SESC - Serviço Social do Comércio - PB

SESC - SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO

ESTADO DA PARAÍBA

EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA SELEÇÃO PÚBLICA DE PESSOAL

Notícia:   Serviço Social do Comércio - PB oferece 33 vagas para diversas áreas

O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO - SESC, Administração Regional no Estado da Paraíba, com sede na Rua Desembargador Souto Maior, nº. 291, 3º andar, Centro, João Pessoa/PB, através do Instituto Fecomócio de Pesquisas Econômicas e Sociais - IFEP, site: www.ifep-pb.com.br, torna público o presente Edital, nos termos a seguir:

1 - OBJETIVO: Selecionar funcionários para o quadro permanente de pessoal, bem como a formação de cadastro de reserva para as Unidades Operacionais do SESC em todo o Estado da Paraíba, através de provas objetivas para o preenchimento dos cargos vagos, mediante a necessidade de pessoal e ou criados para o quadro permanente de pessoal de acordo com as necessidades do Regional, para os níveis: fundamental, médio e superior, seguindo a ordem de classificação, disponibilidade das vagas existentes nas áreas meio e fim.

2- DAS INSCRIÇÕES: PERÍODO

2.1 - Período das Inscrições: de 10 a 24 de julho de 2009;

3- LOCAL DAS INSCRIÇÕES:

As inscrições poderão ser realizadas através do site: www.ifep-pb.com.br, bem como nos terminais de computadores dispostos nas unidades operacionais do SESC/PB (exceto nos sábados e domingos), nos seguintes endereços e horários :

3.1- Unidade de João Pessoa/PB - Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Desembargador Souto Maior, 281 - Centro - João Pessoa/PB;

3.2 - Unidade de Campina Grande/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Giló Guedes, 650 - Centro - Campina Grande/PB;

3.3 - Unidade de Guarabira/PB Das 13h às 17h Endereço: Rua Cel. José Maurício da Costa, 290 - Guarabira/PB;

3.4 - Unidade de Patos/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 7h Endereço: Rua Natália de Figueiredo, S/N - Morro - Patos/PB;

3.5 - Unidade de Sousa/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua João Vieira da Silva, S/N - Rachel Gadelha - Sousa/PB;

3.6- Unidade de Cajazeiras/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Vitória Bezerra,S/N - São Francisco - Cajazeiras/PB.

4 - NORMAS GERAIS SOBRE AS INSCRIÇÕES:

4.1 - As inscrições serão gratuitas.

4.2 - O candidato, no ato da inscrição, deverá informar documento de identidade e CPF;

4.3- O candidato poderá obter informações acerca de sua inscrição nos sites do Sesc (www.sescpb.com.br) e do IFEP : (www.ifep-pb.com.br).

4.4 - O candidato só poderá concorrer a um único cargo;

4.5 - O candidato só poderá se inscrever para uma das Instituições (SENAC ou SESC), sob pena de eliminação automática do candidato a todo o Processo Seletivo Público de Pessoal.

4.6- A inscrição encerrar-se-á, improrrogavelmente, no dia fixado neste Edital.

4.7 - A inscrição do candidato implicará no conhecimento tático das normas e condições estabelecidas neste Edital, em relação aos quais não poderá alegar desconhecimento.

4.8 - O não cumprimento total das exigências pelo candidato implicará o indeferimento da sua inscrição.

4.9 - O candidato que necessitar de condição especial para realização de prova deverá solicitá-la expressamente no ato da sua inscrição, com os devidos documentos comprobatórios da sua necessidade especial;

4.10- O candidato somente poderá concorrer com uma única inscrição. E uma vez escolhido o código, o candidato automaticamente estará vinculado ao cargo optado na inscrição realizada, concorrendo àquela vaga, não sendo admitida posterior alteração.

5. DAS DISPOSIÇÕES PRELIMINARES:

5.1- De acordo com a Regulamentação do SESC, não poderão concorrer neste Processo Público Seletivo de Pessoal, parentes de até terceiro grau de funcionários do SESC e SENAC.

5.2- O Processo Seletivo de que trata este Edital destina-se a selecionar candidatos para a contratação de profissionais para o cargo de carreira do SESC, devendo observar o número de vagas oferecidas para o presente certame, conforme consta no Anexo III.

5.3- O presente certame será executado pelo(a) Instituto Fecomércio de Pesquisas Econômicas e Sociais - IFEP - e será de responsabilidade exclusiva dos candidatos às despesas necessárias à realização de todo o procedimento que norteia o presente Processo Seletivo Público, inclusive as decorrentes de deslocamento, hospedagem e modificações de datas ou locais de prova.

5.4- O Processo Público Seletivo de Pessoal obedecerá a uma única etapa objetiva, a saber:

5.5- Prova Objetiva a ser realizada no dia 09 de agosto de 2009 - de caráter eliminatório e classificatório.

5.6 - O presente certame terá valor entre 0,0 a 10,0 (zero a dez).

5.7- Classificar-se-á, o candidato, que ao termino da avaliação escrita atingir a nota final mínima de 7,0 (sete) pontos.

5.8 - Reservar-se-á a proporção de 5% (cinco por cento) das vagas cadastradas, para cada cargo, aos deficientes.

6. DAS VAGAS OFERECIDAS

6.1 - As vagas destinadas aos cargos previstos estão distribuídas pelas unidades do Departamento Regional do SESC da Paraíba, na forma prevista no Anexo III, ficando o candidato, se aprovado, vinculado ao cargo escolhido no ato de sua inscrição. Estas vagas serão preenchidas pelos critérios de necessidade do quadro de funcionário do SESC/PB, respeitada a ordem de classificação, constante da homologação do resultado final do processo seletivo.

6.2- Os candidatos aprovados e classificados formarão um Banco de Reserva disponível para as unidades operacionais do SESC;

6.3 - O candidato, ao realizar a sua inscrição, deverá indicar o código do cargo que deseja concorrer, registrando-o conforme previsto no quadro de Anexo III deste Edital, ao qual ficará vinculado, não podendo alterá-lo.

6.4 - Cada cargo oferecido pelo SESC/PB indicará as atribuições e requisitos específicos, conforme previsto no Anexo II, do presente Edital.

6.5- O candidato classificado poderá fazer opção de trabalhar em qualquer Unidade Operacional do SESC/PB, desde que disponha de vaga.

7. DAS VAGAS DESTINADAS ÀS PESSOAS PORTADORAS DE DEFICIÊNCIA

7.1 - As pessoas portadoras de deficiência que pretendam fazer uso das prerrogativas que lhes são conferidas pelo Decreto Federal N.º: 3.298/99 e suas alterações conferidas pelo Decreto Federal N.º: 5.296/04 e Lei N.º: 7.853/1989 deve no ato da inscrição está portando documento que especifique o seu grau de deficiência, bem como a CID - Código Internacional de Doença - emitido nos doze últimos meses que antecedem as inscrições do Processo Seletivo de Funcionários do SESC/PB.

7.2 - Reserva-se o percentual de 5% (cinco por cento) das vagas oferecidas pelo SESC/PB a candidatos portadores de deficiência, como previsto na Resolução 0018/2008 do SESC/PB.

7.3 - Os candidatos que se declararem portadores de deficiência, quando apresentarem o laudo médico de que trata o ponto 7.1 deste Edital, participarão do Processo Seletivo em igualdade de condições com os demais candidatos, quanto ao conteúdo das questões, local e horário das provas, avaliação, critérios de aprovação e a nota mínima exigida para a classificação.

7.4 - O candidato aprovado e classificado dentro do número de vagas oferecidas a portadores de deficientes será convocado, através de AR (Aviso de Recebimento) pelos Correios, bem como no site do SESC/PB para submeter-se à perícia médica, promovida pelo órgão competente ou por Entidade credenciada para realização de exame para posterior decisão terminativa sobre a qualificação da deficiência ou não, bem como a compatibilidade da deficiência ao exercício do cargo pretendido.

7.5- A inobservância dos dispostos acima acarretará a perda do direito ao pleito das vagas reservadas a candidatos portadores de deficiência, passando a sua inscrição a concorrer às vagas de candidatos não deficientes.

7.6- O candidato que, após perícia médica, não tenha sido qualificado como portador de deficiência, terá seu nome excluído da lista de deficientes, permanecendo seu nome na lista de classificação geral do Processo Seletivo e sua colocação de acordo com a sua classificação.

7.7 - O candidato portador de deficiência, cuja deficiência seja julgada pela perícia médica como incompatível com o exercício das atividades do cargo ao qual concorreu, será excluído do processo e considerado desclassificado para todos os efeitos.

7.8 - O candidato portador de deficiência que, no ato da inscrição, se não informar essa condição, receberá, em todas as fases do Processo Seletivo, tratamento igual ao previsto para os candidatos não portadores de deficiência.

7.9 - As vagas destinadas aos portadores de deficiência que não forem preenchidas por falta de candidatos, por reprovação no Processo Seletivo ou na perícia médica, serão preenchidas pelos demais candidatos, observada a ordem geral de classificação.

8. DO ATENDIMENTO ESPECIAL

8.1 - O candidato que necessitar de qualquer tipo de atendimento diferenciado para a realização das provas deverá solicitá-lo, no ato de inscrição, indicando claramente no formulário quais os recursos especiais necessários (materiais, equipamentos etc.).

8.2 - A candidata com necessidade de amamentar, durante a realização das provas, deverá levar um acompanhante que ficará em sala reservada para essa finalidade. O acompanhante ficará responsável pela guarda da criança.

8.2.1- Nenhuma pessoa da equipe de fiscalização das provas ficará responsável pela guarda da criança no período da realização das provas.

8.2.2 - A candidata lactante, acompanhada da criança, ficará impedida de realizar as provas, se deixar de levar um responsável para guarda da criança.

8.2.3 - A solicitação de recursos especiais será atendida observando-se os critérios de viabilidade e razoabilidade.

8.2.4 - A não solicitação de recursos especiais no ato de inscrição implica a sua não concessão no dia de realização das provas.

8.2.5- O SESC poderá utilizar recursos para gravação e registros nas hipóteses dos atendimentos especiais.

9. DA PRESTAÇÃO DAS PROVAS:

9.1- O IFEP no dia 31 de julho de 2009 divulgará horário e local da realização da prova;

9.2- As provas realizar-se-ão na cidade de João Pessoa/PB no dia 09 de agosto de 2009;

9.3 - O tempo para a realização da PROVA OBJETIVA deste Edital será de 03 (três) horas;

9.4 - É de responsabilidade exclusiva do candidato a identificação correta de seu local de realização da prova e o comparecimento no horário determinado.

9.5- O candidato deverá comparecer ao local da prova com antecedência mínima de uma hora do horário fixado para o seu início, munido de caneta esferográfica de tinta preta ou azul;

9.6 - Somente será admitido(a) à sala de provas, o(a) candidato(a) que estiver munido(a) do original da Cédula Oficial de Identidade ou Carteira Nacional de Habilitação com foto ou documento oficial que contenha identificação do candidato com foto.

9.7 - Não será admitido ingresso de candidato nos locais de realização da prova após o horário fixado para o seu início.

9.8- Os documentos deverão estar em perfeitas condições de forma a permitir, com clareza, a identificação do candidato(a);

9.9- O site do IFEP (www.ifep-pb.com.br) disponibilizará local e horário das provas a serem realizadas, bem como informes em murais e imprensa local das Unidades do SESC: João Pessoa, Guarabira, Campina Grande, Patos, Sousa e Cajazeiras/PB.

10. DA APLICAÇÃO DA PROVA OBJETIVA DE CONHECIMENTOS

10.1 A Prova Objetiva de Conhecimentos, de caráter eliminatório e classificatório, será aplicada para todos os candidatos e abrangerá o conteúdo programático constante no Anexo I deste edital.

10.1.1- É dever de o candidato acompanhar todos os comunicados, que vierem a ser publicados em jornal

de ampla circulação no Estado da Paraíba e na Internet, através do site: www.ifep-pb.com.br.

10.1.2- Quaisquer casos de alterações orgânicas permanentes ou temporárias, que impossibilitem o candidato de submeter-se à prova, diminuam ou limitem sua capacidade física, mental e/ou orgânica não serão aceitas, para fins de tratamento diferenciado por parte da Coordenação da aplicação da prova.

10.1.3- Serão considerados documentos de identidade: carteiras expedidas pelos Ministérios Militares, pela Secretaria de Defesa Social ou órgão equivalente, pelo Corpo de Bombeiros Militar e Polícia Militar; carteiras expedidas pelos órgãos fiscalizadores de exercício profissional (ordens, conselhos, etc.); passaporte; certificado de reservista; carteiras funcionais do Ministério Público; carteiras funcionais expedidas por órgão público que, por lei federal, valham como identidade; carteira de trabalho; carteira nacional de habilitação (modelo com foto). Para validação como documento de identidade, o documento deve encontrar-se no prazo de validade.

10.1.4- Caso o candidato não apresente, no dia de realização da prova, documento de identidade original, por motivo de perda, furto ou roubo, deverá ser apresentado documento que ateste o registro da ocorrência em órgão policial, dentro do prazo de validade definido no documento.

10.1.5- Quando a ocorrência policial não registrar o prazo de validade, considerar-se-á válido, para efeitos do presente Edital, quando expedido até 30 (trinta) dias antes da data de realização da Prova Objetiva de Conhecimentos.

10.1.6- Caso a Coordenação de Aplicação julgue necessário, inclusive no caso de comparecimento com ocorrência policial, dentro do prazo de validade, será realizada identificação especial no candidato, mediante coleta de sua assinatura e impressões digitais, além da possibilidade do devido registro fotográfico para segurança do Processo Seletivo.

10.1.7- Não serão aceitos como documentos de identidade: certidões de nascimento, títulos eleitorais, carteiras de motorista (modelo sem foto), carteiras de estudante, carteiras ou crachás funcionais sem valor de identidade, nem documentos ilegíveis, não identificáveis e'ou danificados, além dos documentos fora do prazo de validade.

10.1.8 Por ocasião de aplicação da prova, o candidato que não apresentar documento de identidade original, na forma definida nos subitens deste Edital, não poderá realizá-la, sendo automaticamente excluído do Processo Seletivo.

10.1.9- Não será permitido, durante a realização das provas de conhecimentos, a comunicação entre os candidatos nem a utilização de máquinas calculadoras e'ou similares, livros, anotações, impressos, ou qualquer outro material de consulta, inclusive consulta a códigos e à legislação.

10.2.- Não será permitido o acesso de candidatos aos prédios e'ou às salas de aplicação das provas portando quaisquer armas ou equipamentos eletrônicos, especialmente telefone celular.

10.2.1- Não será permitida ainda a utilização de quaisquer materiais de consulta e de quaisquer outros aparelhos eletrônicos (Ex.: bip, walkman, receptor, gravador, notebook, etc.).

10.2.2- Como medida de segurança, o candidato somente poderá sair do prédio de aplicação após uma hora de início da aplicação da prova.

10.2.3- Terá sua prova anulada e será automaticamente eliminado do processo seletivo, sem prejuízo das sanções (penalidades) civis, administrativas e penais pertinentes, o candidato que, a partir do fechamento dos portões para o início da aplicação das provas:

a) usar ou tentar usar meios fraudulentos e'ou ilegais para a sua realização;

b) for surpreendido dando e'ou recebendo auxílio para a execução da prova;

c) portar ou utilizar régua de cálculo, livros, máquinas de calcular e'ou equipamento similar, aparelhos eletrônicos, dicionários, notas e'ou impressos, telefone celular, gravador, receptor e'ou pagers, e'ou qualquer tipo de arma, e'ou que se comunicar com outro candidato;

d) fizer anotação de informações relativas às suas respostas no comprovante de inscrição e'ou em qualquer outro meio, que não seja a prova ou a folha de respostas;

e) abster-se de entregar, a qualquer tempo, os materiais da prova, necessários à avaliação;

f) reter temporariamente os materiais da prova, necessários à avaliação do candidato, após o termino do tempo destinado para a sua realização;

g) afastar-se da sala, a qualquer tempo, sem o acompanhamento de fiscal ou portando as provas, a folha de respostas ou qualquer outro material de aplicação;

h) descumprir as instruções contidas no caderno de prova, na folha de rascunho e'ou na folha de respostas;

i) perturbar, de qualquer modo, a ordem dos trabalhos, incorrendo em comportamento indevido;

j) praticar qualquer outro ato contrário aos bons costumes, à regular aplicação da fase do Processo Seletivo, e'ou à ordem jurídica vigente ou aos dispositivos e condições estabelecidas neste Edital e'ou em qualquer outro instrumento normativo vinculado ao presente Processo Seletivo;

k) praticar qualquer ato de coação física ou moral, ou ainda agredir física ou verbalmente qualquer membro da equipe de aplicação do processo seletivo, sem prejuízo das sanções administrativas, civis e penais;

l) for surpreendido com qualquer tipo de arma, material de consulta e'ou equipamento eletrônico; inclusive os de transmissão de dados ou voz (bip, celular, receptor, notebook, etc.), durante a realização da prova.

