Prefeitura de São Mateus - ES

PREFEITURA MUNICIPAL DE SÃO MATEUS

ESTADO DO ESPÍRITO SANTO

EDITAL Nº. 01/2007EDITAL DE ABERTURA DE INSCRIÇÃO DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

O Município de São Mateus, Estado do Espírito Santo, torna público que fará realizar Processo Seletivo Simplificado de Provas e Provas e Títulos, destinado a Contratação por Tempo Determinado, de acordo com as, Leis nº. 586/2007 de 04.01.2007 e 587/2007 de 04.01.2007.

O Processo Seletivo Simplificado será realizado sob a responsabilidade da empresa Fokus Pesquisa e Serviços Ltda.

1 – DOS CARGOS - OBJETO DO PROCESSO SELETIVO SIMPLIFICADO

1.1. O quadro abaixo apresenta informações sobre os cargos, carga horária, escolaridade, pré-requisitos, salários e vagas.

1.2. As disciplinas e programas para estudo encontram-se nos quadros anexos constante deste edital.

1.3. O Prazo de contratação é de no máximo 08 (oito) meses, contados a partir da data da contratação, que ocorrerá no decorrer do mês de março do corrente ano.

Código

Cargo

Carga Horário Semanal

Escolaridade Completa

Pré Requisito

Salário R$

Vagas

01

Auxiliar de Serviços Gerais I (Servente)

40 H

Saber ler e escrever.

Não há.

350,40*

395

02

Vigia

40 H

Saber ler e escrever.

Não há.

383,25

179

03

Mãe Social

40 H

Saber ler e escrever.

02 (dois) anos de experiência em Projetos Sociais.

350,40*

12

04

Agente Multiplicador

40 H

Ensino Médio Completo.

Ter disponibilidade para horário diferenciado.

350,40*

03

05

Oficineiro (instrutor de Arte)

40 H

Ensino Médio Completo.

Passivo para trabalhar com doente mental.

558,45

01

06

Técnico em Enfermagem

40 H

Curso Técnico de Nível Médio em Enfermagem

Registro no Conselho da Classe.

711,75

19

07

Técnico em Informática

40 H

Curso Técnico de Nível Médio em Informática.

Não há.

711,75

01

08

Técnico em Laboratório

40 H

Curso Técnico de Nível Médio em Laboratório.

Registro no Conselho da Classe.

711,75

01

09

Auxiliar de Enfermagem

40 H

Ensino Fundamental

Registro no Conselho da Classe.

494,94

04

10

Recepcionista

40 H

Ensino Médio.

Não há.

438,00

05

11

Médico (Clínico Geral)

20 H

Nível Superior.

Registro no Conselho da Classe.

12,78 por hora

08

12

Médico (Clínico Geral)

20 H

Nível Superior.

Registro no Conselho da Classe.

1.149,75 + produção de R$ 5,06 por atendimento que ultrapassar a produção mínima de 250.

13

13

Médico (Clínico Geral)

20 H

Nível Superior.

Registro no Conselho da Classe.

1.149,75 + produção de R$ 5,06 por atendimento que ultrapassar a produção mínima de 100.

05

14

Digitador de Micro Computador

40 H

Ensino Médio Completo.

Experiência comprovada em digitação.

494,94

07

15

Secretário Escolar

40 H

Ensino Médio Completo.

Experiência comprovada em digitação.

558,45

30

16

Monitor (Atuação em Projetos Sócios Educativos)

25 H

Ensino Médio Completo com habilitação para o Magistério.

Experiência em Projetos Sociais.

5,70 por hora.

16

17

Operador de Moto Niveladora

40 H

Ensino Fundamental.

Carteira Nacional de Habilitação Categoria “D”.

558,45

03

18

Artífice de Obras e Manutenção I (SAAE)

40 H

Ensino Fundamental.

Não há.

366,83

05

19

Encanador I (SAAE)

40 H

Ensino Fundamental.

Não há.

366,83

05

20

Assistente Administrativo I (SAAE).

40 H

Ensino Médio.

Não há.

531,08

02

* (*) – Equivalente a um salário mínimo nacional vigente no mês correspondente.

2 – DOS REQUISITOS PARA INVESTIDURA NOS CARGOS

2.1. O candidato aprovado no processo seletivo simplificado de que trata este edital será investido no cargo de emprego temporário, se atendidas as seguintes exigências:

a) ser brasileiro nato ou naturalizado, ou atender a legislação em vigor;

b) ter na data da posse 18 (dezoito) anos completos;

c) estar em dia com as obrigações militares e eleitorais;

d) possuir o grau de instrução e a habilitação exigida para o cargo no momento da prova de títulos e atender aos demais requisitos mínimos para o cargo a que concorre;

f) ter aptidão física mental para o exercício das atribuições do cargo, comprovada por perito médico oficial;

g) não haver sofrido, no exercício da atividade pública, penalidade por atos incompatíveis com o serviço público;

h) não ser aposentado por invalidez e nem estar com idade de aposentadoria compulsória, ou seja, 70 anos;

i) não receber proventos de aposentadoria oriunda de Cargo ou função exercidos perante a União, Estado, Distrito Federal, Município e suas Autarquias, Empresas ou Fundações, conforme preceitua o art. 37, § 10 da Constituição Federal, ressalvadas as acumulações do Inciso XVI do citado dispositivo constitucional, os cargos eletivos e os Cargos em Comissão;

j) ser aprovado no processo seletivo simplificado;

k) apresentar outros documentos que se fizerem necessários, à época da posse.

2.2. A falta de comprovação de qualquer de um dos requisitos especificados no subitem 2.1 e daqueles que vierem a ser estabelecido na letra “k”, impedirá a posse do candidato.

3 – DAS INSCRIÇÕES

3.1. As inscrições serão realizadas no período de 07 a 09/02 de 2007, no horário de 9:00 às 17:00 horas.

3.1.1. As inscrições serão realizadas no Ginásio de Esportes “Antônio Houri”, localizado na Rua Licínio Bastos, s/nº, Boa Vista – São Mateus - ES.

3.2. Antes de efetuar o recolhimento da taxa de inscrição, o candidato deverá certificar-se de que preenche todos os requisitos exigidos para participação do Processo Seletivo Simplificado.

3.3. O valor da taxa de inscrição será:

NÍVEL

VALOR R$

Saber Ler e Escrever e Ensino Fundamental

Ensino Médio

Nível Superior

15,00

20,00

40,00

3.4. O pagamento da taxa de inscrição deverá ser feito no seguinte Banco: Banestes – Agência 0135 – Conta Corrente Nº 9.249.921 – Prefeitura Municipal de São Mateus.

3.4.1. O pagamento do valor da inscrição só poderá ser efetuado em dinheiro ou ainda por meio de transferência eletrônica on-line.

3.4.2. Não será aceito depósito efetuado em caixa de auto-atendimento sujeito à conferência posterior.

3.5. Após pagamento da taxa de inscrição, o candidato deverá dirigir-se ao local indicado para a realização das inscrições onde receberá o formulário de inscrição, bem como a indicação do Programa de Estudo.

3.6. As inscrições serão requeridas por meio do Formulário referido no subitem 3.5, que deverá ser preenchido em letras de forma legível, não podendo haver emendas ou rasuras, nem omissões de dados nele solicitado.

3.7. O Preenchimento do formulário de forma incompleta ou incorreta, implica na eliminação do candidato ao Processo Seletivo Simplificado.

3.8. É vedada a inscrição condicional ou por correspondência, contudo, permitir-se-á a inscrição por procuração mediante a apresentação do respectivo mandato com a firma reconhecida, acompanhada do documento de identidade do procurador (fotocópia autenticada).

3.9. O candidato inscrito por procuração assume total responsabilidade pelas informações prestadas por seu procurador, arcando com as conseqüências de eventuais erros de seu representante no preenchimento do pedido de inscrição.

3.10. A inscrição do candidato implicará o conhecimento e a tácita aceitação das normas e condições estabelecidas neste edital, em relação às quais não poderá alegar desconhecimento.

