CODERG - SAMU - SP

CONDERG - CONSÓRCIO DE DESENVOLVIMENTO DA REGIÃO DE GOVERNO DE SÃO JOÃO DA BOA VISTA

EDITAL DE PROCESSO SELETIVO 01/2012

Notícia:   Coderg de São João da Boa Vista - SP abre vagas para o Samu

CONDERG - CONSÓRCIO DE DESENVOLVIMENTO DA REGIÃO DE GOVERNO DE SÃO JOÃO DA BOA VISTA - SAMU - SERVIÇO DE ATENDIMENTO MÓVEL DE URGÊNCIA - CADASTRO RESERVA.

O CONDERG - CONSÓRCIO DE DESENVOLVIMENTO DA REGIÃO DE GOVERNO DE SÃO JOÃO DA BOA VISTA torna público o presente processo seletivo para contratação de pessoal para gestão do Convênio SAMU- Serviço de Atendimento Móvel de Urgência.

1. DOS ESCLARECIMENTOS INICIAIS DOS EMPREGOS OBJETO DO CADASTRO RESERVA

Estão disponíveis neste Processo Seletivo para cadastro reserva os empregos relacionados no Anexo 1 da presente, cujo regime jurídico de contratação é o previsto na Consolidação das Leis do Trabalho.

O objeto do Processo Seletivo é a formação de cadastro reserva para preenchimento de empregos de acordo com a necessidade do CONDERG na gestão do Convênio SAMU - Serviço de Atendimento Móvel de Urgência.

A descrição dos empregos poderá ser obtida através do e-mail: contato@condergsamu.com.br.

2. DAS INSCRIÇÕES

As inscrições serão realizadas no período de 03.02.2012 a 16.02.2012 até às 16 horas, junto ao site www.condergsamu.com.br, denominado neste edital como "site do processo seletivo"

São condições básicas para a inscrição:

a) observar os requisitos previstos para a contratação; e

b) acatar, na íntegra, as normas deste Edital, ao efetuar a inscrição.

A inscrição será de inteira responsabilidade do candidato que é responsável por erros de preenchimento.

O valor das inscrições é o seguinte:

Nível de Ensino Fundamental Completo

R$ 30,00

Nível de Ensino Médio/Técnico Completo

R$ 40,00

Nível de Ensino Superior Completo

R$ 50,00

2.1. Das inscrições dos candidatos portadores de necessidade especial.

Aos candidatos portadores de necessidade especial é assegurada a reserva de vaga, no percentual de cinco por cento (5%), dos empregos relacionados no Anexo 1 deste edital.

O candidato portador de necessidade especial, deverá declarar-se "portador de necessidade especial" no momento da inscrição, assinalando na ficha de inscrição se necessita de condições especiais para a realização da prova, e, até o término do período de inscrições, protocolizar os documentos que seguem no endereço indicado no item 11, nos termos do requerimento constante no Anexo 3, do presente.

Não será aceita inscrição de candidato portador de necessidade especial desacompanhada dos documentos indicados neste edital e sem protocolo do requerimento, cujo modelo segue no Anexo 3, devidamente protocolizado.

Relação de documentos:

a) laudo médico que indique a espécie e o grau de deficiência, com expressa referência ao código correspondente à Classificação Internacional de Doenças - CID; e,

b) declaração de que as atribuições do emprego são compatíveis com a deficiência de que é portador.

3. DOS PROCEDIMENTOS NO ATO DA INSCRIÇÃO

Antes de efetuar o recolhimento da taxa de inscrição, o candidato deverá:

a) certificar-se da possibilidade de ocupação do emprego; e,

b) optar por um único emprego.

Para a realização da inscrição, o candidato deverá acessar o site www.condergsamu.com.br, preencher a ficha de inscrição, imprimir o boleto bancário e efetuar o pagamento da taxa em qualquer Agência Bancária, até o dia 16.02.2012 às 16 horas.

O CONDERG, em hipótese nenhuma, processará qualquer registro de pagamento com data posterior ao dia 16.02.2012 até às 16 horas.

Só serão aceitas inscrições realizadas na forma deste edital acompanhada do pagamento do boleto bancário.

O não pagamento da taxa de inscrição implica a não efetivação da inscrição do interessado.

As inscrições pagas com cheques ou agendamento bancário, sem a devida provisão de fundos, serão automaticamente canceladas.

Em 20.02.2012 às 19 horas, será divulgada lista com o nome dos inscritos, aptos a realizar o Processo Seletivo.

O candidato deverá verificar se sua inscrição foi efetivada, sendo que, em caso negativo, até 23.02.2012, deverá acessar o site do processo seletivo, em campo próprio, e interpor recurso, solicitando que seja verificado o motivo de sua inscrição não ter sido confirmada.