10.2.4- O candidato, quando eliminado pelo descumprimento de qualquer dispositivo do presente Edital, não poderá permanecer no prédio de aplicação, devendo retirar-se do mesmo.

10.2.5- Quando, após a prova, for constatado, por qualquer meio, dentre os quais eletrônico, estatístico, dactiloscópico, visual ou grafológico, terem o candidato utilizado procedimentos ilícitos, sua prova será anulada e ele será eliminado do Processo Seletivo.

10.2.6- Não haverá prorrogação do tempo previsto para a aplicação da prova, em virtude de afastamento de candidato da sala de prova.

10.2.7- No dia de realização da prova, não serão fornecidas, por qualquer membro da equipe de aplicação e'ou por outras pessoas presentes, informações referentes ao seu conteúdo.

10.2.8- Por conveniência do IFEP, ou outro motivo não previsto neste Edital, poderão ser modificados a data, o horário e local da prova, desde que sejam respeitados as condições de prova e os direitos dos candidatos.

10.2.9- Os fiscais poderão utilizar aparelho detector de metais, inclusive no acesso ao prédio e'ou da sala de aplicação de provas, estando, desde já, autorizados pelos candidatos para tal prática, com o objetivo de manter a segurança e lisura do Processo Seletivo.

10.2.10- O IFEP e a equipe de fiscalização não se responsabilizarão por perdas ou extravios de objetos ou de equipamentos eletrônicos ocorridos durante a realização da prova, nem por danos neles causados.

10.2.11- Os dois últimos candidatos ao processo seletivo, quando da realização da prova, só poderão ausentar-se em conjunto.

11. DAS QUESTÕES DA PROVA OBJETIVA DE CONHECIMENTOS

11.1 -A Prova Objetiva de Conhecimentos será estruturada com questões do tipo múltipla escolha, com cinco opções de resposta ("A" a "E") e uma única resposta correta.

11.2 O candidato deverá transcrever, dentro do tempo de duração previsto, as respostas da Prova Objetiva de Conhecimentos para a folha de respostas, que será o único documento válido para a correção da prova.

11.3 O preenchimento da folha de respostas será de inteira responsabilidade do candidato, que deverá proceder de conformidade com as instruções específicas contidas neste Edital e na folha de respostas. Não haverá substituição da folha de respostas por erro do candidato.

11.4 Serão de inteira responsabilidade do candidato os prejuízos advindos de marcações feitas incorretamente na folha de respostas.

11.5 Serão consideradas marcações incorretas as que estiverem em desacordo com o gabarito oficial, com este Edital e com as instruções da folha de respostas, tais como: dupla marcação, marcação rasurada ou emendada e campo de marcação não preenchido integralmente.

11.6 As questões da prova serão elaboradas respeitando-se o programa constante do Anexo I deste Edital.

11.7 Não será permitido que as marcações na folha de respostas sejam feitas por outras pessoas.

11.8 Cada questão valerá 0,25 (zero vírgula vinte e cinco) pontos.

12. DOS CRITÉRIOS DE AVALIAÇÃO E DE CLASSIFICAÇÃO

12.1 Todos os candidatos terão sua Prova Objetiva de Conhecimentos corrigida da seguinte especificação:

12.2 A nota do candidato na Prova Objetiva de Conhecimentos será calculada da seguinte forma: NPC = QC x VQ, em que:

N PC = nota da Prova Objetiva de Conhecimentos

QC = número de questões da folha de respostas concordantes com os gabaritos oficiais definitivos;

VQ = valor de cada questão.

12.3 Serão consideradas questões certas, as que estiverem de acordo com o gabarito oficial definitivo.

12.4 O candidato reprovado ou eliminado não receberá classificação alguma no Processo Seletivo.

12.5 Para efeito de classificação, o cálculo da nota será considerado até a segunda casa decimal, arredondando-se para cima, se o algarismo da terceira casa decimal for igual ou superior a cinco.

13. DOS CRITÉRIOS DE DESEMPATE

13.1 Em caso de empate na nota/pontuação final terão preferência na ordem que se segue abaixo, o candidato que:

- Para os cargos de Nível Superior e Nível Médio:

a) obtiver maior nota/pontuação obtida no componente de Conhecimentos Específicos da Prova Objetiva de Conhecimentos;

b) o candidato que até o último dia de inscrição deste Processo Seletivo tiver mais idade;

c) o candidato que tiver maior número de filho(s).

- Para os cargos de Nível Fundamental:

a) obtiver maior nota/pontuação obtida no componente da Prova Objetiva de Conhecimentos de Língua Portuguesa;

b) o candidato que até o último dia de inscrição deste Processo Seletivo tiver mais idade;

c) o candidato que tiver maior número de filho(s).

14. DOS RECURSOS

14.1 O gabarito oficial preliminar da Prova Objetiva de Conhecimentos será divulgado na Internet, no site www.ifep-pb.com.br, em 11 (onze) de agosto de 2009, data prevista no Calendário.

14.2 O candidato que desejar interpor recurso contra os gabaritos oficiais preliminares da Prova Objetiva de Conhecimentos disporá do período informado no Calendário (Anexo V), mediante preenchimento de formulário (Anexo IV-A e Anexo IV-B) presente neste Edital,

14.3 Os recursos poderão ainda ser protocolizados no endereço a ser informado, quando da divulgação dos gabaritos preliminares, mediante apresentação da cédula de identidade do próprio candidato, no mesmo dia previsto em Calendário, utilizando-se do Modelo do Anexo IV-A e Anexo IV-B, deste Edital;

14.3.1 No caso de interposição de recurso por terceiros terá que ser constituído por instrumento particular de procuração (documento individual). Sendo obrigatório o reconhecimento da firma do outorgante (candidato).

14.4 Os recursos interpostos serão respondidos pelo IFEP, até a data especificada no Anexo V, através de veiculação em internet, sendo visualizados na página de consulta da situação do candidato.

14.5 Não será aceito recurso via fax e/ou via correio eletrônico (e-mail).

14.6 Cada conjunto de recursos deverá ser apresentado com as seguintes especificações:

a) folhas separadas para questões diferentes;

b) em cada folha, indicação do número da questão, da resposta marcada pelo candidato e da resposta divulgada pelo IFEP;

c) para cada questão, argumentação lógica e consistente;

d) capa única constando o nome, o número de inscrição e a assinatura do candidato;

e) sem identificação do candidato no corpo dos recursos;

14.7 Os recursos deverão ser digitados. Não serão aceitos recursos manuscritos.

14.8 Recursos inconsistentes, em formulário diferente do exigido e/ou fora das especificações estabelecidas neste Edital serão indeferidos.

14.9 Não serão apreciados os recursos interpostos contra avaliação, nota e/ou resultado de outro(s) candidato(s), sendo, de imediato, desconsiderados na forma do item 14.8 deste instrumento normativo.

14.10 Se do exame de recursos resultar na anulação de questão(ões), a pontuação correspondente a essa(s) questão(ões) será atribuída a todos os candidatos, independentemente de terem recorrido. Se houver alteração do gabarito oficial preliminar, por força de impugnações, as provas serão corrigidas de acordo com o gabarito oficial definitivo. O quantitativo de questões de cada uma das Provas Objetivas de Conhecimentos não sofrerá alterações.

15. DA CLASSIFICAÇÃO FINAL

15.1 A nota final do Processo Seletivo será a nota obtida na Prova Objetiva de Conhecimentos.

15.2 O Resultado Final do Processo Seletivo será homologado pelo SESC/PB e IFEP e divulgado no site www.ifep-pb.com.br, em listagem por ordem decrescente da nota final, separada por cargo, contendo: nome do candidato, número de inscrição, pontuação final no Processo Seletivo e ordem de colocação.

16. REQUISITOS PARA O CANDIDATO APROVADO:

16.1- Ser brasileiro nato ou naturalizado;

16.2- Ter sido aprovado em todas as etapas do processo seletivo para o quadro pessoal de funcionário do SESC;

16.3- Ter idade mínima de 18 (dezoito) anos, na data da contratação;

16.4 - Ter aptidão física e mental para o exercício das atribuições dos cargos oferecidos pelo SESC-PB;

16.5 - Estar em dia com as obrigações eleitorais e militares;

16.6 - Não ter registro de antecedentes criminais;

16.7 - Cumprir com as determinações deste Edital.

16.8 - Apresentar toda a documentação solicitada pelo SESC, quando da sua convocação para admissão aos quadros da Entidade.

16.9- Para os candidatos que concorrerem às vagas reservadas aos portadores de deficiência e tenha a sua deficiência comprovada e compatível com as atribuições do cargo concorrido, na forma do ponto 07, deste Edital.

16.10- Submeter-se aos exames médicos admissionais nos termos da Norma Regulamentadora N.º 07, do Ministério do Trabalho e Emprego;

17. SERÁ IMPEDIDO DE SER CONTRATADO, O CANDIDATO:

Aquele(a) que:

17.1- Deixar de comprovar qualquer requisito específico do cargo escolhido neste Edital;

17.2 - Apresentar qualquer informação/declaração falsa;

17.3 - O não comparecimento do candidato no período estabelecido para apresentação na entidade.

18. DA CONTRATAÇÃO

18.1 Os candidatos aprovados ficarão em um banco de reserva e serão contratados pelo SESC, quando necessários, e terão (noventa) dias de experiência, conforme previsto na CLT. Ao término do contrato de experiência terá seu contrato de trabalho estabelecido por tempo indeterminado, nos termos da legislação trabalhista vigente, desde que tenha demonstrado, em sua avaliação de desempenho feita pelo SESC, ter atendido de maneira eficiente, as expectativas das atribuições do cargo: cumprimento da jornada de trabalho; urbanidade; honestidade; zelo; dedicação; respeito no ambiente de trabalho; capacidade de trabalho individual e em equipe; compatibilidade com a função laboral e com o local de trabalho.

18.2. As vagas dos profissionais classificados que vierem a ser contratados respeitarão as informações contidas neste Edital.

18.3. A contratação dos candidatos classificados será precedida de realização dos exames médicos admissionais, de caráter eliminatório, destinados à avaliação da condição de saúde do profissional.

18.3.1. Os exames médicos admissionais estarão devidamente fundamentados nos conhecimentos científicos da Medicina do Trabalho.

18.3.2 Comprovação de Requisitos:

a) O SESC, de conformidade com a sua necessidade e conveniência, convocará observada a ordem de classificação, candidatos aprovados no Processo Seletivo, para apresentação da documentação comprobatória dos requisitos exigidos. A convocação será formalizada, contendo dia, horário e local para o candidato se apresentar;

b) Qualquer solicitação de documentação complementar ficará a critério exclusivo do SESC/PB.

c) Não será permitida ao candidato a apresentação ou inclusão de documentos fora do prazo determinado na convocação realizada pelo SESC/PB.

d) A não observância do prazo estipulado para entrega dos documentos, bem como a apresentação de documentação incompleta ou em desacordo com o estabelecido neste edital, impedirá a contratação do candidato, a qualquer tempo, em decorrência do presente Processo Seletivo.

18.4. Para a formalização do contrato de trabalho do profissional devidamente classificado/aprovado no processo seletivo, deverão ser apresentados os seguintes documentos:

a) CPF - Cadastro de Pessoa Física (original e cópia);

b) Cartão PIS ou PASEP (caso não seja o primeiro contrato de trabalho);

c) Cédula de Identidade (original e cópia);

d) Carteira de Trabalho e Previdência Social - CTPS;

e) Identidade Profissional (comprovação de registro no órgão fiscalizador da profissão), quando for o caso (original e cópia);

f) Comprovação de Registro expedido pelo Ministério do Trabalho, quando exigido neste Edital (original e cópia);

g) Certidão de Nascimento, se solteiro; ou Certidão de Casamento, se casado (original e cópia);

h) Certificado Militar (comprovar estar em dia com as obrigações militares), se do sexo masculino (original e cópia);

i) Título de Eleitor e a comprovação do cumprimento das obrigações eleitorais (original e cópia);

j) 02 (duas) fotos coloridas 3x4 (três por quatro) recentes;

k) Registro Civil dos filhos, menores e acobertados por lei se houver (original e cópia);

l) Comprovação do nível de escolaridade exigido para o cargo pleiteado (original e cópia) e os requisitos específicos exigidos no Anexo II;

m) Atestado ou Certidão Negativa de Antecedentes Criminais.

18.5. O não comparecimento, ou comparecimento sem a documentação exigida neste, ou com a documentação incompleta, bem como o não cumprimento dos requisitos estabelecidos neste Edital ou em qualquer norma interna do SESC, impedirá a contratação do candidato, a qualquer tempo, em decorrência do presente Processo Seletivo.

18.6 Não poderão ser admitidos como empregados do SESC parentes até terceiro grau civil (afim ou consanguíneo) de servidores do SESC ou SENAC, do Presidente, ou dos membros efetivos e suplentes do Conselho Nacional e do Conselho Fiscal ou dos Conselhos Regionais do SESC ou SENAC, bem como os dirigentes de entidades sindicais ou civis do comócio, patronais ou de empregados.

19. DAS DISPOSIÇÕES FINAIS

19.1 A inscrição do candidato implicará na aceitação das normas para o Processo Seletivo, contidas neste Edital e nos comunicados que vierem a ser publicados/divulgados.

19.1.1 Nenhum candidato poderá alegar o desconhecimento do presente Edital, ou de qualquer outra norma e comunicado posterior e regularmente divulgados, vinculados ao Processo Seletivo, ou utilizasse de artifícios de forma a prejudicar o Processo Seletivo.

19.2 Acarretarão a eliminação do candidato no Processo Seletivo, sem prejuízo das sanções penais cabíveis, a burla ou a tentativa de burla a quaisquer das normas definidas neste Edital e/ou em outros comunicados relativos ao Processo Seletivo, e/ou nas instruções constantes de cada prova.

19.2.1 Ocorrendo a comprovação de falsidade de declaração/informação ou de inexatidão dolosa ou culposa dos dados expressos no Formulário de Inscrição, bem como falsidade e adulteração dos documentos apresentados pelo candidato, o mesmo terá sua inscrição cancelada, bem como a anulação de todos os atos dela decorrentes, independentemente da época em que tais irregularidades vierem a ser constatadas, além de sujeitar o candidato às penalidades cabíveis.

19.3 - A aprovação e a classificação final do Processo Seletivo não conferem ao candidato selecionado, o direito à contratação, apenas impede que o SESC/PB preencha os presentes vagas fora da ordem de classificação ou com outros candidatos, até o final do prazo de validade deste processo seletivo. O SESC/PB reserva-se o direito de formalizar as contratações em número que atenda ao interesse e às necessidades do serviço, de acordo com a disponibilidade orçamentária e financeira.

19.4- O prazo de validade do Processo Seletivo esgotar-se-á em 01 (um) ano a contar da data da homologação de seu resultado final, podendo ser prorrogado, uma única vez, por igual período, a critério do SESC/PB.

19.5- Não serão aceitos protocolos dos documentos exigidos.

19.6- Não será fornecido ao candidato documento comprobatório de classificação no presente Processo Seletivo, valendo, para esse fim, a publicação no site www.ifep-pb.com.br.

19.7- O candidato deverá manter atualizado o seu endereço no SESC, enquanto estiver participando do Processo Seletivo, se classificado/aprovado. São de inteira responsabilidade do candidato os prejuízos decorrentes da não atualização de seu endereço.

19.8- Os casos omissos deste Edital serão resolvidos pelo SESC, no que couber.

19.9- A Legislação com entrada em vigor após a data de publicação deste Edital, bem como alterações em dispositivos legais e normativos a ele posteriores, não será objeto de avaliação nas provas de conhecimentos do Processo Seletivo.

19.10- A interpretação do presente Edital deve ser realizada de forma sistêmica, mediante combinação dos itens previstos para determinada matéria consagrada, prezando pela sua integração e correta aplicação, sendo dirimidos os conflitos e dúvidas pelo SESC/PB, quando necessário.

19.11- O SESC/PB não tem qualquer participação e não se responsabiliza por quaisquer cursos, textos ou apostilas referentes a este Processo Seletivo.

19.12- Os candidatos poderão obter outras informações referentes ao Processo Seletivo no site www.ifep-pb.com.br.

19.13 Fica resguardado ao SESC/PB, no direito unilateral, de cancelar, suspender ou adiar o presente Processo Seletivo Público de Funcionário em qualquer tempo ou fase.

