Prefeitura de Olímpio Noronha (Processo Seletivo) - MG

PREFEITURA MUNICIPAL DE OLÍMPIO NORONHA

ESTADO DE MINAS GERAIS

EDITAL DE ABERTURA DE PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO Nº 02/2007

A Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha torna público que estarão abertas inscrições ao PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO para o cargo de Agente Comunitário de Saúde e demais cargos para o PSF, para fins de contratação temporária e formação de cadastro reserva, nos termos da Lei Municipal nº 018/2002, Lei Federal 11.350/06, demais legislações pertinentes e das normas estabelecidas neste Edital.

1 - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES E INFORMAÇÕES SOBRE O CARGO

1. Função, escolaridade, vagas, valor da inscrição, vencimentos e carga horária:

CARGO: AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

ESCOLARIDADE E PRÉ-REQUISITO: Ter concluído o Ensino Fundamental (exceto para o Agente que exercia atividades antes de 09/06/06 - Lei 11.350/06), residir no Município de Olímpio Noronha desde a data da publicação deste Edital.

VAGAS: 06 (seis)

CARGA HORÁRIA: 40 horas semanais

VENCIMENTO: R$ 380,00 - mês

INSCRIÇÃO: R$ 25,00

CARGO: AUXILIAR DE ENFERMAGEM

ESCOLARIDADE E PRÉ-REQUISITO: Ensino Médio, com registro no COREN

VAGAS: (Cadastro Reserva)

CARGA HORÁRIA: 40 horas semanais

VENCIMENTO: R$ 650,87 - mês

INSCRIÇÃO: R$ 45,00

CARGO: CIRURGIÃO DENTISTA

ESCOLARIDADE E PRÉ-REQUISITO: Nível Superior com registro no órgão competente.

VAGAS: 01 (uma)

CARGA HORÁRIA: 40 horas semanais

VENCIMENTO: R$ 1.981,59- mês

INSCRIÇÃO: R$ 100,00

CARGO: ENFERMEIRO

ESCOLARIDADE E PRÉ-REQUISITO: Nível Superior com registro no órgão competente.

VAGAS: 01 (uma)

CARGA HORÁRIA: 40 horas semanais

VENCIMENTO: R$ 1.981,59- mês

INSCRIÇÃO: R$ 100,00

CARGO: MÉDICO

ESCOLARIDADE E PRÉ-REQUISITO: Nível Superior com registro no órgão competente.

VAGAS: 01 (uma)

CARGA HORÁRIA: 40 horas semanais

VENCIMENTO: R$ 5.030,19- mês

INSCRIÇÃO: R$ 150,00

2- DAS CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO

2.1. Ser brasileiro nato ou naturalizado ou cidadão português, na forma da Lei.

2.2. Conhecer e estar de acordo com as exigências contidas no presente Edital.

3- DAS CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO

3.1. Estar em dia com as obrigações eleitorais.

3.2. Estar em dia com as obrigações militares, se do sexo masculino.

3.3 Estar em dia com as obrigações junto aos respectivos Conselhos de classe.

3.4. Ter, na data da posse, 18 (dezoito) anos completos.

3.5. Estar em gozo dos direitos políticos.

3.6. Não ter sido demitido por justa causa por órgão público municipal de Olímpio Noronha.

3.7. O candidato ao cargo de "Agente Comunitário de Saúde" deverá ser residente no Município de Olímpio Noronha/MG (Lei 11.350, de 06 de outubro de 2006. artigo 6°, inciso I).

4- DAS INSCRIÇÕES

PERÍODO DE INSCRIÇÕES: 17 a 21/09/2007.

NO POSTO DE INSCRIÇÃO:

Local: Sede da Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha.

Horário: 09:00 às 17:00 hs.

4.1 Documentação exigida: O candidato deverá apresentar no ato da solicitação da inscrição, pessoalmente, ou através de procuração específica, os seguintes documentos:

a) Comprovante de recolhimento da importância referente à inscrição do cargo pretendido.

b) Original e cópia da cédula de identidade ou de documento equivalente, de valor legal. No caso de inscrição por procuração, o procurador também deverá apresentar originale cópia de seu documento;

c) Comprovante de residência no Município de Olímpio Noronha através de contas de água, luz ou telefone com contrato de locação quando se fizer necessário.

4.1.2. Após apresentação da documentação exigida, o candidato deverá assinar documento (o próprio formulário de inscrição), no qual declare atender às condições exigidas para a inscrição e submeter-se às normas expressas neste Edital.

