Prefeitura de Colatina (SANEAR) - ES

SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL

ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

CONCURSO PÚBLICO 001/2007

O DIRETOR PRESIDENTE do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL, no uso de suas atribuições, por contrato celebrado com a FUNDAÇÃO CONESUL DE DESENVOLVIMENTO, torna pública a abertura das inscrições e estabelece normas relativas à realização de Concursos Públicos, destinados a selecionar candidatos para provimento nos cargos efetivos do Quadro de Pessoal, sob Regime Estatutário, criados pela Lei Municipal 5275/07 de 14 de março de 2007, conforme subitem 1.2 e Cadastro de Reserva (CR).

1 - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

1.1 Estes Concursos Públicos, de acordo com a Legislação que trata da matéria, Lei Municipal 035/05 de 30 de dezembro de 2005, Lei Municipal 5277/07 de 19 de março de 2007, pelo estabelecido no Sistema de Acompanhamento e Desenvolvimento dos Servidores - SADS - Lei 5.284/07, bem como por este Edital, será executado pela FUNDAÇÃO CONESUL DE DESENVOLVI MENTO e destinam-se a selecionar candidatos para provimento de cargos efetivos do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL.

1.2 Os Concursos Públicos destinam-se ao preenchimento de vagas existentes dos seguintes cargos:

CÓDIGO DO CONCURSO

CARGOS

VAGAS

VAGAS PNE

ESCOLARIDADE E REQUISITOS MÍNIMOS

CARGA HORÁRIA SEMANAL

VENCIMENTOS R$

TIPOS DE PROVAS

Profissional de Operação

100

Profissional de Operação I - PO I

30 CR

-

Ensino Fundamental Completo

40

399,00

Objetiva Títulos

101

Profissional de Operação II- PO II

26 + 9 CR

2 + 1 CR

Ensino Médio Incompleto

40

441,00

Objetiva Títulos

102

Profissional de Operação III - PO III

8 CR

-

Ensino Médio Completo

40

535,50

Objetiva Títulos

Profissional de Operação IV - PO IV

103

Técnico Agrícola

2 + 1 CR

-

Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos

40

735,00

Objetiva Títulos

104

Técnico em Meio Ambiente

2 CR

-

Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos

40

735,00

Objetiva Títulos

105

Técnico em Edificações

2 CR

-

Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos

40

735,00

Objetiva Títulos

106

Técnico em Eletrotécnica

1 CR

-

Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos

40

735,00

Objetiva Títulos

107

Técnico em Mecânica

1 CR

-

Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos

40

735,00

Objetiva Títulos

108

Técnico em Química

1 CR

-

Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos

40

735,00

Objetiva Títulos

Profissional de Operação V - PO V

109

Engenheiro Agrônomo

1

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

110

Engenheiro Civil

1 + 2 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

111

Engenheiro Químico ou Químico Industrial

1

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

112

Arquiteto

1 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

113

Biólogo

2 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

114

Engenheiro Ambiental

1 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

Profissional de Suporte

115

Profissional de Suporte I - PS I

10 CR

-

Ensino Fundamental Completo

40

399,00

Objetiva Títulos

116

Profissional de Suporte II - PS II

11 CR

1 CR

Ensino Médio Incompleto + Carteira Nacional de Habilitação cat. "D"

40

441,00

Objetiva Títulos e Prática

117

Profissional de Suporte III- PS III

10 + 10 CR

-

Ensino Médio Completo

40

535,50

Objetiva Títulos

Profissional de Suporte IV - PS IV

118Técnico em Contabilidade1 CR-Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos40

735,00

Objetiva Títulos

119Técnico em Segurança do Trabalho

1 CR

-

Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos40

735,00

Objetiva Títulos

120Técnico em Informática2 CR-Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos40

735,00

Objetiva Títulos

121Técnico em Áreas Administrativas3 CR-Ensino Médio Completo + Conhecimentos Específicos40

735,00

Objetiva Títulos

Profissional de Suporte V - PS V

122

Contador

1 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

123

Administrador

1 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

124

Engenheiro em Segurança do Trabalho

1 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

125

Ciências da Computação

1 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

126

Assistente Social

1 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

127

Comunicação Social

1 CR

-

Ensino Superior Completo e Registro no respectivo Órgão de Classe

40

1.239,00

Objetiva Títulos

CR - Cadastro de Reserva;

2 - DAS VAGAS PARA PORTADORES DE NECESSIDADES ESPECIAIS - PNE

2.1 Para os candidatos Portadores de Necessidades Especiais - PNE é assegurado 5% das vagas nos presentes Concursos Públicos, desde que as atribuições dos cargos sejam compatíveis com a deficiência de que são portadoras, em obediência ao disposto no art 37, inciso VIII da CF, Lei Federal 7.853 de 24 de outubro de 1989, nos Decretos Federais n° 3.298, de 20 de dezembro de 1999 e 5.296 de 02 de dezembro de 2004, exceção feita nos cargos onde a oferta de vagas for igual a 1(um) e naqueles que for requerida a aptidão plena em razão das atividades dos cargos.

2.1.1 Os candidatos PNE deverão protocolar atestado médico contendo a descrição da deficiência com o respectivo Código Internacional de Doenças - CID, de 14 a 28 de dezembro de 2007, no Posto de Atendimento, situado no colégio "Conde de Linhares", Rua Adamastor Salvador, ao lado do Ministério do Trabalho, Centro, Colatina - ES, de segunda à sexta feira, no horário das 8h às 12h e das 14h às 18h.

2.2 Os candidatos PNE participarão da seleção em igualdade de condições com os demais candidatos de acordo com a legislação e o previsto neste Edital.

2.3 Havendo parecer médico oficial contrário à condição de deficiente, o nome do candidato será excluído da lista correspondente e concorrerá juntamente com os demais candidatos.

2.4 Não ocorrendo a aprovação de candidatos PNE em número suficiente para preencher as vagas reservadas, estas serão preenchidas pelos demais candidatos aprovados no respectivo Concurso.

2.5 Os candidatos PNE, que necessitarem de algum atendimento especial para a realização das provas objetivas, deverão declará-lo no Formulário de Inscrição, no espaço reservado para este fim, para que sejam tomadas as providências cabíveis, com antecedência.

2.6 Se aprovado e classificado para o provimento dos cargos, o candidato PNE será submetido à avaliação a ser realizada pelo Serviço Médico do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR ou por terceiros designados pelo mesmo, na forma da lei, a fim de ser apurada a categoria de sua deficiência e a compatibilidade da deficiência com o exercício das atribuições do cargo.

2.6.1 Se a deficiência comprovada for incompatível com as atribuições do cargo a que o candidato concorre, o mesmo será eliminado do certame.

2.7 Serão publicadas duas listas de candidatos aprovados em ordem classificatória, uma somente constando os candidatos PNE a outra com todos os candidatos que lograrem êxito nos Concursos Públicos.

2.8 Caso o candidato inscrito como PNE não se enquadre nas categorias definidas no art. 4º, incisos I a V, do Decreto Federal nº. 3.298, de 20 de dezembro de 1999, seu nome será excluído da Lista de Candidatos Portadores de Necessidades Especiais e passará a constar apenas na Lista de Classificação Final.

3 - DAS ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS

A síntese das atribuições e qualificações de cada Cargo destes Concursos consta do Anexo I deste Edital.

4 - DA DIVULGAÇÃO

A divulgação oficial de todas as etapas referentes a estes Concursos Públicos se dará através de Editais e/ou Avisos publicados nos seguintes meios e locais:

4.1 No Diário Oficial do Espírito Santo - edital de convocação;

4.2 No jornal "A Tribuna"- edital de convocação;

4.3 Nos quadros de avisos da PREFEITURA MUNICIPAL DE COLATINA e do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR, situados na Av. Ângelo Giubert, 565 - Bairro Esplanada e na Rua Benjamin Costa, 105, Bairro Marista, Colatina, ES respectivamente e nos sites da Fundação Conesul (www.conesul.org) e da Prefeitura(www.colatina.es.gov.br) e da SANEAR (www.sanear.es.gov.br).

4.4 É de responsabilidade exclusiva do candidato o acompanhamento das etapas destes Concursos através dos meios de divulgação acima citados.

5 - DAS INSCRIÇÕES

5.1 As inscrições para os Concursos deverão ser realizadas via Internet no endereço eletrônico www.conesul.org, durante o período de 14 a 28 de dezembro de 2007. Para os candidatos que não possuem acesso a Internet será disponibilizado Posto de Atendimento, situado no colégio "Conde de Linhares", Rua Adamastor Salvador, ao lado do Ministério do Trabalho, Centro, Colatina - ES, de segunda à sexta feira, no horário das 8h às 12h e das 14h às 18h.

5.2 A correta interpretação do atendimento aos requisitos do cargo é de inteira responsabilidade do candidato.

5.3 A FUNDAÇÃO CONESUL DE DESENVOLVI MENTO não se responsabiliza por inscrições, via Internet, não recebidas por motivos de ordem técnica de computadores, falhas de comunicação, congestionamento de linhas de comunicação, bem como outros fatores externos que impossibilitem a transferência de dados.

5.4 O candidato, após preencher o formulário eletrônico de inscrição, disponível no site www.conesul.org, deverá imprimir o boleto bancário para pagamento do valor referente à inscrição até o vencimento, através da rede bancária.

5.5 O sistema de inscrição via Internet permite ao candidato, dentro do período de inscrição, emitir a segunda via do seu boleto bancário.

5.6 Os valores das inscrições para os cargos previstos neste Edital são os seguintes:

NÍVEL DE ESCOLARIDADE

VALOR DA INSCRIÇÃO (R$)

FUNDAMENTAL E MÉDIO

35,00

SUPERIOR

65,00

5.7 A inscrição somente será considerada válida após a constatação do pagamento do boleto constituído pelo código de barras, pagável na rede bancária. Qualquer outra forma de pagamento invalida a inscrição.

5.8 Não serão aceitos pagamentos do boleto após o prazo do seu vencimento.

5.9 O candidato, ao efetivar sua inscrição assume inteira responsabilidade pelas informações que fizer constar no formulário emitido pela Internet, sob as penas da lei.

5.10 É vedada a inscrição condicional ou extemporânea.

5.11 O valor relativo à inscrição não será devolvido em hipótese alguma, salvo no caso de cancelamento do certame por decisão da Administração.

5.12 O comprovante de pagamento da inscrição deverá ser mantido em poder do candidato até o final do certame.

5.13 Não será aceita inscrição via postal, por FAX, e/ ou outra forma que não a estabelecida neste edital.

5.14 Efetivada a inscrição, não serão aceitos pedidos para alteração de cargo.

5.15 Havendo inscrições múltiplas do mesmo candidato em cargos cujas provas ocorram em um único turno, prevalecerá a inscrição de data mais recente.

5.16 As inscrições efetuadas de acordo com o disposto neste item serão homologadas pelo SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR, significando tal ato que o candidato está habilitado a participar das demais etapas do Certame.

5.17 Após a divulgação dos locais de prova, os candidatos poderão imprimir o Comprovante Definitivo de Inscrição (CDI), acessando a opção Pesquisa Local de Prova no site www.conesul.org. É obrigação do candidato conferir, no CDI, todos os seus dados e caso haja divergência, deverá o candidato comunicar ao Fiscal de Sala no dia da prova ou antes dela à Fundação Conesul.

5.18 A inscrição nos presentes Concursos Públicos implica no conhecimento e na expressa aceitação das condições estabelecidas neste Edital, das quais o candidato não poderá alegar desconhecimento.

6. INSCRIÇÃO COM ISENÇÃO DO PAGAMENTO DA TAXA

6.1 Os candidatos interessados em obter a isenção da taxa de inscrição, com base na lei nº. 5.277/2007, deverão dirigir-se ao Posto de Atendimento, situado no colégio "Conde de Linhares", Rua Adamastor Salvador, ao lado do Ministério do Trabalho, Centro, Colatina - ES, durante os dias 17 e 18 de dezembro de 2007, no horário das 8h às 12h e das 14h às 18h para comprovar que estão desempregados ou que recebem até um salário mínimo e meio, por meio da apresentação da documentação abaixo:

6.1.1 Solicitação de Isenção de Pagamento da Taxa de Inscrição, por escrito e assinada;

6.1.2 Cópia autenticada das páginas da Carteira Profissional (CTPS) e Previdência Social que contenham a foto, a qualificação civil e a anotação do último contrato de trabalho do candidato, com a correspondente data da saída anotada, e da primeira página subseqüente ou através de documento idôneo que comprove que o candidato, anteriormente a essa solicitação:

a) teve extinto vínculo empregatício;

b) teve extinto vínculo estatutário com o poder público;

c) encerrou o exercício de outra atividade reconhecida legalmente como autônomo, devidamente comprovada através de declaração de próprio punho, sob as penas da lei, atestando que o candidato interessado não exerce a profissão como autônomo.

6.1.3 Comprovante de inscrição efetuada no Posto de Atendimento.

6.2 Os documentos acima relacionados deverão ser protocolados no Posto de Atendimento.

6.2.1 Os originais dos documentos solicitados deverão ser apresentados ao atendente do posto no ato da inscrição.

6.2.2 A Carteira Profissional deverá estar devidamente atualizada, em se tratando de profissional da iniciativa privada, ou da iniciativa pública desde que celetista.

6.2.3 Certidão ou Declaração no caso de servidor público estatutário.

6.3 A solicitação de isenção feita ficará ainda sujeita à verificação.

6.4 A não apresentação de qualquer documento estabelecido para comprovar a condição de que trata o subitem 6.1 ou a apresentação dos documentos fora dos padrões e formas solicitadas, implicará no indeferimento do pedido de isenção.

6.5 Sendo constatada, a qualquer tempo, como falsa, qualquer documentação entregue, será cancelada a inscrição por ventura efetivada e anulados todos os atos dela decorrentes, respondendo ainda seu autor, pela não verassidade, na forma da lei.

6.6 Os candidatos com isenção concedida terão sua inscrição, automaticamente efetivada. Os candidatos que tiverem sua solicitação de inscrição com isenção da taxa indeferida, deverão providenciar o recolhimento da mesma na data e agência a ser estipulada no edital do Concurso.

7 - DAS PROVAS OBJETIVAS - CLASSIFICATÓRIA E ELIMINATÓRIA

7.1 A Prova Objetiva para todos os cargos constantes do Quadro do subitem 1.2 tem caráter eliminatório e classificatório, sendo compostas de 60 (sessenta) questões para os cargos com pré requisito de escolaridade de nível superior e 40 (quarenta) questões para os cargos com pré requisito de escolaridade de nível fundamental e médio.

7.2 As Provas Objetivas serão realizadas no município de COLATINA.

7.3 As questões da Prova Objetiva são do tipo múltipla escolha e cada questão conterá 5 (cinco) alternativas de resposta sendo somente 1 (uma) correta.

7.4 A relação de disciplinas, a quantidade de questões por disciplina, o valor de cada questão e a pontuação necessária para aprovação estão descritos no Anexo II deste Edital.

7.5 As provas serão realizadas em locais a serem divulgados conforme item 4 - DA DIVULGAÇÃO e distribuídas de acordo com o quadro abaixo:

7.6 Os Conteúdos Programáticos dos Cargos constam do Anexo III deste Edital.

7.7 A duração da prova objetiva será de 4(quatro) horas para os cargos com pré requisito de escolaridade nível superior e de 3(três) horas para os cargos com pré requisito de escolaridade fundamental e médio.

7.8 O candidato deverá comparecer ao local designado para a realização das provas com antecedência mínima de 1 (uma) hora do horário fixado para o seu início, munido de caneta esferográfica de tinta azul ou preta, do CDI - Comprovante Definitivo de Inscrição ou do Comprovante de Pagamento da Inscrição e, obrigatoriamente, do documento de identificação.

7.9 Serão considerados documentos de identificação: carteiras expedidas pelos Comandos Militares, pelas Secretarias de Segurança Pública, pelos Institutos de Identificação e pelos Corpos de Bombeiros Militares; carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores do exercício profissional; passaporte; certificado de reservista; carteiras funcionais do Ministério Público; carteiras funcionais expedidas por órgão público que, por lei federal, valham como identidade; carteira de trabalho; Carteira Nacional de Habilitação (somente o modelo novo, com foto).

7.10 O documento de identificação deverá estar em perfeitas condições, de forma a permitir, com clareza, a identificação do candidato e de sua assinatura. Não serão aceitos como documentos de identificação: CPF (CIC), certidões de nascimento, títulos eleitorais, carteiras de motorista (modelo antigo sem foto), carteiras de estudante, carteiras funcionais sem valor de identidade nem cópias de documentos de identificação, ainda que autenticados, ou protocolos de entrega de documentos.

7.11 Não será admitido o ingresso de candidatos no local de realização das provas após o horário fixado para o seu início.

7.12 Ao entrar na sala o candidato recebe seu Cartão de Respostas, o qual deve ser assinado e ter seus dados conferidos.

7.13 Não haverá segunda chamada para a Prova Objetiva. O não comparecimento na Prova Objetiva, qualquer que seja a alegação, acarretará a eliminação automática do candidato do certame.

7.14 É vedado ao candidato prestar a prova objetiva fora do local, data e horário divulgados pela organização dos Concursos Públicos.

7.15 O candidato somente poderá retirar-se do local de realização da prova, após 1h (uma hora) do início da mesma.

7.16 Não haverá, por qualquer motivo, prorrogação do tempo previsto para a aplicação da prova em virtude do afastamento do candidato da sua sala.

7.17 Durante a realização das provas, não serão fornecidas, por qualquer membro da equipe de aplicação, informações referentes ao conteúdo e aos critérios de avaliação das mesmas.

