulatórios, hospitais, unidades sanitárias e efetuar exames médicos em escolares e pré-escolares. Examinar servidores públicos municipais para fins de controle do ingresso, licença e aposentadoria. Preencher e assinar laudos de exames e verificação; Fazer diagnósticos em diversas patologias fonoaudiológicas (dislalia, dislexia, disortografia, disfonia, problemas psicomotores, atraso de linguagem, disartria e afasia) e recomendar a terapêutica indicada para cada caso; Prescrever exames laboratoriais. Atender a população de um modo geral, diagnosticando enfermidades, medicando-os ou encaminhando-os, em casos especiais, a setores especializados. Atender emergências e prestar socorros; Elaborar relatórios; Elaborar e emitir laudos médicos; Anotar em ficha apropriada os resultados obtidos; Ministrar cursos de primeiros socorros; Supervisionar em atividades de planejamento ou execução, referente à sua área de atuação; Preparar relatórios das atividades relativas ao emprego; Executar outras tarefas compatíveis com as previstas no cargo, particularidades do Município ou designações superiores. Desenvolvimento global da criança: Desenvolvimento intra-uterino. Desenvolvimento psicomotor. Fatores que interferem no desenvolvimento infantil. Motricidade Oral: Anatomia e fisiologia do sistema estomatognático: respiração, mastigação, deglutição e fala. Desenvolvimento das funções estomatognáticas. Alterações fonoaudiológicas. Avaliação, diagnóstico, prognóstico e tratamento fonoaud iológico. Linguagem: Anatomofisiologia da linguagem. Aquisição e desenvolvimento. Lingüística: Fonética e fonologia da Língua Portuguesa aplicadas a fonoaudiologia: Alterações fonoaudiológicas: Conceituação, classificação e etiologia. Avaliação e tratamento fonoaudiológico. Voz: Anatomia e fisiologia da laringe. Patologia laríngea: Conceituação, classificação e etiologia. Avaliação, diagnóstico e tratamento fonoaudiológico. Audiologia: Anatomia e fisiologia da audição. Noções de psicoacústica. Audiologia clínica: Avaliação, diagnósticos, prognóstico. Treinamento auditivo. Atuação da Fonoaudiologia: Saúde Pública: Prevenção e intervenção precoce. Normas do Código de Ética do Fonoaudiólogo. Fonoaudiologia na terceira idade. Fonoaudiologia nas instituições: Escola e hospital. A Fonoaudiologia na relação multidisciplinar: interpretação de laudos em áreas afins.

CODIGO DO CARGO (6) ODONTÓLOGO - 40 hs (Contrato por prazo determinado)

Exame de cavidade bucal; etiopatogenia da cárie dental; semiologia e tratamento da cárie dental; Preparos cavitários; materiais forradores e restauradores; cirurgia menor em odontologia; farmacologia odontológica de interesse clínico; Odontologia preventiva: Epidemiologia e prevenção da cárie dentária; Epidemiologia e prevenção da doença periodontal; níveis de prevenção e aplicação; sistema incremental; Doenças infecto-contagiosas de interesse odontológico; Urgência em odontologia;Conhecimento e prevenção de acidentes e infecção no trabalho; Bases farmacológicas para prática clínica. Uso clínico dos antimicrobianos. Pacientes que requerem cuidados especiais. Conhecimentos sobre Legislações de Saúde Pública. Realizar levantamento epidemiológico para traçar o perfil de saúde bucal da população adscrita; Realizar os procedimentos clínicos definidos na Norma Operacional Básica do Sistema Único de Saúde - NOB/SUS 96 - e na Norma Operacional Básica da Assistência à Saúde (NOAS); Realizar o tratamento integral, no âmbito da atenção básica para a população adscrita; Encaminhar e orientar os usuários que apresentam problema complexos a outros níveis de assistência, assegurando seu acompanhamento; Realizar atendimentos de primeiros cuidados nas urgências; Realizar pequenas cirurgias ambulatóriais; Prescrever medicamentos e outras orientações na conformidade dos diagnósticos efetuados; Emitir laudos, pareceres e atestados sobre assuntos de sua competência; Executar as ações de assistência integral, aliado a atuação clínica à saúde coletiva, assistindo as famílias, indivíduos ou grupo específicos, de acordo com planejamento local; Coordenar ações coletivas voltadas para promoção e prevenção em saúde bucal; Programar e supervisionar o fornecimento de insumos para as ações coletivas; Capacitar as equipes de saúde da família no que se refere às ações educativas e preventivas em saúde bucal; Supervisionar o trabalho desenvolvido pelo THD e o ACD. Conhecer a realidade das famílias pelas quais são responsáveis com ênfase nas suas características sociais, econômicas, culturais, demográficas e epidemiológicas; Identificar os problemas de saúde e situações de risco mais comuns aos quais aquela população está exposta; Elaborar, com a participação da comunidade, um plano local para o enfrentamento dos problemas de saúde e fatores que colocam em risco a saúde; Valorizar a relação com o usuário e com a família, para a criação de vínculo de confiança, de afeto, de respeito; Realizar visitas domiciliares de acordo com o planejamento; Resolver os problemas de saúde do nível de atenção básica; Garantir acesso à continuidade do tratamento dentro de um sistema de referência e contra-refência para os casos de maior complexidade ou que necessitem de internação hospitalar; Prestar assistência integral à população adscrita, respondendo à demanda de forma contínua e racionalista; Coordenar, participar de e/ou organizar grupos de educação para a saúde; Auxiliar na implantação do cartão Nacional de Saúde. Executar tarefas afins e de interesse da municipalidade.