João Pessoa, 26 de junho de 2009

José Marconi Medeiros de Souza
Presidente do Conselho Regional do SESC/PB

Vera Maria H. Vasconcelos Almeida
Diretora Regional do SESC/PB

ANEXO I

PROGRAMAS

NÍVEL FUNDAMENTAL

CARGO / PROGRAMA

Auxiliar de Atividades Sociais e Auxiliar Administrativo

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura e análise de texto: compreensão de texto, significado contextual de palavras e expressões. 2. Vocabulário. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Princípios normativos da língua: uso dos sinais de pontuação; uso dos porquês; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal. 6. Flexão nominal e verbal. 7. Sintaxe: os termos da oração.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Documentação e arquivo; Documentação: conceituação importância, natureza, finalidade, característica, normalização; Arquivo: conceito, importância organização, transferência. Sistemas e métodos de arquivamento. Relações humanas: Comportamento social. Motivação do comportamento humano. Gestos atos e linguagem. Público e opinião pública Relações humanas no trabalho. Qualidade no atendimento ao público. Informática: Windows, Word, Excel e Internet.

Porteiro e Telefonista.

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura e análise de texto: compreensão de texto, significado contextual de palavras e expressões. 2. Vocabulário. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Princípios normativos da língua: uso dos sinais de pontuação; uso dos porquês; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal. 6. Flexão nominal e verbal. 7. Sintaxe: os termos da oração.

CONHECIMENTOS DE MATEMÁTICA: 1. Operações com números naturais inteiros e racionais. 2. Divisibilidade. 3. Máximo Divisor Comum (MDC) e Mínimo Múltiplo Comum (MMC). 4. Medidas de comprimento, superfície, volume, capacidade, massa e tempo. 5. Problemas do 1º. Grau. 6. Razão, proporção, regra de três simples e composta, porcentagem, juros simples e médias. 7. Conjuntos numéricos: números inteiros, racionais e reais. 8. Razões e proporções: regras de três simples e composta; Probabilidades; Geometria básica. Artífice de Manutenção; Vigia; Auxiliar de Serviços Gerais e Cozinheiro.

Artífice de Manutenção; Vigia; Auxiliar de Serviços Gerais e Cozinheiro.

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura e análise de texto: compreensão de texto, significado contextual de palavras e expressões. 2. Vocabulário. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Princípios normativos da língua: uso dos sinais de pontuação; uso dos porquês; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal. 6. Flexão nominal e verbal. 7. Sintaxe: os termos da oração.

CONHECIMENTOS DE MATEMÁTICA: 1. Operações com números naturais inteiros e racionais. 2. Divisibilidade. 3. Máximo Divisor Comum (MDC) e Mínimo Múltiplo Comum (MMC). 4. Medidas de comprimento, superfície, volume, capacidade, massa e tempo. 5. Problemas do 1º. Grau. 6. Razão, proporção, regra de três simples e composta, porcentagem, juros simples e médias. 7. Conjuntos numéricos: números inteiros, racionais e reais. 8. Razões e proporções: regras de três simples e composta; Probabilidades; Geometria básica.

Motorista

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura e análise de texto: compreensão de texto, significado contextual de palavras e expressões. 2. Vocabulário. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Princípios normativos da língua: uso dos sinais de pontuação; uso dos porquês; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal. 6. Flexão nominal e verbal. 7. Sintaxe: os termos da oração.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO - CÓDIGO DE TRÂNSITO BRASILEIRO (LEI Nº. 9.503, de 23 de setembro de 1997). I - REGRAS GERAIS DE CIRCULAÇÃO: 01 - Normas gerais de circulação e conduta; 02 - Regra de Preferência; 03 - Conversões; 04 - Classificação de Vias; II - LEGISLAÇÃO DE TRÂNSITO: 01 - Dos equipamentos obrigatórios; 02 - Dos Documentos de Porte Obrigatório; 03 - Da Habilitação; 04 - Das Infrações; III - SINALIZAÇÃO DE TRÂNSITO: 01 - a Sinalização de Trânsito; 02 - Gestos e Sinais Sonoros; 03 - Conjunto de Sinais de Regulamentação; 04 - Sinais de Advertência; 05 - Placas de Indicação;

NÍVEL MÉDIO

CARGO / PROGRAMA

Operador de Computador

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura e análise de texto: compreensão de texto, significado contextual de palavras e expressões. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras 6. Princípios normativos da língua: uso dos sinais de pontuação; uso dos porquês; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal. 7. Flexão nominal e verbal. 8. Emprego de tempos e modos verbais. 9. Sintaxe: os termos da oração.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Configuração de computadores; Instalação do sistema operacional em rede; manutenção de Hardware, monitores e impressoras, Suporte à Redes: Sistema operacional (Windows); Planejamento, desenvolvimento e publicação de aplicativos: MS-Office, Corel Draw e Photoshop; Tratamento de imagens, tipologia e animação;Internet: navegação básica (Internet Explorer e Mozilla Firefox), hyperlinks, acesso à páginas eletrônicas (URL), utilização de ferramentas de busca (Google, Yahoo, Alta Vista,Cuil e outros); Serviços Web: transferências de arquivos (download e upload); correio eletrônico (Webmail e programas cliente); ferramentas de bate-papo; Segurança: conceitos de vírus, spam, certificados de segurança; acesso a sites seguros. Cuidados e prevenções; antivírus; antispam; Hardware: conceitos básicos dos componentes de um computador; dispositivos de entrada e saída; novos dispositivos de armazenamento; Sistema operacional Windows: conceitos básicos de operação com arquivos; pastas; atalhos; Ambientes de Rede: compartilhamento de arquivos em rede; conexões de rede; impressão remota de arquivos; Aplicativos no ambiente Windows: abrir e salvar documentos; configuração do leiaute de página; inserção de figuras, tabelas e objetos; teclas de atalho; formatação e impressão de arquivos; Editor de texto: conceitos e operações básicas; edição e formatação de documentos; inserção de cabeçalhos, rodapés e numeração de páginas; uso de estilos de formatação; corretores ortográfico e gramatical; proteção de documentos; Editor de planilhas eletrônicas: conceitos e operações básicas; conceitos de células, linhas e colunas; elaboração de planilhas; cálculos usando fórmulas e funções; classificação de dados; inserção de gráficos; formatação de tabelas; Editor de apresentação: operações e conceitos básicos; formatação de apresentações; inserção de slide mestre; inserção de figuras e objetos; apresentação de slides.

Assistente Técnico e Auxiliar Técnico;

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura e análise de texto: compreensão de texto, significado contextual de palavras e expressões. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras 6. Princípios normativos da língua: uso dos sinais de pontuação; uso dos porquês; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal. 7. Flexão nominal e verbal. 8. Emprego de tempos e modos verbais. 9. Sintaxe: os termos da oração.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Funções administrativas: características e usos. Comunicações Administrativas. Documentação e arquivo: Documentação: conceituação, importância, natureza, finalidade, característica, normatização. Arquivo: conceito, importância, organização, transferência. Sistemas e métodos de arquivamento. Relações humanas: Comportamento social. Motivação do comportamento humano. Gestos atos e linguagem. Público e opinião pública. Relações humanas no trabalho. Qualidade no atendimento ao público. Fluxos de Caixa: Fluxos operacionais e financeiros; apuração de saldos; controle de contas a pagar e a receber. Informática: Windows, Word e Excel.

Auxiliar em Saúde Bucal - ASB;

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura e análise de texto: compreensão de texto, significado contextual de palavras e expressões. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras 6. Princípios normativos da língua: uso dos sinais de pontuação; uso dos porquês; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal. 7. Flexão nominal e verbal. 8. Emprego de tempos e modos verbais. 9. Sintaxe: os termos da oração.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Prevenção em odontologia. Educação em saúde em odontologia. Anatomia dentária. Processo de erupção dos dentes. Registro odontológico. Patologias odontológicas que são problemas de saúde pública, e modos de prevenção. Biossegurança em odontologia. Materiais dentários. Instrumental odontológico. Equipamento odontológico. Odontologia a quatro mãos.

Técnico em Saúde Bucal - TSB

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura e análise de texto: compreensão de texto, significado contextual de palavras e expressões. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras 6. Princípios normativos da língua: uso dos sinais de pontuação; uso dos porquês; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal. 7. Flexão nominal e verbal. 8. Emprego de tempos e modos verbais. 9. Sintaxe: os termos da oração.

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Definição de Odontologia; Ética Profissional- princípios básicos de ética e relações humanas, humanização e assistência; Administração do consultório e agendamento; Biossegurança nas Ações de Odontologia- assepsia, anti-sepsia, limpeza, desinfecção - classificação de artigos e áreas segundo risco potencial de infecção; Controle do estoque; Reconhecimento da dentição permanente e temporária através da representação gráfica e numérica; Morfologia da dentição; Meios de proteção de infecção na prática odontológica; Meios de Prevenção da Cárie e Doença Periodontal; Noções de Radiologia, materiais dentários, prótese, dentística e cirurgia; Nomenclatura dos instrumentais odontológicos; Psicologia aplicada à odontologia; Emergências odontológicas; Conhecimento do funcionamento e manutenção dos equipamentos odontológicos. Odontologia a quatro m&s.

Técnico em Segurança do Trabalho

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Leitura e análise de texto: compreensão de texto, significado contextual de palavras e expressões. 2. Tipologia textual. 3. Ortografia oficial. 4. Acentuação gráfica. 5. Emprego das classes de palavras 6. Princípios normativos da língua: uso dos sinais de pontuação; uso dos porquês; concordância nominal e verbal; regência nominal e verbal. 7. Flexão nominal e verbal. 8. Emprego de tempos e modos verbais. 9. Sintaxe: os termos da oração. CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: EPI- Equipamento de Proteção Individual; EPC- Equipamento de Proteção Coletiva; Inspeções de Segurança do Trabalho; Causas de Doenças Ocupacionais; Programas de Treinamento sobre Segurança do Trabalho; Análise de Acidente de Trabalho; CIPA- NR5; Atividades Insalubres; Legislação e Normas Regulamentadoras; Sistemas de Ergonomia no Trabalho; Elaboração de Mapas de Riscos; Medidas de Prevenção e Controle.

NÍVEL SUPERIOR

CARGO / PROGRAMA

Médico

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Medicina geral da criança, do adolescente, do adulto e do idoso. Saúde do trabalhador. Diagnóstico, prognóstico e conduta terapêutica nas doenças que acometem o ser humano em todas as fases do ciclo biológico, considerando-se os critérios da prevalência, letalidade e potencial de prevenção. Primeiros cuidados a afecções graves e urgentes. Distúrbios psíquicos mais comuns. Patologia cirúrgica frequente. Encaminhamento de pacientes para procedimentos diagnósticos e/ou terapêuticos especializados. Ações de prevenção, promoção, proteção e reabilitação da saúde, tanto em nível individual quanto coletivo. Promoção de estilos de vida saudáveis. Informação e educação de pacientes, familiares e comunidade em relação à promoção da saúde, prevenção, tratamento e reabilitação das doenças. Comunicação adequada com os colegas de trabalho, os pacientes e seus familiares. Utilização compatível com o nível de complexidade de atuação dos recursos semiológicos e terapêuticos.

Médico do Trabalho

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Portaria nº. 3214 de 8 de junho de 1978, SSST/MTb. Normas Regulamentadoras atualizadas. Doenças Ocupacionais - agentes físicos, agentes químicos, agentes biológicos, agentes mecânicos, riscos ergonômicos e demais riscos. Prevenção de acidentes/doenças ocupacionais. SESMT - CI PA - PCMSO - atribuições e competência. Código de Ética Médica. Legislação Previdenciária.

Fisioterapeuta

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: FISIOTERAPIA EM GERIATRIA: Alterações biológicas e fisiológicas; Alterações de postura e marcha; Programas de exercícios e atividades. programas de promoção da saúde. FISIOTERAPIA EM CARDIOLOGIA: Anatomia e fisiologia do sistema cardiovascular; Principais afecções cardiovasculares; Avaliação e tratamento cardiovascular; Reabilitação Cardíaca Fase II, III e IV. FISIOTERAPIA EM PNEUMOLOGIA: Anatomia e fisiologia do sistema cardiopulmonar; Fisiopatologia, Avaliação e tratamento; (teste de função pulmonar, gases sanguíneos arteriais, princípios de radiografia de tórax: interpretação, mobilização e exercício, posicionamento corporal, aplicação clínica das técnicas de desobstrução das vias aéreas, fraqueza muscular respiratória e treinamento, educação do paciente). FISIOTERAPIA EM GINECOLOGIA E OBSTETRÍCIA: Adaptações fisiológicas da gestação; exercícios na gravidez; Fisioterapia no pré e pós parto. FISIOTERAPIA EM ORTOPEDIA, TRAUMATOLOGIA E REUMATOLOGIA: Anatomia do aparelho locomotor; Principais lesões traumato ortopédicas e seu tratamento fisioterápico; Amputações I e II; Artropatias inflamatórias; Pré e pós operatório de cirurgia ortopédica. FISIOTERAPIA EM PEDIATRIA: Desenvolvimento da motricidade e da habilidade motora; Distúrbios neurológicos; Malformações congênitas; Doença do aparelho respiratório; Tratamento fisioterápico. FISIOTERAPIA EM NEUROLOGIA: Anatomia e Fisiologia do Sistema nervoso central e periférico; Principais patologias Neurológicas; Avaliação e tratamento. Código de ética. Fisioterapia no trabalho - ergonomia, DORT, Ginástica laboral.

Odontólogo

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Prática Odontológica dentro da Promoção de Saúde; Saúde Individual e Coletiva- resultados; Atividade de Cárie (mancha branca ativa'inativa); Diagnóstico, Prognóstico, Plano de Tratamento; Flúor e atividade cariogênica; Aplicação clínica dos ionômeros de vidro; Restaurações diretas de resina composta em dentes anteriores; Tratamento da atividade cariogênica numa prática de Promoção de Saúde; Estudo da doença Periodontal; Oclusão aplicada na Odontologia Restauradora.

Enfermeiro

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Modelos de Atenção a Saúde. Prevenção e Promoção a Saúde. A enfermagem e o cuidado na saúde da família. Processo saúde doença das famílias e do coletivo. Fases do planejamento, organização e controle do serviço de enfermagem. Planejamento estratégico como instrumento de gestão e assistência. Promoção da saúde e segurança no trabalho. Saúde da Criança: Ações de enfermagem na promoção da Saúde infantil. Parâmetros de crescimento e desenvolvimento infantil nas diferentes faixas etárias. SISVAN. RN de risco e de crianças de baixo peso. Condutas de enfermagem em pediatria. Aleitamento materno. Transtornos comuns da infância. Transtornos mais comuns na infância. Saúde da Mulher: Sistematização da assistência de enfermagem no pré -natal. Distúrbios ginecológicos da puberdade até o climatério. Sexualidade da mulher e auto cuidado. Saúde da Mulher no curso da vida. Temas relacionados à saúde do Adulto e do Idoso: Educação para o auto -cuidado. Cuidados de Enfermagem no atendimento das necessidades básicas do cliente 'paciente. Ações que visam à prevenção, tratamento e controle de doenças infecto contagiosas e'ou crônicas. Necessidades nutricionais nos diferentes períodos da vida. Tratamento de feridas. O processo de envelhecimento nos aspectos fisiológicos, sociais e patológicos. Perfil epidemiológico da comunidade. Aspectos gerais das imunizações. Atribuições do enfermeiro do trabalho. Imunização dos trabalhadores. Ações de saúde ocupacional. Doenças ocupacionais. Comunicação de acidente do trabalho. Exames de saúde: admissional, periódico, demissional, retorno, mudança de função. Avaliação de saúde em enfermagem do trabalho. Segurança e higiene do trabalho. Legislação.

Engenheiro

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Materiais e Técnicas de Construção; Sistemas Construtivos; Técnicas Retrospectivas; Resistência dos Materiais; Estruturas: Sistemas Estruturais de Concreto e Metálicos; Fundações; Planejamento e Orçamento de Obra; Topografia; Instalações (Elétricas, Telefonia, Cabeamento Lógico, Hidráulicas, Gás, Águas Pluviais); Conforto Térmico: Desempenho de Materiais e Ventilação Natural; Acústica Arquitetônica; Iluminação Natural e Artificial; Eficiência Energética e Automação Predial.

Engenheiro de Segurança do Trabalho

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Norma de Segurança contra Incêndio (NSCI'94); Técnicas de Identificação de perigos e análise de riscos; Segurança do Trabalho- conceito'abrangência; Higiene Ocupacional- conceito'abrangência; Insalubridade'Periculosidade; SESMT (Serviço Especializado em Saúde e Medicina do Trabalho); CIPA - NR5; NR-10-Medidas de Proteção; Ergonomia (estudo entre homem, meio e ferramenta de trabalho); Programa de Prevenção de Riscos Ambientais- PPRA; Acidentes e Doenças do Trabalho; Legislação e Normas Técnicas; Gerência de Riscos; Especificação de Equipamentos de Proteção Individual.