7.18 Será automaticamente ELIMINADO do certame o candidato que, durante a realização da prova:

a) usar ou tentar usar meios fraudulentos ou ilegais para a sua realização;

b) for surpreendido dando ou recebendo auxílio na resolução da prova;

c) utilizar-se de anotações, impressos ou qualquer outro material de consulta;

d) utilizar-se de quaisquer equipamentos eletrônicos que permitam o armazenamento ou a comunicação de dados e informações;

e) faltar com a devida urbanidade para com qualquer membro da equipe de aplicação das provas, as autoridades presentes ou candidatos;

f) afastar-se da sala, a qualquer tempo, sem o acompanhamento de fiscal;

g) ausentar-se da sala, durante a prova, portando o Cartão de Respostas ou Caderno de Questões;

h) descumprir as instruções contidas no Caderno de Questões;

i) perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos.

7.19 Será anulada a resposta que contiver mais de uma ou nenhuma alternativa assinalada, ou que contiver emenda ou rasura.

7.20 O candidato deverá transcrever as respostas da prova objetiva para o Cartão de Respostas, que será o único documento válido para a correção. O preenchimento do Cartão de Respostas é de inteira responsabilidade do candidato, que deverá proceder de conformidade com as instruções específicas contidas na capa do Caderno de Questões. Não haverá substituição do Cartão de Respostas por erro do candidato.

7.21 Ao terminar a Prova Objetiva, o candidato entregará ao Fiscal de Sala, obrigatoriamente, o Cartão de Respostas devidamente assinado.

7.22 O Caderno de Provas poderá ser entregue aos candidatos desde que os interessados em recebê-lo permaneçam na sala, até 15 minutos antes do término previsto da prova.

8 DA PROVA DE TÍTULOS - CLASSIFICATÓRIA

8.1 Os Candidatos aprovados na Prova Objetiva deverão submeter-se a Prova de Títulos, cujas cópias autenticadas dos mesmos, deverão ser enviadas, nos dias a serem informados através de Aviso, divulgado conforme item 4 - DA DIVULGAÇÃO deste Edital.

8.2 Os documentos deverão ser acondicionados em um envelope, com as seguintes informações: NOME DO CANDIDATO, NÚMERO DA INSCRIÇÃO, CARGO A QUE CONCORRE, PROVA DE TÍTULOS DO CONCURSO PÚBLICO Nº 001/2007 DO SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR.

8.2.1 O envelope deverá ser postado dentro do prazo conforme o item 8.1 e destinado à FUNDAÇÃO CONESUL DE DESENVOLVI MENTO, Rua Cel Aparício Borges, 2664 - CEP 90.680-570, Partenom, Porto Alegre/RS.

8.2.2 Para fins de controle, a data de postagem será a data válida de entrega dos títulos.

8.3 Esta prova valerá até 40 (quarenta) pontos, de acordo com o quadro de pontuação abaixo, sendo estes somados aos pontos obtidos na Prova Objetiva, para fins de classificação.

PONTUAÇÃO MÁXIMA DA PROVA DE AVALIAÇÃO DE TÍTULOS

Discriminação de Pontos por área

Pontuação Máxima

I - Qualificação Profissional

30

II - Exercício de Atividades Profissionais

10

Total

40

8.3.1 Discriminação de pontos por área:

a) Qualificação Profissional

Especificação

Pontos por Título

1- Pós-Graduação : Na área do Cargo;

Título de Doutor na formação exigida para o cargo;

Título de Mestre na formação exigida para o cargo;

Curso de Pós-Graduação em nível de Especialização com no mínimo 360 (trezentas e sessenta) horas na disciplina ou segmento/modalidade na formação exigida para o cargo.

 
15

10

5

2 - Graduação:

Diploma de conclusão de Curso Superior desde que não seja pré-requisito para o Cargo pretendido.

5

3 - Curso de Atualização e/ou Aperfeiçoamento na área objeto do Cargo pretendido, realizado a partir de 1 de Janeiro de 2003:

Curso com carga horária igual ou superior a 180 horas; Curso com carga horária igual ou superior a 120 horas; Curso com carga horária igual ou superior a 80 horas; Curso com carga horária igual ou superior a 30 horas.

5
4
3
2

4 - Publicações Técnico-Científicas na área exigida para a área objeto do Cargo pretendido:

Livro Técnico;

Capítulo de Livro Técnico;

Artigos, resenhas e resumos...

 

10

5

4

5 - Participação em Eventos como congressos, jornadas, simpósios, certames, colóquios, seminários, envolvendo tema da disciplina ou segmento/modalidade na área objeto do Concurso:

Participação como conferencista, coordenador, organizador, apresentador de trabalho;

Participação apenas como ouvinte.

 
 
 
5

2

b) Exercício de Atividades Profissionais

O exercício de atividades profissionais considerado como título é o tempo de serviço prestado pelo candidato na área objeto do cargo pleiteado prestado a administração Pública Federal, Estadual, Municipal ou Iniciativa Privada.

Discriminação

Comprovação

Pontos

Tempo de serviço prestado à Administração Pública ou privada.

A comprovação do Tempo de Serviço prestado na Administração Pública será exercida por meio da entrega certidões originais fornecidas pelo poder público.

A comprovação Tempo de Serviço prestado na Iniciativa Privada será exigida, obrigatoriamente, cópia autenticada em cartório do registro na Carteira de Trabalho (identificação, fotografia e registro no contrato de trabalho).

2 pontos por ano completo até o limite de 10.

8.4 Caberá recurso contra os resultados divulgados.

8.5 Títulos sem conteúdo programático ou sem carga horária não serão válidos.

8.6 Não serão válidos os títulos vinculados à formação e considerados pré-requisito para o cargo ao qual o candidato concorre.

8.7 O título deverá ser Diploma, Certificado de conclusão ou participação, expedido pela instituição oficial de ensino devidamente reconhecida.

8.8 Os títulos com carga horária expressa em dia ou mês serão convertidos em horas seguindo-se a seguinte regra: 1 dia equivalerá a 8 horas e 1 mês equivalerá a 80 horas.

8.9 Cursos de língua estrangeira, relações humanas e informática serão considerados.

8.10 Os títulos em língua estrangeira somente poderão ser considerados quando acompanhados por tradução para a língua portuguesa e feita por tradutor juramentado e validados por instituição brasileira competente.

8.11 Quando o nome do candidato constante no título apresentado for diferente do nome declarado na inscrição, deverá ser anexado comprovante oficial de alteração do nome.

8.12 Os títulos apresentados não serão devolvidos aos candidatos.

9 - DA PROVA PRÁTICA - ELIMINATÓRIA E CLASSIFICATÓRIA

9.1 A Prova Prática ocorrerá para o cargo de Profissional de Suporte II.

9.2 Somente será submetido à prova prática, o candidato que for aprovado na prova objetiva. Serão convocados para esta etapa até 5 (cinco) candidatos por vaga oferecida, obedecendo a ordem de classificação obtida pela soma da pontuação da Prova Objetiva com a da Prova de Títulos.

9.3 A prova pratica será realizada em data, horários e local a serem divulgados conforme item 4 - DA DIVULGAÇÃO deste Edital e os candidatos serão convocados na medida da necessidade da administração do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL-SANEAR, respeitado o prazo de validade deste certame.

9.4 A Prova Prática valerá 20 (vinte) pontos e será constituída de 2 (duas) tarefas, valendo 10 (dez) pontos cada tarefa.

9.5 Não poderá o candidato interpor recurso referente à Prova Prática.

9.6 A critério da do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL-SANEAR, a prova prática poderá ser realizada em qualquer dia da semana.

9.7 Os candidatos deverão comparecer ao local destinado à realização da Prova Prática com antecedência mínima de 1h (uma hora) do horário previsto para o seu início, munido, obrigatoriamente, de documento de identificação e da Carteira Nacional de Habilitação, categoria "D" ou superior.

9.8 O detalhamento da Prova Prática consta do Anexo IV do Edital.

10 - DA CONVOCAÇÃO PARA AS PROVAS

As convocações para as Provas, serão divulgadas através de Avisos, conforme disposto do item 4 - DA DIVULGAÇÃO, deste Edital.

11 - DOS RECURSOS

11.1 O candidato poderá interpor recurso no prazo de 02 (dois) dias úteis a contar do primeiro dia subseqüente à publicação, conforme item 4 - DA DIVULGAÇÃO nos seguintes casos:

a) referente às inscrições não homologadas;

b) referente às questões das Provas Objetivas, e do resultado da Prova de Títulos;

11.2 Os recursos deverão ser protocolados no Protocolo Geral do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR, Rua Benjamim Costa, 105 - Bairro Marista - Colatina/ES, no horário das 9h às 11h 30 min e das 14h às 17h.

11.3 Para cada questão recorrida deverá ser utilizado um formulário denominado Recurso Administrativo (Anexo V), onde devem ser fundamentadas as razões pelas quais o recorrente discorda do gabarito ou conteúdo da questão.

11.4 O Requerimento de Recurso (Anexo VI), devidamente preenchido, deverá capear o(s) recurso(s) administrativo(s) referidos no subitem 11.3.

11.5 O(s) Recurso(s) Administrativo(s) e o Requerimento de Recurso deverão ser digitados ou datilografados.

11.6 Não serão aceitos recursos enviados por via postal, via e-mail e fac-símile ou qualquer outro meio que não o previsto neste Edital.

11.7 Após o julgamento dos recursos sobre gabaritos e questões objetivas, os pontos correspondentes às questões eventualmente anuladas serão atribuídos a todos os candidatos, indistintamente, do mesmo modo, quando houver alteração de gabarito, ela valerá para todos os candidatos independentemente de terem recorrido.

11.8 Eventuais alterações de gabarito, após análise de recursos, serão divulgadas conforme item 4 - DA DIVULGAÇÃO, deste Edital.

11.9 A Comissão Examinadora da FUNDAÇÃO CONESUL DE DESENVOLVIMENTO é a última instância para recursos, sendo soberana em suas decisões, razão pela qual não caberão recursos adicionais.

11.10 Serão indeferidos os recursos que não atenderem os dispositivos aqui estabelecidos.

12 - DA CLASSIFICAÇÃO

Serão classificados somente os candidatos aprovados e a respectiva classificação observará a ordem numérica decrescente da pontuação individualmente alcançada, obtida pela soma da pontuação da Prova Objetiva com a da Prova de Títulos, considerando-se em primeiro lugar o candidato que obtiver a maior soma de pontos, e assim sucessivamente e quando for o caso aplicando os critérios de desempate conforme item 14 - DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE.

13 - DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE

13.1 Em caso de igualdade na pontuação final do Concurso, o desempate se dará adotando-se os critérios abaixo, pela ordem e na seqüência apresentada, obtendo melhor classificação o candidato que tiver:

a) idade mais elevada dos candidatos com 60(sessenta) anos ou acima, nos termos do parágrafo único do artigo 27 da Lei Federal nº 10741/2003, na data do término das inscrições;

b) obtido a maior pontuação em Conhecimentos Específicos (quando for o caso);

c) obtido a maior pontuação em Língua Portuguesa;

d) obtido a maior pontuação em Matemática (quando for o caso);

e) obtido a maior pontuação em Informática(quando for o caso);

13.2 Persistindo o empate entre os candidatos, depois de aplicados todos os critérios acima, o desempate se dará através de sorteio público a ser convocado conforme item 4 - DA DIVULGAÇÃO

14 - DA PUBLICAÇÃO DOS RESULTADOS

14.1 O Gabarito Preliminar (antes da análise dos recursos) será divulgado, conforme item 4 - DA DIVULGAÇÃO, em até 05 (cinco) dias úteis após a realização da prova objetiva e, ao término da análise dos recursos, será divulgado o Gabarito Definitivo.

14.2 A Classificação Final contendo os resultados obtidos nas Provas Objetivas, Prova de Títulos, e Prova Prática, será divulgada através de Avisos conforme disposto no item 4 - DA DIVULGAÇÃO, deste Edital.

14.3 Para os candidatos Portadores de Necessidades Especiais (PNE), os resultados serão apresentados em listas específicas.

15 - DO PROVIMENTO DAS VAGAS

15.1 O provimento dos Cargos obedecerá rigorosamente à ordem de classificação dos candidatos aprovados.

15.2 Os aprovados que vierem a ingressar no Quadro de Pessoal do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR, serão regidos pelo Regime Estatutário.

15.3 Os aprovados que vierem a ingressar no Quadro de Pessoal do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR estarão sujeitos à jornada de trabalho correspondente ao Plano de Cargos, Leis Municipais 5275 de 14 de março de 2007 e Lei Complementar 35/05 de 30 de dezembro de 2005 inclusive com as alterações que vieram a se efetivar, bem como poderão ser convocados para laborar em regime de plantão para o bom desempenho do serviço.

15.4 Ficam comunicados os candidatos classificados, de que sua posse no Cargo, só lhes será dada se atenderem às exigências a seguir:

Ser aprovado e classificado em todas as etapas do Concurso Público;

Ter nacionalidade brasileira e, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo estatuto de igualdade entre brasileiros e portugueses, com reconhecimento do gozo dos direitos políticos, nos termos do parágrafo 1º do artigo 12 da Constituição da República Federativa do Brasil e na forma do disposto no artigo 13 do Decreto no 70.436, de 18 de abril de 1972;

Ter idade mínima de 18 anos completos por ocasião da inscrição;

Estar em gozo dos direitos políticos;

Estar quite com as obrigações militares e eleitorais;

Não registrar antecedentes criminais, ou no caso destes, ter cumprido integralmente as penas cominadas;

Não ter sido demitido ou exonerado da Prefeitura Municipal de Colatina e Serviço Colatinense de Meio Ambiente e Saneamento Ambiental - SANEAR por justa causa ou em decorrência de processo administrativo disciplinar e não estar não estar incompatibilizado com investidura do Cargo, inclusive em razão de demissão por atos de improbidade, comprovados por meio de sindicância e ou inquérito Administrativo, na forma da Lei;

Firmar declaração de não estar cumprindo sanção por inidoneidade, aplicada por qualquer órgão público ou entidade da esfera federal, estadual ou municipal;

Possuir o pré-requisito exigido para o cargo ao qual concorre, e situação regular no órgão fiscalizador do exercício da profissão, para o cargo que o exigir;

Apresentar todos os documentos que forem exigidos pelo SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR à época da posse em razão de regulamentação municipal;

Ser considerado APTO no exame de saúde pré-admissional, conforme rotina estabelecida exigidos pelo SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR, devendo o candidato se submeter aos exames clínicos e laboratoriais julgados necessários, que correrão por conta SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR.

16 - DA HOMOLOGAÇÃO E DA VALIDADE

16.1 O resultado final homologado pelo SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR será divulgado por cargo e conterá os nomes dos candidatos classificados, obedecendo à estrita ordem de classificação.

16.2 A validade do Concurso Público será de 2 (dois) anos a partir da data da publicação da homologação da classificação final, podendo ser prorrogado pelo prazo máximo de 2 (dois) anos, a critério da SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR.

17 - DA CONVOCAÇÃO PARA INGRESSO

17.1 Durante o período de validade deste Concurso Público, fica o candidato aprovado obrigado a manter atualizado junto ao SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL-SANEAR seus dados cadastrais e endereço, sob pena de perder a vaga que lhe corresponderia quando da convocação.

17.2 A divulgação da Convocação dos Aprovados nestes Concursos se dará através de Avisos conforme disposto no item 4 - DA DIVULGAÇÃO, deste Edital, devendo o candidato comparecer no local e horário estabelecido pelo SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO - SANEAR no prazo de 10 (dez) dias úteis após a convocação

17.3 Por ocasião do ingresso, serão exigidos dos candidatos classificados os documentos relativos à confirmação das condições estabelecidas nos subitens 1 .2 e 15.4 deste Edital, sendo que a não apresentação de quaisquer deles importará na exclusão do candidato da lista de classificados.

17.4 O candidato aposentado por aposentadoria especial não poderá ingressar no SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR em cargo/função cujo exercício da atividade infrinja disposição contida na Lei nº 9.032/95.

17.5 No ato da contratação, o candidato não poderá estar aposentado por invalidez e nem possuir idade de aposentadoria compulsória, ou seja, 70 anos. Também não poderá receber proventos de aposentadoria oriundo de cargo, emprego ou função exercidos perante a União, Estado, Distrito Federal, Município e suas autarquias, empresas ou fundações, conforme preceitua o Art. 37, § 10 da Constituição Federal, com a redação de Emenda Constitucional n° 20 de 15/12/98, ressalvada as acumulações permitidas pelo inciso XVI do citado dispositivo constitucional, os cargos eletivos e os cargos ou empregos em comissão.

18 - DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

18.1 O SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR e a FUNDAÇÃO CONESUL DE DESENVOLVI MENTO não assumem qualquer responsabilidade quanto ao transporte, alojamento e/ou alimentação dos candidatos, quando da realização das etapas deste certame.

18.2 O candidato que fizer qualquer declaração falsa ou inexata ao se inscrever, ou que não possa satisfazer todas as condições enumeradas neste Edital, terá cancelada sua inscrição e serão anulados todos os atos dela decorrentes, mesmo que tenha sido aprovado nas provas e exames ou nomeado.

18.3 Os candidatos aprovados neste concurso serão convocados pelo SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR, na medida da necessidade de pessoal.

18.4 Por justo motivo, do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL- SANEAR, a realização de 01 (uma) ou mais provas do presente concurso poderá ser adiada, sem a necessidade de prévio aviso, devendo, no entanto, ser comunicado aos candidatos por novo Edital ou por comunicação direta, as novas datas em que se realizarão as provas.

18.5 Todas as demais informações sobre o presente Concurso, serão divulgadas conforme o disposto no item 4 - DA DIVULGAÇÃO, cabendo, no entanto, ao candidato, a responsabilidade de manter-se informado.

18.6 Os casos omissos, pertinentes à realização deste Concurso Público serão dirimidos, pela Comissão de Concurso do SERVIÇO COLATINENSE DE MEIO AMBIENTE E SANEAMENTO AMBIENTAL-SANEAR em conjunto com a FUNDAÇÃO CONESUL DE DESENVOLVIMENTO.