CODIGO DO CARGO (7) PSICÓLOGO - 40 hs:

As inter-relações familiares: orientação psicológica da família - A criança e a separação dos pais; o psicólogo e a criança, vítima de maus tratos; menor e a conduta anti-social; noções básicas de psicanálise; o poder público e o menor; a equipe multidisciplinar na vara de menores e de família o psicólogo nessa equipe; psicologia geral - sensação e percepção; processo psicodiagnóstico - anamnese, testes de personalidades, de nível mental, entrevista de coleta de dados e coletiva; Psicologia do comportamento: Reforçamento negativo; Reforçamento positivo; Punição; Emparelhamento de estímulos; Distúrbios de comportamento; Esquiva; Depressão: tratamento; o que é? De onde vem? Síndrome do pânico; Psicoterapia; Estresse principais sintomas; conceito; Psicoterapia individual ou em grupo, de casal e família; crianças e adolescentes; Noções de Relacionamentos Interpessoais: Regras de comportamento no ambiente de trabalho; Regras de hierarquias no serviço público; Regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo, colegas de trabalho e zelo pelo patrimônio público; Política de saúde mental, o papel do profissional inserida na saúde da família. Conhecimento sobre SUAS, NOB, Cadastramento Único, Programa Bolsa Família. Conhecimentos sobre Legislações de saúde pública Desenvolver programas de ajustamento psico-social no contexto organizacional. Traçar perfil psicológico. Desenvolver métodos e técnicas de psicologia organizacional. Coordenar e orientar os trabalhos de levantamento de dados científicos relativos ao comportamento humano e ao mecanismo psíquico. Colaborar com médicos, assistentes sociais e outros profissionais, na ajuda aos inadaptados. Realizar entrevistas complementares. Propor soluções convenientes para os problemas de desajuste escolar, profissional e social. Colaborar no planejamento de programas de educação, inclusive a sanitária e na avaliação de seus resultados. Atender a portadores de deficiência mental e sensorial ou portadores de desajuste familiar ou escolar, encaminhando-os à escolas ou classes especiais. Emitir pareceres sobre matéria de sua especialidade. Orientar, coordenar e supervisionar trabalhos a serem desenvolvidos por auxiliares. Desenvolver, aplicar e manter atualizados programas nas áreas de treinamento, recrutamento e seleção de pessoal e de avaliação de desempenho. Executar outras atividades compatíveis com as especificadas e com sua especialidade, que venham a ser solicitadas por seus superiores. A Psicologia e a Saúde: o papel do psicólogo na equipe multidisciplinar; concepções de saúde e doença. Psicologia Hospitalar: teoria e prática; intervenções do psicólogo nos programas ambulatoriais do Hospital Geral. Saúde Mental: conceito de normal e patológico; contribuições da psiquiatria, psicologia e psicanálise. Psicopatologia: produção de sintomas, aspectos estruturais e dinâmicos das neuroses e perversões na clínica com crianças, adolescentes e adultos. Psicodiagnóstico: a função do diagnóstico, instrumentos disponíveis e suas aplicabilidades (entrevistas, testes), diagnóstico diferencial. Modalidades de tratamento com crianças, adolescentes e adultos: intervenções individuais e grupais; critérios de indicação; psicoterapia de grupo, grupos operativos, psicoterapia individual, atendimento à família. Abordagem psicanalítica do tratamento individual e grupal. Políticas de Saúde(SUS) e propostas para a Saúde Mental. Ética Profissional.

CODIGO DO CARGO (7/1) PSICÓLOGO - 40 hs (Contrato por prazo determinado):

As inter-relações familiares: orientação psicológica da família - A criança e a separação dos pais; o psicólogo e a criança, vítima de maus tratos; menor e a conduta anti-social; noções básicas de psicanálise; o poder público e o menor; a equipe multidisciplinar na vara de menores e de família o psicólogo nessa equipe; psicologia geral - sensação e percepção; processo psicodiagnóstico - anamnese, testes de personalidades, de nível mental, entrevista de coleta de dados e coletiva; Psicologia do comportamento: Reforçamento negativo; Reforçamento positivo; Punição; Emparelhamento de estímulos; Distúrbios de comportamento; Esquiva; Depressão: tratamento; o que é? De onde vem? Síndrome do pânico; Psicoterapia; Estresse principais sintomas; A Psicologia e a Saúde: o papel do psicólogo na equipe multidisciplinar; concepções de saúde e doença. Psicologia Hospitalar: teoria e prática; intervenções do psicólogo nos programas ambulatoriais do Hospital Geral. Saúde Mental: conceito de normal e patológico; contribuições da psiquiatria, psicologia e psicanálise. Psicopatologia: produção de sintomas, aspectos estruturais e dinâmicos das neuroses e perversões na clínica com crianças, adolescentes e adultos. Psicodiagnóstico: a função do diagnóstico, instrumentos disponíveis e suas aplicabilidades (entrevistas, testes), diagnóstico diferencial. Modalidades de tratamento com crianças, adolescentes e adultos: intervenções individuais e grupais; critérios de indicação; psicoterapia de grupo, grupos operativos, psicoterapia individual, atendimento à família. Abordagem psicanalítica do tratamento individual e grupal. Políticas de Saúde(SUS) e propostas para a Saúde Mental. Ética Profissional. Conceito; Psicoterapia individual ou em grupo, de casal e família; crianças e adolescentes; Noções de Relacionamentos Interpessoais: Regras de comportamento no ambiente de trabalho; Regras de hierarquias no serviço público; Regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo, colegas de trabalho e zelo pelo patrimônio público; Política de saúde mental, o papel do profissional inserida na saúde da família. Conhecimento sobre SUAS, NOB, Cadastramento Único, Programa Bolsa Família. Conhecimentos sobre Legislações de saúde pública Desenvolver programas de ajustamento psico-social no contexto organizacional. Traçar perfil psicológico. Desenvolver métodos e técnicas de psicologia organizacional. Coordenar e orientar os trabalhos de levantamento de dados científicos relativos ao comportamento humano e ao mecanismo psíquico. Colaborar com médicos, assistentes sociais e outros profissionais, na ajuda aos inadaptados. Realizar entrevistas complementares. Propor soluções convenientes para os problemas de desajuste escolar, profissional e social. Colaborar no planejamento de programas de educação, inclusive a sanitária e na avaliação de seus resultados. Atender a portadores de deficiência mental e sensorial ou portadores de desajuste familiar ou escolar, encaminhando-os à escolas ou classes especiais. Emitir pareceres sobre matéria de sua especialidade. Orientar, coordenar e supervisionar trabalhos a serem desenvolvidos por auxiliares. Desenvolver, aplicar e manter atualizados programas nas áreas de treinamento, recrutamento e seleção de pessoal e de avaliação de desempenho. Executar outras atividades compatíveis com as especificadas e com sua especialidade, que venham a ser solicitadas por seus superiores.