4.2. VIA INTERNET:

4.2.1. Será admitida a inscrição via INTERNET, no endereço www.magnusauditores.com.br, solicitada até as 17:00 horas do dia 21/09/2007 (horário oficial de Brasília/DF), desde que efetuado seu pagamento até o dia 24/09/2007.

4.2.2. A inscrição efetuada via Internet somente será validada após confirmação do recolhimento do valor da inscrição através de procedimento a ser informado no ato da inscrição, não sendo aceito depósito em caixa rápido.

4.2.3. A confirmação da inscrição do candidato será feita através de divulgação de listagem de inscritos no site www.magnusauditores.com.br em data a ser informada quando da solicitação de inscrição On-line.

4.2.4. São de responsabilidade única do candidato os dados cadastrais informados na solicitação de inscrição.

4.2.5. Não serão acatadas inscrições cujo pagamento do valor da inscrição tenha sido efetuado em desacordo com as opções oferecidas no ato do preenchimento da inscrição via Internet, seja qual for o motivo alegado.

4.2.6. Os valores de inscrição pagos em desacordo com o estabelecido neste Edital não serão devolvidos, seja qual for o motivo alegado.

4.2.7. A Magnus Auditores e Consultores Associados não se responsabiliza por inscrições via Internet não recebidas por motivos de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores de ordem técnica que impossibilite a transferência dos dados, ou pelo descumprimento das instruções para inscrição via Internet constante neste Edital.

4.2.8. O Edital e o Manual do Candidato estarão disponíveis na página do endereço eletrônico www.magnusauditores.com.br, sendo de responsabilidade exclusiva do candidato a obtenção desse material.

4.3. Às pessoas portadoras de deficiência é assegurado o direito de se inscreverem no presente Processo Seletivo, em igualdade de condições com os demais candidatos, por não haver número de vagas suficiente para garantir reserva de vagas aos mesmos, desde que as deficiências de que são portadoras sejam compatíveis com as atribuições do cargo e declarado no ato da inscrição mediante apresentação de laudo médico atestando a espécie e o grau ou nível da deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças - CID, bem como a provável causa da deficiência.

4.4. A declaração falsa ou inexata dos dados constantes na ficha de inscrição, bem como a apresentação de documentos ou informações falsas ou inexatas, determinarão o cancelamento da inscrição e anulação de todos os atos decorrentes, em qualquer época.

4.5. O preenchimento dos dados constantes na ficha de inscrição é de total responsabilidade do candidato ou de seu procurador.

4.6. Outras informações:

a) O pagamento da importância relativa à inscrição poderá ser efetuado com dinheiro ou cheque do próprio candidato no local de inscrição, sendo considerada nula a inscrição se o cheque for devolvido por qualquer motivo. Não sendo aceito depósito em caixa rápido;

b) Só o pagamento da inscrição não significa que o candidato esteja inscrito;

c) O valor da inscrição, uma vez pago, não será devolvido, sob hipótese alguma, salvo no caso de não realização do Processo Seletivo, por culpa ou omissão exclusiva da Administração;

d) Não haverá, sob qualquer pretexto, inscrição provisória ou condicional;

e) Não serão recebidas inscrições ou títulos por via postal, fax, condicional e/ou extemporânea;

f) Não serão aceitas inscrições com documentação incompleta;

g) O candidato poderá se inscrever em apenas um cargo.

5- DAS PROVAS

5.1 O processo seletivo constará de Provas Objetivas de Múltipla Escolha.

5.2. As Provas Objetivas de Múltipla Escolha, de caráter eliminatório e classificatório, serão aplicadas para todos os cargos e terão duração máxima de 3 (três) horas.

5.2.1 O conjunto das Provas Objetivas de Múltipla Escolha será composto de 40 (quarenta) questões, com 04 (quatro) opções de respostas cada, valorizado de 0 (zero) a 100 (cem) pontos, sendo 2,5 (dois e meio) o valor de cada questão.

5.2.2 Será aprovado o candidato que totalizar o mínimo de 50% (cinqüenta por cento) do total de pontos do conjunto das Provas Objetivas de Múltipla Escolha.

5.2.3 O programa de prova para as questões de múltipla escolha é o constante do Anexo deste Edital.

6- DA REALIZAÇÃO DAS PROVAS

6.1. As Provas Objetivas de Múltipla Escolha serão realizadas no Município de Olímpio Noronha, no dia 20/10/2007, às 14:00 horas.