19 - ÍNDICE DE ANEXOS

ANEXO I - ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS

ANEXO II - DETALHAMENTO DAS PROVAS OBJETIVAS

ANEXO III - CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

ANEXO IV - PROVA PRÁTICA

ANEXO V - FORMULÁRIO DE RECURSO ADMINISTRATIVO

ANEXO VI - REQUERIMENTO DE RECURSO

ANEXO I - ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS

PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO I PO I

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades básicas dos sistemas de operação da Companhia. São atividades típicas do cargo, as relacionadas a seguir, podendo ser atribuídas outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

1 - Nas atividades Comuns e Complementares

Manter a ordem, segurança e condições de conservação e higiene do local de trabalho.

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios equipamentos relativos à área de atuação mantendo os locais limpos e arrumados.

Realizar serviços de carga e descarga de materiais, máquinas, equipamentos e ferramentas em geral, utilizadas na realização das atividades de apoio ao sistema operacional da Companhia, auxiliando na montagem, desmontagem e instalação nos locais determinados, para possibilitar a execução dos serviços.

Realizar o controle de qualidade dos serviços realizados, visando o atendimento aos padrões estabelecidos, bem como o aprimoramento das atividades.

Zelar pelo fiel cumprimento das normas e procedimentos relativos à segurança do trabalho.

2 - Nas atividades de Apoio Operacional

Executar serviços de varrição, coleta e transporte de lixo industrial, domiciliar, hospitalar e rural e lavagem de ruas e logradouros públicos, limpeza e arrumação de imóveis públicos municipais, mantendo-os em condições adequadas, acondicionando os materiais coletados conforme as orientações e procedimentos estabelecidos.

Executar serviços de conservação de ruas e logradouros públicos, realizando capinas, roçadas, pinturas em meio-fio, muros, grades e postes, limpeza de ralos, trincheiras, bocas de lobo, caixas de visita e outras atividades correlatas.

Executar serviços de apoio na operação das estações de tratamento de água, operando máquinas e equipamentos apropriados, carregando tanques e dosadores de produtos químicos e preparando as respectivas soluções, dentre outras atividades, em observância a normas especificas e às orientações técnicas recebidas.

Executar serviços de apoio na operação das estações elevatórias de água e/ou esgoto, acionando os conjuntos de motos-bombas, verificando sistemas de proteção dos equipamentos elétricos e mecânicos, assegurando a continuidade dos trabalhos.

Executar serviços de instalação e conserto de tubulações e encanamentos em geral nas dependências internas e externas da Companhia, utilizando os materiais e realizando os trabalhos de acordo com as especificações e orientações recebidas.

Executar serviços auxiliares de manutenção corretiva e preventiva de máquinas, equipamentos, instalações, dentre outros integrantes do sistema de operação da Companhia, envolvendo partes elétricas, mecânicas, eletrônicas, pneumáticas, hidráulicas, de instrumentação e outras correlatas, utilizando utensílios e instrumentos apropriados, conforme orientações recebidas.

Cultivar plantas, preparando o substrato, beneficiando e plantando sementes e mudas, fazendo os canteiros, realizando o replantio, a irrigação, adubação, capina, manutenção, conservação, coleta de sementes, bem como a colheita nas áreas cultivadas de abrangência da Companhia.

Executar atividades de limpeza e conservação das áreas de cultivo, confeccionando e mantendo cercas, consertando porteiras, cuidando de jardins, mantendo os locais em condições adequadas.

Realizar o reflorestamento de áreas devastadas, recompondo encostas, evitando a ocorrência de deslizamentos e preservando o meio ambiente local.

Realizar serviços de corte e poda da arborização urbana para conservar e embelezar os logradouros públicos.

Realizar serviços de instalação de brinquedos, bancos, lixeiras e outros, atendendo às demandas voltadas para a execução de projetos de paisagismo, construção e /ou reforma de parques e jardins.

Executar serviços de instalação e conserto de tubulações e encanamentos em geral nas dependências internas e externas da Companhia, utilizando os materiais e realizando os trabalhos de acordo com as especificações e orientações recebidas.

PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO II PO II

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades integrantes de etapas de processos ou de processos completos de trabalho, necessárias ao desenvolvimento das atividades do sistema de operação da Companhia, que requerem o conhecimento dos processos integrantes de sua área de atividade, exigindo a aplicação de conhecimentos básicos no seu campo de atuação.

São atividades típicas do cargo, as relacionadas a seguir, podendo ser atribuídas outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato. O ocupante do cargo de Profissional de Operação II deverá absorver o exercício de atividades típicas do cargo de Profissional de Operação I, sempre que exigido para manter a continuidade do funcionamento dos sistemas da Companhia.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

1 - Atividades Comuns e Complementares

Manter a ordem, segurança e condições de conservação e higiene do local de trabalho.

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios e equipamentos relativos à área de atuação mantendo os locais limpos e arrumados.

Realizar controle da qualidade dos serviços prestados, visando o atendimento aos padrões estabelecidos, bem como o aprimoramento das atividades.

Registrar dados e informações sobre as tarefas executadas, preencher documentos de acompanhamento das atividades, bem como requisitar materiais e equipamentos necessários a sua atuação.

Participar dos programas de treinamento e aperfeiçoamento relacionados com sua área de competência profissional.

Zelar pelo fiel cumprimento das normas e procedimentos relativos à segurança do trabalho.

2 - Nas atividades de Apoio Operacional

Executar tarefas de apoio na operação do sistema de coleta de lixo, fazendo o controle e registro dos resíduos industriais, domiciliares e hospitalares, em formulário especifico, realizando a pesagem, triagem, recuperação, incineração, compactação, prensagem, classificação, armazenamento, acondicionamento, estocagem, expedição e outras correlatas, utilizando-se de materiais, máquinas e equipamentos necessários à realização as ações, em obediências as normas e procedimentos técnicos estabelecidos.

Executar atividades de operação de usina de asfalto, preparando as misturas de acordo com as orientações recebidas, selecionando o material, obedecendo às dosagens, depositando nos recipientes apropriados, acionando os dispositivos e equipamentos necessários, assegurando a qualidade do produto fabricado.

Abastecer os caminhões com o asfalto, por meios mecânicos e de acordo com as solicitações programadas.

Executar serviços de recuperação e pavimentação de vias públicas e obras similares, utilizando máquinas, equipamentos, ferramentas e materiais adequados à realização dos trabalhos.

Executar atividades do sistema de água e esgoto que envolvem a captação, adução, tratamento, distribuição e coleta, realizando atividades de montagem, desmontagem, medição, leitura, aferição, manobras, consertos, reparos, construções, substituições, instalações, testes, lubrificações, lavagens, utilizando-se de máquinas, equipamentos, instrumentos, materiais e procedimentos técnicos apropriados para assegurar a qualidade dos resultados.

Executar serviços de apoio na operação das estações de tratamento de esgoto, preparando substâncias apropriadas de acordo com orientações técnicas recebidas, realizando limpezas periódicas nas caixas de retenção, retirando materiais sólidos, executando descargas de fundos, providenciando a preparação dos dejetos para encaminhamento aos locais de destino, conforme finalidades específicas, assegurando os padrões de qualidade e funcionalidade requeridos.

Executar serviços de consertos e desobstruções de redes em vias públicas, cortes, ligações e religações domiciliares, verificação e reparos de aparelhos de medição, de vazamentos e de pavimentos, verificação de divergências em leituras de hidrômetros e outras correlatas, de acordo com as ordens de serviço emitidas.

Executar serviços de serralharia e soldagem, confeccionando, reparando e/ou instalando peças necessárias ao funcionamento do sistema de saneamento da Companhia.

Executar serviços de alvenaria, concreto e revestimento em geral, utilizando os materiais e realizando os trabalhos conforme as especificações e instruções recebidas.

Executar atividades de controle de qualidade da água e esgoto, obedecendo aos roteiros de pesquisas de campo estabelecidos, realizando serviços de coleta de amostras durante as fases de tratamento e distribuição, por meio da utilização de equipamentos, instrumentos e materiais apropriados, em observância às orientações e procedimentos estabelecidos, para realização das análises bacteriológicas e físico-químicas, realizando os registros necessários em formulário específico.

Realizar visitas e vistorias em domicílios, estabelecimentos comerciais, industriais e outros, orientando a execução de instalações prediais de abastecimento de água, destino de dejetos, de águas servidas e do lixo, visando à melhoria das condições de saneamento do município.

Participar de campanhas de educação sanitária, distribuindo materiais, auxiliando na organização e na divulgação, de acordo com a programação de locais e público-alvo.

Participar de campanhas de educação ambiental, distribuindo materiais, auxiliando na organização e na divulgação, de acordo com a programação de locais e público-alvo.

PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO III PO III

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades integrantes de etapas de processos ou de processos completos de trabalho, necessárias ao desenvolvimento das atividades do sistema de operação da Companhia. A adequada ação do ocupante requer conhecimentos profissionais específicos, diretamente relacionados aos processos de trabalho em que está envolvido, requerendo a compreensão dos sistemas da Companhia.

O cargo requer acompanhamento permanente das atividades que desenvolve, sendo executadas em observância às normas específicas, orientações técnicas e funcionais estabelecidas pela liderança de seu grupo de trabalho, exigindo também a programação de serviços e de equipes, elaboração e acompanhamento de cronogramas e outras atividades correlatas que assegurem o cumprimento de metas estabelecidas para sua área de atuação.

São atividades típicas do cargo as relacionadas a seguir, podendo ser atribuídas outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato. O ocupante do cargo de Profissional de Operação III deverá absorver o exercício de atividades típicas do cargo de Profissional de Operação II, sempre que exigido para manter a continuidade do funcionamento dos sistemas da Companhia.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

1 - Nas Atividades Comuns e Complementares

Coletar, reunir, tabular e analisar as informações necessárias à tomada de decisões dos níveis superiores do sistema de operação da Companhia.

Requisitar materiais e instrumentos necessários à realização de tarefas, emitindo pedidos e/ou solicitações de compras, especificando tipo, quantidade, encaminhando ao superior imediato para autorização.

Utilizar meios de comunicação, tais como aparelho de "fac-símile", internet, telefone e outros, necessários ao fluxo de informação da sua área de atuação de acordo com normas internas específicas ao superior imediato para autorização

Manter contatos internos e externos, prestando e recebendo informações sobre as operações realizadas na sua área de atuação, procurando manter a uniformidade de atendimento e compatibilização das atividades.

Manter permanente atualização da legislação, das políticas, das diretrizes, das normas, dos procedimentos operacionais administrativos, financeiros e organizacionais que interagem e/ou influenciam nas atividades da área de atuação.

Participar da análise das solicitações dos serviços operacionais, conferindo a exatidão da documentação a partir das normas e regulamentos vigentes, disponibilizando e diligenciando a solução junto às unidades administrativas competentes.

Utilizar equipamento de processamento eletrônico de dados, conforme demandas dos respectivos processos e sistemas, com aplicação de softwares específicos ou generalistas.

Realizar inspeções, emitir laudos e pareceres técnicos no limite de sua capacitação profissional. Manter a ordem, segurança e condições de conservação e higiene do local de trabalho.

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios e equipamentos relativos à área de atuação, mantendo os locais limpos e arrumados.

Realizar controle da qualidade dos serviços prestados, visando o atendimento aos padrões estabelecidos, bem como o aprimoramento das atividades.

Participar dos programas de treinamento e aperfeiçoamento, cursos, seminários e palestras, em assunto de interesse da Companhia e relacionados com sua área de competência profissional.

Zelar pelo fiel cumprimento das normas e procedimentos relativos à segurança do trabalho.

2 - Nas atividades Operacionais de Limpeza, Manutenção e Conservação Pública

Executar os serviços que envolvem a usina de asfalto, controlando e regulando as dosagens do líquido asfáltico, recebendo solicitações de necessidades de aplicação de asfalto e reparo na pavimentação de vias públicas, programando os trabalhos, definindo as equipes, analisando a qualidade dos serviços realizados e garantindo o resultado esperado.

Executar serviços que envolvem a operação do sistema de coleta de lixo domiciliar, hospitalar, industrial, seletivo urbano e rural e outros, elaborando roteiros das coletas a serem realizadas, mantendo controle da entrada e saída de caminhões para carga e descarga do lixo, emitindo e encaminhando às áreas competentes relatórios periódicos de pesagem do lixo, monitorando o processo de compactação de resíduos sólidos, encaminhando os materiais recicláveis aos locais estabelecidos, acompanhando a realização das atividades de campo para assegurar a qualidade de execução dos trabalhos.

Executar serviços que envolvem o sistema de varrição, lavagem de ruas e logradouros públicos, capina, roçagem de matagais, elaborando os roteiros e cronogramas dos trabalhos a serem realizados conforme rotinas estabelecidas, solicitações e reclamações da população, definindo equipes, providenciando a realização de mutirões, requisitando, controlando e distribuindo os materiais necessários às equipes, acompanhando os trabalhos executados, garantido o bom andamento das atividades.

Acompanhar e controlar as equipes de campo envolvidas no sistema de varrição e lavagem de ruas e logradouros públicos, estabelecendo os roteiros de trabalho, controlando e encaminhando a freqüência das turmas integrantes do projeto "Gari Comunitário" e dos profissionais próprios da Companhia, distribuindo as tarefas a serem executadas, disponibilizando o material necessário para a realização dos serviços, acompanhando a produtividade das equipes, emitindo relatório correspondente e encaminhando às áreas responsáveis pelos projetos.

Executar serviços que envolvem o sistema de fiscalização da limpeza pública, procedendo a vistoria, inspeção e fiscalização das áreas de acordo com a programação estabelecida, orientando e conscientizando a população acerca das irregularidades encontradas, lavrando notificações, autos de infração e outros documentos pertinentes, montando os processos administrativos, encaminhando a documentação às áreas específicas para tramitação e acompanhamento, garantindo e zelando pelo cumprimento de legislações, instruções e regulamentos específicos da área.

3 - Nas atividades Operacionais de Saneamento

Orientar, acompanhar e/ou executar as atividades relativas à operação do sistema de saneamento da Companhia, organizando as equipes envolvidas, definindo escalas de revezamento, bem como participar da análise projetos e/ou cadastros técnicos de subsídios à implantação de planos de manobras operacionais e outros correlatos conforme normas e procedimentos estabelecidos, assegurando o bom andamento das tarefas e a qualidade dos serviços realizados.

Atuar no desenvolvimento das atividades de manutenção corretiva e preventiva das máquinas, equipamentos, aparelhos e outros integrantes do sistema de saneamento da Companhia, acompanhando e/ou executando os trabalhos conforme programação estabelecida, definindo escalas de revezamento, garantindo a exatidão das tarefas realizadas, o cumprimento dos prazos e o alcance dos resultados esperados.

Executar atividades relativas ao abastecimento de água, acompanhando e controlando necessidades de distritos e outras localidades, elaborando roteiros e cronogramas para atendimento às demandas.

Controlar as solicitações de aprovação de projetos de saneamento e loteamento, informando à parte interessada sobre a aprovação ou necessidades de ajustes, providenciando as taxas e valores devidos, bem como comunicando ao proprietário para a retirada do projeto aprovado, retendo e arquivando uma via na área competente.

Participar de atividades de pesquisas, estudos, análises e levantamentos de campo, para geração de informações que subsidiem a tomada de decisão para elaboração de projetos de ampliação, alteração e/ou reformulação da infra-estrutura dos sistemas de água e esgoto.

Manter organizado e atualizado o cadastro de usuários dos serviços da Companhia, realizando levantamentos, pesquisas de campo, medições nos imóveis, inclusões, alterações e/ou exclusões referentes a economias residenciais, comerciais e industriais, taxas de lixo, dentre outros, encaminhando aos setores competentes para ajustes na emissão das contas.

Manter organizado e atualizado o sistema de rotas dos leitoristas, elaborando plantas, determinando o direcionamento e o encaminhamento das equipes para realização dos serviços.

A. tender às demandas por ligações, religações, cortes, consertos, micromedições dos hidrômetros do sistema de água e esgoto, dentre outros, recebendo ordens de serviços, estabelecendo programação, realizando vistorias em campo, indicando ao usuário o material necessário para ligação, registrando e controlando os serviços realizados em formulário específico.

Orientar e controlar os serviços de serralheria que envolvem a confecção de peças e outros componentes dos sistemas de água e esgoto, suprindo necessidades de materiais, definindo equipes de trabalho e atendendo às demandas de serviços dentro dos prazos estabelecidos.

Executar atividades que envolvem a fiscalização do sistema de água e esgoto, programando as rotas de visita, procedendo vistorias nos locais especificados, verificando as instalações hidro-sanitárias dos usuários, detectando vazamentos e irregularidades diversas, bem como indicando a viabilidade de concessão das ligações de água e esgoto, registrando e emitindo relatório das ocorrências detectadas, encaminhando ao setor competente para providências.

4 - Nas atividades Operacionais de Meio Ambiente

Executar atividades que envolvem o sistema de Educação Ambiental, agendando e programando visitas de estudantes e membros da comunidade em geral, recebendo-os, acompanhando-os e realizando apresentações sobre o funcionamento e histórico do local visitado, organizando acervo de materiais para pesquisa, atendendo aos públicos interno e externo nas demandas por revistas, fotos, painéis, jornais, livros, fitas e demais documentos do acervo, controlando os empréstimos e número de pesquisas realizadas pelos interessados, bem como recebendo relatórios das escolas provenientes das visitas e pesquisas realizadas por estudantes.

Organizar eventos, exposições, oficinas, feiras, palestras e campanhas voltadas para a Educação Ambiental, preparando os locais a serem utilizados, providenciando e confeccionando painéis, materiais educativos e outros, orientando e prestando informações à população, objetivando promover a proteção, conservação e recuperação da qualidade ambiental do município.

Participar da realização de pesquisas de campo, voltadas para o meio ambiente, realizando entrevistas junto ao público, registrando as informações coletadas em formulário específico, conforme orientações e procedimentos determinados.