CODIGO DO CARGO (8) ASSISTENTE SOCIAL - 40 hs (Contrato por prazo determinado): Conhecimento sobre o exercício da profissão de Assistente Social; Conhecimento da Ética Profissional; Análise do processo de surgimento do Serviço Social no Brasil; As diferentes concepções do movimento de reconceituação do Serviço Social; O Serviço Social e a formulação de políticas públicas no Brasil; A questão da "assistência" como prática do Assistente Social; A atuação do Assistente Social nos movimentos populares; O planejamento e a administração como prática do Serviço Social; Serviço Social: prática de ajustamento ou transformação social; Conhecimento Conhecimento das normas assistencialistas para a gestante; Conhecimento das campanhas sanitárias; vacinações; programas; política e história da saúde pública e sua legislação; Regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo e colegas de trabalho; Conhecimento e zelo pelo patrimônio público; Noções das leis, códigos, decretos e portarias pertinentes à profissão. Conhecimento sobre SUAS, NOB, Cadastramento Único, Programa Bolsa Família, Estatuto do Idoso, ECA, LOAS. Conhecimentos sobre Legislações de Saúde Pública. Realizar ou orientar estudos e pesquisas no campo da assistência social; preparar programas de trabalho referentes ao Serviço Social; realizar e interpretar pesquisas sociais; orientar e coordenar os trabalhos nos casos de reabilitação profissional; encaminhar pacientes a dispensários e hospitais, acompanhando o tratamento e a recuperação dos mesmos a assistindo os familiares; planejar e promover inquéritos sobre a situação social de escolares e de suas famílias; fazer triagem dos casos apresentados para estudo ou encaminhamento; estudar os antecedentes da família, participar de estudo e diagnóstico dos casos e orientar os pais em grupo ou individualmente, sobre o tratamento adequado; supervisionar o Serviço Social através das agências; orientar nas seleções sócio-econômicos para a concessão de auxílios e ou amparo pelos serviços de assistência à velhice, a infância abandonada, a cegos etc.. Fazer levantamentos sócio-econômicos com vistas a planejamento habitacional nas comunidades. Executar outras atividades compatíveis com as especificadas, conforme a necessidade do Município.

CODIGO DO CARGO (8/1) ASSISTENTE SOCIAL - 40 hs (Contrato por prazo determinado): Conhecimento sobre o exercício da profissão de Assistente Social; Conhecimento da Ética Profissional; Análise do processo de surgimento do Serviço Social no Brasil; As diferentes concepções do movimento de reconceituação do Serviço Social; O Serviço Social e a formulação de políticas públicas no Brasil; A questão da "assistência" como prática do Assistente Social; A atuação do Assistente Social nos movimentos populares; O planejamento e a administração como prática do Serviço Social; Serviço Social: prática de ajustamento ou transformação social; Conhecimento Conhecimento das normas assistencialistas para a gestante; Conhecimento das campanhas sanitárias; vacinações; programas; política e história da saúde pública e sua legislação; Regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo e colegas de trabalho; Conhecimento e zelo pelo patrimônio público; Noções das leis, códigos, decretos e portarias pertinentes à profissão. Conhecimento sobre SUAS, NOB, Cadastramento Único, Programa Bolsa Família, Estatuto do Idoso, ECA, LOAS. Conhecimentos sobre Legislações de Saúde Pública. Realizar ou orientar estudos e pesquisas no campo da assistência social; preparar programas de trabalho referentes ao Serviço Social; realizar e interpretar pesquisas sociais; orientar e coordenar os trabalhos nos casos de reabilitação profissional; encaminhar pacientes a dispensários e hospitais, acompanhando o tratamento e a recuperação dos mesmos a assistindo os familiares; planejar e promover inquéritos sobre a situação social de escolares e de suas famílias; fazer triagem dos casos apresentados para estudo ou encaminhamento; estudar os antecedentes da família, participar de estudo e diagnóstico dos casos e orientar os pais em grupo ou individualmente, sobre o tratamento adequado; supervisionar o Serviço Social através das agências; orientar nas seleções sócio-econômicos para a concessão de auxílios e ou amparo pelos serviços de assistência à velhice, a infância abandonada, a cegos etc.. Fazer levantamentos sócio-econômicos com vistas a planejamento habitacional nas comunidades. Executar outras atividades compatíveis com as especificadas, conforme a necessidade do Município.