A resposta ao recurso será disponibilizada ao recorrente por e-mail (no e-mail cadastrado no momento da inscrição) em até três (3) dias.

Somente poderão realizar a prova os candidatos com inscrição confirmada.

Não serão aceitas inscrições via postal, fax, condicionais e/ou extemporâneas. Somente serão aceitas as inscrições realizadas via internet, pelo site www.condergsamu.com.br.

Verificado, a qualquer tempo, o recebimento de inscrição que não atenda a todos os requisitos fixados neste Edital, ela será cancelada.

4. DA CONSTITUIÇÃO DAS PROVAS E DA CLASSIFICAÇÃO

O Processo Seletivo será constituído de uma Prova Objetiva, de caráter classificatório e eliminatório, valendo 10 pontos.

A prova objetiva terá 30 questões de múltipla escolha, cuja pontuação segue especificada por nível de ensino no quadro abaixo. Cada questão da prova objetiva terá quatro alternativas e apenas uma correta, dentre elas.

O conteúdo da prova objetiva, quantidade de questões e pontuação das perguntas é o seguinte:

Nível de Ensino Fundamental:

 

Quantidade de questões

Pontuação

Língua Portuguesa

5

0,2

Matemática

5

0,2

Conhecimentos Gerais

5

0,4

Conhecimentos Específicos

15

0,4

Nível de Ensino Médio:

 

Quantidade de questões

Pontuação

Língua Portuguesa

5

0,2

Matemática

5

0,2

Conhecimentos Gerais de Saúde

5

0,4

Conhecimentos Específicos

15

0,4

Nível de Ensino Superior:

 

Quantidade de questões

Pontuação

Ética

5

0,2

Conhecimentos Gerais

5

0,2

Conhecimentos Gerais de Saúde

10

0,4

Conhecimentos Específicos

10

0,4

O conteúdo programático das provas objetivas constam no Anexo 2.

Será classificado para o cadastro reserva o candidato que acertar pelo menos metade das questões da prova objetiva. A classificação será por emprego da maior nota para a menor nota.

A escolha da localidade para ocupação do emprego se dará na forma deste edital e quando da convocação para lotação do emprego. No momento da lotação, o candidato deverá escolher a vaga de acordo com as disponíveis.

O gabarito da prova objetiva será divulgado às 19 horas do dia da realização das provas.

5. DA REALIZAÇÃO DAS PROVAS

5.1. Da data, hora e locais das provas.

As datas, horas e locais das provas serão divulgadas no sita oficial do processo seletivo em 23.02.2012, por emprego, e publicadas em jornais de circulação local dos seguintes Municípios: Casa Branca, Espírito Santo do Pinhal, Mococa, Santa Cruz das Palmeiras, Santo Antõnio do Jardim, São José do Rio Pardo, Tambaú, Vargem Grande do Sul e São João da Boa Vista.

As provas objetivas serão realizadas nos seguintes Municípios: Casa Branca, Espírito Santo do Pinhal, Mococa, Santa Cruz das Palmeiras, Santo Antõnio do Jardim, São José do Rio Pardo, Tambaú, Vargem Grande do Sul e São João da Boa Vista.

Poderá haver prova em apenas um Município dos acima relacionados ou em todos eles. O local das provas depende do número de inscritos do Processo Seletivo.

5.2. Das exigências do Processo Seletivo para o dia da prova objetiva.

No dia da realização da prova haverá lista dos candidatos em ordem alfabética e por emprego, em lugar de fácil visualização, com identificação da sala de aula onde o candidato irá realizar a prova.

Os candidatos deverão apresentar, no dia da realização da prova, documento de identidade original, com foto, e caneta esferográfica de tinta preta ou azul.

O candidato que não apresentar documento de identidade original não poderá fazer a prova e será automaticamente eliminado do Processo Seletivo.

Caso o candidato esteja impossibilitado de apresentar o documento de identidade por motivo de perda, roubo ou furto, deverá ser apresentado documento que ateste o registro da ocorrência em órgão policial, expedido há, no máximo, noventa (90) dias, sendo o fato registrado na ata da respectiva sala de prova pelo fiscal de sala, juntamente com outro documento com foto e filiação.

O ingresso na sala de provas só será permitido se o nome constar na relação de candidatos. O documento de identidade deverá estar em perfeitas condições, de forma a permitir, com clareza, a identificação do candidato e deverá conter, obrigatoriamente, filiação, fotografia e data de nascimento.

As provas serão sem consulta e não poderão ser utilizados aparelhos eletrônicos (BIP, telefone celular, walkman, receptor, gravador, agenda eletrônica, notebook, etc.), sob pena de o candidato ser eliminado da seleção.