6.1.2 Estarão afixadas na sede da Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha e no site www.magnusauditores.com.br, a partir do dia 17/10/2007, planilhas contendo os locais de realização das provas Objetivas de Múltipla Escolha.

6.2 O ingresso na sala e locais de provas só será permitido dentro do horário estabelecido e ao candidato que apresentar o Comprovante de Inscrição, juntamente com o documento de Identidade apresentado no ato da inscrição. Como o documento não ficará retido, será exigida a apresentação do original, não sendo aceito cópias, ainda que autenticadas.

6.3. Em nenhuma hipótese haverá segunda chamada ou repetição de prova, importando a ausência ou retardamento do candidato em sua exclusão do Processo Seletivo, seja qual for o motivo alegado.

6.4. Em nenhuma hipótese haverá aplicação de provas fora dos locais e horários preestabelecidos.

6.5. O candidato deverá comparecer ao local designado, com antecedência mínima de 30 (trinta) minutos, munido de lápis, borracha e caneta tipo esferográfica azul ou preta.

6.6. Não será permitido o uso de máquina calculadora.

6.7. O candidato portador de deficiência que necessitar de provas em condições especiais e/ou tempo adicional, deverá informar no ato da inscrição, através de requerimento juntamente com parecer emitido por especialista da área de sua deficiência.

6.8. A candidata que tiver a necessidade de amamentar no período da prova, deverá levar um acompanhante que ficará com a guarda da criança em local reservado e diferente do local de prova da candidata. A amamentação se dará nos momentos que se fizerem necessários, não tendo a candidata neste momento a companhia do acompanhante, além de não ser dado nenhum tipo de compensação em relação ao tempo de prova perdido com a amamentação. A não presença de um acompanhante impossibilitará a candidata de realizar a prova.

6.9. As condições especiais solicitadas pelo candidato para o dia da prova serão analisadas e atendidas, segundo critérios de viabilidade e razoabilidade.

6.10. O candidato deverá transcrever suas respostas, na folha de respostas, com caneta esferográfica azul ou preta.

6.11. Não serão computadas questões não assinaladas ou que contenham mais de uma resposta, emenda ou rasura, ainda que legível.

6.12. Será excluído do Processo o candidato que:

a) Se apresentar após o horário estabelecido;

b) Não comparecer às provas, seja qual for o motivo alegado;

c) Não apresentar o Comprovante de Inscrição e/ou documento de identidade exigido;

d) Durante a realização das provas for colhido em flagrante comunicação com outro candidato ou com pessoas estranhas, oralmente, por escrito, ou através de equipamentos eletrônicos, ou ainda que venha a tumultuar a sua realização;

e) Ausentar-se do recinto da prova, a não ser momentaneamente, em casos especiais e desde que na companhia do fiscal de prova.

f) Usar de incorreções ou descortesia para com os coordenadores ou fiscais de provas, auxiliares e autoridades presentes;

6.13. Não haverá revisão genérica de provas.

6.14. O candidato, ao terminar a prova, entregará ao fiscal somente a folha de resposta.

7- DO PROCESSO DE CLASSIFICAÇÃO FINAL E DESEMPATE

7.1. Será eliminado o candidato que não alcançar o mínimo exigido de 50% (cinqüenta por cento) do total geral de pontos das provas Objetivas de Múltipla Escolha.

7.2. A classificação final dos candidatos será feita pela soma dos pontos obtidos nas provas Objetivas de Múltipla Escolha.

7.3. Apurado o total de pontos, na hipótese de empate entre os candidatos, será dada preferência, para efeito de classificação, sucessivamente, ao candidato que:

a) Obtiver maior número de pontos na prova Específica quando houver;

b) Obtiver maior número de pontos na prova de Português quando houver;

c) For o mais Idoso.

8- DOS RECURSOS

8.1. Caberá recurso, em única e última instância, à Comissão Municipal de Processo Seletivo:

8.1.1 Contra questão das provas Objetivas de Múltipla Escolha, nos dois dias úteis, após o dia da divulgação do gabarito oficial, desde que demonstrado erro material, divulgação esta que ocorrerá no 1º dia útil após a realização da prova.

8.1.2 Contra os resultados, nos dois dias úteis, após o dia da sua publicação, desde que demonstrado erro material.

8.2. Serão rejeitados liminarmente os recursos que não estiverem redigidos em termos próprios ou não fundamentados, os que não contiverem dados necessários à identificação do candidato ou ainda aqueles a que se der entrada fora dos prazos preestabelecidos.