3.11. Para a inscrição, o candidato e/ou o seu procurador, deverá apresentar:

a) formulário de inscrição corretamente preenchido e assinado;

b) comprovante original do recolhimento da taxa de inscrição;

c) procuração, quando a inscrição for feita por representante legal do candidato, acompanhada da fotocópia da carteira de identidade do procurador;

d) documento de identidade – (são considerados documentos de identidade: Carteiras e/ou Cédulas de Identidade expedidas pelas Secretarias de Segurança, pelas Forças Armadas, pela Policia Militar; Carteiras Profissionais expedidas por Órgãos ou Conselhos de Classe que, por força de Lei Federal, valem como documento de identidade; a Carteira de Trabalho emitida pelo Ministério do Trabalho e Emprego ou órgão equivalente, a Carteira Nacional de Habilitação (com fotografia na forma da Lei Nº. 9.503/97);

e) duas fotografias 3x4 iguais e recentes, que demonstre a aparência visual atual, inclusive a cor do cabelo, devidamente identificadas no verso com o nome completo do candidato;

f) declaração (incluída no formulário de inscrição), de que atende a todos os requisitos e condições exigidos neste edital. Sujeitando-se à sua comprovação quando solicitado, sob pena de ser eliminado do processo seletivo e nulidade de todos os atos deles decorrentes, sem prejuízo das sanções legais.

3.12. Não serão aceitos para efeito de inscrição por serem documentos destinados a outros fins: CPF, Protocolo, Certidão de Nascimento, Titulo Eleitoral e Identidade Funcional de Natureza Privada.

3.13. Após as providências descritas nos subitens 3.4 e 3.5, o candidato deverá dirigir-se ao endereço constante do subitem 3.1.1. no horário ali estabelecido, para entregar mediante recibo o respectivo formulário devidamente preenchido e assinado, apresentando ainda as demais exigências constantes do subitem 3.11.

3.14. O candidato que necessitar de qualquer tipo de atendimento diferenciado para a realização das provas deverá solicitá-lo, por escrito, no ato de inscrição, indicando claramente no formulário de inscrição quais os recursos especiais necessários (materiais, equipamentos, etc.).

3.14.1. A solicitação de recursos especiais será atendida obedecendo a critérios de viabilidade e de razoabilidade.

3.14.2. A não solicitação de recursos especiais no ato de inscrição implica a sua não concessão no dia de realização das provas.

3.15. A candidata que tiver necessidade de amamentar durante a realização das provas deverá levar acompanhante, que ficará em sala reservada para essa finalidade e que será responsável pela guarda da criança.

3.16. O deferimento da inscrição dependerá do correto preenchimento dos formulários de inscrição, bem como da apresentação dos documentos exigidos no ato da inscrição.

3.17. No ato da inscrição, o candidato e/ou seu representante legal, receberá um Protocolo comprobatório da mesma. O candidato ou seu representante deverá comparecer ao mesmo local onde ocorreram as inscrições, nos dias e horários abaixo indicados para receber seu CARTÃO DE INSCRIÇÃO, que juntamente com o documento de identidade com o qual se inscreveu, possibilitará o acesso ao local de realização das provas:

CARGO

DATA

HORÁRIO

Auxiliar de Serviços Gerais (Servente).

22/02/2007

9:00 as 17:00

Vigia

22/02/2007

9:00 as 17:00

Todos os demais cargos

23/02/2007

9:00 as 17:00

3.18. Em nenhuma hipótese será devolvida a taxa de inscrição.

3.19. A declaração falsa ou inexata, de dados constantes do Formulário de Inscrição bem como apresentação de documentos falsos ou graciosos determinará o cancelamento da inscrição e a anulação de todos os atos decorrentes.

3.20. Se for verificado o recebimento da inscrição que não atenda a todos os requisitos fixados, essa será cancelada.

3.21. Será permitida a inscrição para um único cargo.

4 – DAS VAGAS DESTINADAS A CANDIDATOS PORTADORES DE DEFICIÊNCIA.

4.1. Em cumprimento ao disposto no Art. 37, inciso VIII da Constituição da República Federativa do Brasil, ficam reservados 5% (cinco por cento) do total das vagas de cada cargo, destinadas ao candidato portador de deficiência física, compatível com a atividade escolhida.

4.2. Quando do preenchimento do Requerimento de Inscrição, o candidato portador de deficiência deverá indicar sua condição no campo apropriado a este fim.

4.3. Obrigatoriamente, deverá anexar, quando da entrega do Requerimento da Inscrição, o laudo médico atestando a espécie, o grau ou o nível de deficiência, emitido nos últimos 30 (trinta) dias, com expressa referência ao código correspondente da Classificação Internacional de Doenças (CID) vigente, bem como a provável causa da deficiência, de acordo com a Lei, que será visado por profissional médico da rede municipal de saúde.

4.4. Os candidatos portadores de deficiência física participarão do processo seletivo simplificado em igualdade de condições com os demais candidatos, no que se refere ao conteúdo, avaliação, duração, horário e local de aplicação da prova, sendo-lhes, porém, assegurado fácil acesso ao recinto onde ela se realizará.

4.5. A opção de concorrer às vagas destinadas a pessoas portadoras de deficiência é de inteira responsabilidade do candidato.

4.6. O candidato que não optar por essa condição no ato da inscrição, só poderá fazê-lo por meio de recurso dirigido a comissão do Processo Seletivo, até 05 (cinco) dias antes da realização das provas objetivas.

4.7. Não preenchida, a vaga reservada aos candidatos portadores de deficiência reverter-se-á para os demais candidatos classificados.

5 – DAS ETAPAS DO PROCESSO SELETIVO

5.1. O Processo Seletivo Simplificado será constituído pelas seguintes fases:

FASES

CARÁTER

1 – Prova Objetiva

Eliminatório

2 – Prova de Títulos

Classificatória

3 – Exame Médico Admissional

Eliminatório

6 – DAS PROVAS OBJETIVAS

6.1. As provas objetivas serão elaboradas em forma de testes, contendo 05 (cinco) alternativas e existindo apenas uma resposta correta a ser marcada em cada questão, sendo as mesmas de múltipla escolha, na forma estabelecida no Anexo I deste Edital.

6.1.1. A prova objetiva terá o total de 30 (trinta) questões, subdivididas em disciplinas e com os pesos discriminados na forma deste edital.

6.1.2. As provas objetivas serão realizadas no dia 25/02/2007.

6.1.3. O local e o horário de realização das provas serão informados aos candidatos no ato da entrega dos Cartões de Inscrição e divulgados por meio de edital de convocação em jornal de grande circulação regional.

6.2. A inviolabilidade das provas será comprovada no posto de execução, no momento do rompimento do lacre dos envelopes na presença dos candidatos.

6.3. Serão aprovados nas provas objetivas, os candidatos que obtiverem aproveitamento mínimo de 50% (cinqüenta por cento) dos pontos.

6.4. As provas objetivas terão duração de 03 (três) horas e serão realizadas exclusivamente nos locais previamente definidos não havendo sob qualquer pretexto, segunda chamada.

6.4.1. O não comparecimento do candidato às provas implicará em sua eliminação do Processo Seletivo Simplificado.

6.5. Não serão permitidas durante a realização das provas, comunicação entre os candidatos, consultas a livros, revista ou similar, a utilização de máquina calculadora ou aparelhos eletrônicos. Infrações ao estabelecido no presente Edital, eliminarão o candidato do Processo Seletivo Simplificado.

6.5.1. Não será permitido também, no dia de realização das provas a entrada de candidatos, portando armas e a utilização de aparelhos eletrônicos (bip, telefone celular, walkman, receptor, gravador, etc.).

6.6. O candidato deverá comparecer ao local de realização das provas, com antecedência mínima de 45 (quarenta e cinco minutos) do horário fixado para o fechamento dos portões de acesso aos locais das provas, munido do cartão de inscrição e do documento de identidade (original), com o qual se inscreveu para o Processo Seletivo, lápis, borracha, caneta esferográfica de tinta azul ou preta.