CODIGO DO CARGO (9) MÉDICO CLINICO GERAL - 20 hs:

Conhecimento da legislação que regulamenta a profissão; Conhecimento da Ética profissional; Diabetes Mellitus; Hipertensão Arterial; Doença Pulmonar; Obstrutiva Crônica; Cardiopatias; Valvupatias; Tuberculose; Doenças Sexualmente Transmissíveis; Hansen íase; Hepatite; Malária; Leishmaniose; Raiva; Febre Tifóide; Tétano; Artrite Reumatóide; Lupus Eritematoso Sistêmico; Osteoporose; Insuficiência Renal aguda; Insuficiência Renal crônica; Patologias da Tireóide; Pneumopatias; Ações preventivas junto à comunidade; O papel do profissional inserido na equipe de saúde familiar; A importância do agente comunitário de saúde na otimização da consulta médica; Prevenção de acidentes no trabalho e prevenção de infecção hospitalar; Prevenção de doenças tropicais. Conhecimentos sobre Legislações de Saúde Pública. Realizar consultas clinicas aos usuários da sua área adstrita; Executar as ações de assistência integral em todas as fases do ciclo de vida: criança, adolescente, mulher, adulto e idoso; Realizar consultas e procedimentos na Unidade de Saúde da Família e, quando necessário, no domicílio; Realizar as atividades clínicas correspondentes ás áreas prioritárias na intervenção na atenção Básica, definidas na Norma Operacional da Assistência à Saúde - NOAS 2001; Aliar a atuação clínica à prática da saúde coletiva; Fomentar a criação de grupos de patologias especificas, como de hipertensos, de diabéticos, de saúde mental, etc; Realizar o pronto atendimento médico nas urgências e emergências; Encaminhar aos serviços de maior complexidade, quando necessário, garantindo a continuidade do tratamento na USF, por meio de um sistema de acompanhamento e referência e contra-referência; Realizar pequenas cirurgias ambulatórias; Indicar internação hospitalar; Solicitar exames complementares; Verificar e atestar óbito. Conhecer a realidade das famílias pelas quais são responsáveis com ênfase nas suas características sociais, econômicas, culturais, demográficas e epidemiológicas; Identificar os problemas de saúde e situações de risco mais comuns aos quais aquela população está exposta; Elaborar, com a participação da comunidade, um plano local para o enfrentamento dos problemas de saúde e fatores que colocam em risco a saúde; Valorizar a relação com o usuário e com a família, para a criação de vínculo de confiança, de afeto, de respeito; Realizar visitas domiciliares de acordo com o planejamento; Resolver os problemas de saúde do nível de atenção básica; Garantir acesso à continuidade do tratamento dentro de um sistema de referência e contra-refência para os casos de maior complexidade ou que necessitem de internação hospitalar; Prestar assistência integral à população adscrita, respondendo à demanda de forma contínua e racionalista; Coordenar, participar de e/ou organizar grupos de educação para a saúde; Auxiliar na implantação do cartão Nacional de Saúde. Executar tarefas afins e de interesse da municipalidade. Política integral de atenção às urgências. Regulação médica das urgências Manejo do grande queimado. Suporte básico de vida. Suporte avançado de vida. Atendimento pré-hospitalar móvel às urgências psiquiátricas. Transporte neonatal. Urgências clínicas.Técnicas de imobilização e remoção para transporte de paciente politraumatizado. Cuidados gerais com o paciente em medicina interna. Doenças cardiovasculares: hipertensão arterial, cardiopatia isquêmica, insuficiência cardíaca, miocardiopatias e valvulopatias, arritmias. Tratamento trombolítico no pré-hospitalar móvel para o infarto agudo do miocárdio,. Doenças pulmonares. Doenças gastrointestinais e hepáticas. Doenças renais. Doenças endócrinas. Doenças reumáticas. Doenças infecciosas e terapia antibiótica. Distúrbios hidroeletrolíticos e acidobásicas. Exames complementares invasivos e não invasivos na prática clínica diária. Emergências Clínicas. Sistemas de Registro. Doenças de Notificação Compulsória: prevenção diagnóstico e tratamento. Biossegurança. Protocolo de morte encefálica( Resolução do CFM 1480/1997). Ética Médica. Lei do Exercício Profissional. Atestado Médico e Declaração de Óbito.

CODIGO DO CARGO (10) MÉDICO VETERINÁRIO: 20 hs:

Classificação e Identificação dos microorganismos; Esterilização e Desinfecção: por meios físicos e Químicos; Técnicas de Coleta de material para exame histopatológicos, microbiológicos e toxicológicos; Inspeção e Fiscalização de produtos de origem animal: legislação vigente; Interação agente-hospedeiro-ambiente: fonte de infecção; Terapêutica: uso de antimicrobianos - Benefício x Malefício; Doenças Bacterianas: Mamites, Brucelose, Tuberculose e Saúde Pública; Doenças Viróticas: Raiva, Febre Aftosa, e Anemia Infecciosa Eqüina; Doenças Parasitárias: Babesiose, Eimeriose e Leishimanioses; Produtos Trangênicos: Riscos e Benefícios; Doentologia Veterinária: Exercício Legal e Ilegal da Profissão; Medicina Veterinária Legal: Transporte de Animais exigências legais.