8.3. Os recursos deverão ser protocolados na Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha, no horário de expediente e encaminhados à Comissão Municipal de Processo Seletivo, que fará a avaliação e encaminhara à Magnus para o devido processamento.

8.4. Após o julgamento dos recursos interpostos, os pontos correspondentes às questões, porventura anuladas, serão atribuídos a todos os candidatos, indistintamente, que não obtiveram os pontos na correção inicial.

9- DA CONVOCAÇÃO PARA ADMISSÃO

9.1. A convocação dos candidatos aprovados obedecerá, rigorosamente, à ordem de classificação final por cargo, de acordo com as necessidades da Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha e durante o prazo de validade do Processo.

9.2. Os candidatos convocados para admissão deverão se apresentar ao Departamento Pessoal da Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha no prazo previsto na convocação, sendo considerados desistentes e perdendo automaticamente o direito à contratação, aqueles que não comparecerem no prazo estipulado.

9.4. Será considerado desistente, perdendo o direito à contratação, o candidato que obstar a efetivação de sua admissão, como por exemplo, deixar de apresentar a documentação necessária ou negar-se a realizar o exame médico-admissional, etc., dentro do prazo máximo de 30 (trinta) dias corridos a partir da data de publicação da convocação.

9.5. Configurada a desistência do candidato à vaga, a Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha convocará o próximo candidato aprovado, obedecendo rigorosamente à ordem de classificação final, durante o prazo de validade do Processo.

9.6. Após a homologação do resultado final, será de responsabilidade do candidato aprovado manter seu endereço atualizado junto ao Departamento Pessoal da Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha, não lhe cabendo qualquer reclamação caso não seja possível a sua convocação, por falta da citada atualização.

9.6.1. A atualização do endereço deverá ser feita formalmente, por meio de correspondência encaminhada à Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha - Departamento Pessoal.

9.7 O curso introdutório de formação inicial e continuada, para o cargo de AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE será oferecido pelo Município em parceria com a Secretaria de Estado da Saúde aos candidatos aprovados no processo seletivo devendo os mesmos concluir o referido curso com aproveitamento satisfatório, como condição para que se efetive a contratação, sendo que as contratações observarão a ordem de classificação no processo seletivo.

10- DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

10.1 O candidato aprovado e nomeado submeter-se-á ao Estatuto dos Servidores Públicos Municipais de Olímpio Noronha e sua estabilidade no serviço público, relativamente aos cargos deste Processo Seletivo, dependerá da permanência do SUS e ingresso suficiente de verbas do Governo Federal.

10.2. A Comissão Municipal de Processo Seletivo terá a responsabilidade de acompanhar a realização do Processo Seletivo, receber os recursos das provas objetivas, encaminhando-os à Magnus Auditores e Consultores Associados que fará estudo, fornecendo parecer.

10.3. O prazo de validade do presente Processo Seletivo é de 02 (dois) anos, contados da data da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por mais 02 (dois) anos.

10.4. A aprovação no Processo Seletivo não assegura direito à nomeação, mas esta, quando ocorrer, obedecerá rigorosamente à ordem de classificação dos candidatos, número de vagas fornecido e seu prazo de validade.

10.5. A inscrição do candidato e eventual ingresso no serviço público significará aceitação incondicional das disposições deste Edital.

10.6. A Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha e a Magnus Auditores e Consultores Associados não se responsabilizam por quaisquer cursos, textos, apostilas e outras publicações referentes a este Processo Seletivo.

10.7. Toda informação referente à realização do Processo Seletivo será fornecida pela Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha, através da Comissão Municipal de Processo Seletivo, desde que solicitada por escrito.

10.8. O candidato aprovado, quando nomeado, deverá apresentar, obrigatoriamente, os seguintes documentos, para efeito de posse no cargo:

a) Fotocópia autenticada da certidão de nascimento ou casamento;

b) Fotocópia autenticada da certidão de nascimento dos filhos (se tiver);

c) Fotocópia autenticada do CPF;

d) Fotocópia autenticada da Carteira de Identidade;

e) Cartão de Cadastramento no PIS/PASEP (se tiver);

f) Laudo médico favorável, fornecido pelo Serviço de Medicina Municipal de Olímpio Noronha;

g) 02 (duas) fotografias 3x4;

h) Fotocópia autenticada do Título de Eleitor com o comprovante de votação na última eleição;

i) Fotocópia autenticada do Certificado de Reservista, se do sexo masculino;

j) Fotocópia autenticada do comprovante de capacitação legal para o exercício do cargo, bem como registro no órgão competente, quando cabível;

k) Declaração de bens.

l) Comprovante de endereço (conta de luz, água ou telefone).