Nutricionista

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Fisiologia e Fisiopatologia aplicadas à Nutrição. Nutrição Normal: balanço de nitrogênio, recomendações nutricionais, cálculo energético, dietas equilibradas. Nutrição nos Ciclos Vitais; nutrição materno-infantil; aleitamento natural; gestação e lactação; crescimento e desenvolvimento; alimentação da gestante e da nutriz; alimentação na infância e na adolescência; alimentação do idoso. Doenças Nutricionais: desnutrição calórico-proteica, carências nutricionais. Dietoterapia: conceitos e objetivos; dietas hospitalares nas diferentes patologias, condições clínicas e metabólicas. Avaliação do estado nutricional: métodos e critérios de avaliação. Métodos de assistência ambulatorial em nutrição. Noções de farmacologia: interações alimento-medicamento. Nutrição e Saúde Pública: noções de epidemiologia das doenças nutricionais e desnutrição proteico-calórica; diagnóstico do estado nutricional das populações; vigilância nutricional. Educação alimentar e nutricional. Técnica Dietética: composição e classificação dos alimentos; seleção, conservação e armazenamento; técnicas de pré-preparo, preparo e cocção; higiene na manipulação de alimentos; planejamento de cardápios: fatores relacionados. Administração de serviços de alimentação e lactários: área física e equipamentos; planejamento e organização; supervisão e controles; cardápios para coletividades sadias e doentes; custos e avaliação. Microbiologia de alimentos: toxinfecções alimentares; controle sanitário de alimentos; A PPCC; controles de temperatura no fluxo dos alimentos. Ética Profissional.

Assistente Social

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: História e reconceituação do Serviço Social. O Serviço Social no Brasil. Fundamentos históricos, teóricos e metodológicos do Serviço Social. Trabalho e Serviço Social. Planejamento e Serviço Social. O código de ética profissional do assistente social. Relação Estado / Sociedade. Pobreza e desigualdade social no Brasil. Etapas/fases do processo de política pública: formulação, implementação, execução, acompanhamento, monitoramento, avaliação. Elaboração, implementação, monitoramento e avaliação de programas e projetos sociais. Pesquisa em Serviço Social. Conselhos e Conferências. Lei Orgânica da Saúde. Lei Orgânica da Assistência Social, Sistema Único de Assistência Social (SUAS). Redes de atendimento. Notificações SIAB. Vigilância em Saúde. Assistência Farmacêutica. Sistemas e Serviços. Dengue. Desenvolvimento local: concepção de território, participação no poder local, planejamento participativo, plano diretor, questões sociais urbanas e rurais. Família: As novas modalidades de família, metodologias de abordagem familiar. Estatuto da Criança e do Adolescente. Estatuto do Idoso. Declaração dos Direitos Humanos.

Fonoaudiólogo

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Morfofisiologia da audição. Audiologia clínica (avaliação e diagnóstico). Audiologia do trabalho: Ruído e meio ambiente. Audiologia Educacional. Processamento Auditivo Central (avaliação e conduta terapêutica). Neurofisiologia do sistema motor da fala. Linguagem (conceito/ aspectos de linguagem), desenvolvimento da comunicação / retardo de aquisição de linguagem ( causas gerais). Relações entre o desenvolvimento da linguagem falada e o desenvolvimento da linguagem escrita. Avaliação da fala e da linguagem do pré-escolar. Avaliação e abordagem terapêutica no desvio fonológico. Avaliação e abordagem terapêutica nos distúrbios de leitura e escrita. Distúrbios de aprendizagem da linguagem escrita: prevenção, diagnóstico e intervenção fonoaudiológica. Fisiologia do sistema motor oral. Avaliação e conduta terapêutica dos distúrbios miofuncionais orais. Sucção, deglutição e mastigação: métodos e técnicas aplicadas à terapia. Distúrbios articulatórios: conceito, etiologia, avaliação e fonoterapia. Disfagias: definição, semiologia, métodos e técnicas aplicadas. Anatomofisiologia do sistema fonatório. Avaliação e fonoterapia dos distúrbios da voz. Disfonias e aspectos preventivos. Fonoaudiologia em saúde pública. Ética profissional.

Administrador

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Fundamentos da Administração. O ambiente das organizações. Administração Estratégica. O papel da Administração no desempenho empresarial. Sistema de Gestão Empresarial. Planejamento estratégico - BSC, tático e operacional. Funções, papéis e responsabilidade. Desenho Organizacional. Autoridade e Responsabilidade. Delegação e Descentralização. Departamentalização. Elaboração de Plano de Cargos e Salários, Gestão por Competências, Avaliação de Desempenho, Gestão de Projetos, Organização, Sistemas e Métodos. Processo Decisório. Administração de Recursos Humanos. Administração da Produção e Operações. Mudança Organizacional. Conflito: dimensões organizacionais e pessoais. Motivação. Liderança. Controle Estratégico, Tático e Operacional. Sistema de Informações Gerenciais. Administração da Qualidade. Ética e Responsabilidade Social. Processo de Licitação.

Contador

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Princípios contábeis, regime de competência, plano de contas, conciliação contábil, registros contábeis. Controle Contábil e Registros do ativo imobilizado, diferido e patrimônio líquido. Demonstrações contábeis: estruturação e movimentação das contas contábeis, demonstração do resultado do exercício, balanço patrimonial, mutações do patrimônio líquido, demonstrações de origens e aplicações de recursos. Análise e interpretação de demonstrações contábeis.

Advogado
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: DIREITO CONSTITUCIONAL: 1. Dos Princípios fundamentais. 2. Dos Direitos e Garantias Fundamentais. 2.1. Dos direitos individuais e coletivos. 2.2. Dos direitos sociais. 2.3. Da nacionalidade. 2.4. Dos direitos políticos. 2.5. Dos partidos políticos. 3. Da organização do Estado. 3.1. Da organização político-administrativa. 3.2. Da União. 3.3. Dos Estados Federados. 3.4. Dos municípios. 3.5. Do Distrito federal e dos Territórios. 3.6. Da administração pública. 3.7. Dos servidores públicos. 4. Da ordem Social. 4.1. Disposição geral. 4.2. Da Seguridade Social. 4.3. Disposições gerais. 4.4. Da saúde. 4.5. Da Previdência Social. 4.6. Da Assistência Social. 4.7. Da educação. 4.8. Da família, da criança, do adolescente e do idoso. 4.9. Dos índios. DIREITO ADMINISTRATIVO: 1. Administração pública como função do Estado. 1.1. Princípios constitucionais explícitos e implícitos da administração pública. 1.2. A reforma do Estado brasileiro e de seu aparelho. 1.3. Administração direta (órgãos públicos: conceito, espécies, regime); administração indireta: autarquias, fundações públicas, sociedades de economia mista e empresas públicas. Principais características de cada e regimes jurídicos. O regime das subsidiárias. 2. Poder regulamentar. 2.1.Regulamentos administrativos de execução e autônomos. 2.2. Poder normativo não legislativo e o princípio da legalidade. Regulamentação e regulação. 3. Ato administrativo. 3.1. Conceito. Regime jurídico. Espécies. 3.2. Elementos e requisitos. 3.3. Vícios dos atos administrativos. 3.4. Principais classificações dos atos administrativos. 3.5. Procedimento administrativo. Fundamentos constitucionais. 3.6. Contratos, consórcios e convênios. 4. Licitações. 4.1. Conceito e modalidades. 5. Código de Ética Profissional do Servidor Público Civil do Poder Executivo Federal. 5.1. Das Regras Deontológicas. 5.2. Dos Principais Deveres do Servidor Público. 5.3. Das Vedações ao Servidor Público. 5.4. Das Comissões de Ética. 6. Do Regime Jurídico Único. 6.1. Do Provimento, Vacância, Remoção, Redistribuição e Substituição. 6.2. Dos Direitos e Vantagens. 6.3. Do Regime Disciplinar. 6.4. Do Processo Administrativo Disciplinar. 6.5. Da Seguridade Social do Servidor. 6.6. Da Contratação Temporária de Excepcional Interesse Público. 7. Decreto nº. 1.171/94 e Decreto 6.029/07. 8. Lei nº. 8.112, de 11 de dezembro de 1990 e alterações posteriores. LEGISLAÇÃO PREVIDENCIÁRIA. 1. Finalidade e princípios básicos da Previdência Social. 2. Regime Geral de Previdência Social. 2.1. Segurados obrigatórios. 2.2. Filiação e inscrição. 2.3. Conceito, características e abrangência: empregado, empregado doméstico, contribuinte individual, trabalhador avulso e segurado especial. 2.4. Segurado facultativo: conceito, características, filiação e inscrição. 2.5. Trabalhadores excluídos do Regime Geral. 3. Empresa e empregador doméstico: conceito previdenciário. 4. Financiamento da Seguridade Social. 4.1. Receitas da União. 4.2. Receitas das contribuições sociais: dos segurados, das empresas, do empregador doméstico e do produtor rural. 4.3. Salário de contribuição. 4.3.1. Conceito. 4.3.2. Parcelas integrantes e parcelas n& integrantes. 4.3.3. Limites mínimos e máximos. 4.4. Competência do INSS e da Secretaria da Receita Federal. 5. Parcelamento de contribuições e demais importâncias devidas à seguridade social. 6. Restituição e compensação de contribuições. 7. Infrações à legislação previdenciária. 8. Recurso das decisões administrativas. 9. Plano de Benefícios da Previdência Social: beneficiários, espécies de prestações, benefícios, Serviço Social, Reabilitação Profissional, Justificação Administrativa, disposições gerais e específicas, períodos de carência, salário de benefício, renda mensal do benefício, reajustamento do valor dos benefícios. 10. Manutenção, perda e restabelecimento da qualidade de segurado. 11. Lei n° 8.212, de 24/07/1991 e alterações posteriores. 12. Lei n° 8.213, de 24/07/1991 e alterações posteriores. 13. Decreto n° 3.048, de 06/05/1999 e alterações posteriores. 14. Plano Simplificado de Previdência Social.

Economista
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Microeconomia: o problema econômico; escassez e escolha; bens econômicos; alocação de recursos; a tecnologia; a questão ambiental; demanda do consumidor e demanda do mercado; a teoria da produção; a função de produto neoclássica; a lei da oferta; teorema de Euler; a teoria marginalista da distribuição; a teoria dos custos; custos contábeis e custos econômicos; o mercado em concorrência perfeita; equilíbrio parcial e equilíbrio geral; modelo de Leontief; mecanismos de ajustamento, concorrência imperfeita; as falhas do mercado; teoria do bem-estar social. Macroeconomia: as contas nacionais e o balanço de pagamentos; o sistema financeiro; oferta e demanda de moeda; o controle da oferta de moeda; as funções consumo e investimento; os modelos Clássico e Keynes iano; neokeynesianos e novos clássicos; modelos de economia aberta; a taxa de câmbio e a taxa de juro; inflação e desemprego (a curva de Phillips); expectativas racionais; políticas fiscal, monetária e de rendas; monetarismo e estruturalismo; a experiência brasileira de estabilização. Fundamentos de Análise de Projetos: critérios de avaliação de projetos; custos e benefícios privados e sociais; a função de bem-estar social; eficiência marginal do investimento e eficiência marginal do capital; desconto e valor presente; ponto de nivelamento; projeções de demanda. Crescimento e Desenvolvimento Econômico: os conceitos de crescimento e de desenvolvimento econômico; modelos Keynesianos e neoclássicos de crescimento; modelo de dois hiatos; estratégias de crescimentos; protecionismo e liberalismo econômico; blocos econômicos e globalização da economia; a política brasileira de desenvolvimento. Elementos de Estatística e Econometria: estatística descritiva; probabilidades; distribuições de probabilidade; testes de hipóteses; números índices; correlação; regressão simples e múltipla; problemas econométricos (quebra das hipóteses); modelos de equações simultâneas; análise de séries temporais; projeção e estimação; inferência estatística; aplicações.

Turismólogo
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Conceituação e organização. Dimensão dinâmica do Turismo. Análise estrutural do Turismo. Metodologia de pesquisa em Turismo. 5 Elementos históricos do Turismo. Administração de empresas de Turismo. Legislação sobre o Turismo. Análise macroeconômica do Turismo. Sociologia do Lazer e do Turismo. Hotelaria. Turismo, meio ambiente e patrimônio cultural. Fundamentos geográficos do Turismo. Sistema de transportes. Turismo, bens culturais e elementos de museologia. Marketing em Turismo. Turismo e cultura popular. Agências de viagem. Elementos de estatística no Turismo. Teorometria. 20 Técnica publicitária. Técnicas de relações públicas e eventos em Turismo. Planejamento e organização do Turismo.

Psicólogo
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: A psicologia como ciência. Diferentes escolas, diferentes campos de atuação e tendências teóricas; Métodos e técnicas de Avaliação Psicológicas; Psicopatologia e o método clínico. Modos de funcionamento normal e patológico do psiquismo humano; A ética, sua relação com a cultura e sua influência na constituição do psiquismo; Psicologia Social e os Fenômenos de Grupo: a comunicação, as atitudes, o processo de socialização, os grupos sociais e seus papéis; Psicologia Institucional e seus métodos de trabalho; Psicologia na reforma psiquiátrica, o psicólogo e a saúde pública; Teorias e técnicas psicoterápicas; Processo Psicodiagnóstico; Terapia na Saúde mental; Psicologia do Desenvolvimento; Psicologia da Aprendizagem; Psicologia Familiar - Criança e Adolescente; Tratamento Psicoterápico de Portadores de HIV/AIDS; Psicologia Institucional e processo grupal; Código de Ética profissional do Psicólogo.

Bibliotecário
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Conceitos básicos e finalidades da documentação geral e jurídica. 2 Biblioteconomia e ciência da informação: conceitos básicos e finalidades. 3 Noções de informática para bibliotecas: dispositivos de memória, de entrada e saída de dados. 4 Normas técnicas para a área de documentação: referência bibliográfica (de acordo com as normas da ABNT - NBR 6023/2002), resumos, abreviação de títulos de periódicos e publicações seriadas, sumário, preparação de índices de publicações, preparação de guias de bibliotecas, centros de informação e de documentação. 5 Indexação: conceito, definição, linguagens, descritores, processos e tipos de indexação. 6 Resumos e índices: tipos e funções. 7 Classificação decimal universal (CDU): estrutura, princípios e índices principais e emprego das tabelas auxiliares. 8 Catalogação (AACR-2): catalogação descritiva, entradas e cabeçalhos; catalogação de multi meios: CD-ROM, fitas de vídeos e fitas cassetes. 9 Catálogo: tipos e funções. 10 Organização e administração de bibliotecas: princípios e funções administrativas em bibliotecas, estrutura organizacional, as grandes áreas funcionais da biblioteca, marketing. 11 Centros de documentação e serviços de informação: planejamento, redes e sistemas. 12 Desenvolvimento de coleções: políticas de seleção e de aquisição, avaliação de coleções; fontes de informação. 13 Estrutura e características das publicações: Diário Oficial da Uni& - DOU. 14 Serviço de referência: organização de serviços de notificação corrente (serviços de alerta), disseminação seletiva da informação (DSI): estratégia de busca de informação, planejamento e etapas de elaboração, atendimento ao usuário. 15 Estudo de usuário - entrevista. 16 Automação: formato de intercâmbio, formato US MARC, banco de dados, base de dados, planejamento da automação, principais sistemas de informação automatizados nacionais e internacionais. 17 Bibliografia: conceituação, teorias, classificação, histórico e objetivos.

Jornalista
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: História da imprensa; Assessoria de comunicação; Teorias da comunicação; Objetividade jornalística; Radiojornalismo; Telejornalismo; Novas tecnologias; Ética jornalística; Noções básicas de diagramação; Informática Básica: Windows XP, Word Excel, PowerPoint, Corel Draw; Photoshop; Internet; Correio eletrônico. Conhecimento básico do software quark Xpress.

Tecnólogo em Gastronomia

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Matemática Instrumental: Medidas de massa e de capacidade; Cálculo de frações de quantidades; Razões e proporções; Grandezas proporcionais; Regras de três simples; Porcentagem. Noções de Nutrição e Dietética: Classificação, identificação e principais características dos produtos alimentícios; Contaminação e conservação dos alimentos; As produções culinárias; Estado nutricional; Nutrição nos alimentos; Nutrição nas diferentes etapas da vida; As principais dietas. Higiene pessoal, do ambiente de trabalho, equipamentos e utensílios.

Analista de Sistemas

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Configuração de Servidor Linux e Microsoft; Banco de Dados SQL; Rede de computadores; Segurança e Auditoria de Sistemas; Conceitos relacionados a hardware, software, computadores, periféricos (monitor, teclado, mouse, impressora, discos rígidos, cd-rom, dvd-rom, pen drive, scanner); Conceitos relacionados ao ambiente Windows XP; Conceitos de Microsoft Office 2003; Conceitos de Internet; Conceitos de Intranet; Conceitos de Extranet; Navegadores, browsers, correio eletrônico, sites de busca e pesquisa, grupos de discussão procedimentos e ferramentas de segurança aplicáveis a redes e internet. Sistemas de Informação: Conceitos de "workflow", Conceitos de Sistemas Integrados de Gestão. Linguagens de programação Delphi/PHP/ JAVA/HTML.