Atuar junto aos catadores de lixo locais, identificando e cadastrando-os, para subsidiar a orientação e dar suporte ao processo de organização e formação de associações.

Participar de atividades de suporte à elaboração de projetos ambientais para captação de recursos externos.

Manter controle dos processos de requisição e distribuição de mudas, orientado os requerentes sobre a entrega do material solicitado, encaminhando-os aos locais apropriados para retirada das mudas.

Executar atividades que envolvem a fiscalização do sistema de meio ambiente, atendendo ao público, prestando informações voltadas para demandas de licenciamento e controle ambiental, realizando vistorias técnicas em atendimento a denúncias e /ou solicitações, preparando os expedientes necessários para emissão de licenças prévias, de instalação e de operação para empreendimentos e/ou atividades potencialmente poluidoras, identificando, monitorando e cadastrando fontes poluidoras, emitindo relatórios técnicos.

Manter controle da produção de resíduos do aterro sanitário, acompanhando as pesagens diárias por categorias, registrando em formulário específico os dados objetivando subsidiar os estudos e análises sobre a vida útil do aterro sanitário.

PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO IV PO IV

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades integrantes de etapas de processos ou de processos completos de trabalho, necessárias ao desenvolvimento das atividades do sistema de operação da Companhia. A adequada ação do ocupante requer conhecimentos técnicos profissionais específicos nas áreas de Desenho, Edificações, Eletrônica, Eletrotécnica, Mecânica, Meio Ambiente, Laboratório, Química, Agrícola e outras afins diretamente relacionadas aos processos de trabalho que desenvolve e/ou lidera. Sua atuação demanda o conhecimento inteiro e minucioso dos sistemas da Companhia.

O cargo requer o monitoramento continuado das atividades que executa e lidera, envolvendo a participação, formação e liderança de equipes, de acordo com as estratégias da Companhia e das orientações técnicas da respectiva área profissional, exigindo também programação de serviços e de equipes, a elaboração e acompanhamento de cronogramas e outras atividades correlatas que assegurem o cumprimento de metas estabelecidas para sua área de atuação. Sua atuação deverá estar permanentemente voltada para avaliar resultados, com vistas ao aprimoramento dos processos de trabalho.

São atividades típicas do cargo as relacionadas a seguir, podendo ser atribuídas outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato. O ocupante do cargo de Profissional de Operação IV deverá absorver o exercício de atividades típicas do cargo de Profissional de Operação II I , sempre que exigido para manter a continuidade do funcionamento dos sistemas da Companhia.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

1 - Nas atividades Comuns e Complementares

Executar e/ou participar das atividades de levantamento, composição, integração, elaboração, controle, tabulação, apuração, análise e avaliação de dados e informações, estudos estatísticos, índices, planejamento, organização, supervisão, programação e acompanhamento, necessárias à tomada de decisões.

Controlar a execução e/ou executar trabalhos de natureza técnica integrantes da sua área de atuação, de acordo com padrões, normas, metodologias e instruções determinadas para operacionalização dos sistemas de suporte e operação da Companhia.

Participar da elaboração de pesquisas e levantamentos de dados técnicos de obras e serviços relativos à sua área de atuação.

Participar da proposição de normas, instruções e especificações técnicas, levantando os dados e informações que subsidiem a elaboração de projetos de obras e serviços no âmbito da Companhia.

Acompanhar e participar da aplicação e utilização de programas destinados à operacionalização dos sistemas da sua área de atuação, avaliando os resultados obtidos, em atendimento às necessidades de serviços demandados.

Manter organizados e atualizados os arquivos de documentos e informações técnicas referentes a sua área de atuação de forma a facilitar a localização e consultas necessárias.

Prestar informações técnicas à população sobre os serviços prestados pela Companhia de acordo com a área de atuação.

Realizar especificações técnicas de projetos, equipamentos, máquinas, materiais e outros, fazendo o detalhamento de acordo com normas e padrões estabelecidos.

Analisar e interpretar projetos técnicos de acordo com a área de atuação.

Utilizar equipamento de processamento eletrônico de dados, abrangendo sua participação no desenvolvimento, utilização e avaliação de softwares e aplicações destinadas aos sistemas de suporte e operação da Companhia.

Realizar inspeções, emitir laudos e pareceres técnicos no limite de sua capacitação profissional. Manter a ordem, segurança e condições de conservação e higiene do local de trabalho.

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios e equipamentos, relativos à área de atuação, mantendo os locais limpos e arrumados.

Realizar controle da qualidade dos serviços prestados, visando o atendimento aos padrões estabelecidos, bem como o aprimoramento das atividades.

Participar dos programas de treinamento e aperfeiçoamento, cursos, seminários, palestras, em assuntos de interesse da Companhia e relacionados com sua área de competência profissional.

Zelar pelo fiel cumprimento das normas e procedimentos relativos à segurança do trabalho.

2 - Nas Atividades Técnicas Operacionais de Limpeza, Manutenção e Conservação Públicas

Controlar a qualidade da pavimentação asfáltica, realizando testes de granulometria, quantidade de pó de pedra e volume de pedra britada, assegurando sua adequação aos padrões estabelecidos.

Propor medidas destinadas a melhorar o funcionamento dos sistemas de varrição, coleta, destino final do lixo, visando o aumento da eficiência e redução dos custos operacionais.

3 - Nas atividades Técnicas Operacionais de Saneamento

Executar atividades que envolvem o sistema de controle de qualidade e de dosagem dos produtos químicos utilizados no tratamento de água e/ou dos esgotos, controlando, orientando e executando os processos relacionados com a coleta de amostras para análise físico-química, bacteriológica, microbiológica e biológica, manipulando, analisando e preparando as substâncias, produtos químicos e soluções padronizadas, realizando as análises, testes, lançando dados em sistema específico, emitindo e interpretando resultados, participando de ações voltadas para análise e pesquisa de qualidade de água consumida pelos clientes, bem como contribuindo na definição de padrões, técnicas e condições de funcionamento de todo aparelhamento técnico de laboratório nas unidades da Companhia.

Participar da realização de orçamentos para execução de projetos de obras e serviços voltados para a área de saneamento, levantando valores e preparando planilhas de custos específicos.

Executar atividades que envolvem o sistema de tratamento de água, controlando, orientando e executando os processos de preparação de soluções químicas, determinando dosagens em observância à vazão e turbidez da água, acompanhando a limpeza periódica das câmaras de floculação, decantação e filtração, realizando as análises físico-químicos da água em intervalos pré-determinados, analisando os resultados, assegurando a qualidade e os padrões de potabilidade exigidos.

Controlar, orientar e ou executar as atividades técnicas de manutenção corretiva e preventiva, envolvendo os serviços de mecânica, elétrica, eletrônica, hidráulica, de instrumentação, pneumática, de redes e outros nas máquinas, equipamentos e instrumentos acoplados ao sistema de saneamento da Companhia, bem como preparando a programação dos serviços executados por equipe própria ou de terceiros.

Participar de planos, programas, projetos educativos, levantamentos e controle de dados e informações relacionadas à área de saneamento de acordo com as demandas e metas estabelecidas.

Vistoriar e acompanhar obras, serviços e edificações relacionadas ao sistema operacional da Companhia, realizadas com recursos próprios ou de convênios, por equipe própria ou por terceiros contratados, verificando a quantidade e a qualidade dos materiais utilizados, observando o andamento dos trabalhos, realizando as medições técnicas, participando da análise de relatórios técnicos e outros documentos relativos ao desenvolvimento e conclusão dos serviços, controlando os respectivos cronogramas, tomando as medidas necessárias para assegurar o cumprimento das condições estabelecidas nos projetos.

Executar trabalhos técnicos referentes à elaboração de projetos, programas, pesquisas, levantamentos de campo e outros relacionados ao sistema de operação da Companhia, acompanhando o desenvolvimento e implantação de acordo com orientações, normas e procedimentos e emitindo pareceres.

Elaborar croquis, desenhos, plantas e projetos de obras, serviços e outros, utilizando técnicas e softwares específicos, em atendimento às demandas da área de atuação.

Analisar documentos, informações, projetos, plantas e outros, efetuando cálculos, instruindo processos, emitindo documentos pertinentes, em observância às normas estabelecidas.

4 - Nas Atividades Técnicas Operacionais de Meio Ambiente

Executar atividades topográficas relacionadas à elaboração de projetos para captação de recursos na área ambiental, analisando mapas, elaborando plantas, estudando as especificações, calculando medições, preparando os desenhos topográficos, utilizando instrumentos e aparelhos específicos, efetuando marcações, fornecendo os dados necessários para subsidiar estudos técnicos e elaboração de projetos.

Contribuir para o planejamento e execução dos projetos desenvolvidos pela Companhia nas áreas verdes, orientando quanto às técnicas de plantio, de produção de mudas, manutenção dos espaços físicos e coordenação de manejo, poda e retirada da arborização do Município, identificando e cadastrando em sistema específico as espécies de árvores porta-sementes, controlando os estoques de insumos e mudas, bem como mantendo o controle do processo de distribuição de mudas.

Exercer atividades relativas à fiscalização ambiental, vistoriando os locais conforme rotinas estabelecidas ou em atendimento a denúncias diversas, notificando, autuando, interditando ou embargando atividades poluidoras ou degradadoras do meio ambiente, liberando termos de anuências, alvarás e outros documentos para autorização de funcionamento de atividades com potencial poluidor, bem como vistoriando as áreas de solicitação de cortes de árvores e podas drásticas, emitindo pareceres e relatórios técnicos, contribuindo para a melhoria das condições ambientais.

Orientar tecnicamente as operações de limpeza pública do município, controlando e acompanhando periodicamente os serviços executados, preparando relatórios e encaminhando aos órgãos regulamentadores para conhecimento e análise.

Executar trabalhos técnicos referentes à elaboração de projetos, programas, pesquisas e outros relacionados à área ambiental, acompanhando o desenvolvimento e implantação de acordo com orientações, normas e procedimentos e emitindo pareceres.

Efetuar pesquisas de campo para elaboração de projetos e atendimento às solicitações da área ambiental.

Participar de planos, programas, projetos educativos, levantamentos e controle de dados e informações relacionadas à área ambiental de acordo com as demandas e metas estabelecidas.

Executar atividades voltadas para a manutenção e conservação de parques, jardins e logradouros públicos, programando, controlando e acompanhando as ações de varrição, jardinagem, poda, plantio, irrigação, adubação, reforma de equipamentos de lazer e outros.

PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO V PO V

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades do sistema de operação da Companhia, que exigem, para sua execução, a aplicação sistematizada de conhecimentos profissionais adquiridos por meio de formação acadêmica de nível superior, nas áreas de Engenharia, Agronomia, Arquitetura e Urbanismo, Ciências Biológicas, Bioquímica, Comunicação Social, Meio Ambiente, Estatística e outras afins, acrescidas de conhecimentos específicos necessários aos processos de trabalho que desenvolve. Estes conhecimentos serão aplicados em áreas específicas do campo de suas atividades, inclusive na orientação técnica a funcionários que integram sua equipe de trabalho.

O cargo requer do ocupante a coordenação, o desenvolvimento, a organização, o controle e a execução de projetos, pesquisas, análises, projeções e outros em áreas especializadas de nível superior, necessária à implementação dos objetivos dos sistemas e das estratégias da Administração da Companhia e/ou orientação e liderança de atividades de outros cargos de nível básico, médio ou superior, dirigindo trabalhos, de forma isolada ou em equipes, assegurando o cumprimento das metas estabelecidas.

As ações do cargo são desenvolvidas em ambiente de multidisciplinaridade, que exige do ocupante a aplicação de conhecimentos relacionados aos diversos processos e sistemas da Companhia, em concordância com as diretrizes, metas e prioridades estabelecidas pela Administração Superior, cabendo a execução de tarefas tais como as detalhadas a seguir e de outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

Desenvolver, organizar, controlar e/ou executar trabalhos técnicos especializados, a partir das orientações e estratégias da Administração Superior da Companhia, planejando serviços e atividades, definindo e solucionando problemas, coordenando a realização de pesquisas, análises, planos e projetos em sua área de atuação profissional, avaliando resultados e corrigindo cursos de ação;

Fazer cumprir em sua área de atuação, as soluções definidas para o desenvolvimento das atividades do sistema de operação da Companhia, bem como as orientações para a implantação de atividades políticas, diretrizes e recomendações estabelecidas pela Administração Superior;

Definir e solucionar problemas, apresentando caminhos alternativos de ação e especificando resultados prováveis;

Coordenar a realização de pesquisas, análises, planos e projetos em sua área de especialização; Promover a adequada utilização dos recursos disponíveis (materiais, humanos, financeiros e outros); Organizar e implantar processos, métodos, rotinas e procedimentos necessários à operacionalização do sistema de operação da Companhia, buscando a otimização dos serviços realizados;

Acompanhar as investigações de perícias técnicas em sua área de competência profissional, analisando laudos, pareceres ou relatórios emitidos pelo profissional competente;

Coordenar, desenvolver ou dirigir trabalhos técnicos especializados da área de atuação, de forma isolada ou em equipes de trabalho;

Realizar estudos e pesquisas em sua área de competência profissional, subsidiando a tomada de decisão da Administração Superior;

Fazer análises e projeções sobre assuntos de sua área de especialidade, inclusive como complemento à atividade desenvolvida por outras áreas da Companhia;

Controlar, acompanhar e analisar a execução de trabalhos técnicos contratados a terceiros, verificando a compatibilidade dos resultados intermediários e finais, com os objetivos e padrões estabelecidos pelo da Companhia;

Coordenar trabalhos junto às diversas unidades estruturais da Companhia, em assuntos de sua especialidade;

Coordenar a elaboração de contratos, projetos e outros documentos de interesse da Companhia; Acompanhar a legislação em vigor, relacionada à área de sua competência;

Desempenhar outras atribuições que na forma da lei que regulamenta a profissão se incluam na sua esfera de competência.

No desempenho do cargo será exigido do ocupante a utilização de equipamentos de processamento eletrônico de dados, abrangendo sua participação no desenvolvimento, utilização e avaliação de "softwares" e aplicações destinadas aos sistemas da Companhia.

Independente da área de atuação específica é responsabilidade de todo ocupante do cargo, a execução de tarefas tais como:

Manter a ordem, segurança e as condições de conservação e higiene do local de trabalho;

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios e equipamentos relativos à área de atuação, mantendo os locais limpos e arrumados;

Participar dos programas de treinamento e aperfeiçoamento, elaborando programas, ministrando cursos, seminários e palestras, em assuntos de interesse da Companhia e relacionados com sua área de competência profissional;

Executar tarefas próprias dos cargos de menor nível hierárquico, sempre que exigido para manter a continuidade do funcionamento dos sistemas de suporte e operacional e da Companhia.

PROFISSIONAL DE SUPORTE I PS I

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades básicas de suporte ao sistema de operação da Companhia.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

São atividades típicas do cargo as relacionadas a seguir, podendo ser atribuídas outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato.

1 - Nas atividades Comuns e Complementares

Manter a ordem, segurança e condições de conservação e higiene do local de trabalho.

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios equipamentos relativos à área de atuação mantendo os locais limpos e arrumados.

Realizar o controle de qualidade dos serviços realizados, visando o atendimento aos padrões estabelecidos, bem como o aprimoramento das atividades.

2 - Nas atividades de Serviços Gerais

Executar serviços de limpeza, higienização e conservação de imóveis, móveis, utensílios, equipamentos e correlatos nas dependências internas e externas da Companhia, mantendo em estado adequado para utilização.

Executar serviços de copa e cozinha, preparando refeições e lanches de acordo com os padrões estabelecidos.

Executar serviços de transporte, remoção e arrumação de móveis, equipamentos, máquinas, materiais e outros.

Executar serviços de limpeza de veículos automotores, utilizando-se de materiais e produtos adequados.

Executar atividades auxiliares de manutenção preventiva e corretiva das máquinas e equipamentos de escritório e outros.

Entregar processos, documentos, material impresso e/ou pequenos volumes às diversas unidades estruturais da Companhia, bem como outros órgãos públicos e privados.

Executar nas dependências internas e externas da Companhia serviços simples de pintura, alvenaria, marcenaria, carpintaria, elétrica, hidráulica e outros correlatos, bem como pequenas obras civis, realizando bases de construção, estruturas de concreto e instalação de equipamentos e máquinas em atendimento às solicitações de serviços e obras.

Executar serviços de manutenção elétrica e mecânica corretiva e preventiva nos veículos, da Companhia, utilizando ferramentas específicas ou outros utensílios, reparando e/ou substituindo peças ou conjuntos, realizando lavagens e lubrificações, testando e comprovando a exatidão dos trabalhos executados.

Executar serviços relativos à guarda e vigilância, mantendo a ordem e segurança nas dependências internas e externas da Companhia, realizando rondas, registrando ocorrências, tomando as providências cabíveis nas irregularidades observadas, conforme orientações específicas.

PROFISSIONAL DE SUPORTE II PS II

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades integrantes de etapas de processos ou de processos completos de trabalho, necessárias ao desenvolvimento das atividades de suporte ao sistema de operação da Companhia, que requerem o conhecimento dos processos integrantes de sua área de atividade, exigindo a aplicação de conhecimentos básicos no seu campo de atuação.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

São atividades típicas do cargo as relacionadas a seguir, podendo ser atribuídas outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato. O ocupante do cargo de Profissional de Suporte II deverá absorver o exercício de atividades típicas do cargo de Profissional de Suporte I, sempre que exigido para manter a continuidade do funcionamento dos sistemas da Companhia.

1 - Atividades Comuns e Complementares

Manter a ordem, segurança e condições de conservação e higiene do local de trabalho.

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios e equipamentos relativos à área de atuação mantendo os locais limpos e arrumados.

Realizar controle da qualidade dos serviços prestados, visando o atendimento aos padrões estabelecidos, bem como o aprimoramento das atividades.