10.9 Decorridos 180 (cento e oitenta) dias da homologação do Processo, e não se caracterizando óbice administrativo, legal ou judicial, é facultada a incineração das provas e demais registros escritos, mantendo-se, entretanto, pelo período de validade do Processo Seletivo, os registros eletrônicos a ele referentes.

10.10. O vínculo empregatício entre o candidato aprovado (contratado) e a Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha (contratante), durará enquanto houver a manutenção do Programa Saúde da Família (PSF), Mantido pelo Governo Federal que destine verba específica para tal.

10.11. Os casos omissos ou duvidosos serão resolvidos pela Comissão Municipal de Processo Seletivo, ouvida a Magnus Auditores e Consultores Associados, empresa responsável pela execução do Processo Seletivo.

10.12. Caberá ao Prefeito Municipal de Olímpio Noronha/MG a homologação do resultado.

10.13. Todas as informações referentes ao Processo Seletivo. serão afixadas no quadro de publicação oficial dos atos da Prefeitura Municipal de Olímpio Noronha.

Olímpio Noronha/MG, 03 de setembro de 2007.

João Leonardo Pinelli
Gerente do Departamento de Administração e Finanças

ANEXO

Programa de Provas Objetivas de Múltipla Escolha

AGENTE COMUNITÁRIO DE SAÚDE

LÍNGUA PORTUGUESA: (10 questões) - TEXTO: Interpretação de texto informativo ou literário. FONÉTICA: fonema e letra; classificação dos fonemas (vogais, semivogais e consoantes); encontros vocálicos; encontros consonantais; dígrafos; sílabas; tonicidade das sílabas. ORTOGRAFIA: Emprego das letras maiúsculas e minúsculas; acentuação gráfica; representação das unidades de medida; emprego do hífen. MORFOLOGIA: Famílias de palavras; afixos; processos de formação de palavras; reconhecimento, emprego, flexões e classificações das classes gramaticais. SINTAXE: A estrutura da oração (classificação e emprego dos termos); a estrutura do período composto (classificação e emprego das orações); emprego dos sinais de pontuação; regência verbal e nominal; a ocorrência da crase, concordância verbal e nominal.

Bibliografia Sugerida: TERRA, Ernani. Gramática de Hoje. Editora Scipione; FARACO e MOURA. Gramática. Editora Atica; Outros livros que abrangem o programa proposto.

SAÚDE PÚBLICA: (10 questões) - Organização dos serviços de saúde pública no Brasil, Sistema Único de Saúde: princípios e diretrizes, controle social, indicadores de saúde, Planejamento e programação de saúde, Programa Saúde da Família, atribuições da equipe do PSF, incluindo equipe de saúde bucal.

Sugestão Bibliográfica: Constituição da República Federativa do Brasil de 1988: Capítulo da Saúde, Lei Federal n° 8.080,de 19/09/90. Lei Federal n° 8.142,de 28/12/90, Norma Operacional Básica do Sistema Único de Saúde, NOB SUS 01/96 e Norma Operacional de Assistência à Saúde- NOAS 01/02; Portaria GM/MS/648 de março de 2006. Site do Ministério da Saúde: www.saude.mg.gov.br. E outros livros que abranjam o programa proposto.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: (20 questões) Noções básicas de primeiros socorros, higiene e limpeza. Cuidados elementares para com o patrimônio. Saúde da Mulher, Saúde da criança, Saúde do adulto, Saúde do idoso, Doenças Sexualmente Transmissíveis/AIDS, O trabalho do Agente Comunitário de Saúde, o Programa Saúde da Família, Serviços relativos à saúde do indivíduo e da família. Noções básicas de segurança. Relações humanas. Noções básicas de Higiene pessoal.