CODIGO DO CARGO (11) ENGENHEIRO AGRÔNOMO 40 hs:

Solos: Classificação do Solo, Física, Química e Biologia do Solo, Manejo e Conservação do Solo e da água, fertilidade do Solo. Fitotecnica: Planejamento, Implantação, Manejo e Colheita de Culturas, Melhoramento Genérico e Propagação de Plantas. Fitossanidade: Fitopatologia, Entomologia e Manejo de Plantas Concorrentes. Ecologia e Manejo Ambiental: Impactos, Manejo e Recuperação de Ecossistemas. Engenharia Rural : Irrigação e Drenagem.

CODIGO DO CARGO (12) GESTOR ADMINISTRATIVO FINANCEIRO 40 hs:

Análise Microeconômica: determinação das curvas de procura; curvas de indiferença; equilíbrio do consumidor; efeitos preço, renda e substituição; elasticidade da procura; fatores de produção; produtividade média e marginal; lei dos rendimentos decrescentes e Rendimentos de Escala; custos de produção no curto e longo prazo; custos totais, médios e marginais, fixos e variáveis; firma no curto e longo prazo; elasticidade da oferta. Estrutura de Mercado: concorrência perfeita, concorrência imperfeita, monopólio, oligopólio; dinâmica de determinação de preços e margem de lucro; padrão de concorrência; análise de competitividade; análise de indústrias e da concorrência; vantagens competitivas; cadeias e redes produtivas; competitividade e estratégia empresarial. Análise Macroeconômica: sistemas de contas nacionais; sistema de contas nacionais no Brasil; análise de determinação da renda - Macroeconomia Neoclássica: curva de oferta de produto e de demanda de trabalho, teoria quantitativa da moeda e o equilíbrio de pleno emprego. Modelo keynesiano simples, o modelo IS-LM e o modelo keynesiano completo; abordagem de expectativas racionais; determinantes do consumo e do investimento; análise de política monetária e fiscal em economias fechadas e abertas sob diferentes regimes cambiais; dinâmica econômica; funções da moeda; conceitos de oferta e demanda monetária; taxa de juros; Sistema Financeiro Nacional; instrumentos de política monetária; teorias da inflação. Crescimento Econômico: modelos de crescimento exógeno e endógeno; Economia Internacional: teoria do comércio. Internacional: vantagens comparativas, modelo Heckscher-Ohlin; comércio e desenvolvimento. Regimes Cambiais: fixo, flutuante e regimes intermediários. Balanço de Pagamentos: estrutura, saldos e formas de financiamento. Instrumentos de Política Comercial: tarifas, subsídios e cotas; globalização, blocos econômicos regionais e acordos multilateral e bilateral de comércio exterior; o Mercado de Capital Global. Organismos Internacionais: FMI, BIRD, BID, OMC. Economia do Setor Público: conceito de bem público; funções governamentais; conceitos gerais de tributação; tendências gerais da evolução do gasto público no mundo. Conceitos básicos da contabilidade fiscal: NFSP, conceitos nominal e operacional e resultado primário. "Curva de Laffer monetária" e o financiamento através de senhoriagem; noção de sustentabilidade do endividamento público; evolução do déficit e da dívida pública no Brasil a partir dos anos 80; Previdência Social; Sistema tributário; Federalismo; Privatização e regulação no Brasil. Economia Brasileira Evolução da economia brasileira e da política econômica desde o período do "milagre econômico". Reformas estruturais da década de 90. Economia brasileira no pós-Plano Real: concepções, principais problemas, conquistas e desafios. O ajuste de 1999. Desenvolvimento Econômico e Social: Transformações do papel do Estado nas sociedades contemporâneas e no Brasil; desigualdades socioeconômicas da população brasileira. Distribuição da renda: aspectos nacionais e internacionais; o papel das principais agências de fomento no Brasil (BNDES, Banco do Brasil, Caixa Econômica Federal, agências de fomento estaduais); Noções de Economia do Meio Ambiente. Orçamento na Constituição de 1988: Plano Plurianual; Lei de Diretrizes Orçamentárias; Lei Orçamentária Anual. Classificação das Receitas e Despesas Públicas segundo finalidade, natureza e agente. Orçamento Público: conceitos e princípios orçamentários; orçamento tradicional, orçamento de base zero, orçamento de desempenho, orçamento-programa. Avaliação da execução orçamentária. Equilíbrio orçamentário. Conceitos de déficit público. Administração Pública: Constituição da República - Títulos III, IV, VI e VII; princípios constitucionais relativos à administração pública; probidade administrativa; d iscricionariedade administrativa e atuações do Ministério Público e do Poder Judiciário; orçamento público; política fiscal; contratos e convênios; plano de contas. Contabilidade Pública: conceito, objetivo e regime; campo de aplicação; legislação básica (Lei nº 4.320, de 17 de março de 1964 e Decreto nº 93.872, de 23 de dezembro de 1986); receita e despesa pública; receitas e despesas orçamentárias e extra-orçamentárias: interferências passivas e mutações ativas; plano de contas da administração federal; sistemática dos eventos; Sistema Integrado de Administração Financeira do Governo Federal (SIAFI); balanços financeiros, patrimonial, orçamentário e demonstrativo das variações de acordo com a Lei nº 4.320, de 17 de março de 1964. Lei nº 8.666, de 21 de junho de 1993. Administração Geral: fundamentos e evolução da administração; abordagem sistêmica; estrutura e projeto organizacional; processo decisório; planejamento e estratégia; ética e responsabilidade; administração de operações e da qualidade; funções e habilidades do administrador; empreendedorismo; cultura e ambiente organizacional; mudança e inovação; controle de processos e gestão da qualidade; administração de projetos. Recursos Humanos: Liderança e poder; motivação; comunicação; clima organizacional; estilos de administração; recrutamento e seleção; treinamento e desenvolvimento; avaliação de desempenho; Lei nº 8.112, de 11 de dezembro 1990. Organização e Métodos: Análise organizacional; instrumentos de pesquisa; layout; análise de processos; distribuição do trabalho; fluxogramas; formulários; manuais; estruturas organizacionais e departamentalização; organogramas; sistemas de informação gerenciais; poder; gestão da qualidade; reengenharia; mudança organizacional; controle organizacional; planejamento e controle de projetos; projeto, desenvolvimento implantação e documentação de sistemas.