O candidato deverá apresentar-se no local de realização das provas com, no mínimo, trinta (30) minutos de antecedência, e aguardar a abertura dos portões de acesso. Em nenhuma hipótese, será permitida a entrada de candidato após o fechamento dos portões.

A duração da Prova Objetiva será de quatro (4) horas, incluindo o tempo para o preenchimento do cartão-resposta.

No dia da prova, por motivo de segurança, o candidato só poderá se retirar da sala depois de decorrida uma hora (1h) do início da mesma e não poderá levar consigo o caderno de provas, apenas o rascunho do cartão-resposta, sob pena de ser desclassificado da seleção.

Ao final, deverão permanecer em classe pelo menos 3 (três) candidatos até que todos possam entregar as provas.

Não será permitido o ingresso ou a permanência de pessoas estranhas ao processo seletivo nos prédios de aplicação das provas.

6. DOS RESULTADOS

Serão divulgadas listagens, com número de inscrição e desempenho dos candidatos na Prova Objetiva, por emprego, nas datas previstas nos cronogramas que serão posteriormente divulgados no site oficial do processo seletivo.

Havendo empate no Processo Seletivo, terá preferência, sucessivamente, o candidato que:

a) tiver a maior idade, considerando-se dia, mês e ano da data de nascimento; e,

b) obtiver maior pontuação nas questões de Conhecimentos Específicos do emprego objetivado.

Persistindo o empate será realizado sorteio.

O gabarito da Prova Objetiva será divulgado no dia da realização da prova a partir das 19 horas, no site oficial do processo seletivo.

O candidato que tiver interesse na interposição de recurso com relação a questões da prova objetiva deverá fazê-lo no prazo de dois dias a contar da data da realização da prova.

Os recursos serão interpostos através do site do processo seletivo em campo específico. A resposta dos recursos será feita através de e-mail cadastrado pelo candidato no momento da inscrição.

Em caso de haver questões que venham a ser anuladas, as mesmas serão consideradas como respondidas corretamente por todos os candidatos, independente de terem recorrido ou não. Se houver alguma alteração de gabarito oficial, por força de impugnações, as provas serão corrigidas de acordo com a alteração.

7. DA DIVULGAÇÃO DOS RESULTADOS

A listagem dos candidatos aprovados e classificados será feita no site oficial do processo seletivo, por emprego.

Os candidatos portadores de necessidade especial, caso habilitados, terão seus nomes publicados em lista própria e, também, constarão da listagem de classificação geral por emprego.

8. DO PRAZO DE VALIDADE

O Processo Seletivo será válido por 2 (dois) anos a contar da data de sua homologação, podendo ser prorrogado por uma única vez.

9. DA CONTRATAÇÃO

Para ser contratado, o candidato deverá atender aos seguintes requisitos:

a) ser brasileiro nato ou naturalizado ou, ainda, no caso de nacionalidade portuguesa, estar amparado pelo parágrafo 1° do artigo 12, da Constituição Federal;

b) apresentar original e cópia da Cédula de Identidade, Carteira de Trabalho e Previdência Social, comprovante de inscrição no PIS/PASEP, se possuir, Cadastro de Pessoa Física (CPF) e Certidão de Nascimento, se solteiro, ou de Casamento, se casado;

c) apresentar duas fotografias 3x4, de frente, iguais, coloridas e recentes;

d) estar quite com as obrigações militares e eleitorais;

e) possuir o nível de escolaridade e demais requisitos exigidos para o emprego, conforme Anexo 1, até a data da contratação;

f) ter a idade mínima de 18 anos completos, até a data da contratação;

g) possuir aptidão física e mental para o emprego pretendido, através de avaliação clínica médico ocupacional e laboratorial realizada pelo CONDERG, no momento da contratação, sendo a rotina básica complementada por exames clínicos e/ou laboratoriais especializados, sempre que necessários. No caso de candidato que concorrer ao emprego como portador de deficiência, se não tiver confirmada a sua situação pelo Serviço Pericial do CONDERG, no momento da contratação, permanecerá na classificação geral, concorrendo com os demais candidatos não portadores de deficiência.

h) possuir registro no Conselho de Classe correspondente, quando couber, e estar com a anuidade em dia;

i) não ter sofrido, no exercício profissional ou de qualquer cargo ou função pública ou privada, penalidade disciplinar por prática de atos desabonadores ou condenação por crime ou contravenção.

Observada a necessidade de contratação, o CONDERG procederá, dentro do prazo de validade do processo de seleção, à contratação mediante a assinatura de Contrato Individual de Trabalho que se regerá pelos preceitos da Consolidação das Leis do Trabalho (CLT).