Sugestões Bibliográficas: Lei n° 11.350/2006, o Decreto n° 3.189/1999, que fixa as diretrizes para o exercício da atividade de Agente Comunitário de Saúde, e a Portaria n° 1.886/1997 (do Ministro de Estado da Saúde), que aprova as normas e diretrizes do Programa de Agente Comunitário e do Programa de Saúde da Família. Portaria n° 44/2002 (do Ministro de Estado da Saúde), que estabelece as atribuições do agente comunitário de saúde na prevenção e controle da malária e da dengue. Portaria GM/MS/648 de março de 2006. Lei 8069 de 13/07/1990. Dispõe sobre o Estatuto da Criança e do Adolescente e dá outras providências. Lei 107441 de 01/10/2003. Dispõe sobre o Estatuto do Idoso e dá outras providências. MINISTÉRIO DA SAÚDE. O trabalho do Agente Comunitário de Saúde. Capítulos I,II,III,IV e V. Brasília.1995. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Acompanhamento da Saúde da Mulher. Parte I. Gestação, Parto e Puerpério. Brasília,1995. MINISTÉRIO DA SAÚDE.Manual técnico para o controle da Tuberculose. Cadernos de Atenção Básica. n°6.Brasília, 2002. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Livro da Família. Aprendendo sobre Aids e Doenças Sexualmente Transmissíveis. Brasília, 2001. MINISTÉRIO DA SAÚDE. Departamento De Atenção Básica;Guia prático do Programa de Saúde da Família. Brasília ,2001.Site: www.saude.mg.gov.br, www.saude.gov.br, www.datasus.gov.br. E outros livros que abranjam o programa proposto.

AUXILIAR DE ENFERMAGEM

LÍNGUA PORTUGUESA: (10 questões) 1 - Compreensão de texto literário ou informativo. 2 - Conhecimentos Lingüísticos: Fonética: fonemas, encontros vocálicos e consonantais, dígrafos, sílabas, tonicidade. Morfologia: a estrutura da palavra, formação de palavras, as classes de palavras. Ortografia: emprego das letras, acentuação gráfica. Pontuação: emprego dos sinais de pontuação. Sintaxe: os termos da oração, as orações no período composto, concordância verbal e nominal, regência verbal e nominal, ocorrência da crase, colocação de palavras. Semântica: sinonímia e antonímia, homografia, homofonia, paronímia, polissemia.

SUS/SAÚDE PÚBLICA: (10 questões) SUS - Constituição Federal/88: Capítulo da Saúde. Organização dos serviços de saúde no Brasil - Sistema Unico de Saúde: antecedentes, históricos, princípios e diretrizes, controle social, financiamento, legislação e normatização complementar do SUS. Planejamento e programação local de saúde, distritos sanitários. SAÚDE PÚBLICA - Noções básicas de vigilância epidemiológica e sanitária. Indicadores de saúde. Sistema de notificação. Endemias/Epidemias: situação atual, medidas de controle e tratamento. Distritos sanitários enfoque estratégico. Noções de higiene social, sanitária e mental.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: (20 questões) Procedimentos básicos da enfermagem. Técnicas, Tipos de Curativos, Administração de Medicamentos (diluição, dosagem, vias e efeitos colaterais). Medidas de controle das doenças transmissíveis; doenças transmissíveis não imunizáveis e parasitárias. Doenças sexualmente transmissíveis. Doenças transmissíveis imunizáveis. Imunização: Conceito, tipos, principais vacinas e soros utilizados (indicação, contra indicações, doses, vias de administração, efeitos colaterais), conservação de vacinas e soros (cadeia de frio). Esterilização: conceito, método de esterilização. Assistência de enfermagem à mulher no pré-natal. Assistência de enfermagem à criança: No controle das doenças diarréicas, no controle das infecções respiratórias agudas, no controle das verminoses. Assistência de enfermagem ao adulto. Conceito, causas, sinais e sintomas, tratamento e assistência de enfermagem das patologias: hipertensão arterial, pneumonias, hemorragia digestiva, diabetes mellitus, acidente vascular cerebral, traumatismos (distenção, entorços e fraturas). Primeiros Socorros.

DEMAIS CARGOS

LÍNGUA PORTUGUESA: (10 questões) Compreensão de texto literário ou informativo. Noções gerais e práticas de gramática.

