Prefeitura de Buritizeiro (SAAE) - MG

SERVIÇO AUTÔNOMO DE ÁGUA E ESGOTO - SAAE DE BURITIZEIRO

ESTADO DE MINAS GERAIS

O Serviço Autônomo de Água e Esgoto - SAAE de BURITIZEIRO faz saber que realizará, através da Magnus Auditores e Consultores Associados, Concurso Público de Provas, para provimento de cargos de seu quadro permanente e para formação de cadastro reserva, na forma determinada neste Edital.

1 - DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES

Os cargos, escolaridades, vagas, valores de inscrições, vencimentos e cargas horárias, são os constantes do Anexo I deste Edital.

2 - DAS CONDIÇÕES PARA INSCRIÇÃO

2.1. Ser brasileiro nato, naturalizado ou cidadão português, a quem foi deferida a igualdade nas condições previstas no parágrafo 1º do artigo 12 da Constituição Federal.

2.2. Conhecer e estar de acordo com as exigências contidas no presente Edital.

3 - DAS CONDIÇÕES PARA POSSE

3.1. Estar em dia com as obrigações eleitorais.

3.2. Estar em dia com as obrigações militares, se do sexo masculino.

3.3. Ter, na data da posse, 18 (dezoito) anos completos.

3.4. Estar em gozo dos direitos políticos.

3.5. Não poderão se inscrever no presente concurso os ex-servidores públicos de quaisquer esferas de poder (Federal, Estadual e Municipal) demitidos em conseqüência de atos de improbidade ou qualquer outra falta grave comprovados através de sindicância e/ou inquérito administrativo.

3.6. Não registrar antecedentes criminais.

3.7. Ter grau de escolaridade mínimo exigido para o cargo, conforme especificado no Anexo deste Edital.

3.8. Ter habilitação profissional e/ou legal para os cargos que assim exigirem.

3.9 – Estas exigências deverão ser comprovadas no ato de nomeação, juntamente com toda a documentação exigida para os cargos.

4 - DAS INSCRIÇÕES

4.1 EM BURITIZEIRO:

4.1.1. Local: Escritório do SAAE – À Pça. Cel. José Geraldo, nº 02 – Centro, em Buritizeiro.

4.1.2. Período: 12/03/2007 a 16/03/2007

4.1.3. Horário: 9:00 às 12:00 e 13:00 às 17:00 horas.

4.2 VIA INTERNET:

4.2.1 Será admitida a inscrição via INTERNET, no endereço www.magnusauditores.com.br, solicitada até as 18:00 horas do dia 16/03/2007 (horário oficial de Brasília/DF), desde que efetuado seu pagamento até 19/03/2007.

4.2.2 A inscrição efetuada via Internet somente será validada após confirmação do recolhimento do valor da inscrição através de procedimento a ser informado no ato da inscrição, não sendo aceito depósito em caixa rápido.

4.2.3 A confirmação da inscrição do candidato será enviada pelo endereço de e-mail informado pelo candidato quando da solicitação de inscrição.

4.2.4 São de responsabilidade única do candidato os dados cadastrais informados na solicitação de inscrição.

4.2.5 Não serão acatadas inscrições cujo pagamento do valor da inscrição tenha sido efetuado em desacordo com as opções oferecidas no ato do preenchimento da inscrição via Internet, seja qual for o motivo alegado.

4.2.6 Os valores de inscrição pagos em desacordo com o estabelecido neste Edital não serão devolvidos, seja qual for o motivo alegado.

4.2.7 A Magnus Auditores e Consultores Associados não se responsabiliza por inscrições via Internet não recebidas por motivos de ordem técnica dos computadores, falhas de comunicação, congestionamento das linhas de comunicação, bem como outros fatores de ordem técnica que impossibilite a transferência dos dados, ou pelo descumprimento das instruções para inscrição via Internet constante neste Edital.

4.3. O Edital e o Manual do Candidato estarão disponíveis na página do endereço eletrônico www.magnusauditores.com.br, e no escritório do SAAE de Buritizeiro, à disposição dos interessados, sendo de responsabilidade exclusiva do candidato a obtenção desse material.