6.6.1. Em nenhuma hipótese, sob nenhum pretexto será permitido o acesso do candidato após o horário determinado para a realização das provas, que terá o portão de acesso fechado no horário marcado para o início da prova.

6.7. Ao terminar a prova o candidato entregará obrigatoriamente, ao fiscal de sala, o seu Cartão Resposta que é o único documento válido para a correção das provas.

6.8. Será considerado faltoso o candidato que deixar de assinar a lista de presença, não preencher ou não devolver o Cartão Resposta.

6.9. Somente serão permitidos assinalamentos, nos Cartões Respostas, feitas pelo próprio candidato, com caneta esferográfica azul ou preta, vedada qualquer colaboração ou participação de terceiros.

6.10. Em nenhuma hipótese haverá substituição do Cartão Resposta por erro do candidato.

6.11. Somente durante os 60 (sessenta) minutos que antecedem o término das provas, poderão os candidatos copiar seus assinalamentos feitos no Cartão Resposta.

6.12. Em hipótese alguma o candidato poderá prestar provas fora do local, data e do horário estabelecidos para a realização das provas.

6.13. O candidato somente poderá ausentar-se do recinto de provas, depois de decorrido 02 (duas) horas do inicio das mesmas, por motivo de segurança.

6.14. Não será permitido o ingresso ou permanência de pessoas estranhas ao processo seletivo no estabelecimento de aplicação das provas sob nenhuma hipótese.

6.15. No dia de realização das provas não serão fornecidos, por qualquer membro da equipe de aplicação das provas e/ou pelas autoridades presentes, informações referentes ao conteúdo das mesmas.

6.16. No decorrer da prova se o candidato observar qualquer anormalidade gráfica ou irregularidade na formulação de alguma questão, ou mesmo que não esteja ela prevista no programa, deverá manifestar-se junto ao Fiscal de Sala que anotará na ata para posterior análise da banca examinadora.

6.17. A prova objetiva será corrigida pelo Cartão Resposta por meio de Leitora Ótica de Cartões.

6.18. Não serão atribuídos pontos às questões com emendas, rasuras ou mais de uma resposta assinalada, no Cartão Resposta.

6.19. Serão de inteira responsabilidade do candidato os prejuízos advindos de marcações feitas incorretamente no cartão de resposta.

6.19.1 Serão consideradas marcações incorretas as que estiverem em desacordo com este edital e com o Cartão Resposta, tais como: dupla marcação, rasuras ou emendas e campo de marcação não preenchido integralmente.

6.20. O candidato eliminado na primeira fase do Processo Seletivo Simplificado não terá classificação alguma no referido Processo.

6.21. Serão submetidos à 2ª fase, respectivamente, os candidatos que obtiverem a média para aprovação na 1ª fase do processo seletivo.

6.22. Os resultados das provas de cada fase do Processo Seletivo serão afixados em local próprio da Prefeitura Municipal de São Mateus – ES e divulgados nos sites www.fokusserv.com.br e www.saomateus.es.gov.br. As listagens indicarão: CARGO, NÚMERO DE INSCRIÇÃO, NOME DO CANDIDATO e pontuação obtida individualmente.

6.23. O resultado final do processo seletivo simplificado além dos meios de comunicação citados no subitem anterior será divulgado também em jornal de grande circulação regional.

6.24. Será de inteira responsabilidade do candidato consultar as listagens dos resultados, ou acompanhar as publicações dos atos pertinentes ao processo seletivo nos órgãos de imprensa e nos sites indicados.

7- DA PROVA DE TÍTULOS

7.1 - A discriminação, o valor em pontos e as formas de comprovação dos títulos estão especificados no Quadro abaixo:

ÁREA

PONTOS

I – Experiência Profissional

30

1. Considera-se como Título, o Tempo de Serviço Prestado na Área Pública ou Privada, comprovado na Carteira Profissional ou Certidão Funcional correlata com o cargo ao qual se inscreveu para o processo seletivo simplificado.

2. Tratando-se de candidato “servidor público” a comprovação poderá ser substituída por declaração fornecida pelo órgão responsável de assentamento funcional, devendo esta, conter o reconhecimento de firma do declarante.

Experiência Profissional

Pontos

 I – Exercício Profissional prestado a órgãos públicos municipais (administração direta e indireta), mediante registro em carteira de trabalho ou declaração expedida pelo Órgão Competente. Sujeito à verificação da legalidade do documento entregue.

02 (dois) pontos por ano trabalhado.

II – Exercício Profissional prestado a administração pública Federal e ou Estadual mediante Certidão/Declaração bem como na iniciativa privada, mediante registro em Carteira de Trabalho, não sendo aceita declaração de instituição privada/particular. Sujeito à verificação da legalidade do documento entregue.

01 (um) ponto por ano trabalhado.

7.2. Na contagem geral dos títulos apresentados, não serão computados os pontos que ultrapassarem o limite máximo de pontos, nos termos do quadro constante do item 7.1 deste edital.

7.3. Não serão atribuídos pontos ao tempo de serviço concomitante.

7.4. Os títulos deverão ser entregues acondicionados em envelopes, contendo na parte externa o nome e o número de inscrição do candidato e o cargo para o qual está inscrito. A responsabilidade pela escolha dos documentos a serem apresentados na Prova de Avaliação de Títulos é exclusiva do candidato.

7.5. A quantidade de títulos apresentada será conferida na presença do candidato que assinará o respectivo termo de entrega.

7.6. Serão desconsiderados os títulos que não atenderem as exigências deste Edital.

7.7. A Prova de Títulos será realizada no mesmo local onde ocorreram as inscrições, nos dias e horários indicados no quadro abaixo:

CARGO

DATA

HORÁRIO

Auxiliar de Serviços Gerais (Servente).

08/03/2007

9:00 as 17:00

Vigia

08/03/2007

9:00 as 17:00

Todos os demais cargos

09/03/2007

9:00 as 17:00

8- DO EXAME MÉDICO ADMISSIONAL

8.1. Avaliará as condições somáticas e de higidez do candidato face às exigências das atividades do cargo pleiteado.

8.1.1. Somente serão avaliados os candidatos classificados dentro do número de vagas existentes – demonstradas no quadro I deste Edital.

8.1.2. Os exames laboratoriais que por ventura forem solicitados correrão por conta do candidato.

8.1.3. A data para entrega do exame médico será divulgada juntamente com o resultado final.

8.1.4. Os exames médicos realizados pelos candidatos serão submetidos à avaliação do Médico Perito do Município.

9- DOS RECURSOS

9.1. Será admitido recurso quanto:

a) à aplicação das provas;

b) às questões das provas e gabaritos preliminares;

c) ao resultado das provas.

9.2. O prazo para interposição de recurso será de 01 (um) dia útil após a concretização do evento que lhes disser respeito (aplicação das provas, divulgação dos gabaritos preliminares e divulgação do resultado das provas), tendo como termo inicial e final o 1º dia útil subseqüente à data do evento a ser recorrido.

9.3. Somente serão considerados os recursos interpostos no prazo estipulado para a fase a que se referem.

9.4. Admitir-se-á um único recurso por candidato, para cada evento referido no item 9.1, devidamente fundamentado, sendo desconsiderado recurso de igual teor.

9.5. Os recursos deverão ser protocolados na Prefeitura Municipal de São Mateus - ES e dirigidos a Fokus Pesquisa e Serviços Ltda.

9.6. Não serão aceitos os recursos interpostos em prazo destinado a evento diverso do questionado.

9.7. Os recursos deverão ser efetuados por meio de formulário próprio, o qual se encontrará à disposição dos interessados no Protocolo da Prefeitura Municipal de São Mateus - ES.

9.8. Os recursos interpostos por fac-símile (fax), ficarão com a resposta condicionada ao envio do documento original para o Endereço da empresa Fokus Pesquisa e Serviços Ltda.

9.9. A Banca examinadora constitui última instância para recurso, sendo soberana em suas decisões, razão pela qual não caberão recursos adicionais.