SUS/SAÚDE PÚBLICA: (10 questões) SUS - Constituição Federal/88: Capítulo da Saúde. Organização dos serviços de saúde no Brasil - Sistema Unico de Saúde: antecedentes, históricos, princípios e diretrizes, controle social, financiamento, legislação e normatização complementar do SUS. Planejamento e programação local de saúde, distritos sanitários. SAÚDE PÚBLICA - Noções básicas de vigilância epidemiológica e sanitária. Indicadores de saúde. Sistema de notificação. Endemias/Epidemias: situação atual, medidas de controle e tratamento. Distritos sanitários enfoque estratégico. Noções de higiene social, sanitária e mental.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

CIRURGIÃO DENTISTA: (20 questões) 1. Cariologia. 2. Doenças da polpa e dos tecidos periapicais. 3. Distúrbios do desenvolvimento das estruturas bucais e parabucais. 4. Tumores benignos e malignos da cavidade bucal. 5. Tumores das glândulas salivares. 6.Cistos e tumores de origem odontogênica. 7. Alterações regressivas dos dentes. 8. Infecções bacterianas, virais e micóticas. 9. Disseminação das infecções bucais. 10. Lesões físicas e químicas da cavidade bucal. 11. Manifestações bucais das doenças metabólicas. 12. Doenças do periodonto. 13. Doenças dos nervos e músculos. 14. Anestesiologia local e controle da dor. 15. Técnicas de anestesia regional e local. 16. Anatomia das regiões da cabeça e pescoço. 17. Soluções anestésicas. 18. Emergências no consultório. 19. Flúor. 20. Adesão aos tecidos dentários. 21. Radiologia. 22. Oclusão. 23. Periodontia aplicada à dentística. 24. Restaurações diretas e indiretas em dentes posteriores com resinas compostas. 25. Restaurações diretas em dentes anteriores com resinas compostas. 26. Lesões não-cariosas. 27. Restaurações adesivas diretas. 28. Facetas diretas com resinas compostas. 29. Restaurações cerâmicas do tipo Inlay/Onlay. 30. Facetas de porcelana. 31. Restaurações de dentes tratados endodonticamente. 32. Restaurações em dentes fraturados. 33. Materiais odontológicos. 34. Biocompatibilidade dos materiais dentários. 35. Materiais de moldagem. 36. Gesso. 37. Resinas para restauração. 38. Amálgama dental. 39. Cimentos odontológicos. 40. Cerâmicas odontológicas. 41. Materiais de acabamento e polimento. 42. Diagnóstico e plano de tratamento em clínica odontológica infantil. 43. Dor em Odontopediatria. 44. Tratamento nas lesões cariosas em dentes decíduos. 45. Terapia endodôntica em dentes decíduos. 46. Desenvolvimento da oclusão. 47. Cirurgia bucal pediátrica. 48. Traumatismo em dentes anteriores. 49. Selantes de fóssulas e fissuras. 50. Doenças infecciosas de preocupação especial na Odontologia. 51. Avaliação do paciente e proteção pessoal. 52. Princípios de esterilização e desinfecção. 53. AIDS e a prática odontológica. 54. Controle da infecção cruzada na prática odontológica.