Professor do SESC Ler
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Conhecimento da Proposta Pedagógica dos Projetos SESC LER e Habilidades de Estudo, (no site: www.sesc.com.br) ; Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB 9.394/1996; Temas transversais.

Professor de Português
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Fundamental, planejamento didático e sistema educacional brasileiro.

Professor de Matemática
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra)

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Parâmetros Curriculares Nacionais; Temas Transversais; Planejamento de ensino; Avaliação de ensino; Os números: naturais e inteiros; operações, propriedades, divisibilidade; racionais: representação fracionária e decimal, operações e propriedades; irracionais e reais: caracterização, representação na reta, representação como radical, operações, propriedades; A álgebra: cálculo literal, equações redutíveis às do 1° e 2° graus, funções do 1° e 2° graus, gráficos e inequações; Problemas aplicados: proporcionalidade, regra de três simples ou composta, porcentagem, juros simples e noções de juros compostos; Estatística descritiva: medidas de tendência central, gráficos de frequência; Geometria: propriedades fundamentais de ângulos, polígonos, círculos; semelhança; relações métricas e trigonométricas nos triângulos: áreas das principais, figuras planas: volumes dos principais sólidos; Medidas: sistemas de medidas usuais, decimais ou não. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Fundamental, planejamento didático e sistema educacional brasileiro.

Professor de Ciências Biológicas

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Matérias encontradas no ambiente; propriedades físicas e químicas; Substâncias fundamentais nas teorias atômicas - moleculares; Transformações químicas e físicas dos materiais; Organização dos materiais na terra e suas transformações; Energia no ambiente; Equilíbrio e movimento dos corpos; Organização, evolução e hipóteses sobre a origem do universo; Transformações terrestres; Características funcionais dos seres vivos; Ecossistemas; Controle ambiental; Vírus: Reino Monera. Reino protista. Reino fungi. Citologia; Estados físicos da matéria; O átomo e suas características; Funções químicas. Reações químicas; As leis da química; Ligações químicas; Substâncias puras; misturas e combinações. Separação de misturas; Classificação dos elementos químicos. Movimento variado; Estudo das forças; As causas do movimento; Atrito; Potência e Energia; Termologia; Calor; Ondas sonoras; Noções gerais de óptica; Espelhos; Lentes; Magnetismo; Eletricidade; Biofísica. Zoologia; Elementos de Geologia; Anatomia e fisiologia humana; programa de saúde; ecologia, os seres vivos: características e classificação. Introdução a Biologia: caracteres gerais e níveis de organização, composição química e organização celular. Citologia: Introdução (tipos celulares, envoltórios, especializações da membrana. Divisão celular), Organelas citoplasmáticas (estruturas e funções) Embriologia: Reprodução. Histologia animal: (caracteres gerais e funções). Epitelial, Conjuntivo,Muscular e Nervoso. Invertebrados (nematelmintos - platelmintos). Filo Chordata . Reino Plantae: Caracteres gerais, Ciclo Reprodutivo, Morfologia e fisiologia. Genética: Ácidos nucléicos, 1ª Lei de Mendel e 2ª Lei de Mendel. Anatomia e fisiologia humana: órgão&s e sistemas. Ecologia: Relações ecológicas, Estudo da biosfera (epinociclo / talassociclo / limnociclo) Sucessão Esológica. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Fundamental, planejamento didático e sistema educacional brasileiro.

Professor de História

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Conhecimentos de teoria de História no Ensino Fundamental. Concepções de tempo; memória; patrimônio histórico; fato histórico; documento histórico; fontes históricas; história. Ensino de história: currículos e programas, crítica do livro didático, ensino temático, ensino por meio de conceitos, pesquisa e ensino, mapas conceituais, linguagens alternativas do ensino de história. Conhecimentos de História Geral. Sociedades pré-históricas e antigas. Sociedades medievais; Transição do feudalismo ao capitalismo. Renascimento; Conhecimentos de teoria de História no Ensino Fundamental. Concepções de tempo; memória; patrimônio histórico; fato histórico; documento histórico; fontes históricas; história. Ensino de história: currículos e programas, crítica do livro didático, ensino temático, ensino por meio de conceitos, pesquisa e ensino, mapas conceituais, linguagens alternativas do ensino de história. Conhecimentos de História Geral. Sociedades pré-históricas e antigas. Sociedades medievais; Transição do feudalismo ao capitalismo. Renascimento, Reforma, Contra Reforma. Estado Moderno: expansão marítima européia, absolutismo, mercantilismo. Revolução Inglesa, Revolução Francesa e Iluminismo. Revolução Industrial. África e América: descobertas e conquistas; diferentes modalidades de colonização; processo de independência dos diversos países. Liberalismo, nacionalismo e imperialismo no século XIX. Primeira Guerra Mundial, Revolução Russa e Segunda Guerra Mundial. As Américas nos séculos XIX e XX. Guerra Fria. África e Ásia no pós guerra. História imediata: globalização, crises, neoliberalismo; Conhecimentos de História do Brasil. O indígena brasileiro. A problemática da descoberta. Brasil colonial: a ocupação progressiva do território e as diferentes modalidades de administração e exploração econômica, a escravidão negra, as invasões estrangeiras, as rebeliões coloniais e insurreições, a presença da Igreja Católica, as manifestações culturais, a instalação da família real, o processo de independência. Primeiro reinado, período regencial e segundo reinado: a dinâmica política e os movimentos de rebelião, o crescimento econômico, a abolição da escravidão, a política externa, as manifestações culturais, a proclamação da República. República Velha: a organização político-administrativa e econômica, os movimentos sociais no campo e na cidade, a política externa, a crise dos anos 20 e o movimento político de 30. Período Vargas: o desenvolvimento industrial, a política externa na conjuntura da Segunda Guerra Mundial. De 1945 a 1964: as caracterizações econômicas e políticas de cada período presencial, o golpe militar de 31 de março. Regime Militar: autoritarismo e desenvolvimento econômico, os movimentos sociais e a resistência cultural, o processo de abertura e a luta pela anistia, a campanha das diretas já De 1985 a 1998: características econômicas e políticas de cada período presencial, a crise econômica e a globalização, as manifestações culturais, o panorama político-partidário. História da Paraíba: o processo de ocupação e produção no espaço paraibano.

LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Fundamental, planejamento didático e sistema educacional brasileiro.

Professor de Geografia
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: As transformações essenciais no mundo contemporâneo; A industrialização e a urbanização no século XX; As migrações, a construção e a reconstrução do espaço geográfico; A geografia e os espaços naturais; A geografia, o ambiente e a educação ambiental; As inovações tecnológicas e o desenvolvimento sócio-econômico no Brasil e no mundo; O trabalho nos espaços rurais e urbanos; Os documentos e as linguagens no ensino e na aprendizagem da geografia; A disciplina escolar geografia e a história do pensamento geográfico no Brasil. Geografia da Paraíba: formação e ocupação do espaço paraibano, divisão política da Paraíba, o espaço paraibano no contexto econômico e cultural. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Fundamental, planejamento.

Professor de Inglês
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Compreensão e interpretação de textos escritos em língua inglesa; compreensão e aplicação de estruturas gramaticais da língua inglesa; reconhecimento e aplicação dos vocábulos e expressões de uso corrente na norma culta da língua inglesa. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Fundamental, planejamento.

Professor de Química
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. M arcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Fenômenos químicos e físicos. :Substâncias: simples, compostas e alotrópicas, Misturas homogêneas e heterogêneas. Separação de misturas e materiais de laboratório. Teoria atômica da matéria: Átomo: Partículas subatômicas. Isótopos, isóbaros, isótonos e isoeletrônicos. Configuração eletrônica. Números quânticos Classificação periódica dos elementos: Tabela periódica atual e seus elementos.Elementos representativos, de transição, gás nobre, metais, semi‑metais e não-metais.Propriedades periódicas (raio atômico, potencial ou energia de ionização). Ligações químicas: Ligação iônica Ligação covalente (normal e dativa) Geometria molecular e polaridade das moléculas. Sugestão de atividade prática: Demonstração da geometria e da polaridade das moléculas. Funções inorgânicas Ácidos, bases, sais e óxidos. Conceito de Arrheni us para ácidos e bases. Nomenclatura dos principais ácidos e das principais bases. Força dos ácidos e das bases. Regra para nomenclatura dos sais e dos óxidos.Química e meio ambiente.Gases Modelo do gás ideal Equação geral para o gás ideal. Mistura de gases. Atividade prática: Demonstração da lei de Charles e Gay-Lussac (transformação isobárica). Introdução à química orgânica: Química do carbono: ligações e .Classificação dos car Classificação das cadeias carbônicas. Funções orgânicas: hidrocarbonetos, álcool, fenol, aldeído, cetona, ácidos carboxílicos, éteres, aminas, amidas e nitrilas ( nomenclatura e propriedades ). Isomeria : plana e espacial (geométrica ou Cis - Trans). Reações Orgânicas: Cisão de ligação.Tipos de reagentes (Eletrófilos e Nucleófilos). Reação de adição.Reação de substituição Reações Químicas Reação e equação química Tipos de reações químicas. Balanceamento de equações químicas.Pilhas ou células voltáicas. Potencial de eletrodo. Células voltácas. Soluções Conceitos. Tipos de soluções. Unidades de concentração e cálculos. Termoquímica:Calor de reação. Reação endotérmica e exotérmica Cálculo da variação de entalpia das reações. Cinética química Velocidade das reações. Fatores que afetam a velocidade das reações. Equilíbrio químico Reversibilidade e equilíbrio nas reações químicas. Constante de equilíbrio: Conceitos e cálculos.Equilíbrio iônico Eletrólitos fortes e fracos. Produto iônico da água. pH e pOH das soluções. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Fundamental; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Fundamental, planejamento.

Professor de Física
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECI MENTOS ESPECÍFICOS: Cinemática : Grandezas Físicas - Escalares e vetoriais Medidas de Grandezas - Sistemas de unidades de medidas ( SI e CGS ) , Grandezas Fundamentais da Mecânica - Sistema MKS., Conceitos Básicos da Cinemática - Movimento, repouso, referencial, ponto material, corpo extenso, trajetória, posição escalar, deslocamento escalar e velocidade média. Movimento Uniforme e Gráficos. Movimento Variado - Movimento acelerado e movimento retardado. Movimento Uniformemente Variado (MUV) - Conceitos, equações e queda livre, Vetores Dinâmica Conceitos Básicos - Força, equilíbrio, massa / inércia. As leis de Newton e aplicações. Forças de atrito, força peso e força normal. Energia - Energia mecânica ( Cinética e Potencial )., Princípio da conservação da energia.Termologia . Termologia Temperatura - Diferença entre os conceitos de calor e temperatura.- Medidas de temperatura - Escalas termométricas - relação entre as escalas. Zero absoluto - Á escala absoluta. Dilatação Térmica - Dos Sólidos ( Linear, superficial e volumétrica ) e dos líquidos. Calorimetria. Calor, Calor sensível - a equação geral da calorimetria. Calor e mudança de fases ( calor latente). Processos de propagação do calor. Óptica Conceitos básicos. Reflexão da luz - regular , difusa e leis da reflexão. Espelhos planos. Espelhos esféricos. Refração, Cor - Dispersão da luz branca (Disco de Newton), Formação do arco-íris. Eletrostática Carga elétrica - tipos de carga elétrica , unidades de medida e submúltiplos. Carga elétrica elementar. Quantidade de carga elétrica. Princípios da eletrostática. Processos de eletrização Força elétrica - Lei de Coulomb Campo elétrico. Potencial elétrico Energia potencial elétrica. Diferença de potencial. Eletrodinâmica Corrente elétrica Potência elétrica. 1a e 2a Lei de Ohm. Resistores, Associação de resistores. Eletromagnetismo. Conceitos básicos. ìmãs. A experiência de Oerstead. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Médio; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Médio, planejamento didático e sistema educacional brasileiro

Professor de Filosofia

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequência adores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Filosofia: mito e filosofia. Filosofia na antiga Grécia. O pensamento filosófico: suas características. Ceticismo e dogmatismo em Filosofia e ideologia. Filosofia e educação. O conhecimento: lógica formal e lógica dialética. Teoria de conhecimento: da Antiguidade aos tempos atuais. Conhecimento filosófico e conhecimento científico-tecnológico. O homem: visões e teorias - racionalismo e empirismo. Idealismo e materialismo dialético. Positivismo. Existencialismo. Fenomenologia. Ética e política: concepções, liberalismo e neoliberalismo. Estado, socialismo, democracia, autoritarismo e cidadania, moral, liberdade e determinismo. Estética: concepções. Arte e pensamento. Funções da arte. Arte de elite e arte popular. Arte e educação. Questões relacionadas ao processo de ensino- aprendizagem de filosofia. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Médio; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Médio, planejamento didático e sistema educacional brasileiro.

Professor de Sociologia
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Fundamentos teórico-metodológicos: fato social e ação social; explicação e compreensão; positivismo e interpretação do sentido; História: evolução, progresso e desenvolvimento. Principais conceitos: sociedade e indivíduo; estrutura e função; diferenciação social; divisão social do trabalho; estratificação social; dominação social; conflito e mudança social; educação; linguagem; cultura: valores, idéias e ideologias; instituições; comportamento; racionalidade e irracionalidade: lei e moral; carisma: tradição e modernidade; urbanização. Principais correntes de pensamento sociológico: funcionalismo; marxismo; sociologia compreensiva; teoria crítica da sociedade. Sociologia no Brasil - principais temas: cultura brasileira; identidade nacional: Estado e poder; estratificação social, dependência e desenvolvimento; movimentos sociais; Estado, sociedade e educação. Questões relacionadas ao processo de ensino-aprendizagem de Sociologia. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Médio; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Médio, planejamento didático e sistema educacional brasileiro

Professor de Educação Artística
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: ARTES PLÁSTICAS - História das Artes no Brasil e seus determinantes socioculturais. O ensino das Artes Plásticas no Ensino Fundamental. As Artes Plásticas como um modo de conhecimento e interpretação do mundo. Artes Plásticas e transversalidade. A construção da linguagem gráfico-plástica da criança e do adolescente. Abordagens teórico-metodológicas para o ensino das Artes Plásticas. ARTES CÊNICAS - História das Artes no Brasil e seus determinantes socioculturais. O ensino das Artes Cênicas no Ensino Fundamental.As Artes Cênicas como um modo de conhecimento e interpretação do mundo. Artes Cênicas e transversalidade. A construção das linguagens cênicas da criança e do adolescente. Abordagens teórico-metodológicas para o ensino das Artes Cênicas. MÚSICA - História das Artes no Brasil e seus determinantes socioculturais. O ensino da Música no Ensino Fundamental.Influencias socioculturais na formação da música brasileira. Música e cultura popular. A Música como um modo de conhecimento e interpretação do mundo. Música e transversalidade. A construção das linguagens musicais da criança e do adolescente. Abordagens teórico-metodológicas para o ensino da Música. para o ensino da Música. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Médio; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Médio, planejamento didático e sistema educacional brasileiro.

Professor Polivalente

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Sociedade Brasileira; educação e cidadania; concepção de ensino e aprendizagem; fundamento de currículo: conceito, fundamentos e componentes; importância da fundamentação teórica no processo de construção do conhecimento, orientações metodológicas e enfoques das diferentes áreas do conhecimento; Avaliação do processo educativo; Princípio e Fundamentos dos Parâmetros curriculares Nacionais; As relações do ensino e aprendizagem na sala de aula; Interação professor aluno; o desenvolvimento dos conteúdos de Ensino Fundamental de 1º ao 5º Ano de acordo com os Parâmetros Nacionais; As relações do ensino e aprendizagem na sala de aula; de acordo com os Parâmetros Curriculares Nacionais: Português, Matemática, História, Geografia, Ciências e Temas Transversais; Papel da escola no Ensino Fundamental no contexto sócio econômico e cultural brasileiro; Processo de escolarização e progressão continuada; Planejamento de ensino; interdisciplinaridade no trabalho pedagógico; Gestão escolar; A relação ensino aprendizagem numa visão construtivista sócio interacionista; Estatuto da criança e do adolescente. Desenvolvimento global da criança de 0 a 6 anos; importância do processo de socialização da criança; importância dos jogos e brincadeiras no desenvolvimento infantil. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Médio; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Médio, planejamento didático e sistema educacional brasileiro.

Instrutor de Desenvolvimento Físico e Esportivo
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: 1. Metodologia do treinamento desportivo. 2. Regras, organização de Competições e aprendizagem dos principais desportos (futsal, voleibol, basquetebol e handebol). 3. Jogos pré-esportivos e esportivos. 4. Aprendizagem motora. Conceitos e aplicações. 5. Socorros de urgência aplicados a Educação Física. 6. As diferentes tendência pedagógicas da Educação Física na escola. 7. Crescimento e Desenvolvimento Motor. 8. Correntes teóricas e metodológicas. 9. Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional (Lei 9.394/1996). 10. Parâmetros Curriculares Nacionais. 11. Educação Física na perspectiva da interdisciplinaridade. 12. Atividade Física e qualidade de vida. 13. Recreação, Lazer e atividade Física na Terceira Idade. 14. A importância da pludicidade nas atividades recreativas. 15. A importância do lazer no mundo contemporâneo. 16. Os temas transversais e a Educação Física. 17. Atividade Física em uma perspectiva inclusiva.