9.10. Os recursos interpostos em desacordo com as especificações contidas neste Capítulo não serão analisados.

9.11. Se do exame do recurso resultar anulação de questão, os pontos a ela correspondentes serão atribuídos a todos os candidatos que efetivamente prestaram prova independentemente da formulação do recurso.

9.12. Se por força de decisão favorável a impugnações, houver modificação do gabarito divulgado antes dos recursos, as provas serão corrigidas de acordo com o gabarito definitivo, não se admitindo recurso dessa modificação decorrente das impugnações.

9.13. Na ocorrência do disposto no item 9.12, poderá haver, eventualmente, alteração da classificação inicial obtida para uma classificação superior ou inferior, ou ainda, poderá ocorrer à desclassificação do candidato que não obtiver a nota mínima exigida para a prova.

10 – DO RESULTADO FINAL

10.1. A nota final do candidato, para classificação, corresponde à soma das notas obtidas na Prova Objetiva e de Títulos.

10.2. Concluído o Processo Seletivo Simplificado, será afixada a Classificação Final no quadro de avisos da Prefeitura Municipal de São Mateus - ES e divulgada nos demais meios de comunicação estabelecidos neste edital.

10.3. As listagens de classificação dos candidatos aprovados serão elaboradas por ordem decrescente da nota obtida pelo candidato.

10.4. Havendo empate na classificação final dos candidatos aprovados para o mesmo cargo a preferência será do candidato, que conforme o caso e sucessivamente:

I - obtiver maior número de pontos na Prova Objetiva;

II – obtiver maior número de pontos na Prova de Títulos;

III – que tiver maior idade.

11 – DAS DISPOSIÇÕES GERAIS

11.1. A inscrição no Processo Seletivo Simplificado vale, para todo e qualquer efeito, como forma expressa de aceitação, por parte do candidato, de todas as condições, normas e exigências constantes deste edital, dos quais, não poderá ser alegado desconhecimento, bem como de todos os atos em que forem expedidos sobre o Processo Seletivo Simplificado.

11.2. O resultado final do Processo Seletivo Simplificado será homologado pela autoridade competente na forma legal prevista.

11.3. O prazo de validade deste Processo Seletivo é de até 08 (oito) meses.

11.4. A aprovação no Processo Seletivo Simplificado não cria direito à contratação, mas esta quando se der, respeitará a ordem de classificação do candidato.

11.5. Os candidatos aprovados serão lotados e terão exercício nas Secretarias e Autarquia da Prefeitura Municipal de São Mateus - ES.

11.6. A nomeação dos candidatos aprovados e classificados será feita com a real necessidade da administração e da disponibilidade orçamentária e obedecerá à rigorosa ordem de classificação.

11.7. A contratação estará condicionada à apresentação da documentação comprobatória dos requisitos para investidura e ao atendimento das demais condições constitucionais, legais, regulamentares e deste edital.

11.8. A falta de comprovação de requisito para a contratação acarretará a eliminação do candidato no Processo Seletivo Simplificado e a anulação de todos os atos a ele referentes, praticados pela Prefeitura Municipal, ainda que já tenha sido homologado o resultado final, sem prejuízo da sanção legal cabível.

11.9. Não serão fornecidos atestados, cópias de documentos, certificados ou certidões relativos à nota dos candidatos reprovados.

11.10. Não serão fornecidos atestados, certificados ou certidões relativos à classificação ou notas de candidatos, valendo para tal fim os resultados publicados no quadro de avisos da Prefeitura Municipal de São Mateus - ES e nos demais meios de comunicação já citados neste Edital.

11.11. Será excluído do Processo Seletivo Simplificado, por ato da autoridade competente, o candidato que:

a) fizer, em qualquer documento, declaração falsa ou inexata;

b) agir com incorreção ou descortesia, para qualquer membro da equipe encarregada da aplicação das provas;

c) for surpreendido, utilizando-se de um ou mais meios previstos no subitem 6.5 e 6.5.1 do edital;

d) for responsável pela falsa identificação funcional;

e) utilizar ou tentar utilizar meios fraudulentos para obter aprovação no processo seletivo;

f) não atender determinações regulamentares da Prefeitura Municipal de São Mateus – ES.

São Mateus – ES, 02 de fevereiro de 2007.

LAURIANO MARCO ZANCANELA
Prefeito Municipal

REALIZAÇÃO:

FOKUS PESQUISA E SERVIÇOS LTDA.

Fone: (27) 3371-1303

www.fokusserv.com.br

fokuservicos@uol.com.br

ANEXO I

QUADRO DE PROVAS

CARGO

PROVA

DISCIPLINA

N. QUEST.

PESO

Auxiliar de Serviços Gerais I (Servente)

Objetiva

Conhecimentos Gerais

30

2

Vigia

Objetiva

Conhecimentos Gerais

30

2

Mãe Social

Objetiva

Conhecimentos Gerais

30

2

Agente Multiplicador

Objetiva

Português

Matemática

15

15

2

Oficineiro (instrutor de Arte)

Objetiva

Português

Matemática

15

15

2

 

Técnico em Enfermagem

Objetiva

Conhecimento Específico

30

2

Técnico em Informática

Objetiva

Conhecimento Específico

30

2

Técnico em Laboratório

Objetiva

Conhecimento Específico

30

2

Auxiliar de Enfermagem

Objetiva

Conhecimento Específico

30

2

Recepcionista

Objetiva

Português

15

 

2

Matemática

15

Médico (Clínico Geral)

Objetiva

Conhecimento Específico

30

2

Digitador de Micro Computador

Objetiva

Conhecimento Específico

30

2

Secretário Escolar

Objetiva

Português

Matemática

15

15

2

Monitor

Objetiva

Português

Matemática

15

15

2

Operador de Motoniveladora

Objetiva

Português

Conhecimento Específico

10

20

2

Artífice de Obras e Manutenção I (SAAE)

Objetiva

Português

Matemática

Conhecimento Específico

05

05

20

2

Encanador I (SAAE)

Objetiva

Português

Matemática

Conhecimento Específico

05

05

20

2

Assistente Administrativo I (SAAE)

Objetiva

Português

Matemática

Conhecimento Específico

05

05

20

2

ANEXO II

ATRIBUIÇÕES DOS CARGOS

Auxiliar de Serviços Gerais I: Exerce atividades de limpeza, conservação de bens materiais, preparo de lanches e outros serviços auxiliares para atender necessidades administrativas; Executa outras atribuições compatíveis com a natureza do cargo.

Vigia: Vigiam dependências e áreas públicas com a finalidade de prevenir, controlar e combater delitos; zelam pela segurança das pessoas, do patrimônio e pelo cumprimento das leis e regulamentos; recepcionam e controlam a movimentação de pessoas em áreas de acesso livre e restrito e prestam informações ao público e aos órgãos competentes.

Mãe Social: Cuidam de bebês, crianças, jovens, adultos e idosos, a partir de objetivos estabelecidos por instituições especializadas ou responsáveis diretos, zelando pelo bem-estar, saúde, alimentação, higiene pessoal, educação, cultura, recreação e lazer da pessoa assistida.

Agente Multiplicador: Atuam em comunidade, em locais privados, vias públicas e em outros campos, orientando a população com maior vulnerabilidade para a infecção das DST/AIDS (profissionais do sexo, usuários de droga, detentos e outros); divulgam orientações de prevenção diversas; Propagandeiam os serviços prestados e realizam ações educativas na área da saúde.

Oficineiro (Instrutor de Arte): Ministram aulas e ensinam práticas profissionais em entidades de ensino profissionalizante; esclarecem dúvidas de alunos; pesquisam e estudam produtos, técnicas de produção e técnicas artesanais e artísticas para preparação de aulas e desenvolvimento de cursos orientados para a comunidade. Acolhem e orientam alunos sobre postura profissional, ética, cidadania e meio ambiente. Avaliam o desempenho dos alunos. Organizam o ambiente de trabalho e executam atividades administrativas.