Registrar dados e informações sobre as tarefas executadas, preencher documentos de acompanhamento das atividades, bem como requisitar materiais e equipamentos necessários a sua atuação.

Participar dos programas de treinamento e aperfeiçoamento relacionados com sua área de competência profissional.

2 - Atividades de Apoio Administrativo

Executar atividades de preparação de contas de água, esgoto e coleta de lixo, realizando a apuração da leitura dos hidrômetros, conforme dados coletados, lançando parcelamentos, ajustando números de economias, apontando divergências de consumo para verificação, utilizando sistema específico, objetivando a correta emissão das contas.

Realizar atividades de fiscalização relacionadas ao consumo de água nos domicílios, apurando e registrando em equipamento específico as leituras dos hidrômetros, conforme rotas e prazos pré-estabelecidos, encaminhando ao setor competente para inserção dos dados coletados no sistema.

Receber e conferir as contas de água, esgoto e coleta de lixo emitidas, separando-as por rota para a realização da distribuição.

Realizar a coleta das contas pagas junto às empresas responsáveis pelo processo de cobrança, conferindo os recebimentos, de acordo com procedimentos estabelecidos.

Executar serviços simples de coleta, levantamento, registro, conferência e lançamento de dados, preenchendo formulários, demonstrativos, guias de recolhimentos, fichas de acompanhamento, carimbando-os e fornecendo informações, documentos, arquivo eletrônico e outros.

Executar serviços simples de digitação, copiando de originais e/ou minutas, preparando textos e outros de acordo com os padrões estabelecidos.

A. tender ao público em geral, pessoalmente ou por telefone, identificando, prestando informações e/ou encaminhando às unidades administrativas de acordo com o assunto a ser tratado.

Operar equipamentos de reprodução de cópias de documentos, em atendimento às demandas internas, conforme normas específicas.

Realizar atividades de protocolo em geral, montando, capeando e distribuindo os processos e demais documentos, em observância as normas e procedimentos estabelecidos.

Acompanhar entrada e saída de processos via sistema informatizado, procedendo a sua distribuição. Arquivar processos, correspondências, formulários, legislações e outros documentos, mantendo os arquivos organizados e atualizados, bem como atender solicitações de documentos arquivados para disponibilização às unidades administrativas de acordo com normas e procedimentos estabelecidos.

Operar equipamentos de comunicação, tais como mesa telefônica, fac-símile e outros correlatos, atendendo, transferindo, cadastrando, completando chamadas telefônicas e prestando informações.

Manter controle permanente dos bens patrimoniais, localizando-os, identificando-os e/ou efetuando gravações, de acordo com as normas e procedimentos estabelecidos.

3 - Nas atividades de Condução e Conservação de Veículos Leves e Pesados

Dirigir veículos leves e pesados transportando pessoas, cargas, resíduos sólidos e/ou materiais autorizados aos locais determinados.

Vistoriar periodicamente as condições do veículo utilizado e providenciar reparos de emergência, troca de pneus, lavagens, guinchamentos e outros.

Identificar e indicar as necessidades de reparos nos sistemas elétricos e mecânicos dos veículos da Companhia.

Manter sob sua responsabilidade os documentos de porte obrigatório do veículo, observando as orientações para a revalidação dos mesmos.

Registrar, em formulário específico, os percursos realizados, quilometragem e itinerários da frota oficial.

PROFISSIONAL DE SUPORTE III PS III

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades integrantes de etapas de processos ou de processos completos de trabalho, necessárias ao desenvolvimento das atividades de suporte ao sistema de operação da Companhia. A adequada ação do ocupante requer conhecimentos profissionais específicos, diretamente relacionados aos processos de trabalho em que está envolvido, requerendo a compreensão dos sistemas da Companhia.

O cargo requer acompanhamento permanente das atividades que desenvolve, sendo executadas em observância às normas específicas, orientações técnicas e funcionais estabelecidas pela liderança de seu grupo de trabalho, exigindo também a programação de serviços e de equipes, elaboração e acompanhamento de cronogramas e outras atividades correlatas que assegurem o cumprimento de metas estabelecidas para sua área de atuação.

São atividades típicas do cargo as relacionadas a seguir, podendo ser atribuídas outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato. O ocupante do cargo de Profissional de Suporte III deverá absorver o exercício de atividades típicas do cargo de Profissional de Suporte II, sempre que exigido para manter a continuidade do funcionamento dos sistemas da Companhia.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

1 - Nas Atividades Comuns e Complementares

Preparar correspondências, circulares, cronogramas, escalas de plantão, apresentações, planilhas, avisos, editais, contratos, ofícios, tabelas, relatórios e outros documentos, utilizando equipamentos de processamento eletrônico de dados, com a aplicação de "softwares" específicos, conforme demandas dos respectivos processos de trabalho.

Conferir a partir de originais, os serviços processados, assinalando e/ou corrigindo as divergências encontradas.

Coletar, reunir, tabular e analisar as informações necessárias à tomada de decisões dos níveis superiores.

Redigir correspondências, minutas de relatórios, pareceres e outros relacionados à área de atuação, assegurando o funcionamento do sistema de comunicação interna e externa.

Receber e verificar o conteúdo de processos e documentos relativos à área de atuação, emitindo despachos padronizados de acordo com a orientação do superior imediato e providenciando sua distribuição.

Requisitar materiais e instrumentos necessários à realização de tarefas, emitindo pedidos e/ou solicitações de compras, especificando tipo, quantidade e encaminhando ao superior imediato para autorização.

Utilizar meios de comunicação, tais como aparelho de "fac-símile", internet, telefone e outros, necessários ao fluxo de informação da sua área de atuação de acordo com normas internas específicas ao superior imediato para autorização.

Manter contatos internos e externos, prestando e recebendo informações sobre as operações realizadas na sua área de atuação, procurando manter a uniformidade de atendimento e compatiblização das atividades.

Manter permanente atualização da legislação, das políticas, das diretrizes, das normas, dos procedimentos operacionais administrativos, financeiros e organizacionais que interagem e/ou influenciam nas atividades da área de atuação.

Auxiliar na análise das solicitações dos serviços, conferindo a exatidão da documentação a partir das normas e regulamentos vigentes, disponibilizando e diligenciando a solução junto às unidades administrativas competentes.

Participar da preparação de programas de visitantes à Companhia, tomando as medidas necessárias para recepção de estudantes, comitivas, autoridades, personalidades e outros.

Participar de campanhas e eventos institucionais promovidos pela Companhia

Utilizar equipamento de processamento eletrônico de dados, conforme demandas dos respectivos processos e sistemas, com aplicação de softwares específicos ou generalistas.

Realizar inspeções, emitir laudos e pareceres técnicos no limite de sua capacitação profissional. Manter a ordem, segurança e condições de conservação e higiene do local de trabalho.

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios e equipamentos relativos à área

de atuação, mantendo os locais limpos e arrumados.

Realizar controle da qualidade dos serviços prestados, visando a melhoria do atendimento ao público.

Participar dos programas de treinamento e aperfeiçoamento, cursos, seminários e palestras, em assunto de interesse da Companhia e relacionados com sua área de competência profissional.

2 - Nas Atividades Administrativas

Executar atividades que envolvem controle de estoque, codificação, conferência, inspeção, armazenamento, atendimento às requisições de materiais, máquinas e equipamentos, separando-os de acordo com as solicitações de cada unidade; preparação dos processos de pagamento aos fornecedores; registros de entradas e saídas de materiais acompanhando os níveis de consumo e emitindo os relatórios correspondentes; apuração de estoque físico para preparação de inventários periódicos, emissão de requisição de compras para reposição de estoque.

Executar atividades que envolvem processos de compra de materiais e serviços; preparação, análise, emissão e/ou atualização de cadastro de fornecedores; recebimento de solicitações de compras, realização de coleta de preços; definição do processo de aquisição; auxilio na preparação, instrumentalização e operacionalização de processos licitatórios; preparação, controle e acompanhamento de contratos de fornecimento de bens, serviços e obras; solicitação de reserva do valor financeiro a ser desembolsado para aquisição e autorização de empenho; confirmação de recebimento de material conforme especificação para preparação do processo para pagamento ao fornecedor.

Executar atividades que envolvem controle patrimonial, orientação, regularização, aquisição, venda, registro em sistema específico, incorporação, cadastramento, codificação, identificação, transferência, doação, controle de bens inservíveis, leilão, emissão de termo de responsabilidades e elaboração do inventário anual.

Executar atividades que envolvem a movimentação financeira, realizando programações e projeções das receitas e despesas, de controle de prazo e efetivação de pagamento (emissão de cheques, ordens de crédito, depósitos bancários e conciliação de contas), de controle do faturamento emitido e cobrança das contas e valores devidos à Companhia, realizando as baixas das contas recebidas em sistema específico, procedendo as conferências e ajustes necessários, e emitindo os relatórios definitivos de receitas para encaminhamento aos setores competentes.

Executar atividades que envolvem processos de lançamentos de documentos contábeis e financeiros e de contabilização dos atos e fatos administrativos, fazendo acompanhamento do fluxo de caixa.

Realizar atividades relacionadas aos processos de recrutamento e seleção de funcionários e estagiários por meio de concursos públicos e/ou contratações temporárias, providenciando os processo de contratação de acordo com as normas de editais, encaminhando resultados para divulgação, realizando os cadastros, contratos e demais documentações necessárias à efetivação da admissão.

Realizar atividades que envolvem os expedientes relativos às demissões, afastamentos, aposentadorias e correlatos, providenciando os atos e documentações necessárias, exigidos por normas internas e por legislação específica.

Executar atividades que envolvem a elaboração da folha de pagamento; apuração de freqüências; controle e execução das concessões de direitos, vantagens e benefícios; cálculo e emissão de guias de encargos sociais; elaboração de escalas de revezamento; aquisição e controle da distribuição de vale transporte; elaboração e emissão de guias e relatórios periódicos obrigatórios; atualização e organização dos históricos funcionais; controle das atividades de medicina e segurança do trabalho; acompanhamento dos processos trabalhistas em andamento, buscando permanente atualização em relação à legislação trabalhista.

Participar da elaboração de programas de desenvolvimento e capacitação de funcionários, participando dos levantamentos de necessidades de treinamento, agendando de acordo com as solicitações e autorizações, providenciando os expedientes necessários à realização de inscrições, contactando as instituições, informando aos participantes, organizando os espaços físicos, preparando os materiais necessários e todos os documentos referentes ao controle da freqüência e certificação dos participantes em caso de treinamentos internos, bem como realizando outras atividades pertinentes.

Atuar na manutenção e atualização do Plano de Cargos e Salários e do Sistema de Avaliação de Desempenho, realizando alterações, registros, acompanhamentos e outros correlatos, de acordo com as normas e legislações específicas.

Receber documentos para protocolo, analisando o conteúdo, autenticando e prestando informações sobre processos e outros documentos, observando normas internas específicas.

Controlar o fluxo de documentos destinados à Companhia, recebendo, triando e registrando as correspondências entregues pelos Correios e outros órgãos.

Executar atividades que envolvem a organização e controle de documentos e informações, recebendo e analisando os documentos a serem arquivados, identificando conteúdo, tipo, período, prazos de retenção e outros pertinentes, arquivando documentos de acordo com normas internas específicas, disponibilizando e controlando empréstimos de documentos aos públicos interno e externo.

Realizar atividades relativas ao processo de utilização e manutenção dos veículos da Companhia; controle de agenda de compromissos da frota a serviço das secretarias e cidadãos; acompanhamento da validade dos equipamentos de segurança, emplacamento, renovação, licenciamento, seguros, controle de notificações e infrações, de documentação dos veículos e motoristas, acompanhamento de perícias em caso de acidentes e outras providências legais junto aos órgãos competentes.

Realizar atividades de secretaria da Administração da Companhia, programando agendas de compromissos, redigindo expedientes administrativos, recebendo e triando correspondências, publicações, documentos e outros, organizando eventos internos e externos, preparando e secretariando reuniões do Conselho de Administração e de Diretoria, mantendo atualizado o arquivo de documentos referentes à área, recepcionando pessoas, recebendo e efetuando ligações internas e externas e atendendo às áreas nas solicitações quanto às leis, decretos, atas e outros documentos pertinentes à Companhia.

Controlar e acompanhar o consumo de energia elétrica das Unidades Consumidoras do Município, efetuando leituras, lançando os dados em sistema específico, emitindo relatórios, encaminhando para as áreas competentes para análise e avaliação dos gastos.

Solicitar junto às prestadoras de serviços, a manutenção preventiva e corretiva de móveis, máquinas e equipamentos e outros bens patrimoniais de propriedade e uso da Companhia, acompanhando e avaliando o desempenho técnico das empresas contratadas.

Manter controle permanente dos contratos firmados com empresas prestadoras de serviço, acompanhando prazos de vencimento, encaminhando aos setores competentes para renovações, aditivos, encerramentos, dentre outras medidas, de acordo com solicitações das diversas áreas da Companhia.

Executar atividades que envolvem o projeto "Gari Comunitário", acompanhando e controlando os processos admissionais e demissionais de garis e dos detentos vinculados às suas respectivas associações, preparando e encaminhando as folhas de ponto para controle de freqüência das turmas, realizando cálculos da folha de pagamento dos garis e detentos, apurando os respectivos encargos sociais, preparando as planilhas de repasse, solicitando os valores ao setor financeiro para providências de pagamento às associações, realizando o fechamento da prestação de contas de cada associação, em observância às normas e procedimentos internos específicos.

Manter controle do andamento de projetos que envolvem a captação de recursos externos, acompanhando a tramitação dos processos junto aos órgãos competentes, a prestação de contas após a assinatura dos convênios e outras correlatas.

Atender aos usuários dos serviços ofertados pela Companhia, identificando as demandas, fazendo triagem, prestando informações específicas, fornecendo formulários necessários, preparando, emitindo e/ou recebendo documentos de acordo com as necessidades demandadas, recebendo solicitações, reclamações procedendo aos registros dos atendimentos realizados, encaminhando as ordens de serviço aos setores competentes de acordo com as normas e procedimentos estabelecidos.

Estabelecer os cronogramas de realização de serviços, programando os trabalhos de vistoria, fiscalização e execução de trabalhos diversos oriundos das solicitações, requerimentos, reclamações, necessidades de cortes, religações, acertos de economias e outros relativos aos sistemas de água, esgoto e coleta de lixo.

Acompanhar os processos inscritos em dívida ativa, provenientes de débitos de multas e taxas de varrição, emitindo pareceres, providenciando os respectivos documentos de cobrança com os valores de débitos atualizados, cadastrando em sistema específico, controlando a quitação, efetuando a baixa do usuário após o pagamento total dos valores devidos.

Controlar a execução de serviços de vigilância realizados por terceiros contratados, acompanhando e assegurando o cumprimento das condições estabelecidas.

PROFISSIONAL DE SUPORTE IV PS IV

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades integrantes de etapas de processos ou de processos completos de trabalho, necessárias ao desenvolvimento das atividades de suporte ao sistema de operação da Companhia. A adequada ação do ocupante requer conhecimentos técnicos profissionais específicos nas áreas de Contabilidade, Administração, Informática, Segurança do Trabalho, e outras afins diretamente relacionadas aos processos de trabalho que desenvolve e/ou lidera. Sua atuação demanda o conhecimento inteiro e minucioso dos sistemas da Companhia.

O cargo requer o monitoramento continuado das atividades que executa e lidera, envolvendo a participação, formação e liderança de equipes, de acordo com as estratégias da Companhia e das orientações técnicas da respectiva área profissional, exigindo também programação de serviços e de equipes, a elaboração e acompanhamento de cronogramas e outras atividades correlatas que assegurem o cumprimento de metas estabelecidas para sua área de atuação. Sua atuação deverá estar permanentemente voltada para avaliar resultados, com vistas ao aprimoramento dos processos de trabalho.

São atividades típicas do cargo as relacionadas a seguir, podendo ser atribuídas outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato. O ocupante do cargo de Profissional de Suporte IV deverá absorver o exercício de atividades típicas do cargo de Profissional de Suporte III , sempre que exigido para manter a continuidade do funcionamento dos sistemas da Companhia.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

1 - Nas atividades Comuns e Complementares

Executar e/ou participar das atividades de levantamento, composição, integração, elaboração, controle, tabulação, apuração, análise e avaliação de dados e informações, estudos estatísticos, índices, planejamento, organização, supervisão, programação e acompanhamento, necessárias à tomada de decisões.

Redigir e elaborar correspondências, pareceres, relatórios, demonstrativos, quadros e correlatos.

Controlar a execução e/ou executar trabalhos de natureza técnica integrantes da sua área de atuação, de acordo com padrões, normas, metodologias e instruções determinadas para operacionalização dos sistemas de suporte e operação da Companhia.

Participar da elaboração de orçamentos, índices estatísticos, pesquisas, levantamentos, estudos contábeis e econômico-financeiros, relatórios e outros assemelhados, necessários ao planejamento, controle e avaliação da operacionalização dos sistemas da sua área de atuação.

Acompanhar e participar da aplicação e utilização de programas destinados à operacionalização dos sistemas da sua área de atuação, avaliando os resultados obtidos, em atendimento às necessidades de serviços demandados.

Manter organizados e atualizados os arquivos de documentos e informações técnicas referentes a sua área de atuação de forma a facilitar a localização e consultas necessárias.

Prestar informações técnicas à população sobre os serviços prestados pela Companhia de acordo com a área de atuação.

Realizar especificações técnicas de projetos, equipamentos, máquinas, materiais e outros, fazendo o detalhamento de acordo com normas e padrões estabelecidos.

Analisar e interpretar projetos técnicos de acordo com a área de atuação.

Utilizar equipamento de processamento eletrônico de dados, abrangendo sua participação no desenvolvimento, utilização e avaliação de softwares e aplicações destinadas aos sistemas de suporte e operação da Companhia.

Realizar inspeções, emitir laudos e pareceres técnicos no limite de sua capacitação profissional. Manter a ordem, segurança e condições de conservação e higiene do local de trabalho.