ENFERMEIRO: (20 questões) 1. Trabalho Gerencial em Enfermagem: planejamento e a tomada de decisão como instrumentos do processo de trabalho gerencial do enfermeiro; funções administrativas e o trabalho em enfermagem; organização e direção do serviço de enfermagem; supervisão e liderança em enfermagem; educação continuada: treinamento e desenvolvimento; avaliação de desempenho profissional. 3. Fundamentos da epidemiologia, prevenção e controle da infecção na prática assistencial: epidemiologia aplicada à prevenção e controle das infecções; biossegurança; ações educativas no controle das infecções. 4. Atuação do enfermeiro no processamento de materiais na central de material e esterilização: atuação do Enfermeiro visando o rompimento do ciclo de transmissão de Infecções no preparo, manuseio e distribuição de materiais; Central de Material Esterilizado (CME), estrutura e funções; métodos atuais de controle dos processos de esterilização; legislação específica no processamento de materiais por diferentes métodos. 5. As dimensões do cuidar: assistir, educar, pesquisar e administrar. 6. Sistematização da assistência de Enfermagem: o processo de enfermagem. 7. Atuação do Enfermeiro em Primeiros Socorros: convulsão, tontura e síncope; parada cárdio respiratória cerebral (pcrc) e reanimação; avaliação da vítima acidentada; queimaduras; intoxicações; traumatismos. 8. Atuação do enfermeiro na Saúde do Adulto e do idoso: doenças crônicas degenerativas; doenças cardiovasculares cerebrais; doenças respiratórias. 9. Assistência de enfermagem à saúde da mulher: câncer cérvico-uterino, mama; DSTs e parasitárias; violência doméstica e familiar. Assistência de enfermagem na atenção integral à mulher no ciclo grávido-puerperal. 10. Atuação do enfermeiro na saúde da criança e do adolescente: situação de Saúde da Criança no Brasil; aleitamento materno; desmame e alimentação da criança e do adolescente; crescimento e desenvolvimento da criança e do adolescente; atenção integrada às doenças prevalentes na infância. Controle das infecções respiratórias agudas. Controle das doenças diarréicas e prevenção a acidentes e intoxicações. 11. Assistência de Enfermagem ao adulto. Conceito, causas, sinais e sintomas de patologias: insuficiência cardíaca congestiva, hipertensão arterial, infarto agudo do miocárdio, asma, pneumonias, hemorragias digestivas, diabetes mellitus, acidentes vascular cerebral. Traumatismos. Imunização. Cadeia de Frio. Doenças Transmissíveis, doenças sexualmente transmissíveis, doenças parasitárias, doenças transmissíveis imunizáveis e não imunizáveis: agente, forma de transmissão, prevenção, sinais e sintomas, assistência de enfermagem e vigilância epidemiológica. Primeiros Socorros. Lei do Exercício profissional; 12. Relações humanas no trabalho e implicações éticas: comunicação terapêutica; comunicação entre equipes; trabalho em equipe. 13. Condições de trabalho em Enfermagem: o trabalhador e o ambiente de trabalho; riscos inerentes e evitáveis; medidas preventivas. 14.Sistema Unico de Saúde -SUS: princípios, diretrizes e articulação com serviços de saúde. 15. Legislação da Saúde: Constituição Federal de 1988 (Título VIII - capítulo II - Seção II); 16. Lei n° 8.142/90 e Lei n° 8.080/90; Norma Operacional da Assistência à Saúde - NOAS - SUS/2001 e 2002. 17. Normas do Ministério da Saúde para Programas na Area da Criança, Mulher e Idoso, Hipertensão e Diabetes. (Toda legislação pedida deverá ser obedecida suas alterações, portanto, serem atualizadas).

MÉDICO: (20 questões) 1. Princípios da assistência preventiva à saúde. O exame de saúde preventivo. 2. Cuidados com a dieta. A atividade física. O tabagismo e abuso do álcool. 3. Princípios de terapia farmacológica. 4. Radiologia do coração. Princípios de eletrocardiograma. 5. Conduta na insuficiência cardíaca. 6. Abordagem clínica das arritmias cardíacas supraventriculares. 7. Hipertensão arterial sistêmica. 8. Abordagem clínica da cardiopatia isquêmica. 9. Asma brônquica. 10. Pneumonias comunitárias. 11. Cálculos renais. Uropatia obstrutiva. 12. Cistite e pielonefrite. 13. Gastrite. Ulcera péptica. 14. Distúrbios gastrintestinais funcionais: síndrome do cólon irritável. 15. Dispepsia sem úlcera e dor torácica não-cardíaca. 16. Abordagem do paciente com diarréia. Doença intestinal inflamatória. 17. Neoplasias do estômago e do intestino grosso. 18. Pancreatite. 19. Hepatites virais. 20. Cirrose hepática. 21. Doença da vesícula biliar e dos ductos biliares. 22. Abordagem das anemias. 23. Leucopenia e leucocitose. 24. Abordagem do paciente com linfadenopatia e esplenomegalia. 25. Abordagem do paciente com sangramento e trombose. 26. Prevenção de câncer. Marcadores tumorais. Síndromes paraneoplásicas. 27. Avaliação nutricional. Obesidade. Dislipidemia. 28. Diabetes melitus. 29. Hipoglicemia. 30. Hipo e hipertireoidismo. 31. Rinite alérgica. Anafilaxia. Alergia a picadas de insetos. Alergia medicamentosa. 32. Reações adversas às drogas e aos alimentos. 33. Artrite reumatóide. 34. Gota e metabolismo do ácido úrico. 35. O ombro doloroso. Espondiloartropatias. Dorsalgia e cervicoalgias. Doenças do disco intervertebral. 36. Abordagem clínica do paciente febril. 37. Tuberculose. 38. Doenças sexualmente transmissíveis. Síndrome de Imunodeficiência Adquirida. 39. Gripe e resfriado. 40. Abordagem clínica das orofaringites agudas. 41. Princípios da prevenção vacinal. 42. Parasitoses intestinais. 43. Princípios da antibioticoterapia. 44. Síncope e cefaléias. 45. Acidentes com animais peçonhentos. 46. Interpretação dos distúrbios hidroeletrolíticos e ácido-básicos.