Instrutor de Desenvolvimento Artístico Cultural e Instrutor de Valorização Social
CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: ARTES PLÁSTICAS - História das Artes no Brasil e seus determinantes socioculturais. O ensino das Artes Plásticas no Ensino Fundamental. As Artes Plásticas como um modo de conhecimento e interpretação do mundo. Artes Plásticas e transversalidade. A construção da linguagem gráfico-plástica da criança e do adolescente. Abordagens teórico-metodológicas para o ensino das Artes Plásticas. ARTES CÊNICAS - História das Artes no Brasil e seus determinantes socioculturais. O ensino das Artes Cênicas no Ensino Fundamental.As Artes Cênicas como um modo de conhecimento e interpretação do mundo. Artes Cênicas e transversalidade. A construção das linguagens cênicas da criança e do adolescente. Abordagens teórico-metodológicas para o ensino das Artes Cênicas. MÚSICA - História das Artes no Brasil e seus determinantes socioculturais. O ensino da Música no Ensino Fundamental.Influencias socioculturais na formação da música brasileira. Música e cultura popular. A Música como um modo de conhecimento e interpretação do mundo. Música e transversalidade. A construção das linguagens musicais da criança e do adolescente. Abordagens teórico-metodológicas para o ensino da Música. para o ensino da Música. LEGISLAÇÃO BÁSICA E ORIENTAÇÕES CURRICULARES: Lei de Diretrizes e Bases da Educacional Nacional - LDB (9.394/1996 ) atualizada, Diretrizes Curriculares do Ensino Médio; Diretrizes Curriculares da Educação de Jovens e Adultos; Educação Especial e os PCNs do Ensino Médio, planejamento didático e sistema educacional brasileiro.

Técnico Adjunto

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA: 1. Análise de textos, objetivando reconhecer, entre outros aspectos: 1.1. O tema ou a idéia global do texto ou, ainda, o tópico de um parágrafo; 1.2. O argumento principal defendido pelo autor; 1.3. O objetivo ou finalidade pretendida; 1.4. A síntese do seu conteúdo global; 1.5. As características do tipo ou do gênero textual em que se realizam; 1.6. A função (referencial, expressiva, apelativa, poética) que desempenham; 1.7. A fidelidade de paráfrases a seus segmentos de origem; 1.8. Relações de intertextualidade; 1.9. Informações explícitas e implícitas veiculadas; 1.10. O nível (formal ou informal) da linguagem; 1.11. As relações lógico-discursivas (causalidade, temporalidade, conclusão, comparação, finalidade, oposição, condição, explicação, adição, entre outras) estabelecidas entre parágrafos, períodos ou orações; 1.12. Elementos sequenciadores que asseguram a continuidade do texto; 1.13. Relações de sentido entre as palavras (sinonímia, antonímia, hiperonímia e partonímia); 1.14. Efeitos de sentido pretendidos pelo uso de certos recursos lexicais e gramaticais; 1.15. Usos metafóricos e metonímicos das palavras e expressões; 1.1.6. Marcas linguísticas a partir das quais se pode identificar o autor, o destinatário do texto e o tipo de relações sociais entre eles. 2. Morfossintaxe: 2.1. Processos de formação de palavras; 2.2. Radicais, prefixos e sufixos; 2.3. Colocação, regência e concordância nominal e verbal. 3. Padrão escrito no nível culto: ortografia, acentuação gráfica, pontuação. 4. Figuras de linguagem (pensamento, sintaxe e palavra).

CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS: Funções administrativas: características e usos. Comunicações Administrativas. Documentação e arquivo: Documentação: conceituação, importância, natureza, finalidade, característica, normalização. Arquivo: conceito, importância, organização, transferência. Sistemas e métodos de arquivamento. Relações humanas: Comportamento social. Motivação do comportamento humano. Gestos atos e linguagem. Público e opinião pública. Relações humanas no trabalho. Qualidade no atendimento ao público. Fluxos de Caixa: Fluxos operacionais e financeiros; apuração de saldos; controle de contas a pagar e a receber. Informática: Windows, Word e Excel. Lei de Diretrizes e Bases da Educação (LDB 9.394/1996); Temas transversais.

ANEXO II

CARGOS E DESCRIÇÃO DAS ATIVIDADES DO SESC PARA SELEÇÃO PÚBLICA 2009

NÍVEL FUNDAMENTAL

CARGO

TIPOS DE PROVAS

Nível

Auxiliar de Atividades Sociais

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Fundamental

Auxiliar Administrativo

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Fundamental

Porteiro

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 20 Questões
CONHECIMENTOS DE MATEMÁTICA - 20 questões

Nível Fundamental

Telefonista

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 20 Questões
CONHECIMENTOS DE MATEMÁTICA - 20 questões

Nível Fundamental

Artífice de Manutenção

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 20 Questões
CONHECIMENTOS DE MATEMÁTICA - 20 questões

Nível Fundamental

Vigia

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 20 Questões
CONHECIMENTOS DE MATEMÁTICA - 20 questões

Nível Fundamental

Auxiliar de Serviços Gerais

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 20 Questões
CONHECIMENTOS DE MATEMÁTICA - 20 questões

Nível Fundamental

Cozinheiro

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 20 Questões
CONHECIMENTOS DE MATEMÁTICA - 20 questões

Nível Fundamental

Motorista

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Fundamental

CARGO 01: AUXILIAR DE ATIVIDADES SOCIAIS

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Auxiliar no atendimento à clientela nas diversas atividades sócio-culturais, desenvolvidas pela Entidade, nas áreas de educação, saúde, cultura, lazer, assistência; Atender e prestar informações à clientela sobre a programação de atividades; Organizar e manter atualizados registros em fichários e arquivos, consultando documentos e fazendo lançamentos diversos, para controle e atualização de informação; Executar serviços de matricula e inscrição; Redigir correspondências e informações de rotina; Responder pela guarda e conservação de materiais sob sua responsabilidade; Executar outras tarefas compatíveis à natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do 9º (nono) ano do Ensino Fundamental (antigo 8º série), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO 02: AUXILIAR ADMINISTRATIVO

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Executar sob orientação, serviços de apoio administrativo ligados à comunicação, documentação, tesouraria, contabilidade, pessoal, material e outros; Receber, conferir, registrar, classificar e'ou expedir papeis e documentos, providenciando suas distribuições; Organizar e manter atualizados registros em fichários e arquivos, consultando documentos e fazendo lançamentos diversos, para controle e atualização de informação; auxiliar no levantamento, conferências e registros de dados; Redigir correspondências e informações de rotina; Controlar estoque, receber, conferir, armazenar, fornecer e expedir materiais e mercadorias; Responder pela guarda e conservação de materiais sob sua responsabilidade; Executar outras tarefas compatíveis à natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do 9º (nono) ano do Ensino Fundamental (antigo 8º série), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO 03: PORTEIRO

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Recepcionar e controlar a entrada e saída de pessoas, orientando e prestando informações pertinentes à portaria; Fiscalizar e controlar a entrada e saída de objetos, materiais e equipamentos; Receber e distribuir malotes, jornais'revistas e documentos em geral, Atender telefone, Executar eventualmente, serviços de vigilância em substituição às folgas e ausências do vigia; Assegurar a plena observância dos princípios e normas da entidade; Executar outras tarefas compatíveis à natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do 9º (nono) ano do Ensino Fundamental (antigo 8º série), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

CARGA HORÁRIA: 44 (quarenta e quatro) horas semanais.

CARGO 04: TELEFONISTA

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Operar troncos telefônicos e ramais, atendendo a chamadas internas e externas e completando as ligações solicitadas; Elaborar mapas-controle diários de ligações interurbanas; Atender com cortesia a todas as pessoas que se utilizarem os serviços da mesa telefônica; Zelar pela limpeza e conservação da mesa, aparelhos telefônicos e equipamentos; Executar outras tarefas compatíveis à natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do 9º (nono) ano do Ensino Fundamental (antigo 8º série), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

CARGA HORÁRIA: 30 (trinta) horas semanais.

CARGO 05: ARTÍFICE DE MANUTENÇÃO

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Consertar, instalar e substituir lâmpadas, interruptores e pequenos circuitos elétricos, utilizando-se de ferramentas; Inspecionar e testar circuitos de iluminação, substituindo e'ou reparando fiações; Executar trabalhos de reparos em alvenaria; Executar reparos de pintura de paredes, tetos e rodapés; Fazer serviços hidráulicos nas instalações da Instituição; Auxiliar na montagem de equipamentos externos para a realização de cursos; Zelar pela guarda, manutenção e conservação de materiais sob sua responsabilidade; Executar outras tarefas compatíveis à natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do 9º (nono) ano do Ensino Fundamental (antigo 8º série), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

CARGA HORÁRIA: 44 (quarenta e quatro) horas semanais.

CARGO 06: VIGIA

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Zelar pela segurança das instalações e bens patrimoniais que lhe forem confiados; Zelar pela segurança das instalações elétricas, hidráulicas e equipamentos, procedendo ao desligamento dos mesmos quando necessário ou determinado; Fazer cumprir às normas internas, quanto ao acesso de pessoas às dependências sob sua guarda; Recepcionar a clientela orientando e prestando todas as informações, quando se fizer necessário; Assegurar a plena observância dos princípios e normas da Instituição; Executar outras tarefas compatíveis à natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do 9º (nono) ano do Ensino Fundamental (antigo 8º série), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

CARGA HORÁRIA: 44 (quarenta e quatro) horas semanais.

CARGO 07: AUXILIAR DE SERVIÇOS GERAIS

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Manter em perfeitas condições de higiene e conservação as áreas internas e externas da Instituição; Auxiliar no transporte, carga e descarga de materiais, de móveis equipamentos e utensílios; Executar serviços de apoio operacional quando da realização de atividades com a clientela; Proceder à distribuição de café nos locais de trabalho; Executar serviços de distribuição, entrega externa e interna de documentos, correspondências, expedientes e pequenos volumes; Zelar pela guarda, manutenção e conservação de materiais sob sua responsabilidade; Executar outras atribuições compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do 9º (nono) ano do Ensino Fundamental (antigo 8º série), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

CARGA HORÁRIA: 44 (quarenta e quatro) horas semanais.

CARGO 08: COZINHEIRO

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Cumprir o cardápio estabelecido pelo Setor de Nutrição, executando, orientando e supervisionando o corte do prato principal e pré-preparado; Responder pela cocção, qualidade e quantidade do produto a ser servido; Obedecer e fazer cumprir todas as normas da higienização da equipe, equipamentos e utensílios da copa-cozinha; Receber e controlar os alimentos pelo almoxarifado; Operar máquinas e demais equipamentos utilizados na copa-cozinha; Auxiliar no transporte, carga e descarga de materiais móveis e utensílios; Zelar pela apresentação, higiene e segurança pessoal; Zelar pela guarda, manutenção e conservação dos materiais sob sua responsabilidade; Executar outras tarefas de natureza similar.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do 9º (nono) ano do Ensino Fundamental (antigo 8º série), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

CARGA HORÁRIA: 44 (quarenta e quatro) horas semanais.

CARGO 09: MOTORISTA

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Conduzir veículos no transporte de pessoas e materiais em zona urbana e interurbana; Conservar e manter os veículos da Instituição; Verificar, diariamente o abastecimento e as condições mecânicas do veículo sob sua guarda, controlando o consumo, a quilometragem, lubrificação e limpeza; Conservar a limpeza dos veículos sob sua guarda; Executar outras tarefas compatíveis à natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do 9º (nono) ano do Ensino Fundamental (antigo 8º série), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) É necessário carteira de habilitação categoria D definitiva;

CARGA HORÁRIA: 44 (quarenta e quatro) horas semanais.

CARGOS DE NÍVEL MÉDIO

CARGO

TIPOS DE PROVAS

Nível

Operador de Computador

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Médio

Assistente Técnico

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Médio

Auxiliar Técnico

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Médio

Auxiliar em Saúde Bucal

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Médio

Técnico em Saúde Bucal

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Médio

Técnico em Segurança do Trabalho

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Médio

CARGO 10: Operador de Computador

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Preparar o equipamento para operação; Alimentar o computador e seus equipamentos periféricos; Iniciar procedimentos corretivos, sempre que necessário; Interpretar as mensagens do console, para o sistema de software ou programa de aplicações; Preparar relatórios e efetuar backup's; Executar outras tarefas compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Ensino Médio (antigo 2º Grau), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) Certificado de conclusão de Curso de Montagem e Manutenção de computador, impressora e monitores, em instituição reconhecida pelo órgão competente.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO 11: Assistente Técnico

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Executar atividades técnico-administrativas em nível técnico, nas áreas contábil, financeira, patrimonial, material e de recursos humanos; Atuar diretamente com a clientela e'ou público interno, executando tarefas administrativas e'ou dando suporte ao corpo técnico; Executar nas Unidades Operativas ou Divisões, serviços de secretariado em geral; Proceder ao levantamento de dados informações para a fundamentação de relatórios e pareceres técnicos; Executar outras atribuições compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Ensino Médio (antigo 2º Grau), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) Certificado de informática (Windows, Word e Excel);

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (12): Auxiliar Técnico

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Executar serviços administrativos, ligados às áreas de comunicação, documentação, tesouraria, contabilidade, pessoal, material e patrimônio e outros; Proceder a levantamento de dados'informações para a fundamentação de relatórios e pareceres técnicos; Executar serviços de secretariado em geral; Desenvolver, junto à Clientela, atribuições pertinentes às áreas, sócio-culturais e recreativas; Executar outras tarefas compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Ensino Médio (antigo 2º Grau), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) Certificado de informática (Windows, Word e Excel);

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (13): AUXILIAR EM SAÚDE BUCAL

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Recepcionar e orientar a clientela organizando a agenda clínica; Confeccionar e atualizar fichas clínicas; Elaborar mapas estatísticos de atendimentos; Proceder a desinfecção e a esterilização de materiais e instrumentos utilizados; Instrumentalizar e auxiliar o cirurgião-dentista e o TSB nos procedimentos clínicos; Zelar pela manutenção e conservação dos equipamentos odontológicos; Participar do gerenciamento dos insumos necessários para o adequado funcionamento da atividade; Executar outras tarefas compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Ensino Médio (antigo 2º Grau), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) Certificado de conclusão do Curso de ASB- Auxiliar de Saúde Bucal.

c) Registro no Conselho Regional de Odontologia.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (14): TÉCNICO EM SAÚDE BUCAL

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Realizar a atenção integral em saúde bucal (promoção, prevenção, assistência e reabilitação segundo programação e de acordo com suas competências técnicas e legais sob a supervisão do Cirurgião-Dentista); Realizar a manutenção e a conservação dos equipamentos odontológicos; acompanhar, apoiar e desenvolver atividades referentes à saúde bucal com os demais membros da equipe de forma multidisciplinar; Supervisionar, sob delegação, o trabalho dos auxiliares de serviços médico-odontológicos; Instrumentalizar e auxiliar o cirurgião-dentista; Proceder a desinfecção e a esterilização de materiais e instrumentos utilizados; Preparar materiais restauradores e de modelagem; Executar outras tarefas compatíveis com a legislação profissional.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Ensino Médio (antigo 2º Grau), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) Certificado de conclusão de Curso de Técnico em Saúde Bucal;

c) Registro no Conselho Regional de Odontologia.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (15): TÉCNICO EM SEGURANÇA DO TRABALHO

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Elaborar, participar da elaboração e implementação da política de saúde e segurança no trabalho(Saúde e Segurança do Trabalho); realizar auditoria, acompanhamento e avaliação na área, identificar variáveis de controle de doenças, acidentes, qualidade de vida e meio ambiente. Desenvolver ações educativas na área de saúde e segurança no trabalho; participar de perícias e fiscalizações e integrar processos de negociação; gerenciar documentação de Saúde e Segurança do Trabalho, investigar, analisar acidentes e recomendar medidas de prevenção e controle. Participar e ministrar palestras sobre segurança e outros treinamentos relacionados a área; acompanhar serviços de inspeção em equipamentos de segurança; executar outras tarefas compatíveis com a legislação profissional.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Ensino Médio (antigo 2º Grau), em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) Certificado de conclusão do Curso Técnico em Segurança do Trabalho;

c) Registro no DRT

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGOS DE NÍVEL SUPERIOR

CARGO

TIPOS DE PROVAS

NÍVEL

Médico

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Médico do Trabalho

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Fisioterapeuta

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Odontólogo

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Enfermeiro

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Engenheiro

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Engenheiro do Trabalho

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Nutricionista

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Assistente Social

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Fonoaudiólogo

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Administrador

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Contador

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Advogado

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Economista

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Turismólogo

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Psicólogo

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Bibliotecário

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Jornalista

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Tecnólogo em Gastronomia

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Analista de Sistema

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor SESC Ler

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

(Professor Português

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Matemática

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Ciências Biológicas

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor História

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Geografia

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Inglês

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Química

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Física

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Filosofia

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Sociologia

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Educação Artística

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Professor Polivalente

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Instrutor de Desenvolvimento Físico e Esportivo