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios e equipamentos, relativos à área de atuação, mantendo os locais limpos e arrumados.

Realizar controle da qualidade dos serviços prestados, visando a melhoria do atendimento ao público.

Participar dos programas de treinamento e aperfeiçoamento, cursos, seminários, palestras, em assuntos de interesse da Companhia e relacionados com sua área de competência profissional.

2 - Nas atividades Técnicas Administrativas

Realizar atividades contábeis cujas tarefas envolvem controle, orientação e execução dos processos de elaboração de balanços, balancetes, demonstrativos contábeis e financeiros; cálculo de impostos devidos, controle de informações de alocação contábil, composição, análise e distribuição de custos, elaboração e emissão de guias, relatórios e declarações periódicas obrigatórias, participação nas auditorias contábeis e operacionais, prestação de contas aos órgãos externos conforme determinações legais, mantendo-se permanentemente atualizado com relação à legislação vigente.

Executar atividades de informática cujas tarefas envolvem desenvolvimento de sistemas e aplicativos, estruturação de banco de dados, codificação de programas, construção e atualização de dados no site da Companhia, manutenção dos equipamentos, dados e informações inseridas na internet e nos aplicativos, atendimento aos usuários solucionando problemas de funcionamento de hardware e software.

Realizar atividades voltadas para a área de segurança do trabalho, inspecionando locais, instalações e equipamentos da Companhia, verificando condições de trabalho visando identificar irregularidades em observância às normas de segurança e utilização adequada dos equipamentos de proteção, prevenindo a ocorrência de acidentes, investigando acidentes ocorridos, examinando as condições das ocorrências, identificando causas, propondo providências cabíveis, apresentando sugestões e medidas de segurança, orientando os funcionários envolvidos na execução dos trabalhos quanto aos serviços de alto risco, à prevenção de doenças ocupacionais e acidentes, à correta utilização de equipamentos de proteção individual, assegurando o cumprimento da legislação pertinente.

Executar atividades financeiras cujas tarefas envolvem operações de convênio, desembolso, controle, orientação e execução dos processos de movimentação dos recursos financeiros e análise de contratos, financiamentos e outros.

PROFISSIONAL DE SUPORTE V PS IV

Ao ocupante do cargo são atribuídas atividades de suporte ao sistema de operação da Companhia, que exigem, para sua execução, a aplicação sistematizada de conhecimentos profissionais adquiridos por meio de formação acadêmica de nível superior, nas áreas de Administração, Ciências Contábeis, Informática, Ciências Econômicas, Ciências Sociais, Ciências Jurídicas, Comunicação Social e outras afins, acrescida de conhecimentos específicos necessários aos processos de trabalho que desenvolve. Estes conhecimentos serão aplicados em áreas específicas do campo de suas atividades, inclusive na orientação técnica a funcionários que integram sua equipe de trabalho.

O cargo requer do ocupante a coordenação, o desenvolvimento, a organização, o controle e a execução de projetos, pesquisas, análises, projeções e outros em áreas especializadas de nível superior, necessárias à implementação dos objetivos dos sistemas e das estratégias da Administração da Companhia e/ou orientação e liderança de atividades de outros cargos de nível básico, médio ou superior, dirigindo trabalhos, de forma isolada ou em equipes, assegurando o cumprimento das metas estabelecidas.

As ações do cargo são desenvolvidas em ambiente de multidisciplinaridade, que exige do ocupante a aplicação de conhecimentos relacionados aos diversos processos e sistemas da Companhia, em concordância com as diretrizes, metas e prioridades estabelecidas pela Administração Superior, cabendo a execução de tarefas tais como as detalhadas a seguir e de outras correlatas, ao nível das especificadas, a critério do superior imediato.

DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES ÂNCORAS

Desenvolver, organizar, controlar e/ou executar trabalhos técnicos especializados, a partir das orientações e estratégias da Administração Superior da Companhia, planejando serviços e atividades, definindo e solucionando problemas, coordenando a realização de pesquisas, análises, planos e projetos em sua área de atuação profissional, avaliando resultados e corrigindo cursos de ação;

Fazer cumprir em sua área de atuação, as soluções definidas para a o desenvolvimento das atividades do sistema de suporte da Companhia, bem como as orientações para a implantação de atividades políticas, diretrizes e recomendações estabelecidas pela Administração Superior;

Definir e solucionar problemas, apresentando caminhos alternativos de ação e especificando resultados prováveis;

Coordenar a realização de pesquisas, análises, planos e projetos em sua área de especialização; Promover a adequada utilização dos recursos disponíveis (materiais, humanos, financeiros e outros); Organizar e implantar processos, métodos, rotinas e procedimentos necessários ao desenvolvimento das atividades do sistema de suporte da Companhia, buscando a otimização dos serviços realizados; Acompanhar as investigações de perícias técnicas em sua área de competência profissional, analisando laudos, pareceres ou relatórios, emitidos pelo profissional competente;

Coordenar, desenvolver ou dirigir trabalhos técnicos especializados da área de atuação, de forma isolada ou em equipes de trabalho;

Realizar estudos e pesquisas em sua área de competência profissional, subsidiando a tomada de decisão da Administração Superior;

Fazer análises e projeções sobre assuntos de sua área de especialidade, inclusive como complemento à atividade desenvolvida por outras áreas da Companhia;

Controlar, acompanhar e analisar a execução de trabalhos técnicos contratados a terceiros, verificando a compatibilidade dos resultados intermediários e finais, com os objetivos e padrões estabelecidos pelo da Companhia;

Coordenar trabalhos junto às diversas unidades estruturais da Companhia, em assuntos de sua especialidade;

Coordenar a elaboração de contratos, projetos e outros documentos de interesse da Companhia; Acompanhar a legislação em vigor, relacionada à área de sua competência;

Desempenhar outras atribuições que na forma da lei que regulamenta a profissão se incluam na sua esfera de competência.

No desempenho do cargo será exigido do ocupante a utilização de equipamentos de processamento eletrônico de dados, abrangendo sua participação no desenvolvimento, utilização e avaliação de "softwares" e aplicações destinadas aos sistemas da Companhia.

Independente da área de atuação específica é responsabilidade de todo ocupante do cargo, a execução de tarefas tais como:

Manter a ordem, segurança e as condições de conservação e higiene do local de trabalho;

Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais, utensílios e equipamentos relativos à área de atuação, mantendo os locais limpos e arrumados;

Participar dos programas de treinamento e aperfeiçoamento, elaborando programas, ministrando cursos, seminários e palestras, em assuntos de interesse da Companhia e relacionados com sua área de competência profissional;

Executar tarefas próprias dos cargos de menor nível hierárquico, sempre que exigido para manter a continuidade do funcionamento dos sistemas de suporte e operacional e da Companhia.

ANEXO II- DETALHAMENTO DAS PROVAS OBJETIVAS

As Provas objetivas constarão das seguintes disciplinas e número de questões:

CARGO

Número de questões

Português

Matemática

Informática

Conh. Específicos

Total

Profissional de Operação I

20

20

-

-

40

Profissional de Operação II

20

15

5

-

40

Profissional de Operação III

15

15

10

-

40

Profissional de Operação IV

10

10

4

16

40

Profissional de Operação V

15

-

11

34

60

Profissional de Suporte I

20

20

 

-

40

Profissional de Suporte II

20

15

5

-

40

Profissional de Suporte III

15

15

10

-

40

Profissional de Suporte IV

10

10

4

16

40

Profissional de Suporte V

15

-

11

34

60

O candidato será considerado aprovado se obtiver 60% de acertos no total da prova, acertar pelo menos 1 questão em todas as disciplinas e atingir 50% de acertos nas questões de conhecimentos específicos quando aplicável.

Cada questão valerá 2(dois) pontos.

ANEXO III- CONTEÚDOS PROGRAMÁTICOS

PARA OS CARGOS: PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO I E II, PROFISSIONAL DE SUPORTE I E II

LÍNGUA PORTUGUESA: Compreensão de textos escritos de natureza literária e científica. Significação das palavras no contexto lingüístico. Tipologias textuais: narração, dissertação e descrição. Linguagem e comunicação: linguagem verbal e não verbal/língua escrita e língua oral/variação lingüística. Denotação e conotação. Ortografia (regular e irregular). Divisão silábica (no texto). Emprego dos sinais de pontuação no texto. Acentuação gráfica. Significação dos elementos mórficos das palavras (sufixo, prefixo e radical). Aspectos morfossintáticos (função do: substantivo, adjetivo, pronome, verbo/período simples: termos associados ao nome e ao verbo). O processo de coordenação e subordinação (emprego dos conectivos). Concordâncias: nominal e verbal.

MATEMÁTICA: Radicais: operações - simplificação, propriedade, racionalização de denominadores; Equação de 2º grau: resolução das equações completas, incompletas, problemas do 2º grau; Equação de 1º grau: resolução - problemas de 1º grau; Equações fracionárias; Relação e Função: domínio, contra-domínio e imagem; Função do 1º grau - função constante; Razão e Proporção; Grandezas Proporcionais; Regras de três simples e composta; Porcentagem; Juros Simples e Composto; Conj unto de números reais; Fatoração de expressão algébrica; Expressão algébrica - operações; Expressões fracionárias - operações - simplificação; PA e PG; Sistemas Lineares; Números complexos; Função exponencial: equação e inequação exponencial; Função logarítmica; Análise combinatória; Probabilidade; Função do 2º grau; Trigonometria da 1 a volt: seno, co-seno, tangente, relação fundamental; Geometria Analítica; Geometria Espacial; Geometria Plana; Operação com números inteiros e fracionários; MDC e MMC; Raiz quadrada; Sistema Monetário Nacional (Real); Sistema de medidas: comprimento, superfície, massa, capacidade, tempo e volume. Leitura e interpretação de gráficos e tabelas.

PARA OS CARGOS: PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO II, PROFISSIONAL DE SUPORTE II

NOÇÕES DE INFORMÁTICA: Word: Atalho e barra de ferramentas, modos de seleção de texto, formatação de fonte, formatação de parágrafo, inserção de símbolos, figuras. EXCEL: Área de trabalho, barras de ferramentas, botões e menus; Deslocamento do cursor na planilha, seleção de células, linhas e colunas; Introdução de números, textos, fórmulas e datas na planilha, referência absoluta e relativa; Principais funções: matemáticas, estatísticas, data-hora, financeiras e de texto; Formatação de planilhas: número, alinhamento, borda, fonte, padrões; Edição da planilha: operações de copiar, colar, recortar, limpar, marcar, etc;

PARA OS CARGOS: PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO III E IV, PROFISSIONAL DE SUPORTE III E IV

LÍNGUA PORTUGUESA: Compreensão de textos escritos, de diferentes gêneros textuais. A função do "quê" e do "se"; Prosa/poesia/poema; Paródia e paráfrase. Texto literário e não-literário. Relação entre sentido e contexto: polissemia/conotação e denotação; Tipologias textuais: narração, dissertação e descrição. Linguagem e comunicação: linguagem verbal e não-verbal/língua escrita e língua oral/variação lingüística.. Funções da Linguagem. Figuras de Linguagem. Ortografia (regular e irregular)/dificuldades da língua (a fim, afim/ a par, ao par/acerca, a cerca/ ao invés, em vez, dentre outras). Emprego dos sinais de pontuação no texto. Acentuação gráfica. Emprego da crase. Significação dos elementos mórficos das palavras (sufixo, prefixo e radical). Aspectos morfossintáticos (função do: substantivo, adjetivo, pronome, verbal/período simples: termos associados ao nome e ao verbal). Sintaxe de colocação dos pronomes oblíquos átonos (ênclise, mesóclise e próclise). O processo de coordenação e subordinação (emprego dos conectivos). Sintaxe de concordância: nominal e verbal. Sintaxe de regência: nominal e verbal. Elementos da textualidade: coesão, coerência, clareza, precisão/armadilhas do texto (ambigüidade e redundância).

MATEMÁTICA: Radicais: operações - simplificação, propriedade, racionalização de denominadores; Equação de 2º grau: resolução das equações completas, incompletas, problemas do 2º grau; Equação de 1º grau: resolução - problemas de 1º grau; Equações fracionárias; Relação e Função: domínio, contra-domínio e imagem; Função do 1º grau - função constante; Razão e Proporção; Grandezas Proporcionais; Regras de três simples e composta; Porcentagem; Juros Simples e Composto; Conj unto de números reais; Fatoração de expressão algébrica; Expressão algébrica - operações; Expressões fracionárias - operações - simplificação; PA e PG; Sistemas Lineares; Números complexos; Função exponencial: equação e inequação exponencial; Função logarítmica; Análise combinatória; Probabilidade; Função do 2º grau; Trigonometria da 1ª volt: seno, co-seno, tangente, relação fundamental; Geometria Analítica; Geometria Espacial; Geometria Plana; Operação com números inteiros e fracionários; MDC e MMC; Raiz quadrada; Sistema Monetário Nacional (Real); Sistema de medidas: comprimento, superfície, massa, capacidade, tempo e volume. Leitura e interpretação de gráficos e tabelas.

NOÇÕES DE INFORMÁTICA: Windows XP; componentes da área de trabalho, componentes das janelas, configuração do painel de controle, área de transferência, executando uma aplicação, gerenciamento de arquivos no Windows Explorer, gerenciamento de aplicação, gerenciamento de arquivos do Windows Explorer, gerenciamento de lixeira, formatação e cópias de discos, calculadora, bloco de notas, Paint, utilização de ajuda, sistema de menus, atalhos e ícones. Word. Atalho e barra de ferramentas, modos de seleção de texto, formatação de fonte, formatação de parágrafo, inserção de símbolos, figuras, Wortart, arquivos, bordas, marcadores e numeração, tabulação, quebras, textos em colunas, tabelas, modos de visualização, cabeçalho e rodapé, numeração de páginas, mala direta, verificação ortográfica, localização e substituição de texto, impressão, modelos. EXCEL: Área de trabalho, barras de ferramentas, botões e menus do EXCEL; Deslocamento do cursor na planilha, seleção de células, linhas e colunas; Introdução de números, textos, fórmulas e datas na planilha, referência absoluta e relativa; Principais funções do Excel: matemáticas, estatísticas, data-hora, financeiras e de texto; Formatação de planilhas: número, alinhamento, borda, fonte, padrões; Edição da planilha: operações de copiar, colar, recortar, limpar, marcar, etc; Classificação de dados nas planilhas; Gráficos.(Será tomada como base a versão do WORD e EXCEL em Português, com as características a partir do WORD 97 e EXCEL 97).

PARA OS CARGOS: PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO V E PROFISSIONAL DE SUPORTE V

LÍNGUA PORTUGUESA: Compreensão de textos escritos de diferentes gêneros textuais. A função do "quê" e do "se"; Prosa/poesia/poema; Paródia e paráfrase. Texto literário e não-literário. Relação entre sentido e contexto: polissemia/conotação e denotação; Tipologias textuais: narração, dissertação e descrição. Linguagem e comunicação: linguagem verbal e não-verbal/língua escrita e língua oral/variação lingüística. Funções da Linguagem. Figuras de Linguagem. Ortografia (regular e irregular)/dificuldades da língua (a fim, afim/ a par, ao par/acerca, a cerca/ ao invés, em vez, dentre outras). Emprego dos sinais de pontuação no texto. Acentuação gráfica. Emprego da crase. Significação dos elementos mórficos das palavras (sufixo, prefixo e radical). Aspectos morfossintáticos (função do: substantivo, adjetivo, pronome, verbal/período simples: termos associados ao nome e ao verbal). Sintaxe de colocação dos pronomes oblíquos átonos (ênclise, mesóclise e próclise). O processo de coordenação e subordinação (emprego dos conectivos). Sintaxe de concordância: nominal e verbal. Sintaxe de regência: nominal e verbal. Elementos da textualidade: coesão, coerência, clareza, precisão/armadilhas do texto (ambigüidade e redundância).

NOÇÕES DE INFORMÁTICA: Windows XP; componentes da área de trabalho, componentes das janelas, configuração do painel de controle, área de transferência, executando uma aplicação, gerenciamento de arquivos no Windows Explorer, gerenciamento de aplicação, gerenciamento de arquivos do Windows Explorer, gerenciamento de lixeira, formatação e cópias de discos, calculadora, bloco de notas, Paint, utilização de ajuda, sistema de menus, atalhos e ícones. Word. Atalho e barra de ferramentas, modos de seleção de texto, formatação de fonte, formatação de parágrafo, inserção de símbolos, figuras, Wortart, arquivos, bordas, marcadores e numeração, tabulação, quebras, textos em colunas, tabelas, modos de visualização, cabeçalho e rodapé, numeração de páginas, mala direta, verificação ortográfica, localização e substituição de texto, impressão, modelos.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS

PARA OS CARGOS: PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO IV E PROFISSIONAL DE SUPORTE IV

TÉCNICO AGRÍCOLA: Solos: Características morfológicas; ordens e classes de solos, principais Unidades, aptidão agrícola, limitações de uso, fertilidade natural. Conservação dos solos: práticas de manejo. Propriedades dos solos. Coleta de solos para análise: técnica de amostragem. Correção e fertilização dos solos. Classificação dos fertilizantes; Máquinas e implementos agrícolas: técnicas de operação e manutenção; Clima: normais climáticas, relação clima e culturas, balanço hídrico; Culturas: milho, cana-de-açúcar, soja, feijão, arroz, trigo e mandioca. Época de semeadura e plantio, práticas culturais, controle de pragas, moléstias e inços; Plantas forrageiras para grão, pastejo e ceifa. Conservação de forragens. Práticas de plantio e utilização. Adubação; Fruticultura: maçã, uva, pêssego, citrus. Escolha do terreno, preparo de mudas, cultivares, épocas de plantio, tratos culturais. Controle de pragas e moléstias; A técnica da poda: poda de condução; Pecuária leiteira e de corte: raças, alimentação, manejo, controle sanitário; Olericultura: botânica, cultivares, clima, época de plantio, e tratos culturais da alface, couve, alho, batata, cebola, cenoura, tomate, pepino e pimentão; Irrigação: princípios gerais e métodos.