4.4. Documentação exigida: O candidato deverá apresentar, no ato da solicitação da inscrição, pessoalmente, ou através de procuração, os seguintes documentos:

4.4.1 Comprovante de recolhimento, em impresso próprio a ser fornecido no local de inscrição, da importância referente à inscrição.

4.4.2 Original ou fotocópia autenticada da cédula de identidade ou de documento equivalente, de valor legal.

4.5. Às pessoas portadoras de deficiência é assegurado o direito de se inscreverem no presente concurso, desde que as deficiências de que são portadoras sejam compatíveis com as atribuições do cargo e declarado no ato da inscrição.

4.5.1 Os candidatos deverão declarar, em requerimento próprio (o próprio formulário de inscrição), serem portadores de deficiência, especificando-a no ato da inscrição, juntamente com laudo médico atestando a espécie e o grau ou nível da deficiência, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças – CID, bem como a provável causa da deficiência.

4.5.2 Os portadores de deficiência, quando de sua posse, serão submetidos a exame médico, que terá decisão terminativa sobre a qualificação do candidato como deficiente ou não, e o grau de deficiência que não o incapacite para o exercício do cargo.

4.6. Após apresentação da documentação exigida, o candidato deverá assinar documento, no local da inscrição, no qual declare atender às condições exigidas para a inscrição e submeter-se às normas expressas neste Edital.

4.7. A declaração falsa ou inexata dos dados constantes na ficha de inscrição, bem como a apresentação de documentos ou informações falsas ou inexatas, determinará o cancelamento da inscrição e anulação de todos os atos decor­rentes, em qualquer época.

4.8. Outras informações:

a) O pagamento da importância relativa à inscrição poderá ser efetuado em dinheiro ou cheque do próprio candidato, sendo considerada nula a inscrição se o cheque for devolvido por qualquer motivo;

b) Só o pagamento da inscrição não significa que o candidato esteja inscrito;

c) O valor da inscrição, uma vez paga, não será devolvido, sob hipótese alguma, salvo no caso de não realização do Concurso, por culpa ou omissão exclusiva da Administração.

d) Não haverá, sob qualquer pretexto, inscrição provisória ou condicional.

e) Não serão recebidas inscrições por via postal, fax, condicional e/ou extemporânea;

f) Não serão aceitas inscrições com documentação incompleta;

g) O candidato só poderá se inscrever em apenas um cargo.

h) Outros documentos necessários à comprovação das demais exigências para ocupação do cargo deverão ser apresentados, pelos candidatos aprovados, antes da respectiva contratação, importando a não apresentação, no prazo fixado na intimação em nulidade da aprovação e da classificação, com perda dos direitos decorrentes.

5 - DAS PROVAS

5.1. O processo seletivo constará de Provas Objetiva de Múltipla Escolha, Prova Prática e Prova de Títulos.

5.1.1 A Prova Objetiva de Múltipla Escolha, de caráter eliminatório, será aplicada para todos os cargos e terá duração máxima de 3 (três) horas.

5.1.2 O conjunto das Provas Objetivas de Múltipla Escolha será composto de 40 (quarenta) questões, com 04 (quatro) opções de respostas cada, valorizado de 0 (zero) a 100 (cem) pontos, sendo 2,5 (dois e meio) o valor de cada questão.

5.1,3 Será aprovado o candidato que totalizar o mínimo de 50% (cinqüenta por cento) do total de pontos distribuídos no conjunto das Provas Objetivas de Múltipla Escolha.

5.1.4 O programa de prova para as questões de múltipla escolha será fornecido no ato da inscrição.

5.2. A Prova Prática, de caráter eliminatório e classificatório, será aplicada para os candidatos ao cargo de Encanador I, e constará de prática de rua, constando de teste de aptidão física com levantamento, transporte de materiais (cimento, manilhas, etc.) e demonstração de conhecimento e capacidade técnica na abertura e escavação de valas para colocação de tubulação de água e esgoto, onde serão avaliados a preparação correta do local, a habilidade na escavação, a colocação correta do material retirado da vala, a utilização correta das ferramentas, a atenção e segurança quando trabalhando e a produtividade, onde se avaliará o volume de terra retirada durante o teste.