TODOS OS CANDIDATOS AO CARGO DE PROFESSOR DEVERÃO OBSERVAR

A Didática como prática educativa; Didática e democratização do ensino; Didática como teoria da instrução; O processo ensino-aprendizagem: objetivos, planejamento, métodos e avaliação: Abordagens de acordo com as tendências pedagógicas; Instrumentais para os processos escolares; O estudo científico da infância e adolescência, desenvolvimento físico, emocional, intelectual e social; O adolescente e a escola; O adolescente e o trabalho; Desenvolvimento moral e religioso; Violação das normas, delinqüência. Principais teorias da aprendizagem: inatismo, comportamentalismo, behaviorismo, interacionismo; Teorias cognitivas; As contribuições de Piaget, Vygotsky e Wallon para a Psicologia e Pedagogia, as bases empíricas, metodológicas e epistemológicas das diversas teorias de aprendizagem; A teoria das inteligências múltiplas de Gardner; A avaliação como progresso e como produto; Informática educativa.

CARGO CODIGO (39) - Professor Graduação - Lic. Plena em Letras - Para atuar na Escola Cristo Redentor Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Interpretação de texto; Fonética; Sílabas; Tonicidade; Divisão Silábica; Ortográfica; Acentuação gráfica; Estrutura das palavras (prefixos e sufixos); Formação das palavras (radicais gregos e latinos); Significado das palavras; Sinais de Pontuação; Crase; Colocação pronominal; Figuras de linguagem; Verbos; Concordância Verbal e nominal; Sintaxe - frase, oração Período composto por coordenação e subordinação; Literatura Gêneros literários. Evolução das escolas literárias; Classicismo; Arcadismo; Romantismo; Realismo; Parnasianismo; Simbolismo; .Barroco; O Modernismo no Brasil; Literatura Mato-Grossense; Literatura Contemporânea.

CARGO CODIGO (40) - Professor Graduação - Lic. Plena em Matemática - Para atuar na Escola Cristo Redentor Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Operações aritméticas fundamentais; Operações com números inteiros e fracionários; Conjuntos dos números naturais, reais, inteiros, racionais, Problemas envolvendo operações fundamentais; Sistema legal de medidas: comprimento, superfície, volume, tempo, velocidade; Razões e proporções: regra de três simples, percentagens. Razões e Proporções: regra de três simples e composta, percentagens; Juros simples e compostos; capitalização e descontos; Potenciação, Radiciação e Logaritmo; Seqüências numéricas: PA e PG; Geometria Plana: polígonos, perímetro, área, relações métricas nas figuras geométricas; Análise combinatória: combinação, arranjo e Permutação; Equação do 1° e do 2° Grau; Noções de Estatística: probabilidade, média, mediana, moda Conjuntos: fundamentos da teoria dos conjuntos, operações e problemas; Determinantes e Sistemas Lineares; Geometria Plana e Espacial; Trigonometria: funções trigonométricas; Geometria Euclidiana; Funções: grau, funções exponenciais e logarítmicas; Derivadas e Integrais.

CARGO CODIGO (41) - Professor Graduação - Lic. Plena em Educação Física - Para atuar na Escola Juscelino K. de Oliveira. Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Atividades na iniciação esportiva; Tipos de esportes; Atividades esportivas e recreativas; Jogos recreativos (ativos, passivos e moderados); sensoriais; motores; mímicos; pré-desportivos, recreativos desportivos; Componentes da psicomotricidade; Noções básicas sobre a prestação de primeiros socorros; Causas e tipos das lesões corporais mais comuns nos esportes; Hábitos higiênicos; Atividades posturais; Conhecimentos básicos de primeiros socorros; Qualidades físico-motoras básicas; Atividades adequadas ao corpo físico.