O provimento dos empregos obedecerá, rigorosamente, a ordem de classificação final dos candidatos.

A classificação e aprovação do candidato não assegurará o direito à sua contratação automática no emprego para o qual se habilitou.

A contratação do candidato no emprego fica condicionada à apresentação de todos os documentos relacionados neste edital.

O candidato a ser contratado será avisado através de correspondência, enviada para o endereço indicado em sua ficha de inscrição.

O CONDERG não se responsabiliza por eventuais prejuízos aos candidatos decorrentes de:

a) endereço não atualizado;

b) endereço de difícil acesso;

c) correspondência devolvida pela EBCT por razões diversas de fornecimento e/ou endereço errado do candidato;

d) correspondência recebida por terceiros.

Na eventualidade de mudança de endereço, o candidato deve comunicar, por escrito, ao CONDERG, no endereço constante do item 11.

10. DA CARGA HORÁRIA DE TRABALHO

As cargas horárias dos empregos objetivados constam especificadas no Anexo 1 do presente.

11. DO ENDEREÇO PARA PROTOCOLO DE DOCUMENTOS

Os documentos referentes aos portadores de necessidades especiais assim como os outros mencionados no conteúdo deste edital, devidamente acompanhados de requerimentos, deverão ser protocolizados no seguinte endereço:

CONDERG - HOSPITAL REGIONAL DE DIVINOLÂNDIA
Rua Leonor Mendes de Barros, 626, Centro, Divinolândia (SP).

12. DOS ENDEREÇOS VIRTUAIS

O CONDERG fará divulgar, sempre que necessário, normas complementares e avisos especiais acerca do Processo Seletivo no site oficial do processo seletivo: www.conderasamu.com.br, que será o instrumento de contato com os candidatos.

Comunicação, informação e recursos deverão ser encaminhados para o e-mail oficial do processo seletivo:contato@conderasamu.com.br.

Não serão aceitos fax, correio, sedex ou protocolo físico de recursos.

13. DISPOSIÇÕES FINAIS

Será excluído do Processo Seletivo o candidato que:

a) fizer, em qualquer documento, declaração falsa ou inexata;

b) tiver atitude incorreta ou descortês com os examinadores, executores, auxiliares ou autoridades presentes durante a realização da prova;

c) for, durante a realização da prova, surpreendido em comunicação com outro candidato;

d) verbalmente, por escrito ou por qualquer outra forma, bem como aquele que utilizar livros, notas, impressos e/ou materiais não determinados; e

e) não apresentar documento de identidade, no dia da realização da prova objetiva.

A correta observância das normas contidas neste edital, pelo candidato, também faz parte do processo de seleção, sendo de inteira responsabilidade do mesmo acompanhar a divulgação de todos os atos, editais e comunicados referentes a esta seleção, disponibilizados no site oficial do processo seletivo.

As contratações serão efetivadas conforme disponibilidade orçamentária.

Os empregos disponibilizados não são empregos públicos, por falta de preenchimento dos requisitos legais, trata-se de vagas disponíveis para a execução dos Convênios geridos pelo CONDERG e ações de interesse da instituição regional.

Os casos omissos ou não previstos neste Edital serão decididos pela Comissão do Processo Seletivo e serão divulgados no site oficial.

14. DOS ANEXOS

Integram o presente edital os seguintes anexos:

Anexo 1 - Relação de Empregos Disponíveis para o SAMU;

Anexo 2 - Conteúdo Programático;

Anexo 3 - Modelo de Requerimento Portador de Necessidade Especial;

Divinolândia, 03 de fevereiro de 2012.