5.2.1 A prova prática será valorizada de 0 (zero) a 100 (cem) pontos, considerando-se eliminado o candidato que não lograr, nesta etapa, a obtenção do mínimo de 50 (cinqüenta) pontos.

5.3. A Prova de Títulos, de caráter classificatório, será valorizada em até 10 (dez) pontos e obedecerá o critério de pontuação estabelecido a seguir:

5.3.1 Tempo de serviço prestado à Administração Pública Municipal, Estadual ou Federal, bem como à iniciativa privada como servidor ou empregado público, na área específica a que concorrer, 02 (dois pontos) por ano ou fração igual ou superior a 180 (cento e oitenta) dias, até o máximo de 10 (dez) pontos.

5.3.2 A comprovação do tempo de serviço acima referido deverá ser feita pelo candidato, mediante apresentação de declaração expedida por órgão competente ou Carteira de Trabalho e Previdência Social – CTPS originais (e fotocópia autenticada em cartório).

5.3.3.Os títulos deverão ser entregues durante o período de inscrição (12 a 16/03/2007), em envelope, contendo externamente em sua face frontal, os seguintes dados: CONCURSO PÚBLICO SAAE DE BURITIZEIRO – Edital nº 01/2007, O NOME, NÚMERO DE INSCRIÇÃO E O CARGO do candidato.

5.3.2.5. Será de responsabilidade exclusiva do candidato a entrega da documentação referente a título, não sendo aceito título entregue via correio, fax, Internet ou fora do prazo estabelecido.

5.3.2.6. Serão recusados, liminarmente, os títulos que não atenderem às exigências deste Edital.

5.3.2.7. A avaliação dos títulos apresentados será feita pela Comissão de Concursos do SAAE.

5.3.2.8. A pontuação de títulos será somada à pontuação obtida pelo candidato nas provas objetivas, para fins de classificação final.

6 - DA REALIZAÇÃO DAS PROVAS

6.1. As Provas Objetivas de Múltipla Escolha e Prática serão realizadas no Município de Buritizeiro no dia 15/04/2007.

6.2. Estarão afixadas na Sede do SAAE de BURITIZEIRO, a partir do dia 11/04/2007, planilha contendo os horários e locais de realização das Provas Objetivas de Múltipla Escolha e Prática.

6.3. O ingresso nas salas e locais de provas só será permitido dentro do horário estabelecido e ao candidato que apresentar o Cartão de Inscrição, juntamente com a Cédula Oficial de Identidade ou Carteira de Trabalho e Previdência Social ou Certificado de Reservista ou Carteira do Conselho Regional correspondente à sua atividade profissional. Como o documento não ficará retido, será exigida a apresentação do original, não sendo aceito cópias, ainda que autenticadas.

6.4. Em nenhuma hipótese haverá segunda chamada ou repetição de prova, importando a ausência ou retardamento do candidato em sua exclusão do Concurso Público, seja qual for o motivo alegado.

6.5. Em nenhuma hipótese haverá aplicação de provas fora dos locais e horários preestabelecidos.

6.6. O candidato deverá comparecer ao local designado, com antecedência mínima de 30 (trinta) minutos, munido de caneta tipo esferográfica azul ou preta.

6.7. Não será permitido o uso de máquina calculadora e telefone celular.

6.8. O candidato portador de deficiência física que necessitar de provas em condições especiais, deverá informar no ato da inscrição, através de requerimento.

6.9. O candidato deverá transcrever suas respostas, na folha de respostas, com caneta esferográfica azul ou preta.

6.10. Não serão computadas questões não assinaladas ou que contenham mais de uma resposta, emenda ou rasura, ainda que legível.