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Instrutor de Desenvolvimento Artístico e Cultural

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Instrutor Valorização de Social

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

Técnico Adjunto

CONHECIMENTOS DE LÍNGUA PORTUGUESA - 10 Questões
CONHECIMENTOS ESPECÍFICOS - 30 questões

Nível Superior

CARGO (16): Médico

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Coordenar e supervisionar os serviços médicos prestados à clientela; Executar todos os métodos de medicina preventiva e curativa previstas em sua especialidade; Orientar e supervisionar os Auxiliares Médicos, promovendo o cumprimento de normas técnicas e das diretrizes da Entidade; Desenvolver atividades de educação sanitária; Ministrar treinamentos específicos à equipe de trabalho; Coordenar campanhas de saúde promovidas pela Entidade; Realizar exames de saúde adimensionais e periódicos; Manter registros e emitir relatórios médicos dos pacientes examinados e do tratamento recomendado; Responder pelo resultado do serviço médico prestado; Executar outras tarefas compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Curso Superior em Medicina, em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (17): Médico do Trabalho

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Coordenar e supervisionar os serviços médicos prestados à clientela; Executar todos os métodos de medicina preventiva e curativa previstas em sua especialidade; Desenvolver atividades de educação sanitária; Ministrar treinamentos específicos à equipe de trabalho; Participar de campanhas de saúde e vacinação; Realizar exames de saúde admissionais, periódicos e demissionais; Responder pelo resultado do serviço médico prestado; orientar os funcionários quanto às normas de segurança do trabalho e saúde ocupacional; participar de inquéritos sanitários, levantamento de doenças profissionais, lesões traumáticas e estudos epidemiológicos, elaborar, quando solicitado, laudos periciais sobre acidente de trabalho, condições de insalubridade e periculosidade e doenças profissionais; Executar outras tarefas compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Curso Superior em Medicina, em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) Certificado de Especialização em Medicina do Trabalho

c) Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (18): Fisioterapeuta

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Elaborar estudos preliminares e alternativas a analise de aspectos sensório-motores dos pacientes, definindo diretrizes para melhor se apliquem à estrutura da entidade; Elaborar manual do usuário e diretrizes para procedimentos de habilitação, funções sensório-motoras, funções percepto­cognitivas, funções locomotoras e outras. Avaliar órteses, próteses e adaptações, sistema sensório-motor ocular e participar de diagnóstico interdisciplinar; Monitorar o controle de qualidade dos materiais e serviços, conferindo suas medições; Avaliar métodos e soluções, fazer laudos, perícias e pareceres técnicos, estabelecer programas de segurança, manutenção e controle no local de trabalho; garantir a integralidade da atenção por meio da realização de ações de promoção da saúde, prevenção de agravos e curativas e da garantia de atendimento da demanda espontânea; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Curso Superior em Fisioterapia, em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b) Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (19): Odontólogo.

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: diagnosticar e tratar afecções da boca, dentes e região buco-maxilo- facial, utilizando procedimentos clínicos e cirúrgicos para promover e recuperar a saúde bucal e geral, elaborar e aplicar medidas de caráter coletivo para diagnosticar, prevenir e melhorar as condições de saúde bucal da comunidade; Executar as ações clínicas previstas no Plano de Tratamento; supervisionar os auxiliares; participar de atividades de formação (auxiliares e técnicos); Zelar pela manutenção dos equipamentos odontológicos; Responder por todos os procedimentos odontológicos realizados no paciente atendido; Orientar o paciente sobre medidas de Promoção da Saúde Bucal; Supervisionar todas as atribuições do Técnico em Saúde Bucal; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Certificado de conclusão do Curso Superior em Odontologia, em instituição reconhecida pelo órgão competente;

b)Registro no Conselho Regional de Odontologia.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (20): Enfermeiro

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Prestar assistência aos pacientes realizando consultas, prescrevendo ações de enfermagem, realizando procedimentos de sua competência e acionar equipe multidisciplinar caso necessário; Coordenar serviços em enfermagem padronizando normas e procedimentos padrão, monitorando processos e desenvolvendo programas da entidade; Participar de campanhas de saúde e vacinação; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em enfermagem.

b)Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (21): Engenheiro

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: - Coordenar e orientar equipes de técnicos nos assuntos pertinentes à sua área de atuação; Redigir documentos e relatórios de trabalho relacionados com a especialidade; Prestar assessoramento, dentro da especialidade, as chefias imediatas; Participar de equipes de trabalho multidisciplinares; Desempenhar outras atividades correlatas e/ou de maior complexidade.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Engenharia.

b)Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (22): Engenheiro do Trabalho

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Planejar, coordenar, supervisionar e orientar tecnicamente os serviços de Engenharia de Segurança do Trabalho, no que se refere à questão de segurança, inclusive higiene do trabalho; Orientar a instalação, distribuição e manutenção de equipamentos de segurança; inspecionar as condições de segurança dos locais de trabalho e das instalações e equipamentos; Prestar assessoramento, dentro da especialidade, as chefias imediatas; Participar de equipes de trabalho multidisciplinares; Vistoriar, avaliar, realizar perícias, emitir pareceres e laudos técnicos e indicar medidas de controle sobre grau de exposição a agentes agressivos de riscos físicos, químicos e biológicos, Analisar riscos, acidentes e falhas, investigando causas, propondo medidas preventivas e corretivas; Elaborar projetos de sistemas de segurança e assessorar a elaboração de projetos de obras, instalação e equipamentos, opinando do ponto de vista da Engenharia de Segurança; Orientar o treinamento específico de Segurança do Trabalho e assessorar a elaboração de programas de treinamento geral; Desempenhar outras atividades correlatas e/ou de maior complexidade.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Engenharia.

b)Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 30 (trinta) horas semanais.

CARGO (23): Nutricionista

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Elaborar cardápios qualitativos e quantitativos obedecendo aos princípios nutritivos; Supervisionar a recepção de gêneros alimentícios, a confecção das refeições durante o pré-preparo, o preparo e a cocção, bem como a distribuição das mesmas; Supervisionar e orientar os funcionários quanto às boas práticas de higiene e a segurança do trabalho; Elaborar a Estatística dos atendimentos; Supervisionar os estagiários; Executar outras tarefas compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Nutrição.

b)Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (24): Assistente Social

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: - Participar de campanhas educativas e preventivas, na prevenção das doenças; Realizar visitas domiciliares dando a orientação psico-social pertinente; Orientar aos Pais e/ou representantes legais quanto à realização de atividades de estimulação de seus filhos, identificando necessidades, visando o desenvolvimento sadio da criança; Elaborar, programar, executar e avaliar políticas sociais para o SESC/PB; Elaborar, coordenar, executar e avaliar planos, programas e projetos que sejam do âmbito de atuação do serviço social com participação da sociedade civil; Prestar orientação social aos comerciários que fazem parte do SESC/PB; Planejar, organizar e administrar benefícios e Serviços Sociais; Planejar, executar e avaliar pesquisas que possam contribuir para analise da realidade social e para subsidiar ações profissionais; Realizar estudos socioeconômicos com os usuários para fins de benefícios e serviços sociais junto ao SESC/PB; Realizar vistorias perícia técnica, laudos periciais, informações e pareceres sobre a matéria de serviços sociais, quando requisitados pela administração do SESC/PB; Treinamento, avaliação e supervisão direta de estagiários de serviço social relacionado com o SESC/PB; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Serviço Social.

b) Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (25): Fonoaudiólogo

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: - Prestar assistência aos pacientes realizando consultas, prescrevendo ações de fonoaudiologia, realizando procedimentos de sua competência e acionar equipes multidisciplinar caso necessário; Coordenar serviços em fonoaudiologia padronizando normas e procedimentos padrão, monitorando processos e desenvolvendo programas da entidade, cumprindo metas e aplicando métodos de avaliação e qualidade no atendimento; Poderá participar de auditorias, analisando prontuários e averiguando ocorrências de irregularidades frente às normas e legislação pertinente a sua profissão; Analisar aspectos percepto-congnitivos dos pacientes, traçando plano terapêutico iniciando tratamento; Efetuar anamnese, solicitar exames, analisando-os em critérios de elegibilidade e devolutiva ao paciente de sua condição; Participar de campanhas preventivas; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Fonoaudiologia.

b) Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (26): Administrador

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Avaliar desempenhos e planejamento do serviço administrativo; Elaborar estudos e análises, pesquisas, projetos e programas concernentes às atividades administrativas de sua área de atuação; Analisar a estrutura organizacional do SESC, utilizando os princípios da organização do trabalho, no estabelecimento ou recomendação de processos, métodos e rotinas de atividades, para assegurar uma eficiência e produtividade aliada a uma minimização de custos; Revisar rotinas de trabalho e formulários utilizados, analisando-os em seus pormenores, para sugerir a criação de novos documentos com vistas à sistematização dos processos; Elaborar fluxogramas, organogramas e demais esquemas ou gráficos das informações ou sistemas, emitindo parecer conclusivo; Preparar licitações, identificando materiais e/ou serviços requisitados; Realização trabalhos de auditoria contábil, efetuando investigações, conferindo, analisando e avaliando a justa adequação dos controles operacionais e contábeis; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Administração

b) Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (27): Contador

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: - Realizar estudos e trabalhos que visem racionalizar, padronizar e assegurar regularidade nos serviços de analise, procedimento, revisão e conciliação de contas, tendo em vista a legislação em vigor, as diretrizes do SESC e as necessidades inerentes aos trabalhos contábeis; Planejar sistema de registro e operações, atendendo as necessidades administrativas e as exigências legais, para possibilitar o controle contábil, financeiro e patrimonial da entidade; Atualizar procedimentos internos, parametrizado a aplicativos contábeis/fiscais e de suporte a informação; Administrar fluxo de documentos, classificação, escrituras em livros contábeis e outro; Inspecionar regularmente a escrituração dos livros contábeis; Organizar e assinar balancetes, balanço e demonstrativos de contas; Conciliar saldo de contas, gerar diário/razão, administrar o prontuário dos funcionários, elaborar folhas de pagamento de empregados, controlar impostos retidos dos empregados e preparar obrigações trabalhistas; Intermediar acordos com os sindicatos, comparecendo às audiências trabalhistas quando solicitado pelo departamento jurídico para tanto; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior Contabilidade.

b)Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (28): Advogado

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Assessorar a administração superior, colaborando no entendimento jurídico e no equacionamento de problemas atinentes a sua área de atuação; Representar em juízo a entidade, mediante devida procuração legal; Examinar,em qualquer órgão do Poder Judiciário, autos de processos findos ou em andamento mesmo sem procuração, vinculados à Empresa, quando não estejam sujeitos a sigilo, assegurada a obtenção de cópias, podendo tomar apontamentos; Ter vista dos processos judiciais ou administrativos que tratem de assuntos relacionados à entidade, em cartório ou na repartição competente ou retirá-los pelos prazos legais; Reclamar, verbalmente ou por escrito, perante qualquer juízo, tribunal ou autoridade, contra inobservância de preceitos de lei, regulamentos ou regimentos; Coordenar a execução dos programas, considerando os aspectos qualitativo e orçamentário do planejamento; Executar outras atribuições compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Direito.

b)Registro na OAB.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (29): Economista

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Analisar ambiente econômico, suas conjunturas, realizando analises setoriais e regionais, analisando tendências e gerenciando banco de dados dos cenários produzidos; Elaborar projetos de mercado, pesquisas econômicas de mercado; Participar do planejamento estratégico do SESC; Avaliar políticas de impacto coletivo, gerando parâmetros de avaliação, adequações das ações do SESC na sua circunscrição, mensurando consequências e recomendando políticas; Gerir programação econômica, acompanhando indicadores de mercado, acompanhando inclusive, execução orçamentária; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Economia.

b)Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (30): Turismólogo

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Planejar atividades em turismo da entidade, Organizar e subsidiar analises de viabilidade técnica e econômica de produtos e serviços turísticos; Promover eventos oferecidos pelo SESC; Assessoramento em organização de eventos; Prestar informações técnicas quando solicitado; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Turismo.

b)Certificado em língua estrangeira: Inglês

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (31): Psicólogo

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Emitir parecer técnico, através de diagnostico da adaptação do potencial dos Recursos Humanos, para subsidiar o recrutamento, remanejamento e treinamento de pessoal; Investigar e diagnosticar a inter-relação: empregado/ trabalho/ grupo/ autarquia, com a finalidade de assessorar chefias e/ou diretoria no desenvolvimento de seus Recursos Humanos; Participar do Programa de Treinamento de Pessoal; Analisar e diagnosticar o fluxo ou sequência do processo de trabalho, do ponto de vista tecnológico, bem como, os pré-requisitos e requisitos necessários que o empregado deve possuir para adapta-se a ele;

Participar de eventos ministrando aulas, palestras, seminários, dinâmicas e outras maneiras; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Psicologia.

b)Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (32): Bibliotecário

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Disponibilizar informação em qualquer suporte, localizando, recuperando, elaborando, controlando e intercambiando circulações de informações no SESC; Trata tecnicamente de recursos informacionais, registrando, classificando, catalogando e elaborando resenhas e resumos; Disseminar informação, coletando dados para memória da entidade, elaborando pesquisas temáticas, levantamento bibliográfico, histórico ou cultural, realizando estudos para o diagnostico completo das fontes de informação existentes; Prestar serviços de assessoria nas publicações, espaço físico inclusive, laudos técnicos; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Biblioteconomia.

b) Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (33): Jornalista

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Informar ao público em geral sobre acontecimentos da entidade, elaborando para isso noticias, informativos e qualquer outro meio que seja apropriado para o meio que se pretenda atingir; Entrevistar, confrontar dados e fatos, apurar informações, pesquisá-las, e efetivando seus registros jornalísticos com ética e agilidade; Redigir textos jornalísticos, fotografar, gravar e ilustrar matérias, editando-as e registrando-as; Demonstrar competências pessoais e profissionais, possuindo espírito de equipe, admitindo opiniões divergentes, possuindo sensibilidade social, capacidade de observação e senso crítico; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Jornalismo.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (34): Tecnólogo em Gastronomia

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Realizar os serviços gastronômicos correlacionando-os ao planejamento de cardápios; Administrar serviços gerenciais em alimentos e bebidas; Proceder à realização de pratos típicos de diversos países; Identificar as tendências gastronômicas preparando pratos inovadores; Dominar as técnicas de escultura de alimentos e preparações pertinentes à cozinha fria; Dominar as técnicas de panificação e confeitaria; Identificar e proceder à realização de banquetes, cerimoniais e eventos; Operar os principais softwares de gestão em serviços gastronômicos; Planejar e executar ações de marketing; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (35): Analista de Sistemas

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Desenvolver programas ou rotinas de programas para computador; Efetuar manutenção em programas ou rotinas de programas, alterando o processamento, a codificação e demais elementos, para aperfeiçoá-los, corrigirem falhas e atender as alterações de sistema ou necessidades novas; Documentar rotina de programas ou sistemas, desenvolvidas e em operação, de acordo com as normas do SESC, Acompanhar as inovações dos sistemas operacionais e métodos de arquivamento, acesso e recuperação de informações existentes no SESC; Participar da manutenção e/ou implantação de ¨softwares¨, incluindo sistema operacional, utilitários, redes e bando de dados; Analisar as necessidades de informação em todos os níveis hierárquicos, avaliando os impactos que a informação produz na estrutura técnica de gerencia, relacionamentos organizacionais e estratégicos do SESC; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente do Curso Superior na área de Informática.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (36): Professor do SESC LER

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Planejar aulas; Prever estratégias e recursos didáticos necessários ao desenvolvimento do trabalho pedagógico; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica, por meio de registros; Zelar pelos equipamentos e materiais de suporte do Projeto; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Graduação em qualquer Licenciatura, experiência em Educação de Jovens e Adultos, Ensino Fundamental e em Ação Comunitária.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais.