TÉCNICO EM MEIO AMBIENTE: Ecologia: - Conceito; Importância da ecologia; Ecossistemas: conceito; Fluxo de energia; Níveis tróficos; Cadeias e teias alimentares; Produtividade: primária e secundária em ambientes terrestres e aquáticos; Ciclos biogeoquímicos; Decomposição da matéria orgânica; Noções sobre ecossistemas terrestres: Caracterização; Fatores: clima, solo, fatores bióticos, etc; Sucessão ecológica e clímax; - Principais tipos de ecossistema naturais da biosfera (biomas); Principais biomas brasileiros; Noções sobre ecossistemas aquáticos: Ecossistemas marinhos; Ecossistemas lacustres: sistemas lênticos e lóticos; A água: propriedades físicas e químicas e suas implicações ecológicas; Metodologias utilizadas para realização de medidas de variáveis físicas e químicas da água; Alteração nos ecossistemas provocados pelo homem; Poluição aquática: Impactos quantitativos: aterros, drenagem e construção de barragem; Impactos qualitativos: poluição orgânica, térmica, por metais pesados e por agrotóxicos; Poluição aérea; Poluição no solo; Perda da biodiversidade: destruição dos hábitats, extinção, fragmentação dos hábitats, introdução de espécies exóticas; Fatores limitantes em diferentes ecossistemas: Lei do mínimo; Luz; Temperatura; Água; Fatores químicos; Fatores mecânicos; Fogo; Populações: conceitos; Habitat; Nicho ecológico; Guilda; Comunidades: Conceitos, Organização, Diversidade de espécies - biodiversidade, Importância e distribuição mundial da biodiversidade; Conservação de comunidades: Importância das áreas protegidas; Planejamento de áreas protegidas; Manejo de áreas protegidas; Noções sobre categorias de manejo de áreas protegidas; Legislação Ambiental: Estudo de impactos ambientais-EIA e Relatório de Impactos do Meio Ambiente (RIMA); Noções sobre a Lei nº 9.605, Lei de Crimes Ambientais, de 12 de fevereiro de 1998; Resolução nº 20 do CONAMA (Conselho Nacional do Meio Ambiente) de 18 de junho de 1986. Ciências do Ambiente. Projetos Ambientais. Legislação Ambiental. Hidrogeologia. Hidrologia. Geomorfologia e Uso e Ocupação do Solo. Biomas. Ecossistemas. Geoquímica Ambiental. Climatologia. Avaliação de Impactos Ambientais. Planejamento e Implantação de Sistemas de Gestão Ambiental. Recuperação de Áreas Degradadas. Pedologia. Análise de Química do Solo, Ar e Água. Hidráulica. Controle de Poluição das Águas. Controle de Poluição Atmosférica. Saúde Pública. Planejamento dos Recursos Hídricos. Obras Hidráulicas. Conhecimento das normas ISO 9002:2000.

TÉCNICO EM EDIFICAÇÕES: Desenho: Nomenclatura, especificações, indicações em plantas baixas cortes e fachadas; escalas apropriadas para tipos de desenhos e transformações de escala; legendas, convenções, planilhas, selos, carimbos e margens; normas brasileiras para desenho técnico e desenho arquitetônico; representação normatizada para eixo, corte, madeira, concreto e aço; equipamentos para desenho e seu uso característico; formato de papel. Tecnologia: Formas corretas para execução de instalações elétricas e hidráulicas; nomenclatura e montagem para peças de tesouras; traços e seqüências para execução de argamassas e concretos; equipamentos utilizados para execução de obras; cantarias, alvenarias, cerâmicas e blocos. Materiais: Reconhecimento dos materiais por suas características; especificação de materiais; dimensões de norma e utilização; aço para concreto, características e desenho. Orçamento: Especificação técnica; medições e quantificações; planilhas orçamentárias de NB 140. Segurança e Saúde no Trabalho. NR 8 - Edificações. NR 18 Condições e meio ambiente de trabalho na indústria da construção.

TÉCNICO EM ELETROTÉCNICA: Circuitos elétricos; Medidas elétricas; Materiais elétricos; Máquinas elétricas (Motores e geradores); Equipamentos elétricos (transformadores, disjuntores, chaves seccionadoras, pára-raios, banco de capacitores); Eletromagnetismo; Sistemas trifásicos; Aterramento; Sistema Internacional de Unidades; Desenho técnico; Acionamentos e controles elétricos; Instalações elétricas de alta e baixa tensão; Iluminação. sistemas de comando, proteção e controle de Subestações, segurança em instalações energizadas. Medição de energia e sistemas de supervisão; Proteção de sistemas elétricos; Princípios gerais de informática; Princípios gerais de concepção de programas; Sistemas de Comando, Contatores, Fiação, Esquemas Elétricos, Projeto de Instalações Elétricas Residenciais e Comerciais; Aterramento e Luminotécnica; Normalização; Acionamentos de Máquinas Elétricas; Correção de Fator de Potência. Conhecimentos sobre lei de Ohms e Transformadores (Transf. de Transmissão - TT, Transf. de Potencial - TP e Transformador de Corrente - TC).

TÉCNICO EM MECÂNICA: Estática e resistência dos materiais (decomposição de forças x-y, cálculo de esforços e reações, diagrama de momento, diagrama de esforço cortante - cisalhante). Metalurgia (dureza de materiais, tratamentos térmicos, ensaios de tração/ compressão, ensaios de impacto, ensaios não destrutivos, micrografia/macrografia dos aços, diagrama ferro-carbono, metais ferrosos e não ferrosos). Elementos de máquinas (engrenagens, roldanas, polias, acoplamentos de eixos, rolamentos, parafusos). Noções sobre motores de combustão interna. Hidráulica. Pneumática. Lubrificação de equipamentos. Solda. Noções sobre a organização da manutenção. Noções de eletricidade básica, segurança no trabalho.

TÉCNICO EM QUÍMICA: Propriedades da matéria: Estados físicos, misturas homogêneas e heterogêneas, Métodos de separação por levigação, catação, f lotação e destilação, substâncias puras (simples e compostas), processos de separação de misturas, misturas homogêneas e heterogêneas, transformações de matéria, reações químicas e equações químicas (noções gerais). Ligações químicas iônica, covalente e metálica. Funções químicas: identificação, nomenclatura, classificação e reações com ácidos, bases, sais e óxidos. Cálculos estequiométricos: equilíbrio químico e equilíbrios em meio aquoso. Soluções: tipos de solução, solubilidade, aspectos quantitativos das soluções (molaridade, molalidade, fração molar) e diluição. Análise qualitativa e quantitativa de compostos orgânicos: funções álcool, aldeído, cetona, ácido carboxílico, éster, éter, fenol, amida, e amina. Segurança no laboratório. Técnicas de manuseio de materiais e equipamentos utilizados num laboratório.

TÉCNICO DE CONTABILIDADE: Conceitos, objetivos e finalidades da contabilidade. Patrimônio: componentes, equação elementar do patrimônio, situação líquida, representação gráfica. Atos e fatos administrativos: conceitos, fatos permutativos, modificativos e mistos. Contas: conceitos, contas de débitos, contas de créditos e saldos. Plano de contas: conceitos, elenco de contas, função e funcionamento das contas. Escrituração: conceitos, lançamentos contábeis, elementos essenciais, fórmulas de lançamentos, livros de escrituração, métodos e processos. Contabilização de operações contábeis diversas: juros, descontos, tributos, aluguéis, variação monetária/cambial, folha de pagamento, compras, vendas e provisões, depreciações e baixa de bens. Análise e conciliações contábeis: conceitos, composição de contas, análise de contas, conciliação bancária. Balancete de verificação: conceitos, modelos e técnicas de elaboração. Balanço patrimonial: conceitos, objetivo, composição. Demonstração de resultado de exercício: conceito, objetivo, composição. Noções de matemática financeira. Noções de finanças. Conceitos básicos de orçamento. Aspectos introdutórios dos princípios e tributos e seus impactos nas operações das empresas. Conhecimentos básicos de Informática: Word, Excel e Windows.

TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO : Atos inseguros, condições inseguras. CIPA - Estruturação e Funcionamento. Conhecimento de atividades específicas de sistemas da área de Segurança do Trabalho. Especificação de EPIs e EPCs para as funções de uma Prefeitura Municipal. Estatística de acidentes e informativos e relatórios obrigatórios. Informação, investigação, análise e cadastro de acidentes. Noções sobre segurança, higiene e medicina do trabalho. Normas regulamentadoras das Condições Gerais de Segurança e Saúde no Trabalho. Programas de inspeções de Campo. Programas obrigatórios para Empresa com mais de 1000 empregados, com funções insalubres. Riscos e causas de acidentes.

TÉCNICO EM INFORMÁTICA: Assuntos correlatos e gerais da respectiva área. Arquivo, classificação e organização de documentos. Computadores e periféricos. Configuração e instalação de equipamentos, softwares básicos, aplicativos e de apoio. Atualização de versões de programas e antivírus. Conhecimento das ferramentas de Internet, elaboração e atualização de páginas. Conhecimentos de sistemas operacionais - configurações, MS DOS e WINDOWS. Conhecimentos Gerais de Windows. Desenvolvimento de bancos de dados em Acces. Equipamentos, softwares e materiais relativos à área de informática. Ferramentas de Informática. Manutenção de microcomputadores - componentes, montagem, desmontagem e substituição de componentes. Noções gerais de informática (máquinas e programas). Noções de redes, servidor e componentes. Ocorrências de falhas em componentes e em sistemas de microcomputadores. Pacote Office: Word, Excel, Power Point, Eccess, Star office e utilitários diversos. Segurança - proteção contra invasões e vírus.

TÉCNICO EM ÁREAS ADMINISTRATIVAS: Teoria Geral de Administração: principais correntes, idéias e principais críticas; Introdução à Teoria Geral da Administração: antecedentes históricos da Administração; Administração: história e teorias contemporâneas; Administração Moderna; desafios da administração moderna; Planejamento: fundamentos, tomada de decisões, planejamento estratégico: Organização: fundamentos, responsabilidade, autoridade e delegação. Influência: influência e comunicação, liderança, motivação, grupos e cultura organizacional: Controle: princípios, tecnologia da informação: Competitividade: qualidade e inovação. Conceitos Fundamentais na Gestão de RH: Histórico da Área e do Administrador de RH, o Processo Motivacional, a Estrutura Organizacional e a Terceirização em RH. A Administração de Recursos Humanos Tradicional: Postura do Gestor de RH, Recrutamento & Seleção, Remuneração, Benefícios, Treinamento & Desenvolvimento, Avaliação de Desempenho, Departamento de Pessoal, Higiene e Segurança do Trabalho, Serviços Gerais, Contencioso Trabalhista, Assistência Social e Relações Trabalhistas. RH como Agente de Mudança e Capital Intelectual. Administração Pública; Reforma da Administração Pública. Finanças: Políticas de Administração de recursos em curto prazo. Ciclos operacional e financeiro; necessidade de capital de giro; capital de giro e saldo de tesouraria. Administração do disponível. Fluxo de caixa. Administração dos valores a receber. Administração de Estoques. Administração da Produção: papéis estratégicos e objetivos da produção. Estratégia da produção. Projeto em gestão da produção. Projeto de produção e serviços. projeto da rede de operações produtivas. Tecnologia de processo. Planejamento e controle de capacidade. Planejamento e controle de estoques. Planejamento e controle da cadeia de suprimentos. MRP. Qualidade em prestação de serviços: as dimensões da qualidade pessoal e profissional; fatores que determinam à qualidade de um serviço; normalização técnica e qualidade; qualidade no atendimento ao público interno e externo; comunicação e relações públicas. Arquivo e Protocolo: arquivo e sua documentação; organização de um arquivo; técnicas e métodos de arquivamento; modelos de arquivos e tipos de pastas; arquivamento de registros informatizados, Lei das licitações - Lei 8.666, de 21/06/1993, técnica de redação oficial (ofício, requerimento,ata, memorando, etc).

PARA OS CARGOS: PROFISSIONAL DE OPERAÇÃO V E PROFISSIONAL DE SUPORTE V ENGENHEIRO AGRÔNOMO: Os solos do Espírito Santo - Classificação, morfologia e gênese. Características e propriedades químicas, físicas e biológicas. Aptidão agrícola dos solos. Classes de uso dos solos. Planejamento e práticas conservacionistas. Características químicas dos solos . Fertilidade: adubos e adubação.Calagem. Microbiologia dos solos. Natureza e propriedades dos solos.Clima. Variáveis climáticas. Hidrologia. Ciclo Hidrológico. Meteorologia. Produção vegetal. As principais culturas do Espírito Santo. Tratos Culturais. Pragas e fitossanidade. A horticultura: principais culturas, principais culturas e práticas culturais. Hidráulica Agrícola. Princípios fundamentais. Estruturas hidráulicas e seu dimensionamento.Barragens de terra: Irrigação e drenagem. A água no solo. Relação solo-água-clima­planta. Evapotranspiração. Os métodos de irrigação.Drenagem: princípios gerais; tipos de drenos e suas características. Barragens de terra: características construtivas, dimensionamento das estruturas componentes, enrocamento, maciço, comporta, vertedouro. Bacias hidrográficas e hidráulicas. Produção animal: principais aspectos técnicos das explorações bovina,ovina, suína e avícola. Nutrição animal: fundamentos. Alimentos concentrados e volumosos. Exigências nutricionais das diversas explorações zootécnicas. A Aqüicultura. Agroecologia. Conceitos e princípios. Zoneamento agrícola e regiões agroecológicas do Espírito Santo. Avaliação e perícia agronômica. Princípios gerais, objetivos e metodologias. As pastagens nativas e cultivadas. Manejo e conservação. Herbicidas: conceito e características gerais, princípios ativos.

ENGENHEIRO CIVIL: Conhecimentos Específicos: Matemática - Cálculo Diferencial e Integral, Geometria Analítica, Álgebra Linear, Cálculo Numérico. Física - Forças, Movimento, Leis de Newton, Trabalho, Calor, Energia e Potência, Ótica, Luz, Ondas, Eletromagnetismo. Materiais de Construção Civil - Tipos, Propriedades, Aplicações. Análise Estrutural - Estática, Vínculos, Cargas, Reações, Solicitações, Flexões, Tensões, Cisalhamento, Deformações, Flambagem. Mecânica dos Solos - Propriedades Físicas e Mecânicas dos Solos. Geologia - Rochas, Solos. Hidráulica - Hidrostática, Hidrodinâmica, Vazão, Dutos, Encanamentos, Bombas. Topografia - Nivelamento, Levantamento Topográfico, Planimetria, Altimetria, Cálculos Topométricos. Instalações Hidrosanitárias - Projeto, Execução, Abastecimento de Água, Esgoto, Combate a Incêndio. Fundações - Blocos, Sapatas, Tubulões, Estacas. Planejamento de Construções - Documentação, Projetos, Orçamento, Custos, Análise de Custos Benefício, Planejamento de Obra, Cronograma. Patologia das Construções - Patologia em Estruturas, Revestimentos, Telhados, Forros e Pisos.

ENGENHEIRO QUÍMICO: Princípios básicos de Engenharia Química. Massa molar, massa específica, densidade de misturas líquidas e gasosas. Relações de composição de misturas: massa, volume, quantidade de matéria. Equações químicas e estequiometria. Balanços de massa e de energia. Físico-química. Soluções e propriedades coligativas. Termoquímica. Reações de óxido-redução. Eletroquímica. Cinética e equilíbrios químicos. Radioatividade. Química analítica. Gravimetria e volumetria. Espectroscopia de absorção atômica. Espectroscopia de absorção molecular. Espectroscopia de massas. Potenciometria. Métodos cromatográficos. Ressonância magnética nuclear. Termodinâmica. Leis da Termodinâmica. Relações Termodinâmicas. Propriedades termodinâmicas dos fluidos. Equilíbrio de fases e diagramas de equilíbrio. Equilíbrio de reações químicas. Fenômenos de Transporte. Equações de conservação de quantidade de movimento, energia e massa. Propriedades e Coeficientes de transporte (viscosidade, capacidade térmica e coeficiente de difusão). Transferência de momentum. Transferência de calor por condução, convecção e radiação. Transferência de massa difusiva e convectiva. Operações Unitárias. Processos de separação. (Filtração; Extração sólido-líquido; Destilação; Evaporação; Absorção; Secagem e Psicrometria). Escoamento de fluidos e transferência de calor e massa. Equipamentos para transporte e armazenamento de fluidos e sólidos. Equipamentos para transferência de calor e massa. Reatores Químicos. Cinética de reações. Reatores batelada e semi-batelada. Reatores contínuos de tanque agitado e tubular. Análise e projeto de Reatores químicos. Controle de Processos. Introdução aos sistemas de controle. Sistemas de primeira e segunda ordem. Resposta e Função de transferência. Controladores e Malhas de controle. Estabilidade. Sensores e elementos finais de controle. Materiais. Propriedades dos materiais. Materiais orgânicos. Materiais metálicos. Materiais cerâmicos. Materiais Compostos. Segurança. Conceitos fundamentais e termos. Normas regulamentares. Materiais perigosos e condições de risco. Segurança em processos. Segurança em sistemas elétricos.

ARQUITETO: Lei Orgânica do Município de Colatina. Plano Diretor Municipal de Colatina. Lei de Parcelamento do Solo de Colatina. Código de Obras de Colatina. Urbanização brasileira e história do planejamento urbano no Brasil. Noções básicas de planejamento e gestão urbanos. Relações do planejamento com o desenho e o projeto urbano. Legislação urbanística - Estatuto da Cidade. Instrumentos de Planejamento e Gestão Urbanos. Regularização da Terra e Habitação de Interesse Social. Noções de Mobilidade Urbana Sustentável. Geltão democrática e planejamento participativo. Desenvolvimento Urbano Sustentável e Agenda 21 Local.