Eliana N.Z.Merli Giantomassi
Coordenadora do CONDERG

Anexo 1

a) Dos Empregos, da Carga Horária e Localidade de Lotação

Emprego

Localidade/Lotação

Requisitos/Nível de Ensino

Vagas

Vencimento

Carga horária

Condutor Socorrista

São João da Boa Vista

- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria D

Cadastro Reserva

R$ 1.200,00

Em regime de plantão de 12h/36h

Condutor Socorrista

São José do Rio Pardo

- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria D

Cadastro Reserva

R$ 1.200,00

Em regime de plantão de 12h/36h

Condutor Socorrista

Santa Cruz das Palmeiras

- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria D

Cadastro Reserva

R$ 1.200,00

Em regime de plantão de 12h/36h

Condutor Socorrista

Mococa

- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria D

Cadastro Reserva

R$ 1.200,00

Em regime de plantão de 12h/36h

Condutor Socorrista

Casa Branca

- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria D

Cadastro Reserva

R$ 1.200,00

Em regime de plantão de 12h/36h

Condutor Socorrista

Espírito Santo do Pinhal

- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria D

Cadastro Reserva

R$ 1.200,00

Em regime de plantão de 12h/36h

Condutor Socorrista

Tambaú

- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria D

Cadastro Reserva

R$ 1.200,00

Em regime de plantão de 12h/36h

Condutor Socorrista

Vargem Grande do Sul

- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria D

Cadastro Reserva

R$ 1.200,00

Em regime de plantão de 12h/36h

Condutor SocorristaSanto Antõnio Jardim- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria DCadastro ReservaR$ 1.200,00Em regime de plantão de 12h/36h
Condutor Socorrista para Educação PermanenteSão João da Boa Vista- Ensino Fundamental Completo - CNH categoria DCadastro ReservaR$ 1.500,0040 horas/semanais em regime de 08h/diárias
Enfermeiro IntervencionistaSão João da Boa VistaProfissional com nível Superior Completo, titular do diploma de Enfermeiro, devidamente registrado no COREN-SP, habilitado para ações de Enfermagem.Cadastro ReservaR$ 3.000,00Regime de plantão de 24h/72h
Enfermeiro IntervencionistaSão José do Rio PardoProfissional com nível Superior Completo, titular do diploma de Enfermeiro, devidamente registrado no COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 3.000,00Regime de plantão de 24h/72h
Enfermeiro IntervencionistaSanta Cruz das PalmeirasProfissional com nível Superior Completo, titular do diploma de Enfermeiro, devidamente registrado no COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 3.000,00Regime de plantão de 24h/72h
Enfermeiro para Educação PermanenteSão João da Boa VistaProfissional com nível Superior Completo, titular do diploma de Enfermeiro, devidamente registrado no COREN-SP, habilitado para ações de Enfermagem.Cadastro ReservaR$ 4.000,0040 horas/semanais em regime de 08h/diárias
Médico ReguladorSão João da Boa VistaProfissional com nível SuperiorCadastroR$ 6.000,00Regime de plantão de
Intervencionista em Urgência/ Emergência Completo, titular do diploma de Médico, devidamente registrado no CRM-SP, habilitado para o exercício da MedicinaReservaR$ 6.000,0024h/Semanal
Médico Regulador Intervencionista em Urgência/ EmergênciaSão José do Rio PardoProfissional com nível Superior Completo, titular do diploma de Médico, devidamente registrado no CRM-SP, habilitado para o exercício da MedicinaCadastro ReservaR$ 6.000,00Regime de plantão de 24h/Semanal
Médico Regulador Intervencionista em Urgência/ EmergênciaSanta Cruz das PalmeirasProfissional com nível Superior Completo, titular do diploma de Médico, devidamente registrado no CRM-SP, habilitado para o exercício da MedicinaCadastro ReservaR$ 6.000,00Regime de plantão de 24h/Semanal
Técnico de EnfermagemSão João da Boa VistaProfissional com nível Médio e curso regular de Técnico de Enfermagem, ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.200,00Regime de plantão de 24h/72h
Técnico de EnfermagemSão José do Rio PardoProfissional com nível Médio Completo e curso regular de Técnico de Enfermagem, ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.200,00Regime de plantão de 24h/72h
Técnico de EnfermagemSanta Cruz das PalmeirasProfissional com nível Médio e curso regular de Técnico de Enfermagem ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.200,00Regime de plantão de 24h/72h
Técnico de Enfermagem.MococaProfissional com nível Médio e curso regular de Técnico de Enfermagem, ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.200,00Regime de plantão de 24h/72h
Técnico de EnfermagemCasa BrancaProfissional com nível Médio e curso regular de Técnico de Enfermagem, ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.200,00Regime de plantão de 24h/72h
Técnico de EnfermagemEspírito Santo do PinhalProfissional com nível Médio e curso regular de Técnico de Enfermagem, ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.200,00Regime de plantão de 24h/72h
Técnico de Enfermagem.TambaúProfissional com nível Médio e curso regular de Técnico de Enfermagem, ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.200,00Regime de plantão de 24h/72h
Técnico de EnfermagemVargem Grande do SulProfissional com nível Médio e curso regular de Técnico de Enfermagem, ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.200,00Regime de plantão de 24h/72h
Técnico de EnfermagemSanto Antõnio JardimProfissional com nível Médio e curso regular de Técnico de Enfermagem, ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.200,00Regime de plantão de 24h/72h
Técnico Enfermagem para Educação PermanenteSão João da Boa VistaProfissional com nível Médio e curso regular de Técnico de Enfermagem, ambos completos, devidamente registrado no Conselho de Classe, COREN-SP, habilitado para ações de EnfermagemCadastro ReservaR$ 1.500,0040 horas/semanais em regime de 08h/diárias
TARM (Técnico Auxiliar de

Regulação Medica) - Telefonista

São João da Boa VistaProfissional com nível Médio Completo, habilitado a prestar atendimento telefônicoCadastro ReservaR$ 1.000,00Em regime de plantão Período: matutino, vespertino e noturno
Rádio OperadorSão João da Boa VistaProfissional com nível Médio Completo, habilitado a operar sistemas de Radio

Comunicação.