6.11. Será excluído do concurso o candidato que:

a) Se apresentar após o horário estabelecido;

b) Não comparecer às provas, seja qual for o motivo alegado;

c) Não apresentar o Cartão de Inscrição e/ou documento de identidade exigido;

d) Durante a realização das provas for colhido em flagrante comunicação com outro candidato ou com pessoas estranhas, oralmente, por escrito, ou através de equipamentos eletrônicos, ou ainda que venha a tumultuar a sua realização;

e) Ausentar-se do recinto da prova, a não ser momentaneamente, em casos especiais e desde que na companhia do fiscal de prova;

f) Usar de incorreções ou descortesia para com os coordenadores ou fiscais de provas, auxiliares e autoridades presentes.

6.12. Não haverá revisão de provas.

6.13. O candidato, ao terminar a prova, deverá entregar ao fiscal somente a sua folha de respostas.

7 - DO PROCESSO DE CLASSIFICAÇÃO FINAL E DESEMPATE

7.1. Será eliminado o candidato que não alcançar o mínimo exigido de 50% (cinqüenta por cento) do total de pontos das Provas Objetiva de Múltipla Escolha e da Prova Prática.

7.2. A classificação final dos candidatos será feita pela soma dos pontos obtidos nas provas Objetiva de Múltipla Escolha, Prática e de Títulos.

7.3. Apurado o total de pontos, na hipótese de empate entre os candidatos, será dada preferência, para efeito de classificação, sucessivamente, ao candidato mais idoso.

8 - DOS RECURSOS

8.1. Caberão recursos, em única e última instância, à Comissão de Concurso Público do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de BURITIZEIRO:

8.1.1 Sobre a realização da prova Objetiva de Múltipla Escolha, dentro de 02 (dois) dias úteis, a contar do dia seguinte ao da divulgação do gabarito oficial, desde que demonstrado erro material, divulgação esta que ocorrerá no 1º dia útil após a realização da prova.

8.1.2 Sobre os resultados, dentro de 02 (dois) dias úteis, a contar do dia seguinte ao da sua publicação, desde que demonstrado erro material;

8.2. Serão rejeitados liminarmente os recursos que não estiverem redigidos em termos próprios ou não fundamentados, ou ainda aqueles a que se der entrada fora dos prazos preestabelecidos.

8.3. Os recursos deverão ser protocolados no setor de protocolo do Serviço Autônomo de Água e Esgoto, no horário de expediente e encaminhados à Comissão de Concurso Público.

8.4. Se o julgamento dos recursos resultar em anulação de questão, a pontuação correspondente à questão anulada será atribuída a todos os candidatos, independentemente de terem recorrido, não se admitindo recurso da decisão da Banca Examinadora.

9 - DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

9.1. O candidato aprovado e nomeado submeter-se-á ao Estatuto dos Servidores Públicos Municipais de BURITIZEIRO.

9.2. A Comissão de Concurso Público terá a responsabilidade de acompanhar a realização do Concurso, receber os recursos, encaminhando-os à Magnus Auditores e Consultores Associados que fará estudo, fornecendo parecer.

9.3. O prazo de validade do presente concurso é de 02 (dois) anos, contados da data da homologação do resultado final, podendo ser prorrogado por mais 02 (dois) anos.

9.4. Ao entrar em exercício, o servidor ficará sujeito a estágio probatório, conforme definido no Estatuto dos Servidores Públicos do Município de BURITIZEIRO, durante o qual sua eficiência e capacidade serão objeto de avaliação para o desempenho do cargo.

9.5. A aprovação no Concurso não assegura direito à nomeação, mas esta, quando ocorrer, obedecerá rigorosamente à ordem de classificação dos candidatos, número de vagas fornecido e seu prazo de validade.

9.6. A inscrição do candidato importará no conhecimento das presentes instruções e na aceitação tácita das condições do Concurso Público, tais como se acham estabelecidas neste Edital.

9.7. O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de BURITIZEIRO e a Magnus Auditores e Consultores Associados não se responsabilizam por quaisquer cursos, textos, apostilas e outras publicações referentes a este Concurso Público.