CARGO CODIGO (42) - Professor Graduação - Lic. Plena em Letras - Para atuar na Escola Maria Quitéria. Língua Portuguesa: Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Interpretação de texto; Fonética; Sílabas; Tonicidade; Divisão Silábica; Ortográfica; Acentuação gráfica; Estrutura das palavras (prefixos e sufixos); Formação das palavras (radicais gregos e latinos); Significado das palavras; Sinais de Pontuação; Crase; Colocação pronominal; Figuras de linguagem; Verbos; Concordância Verbal e nominal; Sintaxe - frase, oração Período composto por coordenação e subordinação; Literatura Gêneros literários. Evolução das escolas literárias; Classicismo; Arcadismo; Romantismo; Realismo; Parnasianismo; Simbolismo; .Barroco; O Modernismo no Brasil; Literatura Mato-Grossense; Literatura Contemporânea.

CARGO CODIGO (43) - Professor Graduação - Lic. Plena em Matemática - Para atuar na Escola Maria Quitéria Módulo 1: Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Operações aritméticas fundamentais; Operações com números inteiros e fracionários; Conjuntos dos números naturais, reais, inteiros, racionais, Problemas envolvendo operações fundamentais; Sistema legal de medidas: comprimento, superfície, volume, tempo, velocidade; Razões e proporções: regra de três simples, percentagens. Razões e Proporções: regra de três simples e composta, percentagens; Juros simples e compostos; capitalização e descontos; Potenciação, Radiciação e Logaritmo; Seqüências numéricas: PA e PG; Geometria Plana: polígonos, perímetro, área, relações métricas nas figuras geométricas; Análise combinatória: combinação, arranjo e Permutação; Equação do 1° e do 2° Grau; Noções de Estatística: probabilidade, média, mediana, moda Conjuntos: fundamentos da teoria dos conjuntos, operações e problemas; Determinantes e Sistemas Lineares; Geometria Plana e Espacial; Trigonometria: funções trigonométricas; Geometria Euclidiana; Funções: grau, funções exponenciais e logarítmicas; Derivadas e Integrais.

CARGO CODIGO (44) - Professor Graduação - Lic. Plena em Pedagogia - Para atuar na Escola Maria Tancredo de A. Neves. Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Compreensão acerca dos conceitos de sociedades, classes sociais, relações sociais, ideologias e suas implicações no processo educativo no mundo contemporâneo; Abordagem interdisciplinar e as ciências básicas que integram o currículo mínimo das séries iniciais do Ensino Fundamental; Fundamentos históricos e filosóficos da educação; Fundamentos sociológicos da educação; Fundamentos psicológicos da educação; Fundamentos biológicos da educação; Estrutura e funcionamento do Ensino Fundamental e Médio à luz da Lei n° 9.394/96 - LDB; Ética Profissional; Conhecim ento do Estatuto da Criança e do Adolescente; Conhecimento do Estatuto e do Plano de Cargos Carreiras e Vencimentos do Magistério Público de Cáceres - MT; Regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo e colegas de trabalho; Zelo pelo patrimônio público.Compreensão de sistemas e teorias da aprendizagem da psicologia e abordagem sócioconstrutivista no processo educativo; A questão do fracasso escolar: evasão e repetência; O currículo e a organização do processo pedagógico nas séries iniciais do Ensino Fundamental;

CARGO CODIGO (45) - Professor Graduação - Lic. Plena em Matemática - Para atuar na Escola Tancredo de A. Neves Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Operações aritméticas fundamentais; Operações com números inteiros e fracionários; Conjuntos dos números naturais, reais, inteiros, racionais, Problemas envolvendo operações fundamentais; Sistema legal de medidas: comprimento, superfície, volume, tempo, velocidade; Razões e proporções: regra de três simples, percentagens. Razões e Proporções: regra de três simples e composta, percentagens; Juros simples e compostos; capitalização e descontos; Potenciação, Radiciação e Logaritmo; Seqüências numéricas: PA e PG; Geometria Plana: polígonos, perímetro, área, relações métricas nas figuras geométricas; Análise combinatória: combinação, arranjo e Permutação; Equação do 1° e do 2° Grau; Noções de Estatística: probabilidade, média, mediana, moda Conjuntos: fundamentos da teoria dos conjuntos, operações e problemas; Determinantes e Sistemas Lineares; Geometria Plana e Espacial; Trigonometria: funções trigonométricas; Geometria Euclidiana; Funções: grau, funções exponenciais e logarítmicas; Derivadas e Integrais.

CARGO CODIGO (46) - Professor Graduação - Lic. Plena em Letras - Para atuar na Escola Tancredo de A. Neves. Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Interpretação de texto; Fonética; Sílabas; Tonicidade; Divisão Silábica; Ortográfica; Acentuação gráfica; Estrutura das palavras (prefixos e sufixos); Formação das palavras (radicais gregos e latinos); Significado das palavras; Sinais de Pontuação; Crase; Colocação pronominal; Figuras de linguagem; Verbos; Concordância Verbal e nominal; Sintaxe - frase, oração Período composto por coordenação e subordinação; Literatura Gêneros literários. Evolução das escolas literárias; Classicismo; Arcadismo; Romantismo; Realismo; Parnasianismo; Simbolismo; .Barroco; O Modernismo no Brasil; Literatura Mato-Grossense; Literatura Contemporânea.