BIÓLOGO: Noções de ecologia. Ecologia de populações. Taxonomia vegetal. Anatomia vegetal. Biogeografia. Recursos hídricos, conservação das bacias hidrográficas, recursos e danos ambientais. Bioestatística. Técnicas de coleta e de preparo de material zoológico. Genética geral. Biofísica. Fisiologia vegetal. Inventário Florístico e Faunístico. Microbiologia. Evolução. Conservação de recursos naturais. Biogeografia. Fisiologia animal. Ecologia. Ecofisiologia vegetal. Ecologia de populações. Manejo de fauna. Aqüicultura. Monitoramento ambiental. Ecossistemas aquáticos continentais, costeiros e oceânicos. Ecotoxicologia. Cultivo e manutenção de organismos aquáticos. Ensaios de toxicidade de efluentes e de produtos solúveis e insolúveis com organismos de diversos níveis tróficos. Avaliação de impactos ambientais. Valoração de danos ambientais. Monitoramento limnológico de reservatórios.

ENGENHEIRO AMBIENTAL: Ciências do Ambiente. Projetos Ambientais. Legislação Ambiental. Hidrogeologia. Hidrologia. Geomorfologia e Uso e Ocupação do Solo. Biomas. Ecossistemas. Geoquímica Ambiental. Climatologia. Avaliação de Impactos Ambientais. Planejamento e Implantação de Sistemas de Gestão Ambiental. Recuperação de Áreas Degradadas. Pedologia. Análise de Química Solo, Ar e Água. Hidráulica. Controle de Poluição das Águas. Controle de Poluição Atmosférica. Saúde Pública. Planejamento dos Recursos Hídricos. Obras Hidráulicas.

CONTADOR: Patrimônio Público; Lançamento; Receitas; Despesas; Tributos; Participação do Município em Tributos Estaduais e Federais; Aziendas Públicas; Bens Públicos; Estágios da receita orçamentária; Lei 4.320 de 17/03/1964; Contabilidade Pública; Lei 8.666 de 23/06/93 e suas alterações: Lei 8883/94; 9648/98 e 9854/99; Lei de Responsabilidade Fiscal (Lei Complementar n o 101/2000). Noções básicas de informática: Windows, Word, Excel, etc.

ADMINISTRADOR: Elementos estruturais da organização: Conceitos de organização: definições, elementos e pressupostos - Objetivos da Organização e seus tipos. Funções e processos administrativos - Níveis da Organização: organização formal e informal. Função Organização: estruturas organizacionais, tipos, departamentalização e representação gráfica de estruturas. Esquemas organizacionais: modelos 28.mecanicistas e orgânico, estrutura simples, estrutura burocrática, estrutura matricial, estrutura em equipes, organização virtual e organização sem fronteiras. Elementos da estrutura organizacional: estratégia, tecnologia, fluxo da informação, ambiente e pessoas. Gestão de processos e desenvolvimento organizacional: Conceito de processo. Diagnóstico e análise de processos. Planejamento, coordenação, avaliação, aperfeiçoamento e controle de processos. Padronização e normatização. Gestão de melhorias em processos. Gestão pela Qualidade Total: brainstorming, diagrama de causa-efeito, análise de Pareto, Prioridade e Urgência. Processos de mudança e desenvolvimento organizacional: a mudança planejada, tipos e perspectivas de mudança, atividades de desenvolvimento organizacional, tecnologia da informação como propulsor de mudanças, criatividade e inovação nas organizações. Estratégia e desempenho organizacional: Função Planejamento: estratégias, objetivos, metas, fator crítico de sucesso, missão, visão, valores, planos diversos. Competências organizacionais: conceitos, pressupostos, gestão de competências, relações com a estratégia e aprendizagem - Implementação de estratégias: análise das mudanças, da estrutura e da cultura organizacional, identificação de barreiras à implementação, procedimentos para facilitar a implementação, seleção da abordagem de implementação, implantação e avaliação de resultados - Balanced Scorecard e perspectivas de mensuração do desempenho organizacional: perspectivas financeiras, dos clientes externos, dos processos internos e de aprendizado e crescimento - Função Direção: comunicação e liderança. Função Controle: Indicadores e gestão do desempenho organizacional. Gestão de pessoas: Função e área de recursos humanos - Alinhamento organizacional. Comportamento humano na organização: Relações interpessoais, motivação e satisfação no trabalho. Trabalho em equipe. Competência humana ou profissional: conceito, aplicações e relações com a aprendizagem e desempenho. Gestão do desempenho profissional: métodos e procedimentos de avaliação, distorções na avaliação de desempenho, análise de problemas de desempenho. Treinamento e desenvolvimento profissional: diagnóstico, execução e avaliação, novas tecnologias e tendências em educação corporativa. Administração de carreiras. Logística, licitações e contratos: Gestão de materiais: função e estratégia de suprimentos. Dimensionamento e controle de estoques: função, previsão, níveis e controle de estoques. Administração de compras: organização de compras, qualificação de fornecedores, operações de compras, preço e condições de compra, negociação, relacionamento com fornecedores e importações. Gerenciamento da cadeia de fornecimento. Licitações: conceito, princípios, definições, obrigatoriedade, dispensa, inexigibilidade, modalidades, tipos e procedimentos. Procedimentos para a contratação direta. Contratos administrativos: conceito, normas, características e modalidades de contratos. Elaboração e análise de projetos e relatórios: Conceitos: definição e tipos de projetos. Definição de objetivos, meios e recursos. Caracterização do projeto: análise do mercado, engenharia, tamanho e localização. aspectos econômico-financeiros: investimento, dimensionamento de despesas e receitas, fluxo de caixa, critérios de análise econômica, análise financeira e análise de risco e incerteza. Fases da administração do projeto: concepção, estruturação, execução e controle. Projetos e relatórios de pesquisa em administração: componentes, delimitação, definição do problema e dos objetivos, referencial teórico, metodologia e elaboração do relatório. Administração financeira e orçamentária: Orçamento público: disposições constitucionais. Plano Plurianual. Lei de Diretrizes Orçamentárias. Lei Orçamentária Anual. Princípios orçamentários, processo orçamentário, estrutura do orçamento público, classificação funcional programática. Receita e despesa pública: disposições constitucionais, classificação, estágios. Programação e execução orçamentária e financeira: exercício financeiro, créditos adicionais, restos a pagar, despesas de exercícios anteriores, descentralização de créditos, suprimento de fundos. Sistema de Administração Financeira (SIAFI): objetivos, função e operacionalização. Legislação Trabalhista: Sujeitos da Relação de emprego: Empregado, trabalhador autônomo, avulso, eventual e temporário. Empregador: empresa, estabelecimento; solidariedade e sucessão de empresas. O Contrato de Trabalho: Elementos essenciais e acidentais. Contrato por tempo determinado e por tempo indeterminado. Renovação. Alteração do contrato de trabalho. Terminação do Contrato de Trabalho. Remuneração: remuneração e salário. Formas de remuneração. Duração do trabalho: duração e horário. Trabalho extraordinário e trabalho noturno. Trabalho em regime de revezamento. Repousos: intra­jornadas, inter-jornadas, repouso semanal e em feriados. Férias - PIS/PASEP FGTS - Seguro-Desemprego.

ENGENHEIRO DE SEGURANÇA NO TRABALHO: Introdução à Segurança, Saúde e Higiene do trabalho: Histórico da Segurança do trabalho; Importância e vantagens da Prevenção. Riscos Profissionais: Análise e Reconhecimento de Riscos. Mapa de Riscos.; PPRA - Programa de Prevenção de Riscos de Acidentes - NR.09; Classificação das lesões. Acidentes e Doenças do trabalho: Tipos. Registros e controles estatísticos. Investigação e análise de Acidentes e Doenças do trabalho. Árvore de Causas. Responsabilidades legais. Campanhas de prevenção. Readaptação no trabalho. Agentes tóxicos: Conceito e classificação; Risco e ocorrência; Vias de penetração; Transporte e armazenamento. Ergonomia: Instalações e serviços em eletricidade. Conceitos. Ergonometria, antropometria e suas aplicações. Posto de Trabalho . Homem - tarefa - máquina. Análise ergonômica. Higiene Industrial: Ruído industrial. Medidas de controle. Isolamento da fonte. Temperaturas extremas. Índice efetivo de temperatura. Zona de conforto Térmico. Umidade do ar. Ventilação. Iluminamento dos postos de trabalho. E.P.I. s - Equipamentos de Proteção Individual. Sistemas de prevenção e combate a incêndio: Extintores de incêndio; Rede de hidrantes; Campanhas de prevenção. Primeiros socorros: Situações de emergência. Organização e processos de trabalho: Layout. Análise da tarefa. Monotonia . Fadiga. Motivação e deficiência física como fatores de produção e produtividade. Comissões Internas de Prevenção de Acidentes - C.I.P.A.: Treinamento. Assessoria. Campanhas internas. Legislação. Atividades e Operações Insalubres e perigosas: Adicional de Insalubridade e Periculosidade. Laudos técnicos. Investigação e enquadramento. PCMAT - Programa de condições e meio Ambiente de trabalho na indústria da construção. Transporte, armazenamento e manuseio de materiais. Líquidos combustíveis e inflamáveis. Sinalização de segurança.

CIÊNCIA DA COMPUTAÇÃO: UML; Processo Unificado Rational (RUP); Platinum ERWin (Funcionalidade, Construção de modelos, Geração de objetos no banco de dados, engenharia reversa), Conceitos de Banco de Dados Relacionais, Álgebra Relacional, Linguagem SQL ANSI 32 (LDD, LMD, Subconsultas, Agrupamentos, Constrains, Permissões de acessos), SQL Server 7 ou superior (instalação e configuração, trigger, storeds, cursores, generators, transações); Otimização em banco de dados; Banco de dados distribuídos; Segurança em banco de dados; Backup e recuperação de banco de dados. 2. Desenvolvimento de Sistema: Modelo Cliente/Servidor; Gerência de projetos de sistemas; Conceitos de banco de dados relacionais; Álgebra relacional; Linguagem SQL ANSI 32 (LDD, LMD, sub-consultas, agrupamentos, constrains); SQL Server 7 ou superior (trigger, storeds, cursores, generators, transações); Princípios de engenharia de software; Análise e técnica de levantamento de requisitos; Modelagem estruturada de sistemas de informação; Visão conceitual de ferramenta CASE; Platinum ERWin (funcionalidade, construção de modelos, geração de objetos no banco de dados, engenharia reversa); Lógica de programação (linguagem Object Pascal); Orientação a objetos: conceitos fundamentais, princípios de concepção, análise e programação orientadas a objetos; Modelagem de processos em UML; Processo Unificado Rational (RUP); Ambiente de programação Delphi 5 (IDE, projetos, formulários, componentes visuais e não visuais, ADO, Clientdataset, units, variáveis, técnicas de interface · templates, datamodule, tratamento de erros, API, Quickreport e ReportBuilder); Interfaces gráficas. 3. Desenvolvimento de Internet: Internet: Word Wide Web, padrões da tecnologia web, intranets; Modelo Cliente/Servidor; Modelagem estruturada de sistemas de informação, Visão conceitual de ferramenta CASE; Platinum ERWin (funcionalidade, construção de modelos, geração de objetos no banco de dados, engenharia reversa); Orientação a objetos: conceitos fundamentais, princípios de concepção e programação orientadas a objetos; Modelagem de processos em UML; Processo Unificado Rational (RUP); Lógica de programação; Programação em PHP (variáveis, declarações, matrizes, operadores, instruções condicionais, formulários, modelos de objetos, classes, análise de desempenho, paginação de informações, relatórios, autenticação de usuários); Programação em JavaScript (variáveis, declarações, matrizes, operadores, instruções condicionais, validação de formulários, criação de conteúdo dinâmico - DHTML, controle de navegação); Programação de HTML; Ferramentas de Desenvolvimento de Web Pages; Interfaces gráficas; Comunicação visual; Engenharia de websites; Ferramentas gráficas; Fatiamento de layout; Flash; Elaboração de tabelas; Folha de estilo; Scaneamento de imagens; Photoshop; Fireworks; Navegabilidade; Diagramação; Dreamweaver; Elaboração de layouts; Estudos das cores; Editoração fotográfica; Ferramentas multimídia; Interação de usuário. 4. Segurança em Informática: Sistemas operacionais (MS-DOS, Windows 95, 98, 2000 e XP); Tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados a internet/intranet; Estrutura e organização do hardware de redes de comunicação de dados; Conceitos de protocolos; Transferência de informação e arquivos; Acesso à distância a computadores; Recursos de proteção e segurança; Interoperação de sistemas operacionais; Tecnologias de redes locais ethernet/fast ethernet/gigabit ethernet; Cabeamento: par trançado sem blindagem - categoria 5E e 6; cabeamento estruturado (norma EIA/TIA 568); Fibras ópticas: fundamentos, padrões 1000BaseSX e 1000BaseLX; Redes sem fio (wireless); Elementos de interconexão de redes de computadores (gateways, hubs, repetidores, bridges, switches, roteadores); Topologias de redes; Instalação e configuração de servidores de rede (windows/linux/unix); Criptografia; Análise de redes de computadores; Segurança em redes de computadores; Modelo OSI da I SO; Vulnerabilidades e ataques a sistemas computacionais; Processos de definição, implantação e gestão de políticas de segurança e auditoria; Criptografia, protocolos criptográficos, sistemas de criptografia e aplicações; Ataques e proteções de hardware, software, sistemas operacionais, aplicações, bancos de dados, redes, firewalls, proxies, pessoas e ambiente físico. 5. Suporte: Fundamentos de sistemas operacionais; Sistemas Operacionais (MS-DOS, Windows 95, 98, 2000 e XP); Sistemas de Arquivos; Principais processadores do mercado; Tecnologias, ferramentas, aplicativos e procedimentos associados a internet/intranet; Ferramentas e aplicativos de navegação, de correio eletrônico; Conceitos de protocolos; Transferência de informação e arquivos; Aplicativos de áudio, vídeo, multimídia; Acesso à distância a computadores; Conceitos de proteção e segurança; Aplicativos e dispositivos para armazenamento de dados e para realização de cópia de segurança (backup); Conceitos de organização e gerenciamento de arquivos e pastas; Instalação e configuração de programas e hardware em microcomputadores e servidores; Tecnologias de redes locais ethernet/fast ethernet/gigabit ethernet, Cabeamento: par trançado sem blindagem - categoria 5E e 6; Cabeamento estruturado (norma EIA/TIA 568); Fibras ópticas: fundamentos, padrões 1000BaseSX e 1000BaseLX; Topologias de redes; Redes sem fio (wireless); Elementos de interconexão de redes de computadores (gateways, hubs, repetidores, bridges, switches, roteadores); Configuração TCP/IP de uma estação de trabalho; Instalação e Configuração de servidores de rede (windows/linux/unix).

ASSISTENTE SOCIAL: A identidade da profissão do Serviço Social e seus determinantes ideo-políticos. O espaço ocupacional e as relações sociais que são estabelecidas pelo Serviço Social. A Questão Social, o contexto conjuntural, profissional e as perspectivas teórico-metodológicas do Serviço Social pós-reconceituação. O espaço sócio-ocupacional do Serviço social e as diferentes estratégias de intervenção profissional. As possibilidades, os limites e as demandas para o Serviço Social na esfera pública, privada e nas ONG. A instrumentalidade como elemento da intervenção profissional. O planejamento da intervenção e a elaboração de planos, programas e projetos sociais. O Serviço Social na contemporaneidade: as novas exigências do mercado de trabalho. Análise da questão social. Fundamentos históricos, teóricos e metodológicos do Serviço Social; O Estado e a sociedade civil perante o Eca (Estatuto da Criança e do Adolescente) e a LOAS (Lei Orgânica da Assistência Social).

COMUNICAÇÃO SOCIAL: Teorias da Comunicação. Sociologia da Comunicação. Teoria da Imagem. Design. Jornalismo. Técnicas de Redação e Edição Jornalísticas. Edição e Produção Gráficas. Produção Audiovisual. Técnicas de Reportagem. Radiojornalismo. Telejornalismo. Cibercultura e Jornalismo Digital. Ética e Legislação Jornalística. Comunicação Empresarial. Identidade e Imagem Corporativas. Assessoria de Imprensa e Media Training. Jornalismo Empresarial. Relacionamento com a Mídia. Comunicação na Gestão de Crise. Análise de mídia espontânea. Comunicação Organizacional. A Comunicação Interna inserida na Estratégia Organizacional. Indicadores e avaliação de Desempenho em Comunicação Organizacional. Responsabilidade Social Corporativa. Comunicação Integrada. Novas Tecnologias de Comunicação. A Comunicação na Empresa Pública. Cultura Organizacional.

ANEXO IV - PROVAS PRÁTICAS

DETALHAMENTO DAS PROVAS PRÁTICAS - PROFISSIONAL DE SUPORTE II

1 - A Prova Prática valerá 20 (vinte) pontos.

2 - Ao ser chamado e apresentar-se no local indicado para a Prova Prática, o candidato irá executar as seguintes tarefas :

A) Tendo disponível um caminhão, inclusive de coleta de resíduos sólidos: Vistoriar o veículo, verificar o nível do óleo, água, bateria, combustível, painel de comando, pneus, etc... num tempo de 5(cinco) minutos - valendo de 0 (zero) a 10 (dez) pontos.

B) A seguir o candidato, no tempo de 15(quinze) minutos, deverá cumprir um percurso dirigindo o veículo inspecionado onde será avaliado sob fatores da boa condução ( respeito à faixa de segurança, uso da seta, troca de pistas, limites de velocidade, trocas de marchas, uso da embragem, etc...) - valendo de 0 (zero) a 10 (dez) pontos.

Colatina, 13 de dezembro de 2007

CLEUBER MELOTTI
Diretor Presidente