9.8. O candidato deverá manter junto ao Setor de Pessoal do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de BURITIZEIRO, durante o prazo de validade do Concurso, seu endereço atualizado, visando eventuais convocações, não lhe cabendo qualquer reclamação caso não seja possível a sua convocação, por falta da citada atualização.

9.9. Toda informação referente à realização do Concurso será fornecida pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto de BURITIZEIRO, através da Comissão de Concurso.

9.10. O candidato aprovado, quando nomeado, deverá apresentar, obrigatoriamente, os seguintes documentos, para efeito de posse no cargo:

a) Fotocópia autenticada da certidão de nascimento ou casamento;

b) Fotocópia autenticada da certidão de nascimento dos filhos, se tiver;

c) Apresentar cartão de vacinação dos filhos, se tiver;

d) Fotocópia autenticada do CPF;

e) Fotocópia autenticada da Carteira de Identidade;

f) Cartão de Cadastramento no PIS/PASEP (se tiver);

g) Laudo médico favorável, fornecido por equipe de Medicina do Trabalho, a ser contratada pelo Serviço Autônomo de Água e Esgoto de BURITIZEIRO.

h) 01 (uma) fotografia 3x4;

i) Fotocópia autenticada do Título de Eleitor com o comprovante de votação na última eleição;

j) Fotocópia autenticada do Certificado de Reservista, se do sexo masculino;

k) Fotocópia autenticada do comprovante de capacitação legal para o exercício do cargo, bem como registro no órgão competente e prova de quitação das anuidades, quando cabível;

l) Declaração de não acumulação de cargos ou empregos públicos, na forma do art. 37 da Constituição Federal.

9.11. Os casos omissos ou duvidosos serão resolvidos pela Comissão de Concurso Público do Serviço Autônomo de Água e Esgoto de BURITIZEIRO, ouvida a Magnus Auditores e Consultores Associados, empresa responsável pela execução do Concurso.

9.12. Caberá ao Diretor do SAAE a homologação do resultado final.

9.13. A aprovação no concurso não cria direito à nomeação, mas esta, quando ocorrer, obedecerá, rigorosamente, à ordem de classificação final constante da homologação do concurso.

9.14. Antes da nomeação o candidato será submetido a exames de sanidade física e mental, a serem realizados por profissionais credenciados pelo SAAE.

9.15. Todas as informações referentes ao concurso serão afixadas no saguão do escritório de atendimento público do Serviço Autônomo de Água e Esgoto, localizado à Pça. Cel. José Geraldo, nº 02 -Centro, em Buritizeiro/MG.

BURITIZEIRO / MG, 26 de fevereiro de 2007.

Dr. Paulo Cezar de Araújo Neves
Diretor do SAAE

ANEXO

CARGOS, VAGAS, ESCOLARIDADES, CARGA HORÁRIA, VENCIMENTOS E VALORES DE INSCRIÇÃO

DENOMINAÇÃO DO CARGO

VAGAS

ESCOLARIDADE E PRÉ-REQUISITO

JORNADA SEMANAL

VENC. MENSAL (R$)

VALOR DA INSCRIÇÃO (R$)

AGENTE ADMINISTRATIVO I

01

Ensino Médio Completo

40

714,01

50,00

AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS

01

Ensino Fundamental Completo

40

376,88

26,00

ENCANADOR I

01

Ensino Fundamental Completo

40

466,00

32,00

FISCAL

04

Ensino Médio Completo, com CNH categoria “A”

40

466,00

32,00

OPERADOR DE ETA E ETE II

01

Ensino Médio Completo

40

714,01

50,00

TÉCNICO EM MEIO AMBIENTE

02

Curso técnico em meio ambiente, com registro no respectivo conselho e CNH categoria “B”

40

1.123,44

75,00

TÉCNICO EM QUÍMICA

01

Curso técnico em química, com habilitação no respectivo conselho e CNH categoria “B”

40

1.123,44

75,00

 