CARGO (37): Professor Português

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Língua Portuguesa

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (38): Professor Matemática

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Matemática

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (39): Professor Ciências Biológicas

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Ciências Biológicas

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (40): Professor História

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Graduação em Licenciatura Plena em História

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (41): Professor Geografia

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Geografia

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (42): Professor Inglês

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Graduação em Licenciatura Plena em Letras com habilitação em Língua Inglesa.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (43): Professor Química

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Química.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (44): Professor Física

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Física.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (45): Professor Filosofia

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Filosofia.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (46): Professor Sociologia

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Sociologia;

b)Graduação em Licenciatura em Ciências Sociais, com ingresso do candidato até 1988.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (47): Professor Educação Artística

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Educação Artística, com habilitação em Artes Plásticas, Cênicas ou Música.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (48): Professor Polivalente

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Estudar e conhecer o processo de aprendizagem, em especial da alfabetização; Participar na elaboração do planejamento escolar; Planejar as aulas; Conduzir o processo de ensino; Avaliar o processo de aprendizagem do aluno, do seu próprio desempenho, da produção da equipe pedagógica com vistas à redefinição da ação; Participar de ações de capacitação; Documentar sua prática pedagógica; Elaborar, em colaboração com o Orientador Pedagógico, instrumento de avaliação sistemática; Controlar e registrar a frequência. Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a)Graduação em Licenciatura Plena em Pedagogia com habilitação em Magistério.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (49): Instrutor de Desenvolvimento Físico e Esportivo

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Construir competências através do desenvolvimento de atividades variadas e recursos diversificados; Transmitir, orientar e acompanhar conhecimentos; Realizar um sistema de avaliação da aprendizagem coerente com a formação profissional por competências; Definir critérios que funcionem como indicadores do objetivo a ser alcançado; Construir critérios para a certificação das competências previstas na disciplina e'ou cursos; Utilizar acervo bibliográfico como complementação didática; Cumprir o plano de curso, assegurando o compromisso do Projeto Político Pedagógico da Unidade Operativa; Assegurar a plena observância dos princípios e normas da Instituição; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, do Curso Superior em Educação Física.

b)Registro no Conselho Regional.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (50): Instrutor de Desenvolvimento Artístico e Cultural

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Construir competências através do desenvolvimento de atividades variadas e recursos diversificados; Transmitir, orientar e acompanhar conhecimentos; Realizar um sistema de avaliação da aprendizagem coerente com a formação profissional por competências; Definir critérios que funcionem como indicadores do objetivo a ser alcançado; Construir critérios para a certificação das competências previstas na disciplina e'ou cursos; Utilizar acervo bibliográfico como complementação didática; Cumprir o plano de curso, assegurando o compromisso do Projeto Político Pedagógico da Unidade Operativa; Assegurar a plena observância dos princípios e normas da Instituição; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Graduação em Licenciatura Plena em Educação Artística, com habilitação em Artes Plásticas, Cênicas ou Música.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (51): Instrutor de Valorização Social

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Construir competências através do desenvolvimento de atividades variadas e recursos diversificados; Transmitir, orientar e acompanhar conhecimentos; Realizar um sistema de avaliação da aprendizagem coerente com a formação profissional por competências; Definir critérios que funcionem como indicadores do objetivo a ser alcançado; Construir critérios para a certificação das competências previstas na disciplina e'ou cursos; Utilizar acervo bibliográfico como complementação didática; Cumprir o plano de curso, assegurando o compromisso do Projeto Político Pedagógico da Unidade Operativa; Assegurar a plena observância dos princípios e normas da Instituição; Executar outras tarefas inerentes ao cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, de Curso Superior.

CARGA HORÁRIA: Horista

CARGO (52): Técnico Adjunto

DESCRIÇÃO SUMÁRIA DE ATIVIDADES: Coordenar e desenvolver junto à clientela, atividades específicas; Coordenar, orientar e executar atividades técnicas dos Programas Educação, Cultura, Lazer e Assistência, Produção de Materiais Didáticos e nas áreas contábil, financeira, patrimonial, material e de recursos humanos; Elaborar relatórios e pareceres técnicos sobre assuntos pertinentes à sua área de atuação; Executar outras atribuições compatíveis com a natureza do cargo.

REQUISITOS ESPECÍFICOS:

a) Conclusão, em instituição reconhecida pelo órgão competente, de Curso Superior.

CARGA HORÁRIA: 40 (quarenta) horas semanais

ANEXO III

QUADRO DE VAGAS

1. QUADRO DE VAGAS:

MUNICÍPIOS: João Pessoa, Campina Grande, Guarabira, Patos, Sousa e Cajazeiras.

1.1. Nível Fundamental:

Código do cargo

CARGO

Local

Vagas (*)

Cadastro de reserva

01

Auxiliar de Atividades Sociais

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

02

Auxiliar Administrativo

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras
-
-
-
-
-
-

(**)

03

Porteiro

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras
-
-
-
-
-
-

(**)

04

Telefonista

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras
-
-
-
-
-
-

(**)

05

Artífice de Manutenção

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras
-
-
-
-
-
-

(**)

06

Vigia

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras
-
-
-
-
-
-

(**)

07

Auxiliar de Serviços Gerais

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras
-
-
-
-
-
-

(**)

08

Cozinheiro

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
-
-
-
-
-

-

09

Motorista

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

-

(*) Total de vagas incluindo-se a reserva de vagas para candidatos portadores de deficiência.

(**) Cadastro de reserva para os cargos que vagarem ou forem criados dentro do prazo de validade desta seleção.

2. QUADRO DE VAGAS:

2.1. MUNICÍPIOS: João Pessoa, Campina Grande, Guarabira, Patos, Sousa e Cajazeiras

2.2. Nível Médio

Código do cargo

CARGO

LOCAL

Vagas (*)

Cadastro de reserva

10

Operador de Computador

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
01
-
-
-
-

(**)

11

Assistente Técnico

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
03
-
-
-
-

(**)

12

Auxiliar Técnico

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
-
-
-
-
-

(**)

13

Auxiliar de Saúde Bucal

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

14

Técnico em Saúde Bucal

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
01
-
-
-
-

(**)

15

Técnico em Segurança do Trabalho

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

(*) Total de vagas incluindo-se a reserva de vagas para candidatos portadores de deficiência.

(**) Cadastro de reserva para os cargos que vagarem ou forem criados dentro do prazo de validade desta seleção.

3. QUADRO DE VAGAS:

3.1. MUNICÍPIOS: João Pessoa, Campina Grande, Guarabira, Patos, Sousa e Cajazeiras

3.2. Nível Superior

Código do cargo

CARGO

LOCAL

Vagas (*)

Cadastro de reserva

16

Médico

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

17

Médico do Trabalho

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

18

Fisioterapeuta

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
-
-
-
-
-

(**)

19

Odontólogo

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

20

Enfermeiro

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

21

Engenheiro

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
-
-
-
-
-

(**)

22

Engenheiro do Trabalho

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
-
-
-
-
-

(**)

23

Nutricionista

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

24

Assistente Social

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

25

Fonoaudiólogo

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
-
-
-
-
-

(**)

26

Administrador

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

27

Contador

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

28

Advogado

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

29

Economista

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

30

Turismólogo

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

31

Psicólogo

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

32

Bibliotecário

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

33

Jornalista

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

34

Tecnólogo em Gastronomia

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

35

Analista de Sistemas

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

36

Professor do SESC Ler

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
02
-
04

(**)

37

Professor Português

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
01
-
-
-

(**)

38

Professor de Matemática

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
01
-
-
-

(**)

39

Professor de Ciências Biológicas

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
01
-
-
-

(**)

40

Professor de Historia

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
02
-
-
-
-

(**)

41

Professor de Geografia

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
01
-
-
-
-

(**)

42

Professor de Inglês

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
-
-
-
-
-

(**)

43

Professor de Química

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
01
-
-
-

(* *)

44

Professor de Física

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
-
01
-
-
-

(**)

45

Professor de Filosofia

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

46

Professor de Sociologia

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
01
-
-
-
-

(**)

47

Professor de Educação Artística

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
01
-
-
-
-

(**)

48

Professor Polivalente

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

49

Instrutor Desenvolvimento Físico e Esportivo

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
-
-
-
-
-

(**)

50

Instrutor Desenvolvimento Artístico e Cultural

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

01
01
-
-
-
-

(**)

51

Instrutor Valorização Social

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

02
-
-
-
-
-

(**)

52

Técnico Adjunto

João Pessoa
Campina Grande
Guarabira
Patos
Sousa
Cajazeiras

-
-
-
-
-
-

(**)

(*) Total de vagas incluindo-se a reserva de vagas para candidatos portadores de deficiência.

(**) Cadastro de reserva para os cargos que vagarem ou forem criados dentro do prazo de validade desta seleção.

ANEXO IV - A

Modelo de formulário para a interposição de recurso

Código para uso do SESC: _____________

SOLICITAÇÃO: À Coordenação DA Seleção Pública.

Como candidato a vaga do cargo de: _______________________________________________ solicito revisão:

[ ] do gabarito oficial preliminar da Prova Objetiva de Conhecimentos, questão(ões) ________________.

Conforme especificações inclusas.

____________________, _____ de ___________________ de 20_____.

_________________________________
Assinatura do Candidato

Nome: ________________________________________________________, Número de inscrição: ___________________________________, Tipo de Prova: ________________________________________.

INSTRUÇÕES - O candidato deverá:

- Entregar um conjunto de recurso, sendo que deverá ter o recurso uma capa.

- Datilografar, digitar ou em letra de forma, com letra legível, o recurso e entregá-lo de acordo com as especificações estabelecidas neste Edital.

- Usar formulário de recurso individual para cada questão (Anexo IV-A).

- Identificar-se apenas nas capas de cada um dos conjuntos (Anexo IV-B) e rubricar todas as páginas.

- No caso de recurso contra o gabarito oficial preliminar, e este se referir a mais de uma questão, as questões sob contestação deverão ser agrupadas e colocadas uma capa de recurso para cada conjunto de questões de uma mesma disciplina.

- Apresentar argumentação lógica e consistente.

Atenção! O desrespeito a qualquer uma das instruções acima resultará no indeferimento do recurso.

Código para uso do SESC: _____________

Nome: ______________________________________________, Número de inscrição: ___________________________________, Cargo: ______________________________________________, Tipo de Prova: ________________________________________, Cidade e Unidade: _____________________________________; Data: _________________; Hora: _________________. Atendente: ______________________________________________________; Rubrica: _____________________.

ANEXO IV - B

Modelo de Formulário para a Interposição de Recurso

Código para uso do IFEP: _____________

RECURSO

CARGO:___________________________________________________________________________

TIPO DE PROVA:____________________________________________________________________

( ) Contra gabarito Oficial preliminar da prova escrita

( ) Outros

Número da questão:______________

Gabarito do IFEP-PB:____________

Resposta do Candidato:___________

JUSTIFICATIVA DO CANDIDATO ( Se necessário, use o verso)
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________

ANEXO V

CALENDÁRIO

O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO - SESC, Administração Regional no Estado da Paraíba, com sede na Rua Desembargador Souto Maior, n.º 291, 3º andar, Centro, João Pessoa/PB, através do Instituto Fecomércio da Paraíba - IFEP, site: www.ifep-pb.com.br - torna público o presente Edital, nos termos a seguir:

1 - OBJETIVO: SELECIONAR FUNCIONÁRIOS PARA O QUADRO PERMANENTE DE PESSOAL DO SESC/PB, através de provas escritas, objetivando o preenchimento dos cargos vagos, mediante a necessidade de pessoal e ou criados para o quadro permanente de pessoal de acordo com as necessidades do Regional, para os níveis: fundamental, médio e superior, seguindo a ordem de classificação, disponibilidade das vagas existentes nas áreas meio e fim de todas as Unidades Operacionais no Estado da Paraíba.

2 PERÍODO DAS INSCRIÇÕES:

a) Início: 10 de julho de 2009

b) Encerramento: 24 de julho de 2009

As inscrições poderão ser realizadas pelo site do IFEP: www.ifep-pb.com.br até às zero horas do dia 24 de julho de 2009 e pelos terminais de computadores disponibilizados pelas Unidades Operacionais do SESC , nos seguintes endereços e horário :

2.1- Unidade de João Pessoa/PB - Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Desembargador Souto Maior, 281 - Centro - João Pessoa/PB;

2.2 - Unidade de Campina Grande/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Giló Guedes, 650 - Centro - Campina Grande/PB;

2.3 - Unidade de Guarabira/PB Das 13h às 17h Endereço: Rua Cel. José Maurício da Costa, 290 - Guarabira/PB;

2.4 - Unidade de Patos/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Natália de Figueiredo, S/N - Morro - Patos/PB;

2.5 - Unidade de Sousa/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua João Vieira da Silva, S/N - Rachel Gadelha - Sousa/PB;

2.6- Unidade de Cajazeiras/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Vitória Bezerra,S/N - São Francisco - Cajazeiras/PB.

3 DIVULGAÇÃO DOS LOCAIS E HORÁRIOS DAS PROVA ESCRITA: Data: 31 de julho de 2009.

4 PROVA ESCRITA: Data: 09 de agosto de 2009 - DOMINGO.

5. DIVULGAÇÃO DO GABARITO: Data: 11 de agosto de 2009.

5 DIVULGAÇÃO DOS CANDIDATOS CLASSIFICADOS: Data: 28 de agosto de 2009.

6 PERÍODO PARA INTERPOSIÇÃO DE RECURSO: Data: de 31 de agosto de 2009 a 02 de setembro de 2009.

7. DIVULGAÇÃO DO CONCURSO: Data: 08 de setembro de 2009.

8. RESULTADO FINAL: Data: 11 de setembro de 2009.

João Pessoa, 26 de junho de 2009

José Marconi Medeiros de Souza

Vera Maria H. Vasconcelos Almeida

RESUMO DO EDITAL DE CONVOCAÇÃO PARA PROCESSO PÚBLICO DE SELEÇÃO DE PESSOAL

O SERVIÇO SOCIAL DO COMÉRCIO - SESC, Administração Regional no Estado da Paraíba, com sede na Rua Desembargador Souto Maior, n.º 291, 3º andar, Centro, João Pessoa/PB, através do Instituto Fecomércio de Pesquisas Econômicas e Sociais - IFEP, site: www.ifep-pb.com.br - torna público o presente Edital, nos termos a seguir:

1 - OBJETIVO: Selecionar funcionários para o quadro permanente de pessoal, bem como a formação de cadastro de reserva para as Unidades Operacionais do SESC em todo o Estado da Paraíba, através de provas objetivas para o preenchimento dos cargos vagos, mediante a necessidade de pessoal e ou criados para o quadro permanente de pessoal de acordo com as necessidades do Regional, para os níveis: fundamental, médio e superior, seguindo a ordem de classificação, disponibilidade das vagas existentes nas áreas meio e fim.

2 PERÍODO DAS INSCRIÇÕES:

a) Início: 10 de julho de 2009

b) Encerramento: 24 de julho de 2009

As inscrições poderão ser realizadas pelo site do IFEP: www.ifep-pb.com.br até às zero horas do dia 24 de julho de 2009 e pelos terminais de computadores disponibilizados pelas Unidades Operacionais do SESC, nos seguintes endereços e horários :

2.1- Unidade de João Pessoa/PB - Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Desembargador Souto Maior, 281 - Centro - João Pessoa/PB;

2.2 - Unidade de Campina Grande/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Giló Guedes, 650 - Centro - Campina Grande/PB;

2.3 - Unidade de Guarabira/PB Das 13h às 17h Endereço: Rua Cel. José Maurício da Costa, 290 - Guarabira/PB;

2.4 - Unidade de Patos/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Natália de Figueiredo, S/N - Morro - Patos/PB;

2.5 - Unidade de Sousa/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua João Vieira da Silva, S/N - Rachel Gadelha - Sousa/PB;

2.6- Unidade de Cajazeiras/PB Das 9 h às 11h 30 e das 14h 30 às 17h Endereço: Rua Vitória Bezerra,S/N - São Francisco - Cajazeiras/PB.

3 - NORMAS GERAIS SOBRE AS INSCRIÇÕES:

3.1 - As inscrições serão gratuitas.

3.2 - O candidato, no ato da inscrição, deverá informar documento de identidade e CPF;

3.3 - O candidato só poderá concorrer a um único cargo;

3.4 - O candidato só poderá se inscrever para uma das Instituições (SESC ou SENAC), sob pena de eliminação automática do candidato a todo o Processo Seletivo Público de Pessoal.

3.5 - A inscrição encerrar-se-á, improrrogavelmente, no dia fixado neste Edital.

3.6 - O não cumprimento total das exigências pelo candidato implicará o indeferimento da sua inscrição.

3.7 - O candidato que necessitar de condição especial para realização de prova deverá solicitá-la expressamente no ato da sua inscrição, com os devidos documentos comprobatórios da sua necessidade especial, devendo indicar a sua CID;

3.8 - Reserva-se o percentual de 5% (cinco por cento) das vagas oferecidas pelo SESC/PB a candidatos portadores de deficiência, como previsto na Resolução 0018/2008 do SESC/PB.

3.9 - Fica resguardado ao SESC/PB, no direito unilateral, de cancelar, suspender ou adiar o presente Processo Seletivo Público de Funcionário em qualquer tempo ou fase.

João Pessoa, 26 de junho de 2009

José Marconi Medeiros de Souza
Presidente do Conselho Regional do SESC/PB

Vera Maria H. Vasconcelos Almeida
Diretora Regional do SESC/PB

110245

Política de Privacidade 2000-2014 PCI Concursos Telefone (11) 2122-4231