Aulas de Português - Sufixos verbais

1.3.3.2 Sufixos verbais:

Na língua portuguesa há uma tendência em formar novos verbos: a maioria, quase absoluta, dos novos verbos pertence à 1ª conjugação.

Considera-se sufixo verbal o conjunto formada pelo sufixo mais a terminação verbal (vogal temática + desinência), como ocorre em -izar, do verbo computadorizar.

São sufixos verbais da 1ª conjugação:

  • -ear, -ejar (ação durativa [prolongada]; o processo se repete [iterativo] - indica transformação, mudança de estado = cabecear, verdejar, gotear, gotejar);
  • -cotar (ação durativa - qualidade, modo de ser, mudança de estado (factitivo) = amamentar, amolentar, ensangüentar);
  • -ficar, -fazer (ação durativa - modo de ser, mudança de estado (factitivo) = liquidificar, liquefazer, mumificar, retificar);
  • -icar, -iscar (o processo se repete [iterativo] - diminutivo = bebericar, mordiscar, chuviscar, adocicar);
  • -ilhar; -inhar (iterativo - diminutivo = dedilhar, cuspilhar, cuspinhar, patinhar);
  • -itar (iterativo - diminutivo = saltitar, dormitar);
  • -izar (ação que se prolonga [durativa] - factitivo = alfabetizar, fertilizar, catequizar, computadorizar).

São sufixos verbais da 2ª conjugação:

  • -ecer, -escer (início de um processo e seu desenvolvimento - mudança de estado, transformação = amanhecer, rejuvenescer, florescer, enaltecer, entardecer, ensandecer).
Política de Privacidade 2000-2014 PCI Concursos Telefone (11) 2122-4231