Técnico de Enfermagem: Executar ações assistenciais de enfermagem, sob supervisão do Enfermeiro, observando e registrando sinais e sintomas apresentados pelo doente, fazendo curativos, ministrando medicamentos e outros. participar da elaboração do plano de assistência de enfermagem, contribuindo com sugestões, dados e informações,atuar na supervisão de pessoal auxiliar de atividades de enfermagem, transmitindo informações, restando assistências técnica e acompanhando a execução das tarefas, colaborar no desenvolvimento de programas educativos, atuando no ensino de pessoal auxiliar de atividades de enfermagem e na educação de grupos da comunidade, coletar dados e informações junto a pacientes e seus familiares, realizando visitas e entrevistas, para subsidiar a elaboração do plano de assistência de enfermagem, auxiliar o Médico Legista em perícias médico-legais, colhendo material biológico, para pesquisa, toxicológica e outras, ficando responsável pelos exames dos materiais colhidos, bem como por sua guarda, prestar assistência médica, sob supervisão, em dispensários, hospitais, laboratórios e consultórios, executando atividades de apoio, auxiliar nos exames admissionais, periódicos e demissionais, fazer controle de perícias através de arquivamento, verificar as condições de higiene das instalações em conjunto com o Técnico de Segurança do Trabalho. Executar outras tarefas correlatas.

Técnico em Informática: Consertam e instalam equipamentos de informática, fazem manutenções corretivas, preventivas e preditivas, sugerem mudanças no processo de produção. Treinam, orientam e avaliam o desempenho de operadores.

Auxiliar de Enfermagem: Desempenhar serviços auxiliares de Enfermagem, prestando assistência a pacientes. Efetuar a coleta de material para exames de laboratório e a instrumentação em intervenções cirúrgicas. Ministrar medicamentos e tratamentos aos pacientes internos para atender a prescrições médicas. Administrar produtos quimioterápicos. Organizar ambiente de trabalho. Realizar registros e elaborar relatórios. Conferir e observar o funcionamento de equipamentos afetos á sua área. Auxiliar na organização da rotina de serviços e procedimentos. Trabalhar com biossegurança e segurança. Preparar ambientes e pacientes para consultas, exames e tratamentos. Preparar, armazenar, distribuir e esterilizar materiais, instrumentos e equipamentos, segundo orientação, para realização de exames e tratamentos. Orientar adolescentes, prestando informações relativas à higiene, alimentação, utilização de medicamentos e cuidados específicos no tratamento e promoção de saúde. Realizar registros e elaborar relatórios das atividades do setor. Acompanhar adolescentes em unidades ambulatoriais, hospitalares e laboratórios.

Recepcionista: Atende e presta informações pessoalmente ou por telefone ao público em geral e aos servidores orientando-os em suas solicitações; Executa outras atribuições compatíveis com a natureza do cargo.

Médico Clínico Geral: Realizam consultas e atendimentos médicos; tratam pacientes; implementam ações para promoção da saúde; coordenam programas e serviços em saúde, difundem o conhecimentos da área médica.

Digitador de Micro Computador: Organizam a rotina de serviços e realizam entrada e transmissão de dados, operando teleimpressoras e microcomputadores; registram e transcrevem informações, operando máquinas de escrever; atendem necessidades do cliente interno e externo. Executam atividades administrativas.

Secretário Escolar: Orientam alunos sobre regras e procedimentos, regimento escolar; Prestam apoio às atividades acadêmicas.

Monitor: Ministram aulas e ensinam práticas profissionais; esclarecem dúvidas de alunos; pesquisam e estudam produtos, técnicas de produção e técnicas artesanais e artísticas para preparação de aulas e desenvolvimento de cursos orientados para a comunidade. Acolhem e orientam alunos sobre postura profissional, ética, cidadania e meio ambiente. Avaliam o desempenho dos alunos. Organizam o ambiente de trabalho e executam atividades administrativas.

Operador de Motoniveladora: Planejam o trabalho, realizam manutenção básica de máquinas pesadas e as operam. Removem solo e material orgânico "bota-fora", drenam solos e executam construção de aterros. Realizam acabamento em pavimentos e cravam estacas.

Artífice de Obras e Manutenção I (SAAE): Realizam manutenção geral em vias, manejam áreas verdes, tapam buracos, limpam vias permanentes e conservam bueiros e galerias de águas pluviais. Recompõem aterros e recuperam obras de arte. Controlam atividades de conservação e trabalham seguindo normas de segurança, higiene, qualidade e proteção ao meio ambiente.

Encanador I (SAAE): Operacionalizam projetos de instalações de tubulações, definem traçados e dimensionam tubulações; especificam, quantificam e inspecionam materiais; preparam locais para instalações, realizam pré-montagem e instalam tubulações. Realizam testes operacionais de pressão de fluidos e testes de estanqueidade. Protegem instalações e fazem manutenções em equipamentos e acessórios.

Assistente Administrativo I (SAAE): Executam serviços de apoio nas áreas de recursos humanos, administração, finanças e logística; atendem fornecedores e clientes, fornecendo e recebendo informações sobre produtos e serviços; tratam de documentos variados, cumprindo todo o procedimento necessário referente aos mesmos; preparam relatórios e planilhas; executam serviços gerais de escritórios.

ANEXO III

PROGRAMAS PARA ESTUDO

SABER LER E ESCREVER

CONHECIMENTOS GERAIS

CARGOS: Auxiliar de Serviços Gerais (Servente), Vigia e Mãe Social.

PROGRAMA: Sistema Monetário; Regiões brasileiras (divisões regionais); Grandezas e Medidas; Cidadania e participação; Saúde – prevenção e descobertas; Nutrição alimentar; Direitos e deveres do cidadão; Política; Seres vivos e qualidade do ambiente; Planeta Terra; Trânsito/Transporte; Cultura geral; Tipos de energia e ondas e Meios de comunicação.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: Viver, aprender. Educação de jovens e adultos. São Paulo: Ação, 2000. MEC / INEP. Ciências da Natureza e suas Tecnologias. 2. ed. 2006. QUEIROZ, Dias Tânia. In. ALFABETIZAÇÃO DE JOVENS E ADULTOS. Didática Paulista. Coleção Pitágoras. Belo Horizonte: ed. Universidade, 2002. Revistas: Veja, Super Interessante, Jornal A Gazeta, Nova Escola. BRAGA, Villanacci Márcia, LEICK, Penha Elaine. Pedagogia de projetos interdisciplinares. 1ª ed. Rideel. São Paulo: 2001. QUEIROZ Dias, Tânia, et al. Temas Transversais e Conteúdos Normais. São Paulo: Didática Paulista, 2000. ROCHA, Tânia. Jogos Matemáticos. Brasil 1992. ASSIS, Moacir. Ciências Naturais Numa Visão Sociointeracionista. 1 ed.IBEP: 2005. NORONHA, Eduarda Maria. SOARES, Luíza Maria. Construindo e Aprendendo Ciências. Construir. 2004: São Paulo

ENSINO FUNDAMENTAL COMPLETO

CARGOS: Operador de Motoniveladora, Artífice de Obras e Manutenção I (SAAE) e Encanador I (SAAE).

I – PORTUGUÊS

PROGRAMA: Interpretação de texto; frase, pontuação e acentuação; sinônimos e antônimos; Ordem alfabética; Ortografia das palavras; Classificação quanto ao número de silabas; Encontros vocálicos e consonantais, dígrafo; Substantivo: gênero, número e grau; Emprego dos pronomes pessoais; Verbo; Advérbio; Adjetivo; Sujeito e predicado;

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: BECHARA, Evanildo. Moderna gramática portuguesa. 28. ed. São Paulo: Nacional, 1983. CEREJA, William Roberto; COCHAR MAGALHÃES, Tereza. Gramática reflexiva. São Paulo: Atual, 1999.