Cadastro ReservaR$ 1.200,00Em regime de plantão de 12h/36h
Serviços Gerais de LimpezaSão João da Boa VistaProfissional com nível Fundamental Completo, com experiência em serviços de limpezaCadastro ReservaR$ 800,0040 horas/semanais em regime de 08h/diárias
Serviços Gerais de LimpezaSão José do Rio PardoProfissional com nível Médio Completo, com experiência em serviços de limpezaCadastro ReservaR$ 800,0040 horas/semanais em regime de 08h/diárias
Serviços Gerais de LimpezaSanta Cruz das PalmeirasProfissional com nível Fundamental Completo, com experiência em serviços de limpezaCadastro ReservaR$ 800,0040 horas/semanais em regime de 08h/diárias
Auxiliar AdministrativoSão João da Boa VistaProfissional com nível Médio Completo, com experiência em serviços administrativos com experiência de informática, recursos humanos e compras.Cadastro ReservaR$ 1.000,0040 horas/semanais em regime de 08h/diárias
FarmacêuticoSão João da Boa VistaProfissional com nível Superior Completo, titular do diploma de farmacêutico, devidamente registrado no CRF-SP, habilitado para ações de farmáciaCadastro ReservaR$ 1.200,0010 h/semanais em regime de 02h/diárias
Técnico em ComputaçãoSão João da Boa VistaProfissional com nível Técnico Completo, habilitado para ações em DigitaçãoCadastro ReservaR$ 1.200,0040 horas/semanais em regime de 08h/diárias

Anexo 2

Conteúdo Programático das Provas Nível de Ensino Fundamental

Condutor Socorrista

Português: Interpretação de texto; singular e plural; concordância verbal e nominal; conjugação verbal; vozes do verbo, sujeito; oração e orações subordinadas; pontuação; acentuação; ortografia; homônimos, sinônimos e antônimos.

Matemática: Teoria dos conjuntos; números inteiros e frações; regra de três; razão e proporção; porcentagem e juros; equações e sistema de equações do 1° grau; sistema métrico com medidas de comprimento, superfície e tempo; geometria elementar: forma, perímetro, área e volume; e solução de problemas de raciocínio lógico.

Conhecimentos Gerais: Noticias e Fatos ocorridos no Brasil e no mundo atualmente

Conhecimentos Específicos: Legislação e Sinalização de Trânsito. Normas gerais de circulação e conduta. Sinalização de Trânsito. Direção defensiva. Proteção ao Meio Ambiente. Cidadania.

 

Serviços Gerais

Português: Interpretação de texto; singular e plural; concordância verbal e nominal; conjugação verbal; vozes do verbo, sujeito; oração e orações subordinadas; pontuação; acentuação; ortografia; homônimos, sinônimos e antônimos.

Matemática: Teoria dos conjuntos; números inteiros e frações; regra de três; razão e proporção; porcentagem e juros; equações e sistema de equações do 1° grau; sistema métrico com medidas de comprimento, superfície e tempo; geometria elementar: forma, perímetro, área e volume; e solução de problemas de raciocínio lógico.

Conhecimentos Gerais: Noticias e Fatos ocorridos no Brasil e no mundo atualmente.

Conhecimentos Específicos: conceitos básicos e procedimentos pertinentes ao emprego pretendido.

Nível de Ensino Médio

Auxiliar Administrativo e Técnico em Computação

Português: Interpretação de texto. Pontuação; acentuação; ortografia; análise sintática, classe das palavras; concordância verba e nominal; pronomes; advérbios; conjugação adverbial; e elementos da linguagem.

Matemática: MMC e MDC; porcentagem e juros, equações de 1° e 2° graus; geometria plana e teoremas; solução de problemas de raciocínio lógico. 5 perguntas.

Conhecimentos Gerais de Saúde: Lei n° 8.080/90, de 19/9/1990; Portaria n° 2048/GM do Ministério da Saúde, de 05/11/2002; Portaria n° 1863/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003 e Portaria n° 1864/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003.