TIPOS DE PROVAS E QUANTIDADE DE QUESTÕES

Cargos

Provas

Quantidade de Questões

AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS FISCAL

Português

Matemática

Conhecimentos Gerais

15

10

15

AGENTE ADMINISTRATIVO I

Português

Conhecimentos Gerais

Conhecimentos de Informática

15

10

15

OPERADOR DE ETA E ETE II

TÉCNICO EM MEIO AMBIENTE

TÉCNICO EM QUÍMICA

Português

Conhecimentos Gerais

Conhecimentos Específicos

10

10

15

 

ENCANADOR I

Português

Conhecimentos Gerais

Conhecimentos Específicos

Prática

10

10

15

-

 ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS

Cargos

Atribuições

AGENTE ADMINISTRATIVO I

Executar trabalhos simples de escritório, compreendidos em rotinas pré-estabelecidas, que possam ser prontamente aprendidas e que requeiram pouca capacidade de julgamento; Fazer anotações em fichas e manusear fichários; Classificar e organizar expedientes recebidos; Obter informações de fontes determinadas a fornecê-las aos interessados, quando autorizado; Digitar textos e executar outros serviços rotineiros no computador; Digitar cartas ofícios, memorando, folhas de pagamento, etc; Operar máquinas de escritório; Auxiliar na separação, classificação, distribuição, numeração, selagem e expedição de correspondências; Prestar informações simples de caráter geral, pessoalmente ou por telefone; Anotar e transmitir recados; Participar de comissões internas; Observar e cumprir as normas de higiene e de segurança do trabalho; Executar outras tarefas correlatas.

AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS

Fazer limpeza no escritório, laboratório, estação de tratamento e outras de dependências do SAAE; Receber e entregar documentos e correspondências, inclusive talões de cobrança das tarifas de água e esgoto, junto à rede bancária, comércio, repartições públicas, correios e usuários em geral; Executar tarefas de copa-cozinha; Lavar e guardar louças e talheres; Zelar para que o material e equipamento de sua área de trabalho estejam sempre em perfeitas condições, higiene e segurança; Participar de comissões em cumprimento às leis da Administração Pública; Observar e cumprir as normas de higiene e de segurança do trabalho; Executar outras tarefas correlatas.

ENCANADOR I

Executar trabalhos manuais e/ou operacionais, como ajudante de pedreiros, carpinteiros, bombeiros, operadores e outros técnicos, referente à construção, ampliação, operação e manutenção do sistema de água e esgoto, tais como abertura e recobrimento de valas, carregamento de tubos e de materiais diversos, preparo e colocação de argamassa e concretos, carregamento de tanques de produtos químicos e preparo das respectivas soluções; Fazer manutenção de redes de água e esgotos dos prédios e dos aparelhos utilizados no serviço; Fazer corte e religação de água; Ajudar na realização de ramais de água e esgoto; Cuidar dos jardins da ETA e ETE; Observar e cumprir as normas de higiene e de segurança do trabalho; Executar outras tarefas correlatas, a critério do superior imediato.

FISCAL

Fazer a leitura periódica de hidrômetro, em caráter de inspeção; Solicitar a instalação ou substituição sob suspeita de avarias; Analisar os registros de consumo de água; Inspecionar instalações sanitárias e hidráulicas a fim de verificar se não há vazamentos que justifiquem excesso de consumo; Verificar e registrar a existência de ligações clandestinas e outras irregularidades em hidrômetros e ramais; Entregar notificações e contas aos usuários; Efetuar corte e religação de fornecimento de água; Efetuar pequenos reparos em padrões de água; Levantar informações de campo para inscrição e atualização do cadastro de usuários; Opinar, sobre a viabilidade da concessão das ligações de água e esgoto; Prestar informações aos usuários; Levar ao conhecimento do superior imediato qualquer anormalidade que observar nos sistemas de água e esgoto; Dirigir viaturas do SAAE; Observar e cumprir as normas de higiene e de segurança do trabalho; Executar outras tarefas correlatas.