II – MATEMÁTICA

PROGRAMA: Geometria: Simetria e formas geométricas, reconhecimento de figuras não-planas, figuras planas, polígonos, polígonos regulares, poliedros, sólidos, paralelismo e perpendicularismo, ângulos, segmentos de reta, noções de perímetro e área. Sistema de numeração decimal: números, conceito e representação, seriação numérica, relação de ordem, números pares, impares e primos, adição, subtração, multiplicação, divisão, múltiplos e divisores, MDC e MMC, expressões numéricas. Números racionais: frações; comparação, equivalência, números mistos, frações decimais, operações, noções de porcentagem. Sistema métrico decimal: Medidas de tempo, comprimento, massa e capacidade.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: GIOVANNI, José Ruy, CASTRUCCI, Benedito, GIOVANNI JR., José Ruy. A conquista da Matemática: Teoria e Aplicação – 5ª a 8ª Série S.P.: FTD - 1992 ; BONGIOVANNI, Vincenzo; VISSOTO LEITE, Olímpio Rudinin; LAUREANO, José Luiz Tavares: Matemática Vida – S.P.: Ática – 1996.

III – CONHECIMENTO ESPECÍFICO

OPERADOR DE MOTONIVELADORA:

PROGRAMA: legislação de trânsito; normas gerais de circulação e conduta; sinalização de trânsito; direção defensiva; primeiros socorros; meio ambiente e cidadania; noções de mecânica.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: Código de Trânsito Brasileiro – Lei nº 9.503/97 de 23 de setembro de 1.997.

ARTÍFICE DE OBRA E MANUTENCÃO I (SAAE):

PROGRAMA: Conservação e limpeza de áreas verdes, praças, ruas, terrenos baldios e outros logradouros públicos. Conservação e manutenção em vias municipais. Recomposição de aterros. Recuperação de obras de arte. Noções de conservação de equipamentos, ferramentas, utensílios e materiais de limpeza. Noções de conservação, limpeza e reparação de vias permanentes, bueiros, redes de água e esgoto e galerias de águas pluviais. Noções de segurança e higiene do trabalho e de proteção ao meio ambiente. Equipamentos de segurança: equipamentos de proteção individual e coletiva, cuidados e precauções com ferramentas manuais e elétricas. Produtos de higiene e limpeza: usos, indicações, dosagens e formas de utilização.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: Catálogos de ferramentas manuais e elétricas; Catálogos de fabricantes de materiais de construção, ferramentas e manuais de jardinagem; Catálogos de equipamentos de segurança; Catálogos de fabricantes de material de higiene e limpeza.

ENCANADOR I (SAAE):

PROGRAMA: Instalação predial de água fria: Componentes de uma instalação predial de água fria. Noções de: Tubulação de alta pressão, Tubulação de baixa pressão, Diâmetro das canalizações, Vazões, Pressões, Perda de carga nas tubulações, Altura de colocação dos pontos de água, Soldagem de tubulação plástica, Soldagem em tubulação metálica. Instalação predial de esgotos e ventilação: componentes de uma instalação predial de esgotos e ventilação. Noções de: Diâmetro das canalizações; locais de lançamento dos esgotos, caixas de inspeção, de gordura; montagem das tubulações, instalação de louças sanitárias, instalação de chuveiros, instalação de tubulação de alta e baixa pressão, instalação de caixas d’água, instalação de válvulas de pressão, instalação de registros, instalação de bombas hidráulicas, Manutenção de equipamentos e instalações hidráulicas: limpeza e reparação de redes de água e redes de esgoto, limpeza e reparação em bombas hidráulicas, limpeza e reparação registros e componentes hidráulicos. Tipos de poços e bombas d’água. Noções de Segurança e Higiene do Trabalho.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: Catálogos / Manuais de fabricantes de equipamentos hidráulico-sanitários (Akros, Deca, Docol, Gedore, Tigre, etc)

PROGRAMAS PARA ESTUDO

ENSINO MÉDIO COMPLETO

CARGOS: Agente Multiplicador, Oficineiro (instrutor de Arte), Recepcionista, Secretário Escolar, Monitor e Assistente Administrativo I (SAAE).

I – PORTUGUÊS

PROGRAMA: Estudo do vocabulário a partir do texto; Sinônimos, antônimos, homônimos e parônimos; Denotação e conotação; Encontro consonantal, encontro vocálico e dígrafo; Emprego de certas formas que suscitam no cotidiano, isto é, problemas gerais da língua culta; Regras de acentuação gráfica; Processos de formação de palavras: derivação e composição; Classes gramaticais; Vozes verbais; Termos essenciais; integrantes e acessórios da oração; Período composto por subordinação e coordenação; O uso indicativo da crase; Figuras de linguagem: pleonasmo, antítese, ironia, eufemismo, hipérbole, metáfora, metonímia, catacrese e prosopopéia; colocação pronominal; Concordância Verbal e Nominal; Regência Verbal e Nominal.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: FIORIN, Jose Luiz; SAVIOLI, Francisco Platão. Para entender o texto: leitura e redação. 11. ed. São Paulo: Ática, 1995; BECHARA, Evanildo. Moderna gramática portuguesa. 28. ed. São Paulo: Nacional, 1983. CEREJA, William Roberto; COCHAR MAGALHÃES, Tereza. Gramática reflexiva. São Paulo: Atual, 1999. SARMENTO, Leila Lauar. Gramática em textos. 2. ed. São Paulo: Moderna, 2005.

II – MATEMÁTICA

PROGRAMA: 1- Razões e Proporções: Grandezas proporcionais, regra de três simples e composta, porcentagem. 2- Equações, Inequações e Sistemas: Equação do primeiro grau, sistemas de equações do primeiro grau, equação do segundo grau, sistemas de equações do segundo grau. 3- Conjuntos: Problemas envolvendo operações com conjuntos, conjuntos numéricos, conjuntos: Intervalos. 4- Relações e Funções: Sistema cartesiano ortogonal, funções: notação e valor numérico, domínio, imagem e contradomínio de uma fração, gráfico de uma função, reconhecimento de uma função através de um gráfico, função crescente e função decrescente, função constante e função polinomial do primeiro grau, função polinomial do segundo grau, função exponencial. 5- Logaritmos: Definição, propriedades. 6- Trigonometria: Relações métricas no triangulo retângulo, razões trigonométricas no triangulo retângulo, arcos e ângulos, funções trigonométricas: seno, coseno e tangente. 7- Seqüências: Progressão aritmética, progressão geométrica. 8- Analise Combinatória e Probabilidades: Fatorial e principio fundamental da contagem, análise combinatória, números binomiais Triangulo de Pascal, binômio de Newlton, probabilidades: Espaço amostral-definição-problemas simples. 9- Matrizes: Tipos de matrizes, igualdade e operações, multiplicação de matrizes. 10- Estatística: gráficos de barras e gráfico de setores. 11- Geometria: Ângulos, perímetros e áreas de figuras planas, polígonos regulares, geometria espacial de posição, posições relativas de duas retas e determinação de um plano, posições de reta e plano, poliedros, prismas, cubo, paralelepípedo, cilindro.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: YOUSSEF, Antônio Nicolau; FERNANDES, Vicente Paz: Matemática – Conceitos e Fundamentos. S.P. – Editora Scipione – 1993; GIOVANNI, José Ruy, BONJORNO, José Roberto, GIOVANNI JR., José Ruy: Matemática Fundamental – 2º Grau Volume Único – S.P. FTD - 1994; TIZZIOTTI, José Guilherme; DAMIAN, Schor: Matemática 2º Grau – Volume 2 – S.P. Ática – 1976/1980.

III – CONHECIMENTO ESPECÍFICO

CARGOS: Técnico em Enfermagem, Técnico em Informática, Técnico em Laboratório, Auxiliar de Enfermagem, Digitador de Micro Computador e Assistente Administrativo I (SAAE).