Conhecimentos Específicos: Sistema Operacional Microsoft Windows: características e ambiente de trabalho; Windows Explorer; Microsoft Office: Word, Excel

 

Rádio Operador e Técnico Auxiliar de Regulação Médica Telefonista

Português: Interpretação de texto. Pontuação; acentuação; ortografia; análise sintática, classe das palavras; concordância verba e nominal; pronomes; advérbios; conjugação adverbial; e elementos da linguagem.

Matemática: MMC e MDC; porcentagem e juros, equações de 1° e 2° graus; geometria plana e teoremas; solução de problemas de raciocínio lógico. 5 perguntas.

Conhecimentos Gerais de Saúde: Lei n° 8.080/90, de 19/9/1990; Portaria n° 2048/GM do Ministério da Saúde, de 05/11/2002; Portaria n° 1863/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003 e Portaria n° 1864/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003.

Conhecimentos Específicos:Relações humanas: conceito, importância, problemas que envolvem as relações de trabalho; Relacionamento com colegas e superiores; Relações rotineiras de mando: comunicação de ordens; A voz e suas funções; Eficácia nas comunicações administrativas: elementos básicos no processo de comunicação, barreiras a comunicação, bloqueios e distorções; Pronúncia correta das palavras; Pronúncia de números telefônicos; Atendimento telefônico (princípios básicos); Fraseologia adequada para atendimento telefônico; Requisitos para pessoas que lidam com público; Comunicação escrita; Ética profissional; Meios de transmissão; Como utilizar corretamente o serviço; Procedimento de atendimento a uma chamada de emergência. Linguagem de radiocomunicação. Sistema Operacional Microsoft Windows: características e ambiente de trabalho; Windows Explorer; Microsoft Office: Word, Excel.

 

Técnico de Enfermagem

Português: Interpretação de texto. Pontuação; acentuação; ortografia; análise sintática, classe das palavras; concordância verba e nominal; pronomes; advérbios; conjugação adverbial; e elementos da linguagem.

Matemática: MMC e MDC; porcentagem e juros, equações de 1° e 2° graus; geometria plana e teoremas; solução de problemas de raciocínio lógico. 5 perguntas.

Conhecimentos Gerais de Saúde: Lei n° 8.080/90, de 19/9/1990; Portaria n° 2048/GM do Ministério da Saúde, de 05/11/2002; Portaria n° 1863/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003 e Portaria n° 1864/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003.

Conhecimentos Específicos:

Atendimento Pré-hospitalar de urgência em:

a) Cuidados de enfermagem em emergências cardiovasculares: parada cardíaca, choque hipovolêmico, síncope, isquemia, infarto do miocárdio, insuficiência cardíaca congestiva, hipertensão e arritmias.

b) Cuidados de enfermagem em emergências respiratórias: insuficiência respiratória aguda, obstrução das vias aéreas superiores, pneumotórax, embolia pulmonar, asma e doença pulmonar obstrutiva crônica.

c) Cuidados de enfermagem em emergências metabólicas: emergências diabéticas, desequilíbrios acidobásicos, insolação, hipotermia e desequilíbrios hidroeletrolíticos.

d) Cuidados de enfermagem em emergências ginecológicas e obstétricas: sangramento vaginal, gravidez, ectópica, sangramento no terceiro trimestre, doença hipertensiva da gravidez, violência sexual e parto de emergência.

e) Cuidados de enfermagem em emergências psiquiátricas: paciente suicida, paciente violento e paciente depressivo.

f) Cuidados de enfermagem em emergências pediátricas: crises convulsivas, crises asmáticas, obstrução das vias aéreas superiores e parada cardíaca.

g) Cuidados de enfermagem no trauma: traumatismo múltiplo, traumatismo craniano, lesão na coluna espinhal, traumatismo torácico, traumatismo intra-abdominal, queimaduras, ferimentos e afogamentos.

Nível de Ensino Superior

Enfermeiro Intervencionista e Enfermeiro para Educação Permanente

Ética: avaliação de conhecimentos ético do candidato. ( Código de Ética Profissional)

Conhecimentos Gerais: Noticias e Fatos ocorridos no Brasil e no mundo atualmente.

Conhecimentos Gerais de Saúde: Lei n° 8.080/90, de 19/9/1990; Portaria n° 2048/GM do

Ministério da Saúde, de 05/11/2002; Portaria n° 1863/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003 e Portaria n° 1864/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003.

Conhecimentos Específicos:

Atendimento pré-hospitalar de Urgência em:

a) Atendimento pré-hospitalar do politraumatizado: ABCDE do trauma, transporte do politraumatizado, cinemática, do trauma, epidemiologia do trauma, prevenção do trauma, resgate veicular.

b) Atendimento de urgência e emergência frente a distúrbios cardiovasculares, neurológicos, metabólicos, respiratórios, gineco-obstétricos, pediátricos, psiquiátricos.

c) Traumatismos não-intencionais, violência e suicídios.

d) Atendimento ao trauma de face e pescoço, cranioencefálico, de coluna, músculo-esquelético, torácico, abdominal, da pelve. Agentes físico-químicos e trauma.

e) Suportes básico e avançado de vida a adultos, crianças e gestantes.