OPERADOR DE ETA E ETE II

Executar serviços destinados a promover a operação e manutenção das estações de tratamento e de recalque dos sistemas de água e esgoto; Executar serviços relacionados ao tratamento de água e esgoto, seguindo orientação e especificações do Técnico Químico; Preparar soluções e dosadores de produtos químicos; Realizar as análises físico-químicas e bacteriológicas; Fazer coleta de material destinado às análises laboratoriais; Acompanhamento de sistemas de aplicação de cloro, flúor, coagulantes, etc; Fazer limpeza na ETA e ETE, procedendo a lavagem das unidades de filtração; Preencher os relatórios diários da ETA e ETE; Levar ao conhecimento do superior imediato, qualquer anormalidade observada nos sistemas de água e esgoto; Observar e cumprir as normas de higiene e de segurança do trabalho; Executar outras tarefas correlatas.

TÉCNICO EM MEIO AMBIENTE

Formular, coordenar, orientar, controlar e executar a política municipal de gerenciamento e desenvolvimento ambiental; Realizar perícias, elaborar e emitir laudos e pareceres técnicos sobre ações ambientais em atendimento à legislação; Elaborar, subsidiar e implantar estudos, projetos, planos e programas para desenvolvimento da consciência e educação ambiental no Município; Capacitar, aperfeiçoar e estimular a formação de educadores e agentes ambientais, para desenvolverem, em âmbito local, atividades de educação ambiental; Participar na organização de cursos e treinamentos em sua área de atuação; Promover intercâmbios com centros de documentação, assegurando o livre e amplo acesso às informações ambientais básicas, divulgando-as sistematicamente; Promover a educação ambiental descentralizada junto a unidades educativas; Desenvolver campanhas educativas e de combate ao desperdício de água, a destinação correta do lixo; ao controle de artrópodes, ao esgotamento sanitário e etc. Realizar pesquisas e análise sobre o sistema e ações de saneamento no município em suas dimensões políticas, econômicas e sócio-culturais, visando caracterizar seus agentes, captar suas necessidades, expectativas, motivação, atitudes e comportamento; Propor e implementar a política ambiental da organização, assegurando que ela: Seja apropriada à natureza, escala e impactos ambientais de suas atividades, produtos ou serviços; Inclua o comprometimento com a melhoria contínua e com a prevenção da poluição; Inclua o comprometimento com o atendimento à legislação e normas ambientais aplicáveis e demais requisitos subscritos pela organização; Forneça a estrutura para estabelecimento e revisão dos objetivos e metas ambientais; Seja documentada, implementada, mantida e comunicada a todos os servidores; Esteja disponível para o público. Elaborar, coordenar e executar estudos, experimentações e pesquisas técnico-científicas básicas e aplicadas, sob supervisão de profissional de nível superior; Realizar identificações, estudos e pesquisas sobre a biologia, comportamento e métodos de controle quantitativos de organismos vetores em águas de abastecimento e esgotos sanitários, afim da adoção de medidas mitigadoras; Monitorar mananciais, conforme parâmetros da legislação; Elaborar, orientar, coordenar e executar plano de ação para sanear o passivo ambiental; Executar outras tarefas correlatas.

TÉCNICO EM QUÍMICA

Programar, organizar, orientar e supervisionar, dentro dos padrões pré-estabelecidos, as atividades referentes a operações do sistema de tratamento, captação e controle da qualidade da água e esgoto; Confeccionar escalas e relatórios; Fazer coletas para análise; Preparar reagentes químicos, fazer análises físico-químicas e bacteriológicas e confeccionar os relatórios; Instruir e supervisionar a higiene da ETA e da ETE; Executar outras tarefas relacionadas com o tratamento, captação e controle da qualidade da água; Responsabilizar, quanto ä manutenção da ETA e da ETE; produtos químicos, soluções químicas para análise diárias. Levar ao conhecimento do superior imediato qualquer anormalidade que observar nos sistemas de água e esgoto; Dirigir viaturas do SAAE; Elaborar propostas que visam maior e melhor rendimento das atividades desenvolvidas na ETA e ETE; Observar e cumprir as normas de higiene e de segurança do trabalho; Executar outras tarefas correlatas.