CARGO CODIGO (47) - Professor - Lic. Plena em Pedagogia na Educação Infantil - Para atuar na Creche Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Compreensão acerca dos conceitos de sociedades, classes sociais, relações sociais, ideologias e suas implicações no processo educativo no mundo contemporâneo; Compreensão de sistemas e teorias da aprendizagem da psicologia e abordagem sócioconstrutivista no processo educativo; A questão do fracasso escolar: evasão e repetência; O currículo e a organização do processo pedagógico nas séries iniciais do Ensino Fundamental; Abordagem interdisciplinar e as ciências básicas que integram o currículo mínimo das séries iniciais do Ensino Fundamental; Fundamentos históricos e filosóficos da educação; Fundamentos sociológicos da educação; Fundamentos psicológicos da educação; 9. Fundamentos biológicos da educação; Estrutura e funcionamento do Ensino Fundamental e Médio à luz da Lei n° 9.394/96 - LDB; Ética Profissi onal; Conhecimento do Estatuto da Criança e do Adolescente; Conhecimento do Estatuto e do Plano de Cargos Carreiras e Vencimentos do Magistério Público de Cáceres - MT; Regras básicas de comportamento profissional para o trato diário com o público interno e externo e colegas de trabalho; Zelo pelo patrimônio público. Alfabetização e Letramento - Uma proposta em Construção. LDBEN/9394/96 - Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional. Parâmetros Curriculares Nacionais - PCN's . s atuais, relevantes

CARGO CODIGO (48) - Professor Graduação - Lic. Plena em Educação Física - Para atuar em diversos projetos a disposição da Secretaria de Educação. Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Atividades na iniciação esportiva; Tipos de esportes; Atividades esportivas e recreativas; Jogos recreativos (ativos, passivos e moderados); sensoriais; motores; mímicos; pré-desportivos, recreativos desportivos; Componentes da psicomotricidade; Noções básicas sobre a prestação de primeiros socorros; Causas e tipos das lesões corporais mais comuns nos esportes; Hábitos higiênicos; Atividades posturais; Conhecimentos básicos de primeiros socorros; Qualidades físico-motoras básicas; Atividades adequadas ao corpo físico.

CARGO CODIGO (49) - Professor Graduação - Lic. Plena em Educação Física - Para atuar em diversos projetos a disposição da Secretaria de Educação. Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Tendências pedagógicas da educação; Educação profissional no mundo contemporâneo; prática didática dialógica e reflexiva na formação profissional; formação dos técnicos de nível médio na área da saúde; o trabalho como princípio pedagógico na educação profissional; organização curricular; planejamento didático e avaliação da aprendizagem; a formação pedagógica para os docentes da educação profissional em saúde. Atividades na iniciação esportiva; Tipos de esportes; Atividades esportivas e recreativas; Jogos recreativos (ativos, passivos e moderados); sensoriais; motores; mímicos; pré-desportivos, recreativos desportivos; Componentes da psicomotricidade; Noções básicas sobre a prestação de primeiros socorros; Causas e tipos das lesões corporais mais comuns nos esportes; Hábitos higiênicos; Atividades posturais; Conhecimentos básicos de primeiros socorros; Qualidades físico-motoras básicas; Atividades adequadas ao corpo físico.

NÍVEL FUNDAMENTAL (ALFABETIZADO) CONTEÚDO COMUM PARA OS CARGO DE: COZINHEIRA

LÍNGUA PORTUGUESA: Entendimento de uma leitura. Noções de gramática; Letras maiúsculas e minúsculas; Vogais e consoantes; Sílabas; Nomes próprios e comuns; Gênero - masculino e feminino; Número - singular e plural; Aumentativo e diminutivo.

CONHECIMENTOS GERAIS: HISTÓRIA GERAL E DE MATO GROSSO: Período Colonial: As bandeiras como a de Pascoal Moreira Cabral; A descoberta do ouro; Criação da Capitania de Mato Grosso. O período imperial; Transferência da Capitania para Cuiabá; A guerra da tríplice aliança; A economia; Período Republicano; A divisão de Mato Grosso. GEOGRAFIA GERAL E DE MATO GROSSO: Localização; Aspectos físicos; base econômica; agricultura, pecuária, comércio, indústria, extrativismo e meio ambiente. Fluxos migratórios; Ocupação da fronteira agrícola; Transportes e comunicação. MATEMATICA: adição, subtração, diminuição e multiplicação, compreensão de números fracionados e inteiros, identificação e transcrição de números por extenso.

CARGO CODIGO (50) - Cozinheira - Ensino fundamental - Para atuar na Escola Cristo Redentor Os alimentos: noções de higiene, proteção dos alimentos, preparação dos alimentos, estocagem dos alimentos, conservação dos alimentos, noções de nutrição, reaproveitamento dos alimentos. Noções de primeiros socorros. Cuidados pessoais no trabalho - segurança no trabalho. Cuidados na utilização e manuseio de eletrodomésticos.

CARGO CODIGO (51) - Cozinheira - Ensino fundamental - Para atuar na Tancredo Neves. Os alimentos: noções de higiene, proteção dos alimentos, preparação dos alimentos, estocagem dos alimentos, conservação dos alimentos, noções de nutrição, reaproveitamento dos alimentos. Noções de primeiros socorros. Cuidados pessoais no trabalho - segurança no trabalho. Cuidados na utilização e manuseio de eletrodomésticos.

CARGO CODIGO (52) - Cozinheira - Ensino fundamental - Para atuar na Escola Pedro A. Cabral Os alimentos: noções de higiene, proteção dos alimentos, preparação dos alimentos, estocagem dos alimentos, conservação dos alimentos, noções de nutrição, reaproveitamento dos alimentos. Noções de primeiros socorros. Cuidados pessoais no trabalho - segurança no trabalho. Cuidados na utilização e manuseio de eletrodomésticos.