TÉCNICO EM ENFERMAGEM:

PROGRAMA: Lei Orgânica da Saúde (8080 e 8142), Políticas de Saúde no Brasil, O Sistema Único de Saúde Princípios, Diretrizes e organização do Sistema. Vigilância epidemiológica e sanitária, Programa Nacional de Imunização (PNI), Infecção Hospitalar, Programa de Saúde da Família e Programa de Agente Comunitário de Saúde. Ética e Legislação de Enfermagem. Processo de Trabalho em Saúde/Enfermagem, Fundamentos de enfermagem, Administração de medicamentos. Atividades básicas de Enfermagem a pacientes com doenças crônicas e transmissíveis, Doenças Sexualmente Transmissíveis e AIDS, Prestação de cuidados no pré-natal, parto, parto e no puerpério, planejamento familiar, climatério, prevenção do câncer de colo de útero e de mama, Atuação de técnico de enfermagem em: urgências e emergências, pediatria, centro cirúrgico, clinica médica e cirúrgica, terapia intensiva, saúde mental.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: BRASIL. Fundação Nacional de Saúde. Guia de Vigilância epidemiológica. 5 ed Brasília : FUNASA, 2002; BRASIL. Lei 8080/90. Lei nº 8142/90. Brasília: Diário Oficial da União, 1990; BRASIL. Ministério da Saúde. A implantação da unidade saúde da família. Caderno de atenção básica nº 1. Programa Saúde da Família. Brasília: Ministério da Saúde, 2002; BRASIL. Ministério da Saúde. Departamento de atenção básica. Área técnica de Diabetes e Hipertensão arterial. Hipertensão arterial sistêmica (HAS) e Diabetes mellitus (DM): protocolo. Brasília: Ministério da Saúde. 2001. 96 p. (Cadernos de atenção básica, 7); BRASIL. Ministério da Saúde. Falando sobre câncer do colo do útero. Rio de Janeiro: MS/INCA, 2002. 59 p; BRASIL. Ministério da Saúde. Manual de procedimentos para vacinação. 4 ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2001; BRASIL. Ministério da Saúde. Pré-natal e puerpério, atenção qualificada e humanizada. 1 ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2005. 158 p; Lima, Idelmira Lopes; et all. Manual do técnico e auxiliar de enfermagem. 6 ed. Goiânia: AB, 2000. 584 p; Santos, Eliane Franco; et all. Legislação em enfermagem, atos normativos do exercício e do ensino de enfermagem. São Paulo: Editora Atheneu, 2002; Santos, Nívea Cristina Moreira. Assistência de enfermagem materno-infantil. São Paulo: Iátria, 2004; Souza, Ana Lúcia Tales de Moura; Florio, Arelete; Kawamoto, Emilia Emi. O neonato, a criança e o adolescente. São Paulo: EPU, 2001; Stuart, Gal Wiscarz; Laraia, Michele Teresa. Enfermagem psiquiátrica. 4 ed. Rio de Janeiro: Reichmann & Affonso Ed., 2002.

TÉCNICO EM INFORMÁTICA:

PROGRAMA:

ORGANIZAÇÃO DE COMPUTADORES: Introdução. Conceitos básicos: Processamento de dados, Sistemas de computação, Organização de computadores: memórias, CPU, entrada e saída. Organização de memória. Modos de endereçamento, Conjunto de instruções. Mecanismo de interrupção. Barramentos, comunicações, interfaces e periféricos.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: TORRES, G. Hardware, Curso Completo. Axcel Books, 2001.

SISTEMA OPERACIONAI: Acesso ao sistema Windows, Procedimento de desligamento e reinicialização, estrutura de pastas, manipulação de arquivos e pastas, partições e sistemas de arquivos, compartilhamento de recursos, permissões e propriedades, utilitários na linha de comandos, documentação, instalação de aplicativos e instalação do sistema operacional Windows.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: BATTISTI, G. Windows XP: Home e Professional para usuários e Administradores. Axcel Books.

ESTRUTURA DA INFORMAÇÃO: Conhecimentos básicos do Sistema Operacional Windows 98, 2000 e XP; Utilização dos Aplicativos: Word, Excel, Power Point.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS:GREG M. PERRY. Aprenda em 24 Horas Microsoft Office XP. Editora Campus; BATTISTI, G. Windows XP: Home e Professional para usuários e Administradores. Axcel Books.

TÉCNICO EM LABORATÓRIO:

PROGRAMA: 1- Coleta de sangue venoso e capilar: técnica e causas de erro. Anti-coagulantes usados em laboratórios clínicos. Diferenciação de sangue total, soro e plasma. Noções de transporte de material colhido. 2- Importância e parâmetros dos testes sorológicos. 3- Princípios dos testes sorológicos: ELISA, testes de hemaglutinação indireta, imunofluorescência indireta, floculação (VDRL). 4- Contagens globais de hemácias, leucócitos e plaquetas, dosagem de hemoglobina, determinação de hematócrito e índices hematimétricos. 5- Preparação de corantes e coloração de esfregaços sanguíneos. 6- Provas de coagulação: tempo de protrombina, tempo de tromboplatina parcial ativado, tempo de trombina. 7- Hemoglobinopatias: testes de triagem para detecção de hemoglobina S, eletroforese de hemoglobinas. 8- Classificação sangüínea ABO e RH: teste de Coombs (teste de anti-globulina), pesquisa de anticorpos irregulares. 9- Prova cruzada: técnica e interpretação. 10- Hemocomponentes.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: OLIVEIRA, João Batista Alves, Exames Laboratoriais para o clinico, 1ª edição. Editora Guanabara Koogan,2003; SACHER, R. A e Mcpherson, Interpretação clínica dos exames laboratoriais, editora Manole, 2001; WALLACH, Jaques, Interpretação de Exames Laboratoriais, 7ª edição. Editora Guanabara Koogan, 2003; HENRY, John Bernard. Diagnósticos clínicos & tratamento: por métodos laboratoriais. 18. ed. São Paulo: Manole, 1998; BERNARD, Jean, LÉVY, Jean-Paul, CLAUVEL, Jean-Pierre, RAIN, Jean-Didier, VARET, Bruno. Manual de hematologia. 3. ed. Rio de Janeiro: Masson do Brasil, 1979; FAILACE, Renato. Hemograma: manual de Interpretação. 3. ed. Porto Alegre: Artes Médicas, 1995; NEVES, D. P. Parasitologia humana. 10. ed. São Paulo: Atheneu, 2000; PESSOA, S. B. Parasitologia médica, 10. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1984; JAWETZ, Ernest et al. Microbiologia médica. 20. ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 1991; TRABULSI, L. R. et al. Microbiologia. 3. ed. São Paulo: Atheneu, 1999; LEE, G. RICHARD, Hematologia clínica de wintrobe, editora Manole, 1998; WALLACH, JACQUES, Interpretação de Exames Laboratoriais, 7ª edição. Editora Guanabara Koogan,2003; OLIVEIRA, João Batista Alves, Exames Laboratoriais para o clinico, 1ª edição. Editora Guanabara

AUXILIAR DE ENFERMAGEM:

PROGRAMA: PROGRAMA: Noções de anatomia e fisiologia, Procedimentos técnicos, Administração de medicamentos, Ações de vigilância epidemiológica e Imunização, Atividades do auxiliar de enfermagem com doenças crônicas e transmissíveis, doenças sexualmente transmissíveis, Atuação do auxiliar de enfermagem em: Urgência e emergência, Clinicas médico e cirúrgico, Saúde da mulher, da criança, do adolescente, do adulto e do idoso, Rotina e funcionamento do centro de esterilização de materiais, Técnicas e preparo para esterilização, Lei do exercício profissional, Lei 8.080/90 de 19/09/1990 e 8.142/90 de 28/12/1990, Sistema único de Saúde, Programa de agentes comunitários de saúde, Programa saúde da família.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: BRASIL. Fundação Nacional de Saúde. Guia de Vigilância epidemiológica. 5 ed Brasília : FUNASA, 2002; BRASIL. Lei 8080/90. Lei nº 8142/90. Brasília: Diário Oficial da União, 1990; BRASIL. Ministério da Saúde. A implantação da unidade saúde da família. Caderno de atenção básica nº 1. Programa Saúde da Família. Brasília: Ministério da Saúde, 2002; BRASIL. Ministério da Saúde. Manual de procedimentos para vacinação. 4 ed. Brasília: Ministério da Saúde, 2001; CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM – COREN-ES. Ética, cuidado e enfermagem: código de ética e outras legislações da enfermagem. Vitória: COREN-ES, 1999; Kawamoto, Emilia Emi; Santos, Maria Cristina Honório dos; Mattos, Thalita Maia de. Enfermagem comunitária. São Paulo: EPU, 1995; Kawamoto, Emilia Emi; Fortes, Julia Ikeda. Fundamentos de enfermagem. São Paulo: EPU, 1986; Lima, Idelmira Lopes; et al. Manual do técnico e auxiliar de enfermagem. 6 ed. Goiânia: AB, 2000. 584 p; Mayor, Eliana Rodrigues Carlessi; Mendes, Edoília Maria Teixeira; Oliveira, Kátia Regina de. Manual de procedimentos e assistência de enfermagem. São Paulo: Editora Atheneu, 2003; Santos, Nívea Cristina Moreira. Assistência de enfermagem materno-infantil. São Paulo: Iátria, 2004; Santos, Nívea Cristina Moreira. Centro cirúrgico e os cuidados de enfermagem. São Paulo: Iátria, 2003; Santos, Nívea Cristina Moreira. Urgência e emergência para enfermagem. São Paulo: Iátria, 2003; Souza, Ana Lúcia Tales de Moura; Florio, Arelete; Kawamoto, Emilia Emi. O neonato, a criança e o adolescente. São Paulo: EPU, 2001.