Situações especiais de ressuscitação :hipotermia, afogamento, parada cardíaca associada ao trauma, choque elétrico e eletrocussão, emergências, cardiotoxicológicas.e,

f) Princípios gerais de biossegurança.

 

Médico Regulador Intervencionista em Urgência/emergência
Médico Regulador

Ética: avaliação de conhecimentos ético do candidato. ( Código de Ética Profissional)

Conhecimentos Gerais: Noticias e Fatos ocorridos no Brasil e no mundo atualmente.

Conhecimentos Gerais de Saúde: Lei n° 8.080/90, de 19/9/1990; Portaria n° 2048/GM do

Ministério da Saúde, de 05/11/2002; Portaria n° 1863/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003 e Portaria n° 1864/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003.

Conhecimentos Específicos:

Atendimento Pré-Hospitalar de Urgência em:

a) politraumatizados: traumatismos não-intencionais, violência e suicídio; trauma com múltiplas vítimas: triagem e prioridade de atendimento e transporte; primeiro atendimento: ABCDE do trauma; avaliação do coma;

b) choque hipovolêmico e ressuscitação hidroeletrolítica; manejo das vias aéreas no paciente politraumatizado;

c) traumas: torácico, abdominal, cranioencefálico, de coluna, músculo-esquelético, de face e pescoço e da pelve.

d) doenças cardiovasculares: sintomas mais comuns; insuficiência cardíaca; arritmias; cardiopatia isquêmica; hipertensão arterial sistêmica.

f) distúrbios ginecológicos e obstétricos: sangramento vaginal; gravidez ectópica; oença hipertensiva da gravidez; violência sexual; parto de emergência.

g) pediatria: acidentes; asma aguda; cetoacidose diabética; síndrome nefrítica; infecção urinária febril; distúrbios hidroeletrolíticos e ácido-básicos; meningites; crises convulsivas; dor abdominal aguda; urgências cardiológicas;choque; parada cardiorrespiratória básica; parada cardiorrespiratória avançada.

h) doenças psiquiátricas: depressão; ansiedade; dependências químicas.

i) distúrbios metabólicos: diabete mélito; distúrbios acido-básicos; doenças da tireóide.

j) doenças respiratórias: infecção respiratória; asma brõnquica; DBPOC; insuficiência respiratória; carcinoma, brõnquico; tuberculose.

 

Farmacêutico

Português: Interpretação de texto. Pontuação; acentuação; ortografia; análise sintática, classe das palavras; concordância verba e nominal; pronomes; advérbios; conjugação adverbial; e elementos da linguagem.

Matemática: MMC e MDC; porcentagem e juros, equações de 1° e 2° graus; geometria plana e teoremas; solução de problemas de raciocínio lógico. 5 perguntas.

Conhecimentos Gerais de Saúde: Lei n° 8.080/90, de 19/9/1990; Portaria n° 2048/GM do Ministério da Saúde, de 05/11/2002; Portaria n° 1863/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003 e Portaria n° 1864/GM do Ministério da Saúde, de 29/9/2003.

Anexo 3

REQUERIMENTO PARA PORTADOR DE NECESSIDADE ESPECIAL

Para: CONDERG - CONSÓRCIO DE DESENVOLVIMENTO DA REGIÃO DE GOVERNO DE SÃO JOÃO DA BOA VISTA

Nome: ________________________________________________________________________________

Documento de identidade: ________________ Candidato ao emprego de: ____________________________

Requerer:

( ) a reserva de vaga a portadores de necessidades especiais, e/ou

( ) o atendimento especial abaixo descrito, em virtude de ser portador de necessidade especial com designação e grau especificados no atestado médico em anexo.

Descrição do tipo de atendimento especial solicitado:
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________
_____________________________________________________________________________________

Relação de documentos apresentados:

( ) atestado médico

( ) outros (especificar)

Declaro estar ciente de que as informações que estou prestando são de minha inteira responsabilidade e de que, a qualquer momento do processo seletivo se averiguado fraude ou inverdade das informações prestadas, serei eliminado automaticamente do mesmo.

Data:_____ /____ /2012

_____________________________________
Assinatura do Requerente

Assinatura do responsável pelo recebimento:
____________________________________

Data:_____ /____ /2012

145017

Política de Privacidade 2000-2014 PCI Concursos Telefone (11) 2122-4231