DIGITADOR DE MICRO COMPUTADOR:

PROGRAMA: Conhecimentos básicos do Sistema Operacional Windows 98, 2000 e XP; Utilização dos Aplicativos: Word, Excel, Power Point.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS:GREG M. PERRY. Aprenda em 24 Horas Microsoft Office XP. Editora Campus; BATTISTI, G. Windows XP: Home e Professional para usuários e Administradores. Axcel Books.

ASSISTENTE ADIMINISTRATIVO I (SAAE):

PROGRAMA: Direito Administrativo: Administração pública, serviços público, atos administrativos. Contratos Administrativos: formalização, execução, inexecução, revisão, rescisão e publicação. Licitação: conceito, finalidade, princípios, definições, das obras e serviços, das compras, das alienações, das modalidades, limites e dispensas, da habilitação, do procedimento e julgamento. Dos convênios. Administração indireta. Bens públicos. Pregão, noções gerais. Direito Municipal: Município, sede, poderes, patrimônio, competência, intervenção na propriedade privada, administração municipal, formalização do ato administrativo, controle da administração, servidores públicos, Cargos, funções, classe, carreira, quadro, cargo de provimento efetivo, cargo em comissão, cargo de chefia, criação, transformação e extinção de cargos, provimento de cargos, direito do titular do cargo, normas constitucionais pertinentes aos servidores públicos, acumulação de cargos, empregos e funções públicas, estabilidade, regime previdênciário, deveres e direitos, remuneração, subsidio, vencimentos, vantagens pecuniárias, adicionais, gratificações, responsabilidades. Constitucional: princípios fundamentais, dos direitos e garantias fundamentais, dos direitos sociais, da nacionalidade, dos direitos políticos, da organização do estado, da administração pública, da organização dos poderes, do processo legislativo, da fiscalização contábil, financeira e orçamentária do poder executivo, do poder judiciário, da tributação e do orçamento. Noções básicas de Contabilidade Pública: Lei de diretrizes orçamentária, Lei orçamentária Anual. Receita: previsão e arrecadação, renuncia. Despesa: geração da despesa, obrigatória de caráter continuado, com pessoal, com a seguridade social, transferências voluntárias, restos a pagar, gestão patrimonial, empenhos, liquidações, aspectos financeiros, contábeis e orçamentários.

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: Maria Sylvia Zanella Di Pietro, Direito Administrativo, 19ª ed, Atlas, 2006; Jose Afonso da Silva, Curso de Direito Constitucional Positivo, 27ª Ed., Malheiros Editores, 2006; Petrônio Braz, Direito Municipal na Constituição. 6. ed. Leme; J.H. Mizuno, 2006; Constituição da República Federativa do Brasil de 1988; Lei Orgânica do Município de São Mateus; Estatuto dos Servidores Públicos do Município de São Mateus; Lei n° 8.666/93 - Institui normas para licitações e contratos da Administração Pública; Lei n° 10.520/02: Institui modalidade de licitação denominada pregão, para aquisição de bens e serviços comuns; Lei n° 4.320/64: Estatui Normas Gerais de Direito Financeiro para elaboração e controle dos orçamentos e balanços da União, dos Estados, dos Municípios e do Distrito Federal; Lei Compelmentar n° 101/2000: Estabelece normas de finanças públicas voltadas para a responsabilidade na gestão fiscal.

PROGRAMAS PARA ESTUDO

ENSINO SUPERIOR

CARGO: Médico Clínico Geral.

CONHECIMENTO ESPECÍFICO

 PROGRAMA: Epidemiologia, fisiopatologia, diagnóstico, clínica tratamento e prevenção das doenças: cardiovasculares: insuficiência cardíaca, insuficiência coronariana, arritmias cardíacas, tromboses venosas, hipertensão arterial, choque; pulmonares: insuficiência respiratória aguda e crônica, asma, doença pulmonar obstrutiva crônica, pneumonia, tuberculose, tromboembolismo pulmonar; sistema digestivo: neoplasias, gastrite e ulcera péptica, colecistopatias, diarréia aguda e crônica,pancreatites, hepatites, insuficiência hepática, parasitoses intestinais, doenças intestinais inflamatórias, doença diverticular de cólon; renais: insuficiência renal aguda e crônica, glomerulonefrites, distúrbios hidroeletrolíticos e do sistema ácido-base, nefrolitíase, infecções urinárias; metabólicas e sistema endócrinos: hipovitaminoses, desnutrição, diabetes mellitus, hipo e hipertiroidismo, doenças da hipófise e da adrenal; hematológicos: anemias hipocrônicas, macrocíticas e hemolíticas, anemia aplastica, leucopenia, púrpuras, distúrbios de coagulação, leucemias e linfomas, acidentes de transfusão; reumatológicas: orteoartrose, gota, lupus eritematoso sistêmico, artrite infecciosa, doenças do colágeno; neurológicas: coma, cefaléias, epilepsia, acidente vascular cerebral, meningites, neuropatias periféricas, encefalopatias; psiquiátricas: alcoolismo, abstinência alcoólica, surtos psicóticos, pânico, depressão; infecciosas e transmissíveis: sarampo, varicela, rubéola, poliomelite, difteria, tétano, coqueluche, raiva, febre tifóide, hanseníase, doenças sexualmente transmissíveis, AIDS, doença de chagas, esquistossomose, leischimaniose, malária, tracoma, estreptocócicas, estafilocócicas, doença meningocócica, infecção por anaeróbicos, toxoplasmose, viroses; dermatológicas :escabiose, pediculose, dermatofitose, eczema, dermatite de contato, onicomicose, infecção bacteriana; imunológicas: doença do soro, edema, urticária, anafiloxia; ginecológicas: doença inflamatória da pelve, leucorréias, intercorrência no ciclo gravídico puerperal; intoxicações exógenas: barbitúricos, entorpecentes. Conhecimento da legislação e normas clínicas que norteiam as transferências interhospitalares; Código de Ética Médica. Sistema Único de Saúde (SUS).

SUGESTÕES BIBLIOGRÁFICAS: Stephen Doral Stefani, Devino Barros e Colaboradores – Clínica Médica Consulta Rápida, 2ª Edição – Editora Artmed 2004; Enio Roberto Pietra Pedroso, Reinaldo Gomes de Oliveira - Black Book Medicamentos e Rotinas Médicas - Editora Black Book – 1ª Edição 2007; Harrison – Princípios de Medicina Interna – Editora Guanabara.

São Mateus – ES - 02 de fevereiro de 2007.

LAURIANO MARCO ZANCANELA
Prefeito Municipal

REALIZAÇÃO:

FOKUS PESQUISA E SERVIÇOS LTDA.

Fone: (27) 3371-1303

www.fokusserv.com.br

fokuservicos@uol.com.br

81104

Política de Privacidade 2000-2014 PCI Concursos Telefone (11) 2122-4231